• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 114
  • 7
  • 7
  • 7
  • 7
  • 6
  • 6
  • 6
  • 6
  • 4
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 120
  • 120
  • 59
  • 55
  • 48
  • 47
  • 44
  • 26
  • 24
  • 22
  • 22
  • 20
  • 19
  • 18
  • 18
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Alianças estratégicas, vantagens competitivas e estratégias genéricas do segmento apícola cearense - estudo de caso nas empresas cearenses exportadoras de mel natural

Oliveira, Luciano Barros de 25 April 2007 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-29T23:18:32Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2007-04-25 / Since the decade of 1990 a considerable growth of the beekeeping from Ceará was observed, beginning in 2001 the first exports of natural honey to the external market. Although there had been a wide external demand, the local firms export honey bulkly, without own trade mark, by main foreign buyers imposition. The State of Ceará has favorable natural conditions for the production of organic honey, of great acceptance in the international market. In spite of the scenery to be favorable, the beekeeping activity from Ceará still faces other problems in Brazil, such as low technological level of beekeeping enterprises, lack of honey standardization, low co-ordinated action (synergy) level among agents, among others. This research aims to identify the main types of strategic alliances formed by natural honey exporter companies from Ceará, the generic strategies that better adapt to these companies, as well as to analyze the competitive advantages of the beekeeping segment from Ceará addressed to the commercialization of natural honey in the external market. The theoretical referencial is based on the scientific literature that approaches strategic alliances, competitive advantages and generic strategies, like Yoshino and Rangan (1996), Porter (1989) and Mintzberg et al. (2000), respectively. It was searched to infer, for the case of the interviewed companies, the existent correlation among the already mentioned theoretical referencial and the real competitive environment, to which the natural honey exporter companies belong. The research concluded: that the competitive advantages of the beekeeping segment from Ceará are formed basically by the favorable natural conditions for the production of organic honey, existent in the territory of the State of Ceará; that the companies from Ceará don't adopt satisfactoriry defined strategic alliances and that the more adequate generic strategies to the above mentioned companies would be differentiation and approach. / A partir da década de 90 observou-se um considerável crescimento da apicultura cearense, iniciando-se, em 2001, as primeiras exportações de mel natural para o mercado externo. Não obstante haver uma ampla demanda externa, as empresas locais que exportam esse produto o fazem sob a forma a granel, sem marca própria, por imposição de seus principais compradores estrangeiros. O Estado do Ceará possui condições naturais propícias para a produção de mel orgânico, de extrema aceitação no mercado internacional. Apesar do cenário ser favorável, o segmento apícola cearense ainda enfrenta problemas de ordem interna, tais como um baixo nível tecnológico dos empreendimentos apícolas, falta de padronização do produto, baixo nível de sinergia entre seus agentes produtivos, dentre outros. Esta pesquisa teve por objetivo identificar os principais tipos de alianças estratégicas formadas pelas empresas cearenses exportadoras de mel natural, quais as estratégias genéricas que melhor se adaptam a essas empresas, bem como analisar as vantagens competitivas do segmento apícola cearense, direcionados à comercialização de mel natural no mercado externo. O referencial teórico está baseado na literatura científica que trata sobre alianças estratégicas, vantagens competitivas e estratégias genéricas, a exemplo de Yoshino e Rangan (1996), Porter (1989) e Mintzberg et al. (2000), respectivamente. Buscou-se inferir, para o caso das empresas entrevistadas, a correlação existente entre o mencionado referencial teórico e o ambiente competitivo real, no qual se encontram as empresas cearenses exportadoras de mel natural. Conclui-se que: as vantagens competitivas do segmento apícola cearense são formadas basicamente pelas condições naturais favoráveis para a produção de mel orgânico, existentes no território do Estado do Ceará; as empresas cearenses não adotam alianças estratégicas satisfatoriamente definidas; as estratégias genéricas mais adequadas às mencionadas empresas seriam diferenciação e enfoque.
2

Determinantes do desempenho em joint ventures brasileiras / Graduated in Psychology from the Universidade de Federal Ceará (UFC). MBA in People Management from Fundação Getúlio Vargas (FGV) (Inglês)

Camelo, Lianna Silva 29 August 2017 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-30T00:16:56Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2017-08-29 / International Joint Ventures appear as an alternative to sharing costs and reducing risks to enter in globalized marketplace if compared with mergers and acquisitions. However, the plenty failure rates show that despite the lot of researches about this theme, there are some gaps that when explored could contribute to increase the success occurrence in this business. The general objective of this master¿s thesis is to identify the relevance of the Brazilian¿s IJV performance determinants in terms of organizational life cycle and evaluate how the cultural diversity determinant could contribute to increase the business results. To this end two papers were developed. In the first paper, the performance determinants relevance was investigated in terms of organizational life cycle, on the basis of this theme¿s specialists. In the second paper, it was developed the research about the cultural diversity determinant in terms of how this factor could be the raw material to increase the performance. The results show that the Joint Venture could priories actions involved to the efficient integration between the partner¿s resources, as well as, the customers and suppliers satisfaction and implement strategies to eliminate the competition action, since this is the most relevant determinants independent of the organizational life cycle. However, to this efficient integration happened, the Joint Venture needs to overcome the faced difficulties by the cultural diversity implementing management diversity strategies. Keywords: Joint Venture. Performance determinants. Cultural diversity. / Joint Ventures Internacionais caracterizam-se como uma alternativa de menor custo e risco para a inserção no mercado globalizado quando comparado com fusões e aquisições. Contudo, o grande índice de insucesso em alianças deste tipo mostra que apesar da ampla gama de pesquisas sobre o tema, ainda existem lacunas que quando exploradas podem contribuir para elevar a margem de sucesso neste tipo de negócio. A dissertação tem como objetivo geral identificar a relevância dos determinantes do desempenho de JVI fundadas no Brasil em função do seu ciclo de vida, avaliando como o determinante diversidade cultural pode alavancar resultados para a organização. Para isso foram desenvolvidos dois artigos. No artigo I foi investigada a relevância dos determinantes do desempenho em função do seu ciclo de vida com base na opinião de especialistas na área. No artigo II foi realizado um aprofundamento do determinante diversidade cultural a partir da investigação de como este fator por constituir-se em matéria-prima para a alavancagem do desempenho. Os resultados evidenciam a Joint Venture deve priorizar a estruturação de ações voltadas para a integração eficiente entre os recursos dos sócios, bem como a satisfação de clientes e fornecedores e estratégias para monitorar e mitigar as ações da concorrência, já que estes são os determinantes mais relevantes, independente do seu estágio no ciclo de vida organizacional. Contudo, para que esta integração eficiente ocorra, a JV precisa superar as dificuldades encontradas pela diversidade cultural implementando estratégias voltadas para garantir uma gestão eficiente dessa diversidade. Palavras-chave: Joint Venture. Determinantes de performance. Diversidade cultural.
3

Análise da atuação de alianças no processo de desenvolvimento local : um estudo de caso da aliamça MANDU na região norte do Piauí / ANALYSIS OF PERFORMANCE OF ALLIANCES IN PROCESS LOCAL DEVELOPMENT: A CASE STUDY OF THE ALLIANCE MANDU IN NORTHERN REGION PIAUÍ " (Inglês)

Moraes, Rosilene Gadelha 31 October 2011 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-29T23:33:42Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2011-10-31 / The present study examines the process of local development through the performance of alliances between institutions using a strategy of implementation of community projects. The formation of the Alliance Mandu characterized as a joint North Piauiense Movement for Sustainable Development was organized with the main objective to develop their projects in the community Labino, located in the city of Grand Island in northern Piaui. The research made an analysis of the implementation of the project to generate employment and income which aims to improve the quality of community life. It is believed that the participation of alliances in the process of community development has generated changes because their projects have provided opportunities territory with a social, environmental, cultural, employment and income and social justice for young people and youth groups in the region. The study identifies the characteristics and the formation of alliances and verifies the relationship between the institutions of the Alliance Mandu. Check the actions taken by organizations that led to a strengthening of the local scene with more opportunities. Methodologically the research is qualitative in nature, being a case study that examined a community from the implementation of actions taken by the Alliance Mandu, used in-depth interviews and semi-structured. To achieve the goal of the study was done interviews with four representatives from each institution of the alliance and project participants analyzed. The result of this work provides people, businesses and other institutions who are interested in participating in projects contributing to the development of communities, the importance of its partnerships and strengthen social management institutions for sustainable projects. It will also give insight into the impact that these coordinated actions have caused in the city from / O presente estudo analisa o processo de desenvolvimento local através da atuação de alianças entre instituições que utilizam como estratégia a implantação de projetos comunitários. A formação da Aliança MANDU caracterizada como um Movimento de Articulação Norte Piauiense para o Desenvolvimento Sustentável foi organizada com o objetivo de desenvolver seus projetos na região Norte do Piauí, sendo a comunidade Labino, localizada no município de Ilha Grande na região Norte do Piauí, escolhida como a área onde foi realizado o estudo. A pesquisa fez uma análise da implantação do projeto de Geração de Trabalho e renda para a melhoria da qualidade de vida da comunidade. Acredita-se que a participação das alianças no processo de desenvolvimento das comunidades tem gerado mudanças, pois seus projetos têm proporcionado um território com oportunidades sociais, ambientais, culturais, trabalho e renda e justiça social para os jovens e grupos de jovens da região. O estudo identifica as características e a formação de alianças e verifica a relação entre as instituições da Aliança MANDU. Verifica também as ações praticadas pelas organizações que proporcionaram o fortalecimento de um cenário local com mais oportunidades. Metodologicamente, a pesquisa é de natureza qualitativa, sendo um estudo de caso que analisou uma comunidade a partir da implantação de ações praticadas pela Aliança MANDU, e foram realizadas entrevistas em profundidade e semiestruturadas. Para se conseguir atingir o objetivo do estudo, foram realizadas entrevistas com os quatro representantes de cada instituição da aliança e com os participantes do projeto analisado. O resultado deste trabalho apresenta as pessoas, empresas e outras instituições que tenham interesse em contribuir na participação de projetos para o desenvolvimento de comunidades, a importância de suas parcerias e o fortalecimento da Gestão Social das instituições para a sustentabilidade dos projetos. Também apresenta uma percepção do impacto que essas ações coordenadas têm causado no município a partir da perspectiva dos entrevistados
4

Alianças e parcerias intersetoriais e a empregabilidade de jovens em situação de vulnerabilidade social

Almeida, Marcelo Coutinho de 27 June 2008 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-29T23:17:28Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2008-06-27 / This paper aims to assess the contributions of intersectorial alliances and partnership in the field of employability young people at a situation of the social vulnerability. The theoretical foundation is based on the studies of the creation and development of the concept of employability of Bridges and Minarelli, on the view of vulnerability of Adorno and Abramovay, on the studies of Aliança Capoava and on the evaluative models of alliances and partnerships from Austin. The companies and organizations studied participated in the First Employment Programme in the years of 2004, 2005 and 2006. The research method used was the qualitative and quantitative. The qualitative data were collected at the end of 2007 through semistructured interviews with the managers of the companies and coordinators of the social organizations. The quantitative data were taken from the insertion maps and the reports of the Agency for Network Inclusion of the Social Consortium of Youth and the Metropolitan Region of Fortaleza. The type of research was characterized as exploratory and field research that in the First Employment Program implement in the city of Fortaleza and Metropolitan Region in the years of 2004, 2005 and 2006, there was no consistent dynamic to encourage the construction and consolidation of intersectorial cooperation to favour labour inclusion low-income youngsters. This, the program pf the federal government has not responded to scale the problem of youth unemployment. / Este trabalho tem como objetivo avaliar as contribuições das alianças e parcerias intersetoriais no campo da empregabilidade de jovens em situação de vulnerabilidade social. A fundamentação teórica está embasada nos estudos do surgimento e desenvolvimento do conceito de empregabilidade de Bridges e Minarelli, na visão de vulnerabilidade de Adorno e Abramovay, nos estudos da Aliança Capoava e nos modelos avaliativos das alianças e parcerias de Austin. As empresas e organizações estudadas participaram do Programa Primeiro Emprego nos anos de 2004, 2005 e 2006. O método de pesquisa utilizado foi o qualitativo e quantitativo. Os dados qualitativos foram coletados no final do ano de 2007 por meio de entrevistas semi-estruturadas com os gestores das empresas e coordenadores das organizações sociais. Os dados quantitativos foram retirados dos mapas de inserção e relatórios da Agência de Inserção em Rede do Consórcio Social da Juventude e Região Metropolitana de Fortaleza. O tipo de pesquisa caracterizou-se como exploratória e pesquisa de campo. Conclui-se que não existiu no Programa Primeiro Emprego executado na cidade de Fortaleza e Região Metropolitana nos anos de 2004, 2005 e 2006 uma dinâmica consistente que incentivasse a construção e consolidação de cooperações intersetoriais que favorecessem a inclusão laboral de jovens de baixa renda, desde modo, o programa do governo federal não respondeu com amplitude o problema do desemprego juvenil.
5

Aliança estratégica em rede inversa : vantagem competitiva no ambiente de saúde

Farias, Geazi Alves de 10 August 2010 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-29T23:25:45Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2010-08-10 / A vivência profissional e empresarial tem demonstrado ser um celeiro absolutamente fértil à pesquisa, pois deles advém fenômenos observáveis e inéditos na solução de problemas dos mais variados campos do conhecimento. Mesmo existindo uma vasta literatura sobre os temas estratégia, rede e aliança estratégica, a cada instante uma organização desponta com uma nova visão, formato e/ou aplicação para aquilo que parecia entendido e findo. Dentre as inovações proclamadas, encontra a disputa pela formação de alianças estratégicas em rede onde as empresas disputam com empresas em blocos e não mais sozinhas. Uma dessas inovações foi o tema central deste estudo que consistiu em investigar se a formação de uma aliança estratégica formada a partir do fracionamento de uma empresa em tantas outras independentes, constituir-se-ía em uma rede estratégica válida. Para isso, procurou-se comprovar a real existência do fenômeno, seu grau de formação e se ocorreu vantagem competitiva na visão dos seus controladores. Como fonte de ambiente teórico, este estudo baseou-se em uma gama de sessenta autores distintos e não repetidos em seus conceitos, destacando Hamel e Prahalad, no campo da estratégia, Verschoose e Balestrin, no campo de rede estratégica, e Barney e Hesterly, Lorange e Roos e Yoshino e Rangan no campo da aliança estratégica. Aplicou-se no ambiente da saúde, envolvendo o hospital foco da pesquisa, clínicas, laboratórios, lavanderia etc. Como metodologia de pesquisa, utilizou-se a pesquisa qualitativa, descritiva, bibliográfica, documental e entrevistas não estruturadas como forma de estudo de caso, usando a técnica de análise do discurso como fonte de prospecção das intenções das falas dos chairmen das instituições pesquisadas. O trabalho desenvolvido culminou com a confirmação do fenômeno estudado, uma vez que o apresentado não conflitou com as teorias analisadas.
6

Alianças estratégicas como ferramenta do processo de internacionalização das maiores empresas exportadoras cearenses / STRATEGIC ALLIANCES AS A TOOL OF THE PROCESS OF INTERNATIONALIZATION OF THE LARGEST EXPORTING COMPANIES OF CEARÁ (Inglês)

Barreto, Josue Sucupira 21 December 2004 (has links)
Made available in DSpace on 2019-04-05T23:03:00Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2004-12-21 / We see an increase in the search for new markets with the increase of competitiveness and openness of trade barriers. The globalization of markets and the need for closer ties with them lead companies to act in international markets. This research is questioning the finding of the relationship with export companies in the state of Ceará between the processes of internationalization and use of strategic alliances. The analysis of this relationship is the main objective of this dissertation. For this we used the theories of internationalization, in which he studied the theoretical frameworks of the school of Uppsala and the I-model models of strategic networks. With respect to strategic alliances, we made a literature review which described several concepts and taxonomies. This research is characterized as exploratory and descriptive. Among the main results that the companies surveyed we use the tool as a facilitator of alliances to enter new markets and to minimize operating costs in these markets. The companies mostly are focused on the foreign markets and in some cases total production is destined for foreign markets. It was concluded that companies use the tool of strategic alliances in their process of internationalization with greater emphasis on commercial and research. Keywords: Strategic Alliances. Internationalisation Strategies. Strategic Networks. Internationalization Process. / Com o aumento da competitividade e abertura das fronteiras comerciais, vê-se um incremento na busca por novos mercados. A globalização dos mercados e a necessidade de maior aproximação com os mesmos, levam as empresas a atuarem em mercados internacionais. Esta pesquisa tem como questionamento a verificação da existência da relação, nas empresas exportadoras do estado do Ceará, entre os processos de internacionalização e a utilização das alianças estratégicas. A análise dessa relação é o principal objetivo desta dissertação. Para isto recorreu-se as teorias de internacionalização, nas quais se estudou os marcos teóricos da escola de Uppsala, o I-model e modelos das redes estratégicas. Com relação às alianças estratégicas foi feita uma revisão bibliográfica, na qual foram descritos vários conceitos e taxonomias. Esta pesquisa é caracterizada como exploratório-descritiva. Dentre os principais resultados destaca-se que as empresas pesquisadas, em sua maioria, utilizam-se da ferramenta das alianças como agente facilitador para entrada em novos mercados e, para minimizar custos de operação nestes mercados. As empresas, em sua maioria, são focadas para o mercado externo, chegando em alguns casos à produção total ser destinada ao mercado externo. Concluiu-se que as empresas utilizam-se da ferramenta das alianças estratégicas em seus processos de internacionalização, com maior ênfase na área comercial e de pesquisa. Palavras-chave: Alianças Estratégicas. Estratégias de Internacionalização. Redes Estratégicas. Processo de Internacionalização.
7

O Papel Integrador da Cadeia de valor em uma Aliança Estratégica Intersetorial entre a Empresa e Organização Não- Governamental Ambiental

Santos, Greyciane January 2009 (has links)
SANTOS,G.P.O Papel Integrador da Cadeia de valor em uma Aliança Estratégica Intersetorial entre Empresa e Organização Não-Governamental Ambiental. 2009 125f.Dissertação (Mestrado em logística e pesquisa operacional) - Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Gradação, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza,2009. / Submitted by Winne Gomes da Silva (winnegomez87@gmail.com) on 2012-05-23T18:16:30Z No. of bitstreams: 1 2009_dis_gpsantos.pdf: 1872953 bytes, checksum: 61009caf3b46cdc882bca8790e36f2bc (MD5) / Approved for entry into archive by Nirlange Queiroz(nirlange@gmail.com) on 2012-05-24T16:57:13Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_dis_gpsantos.pdf: 1872953 bytes, checksum: 61009caf3b46cdc882bca8790e36f2bc (MD5) / Made available in DSpace on 2012-05-24T16:57:13Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_dis_gpsantos.pdf: 1872953 bytes, checksum: 61009caf3b46cdc882bca8790e36f2bc (MD5) Previous issue date: 2009 / Advisor: Profª. Marisete Dantas Aquino, Pós D.Sc. Starting in 1997, and March as the Kyoto Protocol which addresses the issues relating to climate change, the world once again discuss the environment issue, which had been the focus of discussions in the Eco 92, Rio de Janeiro. These historical facts to sustainability worldwide leverage the creation of environmental NGOs in Brazil. To perform these activities need to capture their resources (financial, goods and services, voluntary work). This collection of resources takes place through alliances, partnerships, donations, sponsorship and collaboration of volunteers. The limitations of the Third Sector in alliances is to justify the importance of identifying the profile of environmental NGOs in Brazil and understanding of the relationship between the value chains of the enterprise and the NGOs. So the problem in scientific study is: What role integrating the value chain into a cross-sector strategic alliance between business and environmental NGOs? To solve the problem proposed science, the study is based on a general goal and four specific goals. It has as general objective: To analyze the role of integrating the value chain into a cross-sector strategic alliance between business and intersectoral environmental NGOs. And as specific objectives: to study the Third Sector as a modifier of a reality of social exclusion, the value of cross-sector strategic alliances between environmental NGOs and companies to the continuity of both; descriptive analysis, the scientific scope, the profile of the Brazilian Environmental NGOs may conclude that cross-sector strategic alliances, and assessing the role of integrating the value chain of businesses and environmental NGOs as a contribution to environmental sustainability through cross-sector strategic alliance. In methodological terms, the research uses the deductive method and the alternative method for inductive empirical finding of theoretical foundations. Uses the methods of monographic and systemic procedures. To work scientifically study the proposal in question is the precise use of concepts, definitions and constructs. The nature of this research is qualitative and quantitative, the data sources by means of literature and documentary, and those whose data are provided by people, survey the field. To demonstrate that the interactions between environmental NGOs and businesses that form the second section, depicting the importance of cross-sector strategic alliances for continuity of business and the environment / A partir de 1997, tendo como marco o Protocolo de Kyoto que trata sobre as questões referentes às mudanças climáticas, o mundo voltou a discutir o tema meio ambiente, que havia sido foco de debates na Eco 92, no Rio de Janeiro. Esses fatos históricos para a sustentabilidade mundial alavancaram a criação de ONGs Ambientais no Brasil. Essas, para executar as suas atividades, precisam captar recursos (financeiros, bens e serviços, trabalho voluntário). Essa captação de recursos dá-se através de alianças, parcerias, doações, patrocínios e colaboração dos voluntários. As limitações do Terceiro Setor nas alianças é que justificam a importância da identificação do perfil das ONGs Ambientais no Brasil e a compreensão da relação entre as cadeias de valor da empresa e da ONG. Portanto, o problema científico em estudo é: Qual o papel integrador da cadeia de valor em uma aliança estratégica intersetorial entre empresa e ONG ambiental? Para solucionar o problema científico proposto, o estudo está fundamentado em um objetivo geral e quatro objetivos específicos. Tem-se como objetivo geral: Analisar o papel integrador da cadeia de valor em uma aliança estratégica intersetorial entre empresa e ONG ambiental; e como objetivos específicos: estudar o Terceiro Setor como agente modificador de uma realidade de exclusão socioambiental; analisar a importância das alianças estratégicas intersetoriais entre ONGs Ambientais e empresas para a continuidade de ambas; analisar descritivamente, no âmbito científico, o perfil das ONGs Ambientais brasileiras que podem celebrar alianças estratégicas intersetoriais; e avaliar o papel integrador entre a cadeia de valor das empresas e das ONGs Ambientais como contribuição à sustentabilidade ambiental por meio de aliança estratégica intersetorial. Em termos metodológicos, a pesquisa utiliza o método dedutivo e, subsidiariamente, o método indutivo para constatação empírica dos fundamentos teóricos. Utiliza dos métodos de procedimentos monográfico e o sistêmico. Para se trabalhar cientificamente a problemática proposta no estudo é preciso o uso de conceitos, definições e constructos. Quanto à natureza da pesquisa esta é qualitativa e quantitativa, as fontes de dados por meio de pesquisa bibliográfica e documental, e aqueles cujos dados são fornecidos por pessoas e levantamento de campo. Para demonstrar que as interações entre as ONGs Ambientais e as empresas, que formam o segundo setor, retratam a importância das alianças estratégicas intersetoriais para a continuidade das empresas e preservação do meio ambiente.
8

Sistemática de apoio à formação de parcerias no segmento de micro e pequenos empreendimentos

Mattozo, Dirceu January 2004 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção / Made available in DSpace on 2012-10-21T10:03:26Z (GMT). No. of bitstreams: 1 224271.pdf: 217907 bytes, checksum: de821b43eb4dcda0417cfe015388a334 (MD5) / Esta dissertação trata de questões relacionadas com o processo de formação de parcerias - desde a idealização até a formulação como negócio, projeto ou iniciativa semelhante -, as quais constituem empreendimentos estruturados por empresários ou organizações interagentes que necessitam da ação compartilhada para a obtenção de alguma forma de intercomplementaridade. O objetivo deste trabalho é propor uma sistemática de suporte ao desenvolvimento do processo compartilhado envolvido na construção de uma parceria. Para estruturar a proposta foi efetuada uma pesquisa com empreendedores, gerentes e profissionais liberais, os quais forneceram subsídios para análise e formulação da "Sistemática de Apoio à Formação de Parcerias no Segmento de Micro e Pequenos Empreendimentos", auxiliando na elaboração dos termos referenciais de apoio aos empreendedores em iniciativas de caráter cooperativo para agregação mútua de valor. A sistemática proposta foi testada, aplicando-se os conceitos decorrentes da pesquisa, em três situações características do mundo de negócios para verificar a validade dos termos sugeridos. Observou-se que a proposta é plenamente aplicável ao contexto dos micro e pequenos empreendimentos, onde comumente proliferam as parcerias.
9

Medição de desempenho: uma proposta de sistema de avaliação de performance para redes horizontais de cooperação

Lenz, Geanderson Souza January 2007 (has links)
Made available in DSpace on 2013-08-07T18:41:09Z (GMT). No. of bitstreams: 1 000400392-Texto+Completo-0.pdf: 687331 bytes, checksum: 9ea7f6745d048e321b845103aa606261 (MD5) Previous issue date: 2007 / The constant increase of the competition and the rise of the levels of requirement of the consumers are making the organizations to take the adaptation process a constant. In this context, the small business enterprises possess disadvantages in function of its size, and the scarcity of resources. The possibilities of confrontation to these ambient difficulties they appear to the horizontal networks of cooperation. These are the union of two or more companies, whom by means of the cooperation they search to gain resulted which alone the same ones they would not obtain or they would have much difficulty to reach. Although the cooperation to be a viable tool for organizations, to know the concrete results of this union is excellent for the agreement of the possibilities and constant improvements in the interorganizacional relationship. Ahead of this, the present work had as objective to consider a system for evaluation of the performance of horizontal networks of cooperation. The proposal of the measurement system took in consideration integrated models of performance measurement for individual companies and productive arrangements. Its construction if based on the adaptation of perspectives and unfolding of strategies for the reality of the studied population. The method of the work was carried through by means of research of qualitative nature, with strategy of study of multiple cases and exploratory boarding. Four cases in distinct horizontal networks of cooperation of the region had been carried through metropolitan of Porto Alegre, in two distinct stages, one testing the variable considered on the networks and another phase considering the perceptions on the considered system of measurement. The results found in the first one had demonstrated the absence of mechanisms for measurement of the results of the cooperation between the companies. Also they had not been cited changeable different of the established ones previously. The results of the second phase had presented a favorable perception of the participants of the nets, having detached the insertion of the system in the context, the simplicity of build it and the interrelation of the perspectives for search of the results. The main implications of the work present its viability for the horizontal networks and expand the theoretical use of the horizontal relationships of cooperation, establishing connection with the thematic evaluation and performance measurement. / O aumento constante da concorrência e a elevação dos níveis de exigência dos consumidores estão fazendo as organizações tomarem o processo de adaptação uma constante. Nesse contexto, as micro e pequenas empresas possuem desvantagens em função do seu tamanho, e da escassez de recursos. Como possibilidades de enfrentamento a essas dificuldades ambientais surgem às redes horizontais de cooperação. Essas são a união de duas ou mais empresas, que por meio da cooperação buscam auferir resultados quê sozinhas as mesmas não conseguiriam ou teriam muita dificuldade de atingir. Apesar de a cooperação ser uma ferramenta viável para organizações, saber os resultados concretos dessa união é relevante para o entendimento das possibilidades e para melhorias constantes no relacionamento interorganizacional. Diante disto, o presente trabalho teve como objetivo propor um sistema para avaliação da performance de redes horizontais de cooperação. A proposição do sistema de mensuração levou em consideração modelos integrados de medição do desempenho para empresas individuais e arranjos produtivos. Sua construção se baseou na adaptação de perspectivas e desdobramento de estratégias para a realidade da população estudada. A operacionalização do trabalho foi realizada por meio de pesquisa de natureza qualitativa, com estratégia de estudo de casos múltiplos e abordagem exploratória. Foram realizados quatro casos em distintas redes horizontais de cooperação da região metropolitana de Porto Alegre, em duas etapas distintas, uma testando as variáveis consideradas sobre as redes e outra fase considerando as percepções sobre o sistema de medição proposto. Os resultados encontrados na primeira demonstraram a ausência de mecanismos para mensuração dos resultados da cooperação entre as empresas. Também não foram elencadas variáveis diferentes das estabelecidas previamente. Os resultados da segunda fase apresentaram uma percepção favorável dos participantes das redes, destacando a inserção do sistema no contexto, a simplicidade de operacionalização e a inter-relação das perspectivas para busca dos resultados. As principais implicações do trabalho apresentam a sua viabilidade para as redes horizontais e expande a utilização teórica dos relacionamentos horizontais de cooperação, interligando com a temática avaliação e mensuração do desempenho.
10

Análise exploratória da influência de alianças estratégicas no capital intelectual de empresas

Carvalho, Rodrigo Malheiros Gonçalves January 2005 (has links)
Made available in DSpace on 2009-11-18T19:01:26Z (GMT). No. of bitstreams: 1 RodrigoMCarvalho.pdf: 903898 bytes, checksum: 4d7980841c35e99abfc75229a345fe47 (MD5) Previous issue date: 2005 / This research verified the influence of strategic alliances on the generation of intangible assets in the Brazilian manufacturers. A field research targeted at the senior management of firm covering around 5% of the net sales of this economic segment in Brazil was developed. The aim of the field research was: i) to validate the hypothesis proposed in the theoretical framework that suggested the existence of a relationship between the development of strategic alliances and the development of competitive advantages to the allied firms, through the positive variation of these firms¿ intellectual capital or intangible assets; ii) to capture data for the development of an exploratory analysis of the subjacent characteristics of this relationship. This study is based on theoretical framework that contextualizes the current economic era - the so called information economy - unveils the existing taxonomy of intangible assets and strategic alliances, taking into account their importance to the competitiveness of modern organizations, and presents categorizations for intangibles and alliances, within the business realm. The results of this research showed that the development of strategic alliances is positively correlated to the increase of intangible assets of the companies studied. Furthermore, indications were found that innovation-based alliances are the ones that contribute more intensely to the development of intangible assets of the allies. Lastly, it was perceived that the more different kinds of alliances are developed simultaneously, the smaller the benefits in terms of intellectual capital generation. / Neste trabalho foi verificada a influência das alianças estratégicas na geração de ativos intangíveis em empresas da indústria de transformação brasileira. Uma pesquisa direcionada à alta gerência de empresas, com representatividade de cerca de 5% das vendas líquidas deste segmento econômico no país, foi realizada. Objetivou-se, com isso: i) validar a relação proposta a partir do referencial teórico entre o desenvolvimento de diferentes combinações de alianças estratégicas e a variação de ativos intangíveis que compõem o capital intelectual das firmas; ii) levantar dados para a realização de análise exploratória das características subjacentes a esta relação. O referencial teórico contextualiza a era econômica atual - a chamada economia da informação - faz um apanhado da taxonomia existente de ativos intangíveis e alianças estratégicas, abordando suas importâncias para a competitividade de organizações modernas, e apresenta categorizações dos diferentes tipos de intangíveis e alianças. Verificou-se que os ativos intangíveis das organizações pesquisadas foram influenciados positivamente pelas diferentes alianças desenvolvidas neste universo de estudo. Também foram encontrados indícios de que as alianças com finalidades de inovação são as que contribuem mais positivamente ao incremento dos intangíveis e que, quanto mais diversos os tipos de alianças desenvolvidas concomitantemente, menores os benefícios, embora existam, para o incremento do capital intelectual.

Page generated in 4.066 seconds