• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 17
  • Tagged with
  • 17
  • 17
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
11

Determinação da relação de novo biomarcador (IMP3) no carcinoma de nasofaringe /

Ferreira, Brena Luize Cunha. January 2015 (has links)
Orientador: Maria Aparecida Custódio Domingues / Coorientador: Vitor Nakajima / Banca: Maria Luiza Cotrim Sartor de Oliveira / Banca: Alexandre Todorovic Fabro / Banca: Abina Altemani / Resumo: Introdução:O Carcinoma de Nasofaringe(CNF) é uma neoplasia epitelial maligna agressiva, com principal incidência entre homens de 40-60 anos de idade, com distribuição geográfica e étnica variada. Está associado à infecção pelo Epstein- BarrVirus (EBV), e a presença deste nas células tumorais parece ter impacto no prognóstico. Porém, outros fatores que podem estar relacionados ao desfecho do CNF, têm sido pesquisados. O biomarcador IMP3, proteína de ligação ao mRNA que tem reconhecida função na ação das células tumorais, vem sendo analisado como um marcador factível correlacionado com a sobrevida global nos pacientes com câncer. Métodos: Para explorar a expressão do IMP3 nas amostras tumorais de pacientes com CNF vistos no Hospital das Clinicas da Faculdade de Medicina de Botucatu- UNESP, foram compilados 35 prontuários e documentados de acordo com as características morfológicas e tempo de sobrevida. A expressão imunohistoquímica foi mensurada e correlacionada com os diversos parâmetros clínicopatológicos. Conclusão: mostrou-se elevado índice de recidiva e morbimortalidade, com grande número de casos avançados ao diagnóstico, e potencial correlação de melhor prognóstico com a alta expressão do marcador analisado. Impacto: Um melhor entendimento do IMP3 comobiomarcador, proporcionando novas perspectivas no prognóstico do carcinoma de nasofaringe / Abstract: Background: The nasopharyngeal carcinoma (NPC) is an agressive malignant epithelial neoplasm, mainly prevalent among 40-60-year-old men, with varied geographic and ethnic distribution. It is associated with Epstein Barr Virus (EBV), whose presence in the tumor cell seems to impact the prognosis. However, other factors that may be related to NPC's clinical impact and have been studied. The IMP3 biomarker, a mRNA binding protein, which has a recognized role in the tumor cell formation, has been analized as a feasible marker correlated to the overall survival of cancerpatients. Given this evidence, the object of this research isanalyze possible correlation of this biomarker to the clinical out come of these patients. Methods: To explore the IMP3 expression in the CNF patients' tumor samples seen at the Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina in Botucatu- UNESP, were compiled 35 cases and documented in basis of their morphological features and status of life. The immunohistochemical expression was measured and correlated with the several clinic-pathologic parameters. Results: The analysis showed high rates of relapse and mortality, also a significant number of local advanced tumors at diagnosis, and potential correlation of better prognosis with the high expression of the biomarkeranalized. Impact: A betterunderstandingof IMP3 as a biomarker, providing new routesofprognosis in nasopharynx carcinoma / Mestre
12

Determinação da relação de novo biomarcador (IMP3) no carcinoma de nasofaringe

Ferreira, Brena Luize Cunha [UNESP] 28 August 2015 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-12-10T14:22:44Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2015-08-28. Added 1 bitstream(s) on 2015-12-10T14:28:56Z : No. of bitstreams: 1 000853894.pdf: 932709 bytes, checksum: 0fe73496b79c388c307c277adca72273 (MD5) / Introdução:O Carcinoma de Nasofaringe(CNF) é uma neoplasia epitelial maligna agressiva, com principal incidência entre homens de 40-60 anos de idade, com distribuição geográfica e étnica variada. Está associado à infecção pelo Epstein- BarrVirus (EBV), e a presença deste nas células tumorais parece ter impacto no prognóstico. Porém, outros fatores que podem estar relacionados ao desfecho do CNF, têm sido pesquisados. O biomarcador IMP3, proteína de ligação ao mRNA que tem reconhecida função na ação das células tumorais, vem sendo analisado como um marcador factível correlacionado com a sobrevida global nos pacientes com câncer. Métodos: Para explorar a expressão do IMP3 nas amostras tumorais de pacientes com CNF vistos no Hospital das Clinicas da Faculdade de Medicina de Botucatu- UNESP, foram compilados 35 prontuários e documentados de acordo com as características morfológicas e tempo de sobrevida. A expressão imunohistoquímica foi mensurada e correlacionada com os diversos parâmetros clínicopatológicos. Conclusão: mostrou-se elevado índice de recidiva e morbimortalidade, com grande número de casos avançados ao diagnóstico, e potencial correlação de melhor prognóstico com a alta expressão do marcador analisado. Impacto: Um melhor entendimento do IMP3 comobiomarcador, proporcionando novas perspectivas no prognóstico do carcinoma de nasofaringe / Background: The nasopharyngeal carcinoma (NPC) is an agressive malignant epithelial neoplasm, mainly prevalent among 40-60-year-old men, with varied geographic and ethnic distribution. It is associated with Epstein Barr Virus (EBV), whose presence in the tumor cell seems to impact the prognosis. However, other factors that may be related to NPC's clinical impact and have been studied. The IMP3 biomarker, a mRNA binding protein, which has a recognized role in the tumor cell formation, has been analized as a feasible marker correlated to the overall survival of cancerpatients. Given this evidence, the object of this research isanalyze possible correlation of this biomarker to the clinical out come of these patients. Methods: To explore the IMP3 expression in the CNF patients' tumor samples seen at the Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina in Botucatu- UNESP, were compiled 35 cases and documented in basis of their morphological features and status of life. The immunohistochemical expression was measured and correlated with the several clinic-pathologic parameters. Results: The analysis showed high rates of relapse and mortality, also a significant number of local advanced tumors at diagnosis, and potential correlation of better prognosis with the high expression of the biomarkeranalized. Impact: A betterunderstandingof IMP3 as a biomarker, providing new routesofprognosis in nasopharynx carcinoma
13

Expressão proteica da via PI3K/AKT/mTOR em mastocitomas cutâneos caninos

Ferreira, Marília Gabriele Prado Albuquerque [UNESP] 28 February 2014 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-04-09T12:28:17Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2014-02-28Bitstream added on 2015-04-09T12:47:46Z : No. of bitstreams: 1 000813877.pdf: 1968360 bytes, checksum: ba893fb51a41ad4d26fafd388f7a43d2 (MD5) / A via PI3K/AKT/mTOR está relacionada com a proliferação, síntese proteica, sobrevivência e motilidade das células. Mutações nesta via tem sido associadas com o processo carcinogênico de diferentes tipos tumorais. Atualmente, inibidores específicos de proteínas como a PI3K, AKT, mTOR, vem sendo testados com o intuito de otimizar a terapia antitumoral em seres humanos e animais. Além de potenciais alvos terapêuticos, o aumento da expressão de algumas destas proteínas tem sido associado a tumores de pior prognóstico em seres humanos. Em cães, o mastocitoma (MCT) é um tumor cutâneo extremamente comum, de comportamento bastante variável e etiologia ainda não esclarecida. Diante disso, o objetivo deste estudo, foi avaliar a imunomarcação dos componentes proteicos da via PI3K/AKT/mTOR, por meio da técnica de imuno-histoquímica e em um segundo momento, associar esses resultados com os parâmetros clínicos dos pacientes, com as características morfológicas e biológicas dos tumores e com o tempo de sobrevida dos pacientes, visando determinar possíveis marcadores prognósticos para esta neoplasia. Para tal 46 MCTs caninos foram utilizados. Todos os tumores apresentaram positividade na avaliação imuno-histoquímica para as proteínas analisadas. As proteínas p-AKT Thr 308 e p-S6K1 apresentaram forte intensidade de imunomarcação, quando comparadas a parâmetros associados a piores prognósticos. Esses resultados indicam que a forte intensidade de imunomarcação de p- AKT Thr 308 e p-S6K1 está relacionada a um pior prognóstico para os cães acometidos pelo MCT cutâneo / The PI3K/AKT/mTOR pathway is related to proliferation, protein synthesis, cell motility and survival. Mutations in this pathway have been associated with the carcinogenic process in diferent tumor types. Currently, specific inhibitors of some proteins such as PI3K, AKT, mTOR, are being tested in order to optimize antitumor therapy in humans and animals. Apart from potential therapeutic targets, increased in immunostaining of some of these proteins have been associated with poorer prognostic in humans tumors. In dogs, mast cell tumor (MCT) is an extremely common skin tumor, which presents a highly variable behavior and unclear etiology. Therefore, the aim of this study was to evaluate the immunostaining of the protein components of PI3K/AKT/mTOR pathway, through the technique of immunohistochemistry, and in a second stage, correlate this results with clinical parameters of patients, with morphological and biological tumor characteristics and the survival time of patients to determine possible prognostic markers for this disease. For this, 46 canine MCTs were used. All tumors were positive in immunohistochemical analysis for the proteins analyzed. Proteins p-AKT Thr 308 and p-S6K1 showed increases in the intensity of immunostaining compared to parameters associated with worse prognosis. These results suggest that the increase in the intensity of immunostaining of p-AKT Thr 308 and p-S6K1 are related to a worse prognosis for dogs affected by cutaneous MCT
14

Pacientes em tratamento oncológico e expectativa de cura : um enfoque sob a Bioética de Intervenção

Morais, Talita Cavalcante Arruda de 15 December 2016 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Bioética, 2016. / Submitted by Raiane Silva (raianesilva@bce.unb.br) on 2017-07-19T16:20:35Z No. of bitstreams: 1 2016_TalitaCavalcanteArrudadeMorais.pdf: 3737378 bytes, checksum: 1d177777fe4070a8fff52fff72ba5cfe (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana (raquelviana@bce.unb.br) on 2017-09-06T21:44:39Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_TalitaCavalcanteArrudadeMorais.pdf: 3737378 bytes, checksum: 1d177777fe4070a8fff52fff72ba5cfe (MD5) / Made available in DSpace on 2017-09-06T21:44:39Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_TalitaCavalcanteArrudadeMorais.pdf: 3737378 bytes, checksum: 1d177777fe4070a8fff52fff72ba5cfe (MD5) Previous issue date: 2017-09-06 / Atualmente o câncer é considerado um problema de saúde pública mundial. As mudanças epidemiológicas e demográficas globais apontam para um custo elevado com o câncer, sobretudo nos países de baixa e média renda, a exemplo do Brasil, onde grande parte da população com câncer é dependente exclusivamente do Sistema Único de Saúde. Nos países em desenvolvimento, a maior parte dos pacientes são diagnosticados em estado avançado, tornando os cuidados paliativos ainda mais urgentes. Entretanto, a estrutura nestes países é deficiente para fornecer estes tipos de cuidados que exigem uma abordagem holística do paciente, ou seja, tratamento dos sintomas físicos, psicológicos, espirituais e sociais. Estudos internacionais indicam que pacientes se submetem a tratamentos mais caros, com piora em suas qualidades de vida no intuito de alcançar a cura quando este objetivo já não é mais atingível. E, se de posse das informações corretas, relativas às possiblidades reais do tratamento, provavelmente a decisão seria outra. Assim, constata-se a necessidade de averiguar as expectativas dos pacientes com cânceres sem possibilidade de cura que recebem tratamento paliativo em relação ao prognóstico e objetivos do tratamento no contexto brasileiro. O método escolhido foi um estudo exploratório, utilizando-se questionário com dados qualitativos e quantitativos, por meio de entrevistas com 72 pacientes no Centro de Alta Complexidade em Oncologia do Hospital Universitário de Brasília que estavam em tratamento quimioterápico paliativo. Em seguida fez-se uma análise e discussão bioética tendo como referencial a Bioética de Intervenção por ser uma proposta voltada à solução de problemas a partir de uma perspectiva dos países periféricos, ser social, politizada e fazer uma releitura do indivíduo em sua integralidade. As expectativas se mostraram extremamente otimistas: 43 entrevistados responderam que o prognóstico era de cura, 13 responderam que não e 16 não souberam responder. 49 responderam que o objetivo da quimioterapia era curar, 14 melhorar os sintomas, 8 prolongar o tempo de vida e 1 não soube responder. Quanto a motivação para realizar o tratamento quimioterápico, obtevese: médica (42%), própria (31%), familiares (10%), espiritual (10%). A dificuldade de compreensão acerca do prognóstico e objetivos do tratamento, o baixo grau de escolaridade, os obstáculos ao acesso aos serviços de saúde e o possível desconhecimento dos direitos sociais sugerem que estes pacientes eram vulneráveis sociais por não possuírem ferramentas suficientes para explorar suas capacidades ou possibilidades de autodeterminação. A Bioética de Intervenção visa proteger a dignidade humana dos vulneráveis através da garantia da efetivação dos direitos humanos que representam um referencial mínimo para se viver dignamente, entre eles o direito à saúde, retratado pelos cuidados paliativos. Estes são considerados uma questão de direitos humanos por traduzirem necessidades humanas básicas e essenciais para um processo digno nos estágios finais da vida, permitindo aos pacientes usufruir do direito à saúde ao melhor nível possível. Dessarte, mudança na concepção de saúde das ações estritamente curativas para uma concepção holística leva a humanização dos serviços de saúde que permitem ampliar a consciência dos indivíduos vulneráveis acerca de sua condição de agentes autônomos, empoderando-os e aumentando seus mecanismos de proteção. / Cancer is now considered a public health problem. The global epidemiological and demographic changes point to a high cost of cancer treatment, especially in low- and middle-income countries, such as Brazil where a large part of the population with cancer is exclusively dependent on the Public Health System. In developing countries, most patients are diagnosed at an advanced stage, making palliative care even more urgent. However, the structure in these countries is deficient in supplying these types of care that require a holistic approach for the patient, that is, treatment of the physical, psychic, spiritual and social symptoms. International studies indicate that patients undergo more expensive treatments, worsening their quality of life in order to achieve healing when this goal is no longer attainable. And if one possesses the correct information regarding the real possibilities of treatment, the decision would probably be different. Thus, we verified the need to ascertain the patients' expectations regarding prognosis and treatment in the Brazilian context. The method chosen was an exploratory study, using a questionnaire with qualitative and quantitative data, through interviews with 72 patients at the High Complexity in Oncology Center of the Hospital Universitário de Brasília who were undergoing palliative chemotherapy. Afterwards, a bioethical analysis and discussion was carried out with reference to the Intervention Bioethics because it´s a social and politicized proposal that aims to solve problems from a perspective of peripheral countries perspective, furthermore, it makes a re-reading of the individual in its entirety. Expectations were extremely optimistic: 43 answered that the prognosis leads to a cure, 13 said their cancer was not curable, and 16 did not know the answer. 49 replied that the goal of chemotherapy was to heal, 14 to improve symptoms, 8 to prolong life, and 1 did not know how to answer the question. Regarding the motivation to undergo palliative chemotherapy, we obtained: medical decision (42%), patient decision (31%), family and friends motivation (10%), spiritual motivation (10%). Poor understanding of prognosis and treatment goals, low level of education, poor access to health services and possible lack of knowledge of social rights suggest that these patients were socially vulnerable because they did not have enough tools to explore their abilities or possibilities for self-determination. Intervention Bioethics aims to protect the human dignity of the vulnerable by guaranteeing the fulfillment of human rights, which represent a minimum framework for living with dignity, among them the right to health, portrayed by palliative care. These are considered a issue of human rights because it represents basic human needs and are essential for a dignified process in the final stages of life, enabling patients to enjoy the right to health at the best possible level. Thus, a change in the conception of health from strictly curative actions towards a holistic conception leads to the humanization of health services, which allows to raise the awareness of vulnerable individuals about their status as autonomous agents, empowering them and increasing their protection mechanisms.
15

Expressão proteica da via PI3K/AKT/mTOR em mastocitomas cutâneos caninos /

Ferreira, Marília Gabriele Prado Albuquerque. January 2014 (has links)
Orientador: Andrigo Barboza De Nardi / Coorientador: Mirela Tinucci Costa / Coorientador: Reneé Laufer Amorim / Banca: Rosemeri de Oliveira Vasconcelos / Banca: Daniel Guimarães Gerardi / Resumo: A via PI3K/AKT/mTOR está relacionada com a proliferação, síntese proteica, sobrevivência e motilidade das células. Mutações nesta via tem sido associadas com o processo carcinogênico de diferentes tipos tumorais. Atualmente, inibidores específicos de proteínas como a PI3K, AKT, mTOR, vem sendo testados com o intuito de otimizar a terapia antitumoral em seres humanos e animais. Além de potenciais alvos terapêuticos, o aumento da expressão de algumas destas proteínas tem sido associado a tumores de pior prognóstico em seres humanos. Em cães, o mastocitoma (MCT) é um tumor cutâneo extremamente comum, de comportamento bastante variável e etiologia ainda não esclarecida. Diante disso, o objetivo deste estudo, foi avaliar a imunomarcação dos componentes proteicos da via PI3K/AKT/mTOR, por meio da técnica de imuno-histoquímica e em um segundo momento, associar esses resultados com os parâmetros clínicos dos pacientes, com as características morfológicas e biológicas dos tumores e com o tempo de sobrevida dos pacientes, visando determinar possíveis marcadores prognósticos para esta neoplasia. Para tal 46 MCTs caninos foram utilizados. Todos os tumores apresentaram positividade na avaliação imuno-histoquímica para as proteínas analisadas. As proteínas p-AKT Thr 308 e p-S6K1 apresentaram forte intensidade de imunomarcação, quando comparadas a parâmetros associados a piores prognósticos. Esses resultados indicam que a forte intensidade de imunomarcação de p- AKT Thr 308 e p-S6K1 está relacionada a um pior prognóstico para os cães acometidos pelo MCT cutâneo / Abstract: The PI3K/AKT/mTOR pathway is related to proliferation, protein synthesis, cell motility and survival. Mutations in this pathway have been associated with the carcinogenic process in diferent tumor types. Currently, specific inhibitors of some proteins such as PI3K, AKT, mTOR, are being tested in order to optimize antitumor therapy in humans and animals. Apart from potential therapeutic targets, increased in immunostaining of some of these proteins have been associated with poorer prognostic in humans tumors. In dogs, mast cell tumor (MCT) is an extremely common skin tumor, which presents a highly variable behavior and unclear etiology. Therefore, the aim of this study was to evaluate the immunostaining of the protein components of PI3K/AKT/mTOR pathway, through the technique of immunohistochemistry, and in a second stage, correlate this results with clinical parameters of patients, with morphological and biological tumor characteristics and the survival time of patients to determine possible prognostic markers for this disease. For this, 46 canine MCTs were used. All tumors were positive in immunohistochemical analysis for the proteins analyzed. Proteins p-AKT Thr 308 and p-S6K1 showed increases in the intensity of immunostaining compared to parameters associated with worse prognosis. These results suggest that the increase in the intensity of immunostaining of p-AKT Thr 308 and p-S6K1 are related to a worse prognosis for dogs affected by cutaneous MCT / Mestre
16

Análise da expressão da IMP3 com as claudinas 3 e 4 na avaliação prognóstica e morfológica do câncer de endométrio

Salum, Silas Otero Reis. January 2016 (has links)
Orientador: Agnaldo Lopes da Silva Filho / Resumo: Introdução: O câncer de endométrio (CE) é a neoplasia ginecológica mais comum em países desenvolvidos, e tem um comportamento heterogêneo sob o aspecto clínico, biológico, e morfológico, com taxas de recorrência de 15 a 20% após a cirurgia. Este estudo avaliou, a associação entre a proteína 3 de ligação ao mRNA com fator de crescimento insulina símile II (IMP3), e fatores prognósticos e morfológicos do CE. Métodos: Realizou-se um estudo retrospectivo tipo transversal analítico, com avaliação anátomo-clínica em 79 pacientes com CE, com 70 casos de adenocarcinoma-endometrióide (ACEE) e 9 casos de carcinoma seroso, entre 1992 e 2010. Setenta e quatro amostras de endométrio benigno, obtidas de pacientes com patologias benignas (mioma e pólipo), foram utilizadas como controle. A expressão da IMP3 foi avaliada por imunohistoquímica e quantificada em intensidade e extensão, e então associada a fatores morfológicos e prognósticos, e claudinas (CLDNs) 3 e 4, receptor de estrogênio (ER) e receptores de progesterona (PR), p53 e KI-67. Resultados: Foi evidenciada associação entre a expressão da IMP3 no carcinoma seroso, em comparação com o ACEE, tanto em intensidade (p=0,044) quanto em extensão (p<0,001), bem como nos seguintes fatores prognósticos: grau de diferenciação (p =0,024; p<0,010), estadiamento (p<0,001; p<0,001), metástase (p=0,002; p<0,001). A expressão de IMP3 foi significativa em extensão (p=0,002), nos tumores de endométrio quando comparados aos controles. Houve associação... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Mestre
17

Análise de alterações moleculares nos genes ND1 e ND3 em câncer de pulmão não pequenas células na população paraense

FERNANDES, Lorena Duarte 09 March 2018 (has links)
Submitted by JACIARA CRISTINA ALMEIDA DO AMARAL (jaciaramaral@ufpa.br) on 2018-05-23T18:47:30Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) DISSERTAÇÃO LORENA FINAL.pdf: 1421059 bytes, checksum: 1a05f733f0860794f3f2113b146dc128 (MD5) / Approved for entry into archive by JACIARA CRISTINA ALMEIDA DO AMARAL (jaciaramaral@ufpa.br) on 2018-05-23T18:49:38Z (GMT) No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) DISSERTAÇÃO LORENA FINAL.pdf: 1421059 bytes, checksum: 1a05f733f0860794f3f2113b146dc128 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-05-23T18:49:38Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) DISSERTAÇÃO LORENA FINAL.pdf: 1421059 bytes, checksum: 1a05f733f0860794f3f2113b146dc128 (MD5) Previous issue date: 2018-03-09 / CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico / O carcinoma broncopulmonar é o mais frequente em todo o mundo, sendo uma das neoplasias mais agressivas, possuindo uma razão mortalidade/incidência em torno de 90%, com sobrevida global em cinco anos baixa, cerca de 10 a 15%, na maioria das populações do mundo. Na Região Norte do Brasil, esta patologia é a terceira mais frequente entre os homens e a quarta entre as mulheres. Do ponto de vista anatomopatológico, o câncer de pulmão é classificado em dois tipos principais: pequenas células e não-pequenas células, sendo este último o mais incidente, respondendo por 75% dos casos. Atualmente, a distinção entre os subtipos se baseia em diferenças histológicas, imunohistoquímicas e moleculares. Nesse contexto, é importante ressaltar que as informações moleculares influenciam não só no diagnóstico, prognóstico, mas também na conduta terapêutica. Diversas alterações genéticas e epigenéticas do genoma nuclear estão relacionadas a patogênese deste tumor. Entretanto, alterações na fosforilação oxidativa resultantes da disfunção mitocondrial tem sido há muito tempo sugeridas como envolvidas no processo de tumorigênese. Dessa forma, o presente estudo analisou dois genes do DNA mitocondrial (ND1 e ND3) integrantes do complexo I da cadeia respiratória mitocondrial em 66 amostras de tecido pulmonar de pacientes com e sem câncer de pulmão não pequenas células na população do estado do Pará. Após a análise pelo sequenciamento, foram identificadas quatro alterações no gene ND1: C3553T, T3552A, C3595ins e G3666A e apenas duas alterações no gene ND3: A10398G e C10400T. Dentre as alterações encontradas no gene ND1, não foram observadas significância estatística em relação ao desenvolvimento do câncer de pulmão. Entretanto, foi descoberto uma alteração estrutural no gene ND1 na presença de C3595ins, ainda não descrita na literatura. Ao passo que, a presença do alelo A, observada em T3552A no gene ND1, foi associada de forma significativa ao um efeito protetor ao desenvolvimento de câncer de pulmão. Já alterações no gene ND3 (G10398A e T10400C) foram significantemente associadas com o câncer de pulmão, sendo estas alterações em ND3 potenciais para utilização como marcadores em pacientes com câncer de pulmão não pequenas células. / Bronchopulmonary carcinoma is the most frequent in the world, being one of the most aggressive neoplasms, with a mortality / incidence ratio of around 90%, with overall survival in five years low, about 10 to 15%, in most populations of the world. In the Northern Region of Brazil, this pathology is the third most frequent among men and the fourth among women. From the anatomopathological point of view, lung cancer is classified into two main types: small cells and non-small cells, the latter being the most incident, accounting for 75% of cases. Currently, the distinction between subtypes is based on histological, immunohistochemical, and molecular differences. In this context, it is important to emphasize that molecular information influences not only diagnosis, prognosis, but also therapeutic behavior. Several genetic and epigenetic alterations of the nuclear genome are related to the pathogenesis of this tumor. However, changes in oxidative phosphorylation resulting from mitochondrial dysfunction have long been suggested as involved in the process of tumorigenesis. Thus, the present study analyzed two mitochondrial DNA (ND1 and ND3) genes belonging to the I complex of the mitochondrial respiratory chain in 66 lung tissue samples from patients with and without non-small cell lung cancer in the population of the state of Pará. the sequencing analysis identified four alterations in the ND1 gene: C3553T, T3552A, C3595ins and G3666A and only two changes in the ND3 gene: A10398G and C10400T. Among the alterations found in the ND1 gene, no statistical significance was observed in relation to the development of lung cancer. However, a structural alteration in the ND1 gene was found in the presence of C3595ins, not yet described in the literature. Whereas, the presence of the A allele, observed in T3552A in the ND1 gene, was significantly associated with a protective effect on the development of lung cancer. Already changes in the ND3 gene (G10398A and T10400C) were significantly associated with lung cancer, these changes in ND3 being potential for use as markers in patients with non-small cell lung cancer

Page generated in 0.1066 seconds