• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 56
  • Tagged with
  • 57
  • 57
  • 57
  • 57
  • 49
  • 35
  • 34
  • 28
  • 15
  • 12
  • 10
  • 10
  • 10
  • 10
  • 10
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Concepções e práticas de educação politécnica: formação de trabalhadores para o cuidado ao idoso na EPSJV/Fiocruz

Silva, Vanessa Gomes da January 2012 (has links)
Submitted by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-06T12:33:57Z No. of bitstreams: 1 Vanessa_Silva_EPSJV_Mestrado_2012.pdf: 1167580 bytes, checksum: 3d562eeffc57efeb75d641315528e362 (MD5) / Approved for entry into archive by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-06T12:42:20Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Vanessa_Silva_EPSJV_Mestrado_2012.pdf: 1167580 bytes, checksum: 3d562eeffc57efeb75d641315528e362 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-11-06T12:42:20Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Vanessa_Silva_EPSJV_Mestrado_2012.pdf: 1167580 bytes, checksum: 3d562eeffc57efeb75d641315528e362 (MD5) Previous issue date: 2012 / Fundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional em Saúde. / A dissertação analisa a formação de cuidadores de idosos com base na concepção de politecnia - que considera o homem como ser histórico e social, procurando articular e embasar conhecimentos científicos, políticos e sociais para entender e refletir os modos de produção da existência e as concepções de mundo com a formação técnica. Como metodologia foi desenvolvida uma abordagem qualitativa, através de um estudo de caso sobre o Curso de Atualização Profissional no Cuidado ao Idoso Dependente desenvolvido na Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV)/ Fiocruz, localizada na Cidade do Rio de Janeiro em 2011. Os sujeitos da pesquisa foram os Coordenadores e Discentes, abordados através de entrevista e grupo focal respectivamente. As questões envolveram a formação profissional, as competências e a articulação teoria-prática. Constatamos que a matriz politécnica está inscrita na corrente pedagógica crítica, por isso, encontra obstáculos para sua total efetivação, devido à hegemonia capitalista. A partir do depoimento dos discentes, elencamos atribuições inerentes aos cuidadores de idosos e sua relação com as competências da Classificação Brasileira de Ocupações (CBO), com isso, emergiram questões sobre a valorização dos cuidadores, sua profissionalização e a emergência em consolidar uma rede de assistência ao idoso, às famílias e aos trabalhadores envolvidos. Por fim, torna-se urgente que as políticas de educação, assistência social e saúde estejam alinhadas, com a real necessidade da população, onde, através do debate e da participação social, seja possível construir estratégias de transformação.
2

A incorporação de tecnologias da informação e comunicação na educação profissional em saúde: contribuições para a rede de atenção oncológica

Souza, Telma de Almeida January 2015 (has links)
Submitted by Micheli Abreu (mabreu@fiocruz.br) on 2015-03-19T14:37:43Z No. of bitstreams: 1 Telma_Souza_EPSJV_Mestrado_2014.pdf: 1586089 bytes, checksum: 735cfd730e3bb2f1ecf9335d560913e9 (MD5) / Approved for entry into archive by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2015-03-19T15:05:59Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Telma_Souza_EPSJV_Mestrado_2014.pdf: 1586089 bytes, checksum: 735cfd730e3bb2f1ecf9335d560913e9 (MD5) / Approved for entry into archive by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2015-03-19T15:19:25Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Telma_Souza_EPSJV_Mestrado_2014.pdf: 1586089 bytes, checksum: 735cfd730e3bb2f1ecf9335d560913e9 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-03-19T15:19:25Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Telma_Souza_EPSJV_Mestrado_2014.pdf: 1586089 bytes, checksum: 735cfd730e3bb2f1ecf9335d560913e9 (MD5) Previous issue date: 2015 / Fundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional em Saúde. / Este estudo tem como objetivo analisar de que forma são utilizadas as Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) pelos Centros de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (CACON), na educação permanente dos profissionais técnicos da saúde que trabalham na rede de atenção oncológica brasileira e discutir quais as contribuições desta incorporação, para superar as barreiras geográficas, temporais e financeiras de acesso à educação profissional em oncologia. Foi realizado estudo exploratório, por meio de pesquisa bibliográfica, documental e pesquisa de campo, utilizando a ferramenta FormSUS para o envio de formulários online aos CACON. Foi possível identificar o perfil de utilização das TIC na educação permanente dos profissionais em 17 CACON, públicos e privados, localizados em todas as regiões do país. A maioria realiza ensino presencial para capacitação de seus profissionais, utilizando as tecnologias relacionadas a este tipo de modalidade. Enquanto alguns (6%) desconhecem sobre o uso de tecnologias para qualificação profissional, outros (41%) utilizam ensino a distância e semipresencial. A maioria (88%) reconhece como contribuição das TIC a possibilidade de disseminar conteúdo para grande número de profissionais e de atualizá-los no próprio local de trabalho. Corrobora com o sentido apoiado pelas políticas governamentais analisadas. O uso das tecnologias aliado a um projeto pedagógico de educação integral do profissional pode democratizar os avanços reais trazidos pela tecnologia e contribuir para a desapropriação dos mecanismos de exploração do trabalhador, proporcionando autonomia, emancipação e, consequentemente, um processo de trabalho mais qualificado para atender à sociedade. / Este estudo tem como objetivo analisar de que forma são utilizadas as Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) pelos Centros de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (CACON), na educação permanente dos profissionais técnicos da saúde que trabalham na rede de atenção oncológica brasileira e discutir quais as contribuições desta incorporação, para superar as barreiras geográficas, temporais e financeiras de acesso à educação profissional em oncologia. Foi realizado estudo exploratório, por meio de pesquisa bibliográfica, documental e pesquisa de campo, utilizando a ferramenta FormSUS para o envio de formulários online aos CACON. Foi possível identificar o perfil de utilização das TIC na educação permanente dos profissionais em 17 CACON, públicos e privados, localizados em todas as regiões do país. A maioria realiza ensino presencial para capacitação de seus profissionais, utilizando as tecnologias relacionadas a este tipo de modalidade. Enquanto alguns (6%) desconhecem sobre o uso de tecnologias para qualificação profissional, outros (41%) utilizam ensino a distância e semipresencial. A maioria (88%) reconhece como contribuição das TIC a possibilidade de disseminar conteúdo para grande número de profissionais e de atualizá-los no próprio local de trabalho. Corrobora com o sentido apoiado pelas políticas governamentais analisadas. O uso das tecnologias aliado a um projeto pedagógico de educação integral do profissional pode democratizar os avanços reais trazidos pela tecnologia e contribuir para a desapropriação dos mecanismos de exploração do trabalhador, proporcionando autonomia, emancipação e, consequentemente, um processo de trabalho mais qualificado para atender à sociedade.
3

Análise do curso técnico de agente comunitário de saúde: reflexões em torno da formação profissional e o saber comunitário

Mendonça, Amanda de Andrade January 2013 (has links)
Submitted by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-10-15T12:15:16Z No. of bitstreams: 1 Amanda de Andrade Mendonça.pdf: 746625 bytes, checksum: d92fdc86b3542f68861a2838fbabe06a (MD5) / Approved for entry into archive by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-10-15T12:56:51Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Amanda de Andrade Mendonça.pdf: 746625 bytes, checksum: d92fdc86b3542f68861a2838fbabe06a (MD5) / Made available in DSpace on 2014-10-15T12:56:51Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Amanda de Andrade Mendonça.pdf: 746625 bytes, checksum: d92fdc86b3542f68861a2838fbabe06a (MD5) Previous issue date: 2013 / Fundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional em Saúde. / A pesquisa apresentada desenhou-se a partir de minha inquietação quanto ao formato de qualificação do Agente Comunitário de Saúde (ACS), sendo este simplificado e aligeirado, restrito até o período em que eu atuava como ACS, a formações fragmentadas oferecidas na própria unidade de saúde ou em locais no entorno da comunidade onde atuava. Esta tem como objetivo analisar de que forma o Curso Técnico de Agente Comunitário de Saúde (CTACS) oferecido pela Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/FIOCRUZ) pode contribuir para a formação e o trabalho do ACS. E procura entender ainda, se a proposta de formação tem proximidade com o cotidiano da prática do ACS e em que sentido articula o conteúdo desenvolvido ao saber comunitário e popular. A pesquisa foi desenvolvida a partir um resgate bibliográfico utilizando as bases de dados de Saúde Pública, SCIELO e LILACS, além de artigos científicos que abordavam o processo de formação dos Agentes Comunitários de Saúde. Concomitantemente, foi realizada uma análise documental (fontes do Ministério da Saúde, Escola Politécnica de saúde Joaquim Venâncio/ Fiocruz, além de leis, decretos e portarias da Saúde, Educação para a formação profissional), foram analisados documentos de avaliação do CTACS da EPSJV com intuito de contribuir para análise e reflexão a cerca dos objetivos do curso e sua contribuição para a formação crítica do ACS. Considerando a análise dos documentos do curso foi possível perceber que a proposta curricular do CTACS da EPSJV busca contribuir para a formação profissional desses trabalhadores, por meio da realização de uma experiência de formação técnica completa, realizada a partir dos princípios da politecnia e tomando o trabalho como princípio educativo. Entretanto, ainda se tem muitos desafios após esta formação crítica, pois a maioria dos ACS relatam a falta de reconhecimento enquanto categoria profissional por parte da equipe a qual estão inseridos, o que os impossibilita de colocar em prática os conhecimentos adquiridos ao longo do curso. / The research presented was drawn from my concern about the format of qualification of Community Health Agents ( ACS ) , which is simplified and streamlined , restricted to the period I served as ACS , the training offered at the very fragmented drive health or the environment of the local community where he worked. This aims to analyze how the Technical Course Community Health Agent ( CTACS ) offered by the Polytechnic School of Health Joaquim Venancio ( EPSJV / FIOCRUZ ) may contribute to the formation and work of the ACS . And still trying to understand if the proposed training has proximity to the everyday practice of the ACS and in what sense articulates content developed and popular community know . The survey was developed from a rescue literature using the databases of Public Health , SciELO and LILACS , and scientific articles that addressed the process of training of Community Health Agents Concurrently , we conducted an analysis of documents ( Ministry sources health , Polytechnic School of health Joaquim Venancio / Fiocruz , in addition to laws , decrees and orders of the health , Education training) , were analyzed to assess the documents CTACS EPSJV aiming to contribute to the analysis and reflection about the goals of course and their critical contribution to the formation of the ACS . Considering the analysis of the documents of the course was possible to notice that the proposed curriculum CTACS EPSJV seeks to contribute to the training of these workers , by conducting a complete technical training experience , made from the principles of polytechnic and taking work as an educational principle . Nevertheless, it still has many challenges after this critical training , since most ACS report a lack of recognition as an occupational category by the team to which they belong , what makes it impossible to put into practice the knowledge acquired during the course.
4

Formação e trabalho em saúde: uma análise a partir da percepção de Técnicos em Radiologia

Lopes, Sarita de Oliveira Ferreira January 2013 (has links)
Submitted by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-10-17T17:35:32Z No. of bitstreams: 1 Sarita de Oliveira Ferreira Lopes.pdf: 819099 bytes, checksum: 620bb4edc4b61917ccf0ee3c7f5c1d45 (MD5) / Approved for entry into archive by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-10-17T18:23:12Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Sarita de Oliveira Ferreira Lopes.pdf: 819099 bytes, checksum: 620bb4edc4b61917ccf0ee3c7f5c1d45 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-10-17T18:23:12Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Sarita de Oliveira Ferreira Lopes.pdf: 819099 bytes, checksum: 620bb4edc4b61917ccf0ee3c7f5c1d45 (MD5) / Fundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio. Laboratório de Educação Profissional em Manutenção de Equipamentos de Saúde / Este estudo aborda a relação entre a formação profissional técnica de nível médio e o modo de produção capitalista. Esta forma de produzir é amplamente disseminada pelo mundo, tendo suas bases fundamentadas na lucratividade. Chama a atenção para o trabalho em Saúde que, diferente da produção de mercadorias, tem o desafio de lidar e cuidar da vida humana. Neste sentido, é solicitada do profissional, uma visão além das técnicas para a realização de exames. Relata um breve histórico sobre a descoberta dos raios X, evento que revolucionou o mundo, proporcionando grande avanço para o campo da Saúde. A Medicina passa a contar com técnicas e equipamentos, na área da Radiologia, que possibilita formas de diagnóstico até então não existentes. Ressalta o profissional Técnico em Radiologia e o processo histórico da consolidação da profissão no Brasil, bem como a relevância social de seu trabalho, visto os exames radiológicos serem cada vez mais solicitados para diagnóstico e tratamento. Analisa a percepção dos Técnicos em Radiologia, lotados em duas unidades de Saúde da Fundação Oswaldo Cruz, sobre a relação entre sua formação técnica em Radiologia e a realidade vivida nas suas atividades profissionais. Conclui enfatizando a necessidade de se refletir sobre a formação do profissional citado, esta deve contemplar uma formação integral, vista a especificidade do trabalho em saúde. Ressalta a importância da atuação do poder público, com prioridade para a formação nos princípios do Sistema Único de Saúde, em função da formação na área de Radiologia, ser de domínio da iniciativa privada. / This study discusses the relationship between vocational technical middle level and capitalist mode of production, returned to profitability. Draws attention to the work in Health, which different from the production of goods, has the challenge of handling and care of human life, seeking professional, beyond the techniques for conducting examinations. Recounts a brief history of the discovery of X-rays, an event that revolutionized the world, providing breakthrough for the field of Health Medicine now has equipment and techniques in the field of radiology, diagnostic forms that allowed hitherto existing. Emphasizes the professional technician in Radiology and historical process of consolidation of the profession in Brazil, as well as the social relevance of their work, as radiologic being increasingly requested for diagnosis and treatment. Examines the perceptions of professional technicians in radiology, crowded into two units of Health Oswaldo Cruz Foundation, on the relationship between the process of training in Radiology Technician course and the reality experienced in their professional activities. Concludes by emphasizing the need to reflect on the training of professional quoted, this should include comprehensive training, since the specificity of health work. Underscores the importance of the role of government, with priority given to training in the principles of the Health System as a function of training in this area, be a domain of private enterprise.
5

Entre a formação e a conformação: a educação profissional em saúde no século XXI

Silva, Adriana Alves da January 2012 (has links)
Submitted by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-05T17:18:27Z No. of bitstreams: 1 Adriana_Silva_EPSJV_Mestrado_2012.pdf: 723686 bytes, checksum: ac87fb9f1a5f9f3d79cadbadfc4f7046 (MD5) / Approved for entry into archive by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-05T19:02:09Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Adriana_Silva_EPSJV_Mestrado_2012.pdf: 723686 bytes, checksum: ac87fb9f1a5f9f3d79cadbadfc4f7046 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-11-05T19:02:09Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Adriana_Silva_EPSJV_Mestrado_2012.pdf: 723686 bytes, checksum: ac87fb9f1a5f9f3d79cadbadfc4f7046 (MD5) Previous issue date: 2012 / Fundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional em Saúde. / O estudo aborda a Educação Profissional em Saúde (EPS) no ensino superior e utiliza como objeto de análise uma proposta de formação em saúde para o século XXI, publicada na revista The Lancet, em dezembro de 2010, através do relatório intitulado “Profissionais de saúde para um novo século: transformação da educação para o fortalecimento dos sistemas de saúde em um mundo interdependente”. O relatório propõe uma reforma educacional para os cursos de Medicina, Enfermagem e Saúde Pública. Esta dissertação problematiza criticamente esta proposta de formação em saúde para o século XXI, propôs a analise sobre a possível relação existente entre a sua formulação e as mudanças operadas nas relações sociais capitalistas e a discussão sobre os principais conceitos contidos na proposta: competência, saúde global e medicina baseada em evidências. A conclusão do estudo indica que a proposta reflete através de seus conceitos centrais as transformações ocorridas nas relações sociais e de trabalho, entre o Estado a e chamada “sociedade civil”, que influenciaram nas últimas décadas e ainda influenciam o planejamento e implementação das políticas sociais. A EPS, a partir dos preceitos da Medicina Baseada em evidências e da noção de competências, aponta para a continuidade de um modelo educacional de base pragmática no século XXI. / The study addresses the Health Professional Education (EPS) in higher education and as an object of analysis used a proposed health education for the XXI century, published in The Lancet, in December 2010 through the report entitled ‘Health Professionals for a new century: transforming education strengthen health systems in an interdependent world. ‘The report proposes an educational reform for courses in Medicine, Nursing and Public Health. This paper critically discusses this proposed health training for the twenty-first century, proposes examines the possible relationship between its formulation changes operated in capitalist social relations and discusses the key concepts contained in the proposal: competence and evidence-based medicine. The conclusion of study indicates that the proposal reflects through its central concepts the changes occurring in labor relations and social between state and so-called “civil society”, implementation of social policies. The EPS from the precepts of evidence -based medicine and the notion of competence, points to the continuation of an educational model of pragmatic basis in the XXI century.
6

A formação para o trabalho em saúde: uma análise a partir da qualificação em saúde do programa projovem trabalhador no município do Rio de Janeiro

Santos, Mércia Maria dos January 2012 (has links)
Submitted by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-05T18:49:14Z No. of bitstreams: 1 Mercia_Santos_EPSJV_Mestrado_2012.pdf: 1271584 bytes, checksum: 24e5652775d4e65dde19b67357b3d16d (MD5) / Approved for entry into archive by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-05T19:03:58Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Mercia_Santos_EPSJV_Mestrado_2012.pdf: 1271584 bytes, checksum: 24e5652775d4e65dde19b67357b3d16d (MD5) / Made available in DSpace on 2014-11-05T19:03:58Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Mercia_Santos_EPSJV_Mestrado_2012.pdf: 1271584 bytes, checksum: 24e5652775d4e65dde19b67357b3d16d (MD5) Previous issue date: 2012 / Fundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio. Laboratório de Educação Profissional em Vigilância em Saúde / Essa pesquisa teve como objetivo analisar a concepção de saúde e de qualificação em saúde desenvolvida no Programa Projovem Trabalhador no Rio de Janeiro e suas implicações na vida profissional, sócio-economica e política a partir da percepção dos alunos e egressos. Para alcançar esse objetivo foram realizadas entrevistas abertas e fechadas com alunos e egressos participantes do programa.Utilizamos o método dialético, por acreditar que o método permite conhecer e caminhar pela realidade dos sujeitos envolvidos, suas relações sociais, políticas, econômicas, ao mesmo tempo em que possibilita um olhar crítico sobre a realidade ainda que a transformação da mesma nos pareça utópica. O caminho percorrido possibilitou o entendimento de uma Política para Jovens que se preocupa em orientá-los para o mercado de trabalho sem considerar a saúde e suas especificidades. Para analisar a formação e a concepção de saúde do programa, buscamos na Política de Educação Profissional em Saúde seus fundamentos históricos na luta pela formação dos profissionais que atuam no setor e os fundamentos teóricos que nos esclarecem como as políticas educacionais são influenciadas pelos conceitos de empregabilidade, formação para o trabalho e competência. Finalmente concluímos que na visão dos alunos e egressos, o curso não aprofundou conhecimentos de saúde, não ofereceu aulas práticas para os alunos e os professores tinham pouca qualificação.Na opinião dos alunos, eles não se sentiam qualificado o suficiente para enfrentar o mercado de trabalho. Sabendo que essa investigação não se esgota aqui, esse foi apenas um movimento curioso de buscar entender a política para os jovens e levantar alguns questionamentos em relação ao que de fato significa formar profissionais para atuar no setor saúde. / This study aimed to analyze the concept of health and health qualification developed in Projovem Worker Program in Rio de Janeiro and its implications for jobs, socio-economic and policy from the perspective of students and graduates. To achieve this goal were open and closed interviews with students and graduates and participants of Programa.Utilizamos the dialectical method, believing that the method allows to know and walk in the reality of the subjects involved, their social, political, economic, while it allows a critical look at the reality even though the transformation of it will seem utopian.The path has enabled the understanding of a policy that cares for young people to advise them for the labor market without regard to health and their specificities. To analyze the formation and development of health program, we sought in Policy Health Professional Education in its historical foundations in the fight for the training of professionals working in the sector and the theoretical foundations that we clarify how educational policies are influenced by the concepts of employability job training and competence. Finally we conclude that in view of students and graduates, the course did not deepen knowledge of health, did not offer practical lessons for students and teachers had little qualificação.Na opinion of the students, they did not feel qualified enough to face the labor market.Knowing that this investigation does end here, this was just a curious movement of seeking to understant the policy for Young people and raise some questions about what it really means to train professionals to work in the health sector.
7

A categoria território na qualificação profissional em vigilância em saúde (VISAU): uma análise da experiência do Programa de Formação de Agentes Locais de Vigilância em Saúde (Proformar) em Nova Iguaçu - RJ

Moreira, Virginia Sequeira January 2012 (has links)
Submitted by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-06T12:41:45Z No. of bitstreams: 1 Virginia_Moreira_EPSJV_Mestrado_2012.pdf: 990275 bytes, checksum: a86f21fdf2569ea77b40230cc4140ec7 (MD5) / Approved for entry into archive by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-06T12:42:33Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Virginia_Moreira_EPSJV_Mestrado_2012.pdf: 990275 bytes, checksum: a86f21fdf2569ea77b40230cc4140ec7 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-11-06T12:42:33Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Virginia_Moreira_EPSJV_Mestrado_2012.pdf: 990275 bytes, checksum: a86f21fdf2569ea77b40230cc4140ec7 (MD5) Previous issue date: 2012 / Fundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional em Saúde. / A demanda de profissionais de vigilância em saúde associada à municipalização dos guardas de endemia oriundos da Funasa, foi o ponto de partida para realização do curso de formação de agentes locais de vigilância em saúde (Proformar), proposta formativa de abrangência nacional, articulado com a política de educação nacional de educação permanente em saúde, que tinha a perspectiva de ampliar o olhar dos profissionais nas diferentes atribuições da vigilância em saúde, tendo como base estruturante o território. No município de Nova Iguaçu, o Proformar foi estruturado em 02 núcleos de apoio aos discentes (NAD 12 e NAD 13) que juntos formaram 1477 alunos. O estudo propõe avaliar como a categoria território foi incorporada no trabalho cotidiano dos alunos egressos do Proformar. Foram selecionados para a pesquisa os alunos com atividades no controle da dengue na Coordenação de Vigilância Ambiental do município. Deste grupo, foi selecionada uma amostra que tivesse representatividade, geográfica e gerencial, por conseguinte foram utilizados na pesquisa os supervisores gerais e supervisores de campo, aproximadamente 100 profissionais. Foi aplicado um questionário semiestruturado, dividido em quatro partes: identificação do profissional no grupo estudado, os motivos e facilidades para realização do curso, o grau de satisfação do aluno com o curso e a territorialização em suas duas dimensões: organizacional/gerencial e técnica. Para orientar o processo de discussão e subsidiar a análise dos questionários a pesquisa trouxe elementos dos eixos trabalho, educação e saúde. No eixo trabalho, a contextualização do trabalhador objeto do estudo. No eixo da educação, a política de educação permanente do SUS e a descrição do projeto político pedagógico do Proformar. No eixo saúde, a vigilância em Saúde e seus fundamentos, com destaque para a categoria território. Os dados foram tabulados estatisticamente e analisados de acordo com referencial teórico adotado e o quadro de usos e propósitos construído para as questões formuladas no questionário. O estudo conclui que o aluno egresso do curso Proformar em Nova Iguaçu se apropriou da categoria território, na realização do trabalho cotidiano somente nas questões relacionadas à dengue, porém ampliadas neste aspecto. Recomenda ainda, investir em outros processos formativos dentro da perspectiva da vigilância em saúde e sua integração com a atenção básica. / The demand of professionals for health surveillance associated with the decentralization of guards endemic coming from Funasa, was the starting point for accomplishment of the course of formation of local agents health surveillance (Proformar), nationwide formative proposal, articulated with the national education policy of continuing education in health, which had the prospect of expanding the look of professionals in the different attributions of health surveillance, based on structuring the territory. In the municipality of Nova Iguaçu, the Proformar was structured in 02 units of support for students (NAD 12 and NAD 13), which together formed 1477 students. The study proposes to evaluate the category as the territory was incorporated into the daily work of students who completed the Proformar. Were selected for the study the students with activity in dengue control in Coordination of environmental surveillance of the municipality. Of this group, we selected a sample that had representation, geographic, and management therefore were used in the study the general supervisors and field supervisors, approximately 100 professionals. It was applied a semi-structured questionnaire, divided into four parts: professional identification in the study group, the reasons and facilities for realization the course, the degree of student satisfaction with the course and territorialization in its two dimensions: organizational / managerial and technique. To guide the process of discussion and help analyze the survey questionnaires the research has elements of the axes work, education and health. In the axis of the work context of the worker object of study. In the axis of education policy of education of the SUS and project description of the political pedagogical Proformar Axis health, health vigilance and its foundations, especially the category territory Data were tabulated and analyzed statistically according to theoretical reference and the table of uses and purposes built to the questions formulated in the questionnaire. The study concludes that the students who completed the Proformar in Nova Iguaçu had appropriated the territory category in the accomplishment of daily work only in questions related to dengue, however extended in this aspect. It recommends also to invest in other formative processes from the perspective of health vigilance and integration with primary care.
8

As ações de qualificação profissional do projovem trabalhador a partir do arco ocupacional saúde na percepção dos alunos, professores e coordenador pedagógico

Veloso, Bianca Ribeiro January 2011 (has links)
Submitted by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-10T15:10:20Z No. of bitstreams: 1 Bianca_Veloso_EPSJV_Mestrado_2011.pdf: 1838417 bytes, checksum: 135606a6bcc198dae012c45198bbbed9 (MD5) / Approved for entry into archive by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-10T18:48:32Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Bianca_Veloso_EPSJV_Mestrado_2011.pdf: 1838417 bytes, checksum: 135606a6bcc198dae012c45198bbbed9 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-11-10T18:48:32Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Bianca_Veloso_EPSJV_Mestrado_2011.pdf: 1838417 bytes, checksum: 135606a6bcc198dae012c45198bbbed9 (MD5) Previous issue date: 2011 / Fundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional em Saúde. / Analisa as ações de educação profissional do Arco Ocupacional Saúde do Projovem Trabalhador do Rio de Janeiro, verificando as finalidades e objetivos das ações do curso na percepção dos coordenadores, a concepção pedagógica do curso na percepção dos professores, a avaliação que os alunos fazem do curso, além do perfil dos alunos e suas expectativas em relação ao curso. Esta pesquisa investiga, sobretudo, as relações entre sujeito-sujeito e sujeito-sociedade na realidade em que eles vivem, por entender essa realidade como produção histórica das próprias relações sociais. Partimos da concepção histórico-dialética da estreita relação entre sociedade, mundo das idéias, mundo material, sua correlação direta com a luta das classes e a formação e produção do pensamento dos sujeitos. Tem um caráter qualitativo na interação com os sujeitos e documentos. Usou diversos bancos de dados para levantamento de documentação sobre o programa e instrumentos como entrevista, grupo focal e questionário semi estruturado. Os entrevistados foram alunos, professores e o coordenador pedagógico do Arco ocupacional Saúde do Projovem Trabalhador. Constatou-se que os objetivos e finalidades das ações de qualificação profissional do Arco saúde centram-se na qualificação aligeirada para atender à demanda do mercado de trabalho, em uma visão produtivista de educação, que se contrapõe à de uma formação centrada no educando proporcionando-lhe a consciência e a motivação que lhe permita o engajamento em movimentos coletivos visando tornar a sociedade mais livre e igualitária. Identificou a predominância, no discurso dos professores, de uma concepção pedagógica de educação profissional em saúde ancorada no pragmatismo, onde os métodos de ensino e os materiais instrucionais assumem papel muito relevante, voltados para a geração de competências supostamente demandadas pelo mercado de trabalho. Sobre as expectativas dos alunos, destacamos a centralidade que o trabalho assume em suas vidas. / Analyzes the actions of professional education Arc Occupational Health Worker Projovem of Rio de Janeiro, checking the purposes and goals of the actions in the perception of the course coordinators, the pedagogical design of the course in the perception of teachers, the assessment that students take the course and the profile of the students and their expectations for the course. This research investigates in particular the relationship between subject and subject-subject and society in the reality in which they live, to understand this reality as historical production of their own social relations. We start with the historical-dialectical conception of the close relationship between society, the world of ideas, material world, a direct correlation with the class struggle and the formation of thought and production of the subject. It has a qualitative character in the interaction with the subjects and documents. Used several databases to survey documentation about the program and tools such as interviews, focus groups and semi structured questionnaire. The respondents were students, teachers and pedagogical coordinator Arc Projovem Occupational Health Worker. It was found that the objectives and purposes of the actions of professional qualification of Arc health focus on the lighter qualifications to meet the demand of the labor market in a productivist vision of education, which opposes the formation of a learner-centered-providing you awareness and motivation that allows you to engage in collective movements in order to make society more free and equal. Identified the dominance in the discourse of teachers, pedagogical design of a health professional education anchored in the pragmatism, where the teaching methods and instructional materials take on very important role, focused on the generation of skills demanded by the market supposedly work. On the expectations of students, we highlight the centrality that takes the work in their lives.
9

Estado e Vigilância Sanitária: trabalho, força de trabalho e educação profissional em saúde, no contexto do Município do Rio de Janeiro

Laviola, Eduardo Cezimbra January 2010 (has links)
Submitted by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-18T15:45:20Z No. of bitstreams: 1 Eduardo_Laviola_EPSJV_Mestrado_2010.pdf: 844699 bytes, checksum: c58825380ac4501148f5940b024ac0de (MD5) / Approved for entry into archive by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-18T16:17:38Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Eduardo_Laviola_EPSJV_Mestrado_2010.pdf: 844699 bytes, checksum: c58825380ac4501148f5940b024ac0de (MD5) / Made available in DSpace on 2014-11-18T16:17:38Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Eduardo_Laviola_EPSJV_Mestrado_2010.pdf: 844699 bytes, checksum: c58825380ac4501148f5940b024ac0de (MD5) Previous issue date: 2010 / Fundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio. Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional em Saúde. / A presente pesquisa tratou de analisar as formas históricas como se organizam o trabalho e a força de trabalho de nível técnico em vigilância sanitária no contexto do Município do Rio de Janeiro, a luz das políticas sociais e de saúde implementadas no Brasil sob a égide do Estado novo-desenvolvimentista. Essa análise objetiva verificar as possibilidades e os desafios para a construção de processo educativo de perspectiva contra-hegemônica, como ferramenta indutora de uma autonomia e de uma emancipação do trabalhador técnico desse segmento da saúde pública, que torne possível a transformação das práticas em vigilância sanitária. As influências da pós-modernidade trazidas para o trabalho – a partir da exploração do percurso histórico da modernidade – bem como para a configuração dos planos superestruturais, Estado e sociedade civil e, também, para a educação profissional são exploradas em perspectiva teórico-metodológica. Para que fosse possível estabelecer as mediações necessárias requeridas pelo tema, esta pesquisa se propôs ainda abordar a gênese da vigilância sanitária no Município do Rio de Janeiro; as conseqüências da reforma da aparelhagem estatal brasileira desencadeada a partir dos anos 1990 e suas influências na configuração atual da vigilância sanitária carioca; as formas históricas do trabalho em vigilância sanitária; e as possibilidades e os desafios para a construção de processo educativo voltado ao trabalhador de nível técnico do órgão, como forma de ruptura com práticas fragmentadas, funcionalistas e de natureza prescritiva. / The present research was intended to analyze the historical ways in which are organized the work and workforce at technical level in sanitary surveillance within the context of the City of Rio de Janeiro, in light of the social and health policies implemented in Brazil under the aegis of the New-Development State. Such analysis seeks to verify the possibilities and challenges for the construction of the educational process of counter-hegemony perspective, as an inducer tool of an autonomy and of a emancipation of the technical worker from this health public segment, which makes possible the transformation of the practices in sanitary surveillance. The post-modern influences brought to the work – from the exploration of the modernity historical course – as well as to the configuration of the superstructural plans, State and civil society, and also to the professional education are addressed in a theoretical and methodological perspective. In order to make possible the establishment of the necessary mediations required by the theme, such research is also proposed to address the genesis of the sanitary surveillance in the City of Rio de Janeiro, the consequences of the Brazilian State apparatus reform started from the 1990’s and its influences in the current configuration of Rio’s sanitary surveillance; the historical forms of the work in the sanitary surveillance, and the possibilities and challenges for the construction of educational process focused on the technical level worker of the agency, as a way to break with the shattered, functionalist and prescriptive practices.
10

A educação profissional em saúde em um setor de educação corporativa: “criação de monstros áridos, de olhos ágeis e mãos firmes?”

Ribeiro, Nayla Cristine Ferreira January 2010 (has links)
Submitted by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-18T17:53:46Z No. of bitstreams: 1 Nayla_Ribeiro_EPSJV_Mestrado_2010.pdf: 792504 bytes, checksum: 22cdafb049892c60fae52f3f1095755f (MD5) / Approved for entry into archive by Mario Mesquita (mbarroso@fiocruz.br) on 2014-11-18T18:13:27Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Nayla_Ribeiro_EPSJV_Mestrado_2010.pdf: 792504 bytes, checksum: 22cdafb049892c60fae52f3f1095755f (MD5) / Made available in DSpace on 2014-11-18T18:13:27Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Nayla_Ribeiro_EPSJV_Mestrado_2010.pdf: 792504 bytes, checksum: 22cdafb049892c60fae52f3f1095755f (MD5) Previous issue date: 2010 / Fundação Oswaldo Cruz. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio. Biblioteca Virtual em Saúde - Educação Profissional em Saúde / Em tempos neoliberais, a educação é utilizada pelas instituições empresariais como um dos fatores para agregar valor à corporação. Buscando a sociabilização dos indivíduos à ótica hegemônica, emergiu no início da década de 1990 no Brasil, os setores de educação corporativa, buscando conformar os trabalhadores através de “ações educativas”, e a comunidade a partir das atividades de responsabilidade social. Neste estudo, analisamos as ações empregadas pela Fundação Unimed, que se constituí enquanto setor de educação corporativa para o Sistema Unimed. Esta instituição iniciou-se na década de 1960 como uma cooperativa médica de saúde que alegava pretender resgatar o papel social da medicina, ao longo dos anos sua estrutura cooperativista é substituída por ações de cunho empresarial. Assim, no trilho das instituições de negócio, a FU passou a investir na conformação ideológica de seus trabalhadores, fornecedores, clientes e comunidade social, ou seja, sua “cadeia de valor”, na concepção de Perelman (2005) denominamos de “auditório”. Contextualizamos nosso objeto de estudo a partir da entrada do neoliberalismo no contexto nacional, onde o capital passa a desqualificar o papel do Estado no tocante as questões sociais, e falaciosamente afirma assumir estas atividades denominando-se até mesmo como “agente educador”. Objetivando criar um consenso ao seu “auditório” a partir das atividades que desenvolve (Pós-Graduação Latu Sensu, Cursos de Capacitação, Cursos de Aperfeiçoamento, Educação a Distância e Responsabilidade Social), a FU se vale da persuasão, onde objetiva a “adesão dos espíritos” a fim de materializar seu processo de sociabilidade hegemônica. Compreendemos que estas ações de cunho neoliberal estão pautadas no âmbito da Teoria do Capital Intelectual (Capital Humano, Capital Estrutural e Capital de Marca) que busca (con)formar os indivíduos à ótica dominante. Apoiamo-nos nas reflexões teóricas do autor italiano, Antonio Gramsci, para sustentar nossa crítica ao modelo de conformação desenvolvido pelas empresas. Em meio ao crescimento do setor saúde sob o respaldo do neoliberalismo, compreendemos que a formação desenvolvida no interior da FU está arraigada a uma dominação societal que utiliza a educação profissional numa perspectiva “interessada”, onde limita a formação humana aos interesses da corporação. Assim sendo, compreendemos que a educação profissional em saúde não deve se limitar a “criação de monstros áridos, olhos ágeis e mãos firmes” (GRAMSCI, 2004a), ao contrário compreendemos a educação como um espaço contra-hegemônico de formação críticoemancipatória. / In neoliberal times, education is used by business institutions as a factor to add value to the corporation. Looking for the socialization of individuals to the hegemonic perspective, have emerged in the early 1990s in Brazil, the education enterprise, seeking to conform workers through “educational actions”, and the community from social responsibility activities. In this study, we examined the actions employed by Unimed Foundation, which is constituted as a corporate education sector for the Unimed System. This institution was started in the 1960s as a medical health cooperative which intended to rescue the social role of medicine; over the years its cooperative structure is replaced by shares of stamp business. Thus,in the rail of business institutions, the Unimed Foundation needed to invest in the ideological shaping of its workers, suppliers, customers and social community, ie its "value chain" that in Perelman’s (2005) conception is called "audience". We have contextualized our study object from the entry of neoliberalism in the national context, where capital disqualify the state's role on social issues, and fallacious claims to assume these activities calling itself even as an “educator agent”. Aiming to build a consensus to its "audience" from the activities that develops (Graduate Latu Sensu, Capacity Courses, Training Courses, Distance Education and Social Responsibility), the UF makes use of persuasion, aiming the "adhesion of spirits" in order to materialize its process of social hegemony. We understand that these actions are guided in the neoliberal framework of the Theory of Intellectual Capital (Human Capital, Structural Capital and BrandCapital) that seeks to (con)form individuals to the dominant perspective. We support our theoretical reflections on the Italian writer, Antonio Gramsci, to support our criticism of the model developed by companies conformation. Amid the growth of the health sector under the support of neoliberalism, we understand that the training developed within the UF is rooted in a societal rule that uses the professional education in an “interested” perspective, where the human formation is limited to the interests of the corporation. Therefore, we understand that professional education in health should not be limited to "creating arid monsters, agile eyes and steady hands” (GRAMSCI, 2004a), but we understand education as a counter-hegemonic space of critical-emancipatory formation.

Page generated in 0.0863 seconds