• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 601
  • 12
  • 10
  • 9
  • Tagged with
  • 635
  • 305
  • 155
  • 146
  • 119
  • 90
  • 88
  • 88
  • 73
  • 72
  • 66
  • 65
  • 63
  • 61
  • 59
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

O modo heterogenio de constituição da escrita

Correa, Manoel Luiz G. (Manoel Luiz Gonçalves) 1997 (has links)
Orientador: Maria Bernadete Marques Abaurre Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Estudos da Linguagem Made available in DSpace on 2018-07-21T21:43:08Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Correa_ManoelLuizG.(ManoelLuizGoncalves)_D.pdf: 11274320 bytes, checksum: a3aeef866356248c355d8065c5068b56 (MD5) Previous issue date: 1997 Resumo: Este trabalho tem como proposta a caracterização de um modo heterogêneo de constituição da escrita. Considerado o imaginário sobre a escrita que circula pela sociedade, a questão central abordada é a da atuação da Imagem que o escrevente faz da escrita na construção do texto. A caracterização desse modo heterogêneo de constituição da escrita está baseada, por um lado, na percepção de vários autores de que há textos produzidos em pontos intermediários entre os pólos considerados típicos do falado e do escrito; e, por outro, na atuação do princípio dia lógico da linguagem como condição de articulação de sua heterogeneidade. Primeiramente, essa caracterização é feita pelo estabelecimento de uma conceituação do modo heterogêneo de constituição de escrita a partir da discussão de dois pontos de vista básicos sobre a escrita: o da visão autonomista, que trabalha com a dicotomia radical entre o falado e o escrito, e o da visão que relativiza essa autonomia propondo um contínuo entre esses pólos. O segundo passo dessa caracterização consta da fixação de uma metodologia de trabalho a partir da criação de um espaço de observação que postula a circulação dia lógica do escrevente por três eixos de representação da escrita: o da imagem que o escrevente faz da gênese da (sua) escrita, o da imagem que o escrevente faz do código escrito institucionalizado e o da representação que o escrevente faz da escrita em sua dialogia com o já falado/escrito. Ainda nesse momento de fixação de uma metodologia, é adotado um modo particular de olhar para os textos, a saber, o do paradigma indiciário, tomado como base para investigação de pistas, regularidades e propriedades lingüísticas dos textos analisados. Abordando separadamente cada um dos três eixos propostos para observação, procede-se, num terceiro passo, à análise de um conjunto de oitenta e três dissertações do vestibular/1992. O funcionamento desse modo heterogêneo de constituição da escrita evidencia o caráter especifico (ao mesmo tempo, geral e particular) da relação escrevente/linguagem, permitindo problematizar tanto a visão que considera esse modo heterogêneo como interferência do oral no escrito, como a visão que o considera apenas como produto da retomada de modelos de escrita institucionalizados Abstract: The proposal of this study is to point out the features of a heterogeneous way of writing organization. Taken the imaginary about .xv.riting Which circulates among society into account, the question approached is the one which concerns the image performance which the "writer" makes of the writing in the text construction. The characterization of these features is based, on one hand, in the perception of severa I authors that there are texts produced in the mean points between the typically considered poles of spoken and written languages and, on the other, in the performance of the dialogistic principie of the language as condition of its heterogeneity combination. At first, this characterization is made by establishing of a concept of the heterogeneous way of the writing organization from two basic point of view discussion about writing: the autonomist view which deals with the radical dichotomy between spoken and written language and the view that makes this autonomy relative by proposing a continuUm between these poles. The second step of it is the establishment of a work methodology from the creation of an observation space that postulates the dialogistic circulation of the "writer" through three axis of writing representation: the one of the image which the "writer" makes of the genesis of his writing, the one that the "writer" makes of instituted written code and the one of the representation which the "writer" makes of the writing in its (and in his) dialogy with what has been already spoken/written. Yet, at this establishing methodology moment, it is adopted a particular way of analyzing the texts; namely the clue paradigm, taken as basis for investigations of linguistic cues, regularities and properties of the analyzed texts. Approaching separately each of the three axis for observation, in a third step, the analysis of a set of eighty-three dissertations of an admission exam for college of 1992 is made. How this heterogeneous way of writing organization works shows the spedfic feature (at the same time, general and particular) of the relation "writer" /Ianguage, allowing the questioning of either the view which considers this heterogeneous way as an interference of the oral into the written language or the one which considers only the produd of the reprodudion of the instituted writing models Doutorado Doutor em Linguística
2

O 13º macaco ou a estrategia social de evasão do tempo : um panorama sobre o tema da viagem no tempo, baseado em filmes de produção Hollywoodiana

Vadico, Luiz, 1967- 2000 (has links)
Orientador: Marcius Cesar Soares Freire Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Artes Made available in DSpace on 2018-07-27T11:12:50Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Vadico_Luiz_M.pdf: 5669646 bytes, checksum: 0a9c677872a415d1324fe63b3c0ace2a (MD5) Previous issue date: 2000 Resumo: Este é um panorama sobre o tema da viagem no tempo, baseado em filmes de produção hollywoodiana, visando perceber como se construiu socialmente esse imaginário. Partindo de um levantamento da produção cinematográfica que contou com um total de 40 filmes, foram mapeadas as suas principais características e estabelecidos os seus pontos marcantes. Elaborou-se então um panorama sobre o tema da viagem no tempo abarcando o período entre 1950 e 1998, nele foram destacadas e analisadas suas prin',c- ipais produções: "H.G. Wells: A Máquina do Tempo"(1960); "Planeta dos Macacos" (1968); "Os 12 Macacos" (1995), entre outras. Procurou-se, no decorrer do trabalho, relacionar estes filmes à sociedade e história americanas recentes Abstract: This is a view about the theme of travei in time, based on Hollywood movies, concerning about the perception and the social construction of this imaginary field. Starting from a research about the cinematographic production that counted on aproximately 40 movies, we have organized the mainly characteristics and we established their most important factors. We have made a view concerning about . the theme of travei through time in the period from 1950 to 1998, pointing and analising the mainly productions: "The Time Machine"(1960), "Planet of the Apes"(1968); "12 Monkeys"(1995), among others. We intended, in thís work, to make a relation between these movies and the North American history and society Mestrado Mestre em Multimeios
3

O imaginário: Uma viagem ao universo do "Acolhedor-acolhido"

NOGUEIRA, Maria Aparecida Lopes 1994 (has links)
Submitted by Caroline Falcao (caroline.rfalcao@ufpe.br) on 2016-05-25T16:38:42Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) 39N778i Dissertação.pdf: 8134936 bytes, checksum: 649c56af26f96d5ebc6266b92fa7034f (MD5) Made available in DSpace on 2016-05-25T16:38:42Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) 39N778i Dissertação.pdf: 8134936 bytes, checksum: 649c56af26f96d5ebc6266b92fa7034f (MD5) Previous issue date: 1994-09 A presente dissertação está situada no âmbito da Antropologia do Imaginário, e tem por objetivo compreender o fenômeno do "Acolhimento". O enfoque da Teoria do Imaginário foi escolhido, porque me proponho a discutir a questão paradigmática, entre outras coisas, acreditando ser a nível do paradigma que podem ocorrer as transformações que resultariam numa nova visão de mundo. O cerne do trabalho é, portanto, a questão da transformação, da mudança, por isto enfoca o processo do "Acolhimento" enquanto tal. Esse trabalho está dividido em quatro capítulos, são eles: O Paradigma, Fundamentação Teórica, Metodologia e Acolhedor-Acolhidos tirando a venda. Inclui, também, uma síntese e o encaminhamento para novos trabalhos no item - O que a mão ainda não toca, coração um dia alcança: perspectivas. O capitulo I- O Paradigma, contém o Paradigma da Física Moderna que serve de sustentáculo ao estudo desenvolvido, com a apresentação e discussão dos principais pressupostos adotados por nós. Traz, também, a trajetória que liga a Física Quântico — Relativista á Antropologia do Imaginário. A seguir tem-se o capitulo II- Fundamentação Teórica, onde se encontra discutida a Teoria que nos orientou- Está dividido em dois momentos: o primeiro deles, relaciona alguns dos principais estudiosos ligados à área do Imaginário, com a apresentação e discussão de suas ideias e conceitos5 o segundo momento, intitulado "A Antropologia do Imaginário e o "Acolhimento" se refere ao processo do "Acolhimento", como esse fenômeno é percebido, e como pode ser abordado no âmbito da Teoria do Imaginário. No capitulo III- Metodologia, tem-se três partes: a primeira, denominada "Fundamentos", que contém a apresentação e discussão dos conceitos e pressupostos principais da Abordagem Fenomenológica, aqui utilizada; na segunda parte, "Operacionalidade", se encontra a aplicação dos referidos conceitos e pressupostos do item anterior, relacionados ao trabalho de campo; na terceira parte "Mitocritica", apresentamos o método de análise utilizado nesse trabalho. O último capítulo - Acolhedor-Acolhido: tirando a venda, é o mais longo de todos. Está dividido em cinco partes: "Temas Fundamentais", contém os três temas encontrados no conjunto dos relatos ( Abandono , Sangue e Mãe ); "Núcleo Mítico", traz a apresentação e discussão do núcleo significativo do referido conjunto; "Símbolos da Inversão" e "Símbolos da Intimidade", contêm os principais símbolos encontrados no universo estudado; "As Estruturas Místicas", discute, de que forma as características do referido universo, insere-o nesse tipo de estrutura. O item - O que a mão ainda não toca, coração um dia alcanças perspectivas, contém uma síntese do trabalho apresentado, e o encaminhamento para novos trabalhos na área da Antropologia do Imaginário.
4

Mario Quintana: a (re) invenção lírica da infância

Lima, Tatiana Vieira de 2016 (has links)
LIMA, Tatiana Vieira de; COUTINHO, Fernanda Maria Abreu. Mario Quintana: a (re) invenção lírica da infância. 2016. 86f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Letras, Fortaleza (CE), 2016. Submitted by Márcia Araújo (marcia_m_bezerra@yahoo.com.br) on 2017-05-12T13:11:09Z No. of bitstreams: 1 2016_dis_tvlima.pdf: 861243 bytes, checksum: 23404321f448b0628010236f36780ef8 (MD5) Approved for entry into archive by Márcia Araújo (marcia_m_bezerra@yahoo.com.br) on 2017-05-12T13:11:27Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_dis_tvlima.pdf: 861243 bytes, checksum: 23404321f448b0628010236f36780ef8 (MD5) Made available in DSpace on 2017-05-12T13:11:27Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_dis_tvlima.pdf: 861243 bytes, checksum: 23404321f448b0628010236f36780ef8 (MD5) Previous issue date: 2016 Este trabalho tem como objetivo observar os modos pelos quais o imaginário infantil é representado na poesia do escritor sul-rio-grandense Mario Quintana (1906-1994). Busca-se compreender de que maneira se dá essa relação entre infância e poesia, criança e poeta, a partir da leitura das obras iniciais desse poeta: A rua dos cataventos (1940) e Canções (1946), além disso, compõem o corpus dessa pesquisa as obras constituídas por poemas em prosa: Sapato florido (1948), Caderno H (1973), A vaca e o hipogrifo (1977), Da preguiça como método de trabalho (1987) e Porta giratória (1988). A partir desse corpus propõe-se estabelecer uma discussão acerca dos sentimentos de tristeza e melancolia que envolvem a recordação da infância presente nos dois primeiros livros e que são substituídos nos livros de poemas em prosa, pela figuração de uma criança que é tida como um modelo a ser seguido pelo poeta em sua criação literária, a infância é representada não somente como uma fase cronológica da vida humana, mas como uma postura que o poeta assume diante de seu projeto literário. A fim de realizar o que se propõe, estabeleceu-se um diálogo com teóricos da literatura como Octávio Paz (1984,2012), Michael Hamburger (2007), Wolfgang Iser (2002), Emil Staiger (1997), bem como textos que discutem a infância: Gaston Bachelard, Benjamin (1994), Marisa Lajolo (2009), Marie-José Chombart de Lauwe (1991). Entende-se, portanto, que a criança é representada na poesia quintaniana de forma a desconstruir algumas concepções idealizadas relativas a fase pueril, além do mais, entre as diversas figurações da infância nessa poesia, prevalece de maneira persistente o encontro entre as idades, que só é possível por meio do fazer literário.
5

Narradores do sensível: um estudo sobre o imaginário e a cegueira na cidade do Recife (versão para quem enxerga)

ARAÚJO, Sandra Simone Moraes de 31 January 2011 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T15:03:35Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo1399_1.pdf: 9733781 bytes, checksum: 76ef9a31e3359c5c47e888df0c4696b7 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2011 Prefeitura da Cidade do Recife Esta tese teve como objetivo estudar a relação entre o imaginário e a cegueira, a partir da prática cotidiana dos cegos, na cidade do Recife, de maneira que se possa compreender como estes sujeitos percorrem o trajeto antropológico. A ideia de realizar um estudo desta natureza partiu da reflexão sobre a teoria do imaginário de Gilbert Durand, que o concebe, como o conjunto de imagens que compõem o capital pensado do Homo sapiens, e constitui a essência do espírito, como um esforço do ser humano em contrapor-se ao mundo objetivo da morte. Segundo o autor, na dinâmica do imaginário a essência do espírito impulsiona a capacidade humana de significar, as imagens são elementos organizadores da cultura e por meio delas o homem percorre o trajeto antropológico. Muitas vezes, quando se fala em imagens o pensamento logo conduz para algo que é percebido pelo sentido da visão. De forma muito apressada poderíamos pensar que alguém que não pode enxergar não teria capacidade de compor imagens, nem de compreender os símbolos de sua cultura. Os cegos, principalmente os que são portadores da cegueira congênita, desenvolvem a capacidade de apreender e se relacionar no contexto de sua cultura de maneira diversa do normovisual e de um modo particular percorre o trajeto antropológico. Para esta descoberta, foi utilizado como instrumental de coleta de dados, a observação direta do comportamento, a frequência ao curso de tiflologia, entrevistas semiestruturadas e a realização de uma oficina de fotografia direcionada para pessoas cegas. Os dados colhidos foram analisados por meio da mitocrítica, tendo como referencial teórico o que Gilbert Durand considera ser o entre saberes; a superação da oposição entre: natureza/cultura, cegueira/visão, etc. A partir da pesquisa foi possível observar que nas relações do cotidiano, dessa cidade, as pessoas cegas ainda são excluídas, e para viver nesse lugar criam táticas, subvertem os obstáculos e se organizam em instituições para reivindicarem melhorias na qualidade de vida. Atualmente a resistência das lutas em prol dessas melhorias, vem provocando, lentamente, modificações na cidade do Recife, criando pequenos oásis de acessibilidade, embora as mudanças ainda não contemplem todas as prerrogativas da legislação vigente destinada a pessoas com deficiência
6

Dimensões culturais no tratamento do câncer bucomaxilofacial

Ribeiro de Oliveira, Emanuelle 31 January 2011 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T15:05:42Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo6640_1.pdf: 9331430 bytes, checksum: 96077af9dd08aba0b95fae4abd72ff4e (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2011 Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Esta tese apresenta os resultados de pesquisa realizada com um grupo de pacientes usuários do Departamento de Odontologia e Próteses Reabilitadoras do Hospital do Câncer do Estado de Pernambuco, bem como dos profissionais de saúde cuidadores relacionados ao seu tratamento reabilitador odontológico. Trata-se de um estudo do imaginário objetivando compreender as dimensões culturais em ação na elaboração do significado do tratamento reabilitador bucomaxilofacial na vida de pacientes afligidos pelo câncer de cabeça e pescoço, bem como apreender representações dos profissionais de saúde cuidadores com base em suas atuações no Depto.Odonto-HCPE, a fim de oferecer indicativos para propostas de humanização na relação profissional-paciente. A coleta de dados foi realizada através de aplicação do Arquétipo Teste com nove elementos (teste AT-9), elaborado por Yves Durand, de acordo com a Teoria do imaginário de Gilbert Durand, por entrevista de acordo com um roteiro previamente elaborado e também fez uso de depoimentos. O teste AT-9 permitiu o reconhecimento da estrutura do imaginário de cada paciente e foi utilizado como auxiliar na elaboração da mitocrítica, abrindo perspectivas para contribuir com a humanização
7

Atravessando Sertões Memórias de Velhas e Velhos Camponeses do Baixo-Jaguaribe-Ce

Olivenor Souza Chaves, José 2002 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T18:31:03Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo7626_1.pdf: 1858889 bytes, checksum: 7cfb047b94d81a9d4951fed849d4f9fb (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2002 Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Articulando memória e experiência pessoal, procurei acompanhar o curso ordinário das experiências registradas pelas memórias de velhas e velhos camponeses da região do Baixo- Jaguaribe-CE, objetivando expressar a pluralidade de sentidos que os camponeses atribuem aos sertões em que nasceram e cresceram. Assim, através da História Oral de vida, estabeleci outros níveis de compreensão acerca das experiências vividas por esses sujeitos, que pudessem contrapor as interpretações que absolutizam a seca como sendo a única experiência vivida nos sertões do Ceará. Quanto à narrativa do trabalho, ela sugere ao leitor uma idéia de travessia que se realiza por diversos pedaços de sertões e por várias temporalidades que marcam o tempo da memória de meus entrevistados
8

A imagem da mulher ou a mulher da imagem: um estudo discursivo sobre o imaginário feminino na publicidade

José Leotti, Maria 2007 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T18:33:03Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo7469_1.pdf: 3215961 bytes, checksum: 013d10422a51b1361de3b3dc1f390b42 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2007 O presente estudo se propõe a compreender a construção do imaginário feminino em publicidades impressas em revistas que têm como público-alvo a mulher. O corpus foi composto por peças publicitárias veiculadas na revista Marie Claire, no período de 2003 a 2006, totalizando quarenta e dois anúncios. Buscou-se compreender, por meio das pistas encontradas nos textos publicitários enquanto materialidade lingüística, quem e como é a mulher para a qual esses discursos se dirigem; o que pensa e o que deseja a mulher que está na mira dessas publicidades. Para isso, investigou-se a produção imaginária e o modo como cada peça publicitária atinge seu objetivo, ou seja, convence e persuade a consumidora a adquirir o produto anunciado. A investigação sustentou-se nos princípios e procedimentos da Análise de Discurso, de perspectiva francesa (ADF), que abriu a possibilidade de reflexão sobre o discurso publicitário, levando em consideração as condições de produção que incluem, entre outros fenômenos, relações interdiscursivas e formações imaginárias, mais especificamente. Este estudo buscou ainda diálogo no campo da Filosofia, tomando como base a concepção de retórica aristotélica nas observações dos argumentos aplicados ao discurso publicitário, em especial, os de cunho persuasivo. Outro apoio teórico para a análise dos dados foi encontrado nos domínios da Comunicação e da Mídia. Foi dado ao corpus um tratamento discursivo, considerando que o enunciador desses discursos revela-se na enunciação e constrói seu ethos por intermédio das formações imaginárias com dupla face (caráter e corporalidade). Esta pesquisa sinaliza que, no momento de sua inscrição no discurso, o enunciador assume uma dada posição determinada pelas condições de produção de seu dizer. Esse gesto traz para a discursividade o que Pêcheux chamou de processo de antecipação que dá ao enunciador a possibilidade de planejar seu discurso em conformidade com o efeito de sentido que deseja produzir em seu interlocutor. Os resultados encontrados revelam que a análise do discurso publicitário não deixa no esquecimento o processo industrial pelo qual passa o produto anunciado, formula imagens femininas multifacetadas e para cada face dessa imagem há um recurso, uma estratégia de persuasão particularizada e muitas vezes, narcísica que produz efeito de individualização, mas tais funcionamentos não são transparentes necessitando de gestos de interpretação
9

Rachaduras Solarescas e Epigonismos Provincianos Sociedade e Cultura no Maranhão Neo-Ateniense: 1890-1930

de Jesus Barros Martins, Manoel 2002 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T18:34:34Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo7622_1.pdf: 773854 bytes, checksum: 2840c812728c95a2adcb94daec6a2405 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2002 Análise das representações formuladas pela elite letrada maranhense acerca dos processos de decadência material e de renovação cultural presentes na produção intelectual dos novos atenienses. Estuda-se a recorrência do discurso da decadência e do mito da Atenas Brasileira como elementos basilares das imagens produzidas sobre o Maranhão. Discute-se a atuação dos novos atenienses, visando proceder a uma renovação cultural sistêmica no Maranhão, ancorada: por uma produção intelectual ponderável, versando sobre os mais diversos ramos do conhecimento e, em grande parte, sobre a realidade regional; por um ambiente editorial minimamente dinâmico e responsável pela publicidade da referida obra; por um espectro institucional variegado, paulatinamente constituído como lugares de memória essenciais, até então inexistentes; e por uma diversidade de eventos comemorativos e de interesses coletivos e setoriais da comunidade gonçalvina
10

Sentidos da impermanência : imagens afetivas e o envelhecer-devir em filmes latino-americanos (2010-2015)

Senta, Clarissa Raquel Motter Dala 5 March 2018 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Comunicação, Programa de Pós-graduação em Comunicação, 2018. Submitted by Raquel Viana (raquelviana@bce.unb.br) on 2018-07-10T18:08:01Z No. of bitstreams: 1 2018_ClarissaRaquelMotterDalaSenta.pdf: 4215701 bytes, checksum: 72a8551898391567535c097404faf867 (MD5) Approved for entry into archive by Raquel Viana (raquelviana@bce.unb.br) on 2018-07-14T17:09:02Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2018_ClarissaRaquelMotterDalaSenta.pdf: 4215701 bytes, checksum: 72a8551898391567535c097404faf867 (MD5) Made available in DSpace on 2018-07-14T17:09:02Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2018_ClarissaRaquelMotterDalaSenta.pdf: 4215701 bytes, checksum: 72a8551898391567535c097404faf867 (MD5) Previous issue date: 2018-07-10 Tendo em vista as transformações contemporâneas nas formas de vivenciar o envelhecimento impulsionadas pelo aumento da expectativa de vida em nível mundial e, com isso, a criação de outros repertórios audiovisuais para os corpos envelhecidos, o estudo desenvolvido nesta tese busca analisar as ressignificações de imaginários afetivos em filmes latino-americanos do século XXI, levando em conta a articulação entre narrativas, linguagens e recepção cinematográficas na produção de sentidos sobre o envelhecer. Para isso, foram selecionados quatro longas-metragens de ficção: o argentino Dois Irmãos (2010), de Daniel Burman, o chileno Gloria (2014), de Sebastián Lelio, a coprodução México, Argentina e República Dominicana Dólares de Areia (2015), de Israel Cárdenas e Laura Amélia Guzmán e o brasileiro Que horas ela volta? (2015), de Anna Muylaert. A partir de uma análise transversal e rizomática dos filmes, busca-se identificar as formas de circulação de afetos nas obras, aqui entendidos dentro da perspectiva filosófica de Deleuze e Guattari. Fluxos, repousos e movimentos dos corpos e entre corpos são então investigados em seus potenciais de criação de uma zona de contato entre as diferenças capaz de fazer emergir uma visão afirmativa sobre o envelhecimento. Neste caminho, a Análise Fílmica das quatro obras selecionadas articula-se à pesquisa qualitativa de recepção cinematográfica com um dos filmes constantes do corpus de pesquisa. Como resultado de um mapeamento cartográfico dos atravessamentos de afetos identificados nas obras e do diálogo com os espectadores de dois grupos de discussão, foi possível identificar a emergência de três devires do envelhecer: o devir-velho, o devir-criança e o devir-feminino. Esses devires dialogaram, no entanto, com a formação de linhas duras (reforço de territórios legitimados) e linhas flexíveis (oscilação entre o antigo e o novo), o que indicou também, na pesquisa de recepção do filme Gloria com o público mais jovem, um reforço de fronteiras entre gerações. Por fim, o estudo aqui realizado aponta para o cinema como um espaço afetivo de interrelação eu/outro que avança para além de visões dicotômicas e excludentes, promovendo uma abertura para um entendimento mais complexo sobre o ser, a vida e a finitude. In view of the contemporary transformations in the ways of experiencing aging, driven by the increase in life expectancy at a global level, and with that, the creation of other audiovisual repertoires for aged bodies, the study developed in this thesis aims to analyze the resignification of imaginaries of affection in Latin American films of the 21st century, taking into account the articulation between narratives, languages and audience reception in the making of different meanings regarding the process of aging. In order to do that, this research analyses four fulllength fictional films: Daniel Burman’s Dois irmãos (2010), Sebastián Lelio’s Gloria (2014), Israel Cárdenas’s and Laura Amélia Guzmán’s Dólares de Areia (2015) and Anna Muylaert’s Que horas ela volta? (2015). From a transversal and rhizomatic analysis of the films, it is sought to identify in the analyzed films the forms of circulation of affections within the philosophical perspectives of Deleuze and Guattari. Flows, rests and movements of bodies and between bodies are then investigated in their potential of creating a zone of contact between differences capable of rising an affirmative view on aging. In this way, the Film Analysis of the four selected audiovisual/cinematographic works articulates itself to the qualitative research of audience reception which encloses one of the films of the research corpus. As a result of a cartographic mapping of the crossings of affections identified in the audiovisual/cinematographic works and of the dialogue, held with the spectators of two discussion groups, it was possible to identify the emergence of three becomings of aging: becoming-old, becoming-child and becoming-female. These becomings, however, converse with the formation of hard lines (reinforcement of legitimized territories) and flexible lines (oscillation between old and new), which were also indicated in the reception survey of the movie Gloria with the younger audience: a reinforcement of frontiers between generations. Finally, this study points to cinema as an affective space in the interrelation between self and other that advances beyond dichotomous and excluding visions, promoting an openness to a more complex understanding of being, life and finitude.

Page generated in 0.0496 seconds