• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 7
  • Tagged with
  • 7
  • 7
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Aspectos psicossociais associados da doença de crohn : um estudo clinico-qualitativo de pacientes ambulatoriais

Pereira, Isabel Cristina 2000 (has links)
Orientador : Egberto Ribeiro Turato Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas Made available in DSpace on 2018-07-27T17:14:45Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Pereira_IsabelCristina_M.pdf: 13462943 bytes, checksum: 4ebd78fddc8410dedc0c0b5c368753d9 (MD5) Previous issue date: 2000 Resumo: A Doença de Crohn caracteriza-se por um processo inflamatório de fator etiológico não definido, que pode acometer qualquer parte do tubo digestivo. Possui caráter impactante para o paciente, principalmente devido à sua cronicidade, complexidade e quadro sintomatológico limitante e doloroso. Para TEIXEIRA, HABR-GAMA & PINOTTI (1994), a Doença de Crohn representa um aspecto importante para a saúde pública, pois, além de atingir preferencialmente adultos jovens, tem apresentado aumento de incidência, seu tratamento fteqüentemente implica um ou mais procedimentos cirúrgicos ao longo de sua evolução e pode estar associada à neoplasia. Com isso, destaca-se o valor da realização desta pesquisa, ao mesmo tempo em que se busca uma compreensão da vivência do processo de adoecer, segundo o relato das experiências de pacientes portadores dessa enfermidade, considerando os aspectos psicossociais envolvidos. Est~ estudo possibilitou a reflexão sobre a maneira de lidar com o paciente a partir de uma interação bio-psicossocial. Como método de pesquisa, optou-se pelo Método Clínico-Qualitativo. Quanto aos procedimentos da investigação, foram realizadas entrevistas semi-estruturadas de quest~es abertas, aplicadas a pacientes portadores de Doença de Crohn, acompanhados no Ambulatório de Doença Inflamatória Intestinal do Serviço de Colo-Proctologia do Hospital das Clínicas da UNICAMP. O levantamento dos prontuários médicos forneceu pados complementares à compreensão das falas dos pacientes, bem como dados clínicos. O tratamento dos dados teve como base os nos conceitos da chamada 'Análise de Conteúdo'. O referencial teórico para interpretação dos resultados foram os conceitos mais usuais na psicologia médica. A análise dos dados apóia a conclusão de que os sentidos e os significados que pacientes com doença de Crohn atribuem aos fenômenos associados a essa doença estão em relação íntima não só com aspectos psicossociais, mas também com as necessidades de cada um. Isto posto, torna-se imprescindível uma atuação interdisciplinar integrando tratamento clínico, cirúrgico, psicoterápico, . de assistência social, e outros que se :fizerem necessários Abstract: Crohn's Disease is an inflammatory process that may involve any part of the digestive tract. It is little known and has a strong impact on the life of patients, mainly due to such characteristics as being achronic, complex disease, with a limiting and painful group of symptoms as well as an uncertain diagnosis. We would like to emphasize the importance ofthis research whi1e searching for a greater comprehension of the experience of illness from the viewpoint of patients with this infirmity, taking into account all the psychosocial aspects involved. A study was conducted which made it possible to reflect about the best way to care for the patients and the process of becoming afllicted with ill-health, from a perspective ofbio-psychosocial interaction. The Clinical-Qualitative Method was chosen as research method. As for investigational procedures Semi-Structured Interviews with Open Questions were conducted with patients diagnosed with Crohn's disease being treated at the General Clinic of the University Hospital of UNICAMP. Their medical records supplied supplementary data to the comprehension ofthe patients speech, as well as clinical data. These data were considered using as a basis referential concepts ofthe so called "Content Analysis". Results were presented in a descriptive manner accompanied by illustrative citations together with the discussion. "The theoretic reference for the interpretation of results were the most tlsual concepts in Medical Psychology. An analysis of the data obtained leads to the conclusion that the meaning and significance a Crohn disease patient attributes tê the phenomena associated with this disease are internally related, not on1y with psychosocial aspects but also with each individual' s necessities. Thus an interdiscip1inary action becomes indispensable and should integrate clinical, surgical and psychotropic treatment, social assistance, as well as any other action deemed necessary Mestrado Saude Mental Mestre em Ciências Médicas
2

O viver a doença de Crohn : aspectos psicologicos

Gabriel, Claudia Adalgisa Azevedo Romero 2001 (has links)
Orientador : Roosevelt Moises Smeke Cassorla Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas Made available in DSpace on 2018-07-28T22:35:58Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Gabriel_ClaudiaAdalgisaAzevedoRomero_M.pdf: 26188909 bytes, checksum: 4ed3df4fdef3a24fa69fa3b6e30edb4b (MD5) Previous issue date: 2001 Resumo: Procurou-se investigar e compreender os aspectos psicológicos dos pacientes portadores da doença de Crohn, doença inflamatória crônica, de causa desconhecida, que pode acometerqualquer parte do tubo digestivo(desde a boca até o ânus) e que até o momento não tem cura. O fato de se tratar de uma doença crônica, recidivante e de dificil diagnóstico, traz grandes repercussões na vida de tais pacientes. Através da Pesquisa Qualitativa, usando o método descritivo coletaram-se os dados utilizando-se como instrumento a entrevista semi-estruturada com questões abertas aplicada em nove (9) pacientes do Ambulatório de Doenças Inflamatórias do Intestino, do Serviço de Colo-Proctologia do Hospital das Clínicasda UNICAMP. A Análise dos Conteúdos foi realizada a partir do material coletado nas entrevistas e observações do cenário e das pessoas. Procurou-se valorizar a vivência do adoecer, considerando-se os aspectos da singularidade de cada entrevistado como elementos fundamentais para interpretação dos dados. A realidade da doença desperta sentimentos de impotência e aniquilamento. Sintomas como dores abdominais e diarréia contribuem para o rebaixamento da auto--estima. A imagem corporal muitas vezes não corresponde à imagem internalizada, contribuindo de modo significativo no isolamento dos pacientes, afastando-os de seu grupo social, profissional e até mesmo familiar. Encontrou-se outras repercussões como idéias suicidas, sentimentos de discriminação, amargura, ressentimentos, entre outros. Concluíu-se que o processo de adoecer acarreta mudanças inevitáveis na maneIra de viver destes pacientes, interferindo diretamente em seu cotidiano, exigindo adaptações em seu estilo de vida, dependentes de seus recursos internos de enftentamento e também do apoio recebido por parte da família, da equipe médica e dos amigos. Encontrou-se vivências permeadas de intenso sofrimento, sentimentos de desamparo e desalento, em que suas limitações fisicas e psíquicas fazem eco em suas relações familiares, sociais e profissionais, acarretando um isolamento voluntário, numa tentativa de evitar o 'olliar do outro', deixando-os mais vulneráveis a sentimentos de rejeição, solidão, raiva e medo. Sabe-se que a instabilidadedo quadro clínico favorece, e até mesmo mantém, o contato constante dos pacientes com suas limitações, impossibilitados de exercer sua rotina. Acredita-se que o acompanhamento por uma equipe multidisciplinar destes pacientes, já no início da manifestação dos sintomas, favorecerá o fortalecimento de recursos de ementamento em todo o processo de adoecer, considerando-se aqui o indivíduo como um ser biopsicossocial, na sua singularidade, e merecendo um olhar específico no manejo de sua enfermidade Abstract: This work aimed to investigate and discuss the psychological aspects of patients with Crohn's syndrome. This syndrome is a chronic inflammatory disease of unknown etiology that may affect any section of the digestive tract (from mouth to anus) and impossible to be cured until the present. To treat such chronic, episodically disease with bad diagnosis affect deeply the patients lives. The method used was qualitative and descriptive, and data were collect using semi-guided interviews with open questions of nine patients of the health service of inflammatory diseases of intestines attached to the service of colo-rectum of the Hospital das Clínicas,Unicamp, Campinas, Brazil. The analysis of data and observations collected in the interviews was made especially on the experience of getting ill and considering the aspects of the each interviewee as main elements for the interpretation. The reality of this disease causes feelings of hopelessness and annihilation. Symptoms like abdominal pains, diarrhea does contribute in the fIattering of self-esteem. The body image of the subject many times does not match to the internalized image, increasing the isolation of these patients from their social, professional and even family groups. Among other feelings, it was found suicida! ideas and feelings of being socially discriminated, bittemess and resentment. We concluded that the process of getting ill provoke inevitable changes in the way of life of these patients, affecting their daily lives and demanding adaptations of their life styles according to the inner personal resources of coping and, also of the family, friends and health staff support obtained. We found personal experiences of severe suffering, hopelessness and despair when their physical withdrawal symptoms echo in their family, social and professional relations causing voluntary isolation in an attempt of avoidance "others look", and this reaction make patients more vulnerable to feelings of rejection, loneliness,anger and fear. We know that the clinical instability of the disease helps, and even maintain, patients in continua! contact with personal limitations, hampered of living the routine normally. We believe that multidisciplinary follow-up since the beginning of the manisfestation of symptoms would help to strengthen their coping resources along a1lthe process, considering that the person is a singular bio-psycho-social being that deserves individualized care Mestrado Saude Mental Mestre em Ciências Médicas
3

Estudos de aspectos psicologicos e culturais de familiares de um grupo de pacientes esquizofrenicos frente a doença

Silva, Miguel Antonio de Mello 1998 (has links)
Orientador: Egberto Ribeiro Turato Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas Made available in DSpace on 2018-07-23T18:09:23Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Silva_MiguelAntoniodeMello_M.pdf: 6869556 bytes, checksum: 51d9e9efb7bcbc7b93797deb97f18d5c (MD5) Previous issue date: 1998 Resumo: Objetivos: Geral: Aferir e discutir elementos relacionados às informações, atitudes e crenças a respeito da esquizotrenia dentre 11 familiares de pacientes esquizotrênicos atendidos no Hospital das Clínicas da Universidade Estadual de Campinas, UNlCAMP. Objetivos Específicos: a) averigüar se os familiares estavam adequadamente informados sobre o diagnóstico nosológico, bem como sobre possível etiologia, curso, terapêutica e prognóstico; b) discriminar se as atitudes e crenças deles foram construídas a partir das informações médico-científicas e/ou elementos de fantasias pessoais ou ainda de elementos míticos e culturais; c) agregar material que pudesse ser útil aos profissionais de saúde mental no sentido de proporcionar melhor aconselhamento familiar bem como estimular a criação de associações dedicadas a trabalhar especificamente com famílias que tenham problemas parecidos. Método: Clínico qualitativo com o uso da técnica de entrevistas semi-dirigidas de questões abertas. Foi entrevistada uma amostra quantitativamente não-representativa, numericamente definida por saturação, de 11 familiares de paciente esquizotrênico, selecionada de acordo com o seguintes critérios: 1) ser um parente próximo por pelo menos 1 ano que compartilhe da vida diária do paciente; 2) ser maior de! 8 anos; 3) mostrar condições intelectuais-emocionais mínimas para a entrevista. O conteúdo das entrevistas foi categorizado levando em consideração tanto a trequência como a relevância das partes do discurso. Resultados: 1) Os dados indicam que os profissionais de saúde do campo pesquisado não tinham por prática informar sobre as características da doença e nem sobre demais formas de tratamento além da medicamentosa; 2) os familiares não buscavam informações científicas em outras fontes (literatura médica, por exemplo) e não cruzaram os limites do âmbito mítico de compreensão da doença; 3) A maioria deles ignorava a etiologia e o curso da doença; 4) a etiologia era atribuída fTequentemente aos excessos de: estudo, prática religiosa, pesar, quedas, "choques" alimentares e outros elementos com conotações míticas dentro do meio cultural deles. 5) Os familiares davam importância ao uso de medicações quando elas eram eficazes desde o início dos atendimentos; sendo que quando os pacientes respondiam mal a eles, ocorria um fortalecimento de suas crenças místicas; 6) A psicoterapia não foi mencionada; 7) O aconselhamento familiar de como lidar com o paciente na vida diáJ;ia bem como seu ajuste psicossocial eram escassos e inadequados. Conclusões: É muito provável que os pacientes esquizofTênicos e seus familiares eram mal-conduzidos no campo estudado uma vez que elementos importantes como o aconselhamento familiar sobre a doença e as formas de tratamento eram negligenciados Abstract: Aims: General: The general aim was to assess and discuss elements related to the informatio~ attitudes and beliefs on schizophrenia among 11 family members of patients at UNICAMP. The specific aims were: a) to assess if the family members had been adequately informed on nosological diagnostic and possible ethiology, course, therapeutics and prognosis; b) to discriminate attitudes and beliefs on schizophrenia were constructed ffom medical-scientific information and/or elements of personal fantasies or also ITom mythic and cultural elements; c) to aggregate helpful material for professionals in mental health field to be able to perform better family counseling and to stimulate the creation of associations dedicated to work especifically with akin families which have similar problems to cope. Method: Clinical-qualitative method, using the technique of semi-g!lided interview with open-ended questions. One quantitative non-representative sample of 11 subjects was interviewed, numerically defined by saturation, in which every subject was a family member of a schizophrenic patient, selected according to the following criteria: 1) to be a dose relative daily coping with the patient for at least one year; 2) to be maj()r-aged (18 years old); 3) to show minimum intellectual and emotional conditions for the interview. The content of interviews were categorized considering. both ffequency and relevance of the discourse.'" Results: 1) Doctors neither inform the members of the families on the diagnostic ofthe disturb in many cases or on other forms oftreatments; 2) family members did .not search for sources of scientific information (medical literature, as an example) neither crossed the boundaries oftheir mythic comprehension. 3) Most ofthem ignored the ethiology and course of the disease; 4) the ethiology was was ffequently attributed, by the subjects, to excesses of study, religion practice, grief, falIs, temperature and foods "shocks" and other elements that may have special mythical conotations in their natural environment; 5) thesubjects used to give more importance to medication when they were efficient since the beginning of the treatments and when the patients did not show better condition, their mythical conceptions were reinforced; 6) Psychotherapy was not mentioned; 7) Family counseling on how to cope with the patient in daily life as welI as their psycho-social adjustment were scarce and inapropriate. Conclusions: . It's very probable that the schizophrenics and their family members were .misconducted in the field of study since importante elements such as family counseling on the disease and the forms of treatments were negJected. They were not enough informed on treatments available and could only spontaneoulsy recognize the importance of drugs on the treatment when they were etfective since the beginning of medical care (some less responsive cases to medication helped to create beliefs of mythical means of treatment). Psychotherapy as a mean of social adiustment was not mentioned. Family counseling how to cope with the patient daily were scarce and . inadequate. Conclusions: It's probablé that schizophrenic patients are misconducted at the field studied since important elements like family counseling on the disturbance and treatment are neglected Mestrado Mestre em Saude Mental
4

Repensando a relação medico-paciente a luz do metodo observacional-compreensivo : considerações balintianas sobre a pratica medica em consultorios de medicos de familia

Casser, Alceu Roberto 1993 (has links)
Orientador : Egberto R. Turato Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas Made available in DSpace on 2018-07-18T10:36:57Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Casser_AlceuRoberto_D.pdf: 6104453 bytes, checksum: 6e6474c5ecb071718e2bc0777f7d322e (MD5) Previous issue date: 1993 Resumo: O presente trabalho procura repensar a relação médico-paciente através do Método Observacional-Compreensivo, composto parcialmente pelo Método de observação da relação Mãe Bebê na Família (Bick 1964) e pela aproximação compreensiva do Método Clínico (Trinca 1984). Utilizando-se deste guia metodológico, o autor procura através das. Situações clínicas observadas, que foram complementadas com entrevistas, ilustrar, sensibilizar e abrir uma discussão sobre a prática médica no que se refere aos cuidados emocionais, na relação do médico com seu paciente. Optou-se pelos consultórios de família para o trabalho de campo, pois são os que reúnem,no entender do autor, as melhores condições ambientais para que se observem os trâmites emocionais que envolvem o médico e seu paciente, no seu dia a dia comum. Os trabalhos na área da Psicologia Médica do renomado médico húngaro M.Balint é a escolha teórica do autor, pois além de ter sido um pioneiro no assunto, desenvolveu um método semelhante ao que o autor propõe, e, suas proposições conceituais permanecem valiosas e são aplicáveis à realidade brasileira Abstract: This paper searchs away to investigate doctor- patient relationship through Comprehensive-Observational method, which is composed of Bick's (1964) method on Mather - Baby observation and Trinca's(1984) Comprehensive aproach of The Clinical Method. The author uses this method guide to search a way through clinical situations observed and completed with interviews, to illustrate, to sensibilize and to re-start adiscussion about emocional everyday medical practice. It was choosen - family medical bureau because on authors thinking, it concentrate a better surrondings conditions for emocional care. Michael Balint is the author's teorerical preference because of his originality on creating a method to help doctors on their practice, which is close to the author's idea, and also because his main ideas still untouchable. And aplicable to the Brazilian medical pratice Doutorado Mestre em Saude Mental
5

Fatores que influenciam as indicações de tratamentos psiquiatricos em unidades basicas de saude do Municipio de Campinas : um estudo clinico-qualitativo da visão do psiquiatra

Sales, Glaucia Telles 2001 (has links)
Orientador: Egberto Ribeiro Turato Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas Made available in DSpace on 2018-07-29T01:02:33Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Sales_GlauciaTelles_M.pdf: 73975601 bytes, checksum: 1d453901e15c8c42eb3a3dae11e362e4 (MD5) Previous issue date: 2001 Resumo: O presente trabalho objetivou analisar, entender e discutir os pontos de vista de uma amostra de psiquiatras e o significado atribuído por eles aos fatores de influência sobre suas indicações de tratamento nos serviços de saúde pública da cidade de Campinas. Os objetivos específicos foram: 1) Identificar e descrever as indicações de tratamento feitas pelos psiquiatras nas Unidades Básicas; 2) Identificar e descrever a visão e significados que os psiquiatras atribuíram acerca dos múltiplos fatores influentes sobre estas indicações. Este estudo pressupôs que a visão dos psiquiatras recairia sobre a grande influência dos fatores institucionais nos tratamentos, mas que as características próprias de sua pessoa seriam fatores fundamentais de influência sobre algumas indicações. As razões para esta pesquisa fundamentaram-se na importância da qualidade da relação médico-paciente nas Unidades Básicas; em conhecer a visão do psiquiatra de maneira a contribuir para nortear aspectos organizacionais do serviço; relevância médico-social da prevenção e abordagem terapêutica na saúde mental na Rede Básica e a possibilidade de que os resultados possam contribuir para reflexões sobre o tema. O Método utilizado foi o Clínico-qualitativo, operacionalizado através da técnica de Entrevista Semidirigidade Questões Abertas. A amostra foi de 08 psiquiatras da Rede definidos segundo os critérios de inclusão: concordar em participar da entrevista mediante seu tema; aceitar a impossibilidade da delimitação de tempo para a entrevista; aceitar a gravação em fita para posterior transcrição literal; concordar com um segundo encontro caso necessário. Os resultados indicaram que os tratamentos psiquiátricos nas Unidades seguem desde um padrão da clínica clássica até a associação desse padrão a outras alternativas de tratamento possíveis na instituição ou mesmo em outros serviços da Rede. Os fatores que influenciam as indicações de tratamento convergem entre os fatores relativos à pessoa do paciente, fatores institucionais e fatores próprios da pessoa do psiquiatra, mas, em geral estão principalmente baseados em fatores próprios da pessoa do psiquiatra do que a outros por ele argumentados. A pessoa do paciente torna-se um fator entre fatores Abstract: This current work aimed to analyze, understand and discuss the viewpoints of a sample of psychiatrists and the meaning attributed by them to the mtluencing factors about their treatments prescriptions in the health city service of the city of Campinas. The specific aims were: 1) identify and describe the prescriptions of treatments given by psychiatrists in the basic units of the city health service; 2) identify and describe the conceptions and meanings psychiatrists had concerning the multiple factors influencing on these prescriptions. This study assumed that the psychiatrists views would confirm the great influence of the institutional factors in the treatments but it also considered that the psychiatrists personal traits would be the most important factors that could influence on some prescriptions given. The reasons for this research indicate the importance of to qualify the doctor-patient relation in the basic health care; to know the psychiatrist's view in order to contnDute for the organization of the service; the social medical importance of prevention and therapeutic mental health approach in the basic care and the possibility that results may contribute to reflections on these issues. The method used was clinical qualitative, using the technique of semi-guided open-ended interviews. The sample was of 08 psychiatrist of the basic care service defined according to inclusion criteria: to agree on participate of the interview about this topic; to accept the prior unknown extent of the interview; to accept the tape recording for later transcription; to agree about a second meeting if necessary. The results indicate that psychiatric treatments in the units follow patterns ranging from the standard clinic to the combination of this pattem with others alternatives of treatment able to be offered in the institution or even in others services of care system. The influencing factors for referals of treatment are those of the patient, institution and personal traits of the psychiatrist but, in general, they are mainly based on the personal traits of the psychistrit than the others they indicated. The patient is just one factor among the others Mestrado Saude Mental Mestre em Ciências Médicas
6

Os fenômenos emocionais envolvidos na prática médica

Moraes, Maria Helena Cruz de 2001 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Made available in DSpace on 2012-10-18T10:51:33Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2014-09-25T23:34:42Z : No. of bitstreams: 1 177258.pdf: 3918855 bytes, checksum: 7d7e218b4a2d0d32101e95aaf3d20bb7 (MD5) Descrição e análise dos fenômenos emocionais envolvidos na interação entre médicos residentes e parturientes durante o período de pré-parto e parto, através de observações participantes de campo. Identificação de (1) padrões interacionais, (2) interações específicas, de acordo com as características de personalidade dos residentes e (3) situações inusitadas vivenciadas dentro do contexto assistencial. De acordo com a conclusão de necessidade de preparo e suporte psicológico para os profissionais de medicina desde a Universidade, proposição de algumas medidas profiláticas.
7

Vivencias da gravidez relatadas por mulheres com anemia falciforme : um estudo clinico-qualitativo

Santos, Shirley Nunes dos 2007 (has links)
Orientador: Egberto Ribeiro Turato Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas Made available in DSpace on 2018-08-08T02:11:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Santos_ShirleyNunesdos_M.pdf: 763247 bytes, checksum: adf64d2991413d498cdb52bf978d9dfc (MD5) Previous issue date: 2007 Resumo: As propostas de políticas de saúde para a população negra têm uma história recente no cenário político brasileiro, com um destaque especial para o Programa Nacional de Anemia Falciforme. A anemia falciforme é a doença hereditária mais comum no Brasil e constitui um problema de saúde pública. Alguns trabalhos buscaram destacar a relevância do enfoque epidemiológico da anemia falciforme entre as mulheres e suas repercussões na saúde reprodutiva dessa população. Mulheres portadoras de anemia falciforme apresentam maior risco de abortamento e complicações durante o parto, fatos que geram repercussões emocionais na gestante. O objetivo desta pesquisa foi conhecer significados das vivências da gravidez relatados por mulheres portadoras de anemia falciforme. Utilizamos o método clínico-qualitativo, tendo sido a amostra fechada por saturação das informações, composta por nove pacientes acompanhadas no Ambulatório de Alto Risco e na enfermaria de patologias obstétricas do Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher (CAISM). Suas idades variaram de 19 a 35 anos de idade, com períodos gestacionais entre 16 e 30 semanas. Foram realizadas entrevistas semidirigidas com questões abertas, gravadas, transcritas e submetidas à análise qualitativa de conteúdo. Os resultados foram categorizados em tópicos, dos quais elegemos dois para discussão neste trabalho: (1) o significado da maternidade parece permitir que o desejo de ser mãe se manifeste mais forte do que sentimentos comuns de medo relacionados à doença e os seus agravamentos; (2) a presença da doença no cotidiano dessas mulheres, as várias complicações e internações foram percebidas de maneira ambivalente, como um ¿mal necessário¿. Como esperado, o apoio de familiares e de profissionais da saúde foram cruciais para que a gestação dessas mulheres fosse enfrentada de forma mais tranqüila. O estudo sugere que apesar da vivência de angústias existenciais e psicológicas que envolvem normalmente a gravidez, das limitações da doença para o desempenho de funções profissionais e sociais e do conhecimento das possibilidades de complicações clínicas para a mãe e/ou para o bebê, estes sentimentos não interferiram na manifestação do desejo do exercício da maternidade Abstract: The political proposals concerning the health of the black population have a recent history in the Brazilian political scenery with a special focus on the Sickle Cell Anemia National Program. The sickle cell anemia is the most common hereditary disease in Brazil and it is a public health problem. Some works have tried to emphasize the epidemiological aspect of the sickle cell anemia among women and its repercussions for the reproductive health of that population. Women with sickle cell anemia have higher miscarriage risks, besides higher risks of complications during childbirth. These risks have an emotional impact on pregnant women. The objective of this research was to have a better understanding of the experience of pregnant women with sickle cell anemia. We used the clinical-qualitative method; the sample included nine patients who had their follow-up done at the ¿Clinic of High Risk and in the Infirmary of Obstetric Pathologies at the Center of Integral Attention to the Woman's Health¿ (CAISM). Their ages ranged from 19 to 35, and the gestational age ranged from the 16th to the 30th weeks. Data were collected through semidirected interviews with open-ended questions; they were recorded, transcribed and underwent qualitative content analysis. The results were classified in topics, of which we chose two for discussion in this work: (1) the importance of maternity seems to make the desire of being a mother stronger than the fears related to the disease and its aggravations; (2) the presence of the disease in the daily lives of these women, the several complications and hospitalizations were faced with mixed feelings, as a "necessary evil". As expected, the support of relatives and health professionals was crucial for these women to withstand their pregnancy with more tranquility. The study suggests that in spite of the feelings of existential and psychological anguishes that usually involve these kind of pregnancy, and in spite of the professional and social limitations caused by the disease and in spite of the awareness of the possibilities of clinical complications for the mother and/or for the baby, there was still a strong desire of being a mother Mestrado Ciencias Biomedicas Mestre em Tocoginecologia

Page generated in 0.0943 seconds