• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 102
  • Tagged with
  • 102
  • 102
  • 102
  • 102
  • 16
  • 12
  • 11
  • 9
  • 9
  • 9
  • 8
  • 8
  • 8
  • 7
  • 7
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Bioethical dilemmas

Andrade, Bianca Lima da Silva 14 June 2016 (has links)
Submitted by Silvana Teresinha Dornelles Studzinski (sstudzinski) on 2016-08-25T12:44:53Z No. of bitstreams: 1 Bianca Andrade_.pdf: 330379 bytes, checksum: d2155ed8ff3610cb77571fa1cada60bd (MD5) / Made available in DSpace on 2016-08-25T12:44:53Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Bianca Andrade_.pdf: 330379 bytes, checksum: d2155ed8ff3610cb77571fa1cada60bd (MD5) Previous issue date: 2016-06-14 / CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / Esta é uma dissertação sobre os dilemas bioéticos. O objetivo deste trabalho é determinar quais são os dilemas, quais são os dilemas em bioética, quais são os assuntos comuns a todos os dilemas e classificar dilemas em bioética dividindo-os em categorias para diminuir a incerteza em torno destas discussões políticas. Eu pretendo construir um sistema que poderia ajudar-nos especialistas em ética, eticistas, reconhecer o que questões que estamos lidando e que, provavelmente, seria um primeiro passo para a resolução de dilemas em bioética. / This is a dissertation about bioethical dilemmas. The aim of this work is to determine what are dilemmas, what are dilemmas in bioethics, what are the subjects common to all dilemmas and classify dilemmas in bioethics dividing them into categories to diminish the fuzziness around these polemical discussions. I plan to build a system that could help us, ethicists, recognize what issues we are dealing with and that would probably would be a first step towards the resolution of dilemmas in bioethics. The scope of the work will be: this introduction, a chapter about dilemmas divided into simplified dilemmas, amplified dilemmas and moral mathematics and bioethical dilemmas: why solve them, a chapter about problems involving all dilemmas: the matter of time and well-being and suffering, a chapter on a proposal on bioethical dilemmas: identity dilemmas, self-consciousness dilemmas, future suffering dilemmas and freedom dilemmas and the conclusion.
2

Metafísica de Schopenhauer enquanto prática

Webber, Anderson Vieira de Lima 30 August 2013 (has links)
Submitted by William Justo Figueiro (williamjf) on 2015-08-28T17:57:56Z No. of bitstreams: 1 39e.pdf: 533480 bytes, checksum: 943c1b81d4a73106f3fb3bdfa6e39887 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-08-28T17:57:56Z (GMT). No. of bitstreams: 1 39e.pdf: 533480 bytes, checksum: 943c1b81d4a73106f3fb3bdfa6e39887 (MD5) Previous issue date: 2013-08-30 / CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / O trabalho presente é um estudo bibliográfico das obras de Schopenhauer, com o intuito de pesquisar, dentro de sua filosofia, uma postura de vida enquanto prática. Através de uma leitura de sua obra, com auxílio de críticos e outros pensadores, o trabalho apresentará como a filosofia de Schopenhauer pode ser pensada em uma maneira prática. Por essa análise bibliográfica de seus estudos, conclui que a filosofia de Schopenhauer não pode ser considerada um simples pessimismo, mas, também, um otimismo prático. A visão quanto à filosofia de Schopenhauer vista como um filósofo pessimista será parcialmente desfeita, com as investigações deste trabalho, concluindo um novo olhar sob um conhecido autor, não mais atrelado à clássica visão do pessimismo, mas com uma nova perspectiva de sua filosofia enquanto prática, postura de vida, atribuindo importância atual, tanto a Schopenhauer quanto ao tema tratado nessa investigação. Ao fim do presente trabalho, estaremos diante de um Schopenhauer que nos aparece como um otimista às questões e aos problemas de nossa vida. / This work is a bibliographical study of the works of Schopenhauer, to search within his philosophy of life as a practice. Through a reading of his work, and with the help of critics and other thinkers this work will show how Schopenhauer's philosophy can be thought of in a practical way. By this bibliographical analysis of its studies this study will conclude that Schopenhauer's philosophy cannot be considered a simple pessimism, but also as a practical optimism. The view on the philosophy of Schopenhauer as a pessimistic philosopher will be partially undone with the investigations. Concluding a new look under a known author, no longer pegged to the classical view of pessimism, but with a new perspective of his philosophy as practice, posture. Assigning current importance both to Schopenhauer and the theme of this investigation. At the end of this study we will be faced with Schopenhauer that appears as an optimistic the issues and problems of our lives.
3

A teoria da evolução entre a teleologia e a síntese contemporânea

Allgayer, Heloisa 10 April 2015 (has links)
Submitted by Silvana Teresinha Dornelles Studzinski (sstudzinski) on 2015-10-27T15:08:24Z No. of bitstreams: 1 Heloisa Allgayer_.pdf: 1365327 bytes, checksum: e073d61cdb4831421209a9f2d87669e3 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-10-27T15:08:24Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Heloisa Allgayer_.pdf: 1365327 bytes, checksum: e073d61cdb4831421209a9f2d87669e3 (MD5) Previous issue date: 2015-04-10 / CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / A obra Origem das Espécies de Charles Darwin é um marco na ciência, tanto pela sua abordagem evolucionista da origem das espécies, quanto pela sua estratégia argumentativa em favor da hipótese de que a seleção natural seja seu principal mecanismo. Darwin chama sua obra de “um longo argumento”, e este argumento, ou seja, a obra, é estruturada tendo do princípio de seleção natural como seu principal eixo constante biológico na natureza que determina quais espécies serão preservadas e quais serão extintas, pela preservação das variações úteis a seus possuidores em face de suas “condições de vida” e extinção das que lhes sejam injuriosas. A síntese evolutiva consiste na união entre o viés naturalista o qual descende diretamente de pensamento de Darwin, e os geneticistas (empiristas) que reavivam Mendel para desenvolverem suas pesquisas em genética, essas duas áreas aparentemente distintas se conciliam e assim a síntese é desenvolvida. A síntese estendida é a teoria da evolução descrita previamente unindo-se a novas descobertas e o desenvolvimento de técnicas moleculares, que possibilitaram o descobrimento da estrutura do DNA e do projeto genoma. O objetivo geral dessa dissertação é argumentar em favor de uma modificação de uma teoria teleológica (em Darwin) para uma teoria não teleológica (Síntese estendida). Os objetivos específicos são analisar a teoria de Darwin desenvolvida na Origem, analisar a construção da síntese e finalmente analisar os componentes da síntese estendida. Para responder ao objetivo geral são descritas a teoria de Darwin, a síntese e a síntese estendida, e analisados de que forma podemos encontrar noções de cunho teleológico no que concerne a causalidade. Através dessa análise, pude perceber que a causalidade em Darwin é de cunho teleológico, mas está incluída em um tipo diferente de teleologia por sua causalidade não ser intencional. Na síntese estendida, devido ao avanço nas pesquisas, que a teoria da evolução perde essa noção teleológica no que concerne a causalidade. / The book Origin of Species Charles Darwin is a milestone in science, both for its evolutionary approach the origin of species, as for its argumentative strategy in favor of the hypothesis that natural selection is its main mechanism. Darwin called his book of "one long argument", and this argument, the work is structured with the principle of natural selection as its main axis constant biological in nature that determines which species will be preserved and which shall be extinct, the preservation variations useful to their owners in the face of their "living conditions" and extinction of injurious to them. The evolutionary synthesis consists of the union between the naturalistic bias that directly descended from thinking of Darwin, and geneticists (empiricist) that rekindle Mendel to develop their research in genetics, these two apparently distinct areas are reconciled and so the synthesis is developed. The extended synthesis is the theory of evolution previously described joining the new discoveries and the development of molecular techniques that enabled the discovery of the structure of DNA and the genome project. The overall objective of this dissertation is to argue in favor of a modification of a teleological theory (Darwin) to a non-teleological theory (extended synthesis). The specific objectives are to analyze Darwin's theory developed in the Origin, analyze the construction of the synthesis and finally analyze the components of the extended synthesis. To respond to the overall objective are described Darwin's theory, synthesis and extended synthesis, and analyzed how we can find teleological notions regarding causality. Through this analysis, I could see that causality in Darwin is teleological, but is included in a different kind of teleology for causality not be intentional. In the extended synthesis, due to advances in research, that the theory of evolution loses this teleological notion regarding causality.
4

Avaliando dois programas de pesquisa sobre a teoria dos modelos Relacionais

Pauly, Daniel Uptmoor 29 August 2017 (has links)
Submitted by JOSIANE SANTOS DE OLIVEIRA (josianeso) on 2017-10-27T15:26:15Z No. of bitstreams: 1 Daniel Uptmoor Pauly_.pdf: 866801 bytes, checksum: 47ce8b118d38aa0b34cb476f99c4848f (MD5) / Made available in DSpace on 2017-10-27T15:26:15Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Daniel Uptmoor Pauly_.pdf: 866801 bytes, checksum: 47ce8b118d38aa0b34cb476f99c4848f (MD5) Previous issue date: 2017-08-29 / CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / PROSUP - Programa de Suporte à Pós-Gradução de Instituições de Ensino Particulares / O objetivo geral desta dissertação é estudar a teoria acerca da sociabilidade humana de Fiske. O objetivo específico desta dissertação é comparar dois programas de pesquisa rivais que descrevem a cognição social conforme a teoria de Fiske. Duas explicações diferentes sobre a Teoria dos Modelos Relacionais de Fiske são apresentadas por dois programas de pesquisa concorrentes. O primeiro, defendido por Bolender, incorpora campos da física, biologia, filosofia da linguagem e entende que, sendo as quatro escalas de medida fundamentais para as quatro formas elementares de sociabilidade, é possível que elas tenham origem em um gerador central de padrões único. O segundo, defendido por Favre e Sornette, utiliza matemática e lógica para mostrar como podem surgir as quatro formas elementares de sociabilidade sem fazer menção às quatro escalas de medida. Utilizaremos metateorias filosóficas para avaliar ambos programas de pesquisa. A importância de avaliar os dois programas consiste em um esforço no sentido de aprofundar o entendimento acerca da Teoria dos Modelos Relacionais. / The main goal of this dissertation is to study the theory about human sociability according to Fiske. The specific goal of this dissertation is to compare two rival research programs that describe the social cognition as defended by Fiske. Two different explanations about the Relational Models Theory from Fiske are presented by two rival research programs. The first, defended by Bolender, incorporates fields from physics, biology, philosophy of language and states that, being the four measurement scales fundamental to the four elementary forms of sociality, it is possible that they have its base on a central pattern generator. The second, defended by Favre and Sornette, utilizes math and logic to show how the four elementary forms of sociality appear and does not mention the four measurement scales. We will apply philosophical metatheories to evaluate both research programs. The importance of evaluating both programs consists in an effort towards deepening the understanding of the Relational Models Theory.
5

Razões de punir: a teoria de H. L. A. Hart

Santos, Paulo Vinícius Borges 30 October 2017 (has links)
Submitted by JOSIANE SANTOS DE OLIVEIRA (josianeso) on 2018-01-31T12:22:59Z No. of bitstreams: 1 Paulo Vinícius Borges Santos_.pdf: 624651 bytes, checksum: 29ea7a5adce22046f92d66f585d69ea1 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-01-31T12:22:59Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Paulo Vinícius Borges Santos_.pdf: 624651 bytes, checksum: 29ea7a5adce22046f92d66f585d69ea1 (MD5) Previous issue date: 2017-10-30 / Nenhuma / Pretende-se analisar, nesta dissertação, as razões de punir sob o prisma da teoria mista de H. L. A. Hart, observando para isso em que medida Hart adota as teorias utilitarista e retributivista, especialmente em Bentham e Kant. Para tanto, observa-se o pensamento filosófico na conceituação da finalidade da punição e nas razões pelas quais se deve punir. Objetiva-se, com isso, examinar as teorias da pena com o intuito de encontrar respostas às questões: o que justifica a prática geral da punição? A quem pode a punição ser aplicada? Como nós podemos punir? A pesquisa é eminentemente bibliográfica, desenvolvida a partir da identificação, leitura, análise e interpretação dos escritos dos maiores defensores destas escolas filosóficas. O utilitarismo projeta a função da pena para o futuro, objetivando a prevenção de novos delitos. Sob outra perspectiva, o retributivismo, ao enxergar a pena como consequência do delito, volta sua visão para o passado, apontando como seu fundamento o merecimento e o castigo do infrator. Hart defende a integração das duas teorias mais importantes do pensamento filosófico, considerando a teoria utilitarista quanto ao objetivo geral justificador, e a retributivista no que concerne à distribuição. Da análise da teoria mista de Hart observa-se que, diante da complexidade do instituto da punição, a razão de punir se revela num sistema misto e equilibrado, que abrange tanto a retribuição ao infrator pelo mal cometido como a prevenção de novos delitos. / This dissertation purpose is to analyze the reasons for punishing from the point of view of the H. L. A. Hart's mixed theory, observing to what extent Hart adopts utilitarian and retributivist theories, especially in Bentham and Kant. For this, one observes the philosophical thought in the conceptualization of the aim of the punishment and the reasons by which one must punish. The purpose is to examine the theories of punishment in order to find answers to the questions: what justifies the general practice of punishment? To whom may punishment be applied? How may we punish? The research is eminently bibliographical, developed from the identification, reading, analysis and interpretation of the writings of the greatest defenders of these philosophical schools. Utilitarianism projects the justification of punishment for the future, aiming at the prevention of new crimes. From another perspective, retributivism, when seeing the penalty as a consequence of crime, returns its view to the past, pointing as its foundation the merit and punishment of the offender. Hart defends for the integration of the two most important theories of philosophical thought, considering the utilitarian theory as to the general justifying aim, and the retributivist as far as distribution is concerned. From the analysis of Hart's mixed theory it is observed that, faced with the complexity of the institute of punishment, the reason for punishing is revealed in a mixed and balanced system, which includes both retribution to the offender for wrongdoing and the prevention of new offenses.
6

Um estudo do cosmopolitismo sob uma perspectiva filosófica

Rodrigues, João Francisco de Siqueira 28 March 2011 (has links)
Submitted by Mariana Dornelles Vargas (marianadv) on 2015-03-25T11:53:32Z No. of bitstreams: 1 estudo_cosmopolitismo.pdf: 504304 bytes, checksum: e14ac446ab29783711bde9a16fe00d98 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-03-25T11:53:32Z (GMT). No. of bitstreams: 1 estudo_cosmopolitismo.pdf: 504304 bytes, checksum: e14ac446ab29783711bde9a16fe00d98 (MD5) Previous issue date: 2011 / Nenhuma / Este projeto de dissertação se propõe a abordar um problema contemporâneo com o auxílio do instrumental filosófico: a questão do cosmopolitismo. A política e o direito são algumas das áreas do saber humano abrangidas pela reflexão filosófica e por essa razão serão privilegiadas na execução deste trabalho, principalmente no que diz respeito à tradição política e do direito ocidentais e como aqueles que pensaram a organização política e suas leis viram a questão da cidadania e de uma sociedade cosmopolita. Para a realização dos objetivos propostos, é de importância fundamental refletir sobre o desenvolvimento histórico dessas idéias e de sua eventual efetivação no mundo. O trabalho deverá ser dividido em duas partes e procurará realizar uma genealogia conceitual do cosmopolitismo como uma idéia filosófica. A primeira das partes deverá tratar de como era pensada a política na Antiguidade e como a polis grega, através de seus pensadores, via a cidadania e o lugar da própria polis no mundo. Desse marco inicial da história do pensamento ocidental, será feita uma rápida passagem pela contribuição do cristianismo ao problema como uma ponte para a Modernidade. A segunda parte do trabalho apontará o pensamento kantiano como divisor de águas no tratamento da questão do cosmopolitismo, na medida em que Kant foi o primeiro pensador a propor de maneira mais rigorosa uma regulação jurídica das relações entre as nações, o que implicou em um novo paradigma no tratamento de como os povos e os indivíduos devem se ver uns aos outros. Dentre os pontos a serem enfatizados no pensamento kantiano, estão: cosmopolitismo e necessidade histórica; o esclarecimento do que é hospitalidade; direito como condição para a paz; paz como condição para uma sociedade cosmopolita.
7

Em busca de uma Existentiel-Videnskab: Kierkegaard e a ontologia do Inter-Esse

Silva, Gabriel Ferreira da 07 April 2014 (has links)
Submitted by Maicon Juliano Schmidt (maicons) on 2015-06-01T18:57:25Z No. of bitstreams: 1 Gabriel Ferreira da Silva_.pdf: 2303204 bytes, checksum: dc2ab42c234ebe1473e65be76c2733ab (MD5) / Made available in DSpace on 2015-06-01T18:57:25Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Gabriel Ferreira da Silva_.pdf: 2303204 bytes, checksum: dc2ab42c234ebe1473e65be76c2733ab (MD5) Previous issue date: 2014-04-07 / CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / Este trabalho tem por objetivo investigar os fundamentos da Ontologia desenvolvida pelo filósofo dinamarquês Søren A. Kierkegaard, expressa sobretudo nas obras assinadas pelo pseudônimo Johannes Climacus. Tal Ontologia fundamenta-se na radicalização do sentido de Ser qua Atualidade – expresso na noção de Existência – e na consequente distinção para com os outros sentidos de Ser. A partir daí, Kierkegaard desenvolve as demais notas constitutivas do existente enquanto Ser atual consignando seu estrato de intermediariedade e incompletude na expressão latina Inter-Esse, objeto de sua ciência ou saber existencial (Existentiel-Videnskab). Posteriormente, o trabalho mostra os desenvolvimentos da Ontologia kierkegaardiana a partir das relações entre Ser e Pensar, através da análise dos conceitos de Sistema e Lógica e, por fim, explicita as conexões entre a Ontologia de Kierkegaard e as dimensões epistemológicas, éticas e religiosas de sua obra.
8

Os instrumentos para a preservação do poder e do Estado em Maquiavel

Freitas, William de Jesus Costa 12 January 2015 (has links)
Submitted by Maicon Juliano Schmidt (maicons) on 2015-06-16T19:20:20Z No. of bitstreams: 1 William de Jesus Costa Freitas_.pdf: 676655 bytes, checksum: 642d1876c089bd163e3e99afcfe9e99f (MD5) / Made available in DSpace on 2015-06-16T19:20:20Z (GMT). No. of bitstreams: 1 William de Jesus Costa Freitas_.pdf: 676655 bytes, checksum: 642d1876c089bd163e3e99afcfe9e99f (MD5) Previous issue date: 2015-01-12 / Nenhuma / No contexto de Maquiavel observamos a decadência da cristandade, da ascensão do capitalismo, do desenvolvimento dos estados nacionais, onde os soberanos locais são absorvidos pelo fortalecimento das monarquias e pela crescente centralização das instituições políticas. Maquiavel como pensador empírico, observa a consolidação do poder central na Inglaterra e França, sendo que o mesmo não ocorre na sua querida cidade, a Itália que se apresenta como sendo um conglomerado de pequenas cidadesestados rivais, disputadas pelo Papa, Alemanha, França e Espanha. Disputa que favorece os particularismos, mas se torna catastrófica para o destino da península. Percebe a existência de uma racionalidade instrumental no homem que o leva a buscar êxitos sem se importar com valores éticos. Fato este que o leva a pensar em uma natureza humana decaída pela maldade. De homens levianos, cobardes, ingratos, invejosos que é preciso estar sempre preparado para tudo, isto é, para o pior, da parte deles. Diante desta realidade o florentino vai se tornar o precursor de duas importantes ideias de teoria política, ligadas entre si, ambas expressas em suas obras. A primeira, de que só o poder controla o poder é a única arma que conta. A segunda ideia é que a discórdia interna é inerente aos governos livres. Neste sentido Maquiavel se torna revolucionário contra uma tradição que estigmatizava a discórdia como “tumulto”, primando pela harmonia e pela unidade. Preocupado com a situação da Itália Maquiavel sente a necessidade de uma mão firme capaz de confrontar a fortuna, considerada pelo florentino como contingência própria das ações humanas e não mais manifestações de Deus. Pensa também a necessidade de um estado com poder central e soberano que tem na figura do príncipe a constituição dos seus atos de governo como atos de soberania. Nos atos de governo do príncipe, há de fato mais que a manifestação de seu domínio da arte de governar; o príncipe está na origem do poder político e deve estabelecer que – no interior de seu principado, assim como nas relações que este mantem com as outras potencias – ele é sua origem única ou ao menos domina suas fontes. Dai, no exercício do poder deve fazer uso dos instrumentos necessários que possam mantê-lo com maior tempo possível no poder e que possa garantir a estabilidade do Estado. Considerando o exposto, a presente dissertação tem como proposito categorizar os instrumentos adequados para o êxito do governante. Antes porem fez-se necessário contextualizar o autor, pois foi em decorrência dos acontecimentos na sua terra natal que Maquiavel pensou a política moderna, o poder, a necessidade do estado, o bom governante e os instrumentos a serem utilizados. A abordagem metodológica partiu de uma revisão bibliográfica sobre o tema, utilizando-se de fontes primárias (as obras escritas por Maquiavel) e fontes secundárias (comentadores). / In the context of Machiavelli observed the decay of Christianity, capitalism’s rise, the development of national states, where local rulers are absorbed by the strengthening of the monarchies and the increasing centralization of political institutions. Machiavelli as empirical thinker, notes the consolidation of central power in England and France, and the same is not true in their beloved city, Italy which appears to be a conglomeration of small rival city-states, disputed by the Pope, Germany, France and Spain. Dispute favoring particularism, but becomes catastrophic for the fate of the peninsula. Realize the existence of an instrumental rationality in man which leads him to seek success without caring about ethical values. This fact leads him to think of a fallen human nature by evil. In vain men, cowardly, ungrateful, envious that we must always be prepared for anything, that is, for the worst of them. Given this reality the Florentine will become the precursor of two major political theory of ideas, linked together, both expressed in his works. The first, that only the power controls the power is the only weapon that counts. The second idea is that the internal discord is inherent in free governments. In this sense Machiavelli becomes revolutionary against a tradition that stigmatized discord as “turmoil”, striving for harmony and unity. Concerned about the situation in Italy Machiavelli feels the need for a firm hand able to confront the fortune, considered by Florentine as own contingency of human actions and not manifestations of God. Also think the need for a state with central and sovereign power you have in Prince include the establishment of their acts of government as sovereign acts. Acts of the prince government, there is indeed more than the manifestation of his mastery of the art of government; Prince is the source of political power and should provide that - within their first, and in relations that this keeps with the other powers - it is your only source or at least dominates their sources. Hence, the exercise of power should make use of the necessary tools that can keep it as long as possible in power and that can guarantee state stability. Considering the above, this thesis has as purpose categorize the appropriate tools for the success of the ruler. Before however it was necessary to contextualize the author because it was a result of the events in his homeland that Machiavelli modern political thought, the power, the need of the state, the good ruler and the instruments to be used. The methodological approach started from a literature review on the topic, using primary sources (the works written by Machiavelli) and secondary sources (commentators).
9

Lipovetsky e a hipermodernidade: dilemas e perspectivas para a moderna noção de sujeito e a ética

Cruz, Daniel Nery da January 2013 (has links)
Submitted by Fabricia Fialho Reginato (fabriciar) on 2015-06-18T22:40:14Z No. of bitstreams: 1 CRUzDanielNeryda.pdf: 509689 bytes, checksum: e1685c65df23e50914e19a9e06a71c7d (MD5) / Made available in DSpace on 2015-06-18T22:40:14Z (GMT). No. of bitstreams: 1 CRUzDanielNeryda.pdf: 509689 bytes, checksum: e1685c65df23e50914e19a9e06a71c7d (MD5) Previous issue date: 2013 / Nenhuma / As argumentações de Lipovetsky sobre a era contemporânea e suas implicações estendidas para uma análise das questões morais são as abordagens norteadoras desse trabalho. Vivemos num contexto em que as raízes dos problemas morais pós-modernos são de caráter fragmentário. Assumindo uma postura otimista diante desse novo cenário, Lipovetksy apresenta a ética do pós-dever que, por sua vez, é criticada por Bauman. A dissertação tem como novidade o confronto crítico entre as posições desses dois autores, assinalando as contraposições e possíveis semelhanças entre ambos. / Giles Lipovestky's arguments about the contemporary era and its implications, extended to an analysis on moral issues, are the main approaches of this work. We live in a context where the roots of postmodern moral problems are fragmentary. Assuming an optimistic stance on this new scenario, Lipovetksy in turn presents the ethics of post-duty, an approach criticized by Bauman. This dissertation presents a comparison between these two positions, indicating possible similarities and contrasts between them.
10

A noção de experiência vivêncial significativa na hermenêutica de Hans-Georg Gadamer

Neubauer, Vanessa Steigleder 14 December 2015 (has links)
Submitted by Silvana Teresinha Dornelles Studzinski (sstudzinski) on 2016-02-29T12:54:34Z No. of bitstreams: 1 Vanessa Steigleder Neubauer_.pdf: 1348681 bytes, checksum: 31be2371d2e464c73ad6cf417bd178da (MD5) / Made available in DSpace on 2016-02-29T12:54:35Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Vanessa Steigleder Neubauer_.pdf: 1348681 bytes, checksum: 31be2371d2e464c73ad6cf417bd178da (MD5) Previous issue date: 2015-12-14 / Nenhuma / Esta tese dedica-se aos conceitos de vivência intencional e de experiência significativa na hermenêutica de Hans-Georg Gadamer, para aclarar a ideia de experiência vivencial significativa, comprometida com o modo como conduzimos a vida. Para o filósofo, a experiência atravessa a amplitude do mundo da vida histórica e pode ser compreendida no contexto das vivências intencionais factuais implicadas na circularidade de horizontes distintos que se fundem, a fim de encontrar o sentido apropriado. Segundo Gadamer, é ao colocar em xeque nossos preconceitos que se estrutura a interpretação e se direciona o modo de agir do próprio ser. O texto foi dividido em dois capítulos, os quais exploram os conceitos de vivência e de experiência. Nas seções estão expostos os temas: filosofia da vida, consciência histórica, intencionalidade, hermenêutica da facticidade, jogo, filosofia prática e phrônesis. A noção de experiência vivencial significativa de Gadamer é um exercício de compreender e interpretar sempre implicado à sabedoria prática. / This thesis is dedicated to the concepts of intentional existence and significant experience in the grounds of Hans-Georg Gadamer’s philosophical hermeneutics to lighten the idea of significant living experience. For the philosopher, the movement of understanding runs the breadth of the world of historical life and can be understood in the context of the factual intentional experiences involved in the circularity of distinct horizons that merge to find the proper sense. According to Gadamer, is in questioning our prejudices that the interpretation is structured and directs the manner of action of the being itself. The text was divided into two chapters that explore the concepts of existence and experience. The following themes were presented along the sections: philosophy of life, historical consciousness, intentionality, hermeneutics of factuality, game, practical philosophy and phrônesis. The notion of significant living experience in the philosophy of Gadamer is an exercise of understanding and interpretation involved with the practical wisdom.

Page generated in 0.0939 seconds