• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 3594
  • 129
  • 54
  • 40
  • 30
  • 30
  • 29
  • 29
  • 27
  • 27
  • 19
  • 6
  • 6
  • 6
  • 3
  • Tagged with
  • 3892
  • 1345
  • 1031
  • 907
  • 867
  • 630
  • 385
  • 378
  • 367
  • 329
  • 319
  • 305
  • 290
  • 248
  • 248
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
41

Travessias antropológicas do além-mar

Virgílio, Jefferson January 2016 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social, Florianópolis, 2015. / Made available in DSpace on 2016-09-20T04:48:20Z (GMT). No. of bitstreams: 1 339617.pdf: 2481808 bytes, checksum: a4d95d94eace398d4b663948481d3f18 (MD5) Previous issue date: 2016 / Esta dissertação apresenta a pesquisa realizada entre os anos de 2014 e 2015 sobre antropologias em Portugal. Tem como foco o período de 1980 à 2015. A pesquisa foi desenvolvida a partir de revisões bibliográficas, consulta a arquivos, entrevistas com antropólogas e antropólogos e observação participante em salas de aula e eventos acadêmicos. A dissertação tem como foco principal as relações estabelecidas entre as antropologias brasileiras e portuguesas nos últimos quarenta anos. O texto inicia com uma breve revisão histórica sobre a institucionalização da antropologia portuguesa e analisa as privilegiadas relações entre as antropologias brasileiras e portuguesas. Apresenta, a seguir, as instituições e agentes participantes de redes lusófonas desde os anos 1990, com foco nas relações entre antropologias produzidas no Brasil e em Portugal enquanto parte de processos póscoloniais de produção de saberes antropológicos.<br> / Abstract : This thesis presents the research carried out between the years 2014 and 2015 on anthropology in Portugal. It has focus on the period 1980 to 2015 and particularly in establishing relationships with anthropology practiced in Brazil. The methodology includes literature reviews, consulting archives, interviews with anthropologists and participant observation in classrooms and academic meetings. The text proposes approaches and reflections on the relations between Brazilian and Portuguese anthropologies in the last forty years. Produces brief historical review of the institutionalization of the Portuguese anthropology and analyses the privileged relations between the Brazilian and Portuguese anthropologies. There is a presentation of the participating institutions and agents of Lusophone networks being established since the 90s while focused on the relations between Brazil and Portugal as part of postcolonial processes of production of anthropological knowledge.
42

Para uma etnografia da casa panteneira

Ayala, Caroline Himmelreich January 2005 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-graduação em Antropologia Social / Made available in DSpace on 2013-07-16T01:36:36Z (GMT). No. of bitstreams: 0 / Os colonenses são um povo pantaneiro que há quatro gerações interagem em um mesmo território regido pela variação sazoneira. Através da etnografia de três sítios e suas respectivas casas - representativos do universo doméstico da Colônia São Domingos - busco apreende rsuas relações socioespaciais no cotidiano. Por vicissitudes históricas e pela maleabilidade do território pantaneiro, a casa colonense vai sendo produzida e reproduzida nos diversos usos esignificados espaciais. Assim, pode-se dizer que o conceito cultural de casa opera na constituição, invenção e reprodução dos padrões morais, da reciprocidade e da identidade socioétnica - do ethos - que conforma o grupo local. Esta produção e reprodução no cotidiano é o próprio sistema colonense - o modo de vida - que se concretiza histórica e socialmente através das redes de relações de casas e entre casas. Deste modo, o estudo antropológico do espaço permite compreender que a concepção de mundo para o colonense está regulada em uma relação mútua, não apenas pelo convívio familiar e social, mas também através das relações com o próprio território, em sua sazonalidade. The colonenses are a specific group of people from the Pantanal region who have for four generations inhabited and interacted in the same territory controlled by seasonal variation. Through the ethnography of three sites and their respective houses - representing the domestic universe of the São Domingos colony - I tried to capture their everyday social-spatial relations. Due to historical reasons and malleability of the Pantanal territory, the colonense house has been produced and reproduced in various uses and spatial meanings. Thus one can say that the cultural concept of house works through the constitution, invention and reproduction of moral patterns, reciprocity and social-ethnic identity (ethos), which form the local group. This production and reproduction of daily lives is the colonense system itself - their lifestyle - which is historically and socially solidified through a network of relations of houses and between houses. Therefore, the anthropologic study of the space makes it possible to understand that the world concept to the colonense is regulated in a mutual relation involving not only the family and social interactions, but also the relation with the territory itself and its seasonal character.
43

Caminhos da cultura indígena

Borges, André Essenfelder January 2006 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-graduação em Antropologia Social / Made available in DSpace on 2012-10-22T08:23:23Z (GMT). No. of bitstreams: 1 230689.pdf: 1270589 bytes, checksum: 20da9c8d3cf70e4e6822cb8d8a6a7aac (MD5) / Englobando os atuais estados do sul do Brasil existem, ainda hoje, trechos preservados de um caminho muito peculiar que vem sendo interpretados como ramais do caminho do Peabiru. Segundo alguns cronistas, que passaram por ele durante o século XVI, o caminho formava um leito coberto por gramíneas e fazia a ligação entre o Oceano Atlântico e o Pacífico. Atualmente, autores acadêmicos falam dele como pertencente aos grupos Ge, outros argumentam ser de origem guarani. Fora do circuito acadêmico, o Peabiru aparece ora vinculado ao império incaico, ora vinculado a São Tomé ou Pai Zumé. Além destes, ainda outros grupos conectam discursos new age sobre exploração ecoturística e sustentabilidade ao mesmo caminho. Percebe-se que as interpretações sobre esta trilha são diversas e, a partir do contraste entre os discursos da oralidade popular e memória, história e escrita erudita faremos uma arqueologia do caminho, dos seus usos e significados em vários contextos, localizando durante o processo o local que ocupa o elemento indígena, a memória pessoal e a história de cada cidade e região. Portanto, não haveria nem respostas fechadas, nem uma busca pela verdade, mas pelas interpretações da realidade ou construções contextualizadas e como estas se compõem e se relacionam. As informações foram obtidas em quatro municípios que, em tese, estariam na trajetória do caminho. Inicialmente a cidade de Barra Velha (SC), depois os municípios de Pitanga e Campina da Lagoa, no centro do Estado do Paraná, e por fim, o município de Kuruguaty, no Paraguai. The vestiges of a peculiar trail, called the Peabiru Way, are often interpreted as reminiscences of an ancient road that extends between Peru and South Brazil. Historical writings of the sixteenth century describe the way as a grass covered trail linking the Atlantic to the Pacific. Informal conversations were held with inhabitants of four cities, between March and June of 2005, supposedly lying along the Peabiru Way. Starting in Barra Velha (SC), through Pitanga and Campina da Lagoa (PR), ending in Kuruguaty, Paraguay. Academics currently disagree about the origin of the Peabiru Way. Some attribute it to the linguistic group Gê, others to the Guarani. Passed the University walls, the Peabiru is sometimes mentioned in association with the Incaic Empire, and other times even to São Tomé or Pai Zumé (Saint Thomas). Others still explore it as, for example, eco-tourism, sustainable development or new age superstition. Clearly, interpretations are diverse. From the contrast between popular orality/memory, history/erudite writing, I have traced an archaeology of the Peabiru Way, its uses and meanings. The role of the indigenous elements, their personal memory and the history of each city and region, were recognized during the process. We stress that such a work provides neither closed answers, nor a search for truth; instead, it supplies a sort of interpretation of reality, which I shall define as a contextualized construction.
44

Aprendendo entre pares

Codonho, Camila Guedes January 2007 (has links)
Dissertação {mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-graduação em Antropologia Social / Made available in DSpace on 2012-10-23T07:00:48Z (GMT). No. of bitstreams: 1 244605.pdf: 31660064 bytes, checksum: 290ab69fcd91ae0bbc6a709b5676ab29 (MD5) / Este trabalho, realizado entre os índios Galibi-Marworno do norte do Amapá, aborda, a partir de um cruzamento teórico entre Antropologia da Infância e Etnologia Indígena, o processo de transmissão horizontal de conhecimentos entre crianças, ou seja, que se dá entre pares. Para tanto, temas como organização social, etnoconhecimentos, tempo, espaço e corporalidade serão tratados com o intuito de demonstrar esta vasta rede de saberes que são divulgados, transmitidos e resignificados no interior dos grupos infantis, evidenciando assim, o importante papel das crianças na inovação e manutenção de seus sistemas sócio-culturais. This paper has been realized with Galibi-Marworno Indians from north of Amapá state, it is about the horizontal knowledge transmission among children using the theory of both disciplines Childhood Anthropology and Indigenous Ethnology. In this way, issues as social organization, ethnic knowledge, time, space and body sensations are treated to demonstrate this rich knowledge which is transmitted inside the children groups, in order to show how important they are to maintain their social and cultural systems.
45

Linhas e encruzilhadas, espaço social em um ponto da fronteira Brasil-Argentina

Gonzalez Labale, Alejandro Raul January 1996 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciencias Humanas, 1996 / Made available in DSpace on 2012-10-16T10:04:51Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T21:18:37Z : No. of bitstreams: 1 104214.pdf: 13451145 bytes, checksum: d5e0251bf5f897caa731bc70a5b66215 (MD5) / Na utopia territorial das elites modernizadoras o espaço vazio é condição de possibilidade e, ao mesmo tempo, instrumento da construção do Estado-Nacional. Nos distintos momentos, tanto suas versões liberais quanto as nacionalistas visualizaram na organização do território, do mercado e da população as variáveis de tal empreendimento. O espaço social, definido pela fronteira política, a longo destes processo de construção, informa tanto as mudanças ao interior destes planos quanto à existência de territorialidades prévias à exclusiva regulamentação imposta pelo Estado. O processo de povoamento da região fronteiriça e a legitimação da ocupação por ambos países se apresenta como contraditório jogo de estratégia onde as peças se somam na construção da identidade e do desenvolvimento econômico. Os mapas oficiais mostram uma rede de pontos no território: estradas, obras de infra-estrutura e meios de comunicação. Mas uma outra cartografia, plural e desterritorializada, tenta objetivar, no nível local e regional, redes de um movimento vivo e intenso nem sempre dócil à planificação espacial dos projetos nacionais. Soberania, segurança e Cultura verão assim transgredidos seus significados pelas práticas que ignoram ou instrumentalizam em seu benefício a existência das fronteiras políticas.
46

“A canoa da cura ninguém nunca rema só” o se ingerar e os processos de adoecer e curar na cidade de Parintins (AM)

Cordeiro, Maria Audirene de Souza, 48-99665-1080 29 April 2017 (has links)
Submitted by Divisão de Documentação/BC Biblioteca Central (ddbc@ufam.edu.br) on 2017-08-08T18:14:32Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Tese - Maria Audirene S. Cordeiro.pdf: 7488103 bytes, checksum: 702d6454fd36fff42fc218cab047a70f (MD5) / Approved for entry into archive by Divisão de Documentação/BC Biblioteca Central (ddbc@ufam.edu.br) on 2017-08-08T18:14:45Z (GMT) No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Tese - Maria Audirene S. Cordeiro.pdf: 7488103 bytes, checksum: 702d6454fd36fff42fc218cab047a70f (MD5) / Approved for entry into archive by Divisão de Documentação/BC Biblioteca Central (ddbc@ufam.edu.br) on 2017-08-08T18:15:04Z (GMT) No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Tese - Maria Audirene S. Cordeiro.pdf: 7488103 bytes, checksum: 702d6454fd36fff42fc218cab047a70f (MD5) / Made available in DSpace on 2017-08-08T18:15:04Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Tese - Maria Audirene S. Cordeiro.pdf: 7488103 bytes, checksum: 702d6454fd36fff42fc218cab047a70f (MD5) Previous issue date: 2017-04-29 / FAPEAM - Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas / The thesis socializes the results of the ethnographic research on the non biomedical healing practices in the urban area of Parintins (AM), developed from 2014 to 2016. Contact with this universe allowed the access to a diversified group of knowledges about the ways of becoming ill and healing from a meeting of cosmologies from/at the Lower Amazon Region. The dialogue between the amerindian philosophy and the “postmodern” philosophical thinking allowed the unveiling of several native categories. Among them, the se ingerar emerged as an important device in the bodies constitution, in the institution of diplomatic agreements and in the cosmopolitics rules that assure the sociability, the cohabitation and the coexistence between os/as gentes de cima and os bichos do fundo. The healers sacaca are the chosen ones for the bichos to attende the cure school located in the fundo. The learning process, or ser amansado(a) qualifies sacaca se ingerar and achieve the potenciality (abilities and capacities) of animate beings and non-animate beings to diagnose and treat serious disease processes. The ingeramento, therefore, is understood as the way to achieve the potentialities from the other or the middle around; not only as a transformation device, but as a power generation / propulsion of potentialities; the becoming agent and conductor of affections apprehension and affection. Thus, encouragement of ontological alterities in flow. In this study, the ingeramento, is analyzed as a device cosmos-ontological immanent to the way of life of the people from Lower Amazon region, capable to assure the complexity of the modernizations of the different indigenous and not indigenous cultures, instituting cosmologies and ontologies in flow, by means desterritorializations, reterritorializations and becomings / A tese socializa os resultados da pesquisa etnográfica sobre as práticas não biomédicas de cura na zona urbana de Parintins (AM), desenvolvida de 2014 a 2016. O contato com esse universo permitiu o acesso a um conjunto diversificado de saberes sobre os processos de adoecer e curar do/no Baixo Amazonas. O diálogo entre a filosofia ameríndia e o pensamento filosófico dos “pós-modermos” permitiu o desvelamento de várias categorias nativas. Dentre elas, o se ingerar emergiu como um importante dispositivo na construção dos corpos, na instituição de acordos diplomáticos e de regras cosmopolíticas que asseguram a sociabilidade, a coabitação e a coexistência entre os/as gentes de cima e os bichos do fundo. Os(as) curadores(as) sacaca são os(as) escolhidos(as) pelos bichos para frequentar a escola da cura localizada no fundo. O processo de aprendizagem, ou ser amansado(a), capacita o(a) curador(a) sacaca a se ingerar e a capturar a potência (habilidades e capacidades) de seres animados e não animados para diagnosticar e tratar graves processos de adoecimento. O ingeramento, nesse sentido, é compreendido como dispositivo que captura do outro ou do meio em torno de si potencialidades; não como dispositivo apenas de transformação, mas de geração/propulsão de potencialidades; agenciador de devir e vetor de apreensão de afecções e afetamentos. Logo, dinamizador de alteridades ontológicas em fluxo. Neste estudo, o ingeramento é analisado como um dispositivo cosmo-ontológico, imanente ao modo de vida do povos do Baixo Amazonas, capaz de assegurar a complexificação das atualizações das diferentes culturas indígenas, e não indígenas, instituindo cosmo-logias e onto-logias em fluxo, por meio de desterritorializações, reterritorializações e devires
47

Validação das principais tecnicas de determinação da estatura existentes e aplicadas em amostras de cadaveres brasileiros

Mellega, Regiane 03 August 2018 (has links)
Orientadores: Eduardo Daruge Junior, Luiz Francesquini Junior / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba / Made available in DSpace on 2018-08-03T21:33:15Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Mellega_Regiane_M.pdf: 248480 bytes, checksum: 048972d6cba9b8b3cc12ae96ad6a0df0 (MD5) Previous issue date: 2004 / Mestrado
48

Reiki: um estudo localizado sobre alternativas, ideologia e estilo de vida.

Babenko, Paula de Campos 23 September 2003 (has links)
Made available in DSpace on 2016-06-02T19:25:24Z (GMT). No. of bitstreams: 1 DissPCB.pdf: 3399891 bytes, checksum: 181bacf415ab7f80a88fa73ceee1c28c (MD5) Previous issue date: 2003-09-23 / Universidade Federal de Minas Gerais / Demonstrando como a consolidação das práticas alternativas pode traduzir o gradual deslocamento da problemática do indivíduo para a esfera das terapias, esta dissertação analisa o reiki, prática terapêutica alternativa cuja principal característica reside na adoção de concepções holistas do corpo, da doença e da própria pessoa . Evidenciando o processo de expansão e progressiva institucionalização dessa prática terapêutica, a etnografia dos espaços reikianos em Campinas/SP aponta para a reestruturação dos serviços oficiais de atenção à saúde, especialmente do campo da Psicologia, que ao fundamentar seu discurso na noção de indivíduo moderno passa a agregar o reiki à sua prática clínica.
49

Extraterrestres : Ciência e Pensamento Mítico no mundo moderno

Carlos, Daniel Pícaro 19 December 2007 (has links)
Made available in DSpace on 2016-06-02T19:25:29Z (GMT). No. of bitstreams: 1 4707.pdf: 1365679 bytes, checksum: ebc005bd19beac82af2a33762489ba7e (MD5) Previous issue date: 2007-12-19 / Financiadora de Estudos e Projetos / Sem resumo
50

A construção do conhecimento em antropologia da educação : levantamento, análise e reflexão de artigos publicados no Brasil /

Vieira, Karina Augusta Limonta. January 2016 (has links)
Orientador: Denis Domeneghetti Badia / Coorientador: Christoph Wulf / Banca: Paula Ramos de Oliveira / Banca: Ricardo Ribeiro / Banca: Maria Cecília Sanchez Teixeira / Banca: Lucas Gibin Seren / Resumo: A Antropologia da Educação é uma área do conhecimento, cuja construção iniciou há décadas no Brasil. Dessa forma, a pesquisa tem como problemática: Qual conhecimento tem sido construído na área de Antropologia da Educação no Brasil? O objetivo, então, consiste em realizar o levantamento, a análise e a reflexão de artigos publicados em Periódicos no Brasil dos anos de 1980 a 2014, a partir dos critérios adotados, cujo título dos artigos conste "Antropologia da Educação" e "Antropologia e Educação" e as palavras devem estar juntas. O método selecionado para a análise do material é a Análise de Conteúdo Hermenêutica. Essa análise acontece em dois momentos: a análise da estrutura dos elementos dos artigos científicos e a análise do sentido geral do conteúdo que implica na codificação, sistematização e categorização dos dados, e por fim, interpretação e compreensão. O primeiro momento da análise mostra que em Antropologia da Educação são identificadas duas categorias: proposta para uma Antropologia da Educação; e o método como elemento da Antropologia da Educação, e em Antropologia e Educação são identificadas duas categorias: diálogo interface entre Antropologia e Educação; e a as contribuições da Antropologia para o campo da Educação. O segundo momento da análise mostra que os artigos de Antropologia da Educação possuem quatro categorias: a Antropologia como embasamento teórico e metódico; Conceituando a Educação; A imagem do profissional da área de Educação; e... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: The construction of Anthropology of Education as field was initiated for some decades ago in Brazil. One asks: what has knowledge been constructed in field of Anthropology of Education in Brazil? The main aim consists in performing the survey, the analysis and the reflection of articles published on journals in Brazil between the years 1980 and 2014 from the criteria: the titles of articles have to consist of the together words Anthropology of Education and Anthropology and Education. The method for data analysis is the Hermeneutic Content Analysis. That analysis is performed in two moments: the analysis of constituent elements in scientific articles and the analysis of general sense of content implicating codification, systematization and categorization of data, and, finally, interpretation and understanding. The first moment of analysis presents for Anthropology of Education two categories: purpose for an Anthropology of Education; and method and element of Anthropology of Education; whereas in Anthropology and Education, two categories are present: dialogue/interface between Anthropology and Education; and the contributions of Anthropology for the field of Education. The second moment of analysis presents for Anthropology of Education four categories: Anthropology as theoretical and methodic background; Conceptualizing Education; The Image of professional in field of education; and School as research locus; whereas the articles of Anthropology and Education... (Complete abstract click electronic access below) / Doutor

Page generated in 0.054 seconds