• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 41
  • Tagged with
  • 44
  • 44
  • 17
  • 13
  • 12
  • 11
  • 10
  • 8
  • 7
  • 6
  • 6
  • 6
  • 6
  • 6
  • 6
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
11

Identificação de potenciais geradores de intangíveis

Wernke, Rodney January 2002 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. / Made available in DSpace on 2012-10-20T07:16:31Z (GMT). No. of bitstreams: 1 189150.pdf: 8352803 bytes, checksum: 02878992c267a730d2b42ed7f18a6569 (MD5) / O tema do trabalho é a identificação de potenciais geradores de intangíveis. Inicialmente faz-se uma revisão da literatura sobre Ativos, Ativos Intangíveis, Goodwill, Capital Intelectual, Balanced Scorecard e The Value Chain Scoreboard. Na seqüência detalha-se o modelo proposto para identificar os potenciais geradores de intangíveis, enfatizando-se os motivos para unir o Balanced Scorecard ao The Value Chain Scoreboard e mencionando-se o enfoque sugerido para as perspectivas consideradas no modelo e as etapas de implementação. Sem pretender seguir os critérios contábeis geralmente aceitos, o modelo proposto baseia-se nas três fases que fundamentam o The Value Chain Scoreboard de Lev e nas quatro perspectivas do Balanced Scorecard de Kaplan e Norton. Tal modelo foi aplicado numa empresa que produz e comercializa máquinas industriais durante dois semestres. Dentre as principais conclusões verificadas pela aplicação do modelo proposto constam a adaptabilidade ao ambiente empresarial (os indicadores originais podem ser adaptados ou substituídos por outros mais adequados à realidade da organização) e a identificação de fatores intangíveis (evidenciação de itens que não costumam ser divulgados através das demonstrações contábeis).
12

Uma análise da influência do viés de otimismo no julgamento de probabilidades de ativos e passivos contingentes

Steppan, Adriana Isabel Backes 28 April 2016 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Universidade Federal da Paraíba, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Programa Multi-Institucional e Inter-Regional de Pós-Graduação em Ciências Contábeis, 2016. / Submitted by Fernanda Percia França (fernandafranca@bce.unb.br) on 2016-06-27T13:02:06Z No. of bitstreams: 1 2016_AdrianaIsabelBackesSteppan.pdf: 1005480 bytes, checksum: cf34409afbb71f81c79a61134152cafa (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana(raquelviana@bce.unb.br) on 2016-07-12T14:40:10Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_AdrianaIsabelBackesSteppan.pdf: 1005480 bytes, checksum: cf34409afbb71f81c79a61134152cafa (MD5) / Made available in DSpace on 2016-07-12T14:40:10Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_AdrianaIsabelBackesSteppan.pdf: 1005480 bytes, checksum: cf34409afbb71f81c79a61134152cafa (MD5) / Esta tese teve como objetivo principal analisar os efeitos do viés emocional do otimismo exagerado no julgamento do profissional contábil, nas avaliações das probabilidades de ocorrência de ativos e passivos contingentes. Esse estudo refere-se a um quase-experimento, tendo como técnica de coleta de dados um questionário organizado em duas partes (a primeira refere-se ao instrumento de medição do viés otimista e dos fatores moderadores e a segunda parte trata dos cenários para os quais o indivíduo fez julgamento de probabilidades). O instrumento foi aplicado de forma presencial e em quatro encontros sequenciais. Do total da amostra, optou-se por elaborar a análise a partir dos dados extremos, um grupo com a presença máxima do viés otimista e outro sem a presença do mesmo, os quais correspondem ao primeiro e último tercil, totalizando 87 profissionais da área contábil. Pelos resultados alcançados, constatou-se a presença do viés otimista em 44 indivíduos ao passo que, para 43 participantes, não houve a presença dele. Com base na análise das estimativas indicadas pelos participantes excessivamente otimistas, foi possível verificar o efeito do viés na avaliação das estimativas. Ao se fazer a regressão entre as avaliações de probabilidades de ocorrências de ativos e passivos contingentes com as variáveis independentes ora representadas pelo perfil do viés otimista e fatores moderadores de eventos como o controle e experiência prévia, foi constatada essa relação. No que diz respeito a esses fatores moderadores foi possível confirmar as relações entre eles e o viés otimista. Ao se estabelecer uma análise do julgamento de probabilidades dos seis cenários apresentados, os achados mostraram que os indivíduos com a presença do viés otimista efetuaram julgamentos de probabilidades com expectativas abaixo ou igual a 50% para o cenário 1 (passivo) e 2 e 6 (ativos), contudo, para os cenários 3 (passivo), 4 (ativo) e 5 (passivo) os achados da pesquisa revelam que os indivíduos com a presença do viés apresentaram um julgamento de probabilidade com expectativas acima de 50%. Ao se examinar o contexto geral desta pesquisa, pode-se dizer que o viés otimista ajuda a explicar as avaliações das estimativas de probabilidades dos eventos, entretanto, observa-se que nem sempre os impactos aconteceram da forma prevista pelas teorias que embasam o viés otimista. Para os cenários ativos eram esperadas estimativas com probabilidades superiores a 50%, no entanto, se confirmou, desse modo, apenas para o evento 4. Para os cenários passivos eram aguardados julgamentos de probabilidades inferiores a 50%, contudo, apenas para o cenário 1, esse fato se confirmou. _______________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / This thesis aimed to analyze the effects of exaggerated optimism emotional bias in the accounting professional judging, in the assessments of the probability of occurrence of contingent assets and liabilities. This study refers to a quasi-experiment, with the data collection technique an organized questionnaire into two parts (the first refers to the measurement instrument of optimistic bias and the moderating factors, and the second part deals with scenarios for which the individual has made judgements of probabilities). The instrument was applied in four sequential meeting session. From the total sample, it was decided to prepare the analysis from extreme data, a group with the highest presence of optimistic bias and the other without the presence of the same, which correspond to the first and last tertile, totaling 87 professionals in the accounting area. From the results achieved, there was the presence of optimistic bias in 44 individuals whereas 43 participants not. Based on the analysis of the estimates indicated by overly optimistic participants, it was possible to verify the effect of bias in the evaluation of the estimates. The regression between assessments of probabilities of occurrences of contingent assets and liabilities with the independent variables now represented by the optimistic bias profile and event moderating factors, such as the control and previous experience, it was found that relationship. With regard to these moderating factors it was possible to confirm the relationship between them and the optimistic bias. By establishing an analysis of the judgment probabilities of the six scenarios presented, the findings showed that individuals with the presence of optimistic bias did probabilities judgement with expectations below or equal to 50% for scenario 1 (passive) and scenarios 2 and 6 (assets), however, for scenarios 3 (liabilities), 4 (assets), and 5 (liabilities), the research findings reveal that individuals with the presence of bias had a judgement of probability above 50% expectations. When examining the general context of this research, it can be said that the optimistic bias helps explain the assessments of estimates of probabilities of the events, however, it is observed that not always the impacts happened as expected by the theories that support the optimistic bias. For assets scenarios were expected estimates with probabilities above 50%, however, it was confirmed thus only to event four. For liabilities scenarios were expected judgments of probability less to 50%, however, only for scenario 1, this fact was confirmed.
13

Custo de capital do setor portuário brasileiro

Cavalcanti, Samuel Ramos de Carvalho 16 December 2013 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Departamento de Economia, Centro de Estudos e Regulação de Mercados, 2013. / Submitted by Ana Cristina Barbosa da Silva (annabds@hotmail.com) on 2014-11-10T17:12:26Z No. of bitstreams: 1 2014_SamuelRamosdeCarvalhoCavalcanti.pdf: 3604605 bytes, checksum: 71ae64ef022810546932a9c181866503 (MD5) / Approved for entry into archive by Patrícia Nunes da Silva(patricia@bce.unb.br) on 2014-11-18T10:45:01Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2014_SamuelRamosdeCarvalhoCavalcanti.pdf: 3604605 bytes, checksum: 71ae64ef022810546932a9c181866503 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-11-18T10:45:01Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2014_SamuelRamosdeCarvalhoCavalcanti.pdf: 3604605 bytes, checksum: 71ae64ef022810546932a9c181866503 (MD5) / Este trabalho testa três modelos de precificação de ativos visando identificar qual o modelo que melhor explica o retorno das ações do mercado brasileiro com o objetivo de se calcular o custo de capital do setor portuário nacional. São testados o CAPM (Capital Asset Pricing Model) e os modelos multifatoriais de três fatores de Fama e French. O CAPM utiliza uma única variável, o fator mercado, para explicar o retorno dos ativos. Julgando insuficiente o fator mercado, dois fatores relacionados ao mercado de ações são adicionados, o fator tamanho e o fator valor, formando o modelo de três fatores. Os resultados mostram que os modelos multifatoriais apresentam uma capacidade explicativa dos retornos significativamente superior ao CAPM. Ainda, foi adotada a média entre o CAPM e Fama e French para o cálculo do capital próprio. Para calcular o custo do capital de terceiros foi utilizado o modelo sugerido pela metodologia CAPM; e o custo médio ponderado – WACC (Weighted Average Cost of Capital) foi calculado utilizando as três metodologias de precificação acima descritas. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT / This piece of work examines three asset pricing models to identify which model best explains the stock returns of the Brazilian market to calculate the cost of capital of the Brazilian Ports market. The CAPM (Capital Asset Pricing Model) and the multifactor models with three factors of Fama and French are tested. The CAPM uses a single variable, the market factor in explaining the return on assets. Judging insufficient market factor, two related to stock market factors are added, the size factor and the value factor, forming the three-factor model. The results show that multifactor models feature a significantly higher explanatory power of the CAPM returns. It was adopted the average of the CAPM and Fama-French for the calculation of equity. The cost of debt was calculated the model was suggested by the methodology CAPM, and for the calculation of the WACC (Weighted Average Cost of Capital) was used three pricing methodologies described above.
14

Mensuração a valor justo e gerenciamento de resultados : uma análise dos bancos comerciais e múltiplos no cenário internacional

Mendes, Carlos Jorge Fontaínhas 22 April 2015 (has links)
Tese (Doutorado)—Universidade de Brasília, Universidade Federal da Paraíba, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Programa Multi-institucional e Inter-Regional de Pós-Graduação em Ciências Contábeis, 2015. / O gerenciamento de resultados é um fenômeno que pode acontecer nas empresas quer por ajuste do resultado com o intuito de atingir metas de referência, quer para evitar a excessiva flutuação do lucro, mantendo os stakeholders confiantes no desempenho econômico e financeiro da empresa, ou com a finalidade de reduzir os lucros correntes perante alguma situação específica de mercado, objetivando um aumento nos lucros futuros. As motivações que levam a essa prática prendem-se aos incentivos relacionados ao mercado de capitais, contratuais e aos incentivos referentes à regulação. A aplicação do método de avaliação a valor justo abre possibilidades de manipulação de informações contábeis tendo em vista a existência de três níveis crescentes de subjetividade no processo de mensuração. Buscou-se verificar quais incentivos são associados à perspectiva de gerenciamento de resultado no processo de mensuração a valor justo dos ativos financeiros nos bancos comerciais. Dados contábeis de 736 bancos de 125 países, listados na Bloomberg database serviram de base para verificar possivel relação entre as proxies de gerenciamento de resultados (nível 1 e 2 de valor justo) e as proxies de incentivo ao gerenciamento de resultado ( custo político, desempenho dos bancos, governança corporativa, remuneração variada de executivos, suavização de lucro e evitar reportar pequenas perdas). Foi utilizada a análise de correlação de Spearman, assim como, regressão com dados em painel no período entre 2008 e 2012. Os resultados mostram que, apesar da IFRS 7 recomendar, poucos são os bancos (736, cerca de 27% da população) que, na base de dados utilizado, divulgam em seus relatórios financeiros os ativos e passivos que são avaliados pelo valor justo. Os resultados mostram também que, em média, cerca de 80% dos ativos que são avaliados a valor justo, são avaliados no nível 2 de subjetividade. Os resultados sugerem que, a política de remuneração de executivos se associado positivamente à perspectiva de gerenciamento de resultado nos bancos da América do Norte, o custo politico e a política de remuneração de executivos tem uma associação positiva nos bancos da Europa. Já em outras regiões, o desempenho dos bancos, apresentou uma associação positiva com a perspectiva de gerenciamento de resultados. / The earnings management is a phenomenon that can happen in enterprises or by setting gains in order to achieve goals of reference or to avoid excessive fluctuation of profit, keeping confident stakeholders in the economic and financial performance of the enterprise, or with the purpose of reducing the current profits before a specific market situation, aiming an increase in future profits. The motivations that lead to this practice are related to incentives associated to capital markets, contracts and incentives related to the regulation. The application of the fair value valuation method opens possibilities for accounting information manipulation given the existence of three increasing levels of subjectivity in the measurement process. We sought to determine which incentives are associated to earnings management perspective in the measurement process to fair value of financial assets at commercial banks. Accounting data of 736 banks from 125 countries, listed in Bloomberg database served as a basis to check possible relationship between earnings management proxies (level 1 and 2 of fair value) and the proxies of incentives for earnings management (political cost, banks performance, corporate governance, varied remuneration of executives, profit smoothing and avoidance to report small losses).We used Pearson correlation analysis, as well as regression with panel data for the period between 2008 and 2012. The results show that despite the recommended IFRS 13, there are few banks (736, about 27% of the population) that, in the database used, disclose in their financial reports the assets and liabilities that are measured by fair value. The result also shows that, on average, about 80% of the assets that are measured by fair value are assessed at level 2 of subjectivity. The results suggest the executives’ remuneration policy is positively associated to the earnings management perspective in the North America banks, the political cost and the executives’ remuneration policy has a positive association in European banks. But, in other regions, the performance of banks showed a positive association with the perspective to earnings management.
15

Uma proposta de metodologia para a determinação de uma distribuição de probabilidade que retrate o valor da empresa /

Galli, Oscar Claudino January 1998 (has links)
Tese (Doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. / Made available in DSpace on 2012-10-17T10:11:41Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-09T00:21:30Z : No. of bitstreams: 1 138751.pdf: 3833276 bytes, checksum: f44af3ee051f724398dee0718593464f (MD5)
16

A Constituição do índice dinâmico que considera os preços de ativos melhora a eficiência da política monetária? Uma análise após o regime de metas inflacionárias

Carvalho, Rafael Barbosa de January 2011 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico, Programa de Pós-Graduação em Economia, Florianópolis, 2011 / Made available in DSpace on 2012-10-25T15:49:02Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2015-03-18T20:34:35Z : No. of bitstreams: 1 295178.pdf: 2755258 bytes, checksum: 0fd611231826e488cd607725f50b6dda (MD5) / Neste presente trabalho foi realizada a constituição de índice dinâmico de inflação através da inclusão de preços de ativos financeiros no índice oficial de inflação e analisada a determinação da taxa de juros Selic com a introdução desse índice em uma função reação no período entre o 4° trimestre de 1999 e 4° trimestre de 2010. Para obter o índice dinâmico de inflação, inicialmente, foi estimado o modelo Curva de Phillips Novo-Keynesiana (CPNK) híbrida pelos métodos: Mínimos Quadrados Ordinários (OLS), Generalizado dos Momentos (GMM) e Filtro de Kalman (KF); em que foram retirados os pesos medidos pelos coeficientes de inflação auto-regressiva e de preços de ativos financeiros para constituir o índice dinâmico de inflação. Como resultado, tem-se que o índice dinâmico de inflação apresenta mensuração bem próxima ao índice oficial de inflação. Entretanto, a inclusão do conjunto de informações do segmento financeiro permite ampliar o leque daquele captado pela inflação oficial, contribuindo para os diagnósticos da evolução futura da inflação. Após, foi avaliado a determinação da taxa de juros através da estimativa de uma função reação baseada em uma versão forward looking da Regra de Taylor, em que foram estimadas diferentes equações devido à constituição peculiar das variáveis referentes à inflação pelo método (OLS, GMM e KF). Os resultados indicam que a alteração da composição do índice de inflação apresenta maior eficiência do que o índice oficial de inflação na determinação da taxa de juros Selic. Desse modo, o índice dinâmico de inflação consiste em uma alternativa para melhorar o desempenho da política monetária no que concerne estabilidade econômica. / In this paper it was made the constitute of index dynamic of inflation by inclusion of asset prices on the official index of inflation and it analysis to determine the Selic interest rate with the introduction of this index in a reaction function over the period 4° quarterly of 1999 and 4° quarterly of 2010. Initially, index dynamic of inflation was obtained by estimating the model New-Keynesian Phillip Curve (NKPC) hybrid by Ordinary Least Squares (OLS), Generalized Method of Moments (GMM) and Kalman Filter (KF) methods: that was attributed the measured weight by parameters of auto-regressive inflation and asset prices for constitute of index dynamic of inflation. As a result, it has that the index dynamic of inflation produces measurement as near as the index official of inflation. However the introduce of information#s conjunct of financial segment possibilities to extend the inflation and it was contributing for the forecast of future evolution of inflation. After all, it was appraising the determination of interest rate by estimating a reaction function based on forward looking Taylor Rules, in which different equations were estimated due to the peculiar constitute of the variables related to the inflation by OLS, GMM and KF methods. The results indicate that the in composition of the inflation is more efficiency than the official inflation in determining the Selic interest rate. Thus, the dynamic index of inflation is an alternative to improve the performance of monetary policy compared economic stability.
17

Precificação de ativos com modelos de fatores no mercado acionário brasileiro

Coelho, Reinaldo de Almeida January 2012 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. / Made available in DSpace on 2013-06-25T22:41:56Z (GMT). No. of bitstreams: 1 305318.pdf: 1912191 bytes, checksum: 184dd68b3b55cb27e4ea51125299b57c (MD5) / O presente estudo apresenta uma análise do papel que duas medidas de liquidez de ações em bolsa, o Turnover e índice de Amihud, têm sobre os retornos de ações de empresas brasileiras. Para isso foram utilizadas combinações do CAPM, e dos modelos de 3 e 4 modelos de fatores de Fama, French e Carhart. Os modelos foram testados utilizando regressões OLS simples e regressões OLS em painel. Os resultados mostram que a liquidez é relevante em ambas as abordagens. Adicionalmente, como a crise internacional de 2008 teve um impacto significativo sobre o mercado acionário brasileiro e como durante o período de crise investidores procuram investimentos mais líquidos, testou-se também o efeito da crise sobres estes modelos. Os resultados encontrados parecem sugerir que depois de 2008 a importância da liquidez para os modelos de precificação de ativos aumentou. Além disso, foram realizados testes de Chow para identificar os pontos de quebra estrutural. Estes testes também parecem suportar a idéia de que pelo menos para uma parte das ações negociadas publicamente no Brasil a liquidez cresceu em importância depois de 2008. Finalmente, apesar de a liquidez ser um fator de risco importante, empresas diferentes respondem de forma diferente a ela. O presente trabalho também apresenta um estudo de como diferentes ações classificadas conforme seu Market-to-Book, tamanho, momento dos retornos, Turnover e índice de Amihud respondem a fatores de liquidez. Os resultados parecem sugerir que a liquidez é mais importante para as empresas com baixo Market-to-Book, pequeno tamanho e alto momento dos retornos. / This study presents an analysis of the role that two measures of stock liquidity, the turnover and Amihud ratio, have on stock returns for companies trading at the Brazilian Stock Exchange - Bovespa. For analysis it was used combinations of the CAPM, 3 and 4 factor models of Fama, French and Carhart. The models were tested using simple OLS regressions and panel OLS regressions. The results show that the liquid is relevant to both approaches. Additionally, since the international crisis of 2008 had a significant impact on the Brazilian stock market and since during the crisis investors usually seek the most liquid investments, it was also tested the effect that the crisis had on these models. The results suggest that after 2008 the importance of liquidity for asset pricing models increased. Moreover, Chow tests were performed to identify the existence of a structural break point. The results obtained from these tests also support the idea that liquidity grew in importance after 2008 at least for part of the publicly traded stocks in Brazil. Finally, although the liquidity is an important risk factor, different companies respond differently to it. This work also presents a study of how stocks of different companies classified according to their Market-to-Book, size, return momentum, turnover and Amihud ratio respond to liquidity factors. The results suggest that liquidity is more important for companies with low Market-to-Book, small size and high return momentum.
18

Identificando, avaliando e gerenciando os recursos organizacionais tangíveis e intangíveis por meio de uma metodologia construtivista (MCDA)

Schnorrenberger, Darci January 2005 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. / Made available in DSpace on 2013-07-16T00:30:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 223354.pdf: 1591175 bytes, checksum: 7b7ec36ffd4d1607a73ca3951e4f508e (MD5) / A comunidade científica e o mundo empresarial, têm, cada vez mais, reconhecido a importância dos ativos intangíveis - AI's - como o principal agente de agregação de valor às organizações. Em um ambiente altamente competitivo, em que o diferencial de uma organização é fator chave para o seu sucesso, os AI´s se configuram como o elemento capaz de gerar este diferencial. Neste contexto, argumenta-se a necessidade de as organizações devotarem esforços para o tratamento dos AI´s responsáveis pelo seu desempenho diferencial. Considerando-se os intangíveis como ativos invisíveis que agregam valor a organização e reconhecendo-se a especificidade de cada contexto organizacional, faz-se necessário utilizar uma ferramenta que possibilite sua identificação, avaliação e posterior gerenciamento. A literatura apresenta uma diversidade de abordagens que se propõem a fazê-lo. Entretanto, tais abordagens carecem de mecanismos que permitam identificar e considerar os recursos intrínsecos a cada organização, bem como mecanismos de integração simultânea de todos estes recursos organizacionais - tangíveis e intangíveis. A presente pesquisa parte de uma perspectiva fenomenológica construtivista e propõe o uso de uma metodologia que permite considerar simultaneamente, múltiplos aspectos e ainda, organizar e construir o conhecimento a partir das perspectivas dos atores envolvidos. Trata-se da Metodologia Multicritério em Apoio à Decisão Construtivista - MCDA-C -, que, argumenta-se, consegue identificar e avaliar os recursos tangíveis e intangíveis de uma organização, de tal forma a dar suporte a seu gerenciamento. A aplicabilidade da proposta é testada em um estudo de caso real. Os resultados obtidos e as reflexões tecidas ao longo do estudo demonstraram a robustez da proposta que, ao identificar e avaliar os ativos tangíveis e intangíveis da empresa, oportunizou seu gerenciamento, conferindo à empresa, na área Econômico-financeira, um diferencial competitivo no novo cenário do setor de distribuição de energia elétrica do país.
19

Valorização dos ativos intangíveis na obtenção de recursos em instituições financeiras

Royer, Jorge André Braga January 2002 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. / Made available in DSpace on 2012-10-19T21:18:32Z (GMT). No. of bitstreams: 1 189285.pdf: 832543 bytes, checksum: 5b3bb537f78d7f588de9e3bfb0fe59d6 (MD5) / Na era industrial, a propriedade de recursos físicos e financeiros garantia o sucesso empresarial. Atualmente, para muitas empresas, os ativos físicos não são fundamentais, pois criam-se riquezas gerenciando conhecimentos. Algumas empresas valem muito mais do que está registrado nos seus balanços patrimoniais porque possuem recursos invisíveis representados por habilidades, relacionamentos e processos inovadores que garantem sua vantagem competitiva e os lucros futuros. Este trabalho de pesquisa, inicialmente, resume as idéias dos autores sobre o tema Ativos intangíveis e revela que as instituições financeiras brasileiras ainda não consideram esses recursos invisíveis de acordo com o seu real potencial de geração de negócios. Em seguida, propõe-se um método que valorize os ativos intangíveis na análise de empresas para obtenção de recursos em instituições financeiras e que complemente a análise tradicional de balanços. O método parte de um diagnóstico detalhado da sistemática de análise em uso, para então propor indicadores de ativos intangíveis. A validação do método é realizada em uma tradicional instituição financeira brasileira.
20

Relevância informacional dos ativos fiscais diferidos na indústria bancária brasileira

Guia, Leandro Dias 25 January 2018 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade e Gestão de Políticas Públicas, Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis, 2018. / Submitted by Raquel Almeida (raquel.df13@gmail.com) on 2018-04-16T18:49:35Z No. of bitstreams: 1 2017_LeandroDiasGuia.pdf: 1449102 bytes, checksum: 56a436cfb2b0b514052250b0362c2d56 (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana (raquelviana@bce.unb.br) on 2018-05-08T21:29:25Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2017_LeandroDiasGuia.pdf: 1449102 bytes, checksum: 56a436cfb2b0b514052250b0362c2d56 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-05-08T21:29:26Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2017_LeandroDiasGuia.pdf: 1449102 bytes, checksum: 56a436cfb2b0b514052250b0362c2d56 (MD5) Previous issue date: 2018-05-08 / Este estudo investiga a relevância informacional para o mercado de capitais do acentuado nível de Ativos Fiscais Diferidos (AFD) na indústria bancária brasileira. Os AFD são questionados quanto à capacidade de geração de benefícios econômicos e de controle da entidade e têm origem nas assimetrias entre o lucro contábil e fiscal. Na indústria bancária, especialmente, onde os ativos têm a função de intermediação financeira, esse tema é ainda mais controverso, devido os AFD serem desprovidos de substância econômica, e potencialmente sinalizarem ao mercado de capitais riscos adicionais e possível fragilidade dos bancos, como a redução na qualidade do capital próprio, lucros e distorções nos indicadores econômico-financeiros. Por outro lado, existem correntes que defendem os AFD, e argumentam que esses itens indicam previsibilidade de lucros futuros, sensação de persistência de resultados e volume significativo de despesas pagas antecipadamente que fluirão em benefícios econômicos futuros. As posições contrárias e favoráveis aos AFD encontram abrigo em autores e na Teoria da Contabilidade. Com base nesses aspectos, a pesquisa investigou o valor informacional dos AFD na indústria bancária brasileira. Para tanto, foram desenvolvidas as hipóteses em que o estoque de AFD tem associação negativa (H1A) ou positiva (H1B) com o valor de mercado dos bancos de capital aberto. Para testar empiricamente as hipóteses formuladas, foram utilizados os modelos Marketto-Book (MTB) e Ohlson (1995). Para a realização dos testes empíricos foram utilizados dados no período entre 2000 e 2017 de bancos de capital aberto. Os resultados apresentaram evidências de relação negativa e relevante entre o volume do estoque de AFD dos bancos e o valor de mercado dessas entidades, corroborando a hipótese de associação negativa (H1A). Como principais contribuições do estudo à literatura podem ser destacadas a identificação de que no mercado brasileiro, as assimetrias existentes entre o resultado tributário e societário dos bancos, origem dos ativos fiscais diferidos, pesam negativamente no valor de mercado dessas instituições. Além disso, devido ao peso atribuído pelos investidores aos ativos fiscais diferidos na indústria bancária brasileira, esses itens podem sinalizar eventual anomalia e potenciais consequências ao sistema. O resultado da pesquisa contribui também no sentido de informar que essas assimetrias deveriam ser reduzidas, sinalizando para as autoridades regulatória do sistema e tributária que uma solução deve ser encontrada, dado os efeitos negativos que provocam no sistema. / This study investigates the informational value relevance for the capital market of the significant level of Deferred Tax Assets (DTA) in the Brazilian banking industry. The DTAs ability to generate economic and control benefits of the entity are questioned and they originate from the asymmetries between the accounting and tax profit. In the banking industry, especially where assets have the role of financial intermediation, this issue is even more controversial, due to DTAs being devoid of economic substance, and for potentially signaling to the capital market additional risks and possible bank fragility, such as the reduction in the quality of equity, profits and distortions in economic and financial indicators. On the other hand, there are segments that defend DTAs, and argue that these items indicate predictability of future profits, a sense of persistence of results and significant volume of prepaid expenses that will flow into future economic benefits. Opposing and favorable positions regarding DTAs find coverage in authors and in the Accounting Theory. Based on these aspects, the research investigated the informational value of DTAs in the Brazilian banking industry. For this purpose, we developed the hypotheses of the reserve of DTA as having negative (H1A) or positive (H1B) association with the market value of publicly traded banks. To empirically test the formulated hypotheses, we used the Market-to-Book (MTB) and Ohlson (1995) model. For the empirical tests we used data from publicly traded banks in the period between 2000 and 2017. The results showed evidence of relevant and negative relationship between the volume of banks’ DTA reserve and the market value of these entities corroborating the hypothesis of negative association (H1A). The main contributions of the study to the literature are the identification that the asymmetries between the tax and corporate results of banks in the Brazilian market, and the origin of deferred tax assets, have a negative impact on the market value of these institutions. In addition, due to the weight attributed by investors to deferred tax assets in the Brazilian banking industry, these items may signal a possible anomaly and potential consequences to the system. The result of this research also contributes to inform that these asymmetries should be reduced, signaling to the regulatory system and tax authorities that a solution must be found, given the negative effects they cause in the system.

Page generated in 0.1042 seconds