• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 53
  • 3
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 60
  • 37
  • 11
  • 11
  • 10
  • 8
  • 8
  • 8
  • 7
  • 7
  • 7
  • 7
  • 6
  • 6
  • 5
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

A intersecção da psicologia com a lei : problematizando a psicologia jurídica na prática profissional dos psicólogos

Brunini, Bárbara Cossettin Costa Beber. 2016 (has links)
Orientador: Silvio José Benelli Banca: Sidney Kiyoshi Shine Banca: Eurípedes Costa do Nascimento Resumo: Problematizamos nesta pesquisa o processo de constituição da Psicologia Jurídica no contexto institucional do Sistema de Justiça. A partir da genealogia de Michel Foucault, investigamos como se articulam os complexos binômios Psicologia-Direito, Psicologia-Judiciário, produzindo uma análise sobre a emergência dessa nova área de atuação dos profissionais da Psicologia, que manejam o campo da subjetividade em confronto com a lei, os Tribunais e a Justiça, atentos aos planos das práticas discursivas e das práticas não discursivas. Foi realizado um trabalho de levantamento bibliográfico e também documental, colecionando e resenhando livros, artigos, teses, dissertações e documentos pertinentes, tais como legislações e coletâneas oficiais dos respectivos órgãos de classe profissional, para analisar os discursos sobre a Psicologia Jurídica. Num segundo momento, entrevistamos psicólogos que atuam na área de Psicologia Jurídica bem como aqueles que pela Justiça são intimados a responder a sua demanda mesmo atuando em diferentes estabelecimentos os quais, além dos Tribunais de Justiça, podem estar exercendo suas atividades em Centros de Socioeducação, Casas Abrigo, Unidades de Saúde, Centros de Assistência Social e na função de peritos autônomos. Pensando na entrevista, propomos tópicos disparadores para dialogar com nossos entrevistados sobre suas práticas institucionais na atualidade, bem como mapear quais são seus impasses e suas possibilidades nessa atuação. Enquanto sujeito... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) Abstract: We problematize this research the process of setting up the Legal Psychology in the institutional context of the Justice System. From the genealogy of Michel Foucault, we investigate how to articulate the binomial complex Psychology-Law, Psychology, judiciary, producing an analysis of the emergence of this new area of expertise of the professionals of psychology, that handle the field of confrontation in subjectivity with the law the Courts and Justice, aware of the plans of the discursive practices and non-discursive practices. It conducted a literature review of work as well as documentary, collecting, reviewing and analyzing articles, theses, dissertations and relevant documents such as official legislation and compilations of their professional class organizations, to analyze the discourses on Legal Psychology. Secondly, we interviewed psychologists who work in Forensic Psychology area as well as those by the courts are enjoined to respond to their demand even working in different establishments which, in addition to the Courts of Justice, may be exerting its activities in socio-educational centers, Shelters, health units, social assistance centers and the role of independent experts. Thinking about the interview, we trigger propose topics for dialogue with our respondents about their institutional practices today and map out what their impasses and possibilities in this action. As a subject of knowledge-power professional psi is inserted into the judicial system... (Complete abstract click electronic access below) Mestre
2

Outras famílias do Seridó: genealogias mestiças no sertão do Rio Grande do Norte (séculos XVIII-XIX)

14 February 2013 (has links)
Submitted by Felipe Lapenda (felipe.lapenda@ufpe.br) on 2015-03-10T12:27:50Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) TESE HELDER_ALEXANDRE_MEDEIROS_DE_MACEDO_VERSAO_DIGITAL_BDTD_UFPE.pdf: 6483038 bytes, checksum: 2a04d8c79d424eae7d531c08e49bcf08 (MD5) Made available in DSpace on 2015-03-10T12:27:50Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) TESE HELDER_ALEXANDRE_MEDEIROS_DE_MACEDO_VERSAO_DIGITAL_BDTD_UFPE.pdf: 6483038 bytes, checksum: 2a04d8c79d424eae7d531c08e49bcf08 (MD5) Previous issue date: 2013-02-14 Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Este trabalho objetiva estudar genealogias mestiças na Freguesia da Gloriosa Senhora Santa Ana do Seridó, cuja sede ficava situada no sertão da Capitania do Rio Grande do Norte, entre o século XVIII e primeiras décadas do século XIX, na tentativa de compreender qual o lugar dos mestiços na formação de famílias nesse território. Entendemos genealogias mestiças, neste estudo, como as parentelas formadas, no período colonial, a partir de mestiçagens, isto é, em que os sujeitos que se tornaram troncos de famílias não são descendentes, apenas, de luso-brasílicos. O trabalho foi produzido a partir de duas abordagens: a primeira, macro histórica, que reconstituiu o processo de construção do território da Freguesia do Seridó ao verificar a presença de elementos luso-brasílicos, africanos, crioulos, índios e mestiços e perceber como foram estabelecidas instâncias da administração colonial (arraial, regimento militar, povoação, freguesia e vila) no sertão; a segunda, micro histórica, onde se examinou as histórias de vida de três homens de cor: Nicolau Mendes da Cruz, Francisco Pereira da Cruz e Feliciano da Rocha de Vasconcelos. A escolha desses personagens, dispersos nas ribeiras que formavam a freguesia, mas, mantendo relações entre si, foi motivada pela representatividade de suas agências enquanto mestiços, por terem deixado parentela (de sangue ou ritual) e, também, pela disponibilidade de fontes documentais (judiciais, paroquiais e administrativas) que dizem respeito a suas vidas. A tese demonstrada é a de que, no processo de constituição das famílias que viveram na Freguesia do Seridó entre o século XVIII e primeiras décadas do século XIX – e que participaram do cotidiano nas fazendas, povoações e vila – houve participação de elementos mestiços, cujas
3

Do trabalhador indisciplinado ao homem prescindivel

1992 (has links)
Orientador: Luiz Orlandi Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas Made available in DSpace on 2017-03-14T19:43:52Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Caponi, Sandra N. C. .pdf: 66351902 bytes, checksum: cd58b009202a7998d392da4ec12e4724 (MD5) Previous issue date: 1992 Made available in DSpace on 2017-07-14T20:16:52Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Caponi_SandraN.C_D.pdf: 66351902 bytes, checksum: cd58b009202a7998d392da4ec12e4724 (MD5) Previous issue date: 1992 Resumo: Não informado Abstract: Not informed. Doutorado Doutor em Filosofia
4

Laços de família : de Portugal ao Brasil a África e ao Oriente

Azeredo, Maria Augusta Sena de Vasconcelos de 1998 (has links)
Através de 4 biografias e várias prosopografias, a história duma Família, entre os sécs. XIX e os finais do séc. XX, que promoveu a criação de laços históricos entre Portugal e o Brasil, a Africa e o Oriente, facilitando o encontro e a complementaridade de raças, culturas, civilizações e correntes políticas diferentes. A diáspora de um Povo vivida e sentida através de várias gerações e de várias personalidades.
5

O ensino da filosofia no Brasil : uma arqueogenealogia da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Universidade de São Paulo

Sanabria de Aleluia, José Roberto. 2014 (has links)
Orientador: Rodrigo Pelloso Gelamo Banca: Pedro Ângelo Pagni Banca: Alexandre Filordi de Carvalho Resumo: A pesquisa apresentada nesta dissertação teve o objetivo de compreender a constituição discursiva do ensino da Filosofia no Brasil. Por meio do mapeamento e análise das descontinuidades e regularidades discursivas que antecederam a fundação da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Universidade de São Paulo, buscamos evidenciar quais foram as condições que permitiram a emergência de uma ordem discursiva do ensino da Filosofia e como tal discurso produziu a imagem do filósofo da elite ilustrado na Universidade de São Paulo em 1936. Diante disso, averiguamos a constituição dos modos de subjetivação e objetivação existentes entre o final do século XIX até o começo do século XX através do procedimento metodológico arqueogenealógico. Para alcançar tais finalidades explicitamos as principais noções desenvolvidas por Michel Foucault no percurso arqueológico e genealógico a fim de entender a ordem discursiva que sustentava a enunciação Universidade de São Paulo. Observamos que tal ordem forneceu as condições de existência para o ensino do filósofo da elite ilustrado, que disciplinado pelo método da história da filosofia teria a possibilidade de filosofar em suas meditações ou pela crítica da atualidade, objetivando encontrar os princípios gerais que regem a multiplicidade das coisas. Nesta mesma ordem, entendemos que o professor de filosofia assumiria dois papeis, o primeiro mais ilustre, pois fora caracterizado como a própria Filosofia, na medida em que praticava a crítica do presente através da história da Filosofia. Mas, também considerado um professor-comentador, na medida em que argumentava para seus alunos sobre os principais conceitos e característica históricas dos autores clássicos. Os resultados alcançados indicaram que o desejo de formar filósofos da elite ilustrados inspirados pela doutrina da sabedoria que constituiria legisladores da razão não ocorreu, mas serviu aos interesses... Abstract: The presented research in this paper aims to understand the discursive constitution of teaching philosophy in Brazil. By mapping and analysis of discontinuities and discursive regularities that preceded the founding of the Faculty of Philosophy, Sciences and Letters of the University of São Paulo, it tries to show what were the conditions that allowed the emergence of a discursive order of teaching philosophy and how such speech produced the image of the illustrated elite philosopher at the University of São Paulo in 1936. Therefore, we investigated the constitution of the subjectivity ways existing between the late nineteenth century to the early twentieth century through the archeology-genealogical methodological procedure. To reach these goals we underline the main concepts developed by Michel Foucault in the archeological and genealogical journey to understand the discursive order that sustained enunciation University of Sao Paulo. We observe that such order provided the existence conditions for the illustrated elite philosopher teaching that governed by the history of philosophy method would be able to philosophize in his meditations or by critics today, aiming to find the general principles governing the multiplicity of things. In this same order, we understand that the professor of philosophy would assume two roles, the first most distinguished, for it was characterized as Philosophy itself, as practiced criticism of the present through the history of philosophy .But, also considered a teacher - commentator, to the extent that argued for their students on the key concepts and historical characteristic of classical authors .The results obtained indicated that the desire to form elite illustrated philosophers inspired by the doctrine of wisdom that would be the reason lawmakers did not occur, but it served the interests of the ruling classes in the silencing and exclusion, preventing the emergence of other forms of philosophical life. Mestre
6

Fios de memórias. Um estudo sobre parentesco e história a partir da construção da genealogia manoki (irantxe) Lines of memories. A study on kinship and history through manoki´s (irantxe´s) genealogy

13 March 2015 (has links)
Essa tese tem como ponto de partida e referência a tessitura de uma rede de relações genealógicas e matrimoniais entre os Manoki (e os Mky), falantes de uma língua isolada distribuída em duas variantes dialetais (Irantxe e Mky). Esses coletivos reconhecem um passado comum e habitam atualmente duas Terras Indígenas distintas situadas no vale do rio Juruena, formador do Tapajós, na região noroeste do estado de Mato Grosso. A população manoki é atualmente estimada em 373 pessoas distribuídas em sete aldeias na Terra Indígena Irantxe, localizada em uma área predominantemente de cerrado, na margem esquerda do rio Cravari. Os 129 indivíduos mky vivem em uma única aldeia na Terra Indígena Menkü, região de transição de mata e cerrado circunscrita pelos rios Papagaio e do Sangue. O parentesco é aqui considerado um idioma privilegiado para compreender quem são essas populações, como pensam sua história e as maneiras como modulam suas relações com as diferentes figuras da alteridade, que vão desde as relações internas a este conjunto linguístico, passando pelas relações com os brancos e outros povos ameríndios vizinhos, até chegar ao vasto número de seres dotados de agência, que chamam de espíritos, bichos e assombrações. This thesis has as a starting point and reference the fabric of a kinship and marriage network among the Manoki (and the Mky), speakers of an isolated language distributed in two dialects (Irantxe and Mky). These Amerindian peoples acknowledges a common past and inhabit nowadays two distinct Indigenous Lands located in the valley of the Juruena river, a tributary of the Tapajós, in the northwestern region of the Brazilian state of Mato Grosso. Nowadays the Manoki population is estimated over 373 people distributed in seven different villages in the Indigenous Land Irantxe, situated in a predominantly savannah area on the left bank of the Cravari river. The 129 mky individuals live in a single village in the Indigenous Land Menkü, located in an area of transition between forest and savannah circumscribed by the rivers Papagaio and Sangue. Kinship relations are here considered as a privileged idiom to understand who these peoples are, how they think their own history and the ways they modulate their relations with different figures of alterity, ranging from internal relations between the speakers of these dialects, passing through the relations with whites and other Amerindian neighboring peoples and reaching a vast number of beings endowed with agency capabilities, which they call spirits, beasts and spectrums.
7

Estrutura populacional e diversidade genética da raça árabe no Brasil Population structure and genetic diversity on arabian horse in Brazil

27 October 2015 (has links)
Submitted by Marcos Anselmo (marcos.anselmo@unipampa.edu.br) on 2016-09-09T20:24:23Z No. of bitstreams: 2 LUCIANO DA ROSA LEAL.pdf: 922298 bytes, checksum: bbd8f1ca1fec36d071c2b3776116a39a (MD5) license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) Approved for entry into archive by Marcos Anselmo (marcos.anselmo@unipampa.edu.br) on 2016-09-09T20:24:38Z (GMT) No. of bitstreams: 2 LUCIANO DA ROSA LEAL.pdf: 922298 bytes, checksum: bbd8f1ca1fec36d071c2b3776116a39a (MD5) license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) Made available in DSpace on 2016-09-09T20:24:38Z (GMT). No. of bitstreams: 2 LUCIANO DA ROSA LEAL.pdf: 922298 bytes, checksum: bbd8f1ca1fec36d071c2b3776116a39a (MD5) license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) Previous issue date: 2015-10-27 Reconhecida como uma das raças equinas mais antigas e influentes, o cavalo Árabe tem sua origem indefinida e supostamente heterogênea, a partir dos resultados de estudos de DNA-mitocondrial, que apontaram importante diversidade genética. Considerando o contexto dos desafios ecológicos a que as espécies são submetidas, tais como competição, predação, patologias e outros, a diversidade genética é fundamental na sua adaptação e evolução. Sua avaliação dentro da população é necessária durante a implementação do programa de seleção para estabelecer uma gestão apropriada do estoque genético, sendo determinada pelo tamanho da população base, mas também pelas estratégias de acasalamento. A análise genética de uma população pode ser levada a termo utilizando-se informação genealógica ou molecular. No caso do presente estudo, seu objetivo foi avaliar a diversidade genética do cavalo Árabe no Brasil, através das informações genealógicas contidas do Stud Book Brasileiro do Cavalo Árabe. Foram utilizados os dados de 54506 animais, cuja consistência de seus pedigrees foi avaliada pelo programa Breed Mate Pedigree Software® e os parâmetros populacionais determinados pela análise com o programa Poprep. A idade média dos machos e fêmeas em reprodução foi, respectivamente, 9,8 e 9,0 anos. A rotatividade de éguas em reprodução pode ser considerada alta (59,02%) e o intervalo médio de gerações ao longo do tempo considerado foi de 9,1 anos. Para a análise da endogamia foram definidas 11 classes com intervalos de 5%, onde 4,32% da população correspondeu a níveis acima dos 10%. A média F de endogamia encontrada para a população foi de 1,98%, considerando-se os dados de ancestrais desde 1808, e 2,90%, considerando-se os dados a partir de 1964, quando da criação do Stud Book Brasileiro do cavalo Árabe. Estes resultados são inferiores a alguns encontrados para populações de cavalos Árabes na Europa, observando-se ampla diversidade genética populacional, podendo estar relacionados ao considerável tamanho da população, ao fluxo gênico de um grande número de importações de animais e à ausência de gargalos genéticos importantes. Todavia, a elevada proporção de animais endogâmicos na população e o aumento das médias de endogamia nas últimas duas décadas, sugerem ajustes de seleção, no sentido de prevenir perdas de diversidade genética no futuro. Recognized as one of the oldest and most influential horse breeds, the Arabian horse has an undefined and, supposedly heterogeneous origin, from the study results of mitochondrial-DNA, which indicate that significant genetic diversity. Considering the context of the ecological challenges that species are submitted, such as competition, predation, disease and others, genetic diversity is crucial in adaptation and evolution. Evaluation within the population is necessary for the implementation of the screening program to establish a proper management of the genetic stock, being determined by the size of the base population, but also for mating strategies. Genetic analysis of a population may be brought to completion by using family or molecular information. In the present study, its purpose was to evaluate the Arabian horse genetic diversity in Brazil, through the genealogical information in the Stud Book Brazilian Arabian Horse. The data of 54,506 animals were used, whose consistency was assessed by their pedigrees Breed Mate Pedigree Software® program and population parameters determined by analysis with Poprep program. The average age of males and females in reproduction was respectively 9.8 and 9.0 years. The turnover of mares in breeding can be considered high (59.02%) and the average generation interval over time considered was 9.1 years. For the analysis of inbreeding 11 classes were defined with 5% intervals where 4.32% of the population corresponded to levels above 10%. The average F of inbreeding found for the population was 1.98%, considering the data ancestors since 1808, and 2.90%, considering the data from 1964, when the creation of the Brazilian Stud Book of Arabian horse. These results are lower than those found in populations of Arabian horses in Europe, observing large population genetic diversity and may be related to the large size of the population, the gene flow of a large number of animal imports and the absence of important genetic bottlenecks. However, the high proportion of inbred animals in the population and the increase in mean inbreeding in the past two decades, suggest selection of adjustments, in order to prevent loss of genetic diversity in the future.
8

O silêncio das genealogias : classe dominante e estado no Paraná (1853-1930)

2000 (has links)
Orientador: Edmundo Fernandes Dias Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas Made available in DSpace on 2017-03-31T14:59:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Oliveira, Ricardo Costa de.pdf: 31645324 bytes, checksum: b2d1548a2d3b603ed4e469a35c240b79 (MD5) Previous issue date: 2000 Made available in DSpace on 2017-07-14T19:52:33Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Oliveira_RicardoCostade_D.pdf: 31645324 bytes, checksum: b2d1548a2d3b603ed4e469a35c240b79 (MD5) Previous issue date: 2000 Resumo: O presente trabalho procura analisar e identificar a classe dominante paranaense no período de 1853-1930, da emancipação e criação da Província do Paraná até a Revolução de 1930. Defendemos a tese de que o núcleo da classe dominante paranaense é formado por cerca de cinqüenta fann1ias históricas que se estruturam primordialmente no período colonial. A partir da estrutura agrária fundada pelo regime senhorial das sesmarias e com o poder dos homens bons no controle dos cargos políticos das vilas coloniais, articula-se a base inicial da classe dominante paranaense. Com os descendentes deste núcleo inicial compõem-se os princípios da base demográfica, social, econômica e política central da classe dominante paranaense. Este complexo conjunto dominante deve ser investigado na evolução de sua base material e em sua economia política formada a partir da erva-mate e do tropeirismo, as principais atividades paranaenses de mercado no século XIX. A vinda de novos quadros da burocracia nacional e a criação de uma burguesia imigrante não alteram completamente o perfil político da região. O projeto de poder e de domínio das grandes familias históricas atravessa os séculos. A análise dos principais grupos da política do Paraná revela a sua dependência das estruturas tradicionais de parentesco da classe dominante. A investigação da classe dominante enquanto um a totalidade concreta com suas mediações reais está fundamentada na pesquisa de homens reais com suas relações sociais efetivas e suas experiências vividas. A classe dominante paranaense também apresenta uma complexa formação pautada por grupos familiares em suas modalidades de poder e domínio social, econômico, político e cultural ao longo de trezentos anos de história paranaense na sua transmissão de patrimônios. Apesar das grandes transformações ocorridas no século XX, como a modernização capitalista e a modernização burocrática, a presença de elementos das fannnas históricas nos quadros políticos do Paraná ainda é considerável e marcante. Abstract: Not informed. Doutorado Doutor em Sociologia
9

As representações sobre o trabalho a partir das narrativas de uma familia de operarios The representations on the work from the narratives of a family of labores

2006 (has links)
Orientador: Guilhermo Raul Ruben Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas Made available in DSpace on 2017-03-29T09:00:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Muniz, C?tia Regina.pdf: 2639930 bytes, checksum: 0b16c002f1864bcfa38a65687ea86d94 (MD5) Previous issue date: 2006 Made available in DSpace on 2017-07-14T20:02:37Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Muniz_CatiaRegina_D.pdf: 2639930 bytes, checksum: 0b16c002f1864bcfa38a65687ea86d94 (MD5) Previous issue date: 2006 Resumo: Esta tese propõe-se a analisar as trajetórias de uma empresa transnacional, a qual será descrita a partir das narrativas de três gerações de uma família de trabalhadores de uma fábrica localizada no interior do Estado de São Paulo. A proposta deste trabalho é muito mais do que apenas contar a história de uma empresa privada, mas escrever sobre as representações que seus trabalhadores e trabalhadoras elaboraram sobre ela, cujos relatos não falam apenas desta empresa, como também de si, de relações, de valores, de política e da história local Abstract: This work attempts to analyse the selection process practiced within an enterprise of chemistry area in the region of São Paulo. This research privileged the gender relations, using ethnography as a methodological approach. The ethnographic research, conducted in this entrerprise, pursuits to interpret in this relations the representations that workers, women and men, do about ¿female¿ and ¿male¿, the sexual division, the output process and work¿s environment Doutorado Doutor em Ciencias Sociais
10

Polimorfismos genéticos em genes relacionados com imunidade inata em população de área de baixa endemicidade para malária Genetic polymorphisms in genes related to innate immunity in a low endemicity area for malaria

29 August 2017 (has links)
Os receptores do tipo toll (toll-like receptors ou TLRs) são uma família de receptores na primeira linha de defesa do sistema imune inato que são capazes de reconhecer padrões moleculares associados a patógenos (PAMPs), dentre os patógenos mais importantes encontra-se Plasmodium. Variações genéticas nesses receptores estão associadas à resistência ou suscetibilidade a uma variedade de doenças infecciosas. Sabe-se que as freqüências destas mutações também podem variar de acordo com a ancestralidade biogeográfica dos indivíduos. Este trabalho avaliou a relação entre 24 polimorfismos em TLRs, ancestralidade e malária em 195 indivíduos residentes em área de Mata Atlântica do Estado de São Paulo. A ancestralidade genômica individual foi estimada usando marcadores autossômicos de inserção/deleção (INDELs) e os polimorfismos em TLR foram genotipados por PCR-RFLP, sequenciamento e eletroforese capilar. Dados prévios de malária presente ou pregressa obtidos por métodos moleculares e sorológicos foram utilizados para avaliar a relação dos polimorfismos em TLRs e malária nesses indivíduos. Os resultados mostraram que: (i) nove SNPs e um microssatélite foram polimórficos; (ii) a maior parte dos indivíduos analisados apresentou maior proporção de ancestralidade europeia; (iii) as proporções médias de ancestralidade europeia diferiram significantemente nos genótipos de TLR1 (I602S) e TLR6 (P249S); (iv) a probabilidade de ter o alelo variante G em TLR1 aumenta com o aumento da ancestralidade européia assim como aumenta a probabilidade de ter o alelo variante T no TLR6; (v) o polimorfismo em TLR9 -1237T/C foi fortemente relacionado à malária, sendo demonstrado que a presença de pelo menos um alelo C nessa posição aumentou o risco para malária 2,3 vezes; e (vi) TLR9 -1486T/C em associação com o TLR6 foi protetor, pois a associação dos alelos variantes reduziu o risco de malária em 4,4 vezes. O alelo G em TLR1 tem sido relacionado a uma resposta imune diminuída, o que poderia explicar a alta prevalência de casos de malária assintomática em áreas do sudeste brasileiro. O TLR9 tem sido relacionado com a patogênese da malária em estudos em animais e em humanos, sendo possivelmente modulado por polimorfismos na região promotora. Nossos dados também reforçam a necessidade de incluir marcadores de ancestralidade em estudos de associação genética para evitar resultados enviesados. Por fim, este é o primeiro estudo a associar polimorfismos em genes de imunidade inata e malária em amostras de Mata Atlântica. Toll-like receptors (TLRs) are a family of receptors in the first line of defense of the innate immune system and they are able to recognize molecular patterns associated with pathogens (PAMPs), among the most important pathogens is Plasmodium. Genetic variations in these receptors are associated with resistance or susceptibility to a variety of infectious diseases. It is known that the frequencies of these mutations can also vary according to the biogeographic ancestry of the individuals. This work evaluated the relationship among 24 polymorphisms in TLRs, ancestry and malaria in 195 individuals living in the Atlantic Forest area of the São Paulo State. Individual genomic ancestry was estimated using autosomal insertion/deletion markers (INDELs) and TLR polymorphisms were genotyped by PCR-RFLP, sequencing and capillary electrophoresis. Previous data about present or previous malaria were obtained by molecular and serological methods and were used to evaluate the relationship of polymorphisms in TLRs and malaria in these individuals. The results showed that: (i) nine SNPs and one microsatellite were polymorphic; (ii) the majority of the individuals analyzed presented a greater proportion of European ancestry; (iii) the average proportions of European ancestry differed significantly in the genotypes of TLR1 (I602S) and TLR6 (P249S); (iv) the probability of having the variant G allele in TLR1 increases with increasing European ancestry as well as increases the probability of having the T allele variant in TLR6; (v) the TLR9 -1237T/C polymorphism was strongly related to malaria, and the presence of at least one C allele in this position was shown to increase the risk for malaria 2.3 times; and (vi) TLR9-1486T/C in combination with TLR6 was protective, since the association of variant alleles reduced the risk of malaria by 4.4 times. The G allele in TLR1 has been related to a decreased immune response, which could explain the high prevalence of cases of asymptomatic malaria in areas of southeastern Brazil. TLR9 has been linked to the pathogenesis of malaria in animal and human studies, possibly being modulated by polymorphisms in the promoter region. Our data also reinforce the need to include ancestral markers in genetic association studies to avoid biased results. Finally, this is the first study to associate polymorphisms in genes of innate immunity and malaria in Atlantic Forest samples.

Page generated in 0.0717 seconds