• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 73
  • 1
  • Tagged with
  • 74
  • 28
  • 26
  • 24
  • 17
  • 17
  • 16
  • 16
  • 15
  • 14
  • 14
  • 11
  • 10
  • 10
  • 10
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

O ambiente da educação e a educação no ambiente

Ferreira, Alexandre Garcia Gonçalves 2006 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação. Nesse breve ensaio teórico, são apresentados elementos fundamentais do debate socioambiental, focalizando criticamente dois pontos: a Educação Ambiental e o Movimento Ambientalista. A apresentação das idéias é ilustrada com a descrição e discussão a respeito de um caso prático de Educação Ambiental em cavernas. Organizado em 3 partes - que podem ser lidas em conjunto ou independentemente - o texto apresenta, na primeira delas, uma exposição preliminar-introdutória sobre a crise socioambiental; na segunda, uma discussão sobre Unidades de Conservação e a atuação de ONGs e OSCIPs nessas áreas; e, por fim, um último capítulo dedicado à crítica do movimento ambientalista, a partir da idéia de radicalismo.
2

Consumo sustentável e sua relevância na cultura contemporânea: análise de hábitos e práticas nas dimensões da cultura de consumo

Bittencourt, Marcia 14 June 2013 (has links)
O objetivo deste estudo é identificar, caracterizar e analisar modos de consumo, reconhecidos como associados à ideologia da sustentabilidade. Como suporte para essa análise, a pesquisa está dividida em três partes. A primeira contempla a análise de alguns aspectos da cultura de consumo, a partir da compreensão da formação da sociedade de consumo contemporânea, dos alicerces da cultura de consumo e sua evolução histórica, com ênfase na década de 1960. A segunda aborda os estudos de pesquisadores ambientalistas e autores que analisam a problemática ambiental, faz um resgate das origens do movimento ambientalista e traz uma breve reflexão sobre a sustentabilidade e sua relevância na contemporaneidade. A terceira trata de questões que envolvem o consumidor e o papel da comunicação, para tanto, parte da reflexão sobre a relação entre a cultura de consumo e o movimento ambiental e posteriormente é introduzida a discussão em torno das noções de consumo verde e consumo sustentável e suas principais críticas, abordando estudos que trazem à luz a existência de modos de consumo relacionados às questões da sustentabilidade. Essa abordagem permite a discussão sobre o papel da comunicação das marcas no contexto contemporâneo de consumo e sua relação com esse perfil de consumidor. A compreensão da relação entre o ambientalismo e a cultura de consumo e um melhor entendimento da existência de um perfil de consumo orientado pela ideologia da sustentabilidade evidencia a insustentabilidade dos modos de vida contemporâneos em razão da finitude de seus recursos naturais e degradação da ecosfera e possibilita a análise de seu papel e relevância na capacidade de promover mudanças reais sobre o futuro da humanidade.
3

A transposição das aguas da bacia hidrografica do Rio Paraiba do Sul para a vertente oceanica : um enfoque ambiental da historia de uma obra inacabada

Paulo de Tarso Venceslau 2002 (has links)
Resumo: Esta dissertação, tendo a água como elemento estruturador e a parte paulista da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul como objeto de estudo, procura recuperar a história dos principais eventos referentes a essa região, à luz da sociologia ambiental. Neste sentido, o trabalho mostra que, até recentemente, não havia qualquer iniciativa, legislação ou ação de governo voltada para o meio ambiente em uma região considerada estratégica para o país. Procurou-se reconstruir a história dos eventos, principalmente aqueles relacionados com o projeto da usina Hidrelétrica de Caraguatatuba. O projeto exigia a transposição das águas de um reservatório formado pelas águas dos rios Paraibuna e Paraitinga, principais formadores do rio Paraíba do Sul. Elaborado inicialmente pela empresa canadense Light & Power, foi objeto de muita polêmica, envolvendo autoridades, instituições, partidos políticos, empresários e meios de comunicação. Abandonado pela Light, foi retomado pelo governo de São Paulo, que também nunca chegou a executa-lo por causa das manobras políticas levadas a efeito pela empresa canadense. Os reservatórios, porém, foram construídos e concluídos já nos anos 1970. para tanto, duas cidades - Natividade da Serra e Redenção da Serra - foram inundadas, afetando a vida de dezenas de milhares de seus habitantes, que não tiveram a oportunidade de se manifestar a respeito. A dissertação procura mostrar que a ação de agências estatais, tal qual ocorreu em outros países, foi mais determinante para o início de esforços voltados para a defesa do meio ambiente da região do que a ação de ONGs ou qualquer outro movimento voltado para a defesa do meio ambiente... Observação: O resumo, na íntegra, poderá ser visualizado no texto completo da tese digital. Abstract: This dissertation has water as the structuring element and the São Paulo section of the Paraíba do Sul River Basin as the object of study, in order to trace the history of main events in the region in the light of environmental sociology. In this sense, this paper shows that until recently no initiative, legislation or governmental action had been devised to protect the environment in a region that is considerede strategic in the Brazil. This papar seeks to trace the history of events, particularly those related to the Caraguatatuba Power Plant project. The power plant project required the transposition of waters from a reservoir formed by the waters of the Paraibuna and Paraitinga Rivers, which are the main water sources for the Paraíba do Sul River. The Canadian company Light & Power developed the initial power plant design, which became object of much controversy among government authorities, institutions, political maneuvers by the Canadian company. This dissertation seeks to show that the actions of government agencies - as it happened in many other countries - were more decisive in terms of initiatives to promote environment protection in the region than the action of NGOs or other movements involved with the issue. In connection that period did not bear significant differences from any other model proposed by the opposition... Note: The complete abstract is available with the full electronic digital thesis or dissertations.
4

Movimento ambientalista e modernidade : sociabilidade, risco e moral

Sergio Barreira de Faria Tavolaro 1998 (has links)
Resumo: Não informado Abstract: Not informed
5

Modernização ecológica V.S. ambientalismo multissetorial no setor empresarial sul-brasileiro

Silva, Guilherme Nunes 2000 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política. O presente trabalho propõe-se a através do estudo de caso da adoção de Tecnologias Limpas comprovar/refutar as hipóteses levantadas pelo Ambientalismo Multissetorial e pela Teoria da Modernização Ecológica para explicar a mudança de comportamento empresarial quanto ao meio ambiente ao adotar procedimentos pró-ativos em lugar do fim-de-tubo. A metodologia de análise foi a da análise de discurso da escola francesa. Do confronto das teorias em pauta frente aos resultados analíticos procurou-se desenvolver um debate teórico aprofundando questões da modernidade em relação a crise ambiental apontando novas perspectivas ao avanço desta pesquisa.
6

Ambientalismo e novos rumos do desenvolvimento sustentável : o papel da ciência e tecnologia no setor produtor de couros Environmentalism and new directions for sustainable development : the role of science and technology sector producer of leather

Renan Dias Oliveira 2013 (has links)
Resumo: A cidade paulista de Bocaina, situada no centro do estado, tem no tingimento e acabamento do couro sua principal atividade - assim como diversos pequenos e médios municípios brasileiros - e pode ser considerada um exemplo claro do conflito que opõe desenvolvimento econômico e preservação ambiental. Conhecida nacionalmente como a capital da luva de raspa, a localidade enfrentou entre as décadas de 1970 e 2000 um crescimento desenfreado da atividade coureira, que se mantém na região há cerca de cinquenta anos. A partir da última década (anos 2000) as práticas de inovação tecnológica resultaram em redimensionamentos da questão ambiental. O estudo de caso nas indústrias de tingimento e acabamento de couro (curtumes) do município de Bocaina-SP procuraram verificar como as práticas inovativas no contexto local incorporam variáveis ambientais. O intuito foi diagnosticar se as novas técnicas e tecnologias adotadas por curtumes da região têm contribuído para a diminuição dos impactos ambientais causados em decorrência da atividade coureira, e se as novas práticas inovativas têm indicado para um modelo de desenvolvimento local sustentável. Um ramo produtivo historicamente marcado pela contaminação ao ambiente natural e à saúde humana, como o setor coureiro, pode redefinir seus rumos e construir padrões de produção mais sustentáveis. A participação dos setores sociais envolvidos com o mesmo, como os empresários, as populações locais diretamente envolvidas, os movimentos sociais e sindicais de cunho ambientalista e as instâncias de poder público têm redefinido as políticas públicas e a gestão das empresas para a melhoria das condições ambientais. Assim, este início de século aponta que os rumos da Ciência e da Tecnologia (C&T) podem estar ligados a um desenvolvimento efetivamente sustentável. Abstract: The city of São Paulo Bocaina, located in the center of the state, has in the dyeing and finishing of leather its main activity - as well as many small and medium sized municipalities - and can be considered a clear example of the conflict between economic development and environmental preservation. Known nationally as the capital of glove scrapes, the locale faced between the 1970s and 2000's unbridled growth coureira activity, which remains in the region for nearly fifty years. From the last decade (2000s) the practices of technological innovation resulted in resizing the environmental issue. The case study in the industries of dyeing and finishing of leather (tanning) of the municipality of Bocaina-SP tried to verify how innovative practices in the local context incorporate environmental variables. The aim was to diagnose whether the new techniques and technologies adopted by tanneries in the region have contributed to the reduction of environmental impacts caused as a result of the activity coureira, and innovative new practices have indicated a model for sustainable local development. A productive branch historically marked by contamination to the natural environment and human health, as the leather sector may redefine its direction and build more sustainable patterns of production. The participation of social groups involved with it, as entrepreneurs, local people directly involved, the social and union movements of an environmental nature and instances of public power have redefined public policy and business management for the improvement of environmental conditions. So, early this century shows that the directions of Science and Technology (S & T) may be linked to a sustainable development effectively.
7

Dos Movimentos Sociais para o Estado: um Estudo das Carreiras de Ativistas Ambientais no Espírito Santo.

LERBACH, B. C. 20 May 2015 (has links)
A dissertação problematiza as relações entre movimentos sociais e Estado no Brasil contemporâneo, dando enfoque à entrada de lideranças de movimentos para órgãos públicos, por meio da ocupação de cargos de confiança e comissionados. Esta mudança no local de atuação, que pode ser compreendida como trânsito (da sociedade civil para o Estado) ou do ponto de vista da transformação de papéis (de desafiantes a membros da polity), repercute sobre o campo do ativismo em questão, sobre as decisões e políticas dos órgãos públicos envolvidos, assim como sobre o próprio ativista. Tendo em vista essa discussão, estabelecemos como objeto de atenção os impactos promovidos no nível individual, tendo como objetivo investigar e analisar as transformações processadas nas dimensões objetivas e subjetivas de carreiras de lideranças ativistas que adentraram o Estado por meio da ocupação de cargos. Assim, foi realizado um estudo das carreiras ativistas de seis lideranças reconhecidas por terem atuado em um campo específico de militância no Espírito Santo o campo ambiental e que ocuparam cargos em órgãos públicos. A metodologia utilizada foi qualitativa, e os dados foram coletados em entrevistas semiestruturadas e em profundidade com as lideranças e em pesquisa em outras fontes, como páginas de internet e materiais cedidos pelos próprios entrevistados. As análises foram instrumentalizadas teoricamente pela sociologia das carreiras militantes, por meio da qual buscamos reconstruir itinerários objetivos e aspectos subjetivos da atuação política das lideranças. Os resultados revelam que, na maioria dos casos estudados, a entrada para o Estado não foi acompanhada do desengajamento em relação ao ativismo desenvolvido em organizações e lutas ambientalistas; e que é recorrente a conciliação (e por vezes a articulação) de ambos. Todavia, a dupla atuação no movimento e no Estado foi permeada por tensões, levando algumas vezes a conflitos e rupturas. O trabalho permite concluir que, mesmo para os que se mantiveram ativistas em movimentos ambientais, houve impactos decorrentes da atuação em órgãos públicos sobre suas carreiras objetivas e subjetivas, sendo notável uma mudança na visão e na relação com o Estado, compreendido como lugar onde é possível gerar contribuições. Palavras-chave: Relação movimentos sociais - Estado. Ambientalismo. Carreiras ativistas.
8

Dos movimentos sociais para o Estado : um estudo das carreiras dos ativistas ambientais no Espírito Santo

Lerbarch, Brena Costa 2015 (has links)
A dissertação problematiza as relações entre movimentos sociais e Estado no Brasil contemporâneo, dando enfoque à entrada de lideranças de movimentos para órgãos públicos, por meio da ocupação de cargos de confiança e comissionados. Esta mudança no local de atuação, que pode ser compreendida como “trânsito” (da sociedade civil para o Estado) ou do ponto de vista da transformação de papéis (de desafiantes a membros da polity), repercute sobre o campo do ativismo em questão, sobre as decisões e políticas dos órgãos públicos envolvidos, assim como sobre o próprio ativista. Tendo em vista essa discussão, estabelecemos como objeto de atenção os impactos promovidos no nível individual, tendo como objetivo investigar e analisar as transformações processadas nas dimensões objetivas e subjetivas de carreiras de lideranças ativistas que adentraram o Estado por meio da ocupação de cargos. Assim, foi realizado um estudo das carreiras ativistas de seis lideranças reconhecidas por terem atuado em um campo específico de militância no Espírito Santo – o campo ambiental – e que ocuparam cargos em órgãos públicos. A metodologia utilizada foi qualitativa, e os dados foram coletados em entrevistas semiestruturadas e em profundidade com as lideranças e em pesquisa em outras fontes, como páginas de internet e materiais cedidos pelos próprios entrevistados. As análises foram instrumentalizadas teoricamente pela sociologia das carreiras militantes, por meio da qual buscamos reconstruir itinerários objetivos e aspectos subjetivos da atuação política das lideranças. Os resultados revelam que, na maioria dos casos estudados, a entrada para o Estado não foi acompanhada do desengajamento em relação ao ativismo desenvolvido em organizações e lutas ambientalistas; e que é recorrente a conciliação (e por vezes a articulação) de ambos. Todavia, a dupla atuação no movimento e no Estado foi permeada por tensões, levando algumas vezes a conflitos e rupturas. O trabalho permite concluir que, mesmo para os que se mantiveram ativistas em movimentos ambientais, houve impactos decorrentes da atuação em órgãos públicos sobre suas carreiras objetivas e subjetivas, sendo notável uma mudança na visão e na relação com o Estado, compreendido como lugar onde é possível “gerar contribuições”. The dissertation discusses the relationship between social movements and State in contemporary Brazil, focusing on the entrance of movement leaders to public agencies, by occupying appointed positions. This change in the place of political acting, which can be understood as a “transit” (from civil society to State) or from the point of view of the transformation of roles (from challengers to members of the polity), reverberates on the field of activism concerned, on the decisions and policies of the public agencies involved, as well as on the activist himself. In view of this discution, we established as object of attention the impacts promoted in the individual level, aiming to investigate and analyze the transformations processed in the objective and subjective dimensions of activist leaders' careers who stepped into the State through the occupation of public sector jobs. Thus, a study of the activist careers of six leaders recognized for having acted in a specific field of militancy on Espírito Santo (Brazil) – the environmental field – and who occupied positions in public agencies was performed. The methodology used was qualitative, and the data were collected through semi-structured in-depth interviews with the leaderships and through research in other sources, such as web pages and materials given by the interviewees. The analysis were instrumentalized by the sociology of activist careers, through which we sought to reconstruct objective itineraries and subjective aspects of the political acting of the leaders. The results reveal that, in most studied cases, the admission to State has not been followed by disengagement regarding the activism developed in environmental struggles and organizations; and that the conciliation (and sometimes the articulation) of both is recurrent. However, the double role in the movement and the State was permeated by tensions, sometimes leading to conflicts and ruptures. The work allows to conclude that, even for those who remained activists in environmental movements, impacts arised from the acting in public agencies on their objective and subjective careers, being remarkable a change in the vision and in the relationship with the State, understood as a place where you can "generate contributions".
9

A natureza da ideologia e a ideologia da natureza : elementos para uma sociologia da educação ambiental

Philippe Pomier Layrargues 2003 (has links)
Resumo: Essa tese de doutorado aborda a educação ambiental como objeto de estudo sociológico e apresenta a Teoria das Ideologias como referencial teórico. Tem como questão motivadora central das reflexões, a indagação de que tal qual a Educação estaria também a educação ambiental sujeita a constituir-se num instrumento ideológico de reprodução das condições sociais? Essa indagação, sociologicamente crucial, remete-nos à reflexão sobre a função social da educação ambiental, ou seja, remete-nos ao enquadramento analítico das relações estabelecidas entre a educação ambiental e a mudança social, deixando em segundo plano, as relações estabelecidas entre a educação ambiental e a mudança ambiental. Nesse sentido, percorremos alguns dos principais elementos do campo da educação ambiental, a exemplo da lei que rege a Política Nacional, da principal metodologia adotada e da principal atividade pedagógica, procurando identificar suas relações com a mudança social Abstract: This Doctoral Thesis concerns on the environmental education as an object of sociology study and presents a Theory of the Ideologies as a theoretical reference. The central motivational reflection is the question of as a part of Education, the Environmental Education shall also become an ideological instrument to reproduce the social conditions? This question, sociologically curtail, send us to reflect about the social function of the environmental education, in other words, send us to the analytical framework of the relations established between the environment education and the social change, leaving the relations established between the environmental education and the environmental change in the background. In this sense, we follow some of the principal elements of the environmental educational space, as an example of the law that drives the National Policy, from the main methodology adopted and the main pedagogic activity, seeking to identify their relationship with the social change
10

Reflexões sobre a genese dos estudos ambientais brasileiros : estudo de sociolgia das ciencias sociais Reflections on the genesis of the Brazilian environmental studies : a study in sociology of the social sciences

Alexandre Lucas Pires 2007 (has links)
Resumo: Esta dissertação investiga a gênese do ambientalismo nas ciências sociais brasileiras entre as décadas 1970 e 1990. O autor argumenta que as condições sociais da emergência da produção das ciências sociais a respeito do ambientalismo estão vinculadas ao estado particular da história do campo de produção das ciências sociais da década de 1980 e a formação do mercado do ambientalismo no espaço social nacional. A intermediação dos agentes e instituições vinculados às ciências sociais forneceu as condições sociais de possibilidade da gênese de uma produção científica conforme as regras do campo e voltada para esse mercado em formação a respeito do ambientalismo. A convergência desses fatores, como a existência de agentes com as disposições necessárias (esquemas de produção, sobretudo), um estado do campo hierarquizado e organizado segundo temas e a formação de um mercado de bens simbólicos a respeito do ambientalismo especialmente garantido pelo estado, permitiu que o ambientalismo fosse incorporado a problemática sociológica de então, fornecendo os capitais simbólicos necessários para tal produção e para a reprodução das condições de produção dos cientistas sociais envolvidos. Abstract: This dissertation analyses the genesis of environmental studies in the Brazilian social sciences from the 1970's to the 1990's. The author argues that the social conditions of the emergence of the environmental social sciences production are linked to specific state of the social sciences field's history in the 1980's and the formation of the environmental market in the Brazilian social space. The intermediation of the agents and institutions linked to social sciences produced the favourable conditions for the genesis of a scientific production according to the rules of field and towards the emergent environmental market. The convergence of these factors' for instance, the existence of agents with necessary dispositions (particularly, schemas of production), a hierarchized and organized state of the field according to themes and the formation of a environmental market of symbolic goods specially guaranteed by the state, made possible that the environmental studies was embodied to current sociological problematic, what allowed to accumulate kinds of symbolic capital demanded by scientific production and necessary to reproduction of production conditions of the social scientists involved.

Page generated in 0.083 seconds