• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 3947
  • 26
  • 20
  • 20
  • 20
  • 17
  • 16
  • 9
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • Tagged with
  • 4068
  • 2935
  • 2198
  • 2103
  • 2042
  • 1722
  • 787
  • 728
  • 636
  • 529
  • 514
  • 501
  • 498
  • 495
  • 487
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

O Pacto dos Indicadores da Atenção Básica: Contando Experiências e Buscando Novas Possibilidades na Construção do Sus o Caso de Vitória/es.

CASER, M. C. 11 December 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2016-08-30T10:49:58Z (GMT). No. of bitstreams: 1 tese_2506_2004_Maria Circele Case.pdf: 724696 bytes, checksum: ae038592288c405c3689699a3887b4d5 (MD5) Previous issue date: 2006-12-11 / Essa pesquisa aborda o Pacto da Atenção Básica como instrumento de gestão para as ações de Monitoramento e Avaliação da Atenção Primária à Saúde. Constitui-se numa pesquisa qualitativa que busca identificar a contribuição dada por este instrumento aos gestores municipais de saúde, visando à organização da Atenção Primária à Saúde, no âmbito do Sistema Único de Saúde. Analisa por meio de entrevista semi-estruturada com os atores envolvidos como tem se constituído os processos de trabalho e os limites da participação da sociedade civil neste processo. Os achados deste estudo identificaram que o Pacto tem sido entendido como instrumento de gestão pelos atores envolvidos, porém mais efetivamente por aqueles atores responsáveis com o processo de gestão do sistema municipal de saúde, que são: o secretario de saúde, o coordenador municipal das equipes de Saúde da Família e os coordenadores das Unidades de Saúde da Família. Desta forma, percebe-se que a utilização do pacto como instrumento de gestão para o Monitoramento e Avaliação das ações da Atenção Primária à Saúde no território das equipes ainda não se efetivou. Há ensaio de aproximação com o tema, porém esta articulação tem sido feita apenas com os gerentes das Unidades de Saúde da Família. O Conselho Municipal de Saúde não tem participado do processo de discussão do pacto. Desta forma, os achados deste estudo nos permitem afirmar haver ainda um longo caminho a percorrer na institucionalização do processo de monitoramento e avaliação para este nível de atenção.
2

Efeitos subjetivos do processo de trabalho vivenciados por profissionais de um centro de atenção psicossocial álcool e drogas

WANDEKOKEN, K. D. 06 April 2015 (has links)
Made available in DSpace on 2016-08-30T10:50:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 tese_8808_Tese Kallen.pdf: 1300139 bytes, checksum: 29a0aba9918a1bf0f0b52a1212379d9c (MD5) Previous issue date: 2015-04-06 / Esta tese apresenta os resultados da pesquisa que teve como objetivo analisar como os trabalhadores vivenciam os efeitos subjetivos produzidos pelo processo de trabalho de um Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (C APSad). A pesquisa foi realizada sob uma abordagem qualitativa, em um CAPSad do município de Vila Velha, Espírito Santo. A coleta de dados se deu por meio de cinco etapas: 1. Análise documental das políticas vigentes sobre uso de drogas; 2. Análise de prontuários; 3. Entrevista coletiva com dez trabalhadores; 4. Oitenta horas de observação do cotidiano de trabalho; 5. Entrevista em profundidade com treze trabalhadores. Para análise de dados foi utilizada a técnica da Análise Temática. Constatamos que no plano das políticas sobre o assunto,há prevalência de ideias relacionadas à repressão dos usuários, apesar da tentativa do Ministério da Saúde (MS) em abordar a redução de danos como uma estratégia que valoriza o sujeito e sua singularidade. A análise ainda apontou as dificuldades que os profissionais enfrentam neste município para atuar segundo as diretrizes do MS, uma vez que as ações municipais dão ênfase à repressão, à religiosidade e ao amedrontamento como estratégia de prevenção, com apoio da justiça e da polícia. Enfatizamos que tais ambiguidades repercutem no trabalho e para o trabalhador. Apontamos ainda outros aspectos que geram efeitos para os trabalhadores: condições de trabalho precárias (devido à estrutura do serviço, baixos salários e rede de atenção inexistente), falta de reconhecimento (devido à omissão da gerência e à ausência de normas) e sobrecarga (devido à falta de profissionais e aos conflitos nas divisões de tarefas). Essas situações levam a efeitos subjetivos como: desgaste, adoecimento, medo, incapacidade de agir, apatia, desvalorização, desmotivação e no aprisionamento do trabalhador. Notamos que estes efeitos são todos negativos e que os profissionais os vivenciam por meio do distanciamento afetivo no processo de trabalho, o que repercute negativamente na possibilidade de produção de um cuidado efetivo. Sugerimos que haja investimentos na formação de todos os trabalhadores que atuam nesse local, com foco na educação permanente, uma vez que por meio desta há o incentivo da aprendizagem e o enfrentamento criativo dos efeitos vivenciados no cotidiano.É preciso que haja diálogo, seja entre os trabalhadores e a gestão, entre os próprios trabalhadores e entre trabalhadores e usuários.
3

Atenção concentrada e atenção difusa : elaboração de instrumentos de medida

Braga, Juliana Leão 06 1900 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Departamento de Psicologia Social e do Trabalho, Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações, 2007. / Submitted by Aline Jacob (alinesjacob@hotmail.com) on 2010-02-01T15:06:37Z No. of bitstreams: 1 2007_JulianaLeaoBraga.PDF: 384667 bytes, checksum: 6a181b683d32d854ad7fd8357e827c59 (MD5) / Approved for entry into archive by Carolina Campos(carolinacamposmaia@gmail.com) on 2010-02-01T19:05:49Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2007_JulianaLeaoBraga.PDF: 384667 bytes, checksum: 6a181b683d32d854ad7fd8357e827c59 (MD5) / Made available in DSpace on 2010-02-01T19:05:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2007_JulianaLeaoBraga.PDF: 384667 bytes, checksum: 6a181b683d32d854ad7fd8357e827c59 (MD5) Previous issue date: 2007-06 / Atenção difusa e atenção concentrada são construtos bastante investigados em psicologia educacional, do trânsito, clínica e organizacional. Neste trabalho objetivou-se construir e investigar a validade de construto de testes que mensurassem esses traços latentes. Os estudos contaram com diferentes participantes, sendo, no total, cerca de nove grupos. Nos estudos de construção, os instrumentos passaram por análise semântica, de juízes e estudos-piloto. Para os estudos de investigação da validade, foram feitas correlações dos testes construídos com outros que mensuravam o mesmo traço latente: Teste de Atenção Difusa para Motoristas_2 (TADIM_2) e de Atenção Concentrada (AC). Após análises, os dois novos testes de atenção difusa mostraram boa correlação entre si, mas não com o TADIM_2. Porém, a análise fatorial confirmatória mostrou que aqueles representam melhor a atenção difusa que este. Por outro lado, os dois novos testes de atenção concentrada mostraram alta correlação com o AC, confirmando sua validade de construto. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT / Diffuse and concentrated attention are the most investigated types of attention in educational, traffic, clinic and organizational psychology. The present study aimed at the construction and investigation of the construct validity of four attention tests. Several samples of subjects were used in different phases of the study. In the construction phase, these tests were subjected to a semantical analysis, judges’ analysis and pilot-study. The construct validity of the new tests was investigated by means of correlation with a test measuring the same construct. Results showed that the two new tests of diffuse attention have good correlation between themselves, but revealed that the correlation with the TADIM_2 (Test of diffuse attention for drivers) is poor. However, the confirmatory factorial analysis showed that the new tests represent the diffuse attention better than TADIM_2. On the other hand, the two constructed tests of concentrated attention showed high correlation with the AC (concentrated attention), confirming its construct validity.
4

Elaboração de escore preditivo de abandono do tratamento da tuberculose : fatores sociais, econômicos e comportamentais

Lins, Lucila Cavalcante 17 December 2013 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-29T23:50:00Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2013-12-17 / This study sought to identify risk factors for nonadherence of tuberculosis in the setting of primary health care and develop a predictive score of abandoning the treatment of tuberculosis, to be applied in patients under treatment in primary health care. We conducted a prospective observational study, in 10 primary health care units, responsible for treating patients with tuberculosis in the Regional II of Fortaleza.109 individuals were interviewed using a structured questionnaire. We studied the features selected according to socio-economic and demographic (gender, age, marital status, education level, family income, employment status) and behavioral (smoking, alcohol consumption, use of other illicit substances), and accessibility to health care in the unit. The outcome was treatment abandonment, as defined by the Ministry of Health. Eligible patients for this study were > 18 years of age, who were diagnosed with tuberculosis and who were not under directly observed treatment. The period of enrollment in the study was from August 2012 to February 2013. The mean age was 39.2 years, standard deviation of 15 years. Of the patients , 53.2 % were male , with an HIV-positive patient . 78 % had monthly income below the minimum wage and 23.8 % of the study patients abandoned treatment, being abandonment more common in young men and active smokers, users of alcohol and other illicit drugs. Non-adherent patients had generally less than minimum wage income and were living without a partner. There was no association between adherence to treatment and schooling. Were identified as independent risk factors for noncompliance with treatment of tuberculosis: male sex, active smoking, income less of a monthly minimum wage and living without a partner. Based on the coefficients of each independent risk factor was created a predictive score - score of abandonment. The score of abandonment showed discriminatory power of 0.863 (p <0.001). The predictive score of abandonment to TB treatment should be applied, given the profile of the population studied, which is part of the clientele of Primary Health Units, where prevails a population with low socioeconomic conditions. The application of predictive rule must occur at the time the patient is admitted to the National Tuberculosis Control Program in order to subsidize the local health actions necessary to control the endemic. / O presente estudo procurou identificar os fatores de risco para o abandono de tratamento da tuberculose no cenário da atenção básica de saúde e elaborar um escore preditivo do abandono do tratamento da doença, a ser aplicado em pacientes em tratamento na atenção primária de saúde. Realizou-se um estudo observacional prospectivo, realizado em 10 unidades de atenção primária à saúde, responsável por tratar pacientes com tuberculose na Regional II de Fortaleza. Foram entrevistados 109 indivíduos com questionário estruturado. Estudaram-se as variáveis selecionadas segundo características sócio-demográficas e econômicas (sexo, idade, estado civil, nível de escolaridade, renda familiar, situação empregatícia) e comportamentais (consumo de tabaco, de álcool e de outras substâncias ilícitas), e a acessibilidade aos cuidados de saúde na unidade. O desfecho considerado foi o abandono ao tratamento, segundo definição do Ministério da Saúde. Os pacientes elegíveis para este estudo foram os > 18 anos de idade, que tiveram diagnóstico de tuberculose e que não faziam o tratamento diretamente observado. O período de inclusão no estudo foi de agosto de 2012 a fevereiro de 2013. A média de idade encontrada foi de 39,2 desvio padrão de 15 anos. Dos pacientes, 53,2% eram do sexo masculino, sendo um paciente HIV- positivo. 78 % tinham renda mensal inferior a um salário mínimo e 23,8% dos pacientes em estudo abandonaram o tratamento, sendo o abandono mais comum em jovens, homens e tabagistas ativos, usuários de álcool e outras drogas ilícitas. Os pacientes não aderentes tinham geralmente renda inferior a um salário mínimo e viviam sem companheiro. Não houve associação entre a adesão ao tratamento e o nível de escolaridade. Foram identificados como fatores de risco independentes para o abandono do tratamento da tuberculose: sexo masculino, tabagismo ativo, receber menos de um salário mínimo mensal e viver sem um companheiro. Baseado nos coeficientes independentes de cada fator de risco, criou-se um escore preditivo escore de abandono. O escore de abandono apresentou capacidade discriminatória de 0,863 (p<0.001). O escore preditivo do abandono ao tratamento da TB deve ser aplicado, tendo em vista o perfil da população estudada, que faz parte da clientela das Unidades Primárias de Saúde, em que predomina uma população com baixa condição sócio econômica. A aplicação do escore preditivo deve ocorrer no ato da admissão do paciente ao Programa Nacional de Controle da Tuberculose com o intuito de subsidiar as ações de saúde necessárias ao controle local da endemia.
5

Hanseníase no município de Sobral, Ceará : análise epidemiológica e operacional das ações de eliminação no período de 1997 a 2003 / Leprosy in the municipality of Sobral, Ceará : epidemiological analysis and operational actions to eliminate the period 1997 to 2003

Campos, Sandra Solange Leite January 2005 (has links)
CAMPOS, Sandra Solange Leite. Hanseníase no município de Sobral, Ceará : análise epidemiológica e operacional das ações de eliminação no período de 1997 a 2003. 2005. 105 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2005. / Submitted by denise santos (denise.santos@ufc.br) on 2014-01-08T13:51:51Z No. of bitstreams: 1 2005_dis_sslcampos.pdf: 537636 bytes, checksum: 29d4420e90148d762df112980194e16f (MD5) / Approved for entry into archive by denise santos(denise.santos@ufc.br) on 2014-01-08T13:53:14Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2005_dis_sslcampos.pdf: 537636 bytes, checksum: 29d4420e90148d762df112980194e16f (MD5) / Made available in DSpace on 2014-01-08T13:53:14Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2005_dis_sslcampos.pdf: 537636 bytes, checksum: 29d4420e90148d762df112980194e16f (MD5) Previous issue date: 2005 / In the last 20 years, Brazilian health policy has been provoking fruitful discussions on the decentralization of the primary health care system. Even in the 21st century, the implementation of leprosy control measures on the public health level has been an ongoing challenge. In this context, the Family Health Program is a strategy for the reorientation and restructuring of the unified health system. This study has the objective to describe the epidemiologic factors that influenced the process of integration of leprosy control measures in the primary health care system in the Municipality of Sobral from 1997 to 2003. Sobral has been selected, as it represents one of the prioritized Municipalities for leprosy control in Ceará and as it is an example of successful implementation of an effective primary health care system. The process of leprosy elimination in the primary health care of Sobral was analyzed based on a retrospective description in the period from 1997 to 2003. The analysis of the epidemiological and operational indicators favored by the National Program of Leprosy Elimination, revealed high detection rates, mainly in 2003. Besides, considerable inconsistencies in age, clinical forms and operational classification indicate the possibility of diagnostic errors. Finally, in this study the process of integration of leprosy control measures in the Municipality of Sobral has been related to the epidemiological indicators. The possibility to develop integrated health care for leprosy patients in the primary health care system with effective involvement and control of community associations and other nongovernmental organizations is emphasized. The need to evaluate and monitor the epidemiology of leprosy, even in situations in which control measures seem to be successful, as it is the case with Sobral, is also discussed. / O cenário político dos últimos 20 anos vem permitindo grandes discussões e avanços no sentido da descentralização das ações na atenção básica. A implementação das ações de controle da hanseníase no sistema público brasileiro mantém-se como um desafio constante, ainda presente no século XXI. Nesse contexto, o Programa de Saúde da Família vem representando a estratégia para a reorientação e reestruturação do sistema único de saúde. O presente estudo tem como objetivo principal descrever, do ponto de vista epidemiológico, os fatores que influenciaram o processo de integração das ações de controle da hanseníase na atenção básica no Município de Sobral de 1997 a 2003. Tomou-se como base Sobral uma vez que representa um dos municípios cearenses considerados prioritários, além de ser um exemplo de sucesso do desenvolvimento da atenção básica à saúde. Foi reconstruído o processo de eliminação das ações de controle da hanseníase na atenção básica do Município de Sobral a partir da descrição histórica no período de 1997 a 2003. A análise dos indicadores epidemiológicos e operacionais essenciais preconizados pelo Programa Nacional de Eliminação da Hanseníase no período de estudo permitiu o reconhecimento de altos coeficientes de detecção, principalmente em 2003. Além disso, importantes inconsistências relativas à análise mais detalhada de variáveis como idade, formas clínicas e classificação operacional em 2003 sinalizam para a possibilidade de inadequação diagnóstica. Por fim, procedeu-se à contextualização do processo de descentralização das ações de controle da hanseníase no Município de Sobral relacionando-o aos indicadores epidemiológicos no período. Ressalta-se nesse estudo a potencialidade do desenvolvimento da atenção integral aos pacientes com hanseníase na atenção básica, com efetivo envolvimento e controle dos movimentos sociais. Inclui-se nessa análise a necessidade de se avaliar e monitorar o cenário epidemiológico mesmo em situações em que se pressupostamente observa sucesso das ações de controle, como foi o caso do Município de Sobral.
6

Acompanhamento farmacoterapêutico de pacientes transplantados renais : da descrição aos desfechos clínicos

Martins, Bruna Cristina Cardoso January 2015 (has links)
MARTINS, Bruna Cristina Cardoso. Acompanhamento farmacoterapêutico de pacientes transplantados renais : da descrição aos desfechos clínicos. 2015. 93 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2015. / Submitted by denise santos (denise.santos@ufc.br) on 2015-10-19T13:46:50Z No. of bitstreams: 1 2015_dis_bccmartins.pdf: 1866887 bytes, checksum: 148caf3028967e73676b96d5fcc233fe (MD5) / Approved for entry into archive by denise santos(denise.santos@ufc.br) on 2015-10-19T13:51:05Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2015_dis_bccmartins.pdf: 1866887 bytes, checksum: 148caf3028967e73676b96d5fcc233fe (MD5) / Made available in DSpace on 2015-10-19T13:51:05Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2015_dis_bccmartins.pdf: 1866887 bytes, checksum: 148caf3028967e73676b96d5fcc233fe (MD5) Previous issue date: 2015 / Renal transplanted patients have a c omplex pharmacotherapy, being possible for pharmacists to contribute with the pharmacotherapy and its benefits management by integrating the multiprofessional team. This work aimed to assess the pharmacotherapeutic follow - up of renal transplanted patients considering the clinic outcome after the interventions performed by the pharmacist. It is a descriptive study with quantitative, exploratory and retrospective approach carried out in the Renal Transplant Service Ambulatory from a University Hospital (Fortaleza/Ceará), during the period from January to December 2013. Were included registers from patients who had at least two appointments in the Pharmaceutical Care Service during the stu dy period. The Drug Related Problems (DRP), Pharmaceutical Interventions (PI) and Clinic Outcomes were categorized through a classification used by the Clinical Pharmacy Service of the institution. The Negative Outcomes associated with Medication (NOM) wer e classified accordingly to the Third Granada Consensus. The impact and significance evaluation of the PI was made using the Farré Riba method. The Pharmacotherapy Complexity Index (PCI) assessed the pharmaceutical form, intake frequency and additional ins tructions. During the period 237 patients were attended by the pharmacist, with 109 from them attending the inclusion criteria of this study. Their profile was: 1.4% (n = 56) men; 35% (n = 38) Basic disease of unknown etiology; mean age of 44.9 years (± 10 .8) and most with education level "elementary school". The average number of drugs prescribed was 8.5 (± 2.6) in the 1st consultation and 8.0 (± 2.4) at the last. The average total points of PCI was 46 (± 13.7) in the 1st query and 43.7 (± 12.3) in the las t one (p <0.05), the minimum score of 19 was associated with the use of 3 medicines and the maximum of 83.5 points to 16 medicines. It was observed that patients with up to 180 days after transplantation showed higher scores on PCI (p <0.05) with predomina nce of the capsule / tablet formulation in the pharmacotherapy, 1 per day and 12/12 hours dosage and ̳take as directed‘, ̳take on specific times‘ and ̳interaction with food‘ additional instructions. 113 NOM were identified with the most frequent being "unt reated health problem" (61.9%; n = 70). 467 PI were held, with predominance of the one referring to "educate about the use of the drug" (77.5%; n = 362). With the completion of the IF, 86% (n = 97) of risk to or worsening of the health problems related to the drug were prevented and 8.8% (n = 10) had clinical improvement (p <0.05) with the latter classified as "extremely significant" because they generated a very significant increase in the effectiveness of therapy (p <0.05). The findings of the study show that renal transplanted patients under pharmacotherapeutic follow - up, despite the complexity of pharmacotherapy identified, have had negative outcomes avoided and minimized as well as improvement of health problems associated with the pharmacotherapy of tr ansplantation after completion of the pharmaceutical interventions / O crescente aumento do número de agentes imunossupressores e outros medicamentos disponíveis para o transplante renal resultou em farmacoterapias complexos, com maior potencial para interações medicamentosas e ocorrência de eventos adversos. O farmacêutico pode integrar a equipe multiprofissional, através das funções clínicas desenvolvidas no contexto da Farmácia Clínica e da Atenção Farmacêutica, contribuindo para o manejo da farmacoterapia e seus benefícios. O presente trabalho objetivou analisar acompanhamento farmacoterapêutico de pacientes transplantados renais considerando o desfecho clínico após as intervenções realizadas pelo farmacêutico. Trata-se de um estudo descritivo com abordagem quantitativa, exploratório e retrospectivo (modelo follow-up) realizado no Ambulatório do Serviço de Transplante Renal de um Hospital Universitário no período de janeiro a dezembro/2013. Foram incluídos os pacientes que tiveram pelo menos dois atendimentos no período avaliado. Os Problemas Relacionados aos Medicamentos (PRM), Intervenções Farmacêuticas (IF) e Desfechos Clínicos foram categorizados através da classificação utilizada pelo Serviço de Farmácia Clínica da instituição do estudo. Os Resultados Negativos associados aos Medicamentos (RNM) forma classificados conforme o Terceiro Consenso de Granada. A avaliação do impacto e significância das IF foi realizada segundo o método de Farré Riba e colaboradores. Os resultados foram analisados através do programa Statistic Package for Social Sciences, sendo os testes de qui-quadrado e teste t utilizados, respectivamente, para as variáveis categóricas e numéricas, com valor de significância de p<0,05. Um total de 109 pacientes foram avaliados, sendo 51,4% (n=56) homens, com 35% (n=38) doença de base de causa indeterminada, com média de idade 44,9 anos (Desvio padrão: ±10,8; Mínimo: 14 anos; Máximo: 77 anos). A média de tempo pós-transplante foi maior que um ano e 40,4% (n=44) dos pacientes tinha no máximo o ensino fundamental. O esquema imunossupressor predominante foi à associação: tacrolimo, micofenolato de sódio e prednisona. Houve diferença estatística entre o número de pacientes dentro do valor de creatinina preconizado (<1,2mg/dl) no início e na última consulta. Foram identificados 113 PRM, onde o mais frequente foi “a quantidade de medicamento insuficiente para o tratamento” (36,3%; n=41), sendo realizadas 467 IF com predominância daquela referente a “educar sobre o uso do medicamento” (77,5%; n=362). Com a realização das IF, cerca de 86% (n=97) tiveram o risco ou piora do problema de saúde relacionado ao medicamento prevenidos. As IF relacionadas ao desfecho clínico “melhora do problema de saúde” foram consideradas, segundo a classificação de Farré, como “extremamente significantes”. A pontuação total obtida na análise do índice de complexidade da farmacoterapia foi maior que a encontrada na literatura, sendo a principal contribuição para essa complexidade relacionada ás “instruções adicionais”, que não mostrou diferença estatisticamente significante no início e final do período avaliado. Os achados no estudo demonstram que os pacientes transplantados renais sob acompanhamento farmacoterapêutico, apesar da complexidade da farmacoterapia identificada, tiveram riscos relacionados aos medicamentos prevenidos devido à realização de intervenções farmacêuticas.
7

A efetividade dos elementos do modelo de atenção crônica em hipertensão arterial sistêmica : revisão sistemática e metanálise de ensaios clínicos randomizados

Lima, Karine Margarites January 2012 (has links)
Introdução: A hipertensão arterial (HAS) é o principal fator de risco modificável para acidente vascular cerebral (AVC) e também representa um importante fator de risco para infarto agudo do miocárdio (IAM). Apesar da efetividade comprovada dos antihipertensivos, o observado, é um baixo controle da pressão arterial na população. Uma das estratégias para mudança deste cenário é a reorganização do cuidado prestado aos pacientes crônicos através da utilização dos elementos do Chronic Care Model (CCM). O objetivo deste estudo foi sumarizar, a partir de uma ampla revisão sistemática da literatura, a informação disponível sobre intervenções para melhora do controle da pressão arterial e realizar metanálises para investigar qual dos elementos isoladamente ou em conjunto produz melhor resultados no controle da hipertensão. Métodos: Foram pesquisadas as bases de dados PubMed, Embase e Cochrane Central em busca de ensaios clínicos randomizados (ECRs) que avaliassem intervenções utilizando qualquer dos elementos do CCM no controle da hipertensão em serviços de Atenção Primária à Saúde (APS). Características dos estudos, medidas de desfechos e avaliação da qualidade metodológica foram extraídas através do preenchimento questionários padronizados por duplas independentes de pesquisadores. Resultados: A medida sumária do efeito foi obtida pelo cálculo da média ponderada da diferença da pressão arterial sistólica e diastólica. As análises utilizaram o modelo de efeitos randômicos. 83 ECRs foram incluídos na revisão sistemática, dentre os quais, 71 forneceram dados para metanálise. Dois elementos do CCM foram associados à redução da pressão arterial. O maior efeito foi obtido pelo desenho do sistema de prestação de serviço com redução média de -4,64 mmHg (IC 95%: -6,44 a -2,82) da pressão sistólica e -2,12 mmHg (IC 95%: -3,21 a -1,04) da pressão diastólica. O autocuidado apoiado demonstrou efeito na redução da pressão sistólica em -2,86 mmHg (IC 95%: -3,89 a - 1,83) e pressão diastólica -1,56 mmHg (IC 95%: -2,22 a -0,91). O suporte à decisão foi associado à redução da pressão arterial sistólica. Nenhum benefício foi observado com a utilização de sistemas de informações clínicas. Dois elementos não foram analisados quantitativamente devido ao número insuficiente de estudos. Conclusões: Desenho do sistema de prestação de serviço e autocuidado apoiado destacarem-se entre outros modelos e devem ser considerados como alternativas no momento da eleição de estratégias para qualificação do cuidado da hipertensão. / Background: High blood pressure (HBP) is the major risk factor for stroke. It also plays a significant role in heart attacks. Despite the proven effectiveness of hypertension therapies, blood pressure goals are achieved in only 25–40% of the patients who take antihypertensive drug treatment. The chronic care model (CCM) has been a proposed solution to improve man agement, prevention of complications, and outcomes in patients with chronic diseases. This model identifies essential elements that encourage highquality chronic disease care. Implementation of the Chronic Care Model (CCM) has been shown to be an effective preventative strategy to improve outcomes in diabetes mellitus, depression, and congestive heart failure, but data are lacking regarding the effectiveness of this model in preventing complications in patients with HBP. The aim of this study was to perform a systematic review and meta-analysis of the literature regarding the effectiveness of CCM elements to improve control of blood pressure and to determine which CCM elements have been implemented in patients with hypertension. Methods: We searched PubMed, Cochrane Central, Embase databases from articles published until July 2011, without language restriction. Study Selection: Randomized controlled trials (RCTs) that enrolled adults with hypertension, contained interventions with CCM elements had relevant outcomes and the duration of follow-up was at least 12 weeks. Results: As there was significant heterogeneity in most of the outcomes, a random effects model was used for the meta-analyses. 83 randomised clinical trials (RCTs) were included in the systematic review, among which, 71 provided data for meta-analysis. Compared with usual care, interventions that included a delivery system design (31 studies) showed greater reductions in systolic blood pressure (weighted mean difference −4,6 mm Hg, 95% confidence interval : -6,44 to -2,82) and diastolic blood pressure -2,12 mmHg ,95% CI: - 3,21 to – 1,04. Self-management showed reductions in systolic and diastolic blood pressure, respectively, -2,86 mmHg (95% CI: -3,89 to -1,83) and -1,56 mmHg (95% CI: -2,22 to – 0,91). Decision support reduced SBP -2,09 mmHg (95% CI: -3,85 to -0,32), but not DBP, whereas clinical information systems had no effect. Two elements had insufficient number of studies. Conclusions: Two CCM elements, delivery system design and self-management, distinguished by the intensity of the effect. They should be considered the choice of quality improvement strategies in lowering blood pressure.
8

Memory, attention and constructive visual skills in individuals with HTLV – 1

Fernandes, Rafael Leite 15 July 2014 (has links)
Submitted by Edileide Reis (leyde-landy@hotmail.com) on 2015-04-14T16:35:48Z No. of bitstreams: 1 RAFAEL LEITE FERNANDES.pdf: 1218649 bytes, checksum: 38204328f8f68398e6f76cdbcada0289 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-04-14T16:35:48Z (GMT). No. of bitstreams: 1 RAFAEL LEITE FERNANDES.pdf: 1218649 bytes, checksum: 38204328f8f68398e6f76cdbcada0289 (MD5) Previous issue date: 2014-07-15 / Pacientes infectados pelo vírus linfotrópico para células T humanas (HTLV-1) apresentam acometimento da substância branca encefálica com lesões similares às encontradas em pacientes com esclerose múltipla ou infectados pelo HIV. Apesar disso, poucos estudos avaliaram as repercussões destes danos no desempenho cognitivo dos infectados. OBJETIVOS: Descrever o desempenho de indivíduos com HTLV-1 em provas neuropsicológicas associadas à atenção, memória e habilidades visuoconstrutivas. Além disso, objetivou-se identificar o efeito do quociente intelectual, sintomas depressivos, ansiosos, idade, escolaridade e presença de HAM/TSP nos resultados dos testes realizados. METODOLOGIA: Corte transversal, realizado entre outubro/12 e outubro/13, com 54 pacientes com diagnóstico sorológico de infecção pelo HTLV-1. Foram utilizados os seguintes instrumentos: Teste de Aprendizagem Auditivo Verbal de Rey (RAVLT), Figuras Complexas de Rey-Osterrieth (FCRO), subtestes Dígitos e Cubos da Escala de Inteligência Wechsler para adultos, Teste Trilhas Coloridas (TTC) e Escala Hospitalar de Ansiedade e Depressão. O quociente intelectual foi estimado a partir dos testes Dígitos e Cubos. Para análise estatística foram utilizados o teste do qui-quadrado, teste t de student e regressão logística. RESULTADOS: A maioria dos pacientes avaliados apresentou déficits relacionados às habilidades visuoconstrutivas, memória alça visual e atenção. Na análise bivariada, a menor escolaridade foi associada a piores escores no teste Dígitos (p = 0,047). Para a sintomatologia ansiosa, foram constatadas diferenças significativas somente no índice de interferência proativa (p = 0,03) e no TTC forma 2 (p = 0,001). Para a presença de HAM/TSP, somente na etapa cópia da FCRO obteve-se diferenças significantes (p=0,003). Na análise multivariada, os sintomas de ansiedade associaram-se ao pior desempenho na cópia da FCRO (7,67: 1,75 – 33,65) e no TTC forma 2 (4,0: 1,63 – 9,78), enquanto o QI estimado abaixo de 79 relacionou-se a piores escores nos testes FCRO (cópia) (0,05: 0,01 – 0,35), Cubos (14,7:1,57 – 137,42) e Dígitos (16,13: 2,71 – 95,99). CONCLUSÃO: Sugere-se que o vírus HTLV-1 pode relacionar-se a piores resultados em testes neurocognitivos, no entanto, novos estudos destes domínios merecem ser realizados.
9

A efetividade dos elementos do modelo de atenção crônica em hipertensão arterial sistêmica : revisão sistemática e metanálise de ensaios clínicos randomizados

Lima, Karine Margarites January 2012 (has links)
Introdução: A hipertensão arterial (HAS) é o principal fator de risco modificável para acidente vascular cerebral (AVC) e também representa um importante fator de risco para infarto agudo do miocárdio (IAM). Apesar da efetividade comprovada dos antihipertensivos, o observado, é um baixo controle da pressão arterial na população. Uma das estratégias para mudança deste cenário é a reorganização do cuidado prestado aos pacientes crônicos através da utilização dos elementos do Chronic Care Model (CCM). O objetivo deste estudo foi sumarizar, a partir de uma ampla revisão sistemática da literatura, a informação disponível sobre intervenções para melhora do controle da pressão arterial e realizar metanálises para investigar qual dos elementos isoladamente ou em conjunto produz melhor resultados no controle da hipertensão. Métodos: Foram pesquisadas as bases de dados PubMed, Embase e Cochrane Central em busca de ensaios clínicos randomizados (ECRs) que avaliassem intervenções utilizando qualquer dos elementos do CCM no controle da hipertensão em serviços de Atenção Primária à Saúde (APS). Características dos estudos, medidas de desfechos e avaliação da qualidade metodológica foram extraídas através do preenchimento questionários padronizados por duplas independentes de pesquisadores. Resultados: A medida sumária do efeito foi obtida pelo cálculo da média ponderada da diferença da pressão arterial sistólica e diastólica. As análises utilizaram o modelo de efeitos randômicos. 83 ECRs foram incluídos na revisão sistemática, dentre os quais, 71 forneceram dados para metanálise. Dois elementos do CCM foram associados à redução da pressão arterial. O maior efeito foi obtido pelo desenho do sistema de prestação de serviço com redução média de -4,64 mmHg (IC 95%: -6,44 a -2,82) da pressão sistólica e -2,12 mmHg (IC 95%: -3,21 a -1,04) da pressão diastólica. O autocuidado apoiado demonstrou efeito na redução da pressão sistólica em -2,86 mmHg (IC 95%: -3,89 a - 1,83) e pressão diastólica -1,56 mmHg (IC 95%: -2,22 a -0,91). O suporte à decisão foi associado à redução da pressão arterial sistólica. Nenhum benefício foi observado com a utilização de sistemas de informações clínicas. Dois elementos não foram analisados quantitativamente devido ao número insuficiente de estudos. Conclusões: Desenho do sistema de prestação de serviço e autocuidado apoiado destacarem-se entre outros modelos e devem ser considerados como alternativas no momento da eleição de estratégias para qualificação do cuidado da hipertensão. / Background: High blood pressure (HBP) is the major risk factor for stroke. It also plays a significant role in heart attacks. Despite the proven effectiveness of hypertension therapies, blood pressure goals are achieved in only 25–40% of the patients who take antihypertensive drug treatment. The chronic care model (CCM) has been a proposed solution to improve man agement, prevention of complications, and outcomes in patients with chronic diseases. This model identifies essential elements that encourage highquality chronic disease care. Implementation of the Chronic Care Model (CCM) has been shown to be an effective preventative strategy to improve outcomes in diabetes mellitus, depression, and congestive heart failure, but data are lacking regarding the effectiveness of this model in preventing complications in patients with HBP. The aim of this study was to perform a systematic review and meta-analysis of the literature regarding the effectiveness of CCM elements to improve control of blood pressure and to determine which CCM elements have been implemented in patients with hypertension. Methods: We searched PubMed, Cochrane Central, Embase databases from articles published until July 2011, without language restriction. Study Selection: Randomized controlled trials (RCTs) that enrolled adults with hypertension, contained interventions with CCM elements had relevant outcomes and the duration of follow-up was at least 12 weeks. Results: As there was significant heterogeneity in most of the outcomes, a random effects model was used for the meta-analyses. 83 randomised clinical trials (RCTs) were included in the systematic review, among which, 71 provided data for meta-analysis. Compared with usual care, interventions that included a delivery system design (31 studies) showed greater reductions in systolic blood pressure (weighted mean difference −4,6 mm Hg, 95% confidence interval : -6,44 to -2,82) and diastolic blood pressure -2,12 mmHg ,95% CI: - 3,21 to – 1,04. Self-management showed reductions in systolic and diastolic blood pressure, respectively, -2,86 mmHg (95% CI: -3,89 to -1,83) and -1,56 mmHg (95% CI: -2,22 to – 0,91). Decision support reduced SBP -2,09 mmHg (95% CI: -3,85 to -0,32), but not DBP, whereas clinical information systems had no effect. Two elements had insufficient number of studies. Conclusions: Two CCM elements, delivery system design and self-management, distinguished by the intensity of the effect. They should be considered the choice of quality improvement strategies in lowering blood pressure.
10

Avaliação da competência de leitura silenciosa para palavras escritas, em escolares com e sem Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade - TDA/H

Lobo, Priscila d'Albergaria de Souza January 2008 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, 2008. / Submitted by Larissa Ferreira dos Angelos (ferreirangelos@gmail.com) on 2009-10-01T18:03:21Z No. of bitstreams: 1 Tese_Priscila d´Albergaria Lobo.pdf: 2929376 bytes, checksum: 7316a9436fc336d7096ccba012fafcaa (MD5) / Approved for entry into archive by Tania Milca Carvalho Malheiros(tania@bce.unb.br) on 2009-10-02T13:28:04Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Tese_Priscila d´Albergaria Lobo.pdf: 2929376 bytes, checksum: 7316a9436fc336d7096ccba012fafcaa (MD5) / Made available in DSpace on 2009-10-02T13:28:04Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Tese_Priscila d´Albergaria Lobo.pdf: 2929376 bytes, checksum: 7316a9436fc336d7096ccba012fafcaa (MD5) Previous issue date: 2008 / Avaliou-se a competência de leitura silenciosa de palavras isoladas, segundo critérios pré-estabelecidos, em um grupo de 60 crianças, sendo que 20 delas eram portadoras de Transtornos de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDA/H) e 40 não eram, selecionadas entre 295 estudantes alfabetizados de escolas do ensino fundamental da cidade de Brasília - DF, com idades que variavam de 07 a 14 anos. O propósito deste trabalho era determinar se existiriam diferenças qualitativas e/ou quantitativas na leitura dos participantes e identificar quais aspectos justificariam e/ou explicariam as diferenças evidenciadas, caracterizando as alterações da leitura silenciosa de palavras isoladas, que pudessem ser específicas das crianças portadoras de TDA/H. Esta pesquisa seguiu um desenho exploratório-descritivo, com uma abordagem quanti-quali, comparando as respostas apresentadas em um teste aplicado em grupo, nas salas de aula. Informações sobre as crianças foram coletadas em questionários respondidos por seus pais e professores. Os resultados obtidos indicaram que os participantes com TDA/H apresentaram um desempenho para a leitura silenciosa de palavras, inferior ao verificado nos participantes sem TDA/H, estas diferenças foram mais quantitativas que qualitativas. As características de gênero e escolaridade dos participantes não foram significativas na proporção de acertos e a maior incidência de erros ocorreu por falta de atenção à grafia das palavras. Foi possível identificar que os leitores com TDA/H utilizaram-se preferencialmente do processamento fonológico, apresentando dificuldades de intensidades variadas no processamento lexical. A partir destes resultados foi possível estabelecer uma relação entre a atenção e a leitura, determinando que a desatenção interfere na percepção do item lido e pode interferir, também na adequação da leitura. Para futuros trabalhos, fica a sugestão de se esclarecerem alguns pontos inconclusivos desta pesquisa, que não eram de interesse da mesma, como a explicação para as diferenças encontradas nas respostas dos meninos com TDA/H em relação a palavras com incorreção semântica, e também para a discrepância entre os dados verificados nesta pesquisa e os apresentados por outros autores sobre a variação de índices de erro por grau de escolaridade. Outra vertente interessante de pesquisa seria se fazer uma comparação entre o desempenho obtido por leitores com e sem TDA/H em leitura silenciosa de palavras e de sentenças e textos, para se verificar a interferência da atenção nestas atividades. __________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / It was evaluated ability of silent reading of isolated words, according to preset criteria, in a group of 60 children, being that 20 of them were carrying of Attention Deficit/Hyperactives Disorders (ADHD) and 40 was not, selected between 295 readers’ students of elementary school of the city of Brasilia - DF, with ages that varied of 07 the 14 years. The intention of this work was to determine if qualitative and/or quantitative differences would exist in the reading of the participants and to identify which aspects they would justify and/or explain the evidenced differences, characterizing the alterations of the silent reading, which could be specific of the carrying children of ADHD. This research followed an exploration-description drawing, with a quantitative-qualitative boarding, comparing the answers presented in a test applied in group, in the classrooms. Information on the children had been collected in questionnaires answered for its parents and professors. The gotten results had indicated that the participants with ADHD had presented a performance for the silent reading of words, inferior to the verified one in the participants without ADHD, these differences had been more quantitative than qualitative. The characteristics of gender and school level of the participants had not been significant in the ratio of rightness and the highest incidence of errors occurred due to attention to the form of the words. It was possible to identify that the readers with ADHD had used themselves preferential of the phonological processing, presenting difficulties of intensities varied in the lexical processing. From these results it was possible to also establish a relation between the attention and the reading, determining that the carelessness intervenes with the perception of the read item and can intervene, in the adequacy of the reading. For future works, it is the suggestion of if clarifying some points of this research without conclusions, which were not of interest of the same one, as the explanation for the differences found in the answers of the boys with ADHD in relation the words with semantics inadequateness, and also for the discrepancy enters the data verified in this research and the presented ones for other authors on the variation of indices of error for school degree. Another interesting source of research would be if to make a comparison enters the performance gotten for readers with and without ADHD in silent reading of words and sentences and texts, to verify the interference of the attention in these activities.

Page generated in 0.0591 seconds