• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 327
  • 5
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 338
  • 174
  • 74
  • 55
  • 37
  • 30
  • 28
  • 27
  • 25
  • 25
  • 25
  • 21
  • 19
  • 19
  • 18
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
61

Avaliação da viabilidade técnica da utilização de misturas do carvão faxinal com importados para injeção em altos-fornos

Gomes, Maria de Lourdes Ilha January 2004 (has links)
Neste trabalho, fez-se uma avaliação da reatividade do carvão gaúcho da mina de Faxinal com 17% de cinzas, de dois carvões importados, bem como das misturas destes carvões em diferentes proporções mássicas. Além disso, quantificou-se outros parâmetros importantes para o processo de injeção do carvão pulverizado (PCI) na fabricação do gusa via alto-forno, como o teor de cinzas, teor de matéria volátil e composição química das cinzas. A reatividade foi avaliada em termos da reação de gaseificação com CO2, em termobalança, sob condições isotérmicas e pressão atmosférica. Os experimentos foram realizados na temperatura de 1050ºC com CO2 puro, utilizando amostras com granulometria menor que 75 mm. Avaliou-se o efeito da geometria do cadinho e vazão de gás sobre a taxa de reação para garantir uma situação de controle cinético na reação de gaseificação. Os resultados experimentais revelaram que o carvão de Faxinal possui uma reatividade muito maior frente ao CO2 do que os carvões importados. O tempo para que se complete a reação, parâmetro importantíssimo no processo do alto-forno que utiliza PCI, é muitíssimo menor para o carvão de Faxinal do que para os carvões importados. As misturas de carvões revelaram um comportamento aditivo quanto à reatividade e aos demais parâmetros estudados. Observou-se que quanto maior o teor de carvão gaúcho presente na mistura, maior sua reatividade e menor é o tempo gasto para atingir a taxa máxima de reação. Em função dos resultados de reatividade, teor de cinzas e composição química das cinzas obtidos, permitiu-se indicar uma mistura com até 50% de carvão de Faxinal para ser testada na injeção de carvão pulverizado.
62

[en] COMPARATIVE REACTIVITY OF COKE, COAL, CHARCOAL AND GREEN PETROLEUM COKE / [pt] REATIVIDADE COMPARATIVA DE COQUE, CARVÃO MINERAL, CARVÃO VEGETAL E COQUE VERDE DE PETRÓLEO

YOVANNA GISELA PALOMARES YALLICO 16 April 2012 (has links)
[pt] A Indústria siderúrgica, visando contribuir com a minimização das emissões de CO2, têm promovido o estudo de vários materiais carbonosos, um deles sen-do a alternativa relacionada à utilização do carvão vegetal como fonte renovável. O objetivo principal desse trabalho foi medir, em escala de laboratório, a reativi-dade ao CO2 dos materiais carbonosos, em particular o uso do carvão vegetal em comparação com o mineral, o coque metalúrgico e o coque verde de petró-leo, utilizando para tal o método de perda de peso (ASTM D5341-99). O proces-so se realizou usando briquetes de cada material, previamente cominuido a um tamanho de partícula menor que 125 m, levados a um forno tubular a uma tem-peratura de trabalho de 1100 garus Celsius, com injeção de N2 para manter uma atmosfera inerte apenas no inicio e no final dos ensaios, sob um fluxo de 0,6 Nl/min, visan-do as etapas de aquecimento e resfriamento. Utilizando como agente oxidante o CO2 durante 2h, com um fluxo de 0,9 Nl/min, todos os tipos de briquetes foram tratados na temperatura do ensaio (1100 graus Celsius). Os resultados obtidos mostraram que o carvão vegetal foi o que apresentou maior reatividade e o coque verde de petróleo a menor, entre todos os materiais ensaiados, tanto para os briquetes não desvolatilizados como desvolatilizados. Quanto ao carvão mineral e o coque, eles situaram suas reatividades intermediariamente, ficando o carvão mineral com maiores valores de reatividade do que o coque, tanto no estado desvolatilizado como no não desvolatilizado. / [en] The steel industry contributes to the minimization of emissions of CO2 promoting the study of carbonaceous materials, one of them being the charcoal, a renewable source. The main objective of this study was to measure, in a laboratory scale, selected carbonaceous materials reactivity for CO2. To perform it, charcoal was elected to be compared with coal, metallurgical coke and green petroleum coke (pet coke). The quantitative results were obtained by the method of weight loss (ASTM D5341-99). The procedure was carried out using briquettes of each material, previously grinded to a particle size smaller than 125 m, and fed to a tubular furnace at a temperature of 1100 degrees Celsius , using a N2 injection, with a stream of 0.6 Nl/min, to insure an inert atmosphere only during heating and cooling steps of the experiments. To perform the reactivity tests, CO2 was used as the species to react with the C element present at the samples composition. The tests took 2 hours, with a CO2 flow rate of 0.9 Nl/min, in a temperature of 1100 degrees Celsius. According to the results obtained, it was found that the charcoal has the higher reactivity and the green petroleum coke the less reactive. For the metallurgical coke and coal, their reactivities were intermediary between charcoal and green pet coke, being coal more reactive than coke for both, volatilized and non-volatilized samples.
63

Síntese, caracterização e reatividade de novos complexos de ferro e de cobre com ligantes imidazólicos de relevância bioinorgânica

Scarpellini, Marciela January 2001 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Físicas e Matemáticas. Programa de Pós-Graduação em Química. / Made available in DSpace on 2012-10-18T05:22:46Z (GMT). No. of bitstreams: 0 / A presença dos resíduos de aminoácidos histidina e tirosina em uma variedade de metaloidrolases tem levado os químicos bioinorgânicos a projetar e sintetizar novos complexos modelo para esses sistemas contendo grupos que mimetizam tais resíduos. Nesse trabalho foram sintetizados ligantes inéditos contendo resíduos imidazólicos, fenólicos, amínicos e piridinicos. A partir desses ligantes foram sintetizados complexos inéditos, sendo: um complexo binuclear Fe2III (Complexo 1), dois complexos binucleares de Cu2II (Complexos 3 e 5) e cinco complexos mononucleares (Complexos 2, 4, 6, 7 e 8). Estes foram caracterizados por várias técnicas incluindo análise elementar, condutivimetria, eletroquímica, espectroscopias de RPE, infravermelho e eletrônica, titulação potenciométrica e medidas magnéticas. Os complexos 1, 2, 4, 6, 7, 8 e 9 foram caracterizados estruturalmente por difração de raios X. As propriedades estruturais, magnéticas e espectroscópicas do Complexo 1 sugerem que este pode ser considerado um modelo estrutural para o sítio ativo da forma Fe2III (oxidada) das fosfatases ácidas púrpuras. A caracterização dos complexos 2, 4, 6, 7 e 8 conduziram aos testes de reatividade desses complexos frente a hidrólise do 2,4-BDNPP. Os estudos de hidrólise do 2,4-BDNPP promovidos pelos complexos 2, 4 e 6 elegeram esses complexos como modelos funcionais para as fosfatases alcalinas. Testes preliminares de clivagem de DNA na presença dos complexos 2, 4, 6, 7 e 8 levaram a considerá-los como novas nucleases químicas. Testes de mutagenicidade e citotoxicidade realizados para o Complexo 2 com a bacteria Salmonella typhimurium (teste de Ames) e com células de tumor pequeno de pulmão revelaram um possível agente quimioterápico. A presença dos resíduos de aminoácidos histidina e tirosina em uma variedade de metaloidrolases tem levado os químicos bioinorgânicos a projetar e sintetizar novos complexos modelo para esses sistemas contendo grupos que mimetizam tais resíduos. Nesse trabalho foram sintetizados ligantes inéditos contendo resíduos imidazólicos, fenólicos, amínicos e piridinicos. A partir desses ligantes foram sintetizados complexos inéditos, sendo: um complexo binuclear Fe2III (Complexo 1), dois complexos binucleares de Cu2II (Complexos 3 e 5) e cinco complexos mononucleares (Complexos 2, 4, 6, 7 e 8). Estes foram caracterizados por várias técnicas incluindo análise elementar, condutivimetria, eletroquímica, espectroscopias de RPE, infravermelho e eletrônica, titulação potenciométrica e medidas magnéticas. Os complexos 1, 2, 4, 6, 7, 8 e 9 foram caracterizados estruturalmente por difração de raios X. As propriedades estruturais, magnéticas e espectroscópicas do Complexo 1 sugerem que este pode ser considerado um modelo estrutural para o sítio ativo da forma Fe2III (oxidada) das fosfatases ácidas púrpuras. A caracterização dos complexos 2, 4, 6, 7 e 8 conduziram aos testes de reatividade desses complexos frente a hidrólise do 2,4-BDNPP. Os estudos de hidrólise do 2,4-BDNPP promovidos pelos complexos 2, 4 e 6 elegeram esses complexos como modelos funcionais para as fosfatases alcalinas. Testes preliminares de clivagem de DNA na presença dos complexos 2, 4, 6, 7 e 8 levaram a considerá-los como novas nucleases químicas. Testes de mutagenicidade e citotoxicidade realizados para o Complexo 2 com a bacteria Salmonella typhimurium (teste de Ames) e com células de tumor pequeno de pulmão revelaram um possível agente quimioterápico.
64

Efeito de misturas de n-decilfosfato de sódio e sulfobetaínas sobre a hidrólise básica dos ésteres acetato de 2,4-dinitrofenila e octanoato de 2,4-dinitrofenila e do anidrido benzóico

Lee, Byung Sun January 1998 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Físicas e Matemáticas. / Made available in DSpace on 2012-10-17T04:49:53Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T23:59:12Z : No. of bitstreams: 1 170793.pdf: 1800537 bytes, checksum: 7d9fc2f29ffb59b917b8ed44179baa0c (MD5) / Estudo cinético e propriedades físico-químicas de micelas mistas formadas por um surfactante funcional aniônico, n-decilfosfato de sódio, e uma série homóloga de surfactantes zwitteriônicos, sulfobetaínas. Analisa, também, o efeito catalítico do grupo fosfato inorgânico, em água, sem surfactante. Determinou-se, ainda, medidas de CMC, DGmic e pH aparente na superfície micelar em função da fração molar de n-decilfosfato de sódio.
65

Estudos de reatividade, espectroscopia e eletroquimica de complexos & = duminicos de ferro e cobalto, com interesse bioinorganico

Souza, Tereza Cristina Rozone de January 1998 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciencias Fisicas e Matematicas / Made available in DSpace on 2012-10-17T09:09:24Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T23:00:22Z : No. of bitstreams: 1 148695.pdf: 4977572 bytes, checksum: cdebee7ac4a24614ad7efe9e6adc8ddf (MD5) / Complexos macrocíclicos sintéticos, que possuam quatro átomos de nitrogênio doadores de elétrons são particularmente interessantes como modelo de complexos macrocíclicos biológicos. Estes complexos macrocíclicos são capazes de simular diversos aspectos da estrutura e reatividade do grupo heme. Esta tese descreve a síntese, caracterização e a reatividade de complexos macrocíclicos de ferro(II) e cobalto(III) derivados da condensação da diacetilmonoxima com 1,3-diaminopropano. Os complexos de fórmula geral [FeTlM(X)2]2+ e [CoTIM(X)2]3+ apresentam um ligante equatorial planar TIM (onde TIM= 2,3,9,10 tetrametil-l,4,8,11-tetraazaciclotetradeca-1,3,8,10-tetraeno) e dois ligantes axiais X. Os complexos foram estudados através das técnicas de eletroquímica, EPR, cinética espectroscopia (Eletrônica, IV e Mössbauer). Os espectros eletrônicos destes complexos são caracterizados por bandas de transferência de carga Fe(II)->TIM e TIM->Co(III).
66

Novos complexos binucleares homo e heterobimetalicos bioinspirados e seu estudo da reatividade em meio homogêneo e heterogêneo como modelos miméticos para as hidrolases

Piovezan, Clovis 25 October 2012 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Físicas e Matemáticas, Programa de Pós-Graduação em Química, Florianópolis, 2010. / Made available in DSpace on 2012-10-25T13:44:10Z (GMT). No. of bitstreams: 1 278515.pdf: 2579064 bytes, checksum: 8d891e1916c5e72e4b766814c4934ad1 (MD5) / A eficiencia dos ions metalicos em promover a hidrolise de fosfatos em sistemas biologicos dependem de varios fatores, incluindo a natureza dos ions metalicos, do ambiente de coordenacao destes ions nas enzimas, da especie de ester de fosfato e do complexo formado entre ele e a enzima. A disponibilidade de um nucleofilo hidroxido em uma posicao favoravel para o ataque ao fosfato pode ser considerada a etapa critica da reacao. Os fosforodiesteres sao excepcionalmente estaveis ajustando-se assim no papel da formacao do material genetico. Nucleases tipicas aceleram a velocidade da hidrolise do DNA em um fator que excede 1010. O papel dos ions metalicos em promover a hidrolise de esteres fosfatos e polifosfatos tem sido objeto de consideraveis estudos para se conhecer as vias pelas quais os metais atuam nestes processos.Neste estudo, nos reportamos a sintese e caracterizacao de quatro complexos [Ni2(Hbppamff)(Ê- AcO)2(H2O)]BPh4 (1), [FeNi(bppamff)(Ê-AcO)2(H2O)]ClO4 (2), [FeZn(bppamff)(Ê- AcO)2(H2O)]ClO4 (3) e [FeZn(L1)(Ê-OH)2(H2O) ]ClO4 (4). Suas atividades foram estudadas atraves da hidrolise do substrato modelo bis-(2,4-dinitrofenil)fosfato em meio homogeneo e heterogeneo como modelos para a urease (complexo 1) e fosfatase acida purpura (complexos 2, 3 e 4). Comparando as atividades dos complexos (kcat) 1 > 2 > 3 â 4. As diferentes atividades observadas para estes complexos mostram claramente uma dependencia do pH reacional para a formacao do nucleofilo assim como a disponibilidade de sitios labeis para a coordenacao do substrato como etapas importantes para uma hidrolise eficiente do substrato.
67

Síntese de sais de isotiourônio e sua versatilidade em reações de acetilação e na preparação de heterociclos multifuncionalizados

Ferreira, Misael January 2011 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Físicas e Matemáticas, Programa de Pós-Graduação em Química, Florianópolis, 2011 / Made available in DSpace on 2012-10-26T04:39:46Z (GMT). No. of bitstreams: 1 294564.pdf: 6700524 bytes, checksum: 259cfeb442c20fac2b9638af7eef677b (MD5) / O presente trabalho foi desenvolvido visando à obtenção de novos compostos orgânicos sulfurados por meio de métodos reacionais simples e eficientes. Iniciou-se com a versátil reação de Morita-Baylis-Hillman a qual emprega condições reacionais brandas com formação dos respectivos -metileno- -hidroxi ésteres em bons rendimentos (70-95%). O tratamento posterior destes hidroxiésteres com LiBr e H2SO4 em acetonitrila forneceu os (Z)-2-(bromometil)-2-alcenoatos de forma simples e rápida em excelentes rendimentos (75-95%). Estes compostos são densamente funcionalizados e muito utilizados como intermediários na preparação de diversos compostos. Estudos reacionais dos (Z)-2-(bromometil)-2-alcenoatos com tiouréia em acetona/H2O propiciaram a síntese de sais de isotiourônio em excelentes rendimentos (90-97%) após 1 hora de reação. As reações dos (Z)-2-(bromometil)-2-alcenoatos com N-feniltiouréia em acetonitrila também foram bem sucedidas por fornecerem os correspondentes sais de N-fenilisotiourônio em curtos tempos reacionais e em excelentes rendimentos (88-97%). Subsequentemente, os sais de isotiourônio e N-fenilisotiourônio foram submetidos à reação de acetilação pelo tratamento com anidrido acético, fornecendo os N,N'-diacetilisotioureidos em rendimentos de bons a excelentes (78-98%) e N-acetil-N'-fenilisotioureidos em rendimentos moderados (63-65%), respectivamente, além do inesperado N-acetil-N-feniltiouréia em rendimento baixo (31%). Posteriormente, estudos visando o desenvolvimento de metodologias reacionais para a síntese de tióis e dissulfetos a partir dos sais de isotiourônio e dos N,N'-diacetilisotioureidos não apresentaram rendimentos satisfatórios ( 40%). Por outro lado, reações dos (Z)-2-(bromometil)-2-alcenoatos com tiouréia em acetona/H2O seguido de ciclização em meio básico dos sais de isotiourônio forneceram as 1,3-tiazin-4-onas em rendimentos de moderados a excelentes (58-91%). Para finalizar, estudos visando a preparação de heterociclos sulfurados com diferentes funcionalidades incorporadas em sua estrutura foram bem sucedidos a partir da acetilação das 1,3-tiazin-4-onas seguida de hidrólise em meio ácido, fornecendo as 1,3-tiazin-2,4-dionas inéditas em rendimentos de moderados a bons (58-85%) e condições reacionais simples.
68

Rela??es entre comportamento alimentar e temperamento com consumo alimentar residual em novilhos Nelore / Relationships between feeding behavior and temperament with residual feed intake in Nelore steers

Lage, Bruno Fagundes Cunha January 2013 (has links)
Submitted by Rodrigo Martins Cruz (rodrigo.cruz@ufvjm.edu.br) on 2015-01-05T11:11:47Z No. of bitstreams: 2 bruno_fagundes_cunha_lage.pdf: 500088 bytes, checksum: c6c7ee8d7a1c8ed90bce2cdb773607f3 (MD5) license_rdf: 23898 bytes, checksum: e363e809996cf46ada20da1accfcd9c7 (MD5) / Approved for entry into archive by Rodrigo Martins Cruz (rodrigo.cruz@ufvjm.edu.br) on 2015-01-05T11:35:32Z (GMT) No. of bitstreams: 2 bruno_fagundes_cunha_lage.pdf: 500088 bytes, checksum: c6c7ee8d7a1c8ed90bce2cdb773607f3 (MD5) license_rdf: 23898 bytes, checksum: e363e809996cf46ada20da1accfcd9c7 (MD5) / Approved for entry into archive by Rodrigo Martins Cruz (rodrigo.cruz@ufvjm.edu.br) on 2015-01-05T11:36:26Z (GMT) No. of bitstreams: 2 bruno_fagundes_cunha_lage.pdf: 500088 bytes, checksum: c6c7ee8d7a1c8ed90bce2cdb773607f3 (MD5) license_rdf: 23898 bytes, checksum: e363e809996cf46ada20da1accfcd9c7 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-01-05T11:36:26Z (GMT). No. of bitstreams: 2 bruno_fagundes_cunha_lage.pdf: 500088 bytes, checksum: c6c7ee8d7a1c8ed90bce2cdb773607f3 (MD5) license_rdf: 23898 bytes, checksum: e363e809996cf46ada20da1accfcd9c7 (MD5) Previous issue date: 2013-07-31 / Coordena??o de Aperfei?oamento de Pessoal de N?vel Superior (CAPES) / Objetivou-se, com o presente estudo, estabelecer rela??es entre comportamento alimentar, temperamento e consumo alimentar residual em bovinos Nelore, na fase p?s-desmame, submetidos ao confinamento. Foram utilizados 85 machos Nelore desmamados, em confinamento coletivo, durante 119 dias, sendo os 28 primeiros para adapta??o ? dieta e ao ambiente. O CAR foi calculado pela diferen?a entre o consumo observado e o predito, baseado no ganho de peso m?dio di?rio e no peso vivo metab?lico, sendo classificados como alto CAR (>m?dia + 0,5 DP), m?dio CAR (? 0,5 DP da m?dia) e baixo CAR (<m?dia ? 0,5 DP). A compara??o de m?dias foi realizada pelo teste t-Student. Foram estimadas correla??es de Pearson entre caracter?sticas de comportamento alimentar, temperamento, CAR e classes de GMD. As caracter?sticas de comportamento alimentar tempo de perman?ncia no cocho (TPC), tempo de cabe?a baixa (CB) e frequ?ncia de visitas (FV) foram mensuradas a partir de um sistema de monitoramento eletr?nico, que registra padr?es individuais de alimenta??o, GrowSafe System?. O temperamento foi avaliado atrav?s da velocidade de sa?da (VS), escore composto (EC) e reatividade. N?o houve rela??o do CAR com peso inicial (PI), peso final (PF) e GMD. Em m?dia, animais classificados como baixo CAR apresentaram CMS 24,8% inferior aos animais alto CAR. Animais alto CAR permaneceram mais tempo no cocho, passaram mais tempo de cabe?a baixa e apresentaram maior taxa de alimenta??o (TA) comparados aos animais baixo CAR. No entanto, nenhuma diferen?a foi encontrada para FV. O PF, PI, CMS influenciaram o GMD dos animais. Foram estimadas correla??es significativas entre TPC, CB, TA e CAR (P<0,05), no entanto, n?o foi observada correla??o entre FV e CAR. O TPC e a FV n?o variou para animais de diferentes classes de GMD. Animais classificados como alto GMD apresentaram maior CB e TA, frente aos animais baixo GMD. Correla??es significativas foram encontradas para CB, TA e GMD, mas n?o para TPC, FV e GMD. A ?nica caracter?stica de temperamento que apresentou varia??o quanto ?s classes de CAR foi VS., e, com rela??o ?s classes de GMD, nenhuma caracter?stica temperamento apresentou diferen?a significativa. Foi estimada correla??o significativa entre VS e CAR. As demais medidas de temperamento n?o se relacionaram com CAR ou GMD. CAR ? independente GMD e pesos inicial e final. Caracter?sticas de comportamento alimentar relacionam-se com CAR. O GMD est? relacionado com a agilidade em ingerir alimento. As rela??es entre temperamento e CAR e classes de GMD necessitam de mais estudos. / Disserta??o (Mestrado) ? Programa de P?s-Gradua??o em Zootecnia, Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri, 2013. / ABSTRACT The objective of the present study was to establish relationships between feeding behavior, temperament and residual feed intake in Nellore the post-weaning under feedlot. It were used 85 male Nellore weaned feedlot during 119 days, being the first 28 days for adaptation of diet and environment. The RFI was calculated by the difference between the observed and predicted consumption, based on average daily weight gain and metabolic live weight being classified as high RFI (average > 0,5 + SD), medium RFI (? 0,5 SD of the mean) and low RFI (average < 0,5 SD). The comparison of means was performed by test t-Student. Were estimated Pearson correlations between feeding behavior traits, temperament, RFI and classes of GMD. The characteristics of feeding behavior time at feeder (TF), time to head down (HD) and frequency of visits (FV) were measured from an electronic monitoring system that records individual patterns of feeding, the GrowSafe System?. Temperament was assessed by ouput speed (OS), composite score (CS) and reactivity. There was no relationship among the RFI with initial weight (IW), final weight (FW) and ADG. On average, animals classified as low RFI showed CMS 24.8% less than the high RFI animals. High RFI animals spent more time in the trough, spent more time of head down and had higher feed rate (FR) compared to low RFI animals. However, no difference was found for FV. The IW, FW, DMI influenced the ADG of the animals. Significant correlations were estimated between TF, HD, FR and RFI (P <0.05), however, there was no correlation between FV and RFI. The TF and FV did not vary for different classes of GMD. Animals classified as high ADG showed higher HD and FR, compared to animals low GMD. Significant correlations were found for HD, FR and ADG, but not for TF, FV and ADG. The only feature of temperament showed variation in the classes of RFI was FS. And with respect to classes of ADG, no characteristic temperament showed a significant difference. It was estimated correlation between FS and RFI. The other measures of temperament were unrelated RFI or GMD. RFI is independent of ADG and initial and final weight. Characteristics of feeding behavior relate to RFI. The ADG is related with the agility to ingest food. Relations between temperament and RFI classes of ADG require further studies.
69

Determinação da reatividade do carvão utilizado no processo de redução direta da Aços Finos Piratini

Schifino, José January 1977 (has links)
Determinações da reatividade de mostras de carvão desgaseificado, provenientes do forno de redução direta da Aços Finos Piratini, foram feitas para determinar a forma de variação da reatividade ao longo do forno. Procurou-se estabelecer a in£luência da difusão dos gases e do teor de cinzas na cinética da reação de Budouard. Verificou-se que a reatividade expressa em relação à massa total de mostra decresce no transcurso do processo. / Reactivity determinations of char samples from the Aços Finos Piratini direct reducttion rotary kiln were determined in orden to know hmr there activity changes along the kiln. The role of gas diffusion and ash content on the kinetics oE Boudouard 's reaction were studied. It was verified that reactivity expressed by with weight of the sample decreases during the process.
70

Greffage de composes de l'etain (iv) sur oxydes extension aux composes du titane et du zirconium reactivite en carboxylation du methanol

Santos, Joao Henrique Zimnoch dos January 1993 (has links)
Resumo não disponível

Page generated in 0.0548 seconds