• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 11
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 12
  • 12
  • 7
  • 7
  • 5
  • 5
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Fibras de colágeno no músculo reto do abdome em cadáveres de diferentes faixas etárias: avaliação quantitativa e qualitativa / Collagen fibers in the rectus abdominis muscle of cadavers of different age groups: quantitative and qualitative assessment

Calvi, Eliziane Nitz de Carvalho [UNIFESP] January 2013 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-12-06T23:46:18Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2013 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) / Introdução: Os defeitos mais frequentes da parede abdominal sao representados pelas hernias. O colageno e um componente importante dos musculos e fascias que proporciona resistencia e integridade estrutural nos tecidos. OBJETIVO: Avaliar a quantidade de colageno do musculo reto abdominal em cadaveres de diferentes faixas etarias. METODOS: Foram utilizados 40 cadaveres do genero masculino, oriundos do Instituto Medico-Legal de Franca, divididos em dois grupos: Grupo 1 (n = 20) u 18 a 30 anos; Grupo 2 (n = 20)u 31 a 60 anos. Utilizou-se a cicatriz umbilical como referencia e assim fez-se uma biopsia do musculo reto do abdome a uma distancia de tres centimetros superiormente e dois centimetros inferiormente. Foram realizados cortes histologicos corados por Tricomio de Masson, Picro Sirius red e Imuno-histoquimica. RESULTADOS: Pela coloracao de Tricromio de Masson (colageno I) nao houve diferenca significante entre o grupos, ja atraves da coloracao de Picro Sirius red (colageno I + III), verificou-se que a quantidade foi maior no Grupo 1 em relacao ao Grupo 2 (p<0,05); pelo metodo Imuno-histoquimico nao foi visualizada a presenca do colageno tipo II e nao houve diferenca significante do colageno tipo IV. O colageno tipo I e III mostrou diminuicao significante no Grupo 2 em relacao ao Grupo 1 (p<0,05); o colageno tipo V foi identificado, porem nao foi possivel quantificar devido a coloracao de fundo apresentada na reacao. CONCLUSAO: Ha menor quantidade de colageno tipo I e III no grupo com faixa etaria mais elevada e nao ha alteracao de quantidade de colageno tipo IV. / INTRODUCTION: The most frequent abdominal wall defects are represented by hernias. The collagen is an important fascia and muscle component that provides structural strength in tissues. PURPOSE: Evaluate the collagen fibers of abdominal rectus muscle in cadavers of different age groups. METHODS: Forty fresh male cadavers from the Institute of Legal Medicine of Franca were dissected within 24 hours of death. The cadavers were divided in two groups: Group 1 (n = 20) - 18 to 30 years old; Group 2 (n = 20) - 31 to 60 years old. Umbilicus was used as anatomical reference. The incisions were made in the middle portion of anterior rectus muscle 3 cm superiorly and 2 cm inferiorly to the umbilicus. Histological sections were performed with Masson’s trichrome, Picro Sirius red and immunohistochemistry analysis. RESULTS: The Masson´s trichrome didn´t present significant difference among Group 1 and 2. However, the Picro Sirius red (collagen I + III), showed higher collagen amount in Group 1 than in Group 2 (p<0,05); the immunohistochemistrydid not show type II collagen and there was no difference in the amount of type IV collagen between the groups. The type I and III collagen presented significant reduction in Group 2 in comparison to Group 1 (p<0,05). The type V collagen was identified in the immunohistochemistry, but there was not possible to identify due to background color of reaction. CONCLUSION: There is reduction in type I and III collagen in the higher age group and there were no variations in amount of type IV collagen. / BV UNIFESP: Teses e dissertações
2

A plicatura em plano único para correção da diástase de retos é a técnica mais rápida e eficaz / Single-Layer Plication for Repair of Diastasis Recti: the Most Rapid and Efficient Technique

Gama, Luiz José Muaccad [UNIFESP] January 2015 (has links) (PDF)
Submitted by Maria Anália Conceição (marianaliaconceicao@gmail.com) on 2016-06-27T14:19:42Z No. of bitstreams: 1 Publico-NOVO-17.pdf: 2749723 bytes, checksum: b900e18f221979931c0ee5d4a7ace686 (MD5) / Approved for entry into archive by Maria Anália Conceição (marianaliaconceicao@gmail.com) on 2016-06-27T14:21:32Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Publico-NOVO-17.pdf: 2749723 bytes, checksum: b900e18f221979931c0ee5d4a7ace686 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-06-27T14:21:33Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Publico-NOVO-17.pdf: 2749723 bytes, checksum: b900e18f221979931c0ee5d4a7ace686 (MD5) Previous issue date: 2015 / Introdução: A plicatura é a técnica mais utilizada para correção da diástase dos retos do abdome, porém, consome tempo. O objetivo é avaliar eficácia e tempo necessário para correção da diástase comparando diferentes técnicas de plicatura. 0pWRGR: Incluídas 30 candidatas à abdominoplastia, com história de pelo menos uma gestação e deformidades da parede abdominal semelhantes. Foram randomizadas em três grupos: Grupo Controle - plicatura em dois planos com mononylon 00; Grupo Estudo I - plano único contínuo com o mesmo fio; Grupo Estudo II - plicatura contínua em plano único usando sutura farpada Quill Nylon 1. Mediu-se o tempo para cada técnica. Realizou-se ultrassonografia pré-operatória, com três semanas e seis meses de pós-operatório para avaliar recidiva da diástase. A força para trazer a aponeurose dos retos à linha média foi medida em dois níveis – supra e infra-umbilical – com dinamômetro digital. Definiu-se pd0,05 (5%) para os testes de ANOVA, T-Student pareado e correlação de Pearson. 5HVXOWDGRV: Houve diferença significante quando o tempo de plicatura do grupo Controle (média: 35min22seg) foi comparado ao Grupo Estudo I (14min22seg) e ao Grupo Estudo II (15min23seg), ambos com p-valor <0,001. Três pacientes do Grupo II apresentaram recidiva da diástase, porém, não houve diferença significante das trações medidas na aponeurose destes indivíduos comparadas àquelas das demais pacientes, tanto intragrupo quanto intergrupos. &RQFOXVmR: Plicatura com sutura contínua em plano único é eficaz e rápida para correção da diástase dos músculos retos do abdome. / Abstract: Plication of the anterior rectus sheath is the most commonly used technique for repair of diastasis recti, but also a timeconsuming procedure. 2EMHFWLYH The aim of this study was to compare the efficacy and time required to repair diastasis recti using different plication techniques. 0HWKRGV Thirty women with similar abdominal deformities, who had had at least one pregnancy, were randomized into three groups to undergo abdominoplasty. Plication of the anterior rectus sheath was performed in two layers with 2-0 monofilament nylon suture (control group) or in a single layer with either a continuous 2-0 monofilament nylon suture (group I) or using a continuous barbed suture (group II). Operative time was recorded. All patients underwent ultrasound examination preoperatively and at 3 weeks and 6 months postoperatively to monitor for diastasis recurrence. The force required to bring the anterior rectus sheath to the midline was measured at the supraumbilical and infraumbilical locations. 5HVXOWV Patient age ranged from 26 to 50 years and body mass index from 20.56 to 29.17 kg/m2 . A significant difference in mean operative time was found between the control and study groups (control group, 35min:22s; group I, 14min:22s; group II, 15min:23s; P<0.001). Three patients in group II had recurrence of diastasis. There were no significant within- and between-group differences in tensile force on the aponeurosis. &RQFOXVLRQ Plication of the anterior rectus sheath in a single-layer with a continuous suture showed to be an efficient and rapid technique for repair of diastasis recti.
3

Efeito da natação sobre o músculo reto do abdome do rato: estudo morfológico e histoquímico

Rosa, Maria José Alvarez [UNIFESP] 30 January 2008 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-07-22T20:49:54Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2008-01-30. Added 1 bitstream(s) on 2015-08-11T03:25:42Z : No. of bitstreams: 1 Publico-10687.pdf: 1877074 bytes, checksum: a4c8dc96819854b6fe9209dc009690ba (MD5) / Tese em forma de artigo. Objetivo: Investigamos o efeito de dois protocolos de natação nas características morfológicas, contráteis e metabólicas dos diferentes tipos de fibras do músculo reto do abdome de rato. Métodos: Os ratos foram divididos em 3 grupos (N = 5 cada): a) grupo treinado 1h por dia (1h/dia), 2x por semana (2x/sem); b) grupo treinado 1h/dia, 5x por semana (5x/sem), ambos durante 9 semanas consecutivas; c) grupo controle: sedentário. Foram avaliados os pesos corporais, os diâmetros das fibras, pelo método de coloração HE, e a distribuição dos tipos de fibras pelas as propriedades metabólicas identificadas pela reação de NADH redutase e reação de ATP-ase miofibrilar. Resultados: O peso corporal aumentou no grupo treinado 2x/sem e diminuiu no grupo treinado 5x/sem em relação ao grupo controle. O diâmetro das fibras aumentou de 45,4 μm no grupo controle para 56,6 μm e 54,4 μm no grupo treinado 2x/sem e 5x/sem, respectivamente. Também foram observadas pequenas fibras angulosas atróficas. O exercício aeróbio remodelou a distribuição das fibras, aumentando a freqüência de fibras oxidativas lentas (SO) e oxidativas-glicolíticas rápidas (FOG) e diminuindo a freqüência de fibras glicolíticas (FG). Em resumo, a freqüência das fibras SO aumentou, enquanto a freqüência das FOG + FG diminuíram nos ratos treinados em comparação aos sedentários. Conclusões: Estes resultados mostram que os dois protocolos de exercício da natação aumentam prioritariamente o metabolismo aeróbio das fibras de contração lenta e intermediária, além de provocar grau variável de mudanças na morfologia das fibras. / TEDE
4

Plicatura da lâmina anterior da bainha dos músculos retos do abdome com a técnica de sutura triangular / Rectus sheath plication with triangular matress suture

Veríssimo, Pamella [UNIFESP] January 2013 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-12-06T23:46:09Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2013 / A deformidade musculo-aponeurotica da parede abdominal decorrente da gestacao e multidirecional. A tecnica mais utilizada para sua correcao e a plicatura da aponeurose anterior. Seria desejavel obter ao mesmo tempo uma correcao transversal e longitudinal. O objetivo deste estudo e avaliar o eixo vertical do plano musculo-aponeurotico apos o uso da sutura triangular na correcao da diastase de retos. Metodos: Foram selecionadas 31 pacientes com deformidade abdominal tipo III/A de Nahas, divididas em dois grupos (GST- grupo sutura triangular e GSC u grupo sutura continua). Estas foram submetidas a abdominoplastia e correcao da diastase dos musculos retos com plicatura longitudinal mediana, feita entre dois clipes metalicos implantados. Os dois tipos de sutura foram realizados em todas as pacientes. No GST, apos a realizacao da sutura continua, foi realizada e mantida a sutura triangular e o oposto ocorreu no GSC. Apos cada sutura a distancia entre os clipes foi medida. Foram realizadas radiografias de abdome tres semanas e seis meses apos a cirurgia quando foi medida a distancia entre os clipes. Os dados foram comparados utilizando-se Analise de Variancia de Friedman e teste de Wilcoxon. Resultados: A sutura triangular promoveu reducao significante do eixo vertical da aponeurose quando comparada a sutura continua e a situacao sem sutura no periodo intraoperatorio (Wilcoxon p<0,001). Esta diferenca manteve-se nas radiografias de seis meses (Wilcoxon p<0,001). Conclusao: A sutura triangular produziu encurtamento do eixo vertical do plano musculo-aponeurotico da parede abdominal em longo prazo / Background: Diastasis recti secondary to pregnancy is multidirectional. Plication of the anterior rectus sheath is the most widely used technique for correction of this condition. However, it would be desirable to simultaneously perform the transverse and longitudinal repair of the defect. The aim of this study was to assess changes in the length of the musculoaponeurotic layer after diastasis recti repair using triangular sutures. Methods: Thirty-one women with Nahas’ type III/A deformity were divided into two groups: the triangular suture (TS) group and the continuous suture (CS) group. All patients underwent conventional abdominoplasty and diastasis recti repair with medial longitudinal plication performed between two metal clips. The two types of suture were used in both groups. In the TS group, after a continuous suture was performed and removed, triangular sutures were used and maintained in place. In the CS group, the order of suture placement was reversed. The distance between clips was measured before and immediately after suturing, and at 3 weeks and 6 months postoperatively using plain abdominal radiographs. Statistical analysis was conducted with the Friedman analysis of variance and Wilcoxon test. Results: The use of triangular sutures significantly reduced the length of the aponeurosis compared with both the intraoperative Abstract | 87 situation without suture (P < 0.001) and the use of continuous suture (intraoperatively and 6 months after surgery; P < 0.001). Conclusion: The repair of diastasis recti using triangular sutures resulted in vertical shortening of musculoaponeurotic layer immediately after the procedure and in the long term. / BV UNIFESP: Teses e dissertações
5

Fator de crescimento do endotélio vascular na viabilidade do retalho musculofasciocutâneo abdominal transverso do músculo reto do abdome, após abdominoplastia, em ratos / Vascular endothelial growth factor on the transverse rectus abdominis myocutaneous flap viability after abdominoplasty in rats

Freitas, André Luiz Pires de [UNIFESP] 25 March 2009 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-07-22T20:50:13Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2009-03-25 / Introdução: O retalho musculofasciocutâneo abdominal transverso do músculo reto do abdome (TRAM) pode apresentar necrose, sobretudo em pacientes com fatores de risco. A abdominoplastia representa um fator de risco devido à lesão de vasos perfurantes durante a sua execução. A perspectiva para a utilização de terapia gênica com o fator de crescimento do endotélio vascular (VEGF) com vetor plasmidial, estimulando a neovascularização do retalho TRAM após abdominoplastia, originou este estudo. Objetivo: Determinar o efeito do VEGF plasmidial na viabilidade do retalho TRAM, após a Abdominoplastia, em ratos. Métodos: Trinta e dois ratos da linhagem Wistar-EPM foram distribuídos em quatro grupos (n = 8). O retalho TRAM de pedículo caudal direito foi realizado em todos os animais e foi o único procedimento realizado no grupo I (TRAM). Nos grupos II (Abdominoplastia) e III (Plasmídeo), o procedimento de abdominoplastia foi realizado com injeção intramuscular de solução salina e vetor plasmidial sem o gene que codifica o VEGF, respectivamente. No grupo IV (VEGF), 100 microgramas de vetor plasmidial com o gene foram injetados no músculo reto do abdome. O retalho TRAM foi realizado após trinta dias da abdominoplastia. Resultados: Os grupos TRAM, Abdominoplastia, Plasmídeo e VEGF mostraram uma média de porcentagem de necrose de 24,65%, 62,49%, 57,80% e 18,33%, respectivamente (p = 0,001). A imuno-histoquímica do retalho TRAM com o anticorpo HHF-35 mostrou um aumento significante do número de vasos no grupo IV. Conclusão: O VEGF plasmidial aumentou a viabilidade e o número de vasos no retalho TRAM após a abdominoplastia em ratos. / Introduction: Transverse rectus abdominis musculocutaneous (TRAM) flap may present necrosis, in pacients with risk factors. Abdominoplasty is a risk factor due to disruption and transection of vascular perforators. Perspectives on naked plasmid DNA encoding vascular endothelial growth factor (VEGF) as gene therapy for angiogenesis and neovascularization of TRAM flap harvesting after abdominoplasty, originated this study. Objective: The objective of this study was to determine the effect of VEGF plasmid DNA in TRAM flap’s rat model viability after abdominoplasty. Methods: Thirty-two Wistar rats were distributed into four groups (n=8). The caudal pedicled TRAM flap was harvested in all animals and it was the only procedure in the group I (TRAM). In groups II (Abdominoplasty) and III (Plasmid), an abdominoplasty procedure was performed with intramuscularly injection of saline solution and plasmid DNA without VEGF gene, respectively. In Group IV (VEGF) 100 micrograms of plasmid encoding VEGF, was injected into the rectus muscle. TRAM flaps were harvested thirty days after abdominoplasty. Results: TRAM group, Abdominoplasty group, Plasmid group and VEGF group showed a mean percentage of necrosis of 24.65%, 62.49%, 57.80% and 18,33%, respectively (p=0,001). TRAM flap’s immunohistochemical analysis with antibody HHF-35 showed a significant increase in number of vessels in the group IV. Conclusion: The plasmid vector including VEGF after abdominoplasty improved TRAM flap viability and the number of the vessels in rats. / TEDE
6

Resistência à tração dos componentes músculo-aponeuróticos na área doadora do retalho musculocutâneo transverso do reto do abdome / Resistance to traction of the musculoaponeurotic components in the transverse rectus abdominis myocutaneous flap donor site

Vidal, Ronaldo [UNIFESP] 24 November 2010 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-07-22T20:50:45Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2010-11-24 / Introdução: O defeito na parede abdominal na área doadora do retalho musculocutâneo transverso do reto do abdome – retalho TRAM - é extenso, complexo e predispõe ao surgimento de hérnia, abaulamento e fraqueza abdominal. A reconstrução da parede abdominal deve ser anatômica e funcional, preferencialmente com tecidos autólogos, materiais de síntese resistentes e mínima tensão na sutura. As técnicas de descolamento músculo-aponeurótico seletivo da parede abdominal permitem uma reconstrução com tecido autólogo e tensão reduzida. Apesar dos relatos clínicos e avaliações em cadáveres, não foram encontrados estudos com a finalidade de comprovar, de maneira objetiva, a eficácia das manobras de descolamento músculo-aponeurótico seletivo na área doadora do retalho TRAM. Objetivo: Avaliar a resistência à tração dos componentes músculo-aponeuróticos na área doadora do retalho TRAM bipediculado. Métodos: No período de Maio de 2006 a Maio de 2008, foram estudadas 20 pacientes, com idade entre 29 e 58 anos, submetidas a reconstrução mamária com retalho TRAM bipediculado. A resistência à tração medial dos componentes músculo-aponeuróticos na área doadora do retalho TRAM foi medida, bilateralmente, com um dinamômetro analógico que foi fixado à margem lateral da lâmina anterior da bainha do músculo reto do abdome 3 cm inferior ao umbigo. Os coeficientes de tração foram comparados em três fases: Fase inicial sem qualquer incisão ou descolamento adicional na área doadora do retalho; Fase 1 incisão sobre a margem lateral da bainha do reto; Fase 2 descolamento do músculo oblíquo externo até a linha axilar anterior. Para a análise estatística foram utilizados os testes de Wilcoxon e o teste de t para dados emparelhados na comparação dos coeficientes de tração direito e esquerdo nas Fases inicial, 1 e 2. O teste de Friedman e teste post hoc de Dunn foram utilizados para comparar os coeficientes de tração das Fases inicial, 1, 2 no lado direito e no esquerdo. Resultados: Houve redução estatisticamente significante da resistência à tração após cada fase do descolamento seletivo. Conclusão: A resistência à tração medial dos componentes músculo-aponeuróticos na área doadora do retalho musculocutâneo transverso do reto do abdome diminuiu, após a incisão na margem lateral interna da bainha do músculo reto do abdome e após o descolamento do músculo oblíquo externo. / Introduction: The defect on the abdominal wall in the transverse rectus abdominis myocutaneos flap -TRAM flap- donor site is extensive, complex and predisposes the emergence of hernia, bulging and abdominal weakness. The closure of the abdominal wall must be anatomic and functional, preferably with autologous tissues, resistance synthesis material and minimal tension suture. The selective musculoaponeurotic undermining of the abdominal provide a abdominal wall closure with autologous tissue and reduced tension. Despite many clinical studies, no experimental researches prove the real efficacy of selective musculoaponeurotic undermining in the TRAM flap donor site. Objective: The aim of this study is to evaluate the resistance to medial traction of the musculoaponeurotic components in the bipedicled TRAM flap donor site. Methods: In the period of May of 2006 until May of 2008, 20 patients, with ages from 29 to 58 years old, submitted to mammary reconstruction with bipedicled TRAM flap were studied. The resistance to medial traction of the musculoaponeurotic components in the bipedicled TRAM flap donor site was measured with a dynamometer that was fixed in the lateral edge of the defect, 3 cm below the umbilicus. The traction coefficients obtained were compared in three situation: Initial Stage - with no incision or additional underminig in the flap donor site; Stage 1 - incision above the lateral edge of the rectus sheath; Stage 2 - undermining of the external oblique muscle. To the statistical analyses it was used the Wilcoxon and the t test to paired data in the comparison of the right and left traction coefficients in Initial Stage, Stage 1 and Stage 2. The Friedman test and the post hoc of Dunn test was used to compare traction coefficients in initial Stage, stage 1 and Stage 2, in the right and left sides. Results: There was a significant reduction of traction resistance after each stage of the dissection. Conclusion: The incision on the internal lateral edge of the rectus sheath and the external oblique undermining reduce the medial traction resistance of the musculoaponeurotic components in the TRAM flap donor site. / TEDE / BV UNIFESP: Teses e dissertações
7

Seroma na área doadora do retalho musculocutâneo transverso do reto do abdome, em pacientes submetidas à reconstrução de mama / Seroma at the donor site of the transverse rectus abdominis myocutaneous flap in breast reconstruction

Rossetto, Luis Antonio [UNIFESP] January 2011 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-12-06T23:44:52Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2011 / O retalho musculocutâneo transverso do reto do abdome é um procedimento indicado para pacientes submetidas à reconstrução de mama. O seroma é uma complicação frequentemente encontrada na área doadora do retalho. OBJETIVO: Avaliar a incidência seroma na área doadora do retalho TRAM em que foram realizados os pontos de adesão com drenos, pontos de adesão sem drenos, comparando-se aos que não usaram os pontos de adesão e com drenos, em pacientes submetidas à reconstrução de mama. MÉTODOS: Foram realizadas 48 reconstruções de mama com retalho TRAM, bipediculado. As pacientes foram distribuídas aleatoriamente, por sorteio, em três grupos compostos por 16 pacientes cada: Grupo C, pacientes sem pontos de adesão, com uso de drenos de sucção; Grupo PD, com pontos de adesão, com o uso dos drenos de sucção; Grupo PSD, com pontos de adesão, sem o uso dos drenos de sucção. Para a investigação da formação do seroma foi realizado ultrassonografia (USG) no sétimo dia de PO e no 14º de PO, em todas as pacientes, em cincos regiões da parede abdominal: epigástrio, umbilical, hipogástrio, fossa ilíaca direita, fossa ilíaca esquerda. RESULTADOS: A avaliação pela USG apresentou maior incidência de seroma no Grupo C (p=0,008). No Grupo C houve presença de seroma na fossa ilíaca, enquanto que nos demais grupos não ocorreram nesse local (p=0,028). Não houve diferença entre o Grupo PD-PSD (p=1,00), em relação à importância da presença dos drenos. CONCLUSÃO: Os pontos de adesão realizados na área doadora do retalho TRAM são eficazes na diminuição da presença do seroma. / Objective: To evaluate the incidence of seroma formation with and without the use of quilting sutures or suction drains in the closure of the transverse rectus abdominis myocutaneous (TRAM) flap donor site in patients who underwent breast reconstruction. Summary Background Data: Seroma is a common morbidity at the donor site. The use of quilting sutures in the closure of the donor site causes the collapse of the dead space and may reduce seroma formation. Methods: In a prospective randomized double-blind clinical trial (ClinicalTrials.gov, number NCT01358786), 48 breast reconstructions were performed using the bipedicled TRAM flap. Patients were randomly allocated into three groups of 16 participants each: QS+DN group, use of quilting sutures and suction drains at the donor site; QS group, use of quilting sutures alone; and DN group, use of suction drains alone. Ultrasound examinations were performed to assess seroma formation in 5 regions of the abdominal wall (epigastric, umbilical, hypogastric, right iliac, and left iliac regions) on postoperative days 7 and 14. Results: Seroma volume was significantly higher in the DN group than in the QS+DN group (p=0.048), but no difference was found between the QS+DN and QS groups (p=1.00). The region of seroma formation was significantly correlated with the type of surgical procedure (p=0.028). Seroma formation was observed in the iliac regions of patients in the DN group, but not in the QS+DN and QS groups. Conclusion: Quilting sutures at the TRAM flap donor site were efficient in reducing seroma formation. / BV UNIFESP: Teses e dissertações
8

Eletromiografia de superfície de músculos respiratórios : avaliação de hepatopatas em lista de espera de transplante de fígado e de não hepatopatas / Surface elestromyography of respiratory musclesassessment : assessment liver disease waiting list for liver transplantation and non liver disease subjects

Silva, Aurea Maria Oliveira da 24 August 2018 (has links)
Orientadores: Ilka de Fátima Santana Ferreira Boin, Alberto Cliquet Junior / Texto em português e inglês / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas / Made available in DSpace on 2018-08-24T19:22:29Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Silva_AureaMariaOliveirada_D.pdf: 3321051 bytes, checksum: f6610f15d11aceeb44323830d9953cd0 (MD5) Previous issue date: 2014 / Resumo: A eletromiografia de superfície (EMGs) é uma técnica não-invasiva para a detecção da atividade da musculatura esquelética, podendo ser utilizada para verificação da atividade dos músculos da respiração, como o diafragma e reto abdominal, escassamente estudados na literatura. Objetivo - Este estudo comparou a eletromiografia de superfície (músculos diafragma e reto abdominal) de indivíduos não hepatopatas e pacientes hepatopatas em lista de espera de transplante de fígado. Método ¿ Estudo prospectivo transversal analítico com indivíduos do sexo masculino acima de 18 anos distribuídos em dois grupos: Grupo hepatopata (GH) e não hepatopata (GNH). Através da EMGs, avaliou-se a média da raiz quadratica ¿ RMS dos músculos diafragma e reto abdominal direitos. Verificou-se a força muscular através da manovacuometria (pressão inspiratória máxima - PIM e pressão expiratória máxima- PEM) e os volumes e fluxos pulmonares, usando se a espirometria (CVF ¿ capacidade vital, VEF1 ¿ volume expiratório forçado no primeiro segundo, FEM25-75% - fluxo expiratório máximo em 25-75% da CVF); e através do oximetro verificou-se frequência cardíaca (FC) e saturacão de oxigênio (satO2). Os outros dados analisados foram idade, índice de massa corpórea (IMC), antecedentes respiratórios, presença ou não de tabagismo, atividade física e ascite; escore MELD (model for end-stage liver disease), sendo considerado seis pontos para o grupo não hepatopata. Na análise estatística foi utilizado o teste Levene, de Mann-Whitney, qui-quadrado com teste de Fisher para análise das variáveis categóricas e a curva ROC (receiver operating curve), com nível de significância de 5%. Resultados ¿ Foram estudados 236 indivíduos, sendo: GNH (65) e GH (171). Foi observado no GH um IMC maior, possivelmente pela presença de ascite (p = 0,001 ); um RMS maior do reto abdominal (p = 0,0001) e da RMS do diafragma (p = 0,030); frequência cardíaca mais alta (p=0,0001); uma diminuição nos índices de PIM e PEM (p = 0,0001) e diminuição do VEF1 e FEM 25-75% (p=0,0001). Entre os pacientes em lista de transplante, 56 (32,7%) dos pacientes foram submetidos o transplante no período do estudo sendo a mortalidade em lista de 12,9% (22 pacientes). A ascite foi encontrada somente no grupo GH e tanto o tabagismo, quanto a atividade física e antecedentes pulmonares não foi diferente nos grupos estudados. A curva ROC mostrou que a RMS do reto abdominal foi capaz de discriminar os pacientes com doença hepática dos indivíduos não hepatopatas (área = 0,63 ; IC95 % :0.549 - 0,725 ). Conclusão - A EMGs, juntamente com dados do perfil respiratório, mostrou que os pacientes hepatopatas em lista de espera possuem um déficit muscular respiratório, que pode levar a complicações pulmonares no pós-operatório / Abstract: Surface electromyography (sEMG) is a non-invasive method to detect skeletal muscle activity used for respiratory muscle verification. There is little in the literature about the diaphragm and rectus abdominal using sEMG. Aim - This study compared sEMG for diaphragm and rectus abdominis muscles of a group of individuals with liver disease on the waiting list for liver transplantation to a group without. Method ¿ An analytical cross-sectional prospective study was carried out with 236 men, all over 18 years old, which were distributed into two groups: group hepatopathy (HG) and no hepatic disease group (NHG). sEMG, applying the root mean square (RMS) for the diaphragm and rectus abdominis right muscle, was used. The muscle strength was measured using a manometer (maximal inspiratory pressure - MIP and expiratory pressure - MEP), and for lung volumes and flows, (FVC: forced vital capacity, FEV1: forced expiratory volume in one second, MEF25-75%: maximum expiratory flow 25-75% of FVC) spirometry was used. By using a oximeter heart rate (HR) and oxygen saturation (SpO2) were calculated. Other demographic and clinical data were: age, body mass index (BMI), respiratory antecedent disease, smoker or non-smoker, physical activity (yes/no) and ascites (yes/no), and MELD score (model for end-stage liver disease). In the non-hepatic group six points for MELD were considered. For statistical analysis Levene test, Mann- Whitney test, chi-square with Fisher test for the categorical variables and ROC (receiver operating curve), with a significance level of 5 %, was used in a SPSS 21.0. Results - NHG (65) and HG (171) were studied. HG showed a higher BMI, possibly due to the presence of ascites (P = 0.001); an increase in the RMS of the rectus abdominis (P = 0.0001) and the RMS of the diaphragm (P = 0.030), and heart rate (P = 0.0001); while there was a decrease in levels of MEP, MIP (P = 0.0001), FEV1 and MEF 25-75% (P = 0.0001). Between patients on the transplant waiting list, 56 (32.7%) were submitted to liver transplantation during the study, and mortality in list was 12.9% (22 patients). Ascites were found only in the HG. Smoking habits, physical activity and pulmonary disease antecedents were not different in either group. The ROC curve showed that the RMS rectus abdominis was able to discriminate subjects with liver disease (area = 0.63, 95%CI: 0549 -0.725). Conclusion -sEMG, along with respiratory profile data, showed that the liver disease waiting list patients had a respiratory muscle impairment, which may lead to pulmonary complications in the postoperative transplant period / Doutorado / Fisiopatologia Cirúrgica / Doutora em Ciências
9

"Investigações sobre o controle neuromotor do músculo reto do abdome" / INVESTIGATIONS ABOUT THE NEUROMOTOR CONTROL OF THE RECTUS ABDOMINIS MUSCLE

Paulo Henrique Marchetti 11 March 2005 (has links)
O músculo reto do abdome é um importante músculo da parede abdominal, responsável pela estabilização e função da coluna, tanto em atividades atléticas quanto em atividades cotidianas. Entretanto, pouco se conhece sobre o controle neuromotor de tal estrutura em atividades voluntárias, como os exercícios abdominais, e como as diferentes tarefas agem na ativação segmentada das porções musculares do músculo reto do abdome. Em geral, a presente dissertação teve como objetivo investigar o controle neuromotor do músculo reto do abdome em diferentes tarefas voluntárias através de quatro experimentos. O primeiro experimento teve como objetivo descrever as características morfológicas do músculo reto do abdome, em particular sua área de secção transversa, ao longo do comprimento longitudinal do músculo, utilizando as imagens do projeto homem visível (NLM). O segundo experimento objetivou o mapeamento dos pontos motores para cada porção muscular. O terceiro experimento investigou o controle neuromotor das diversas porções musculares em tarefas isométricas de baixa intensidade. E por fim, o quarto experimento investigou o comportamento das porções musculares em diferentes tarefas isométricas em condição de fadiga neuromuscular. Baseado nos experimentos apresentados neste estudo pode-se concluir que o músculo reto do abdome é uma estrutura extremamente complexa em sua arquitetura, sendo caracterizada por diversas porções musculares que se interconectam através de aponeuroses tendíneas, onde, possivelmente nenhuma fibra muscular atravesse seus ventres. Devido a tal consideração, supõe-se que o controle das diversas porções, por sua independência anatômica, dependa de um aporte nervoso diferenciado para o controle motor. Assim, podem-se definir pelo menos um nervo para cada porção em ambos os ventres. Devido a tais considerações, se torna plausível considerar um controle neuromotor diferenciado de cada porção muscular, mas os experimentos relacionados à ativação muscular de baixa intensidade mostram um controle central compartilhado por todos os ventres e um ganho associado à tarefa para cada porção de forma distinta. Os resultados do experimento de indução de fadiga demonstraram diferenças no espectro, mostrando diferenças no controle neuromuscular em função das tarefas, mas não apresentou diferenças na análise temporal. Conclui-se, então, que existe uma ativação seletiva para cada porção muscular, embora não se consiga ativar apenas uma região do ventre muscular, em função do controle central associado. Deste modo, parece que a alteração da tarefa possui valor na alteração da ênfase para cada porção muscular, mas questiona-se o valor deste ganho para objetivos relacionados à força ou hipertrofia muscular. / The rectus abdominis is an important muscle of the abdominal wall; it is responsible for the stabilization and function of the spine, as to athletic activity as daily activity. However, we do not have enough knowledge about the neuromotor control of this structure in voluntary activities, like abdominal exercises and how different tasks alter the segmental activation of the different parts of the abdomen. The aims of the present dissertation were to investigate the neuromotor control of the rectus abdominis in different voluntary tasks by four experiments. The aim of the first experiment was to describe morphologic characteristics of the rectus abdominis, in particular its transverse cross section, using the visible human project (NLM). The aim of the second experiment was to define motor points to each portion of the rectus abdominis. The aim of the third experiment was to investigate the neuromotor control of the each portion of the rectus abdominis in isometric low intensity tasks. And, the fourth experiment investigated the behavior of the different portions of the rectus abdominis in different isometric tasks on neuromuscular fatigue. The present experiments showed that the rectus abdominis muscle has an extremely complex structure in its architecture, defined by different portions without connection one each other and it is defined by a lot of portions that connect by tendinius aponeuroses. It could be considered that the control of the different portions, by your anatomic characteristics, have different nerves to each portion that facilitates the motor control. We found at least one nerve to each portion. But it is possible that exist different neuromotor control to each portion, so the next experiments related to low intensity of the muscular activation showed a central control shared by all portions and the gain associated to each task. The result of the fatigue experiment showed differences on spectral analysis and changes in neuromuscular control by the tasks, but did not present differences on temporal analysis. In conclusion, there is selective activation to each muscular portion; however, it could not be activated only one portion of the rectus abdominis to a specific task. Therefore, it can be that the alteration of the task has an important value on each muscular portion, but it does not know if this gain has any value to strength and hypertrophy.
10

"Investigações sobre o controle neuromotor do músculo reto do abdome" / INVESTIGATIONS ABOUT THE NEUROMOTOR CONTROL OF THE RECTUS ABDOMINIS MUSCLE

Marchetti, Paulo Henrique 11 March 2005 (has links)
O músculo reto do abdome é um importante músculo da parede abdominal, responsável pela estabilização e função da coluna, tanto em atividades atléticas quanto em atividades cotidianas. Entretanto, pouco se conhece sobre o controle neuromotor de tal estrutura em atividades voluntárias, como os exercícios abdominais, e como as diferentes tarefas agem na ativação segmentada das porções musculares do músculo reto do abdome. Em geral, a presente dissertação teve como objetivo investigar o controle neuromotor do músculo reto do abdome em diferentes tarefas voluntárias através de quatro experimentos. O primeiro experimento teve como objetivo descrever as características morfológicas do músculo reto do abdome, em particular sua área de secção transversa, ao longo do comprimento longitudinal do músculo, utilizando as imagens do projeto homem visível (NLM). O segundo experimento objetivou o mapeamento dos pontos motores para cada porção muscular. O terceiro experimento investigou o controle neuromotor das diversas porções musculares em tarefas isométricas de baixa intensidade. E por fim, o quarto experimento investigou o comportamento das porções musculares em diferentes tarefas isométricas em condição de fadiga neuromuscular. Baseado nos experimentos apresentados neste estudo pode-se concluir que o músculo reto do abdome é uma estrutura extremamente complexa em sua arquitetura, sendo caracterizada por diversas porções musculares que se interconectam através de aponeuroses tendíneas, onde, possivelmente nenhuma fibra muscular atravesse seus ventres. Devido a tal consideração, supõe-se que o controle das diversas porções, por sua independência anatômica, dependa de um aporte nervoso diferenciado para o controle motor. Assim, podem-se definir pelo menos um nervo para cada porção em ambos os ventres. Devido a tais considerações, se torna plausível considerar um controle neuromotor diferenciado de cada porção muscular, mas os experimentos relacionados à ativação muscular de baixa intensidade mostram um controle central compartilhado por todos os ventres e um ganho associado à tarefa para cada porção de forma distinta. Os resultados do experimento de indução de fadiga demonstraram diferenças no espectro, mostrando diferenças no controle neuromuscular em função das tarefas, mas não apresentou diferenças na análise temporal. Conclui-se, então, que existe uma ativação seletiva para cada porção muscular, embora não se consiga ativar apenas uma região do ventre muscular, em função do controle central associado. Deste modo, parece que a alteração da tarefa possui valor na alteração da ênfase para cada porção muscular, mas questiona-se o valor deste ganho para objetivos relacionados à força ou hipertrofia muscular. / The rectus abdominis is an important muscle of the abdominal wall; it is responsible for the stabilization and function of the spine, as to athletic activity as daily activity. However, we do not have enough knowledge about the neuromotor control of this structure in voluntary activities, like abdominal exercises and how different tasks alter the segmental activation of the different parts of the abdomen. The aims of the present dissertation were to investigate the neuromotor control of the rectus abdominis in different voluntary tasks by four experiments. The aim of the first experiment was to describe morphologic characteristics of the rectus abdominis, in particular its transverse cross section, using the visible human project (NLM). The aim of the second experiment was to define motor points to each portion of the rectus abdominis. The aim of the third experiment was to investigate the neuromotor control of the each portion of the rectus abdominis in isometric low intensity tasks. And, the fourth experiment investigated the behavior of the different portions of the rectus abdominis in different isometric tasks on neuromuscular fatigue. The present experiments showed that the rectus abdominis muscle has an extremely complex structure in its architecture, defined by different portions without connection one each other and it is defined by a lot of portions that connect by tendinius aponeuroses. It could be considered that the control of the different portions, by your anatomic characteristics, have different nerves to each portion that facilitates the motor control. We found at least one nerve to each portion. But it is possible that exist different neuromotor control to each portion, so the next experiments related to low intensity of the muscular activation showed a central control shared by all portions and the gain associated to each task. The result of the fatigue experiment showed differences on spectral analysis and changes in neuromuscular control by the tasks, but did not present differences on temporal analysis. In conclusion, there is selective activation to each muscular portion; however, it could not be activated only one portion of the rectus abdominis to a specific task. Therefore, it can be that the alteration of the task has an important value on each muscular portion, but it does not know if this gain has any value to strength and hypertrophy.

Page generated in 0.0962 seconds