• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 11
  • Tagged with
  • 11
  • 11
  • 11
  • 9
  • 4
  • 4
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Estudo da diferença entre as curvas de título público prefixada em reais interna e externa brasileira

Costa, Daniel Barros Rodrigues 17 January 2008 (has links)
Made available in DSpace on 2010-04-20T21:00:17Z (GMT). No. of bitstreams: 3 danielcosta.pdf.jpg: 11957 bytes, checksum: 9c70f79e4dfbefba6856c68044c195fb (MD5) danielcosta.pdf: 519458 bytes, checksum: d52d6447c9acaaf0d6e32ca4b33c975c (MD5) danielcosta.pdf.txt: 92216 bytes, checksum: 8a01949dc19662a5e29a2dd27de6a755 (MD5) Previous issue date: 2008-01-17T00:00:00Z / Since September 2005 Brazil government sells fixed reais debt on offshore market. Those bonds trade at a price significantly above similar onshore debt. This disparities remains if we consider the differences of costs and tax between onshore and offshore markets. In February 2006 Brazil government exempted foreign investor to pay income tax in local fixed income sovereign debt. This paper quantifies the difference between onshore and offshore brazilian local currency debt yield curve. The analysis is done assuming the point of view of the foreign investor after costs and taxes. We show that a large fraction of the variability of this difference is explained by demand for local currency (measured by exchange rate) and interest rate exposure (local market curve). With this model, we quantified the impact in onshore curve of the foreign investor income tax exemption to be 0.15%. Applying Granger’s causality test (GRANGER, 1969) it was not possible to refute that offshore fixed reais curve cause onshore one. / O governo brasileiro desde setembro de 2005 emite dívida prefixada em reais no mercado externo (offshore). Desde então, este títulos são negociados em taxas significativamente abaixo das taxas dos títulos semelhantes no mercado interno. Estas diferenças permanecem grandes depois de levarmos em consideração as diferenças de custos de impostos entre os dois mercados. Em fevereiro de 2006 o governo brasileiro isentou o investidor estrangeiro do pagamento de imposto de renda no lucro obtido na compra de títulos públicos no mercado interno. Neste trabalho quantificamos, na visão de um investidor estrangeiro, a diferença líquida (descontados custos e impostos) entre as curvas de títulos públicos brasileiros prefixados em reais do mercado interno e externo. Mostramos que esta diferença pode ser largamente explicada por fatores como demanda pela moeda local (representada pela taxa de câmbio reais contra dólar) e nível de taxa de juros (representada pela curva interna). Utilizando o modelo proposto quantificamos em 0.15% o impacto na curva interna da medida que liberou o investidor estrangeiro do pagamento de imposto de renda. Aplicamos teste de causalidade de GRANGER (1969) e não conseguimos rejeitar a hipótese de que a curva prefixada externa em reais causa a curva interna.
2

A desoneração da dívida pública

Freixo, Manuel Jorge de 18 July 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2008-05-13T13:47:48Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2192.pdf: 556004 bytes, checksum: 125f16e8a18780f2a6f478035eb94b53 (MD5) Previous issue date: 2006-07-18 / O governo, para fazer frente a todos os seus inúmeros compromissos, necessita angariar recursos junto ao setor privado. Pode fazê-lo de diversas maneiras. A mais conhecida delas envolve a tributação. No entanto, para conferir o necessário caráter de compulsoriedade à arrecadação de tributos, torna-se imprescindível elaborar todo um sistema legal que venha ao encontro dos mais elevados princípios da administração pública. Uma outra forma de obtenção de recursos envolve a capacidade de contrair empréstimos que são garantidos, em sua grande maioria, pela emissão de papéis de dívida pública. Também neste caso, faz-se necessário observar ditames de ordem legal, que atuem como garantidores de direitos e deveres de todas as partes envolvidas. Pelo lado da utilização dos recursos arrecadados constatam-se, igualmente, restrições impostas pela observância de diversos dispositivos previstos em lei, que podem vir a limitar, em muito, a discricionariedade do administrador público no emprego do montante apurado. Exsurge, portanto, que, preliminarmente a qualquer estudo (referente a aspectos técnicos ou operacionais) que envolva a gestão da coisa pública, deve-se tentar compreender a função, a importância e as implicações que a estrutura legal vigente no País impõe. Explicitada essa etapa, analisam-se os aspectos técnicos e operacionais que o governo adota na administração da dívida pública. O objetivo do trabalho se delineia a partir da junção de todos esses aspectos. Sob a ótica do aplicador, o retorno dos seus investimentos em títulos públicos está sujeito a um determinado nível de tributação. O rendimento líquido obtido deverá ser de tal monta para que ele o julgue atrativo em comparação com os demais produtos de investimento do mercado. Sob a ótica do governo, a necessidade de financiamento faz com que seja oferecida uma taxa de juros que se mostre competitiva em relação às demais do mercado. A tributação incidente sobre os rendimentos dos títulos públicos (prevista em lei) pode vir a exercer, nesse ponto, uma função 'amortecedora'. Ao mesmo tempo em que o governo amplia o seu dispêndio ao pagar, na data de resgate, o principal e os juros pactuados, aufere, também e no mesmo momento, receita em um montante, que corresponde ao valor do tributo incidente sobre o rendimento, e que se constitui em receita derivada. Acontece que, mesmo essa receita, arrecadada pela União, está sujeita à repartição com outros entes federados, de acordo com dispositivos constitucionais, o que diminui o ganho efetivo que o Poder Central aufere com a tributação. Assim, o objetivo que se busca é o de investigar, analisar e, se possível, quantificar, as implicações (positivas e/ou negativas) que a desoneração da dívida pública poderia trazer no contexto da economia brasileira, incluídos aí, os aspectos financeiros, micro e macroeconômicos, formadores de preços, de contas nacionais (déficit/superávit primário), etc.
3

Leilão de títulos do Banco Central: análise de um instrumento

Salomon, Marcelo Figueiredo 30 May 1995 (has links)
Made available in DSpace on 2010-04-20T20:18:29Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 1995-05-30T00:00:00Z / Trata de examinar qual o melhor mecanismo de leilão para a venda de títulos públicos. Utilizando a Teoria de Jogos como modelo teórico analisa-se os pontos de equilíbrio dos diversos mecanismos fazendo considerações sobre a substituição do atual leilão discriminatório utilizado pelo Banco Central do Brasil.
4

Mercado secundário de títulos públicos: microestrutura, liquidez e spread de compra e venda para o mercado de LTNs no Brasil

Sá Júnior, Euridson de 30 August 2007 (has links)
Made available in DSpace on 2010-04-20T20:56:58Z (GMT). No. of bitstreams: 3 EuridsondeSaJr30082007.pdf.jpg: 13049 bytes, checksum: 4808d05119bc6848b16b52b0b7252ea8 (MD5) EuridsondeSaJr30082007.pdf.txt: 162466 bytes, checksum: 25651c9d22035e3e69d261b34283c1b9 (MD5) EuridsondeSaJr30082007.pdf: 348637 bytes, checksum: 8818c6407c9130859dca82a7ec272a1f (MD5) Previous issue date: 2007-08-30T00:00:00Z / This work comprises two parts. First part, it discusses and compares liquidity and market microstructure aspects from government securities in some countries as Brazil, Chile, Mexico, Korea, Poland and United States. The analyses uses some microstructure dimensions like the liquidity from secondary market (bid and ask spread, turnover to average outstanding stock and most important maturity), the efficiency costs, infrastructure and transparency from primary and secondary market and the market security. The goal is to describe the microstructure of secondary markets from theses countries and to compare with the microstructure of Brazilian secondary markets. Despite of low tenor from government securities the Brazilian secondary market presents microstructure like those countries that suggested other reasons avoiding enlarge tenors from prefixed securities. The second part of this work examines the liquidity of the local secondary market for the Brazilian government securities between 2003 to 2006 and the determinants of realized bid-ask spreads for secondary market of the LTNs – Letras do Tesouro Nacional between 2005 to 2006. The spreads were calculated from daily basis with high frequency database for 30 minutes period and one-day period. Overall, the liquidity is an important determinant of the realized bid-ask spread for the LTN market. Specifically, the bid-ask spread decreases when the volume increases. The bid-ask spread increases in the remaining-time-to-maturity of LTN. LTNs up to 30 days tenor presented average bid-ask spreads around 1 cents of reais (1.89 bp) and LTNs with two years tenor presented average bid-ask spreads around 54 cents of reais (3.84 bp) for 30 minutes period and 81 cents of reais (5.72 bp) for one day period. The econometric tests were performed based on a model presented by Chakravarty e Sarkar (1999) applied to USA bonds markets for the years 1995 to 1997. The tests were estimated by Generalized Method of Moments (GMM) technique. Our estimation and evaluation of liquidity measures for the Brazilian government securities market reveal that the simple bid-ask spread is a useful measure for assessing and tracking liquidity. / Este trabalho está dividido em dois ensaios. O primeiro ensaio examina aspectos da liquidez do mercado secundário de títulos públicos no Brasil no período 2003 a 2006 e os determinantes do spread de compra e venda no mercado secundário de LTN - Letra do Tesouro Nacional no período 2005 a 2006. Os spreads foram calculados com base em dados diários de alta freqüência, para períodos de 30 minutos e de um dia. Em linhas gerais, a liquidez é um determinante importante no cálculo do spread. Especificamente os spreads diminuem quando os volumes ofertados aumentam. No caso dos prazos de vencimento, os spreads aumentam quando os prazos se ampliam. LTNs com prazos de vencimentos até 30 dias apresentaram spreads de 1 centavo de reais (1.89 bp) enquanto que LTNs com prazos acima de dois anos apresentaram spreads médios em torno de 54 centavos de reais (3.84 bp) para intervalos de 30 minutos e 81 centavos de reais (5.72 bp) para intervalos de um dia. Os testes econométricos foram realizados com base em um modelo apresentado por Chakravarty e Sarkar (1999) e aplicado ao mercado americano de bonds no período de 1995 e 1997. Os testes foram feitos utilizando-se a técnica do Método dos Momentos Generalizados (GMM). Os resultados confirmam o spread de compra e venda como medida importante no acompanhamento da liquidez. O segundo ensaio compara aspectos da liquidez e da microestrutura do mercado de títulos públicos em alguns paises como Brasil, Chile, México, Coréia, Singapura, Polônia e Estados Unidos. A análise utiliza algumas dimensões da microestrutura como a liquidez do mercado secundário (spread de compra e venda, giro do estoque de títulos e vencimentos mais negociados), os custos de eficiência, a estrutura e transparência do mercado primário e secundário e, por último, a segurança do mercado. O objetivo é comparar as características e o funcionamento dos mercados secundários desses paises e, confrontar com a realidade do mercado brasileiro face ao desenvolvimento da microestrutura. Apesar da falta de alongamento dos prazos dos títulos públicos, o mercado secundário no Brasil apresenta aspectos da microestrutura semelhantes aos paises em consideração o que sugere a existência de outros fatores fora a microestrutura que limitam o aumento dos prazos. Os resultados do primeiro ensaio ajudam nas comparações dos demais paises. Como resultado, encontramos que embora a liquidez do mercado secundário de títulos públicos no Brasil concentra-se em papéis de prazo menor, este fato provavelmente não se deve a questões de microestrutura do mercado.
5

Inflação futura: uma análise comparativa entre as expectativas do focus e as inflações implícitas nos títulos públicos

Weber, Marcelo 30 June 2011 (has links)
Submitted by Marcelo Do Nascimento (marcelonbr@gmail.com) on 2011-08-01T17:33:10Z No. of bitstreams: 1 Dissertacao MPFE – Marcelo N.docx: 2785544 bytes, checksum: dcb6889530d539d192ef162a813e0a53 (MD5) / Approved for entry into archive by Vera Lúcia Mourão (vera.mourao@fgv.br) on 2011-08-01T17:44:13Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Dissertacao MPFE – Marcelo N.docx: 2785544 bytes, checksum: dcb6889530d539d192ef162a813e0a53 (MD5) / Approved for entry into archive by Vera Lúcia Mourão (vera.mourao@fgv.br) on 2011-08-01T17:46:02Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Dissertacao MPFE – Marcelo N.docx: 2785544 bytes, checksum: dcb6889530d539d192ef162a813e0a53 (MD5) / Made available in DSpace on 2011-08-01T17:50:59Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Dissertacao MPFE – Marcelo N.docx: 2785544 bytes, checksum: dcb6889530d539d192ef162a813e0a53 (MD5) Previous issue date: 2011-06-30 / As expectativas de inflação medidas pelos agentes passaram a ser fundamentais após a implantação do regime de metas inflacionárias pelo Banco Central. Este trabalho procura verificar o poder preditivo da inflação estimada pelos agentes que contribuem para as expectativas do Relatório Focus e as inflações medidas pelo diferencial entre títulos pré-fixados e cupons de títulos indexados ao IPCA, as chamadas inflações implícitas ou compensatórias. Procura-se verificar qual das variáveis apresenta melhor capacidade de previsão da inflação realizada através da constituição de modelos de regressão linear. Também se busca mostrar a acuidade dessas variáveis em intervalos de tempos futuros de 3 (três) a 30 (trinta) meses. O trabalho revela que as inflações implícitas são melhores estimadores que as inflações medidas pelo Focus para períodos mais longos acima de 9 (nove) meses, porém o último tem maior poder preditivo para horizontes curtos de até 6 (seis) meses.
6

A economia política do endividamento público em uma federação: um estudo comparativo entre o Brasil e os Estados Unidos

Ferreira, Ivan Fecury Sydrião 24 September 1998 (has links)
Made available in DSpace on 2010-04-20T20:17:24Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 1998-09-24T00:00:00Z / O trabalho versa sobre os incentivos e as restrições impostas para o endividamento no mercado de títulos públicos estaduais e municipais no Brasil e nos EUA. Desenvolve-se a discussão referente à competência para estabelecer restrições ao endividamento das esferas subnacionais
7

Três ensaios sobre liquidez do mercado secundário de títulos públicos no Brasil

Silva, Ana Lúcia Pinto da 01 July 2011 (has links)
Submitted by Ana Lúcia Silva (lucinhaps@uol.com.br) on 2011-08-01T19:14:26Z No. of bitstreams: 1 tese ana-lúcia.versão final.docx: 1254993 bytes, checksum: 3c56a43adf0c3460adff4afe8351a474 (MD5) / Approved for entry into archive by Gisele Isaura Hannickel (gisele.hannickel@fgv.br) on 2011-08-01T19:42:16Z (GMT) No. of bitstreams: 1 tese ana-lúcia.versão final.docx: 1254993 bytes, checksum: 3c56a43adf0c3460adff4afe8351a474 (MD5) / Approved for entry into archive by Gisele Isaura Hannickel (gisele.hannickel@fgv.br) on 2011-08-01T19:44:40Z (GMT) No. of bitstreams: 1 tese ana-lúcia.versão final.docx: 1254993 bytes, checksum: 3c56a43adf0c3460adff4afe8351a474 (MD5) / Made available in DSpace on 2011-08-02T11:08:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 tese ana-lúcia.versão final.docx: 1254993 bytes, checksum: 3c56a43adf0c3460adff4afe8351a474 (MD5) Previous issue date: 2011-07-01 / A tese tem como objetivo discutir a liquidez do mercado secundário de títulos da dívida pública no Brasil. Em três ensaios, defende que problemas de organização do mercado prejudicam a ampliação da liquidez e que a formação de preços nesse mercado acompanha as taxas do mercado futuro de depósitos interfinanceiros – DI futuro, e não o contrário, como esperado, já que a presença de títulos de elevada liquidez no mercado à vista é que deveria desenvolver o mercado futuro. O primeiro ensaio mede e estima os determinantes do bid-ask spread cotado (indicador de liquidez) para cada vértice de taxa de juros, tendo como referência os vencimentos dos títulos pré-fixados em cabeça de semestre: LTNs (LTN-13 e LTN-11) e NTNFs- (NTNF-17, NTNF-14). Mercados com menores spreads são mais líquidos, mercados com spreads maiores são menos líquidos. Os modelos empíricos foram estimados por meio de análises de séries de tempo. O trabalho utiliza o cálculo do bid-ask cotado para medir a liquidez dos títulos em análise, medido pela diferença entre o ask price e o bid price de fechamento do mercado. A estimação dos determinantes da liquidez de mercado foi realizada com base no método dos mínimos quadrados ordinários (MQO). O modelo testa se maturidade e volume de negócio determinam o bid-ask spread dos títulos. Mercados com menores spreads são mais líquidos do que mercados com maiores spreads. Os resultados mostram que a mediana e a média do bid-ask spread cotado crescem com a maturidade dos títulos. Os sinais dos parâmetros das regressões confirmam para a maioria dos vértices dos vértices analisados neste trabalho a hipótese inicial de que o bid-ask spread aumenta com a elevação maturidade e diminui com maior volume negociado, confirmando a hipótese de baixa liquidez dos títulos públicos no mercado secundário brasileiro. O segundo ensaio analisa uma singularidade relevante do mercado brasileiro: a dependência da formação dos preços e da taxa de juros no mercado secundário de títulos públicos (LTN e NTNF) em relação ao DI futuro. As variáveis utilizadas foram o bid-ask spread cotado e o volume negociado no mercado de títulos públicos e de DI futuro. O ensaio utiliza tanto o método de Granger (1969), que tem como suposto que as informações relevantes para a previsão das variáveis estão contidas exclusivamente nos dados das séries temporais destas mesmas variáveis, quanto o modelo de Geweke (1982) para testar a causalidade, simultaneidade e dependência linear entre as duas séries no tempo. Os resultados confirmam a hipótese inicial de que bid-ask spread e volume de títulos públicos possuem forte dependência do bid-ask spread e do volume para contratos de DI futuro de mesmo vencimento, dependência devida à causalidade do mercado de DI futuro para o mercado de títulos públicos para a maioria dos vértices analisados nesse trabalho, indicando que a taxa CDI é benchmark para a precificação dos títulos públicos. Uma possível explicação está nos fatores de microestrutura, que fazem com que esse mercado seja o mais conveniente para negociar risco de liquidez e de mercado. O terceiro ensaio discute as implicações do desenho institucional sobre a liquidez do mercado secundário de títulos públicos - mecanismos e regras de negociação, desenho dos títulos e base de investidores. Essas regras afetam a formação dos preços no mercado, definem as trocas, a dimensão da assimetria de informação e os custos de transação e do processo de negociação. Pela sua relevância, a organização do mercado de títulos públicos tem sido objeto de reformas em diversos países. O terceiro ensaio é finalizado com a análise das medidas adotadas no Brasil e de seus resultados.
8

A estrutura a termo da taxa de juros e a oferta de títulos públicos

Marinho, Carolina Ribeiro Veronesi 19 May 2011 (has links)
Submitted by Cristiane Shirayama (cristiane.shirayama@fgv.br) on 2011-08-20T19:03:03Z No. of bitstreams: 1 DISSERT_CAROLINA RIBEIRO VERONESE MARINHO.pdf: 751914 bytes, checksum: ca939f859bd1eccec552deb6102fbf7a (MD5) / Approved for entry into archive by Gisele Isaura Hannickel (gisele.hannickel@fgv.br) on 2011-08-22T12:09:09Z (GMT) No. of bitstreams: 1 DISSERT_CAROLINA RIBEIRO VERONESE MARINHO.pdf: 751914 bytes, checksum: ca939f859bd1eccec552deb6102fbf7a (MD5) / Approved for entry into archive by Gisele Isaura Hannickel (gisele.hannickel@fgv.br) on 2011-08-22T12:14:55Z (GMT) No. of bitstreams: 1 DISSERT_CAROLINA RIBEIRO VERONESE MARINHO.pdf: 751914 bytes, checksum: ca939f859bd1eccec552deb6102fbf7a (MD5) / Made available in DSpace on 2011-08-22T12:21:14Z (GMT). No. of bitstreams: 1 DISSERT_CAROLINA RIBEIRO VERONESE MARINHO.pdf: 751914 bytes, checksum: ca939f859bd1eccec552deb6102fbf7a (MD5) Previous issue date: 2011-05-19 / This paper’s proposal is to analyze how bond supply is likely to affect yields and the excess return of government bonds. Thus, the study is based on a model built around three agents: the government, preferred habitat investors and arbitrageurs. Consistent with the model, when the government changes the relative maturity of its debt, the entire term structure is affected and the result is intensified for long-term maturities. In addition, results were stronger for almost all maturities when excess return is analyzed. / O presente trabalho tem o objetivo analisar como a oferta de dívida pública é capaz de afetar os yields e o excesso de retorno de títulos públicos. Para tanto, o estudo é baseado em um modelo construído em torno de três agentes, sendo eles o Governo, os investidores com preferência por maturidades específicas e os arbitradores. Consistente com o modelo, observamos que quando o Governo altera a maturidade relativa de sua dívida, toda a estrutura a termo é afetada e esse resultado se intensifica para títulos mais longos. Além disso, os resultados se mostraram mais fortes para quase todas as maturidades quando o excesso de retorno é analisado.
9

Incerteza e dívida pública prefixada no Brasil

Gaya, Paulo Roberto de Oliveira January 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2009-11-18T18:56:40Z (GMT). No. of bitstreams: 1 ACF32F.pdf: 148209 bytes, checksum: e32d7f3dcebc75d9b0ccb0db13e7d7c7 (MD5) Previous issue date: 2006 / This study analyses the bids¿ dispersion in fixed income government securities auctions issued by the National Treasury of Brazil. We try to estimate the bids¿ variance based on factors that may forecast its movement. We hope to help the security issuer by offering more data before the auction. The basic idea is to relate the market uncertainty with the primary auction of government securities. Results indicates the importance of uncertainty on the bidding decisions. It shows also the need for a liquid secondary market to the selling of long-term fixed income securities. / Neste trabalho, buscamos analisar a dispersão das propostas em leilões de títulos públicos prefixados do Tesouro Nacional do Brasil. Tentamos estimar a variância das propostas baseados em fatores que possam prenunciar sua movimentação, como taxa de juros e mercado secundário de títulos. Nossa análise pretende ser uma fonte de informações para o ofertante de títulos, auxiliando-o na condução do leilão. Faremos um estudo sobre a influência da incerteza no mercado sobre a emissão primária de dívida pública. O trabalho evidencia o impacto que a incerteza, representada pela dispersão das propostas dos leilões, tem nas decisões de aquisição de títulos públicos prefixados pelas instituições. Evidencia também a importância da liquidez do mercado secundário para a demanda de papéis prefixados mais longos.
10

Intervenções fiscais em uma economia monetária: um estudo do caso brasileiro

Wang, Henrique Yu Jiunn 25 August 2015 (has links)
Submitted by Henrique Yu Jiunn Wang (henriqueyjw@gmail.com) on 2015-09-21T21:41:16Z No. of bitstreams: 1 Intervenções fiscais em uma economia monetária- um estudo do caso brasileiro.pdf: 13075665 bytes, checksum: 460672073307c2ae8ff746ee1b17f376 (MD5) / Rejected by Renata de Souza Nascimento (renata.souza@fgv.br), reason: Henrique, Será necessário fazer alguns ajustes na formatação das primeiras páginas de seu trabalho, pois não não está de acordo com as normas da ABNT. Encaminharemos as orientações por e-mail. Att on 2015-09-21T22:15:38Z (GMT) / Submitted by Henrique Yu Jiunn Wang (henriqueyjw@gmail.com) on 2015-09-21T23:15:53Z No. of bitstreams: 1 Intervenções fiscais em uma economia monetária- um estudo do caso brasileiro.pdf: 13079987 bytes, checksum: 7b8cba8ba1620901c7863edbd398d23c (MD5) / Approved for entry into archive by Renata de Souza Nascimento (renata.souza@fgv.br) on 2015-09-21T23:18:19Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Intervenções fiscais em uma economia monetária- um estudo do caso brasileiro.pdf: 13079987 bytes, checksum: 7b8cba8ba1620901c7863edbd398d23c (MD5) / Made available in DSpace on 2015-09-22T13:56:45Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Intervenções fiscais em uma economia monetária- um estudo do caso brasileiro.pdf: 13079987 bytes, checksum: 7b8cba8ba1620901c7863edbd398d23c (MD5) Previous issue date: 2015-08-25 / In this study, we consider an economy where the determination of fiscal and monetary policies are subject to the budget constraint of the government, seen as a consolidated agent that incorporates the executive and the central bank. We study how changes in the growth rate and composition of government liabilities (currency and governmental bonds) affect prices, interest rates, and economic activity. We are particularly interested in analyzing how these effects are affected by changes in the relative liquidity of government bonds. A central result of this work is that increases in the degree of liquidity of government bonds positively affect economic activity and the financing of public debt. We describe this last aspect with an example reflecting the case of the Brazilian economy. / Neste estudo consideramos uma economia onde a determinação das políticas fiscais e monetárias estão sujeitas à restrição orçamentária do governo, visto como um agente consolidado que incorpora o executivo e o banco central. Nós estudamos como mudanças na taxa de crescimento e na composição do passivo governamental (moeda e títulos) afetam preços, juros, e atividade econômica. Estamos particularmente interessados em analisar como estes efeitos são afetados por mudanças na liquidez relativa dos títulos públicos. Um resultado central deste trabalho é que aumentos no grau de liquidez dos títulos públicos afetam positivamente a atividade econômica e o financiamento da dívida pública. Descrevemos este último aspecto com um exemplo refletindo o caso da economia brasileira.

Page generated in 0.0535 seconds