• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 4392
  • 75
  • 50
  • 43
  • 43
  • 41
  • 40
  • 14
  • 11
  • 7
  • 7
  • 6
  • 5
  • 3
  • 3
  • Tagged with
  • 4592
  • 3073
  • 1643
  • 825
  • 793
  • 718
  • 717
  • 593
  • 546
  • 418
  • 402
  • 369
  • 360
  • 353
  • 332
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

O senhor dos anéis : a tradutora na obra traduzida /

Silva, Patrícia Mara da. January 2005 (has links)
Orientador: Cristina Carneiro Rodrigues / Banca: Lenita Maria Rimoli Esteves / Banca: Álvaro Luiz Hattnher / Resumo: Para realizar a tradução, o tradutor lê o texto que se propõe a traduzir, interpretando-o segundo fatores que são de naturezas diversas. Essa interpretação guiará todo o trabalho de escritura desse texto na língua para a qual será traduzido e será fruto da forma como o tradutor concebe o mundo, forma esta que está inevitavelmente ligada aos fatores que o constituem como sujeito: as crenças e valores da sociedade e da época em que vive, além de sua experiência de vida, suas crenças e valores. Assim, determinado por todos esses fatores, o tradutor escreve-se, inevitavelmente, no texto que produz e essa inscrição constitui o tema principal desta pesquisa. Fundamentando-se na desconstrução promovida por Jacques Derrida, no resíduo, relacionado à tradução por Lawrence Venuti e na singularidade, proposta por Maria Paula Frota, o objetivo geral deste trabalho é estudar as inscrições do tradutor na tradução, analisando-as sob o ponto de vista teórico e apresentando também a perspectiva da tradutora Lenita Maria Rímoli Esteves sobre sua prática, já que esta, não sendo mais considerada "invisível", é vista como parte determinante da tradução. Além disso, busco verificar de que forma essas inscrições são perceptíveis em um de seus trabalhos, a tradução do livro The lord of the rings, obra do escritor John Ronald Reuel Tolkien, traduzida por Esteves para o português com o título de O senhor dos anéis. / Abstract: In order to translate a text, the translator reads and interprets it according different factors. This interpretation guides all the writing work of the text into the language it will be translated. In addition, the interpretation will be the result of the translator's world conception, which is inevitably associated with the factors that constitute him as a subject: the beliefs and values of the society and the time in which he/she lives, and his/her own life experience, beliefs and values. So, under the influence of these factors, the translator writes him/herself in the text produced and this inscription is the main topic of this research. Based on Jacques Derrida's deconstruction, on the remainder (linked with translation by Lawrence Venuti) and on Maria Paula Frota's singularity, the aim of this work is to study the translator's inscriptions on his/her work. These inscriptions will be analyzed from the theory point of view and I will also present the ideas of the translator Maria Lenita Rímoli Esteves about her practice, which are important because the translator is not considered to be "invisible" anymore, but a part of the translation process. Furthermore, I intend to verify the way in which these inscriptions are perceived in one of her works, a Portuguese translation of The lord of the rings, by John Ronald Ruel Tolkien. / Mestre
2

Darcy Ribeiro in Italia

Zornetta, Katia January 2015 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, Florianópolis, 2015. / Made available in DSpace on 2016-01-15T14:49:12Z (GMT). No. of bitstreams: 1 336882.pdf: 13050885 bytes, checksum: b1cc7253d5a215dc704159225efb74ed (MD5) Previous issue date: 2015 / Esta tese de doutorado tem por objetivo apresentar um estudo descritivo de dois romances de Darcy Ribeiro: Maíra, publicado em 1979, e Utopia selvagem, editado em 1987, ambos traduzidos por Daniela Ferioli. Além de poder identificar algumas das normas vigentes que estavam na base da tradução literária na Itália entre os anos 70 e 90 do século XX, procura-se reconstruir o sistema cultural italiano em que as traduções se inserem, a partir das perspectivas da teoria do polissistema de Itamar Even-Zohar (1990) e do conceito de norma proposta por Gideon Toury (1995). Esta tese objetiva também descrever a presença de Darcy Ribeiro, um dos mais importantes intelectuais brasileiro, do sistema cultural italiano no período que vai de 1973, ano em que aparecem as primeiras traduções italianas (Il processo civilizzatore. Milano: Feltrinelli, e In difesa delle civiltà-indios. Milano: Jaca Book) até 2007, quando é publicada a última tradução, Brasile. L epopea di un popolo-nazione (Cagliari: Fabula Editore). Durante este período, são publicadas na Itália apenas oito traduções da extensaobra de Darcy Ribeiro, que podem ser divididas em dois blocos: cinco ensaios que compõem os Estudos de Antropologia da Civilização e três romances. Ao fazer o levantamento das obras traduzidas, observa-se que a Itália traduz em um primeiro momento, nos anos 70, o Ribeiro antropólogo e ensaísta e, depois, nos anos 80, o Ribeiro romancista. Ademais, as traduções divulgadas no sistema cultural italiano refletem a imagem que se passou de Darcy Ribeiro, conhecido sobretudo como antropólogo e político latino-americano, mas também como defensor dos índios, atividade que se reflete na sua obra literária. Além destas duas imagens, Ribeiro é também representado como  o brasileiro , aquele que bem expressa o Brasil e seu povo. Apesar do número limitado de traduções para o italiano e da sua importância dentro do sistema cultural italiano, observa-se que Darcy Ribeiro foi traduzido na Itália entre os anos 70 e final dos anos 80 do século XX, diminuindo sensivelmente a circulação da sua obra no decorrer do tempo. Tal fato está diretamente relacionado ao momento histórico e às exigências de um público específico. Esta teseé dividida em três capítulos.O primeiro capítulo,  Darcy Ribeiro, un interprete del Brasile in Italia , divide-se em três partes:  1.1. Darcy Ribeiro, intellettuale poliedrico apresenta elementos biográficos do autor, além da sua intensa produção, evidenciando as relações intelectuais e literárias com diversos autores contemporâneos. Apesar da heterogeneidade da sua obra, destaca-se a existência de elos de ligação entre os diferentes âmbitos pelos quais se interessou, refletindo-se nos romances, como será demonstrado no segundo capítulo. Em  1.2. Darcy Ribeiro nel sistema culturale italiano , destaca-se a presença de Darcy Ribeiro no sistema cultural italiano através das traduções para o italiano, considerando quais traduções foram divulgadas, por quem e como foram apresentadas. Aqui é descrita a situação histórico-política e a cultural do contexto italiano dos anos 70 e 90. Enquanto em  1.3. La ricezione critica italiana , demonstra-se a apreciação que Darcy Ribeiro teve na Itália evidenciando a imagem dele que foi passada em artigos acadêmicos, periódicos e paratextos que acompanham as traduções italianas. O segundo capítulo,  I romanzi di Darcy Ribeiro , é o estudo da parte literária da obra de Darcy Ribeiro e do gênero romance dentro do sistema cultural italiano (2.1. Il romanzo latinoamericano nel sistema culturale italiano). Na parte  2.2. Il romanzo ribeiriano: indianista e/o indigenista? , são destacadas as relações dos romances de Darcy Ribeiro com o romance indianista/indigenista e em parte com o latino-americano, evidenciando as características destas correntes e como se refletem em Maíra e Utopia selvaggia. Em  2.3. I romanzi di Darcy Ribeiro , são apresentados os quatro romances do Autor (Maíra, O mulo, Utopia selvagem, Migo) destacando como as diversas facetas da atividade intelectual de Ribeiro se compenetram e se completam nessa parte da sua produção. O terceiro capítulo,  Analisi descrittive delle traduzioni italiane dei romanzi Maíra e Utopia selvaggia , baseado no modelo teórico proposto por José Lambert e Van Gorp (1985), orientado ao sistema de chegada, apresenta a análise descritiva das traduções Maíra e Utopia selvaggia. Antes de entrar na análise propriamente dita, no subcapítulo  3.1. Daniela Ferioli: traduttrice letteraria , é apresentada a atividade da tradutora, dando atenção à sua poética e experiência da tradução, que será explicitada durante a análise descritiva pontual das traduções dos dois romances (Maíra e Utopia selvaggia). A partir da análise de descrições etnográficas escolhidas precedentemente e presentes nos dois romances, se levará à comparação das traduções com os respetivos textos fonte, com que se procurarão as recorrências, estudadas no nível preliminar (3.2.  Analisi descrittiva delle traduzioni dei romanzi Maíra e Utopia selvaggia ), no nível macroestrutural (3.3.  La macrostruttura dei testi tradotti ) e no nível microestrutural (3.4.  La microstruttura dei testi tradotti ). Em nível preliminar, são analisadas as traduções a partir do aparato paratextual e escolhas editoriais, antes considerando Maíra, depois Utopia selvaggia. As recorrências e normas registradas durante a análise das duas traduções serão comparadas e descritas para criar as primeiras hipóteses, que serão confirmadas ou não durante as fases sucessivas da análise. Esta estrutura será respeitada durante a análise em nível macroestrutural e no microestrutural. Portanto, durante o estudo descritivo, se efetuará uma análise contrastiva entre o texto traduzido e seu respetivo texto fonte, desenvolvendo uma análise que leva à descrição e ao comentário dos procedimentos tradutivos adotados por Daniela Ferioli, assim como será possível a reconstrução de uma parte das normas tradutórias que regulavam a tradução literária entre a década de 70 e 90 do século XX. Seguirão as considerações finais em que se refletirá sobre a análise feita durante este estudo e os resultados atingidos, confirmando ou não as hipóteses iniciais.<br> / Riassunto : Questa tesi di dottoratosi propone come contributo per lo studio descrittivo della traduzione letteraria in Italia attraverso l´'analisi di due romanzi di Darcy Ribeiro: Maíra, pubblicato nel 1979, e Utopia selvaggia, editato invece nel 1987, entrambi tradotti da Daniela Ferioli. Oltre a poter identificare alcune delle norme dominanti che stavano alla base della traduzione letteraria in Italia fra gli anni Settanta e Novanta del Ventesimo secolo, si vuole anche poter ricostruire il sistema culturaleitaliano in cui le suddette traduzioni si inseriscono. Per questo lo studio sarà fatto a partire dalle prospettive della teoria del polisistema di Itamar Even-Zohar (1990) e del concetto di norma proposto da Gideon Toury (1995). La metodologia usata per l'analisi descrittiva delle traduzioni si basa principalmente sul modello teorico proposto da José Lambert (1985), il quale porterà alla comparazione delle traduzioni con i loro testi fonte, da cui saranno individuate ricorrenze, studiate poi a livello preliminare, macrostrutturale e microstrutturale. L?analisi fatta renderà possibile la ricostruzione di una parte delle norme che regolavano la traduzione letteraria fra i decenni del Settanta e Novanta del Ventesimo secolo e porterà a riflettere sulla poetica traduttiva di Daniela Ferioli.
3

Interpretação constitucional e transconstitucionalismo: perspectivas sistêmicas

Vieira, Gustavo Adolfo Menezes January 2013 (has links)
182 f. / Submitted by Ana Valéria de Jesus Moura (anavaleria_131@hotmail.com) on 2013-06-28T18:37:56Z No. of bitstreams: 1 VIEIRA, Gustavo. Interpretação constitucional e transconstitucionalismo -REDAÇÃO FINAL.pdf: 1422175 bytes, checksum: f258fd1c059ad796b022eaca738629df (MD5) / Approved for entry into archive by Ana Valéria de Jesus Moura(anavaleria_131@hotmail.com) on 2013-06-28T18:38:39Z (GMT) No. of bitstreams: 1 VIEIRA, Gustavo. Interpretação constitucional e transconstitucionalismo -REDAÇÃO FINAL.pdf: 1422175 bytes, checksum: f258fd1c059ad796b022eaca738629df (MD5) / Made available in DSpace on 2013-06-28T18:38:39Z (GMT). No. of bitstreams: 1 VIEIRA, Gustavo. Interpretação constitucional e transconstitucionalismo -REDAÇÃO FINAL.pdf: 1422175 bytes, checksum: f258fd1c059ad796b022eaca738629df (MD5) Previous issue date: 2013 / A presente dissertação tem como objeto analisar os novos desafios da interpretação constitucional em um contexto de cada vez maior (des) integração da sociedade mundial. O incremento hodierno de relações transfronteiras impinge uma abertura autopoiética da Constituição para além do Estado, haja vista que os problemas centrais que levaram a eclosão do constitucionalismo (limitação dos poderes e garantia de direitos) são comuns (quando não idênticos) a diversas ordens normativas no plano mundial. A questão que urge, desse modo, consiste em como dialogar as tensões imanentes entre a exceção solipsista soberana e as pressões de sentido normativo decorrentes de regimes jurídicos globais. Nesse quadro, o transconstitucionalismo surge como opção teórica de fundo sistêmico, situada em um ambiente no qual a interpretação constitucional encontra-se em crise, “estilhaçada” por diversas outras pretensões de juridicidade. A alternativa transconstitucional coloca então, a partir do conceito sistêmico de acomplamento estrutural, a Constituição como mecanismo promotor de racionalidade transversal entre sistema jurídico e político, capaz de transacionar múltiplas complexidades em um todo coerente. O transconstitucionalismo promove assim uma mudança paradigmática voltada a vetores de globalidade, de modo a estabelecer conversações jurídicas de natureza cooperativa e heterárquica, voltadas à máxima convergência congruente de expectativas sociais. O presente trabalho propõe, portanto, uma perspectiva holista de interpretação (trans) constitucional que possibilita insights criativos, mediante transigência mútua entre ordens normativas diversas no sistema global. / Salvador
4

Para uma pedagogia da tradução

Fobe, Nair Leme, 1933- 14 July 2018 (has links)
Orientador: Joaquim Brasil Fontes Junior / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação / Made available in DSpace on 2018-07-14T22:38:09Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Fobe_NairLeme_M.pdf: 3414712 bytes, checksum: b7e096e7b598a9c518ba15f45e6efe01 (MD5) Previous issue date: 1981 / Resumo: Não informado. / Abstract: Not informed. / Mestrado / Filosofia e História da Educação / Mestre em Educação
5

Tradução comentada de Milton de William Blake

Steil, Juliana January 2011 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão. Programa de Pós-graduação em Estudos da Tradução / Made available in DSpace on 2012-10-26T00:41:25Z (GMT). No. of bitstreams: 1 299876.pdf: 2307924 bytes, checksum: 1a2a31ac21f25e65ff1cbd74e5c950b9 (MD5) / Partindo de uma análise do percurso da tradução das obras de William Blake no sistema literário brasileiro, esse trabalho discute uma proposta de tradução de Milton, uma das três maiores profecias do autor, como uma possibilidade de reescrita complementar às reescritas existentes do poeta inglês no Brasil. Fornecem dados para essa discussão a própria tradução de Milton e seu confronto com a tradução do mesmo livro realizada por Manuel Portela (Blake, 2009b). Na proposta de tradução apresentada neste trabalho, o ritmo, a pontuação, o uso de adjetivos, as repetições, as aliterações e consonâncias e os nomes próprios são identificados como algumas das características relevantes na totalidade do texto de Milton, e o estudo crítico sobre a obra e seu autor é considerado fundamental para determinar tanto as escolhas de tradução em nível textual como o perfil geral da reescrita
6

Análise da sonoridade na prosa de Charles Dickens em três traduções de "The Chimes"

Juvenal, Janaína Darós January 2011 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão. Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução / Made available in DSpace on 2012-10-26T02:53:13Z (GMT). No. of bitstreams: 1 301707.pdf: 526441 bytes, checksum: 2d4eb233e2974df3890c5955d352c0f1 (MD5) / Esta dissertação consiste na análise dos elementos sonoros presentes na obra The Chimes (1844) do autor inglês Charles Dickens (1812-1870) e em três traduções desta para a Língua Portuguesa, com base em reflexões teóricas de Eija Ventola, entre outros, a respeito da tradução da sonoridade presente na prosa literária. Aliteração, consonância, assonância, rima e ritmo são elementos sonoros comuns em textos poéticos, mas também se apresentam como parte intrínseca da prosa dickensiana. Os tradutores brasileiros José Paulo Paes e Elsie Lessa e a portuguesa Lucília Filipe têm suas traduções de The Chimes comparadas ao texto de Dickens e analisadas, através de 15 trechos extraídos da obra em estudo, sob a ótica do trato dos elementos sonoros. A título de embasamento para a análise proposta, contempla-se ainda, nesta pesquisa, o contexto histórico da trajetória de Charles Dickens paralelo à apresentação de suas obras, de seu estilo e de um quadro panorâmico de traduções de suas principais obras ao português. / This master´s thesis consists of the analyses of the sound elements present in the story the Chimes (1844) by the English writer Charles Dickens (1812-1870) and in three translations into Portuguese based on theoretical reflection of Eija Ventola´s and others´ related to sound translation in literary prose. Alliteration, consonance, assonance, rhyme and rhythm are sound elements very common in poetic texts, but they are also used as intrinsic part of Dickens´s prose. The Brazilian translators José Paulo Paes and Elsie Lessa as well as the Portuguese Lucília Filipe have their translations of The Chimes compared and analyzed to Dickens´s text through 15 parts of the story in study under the vision of the treatment of the sound elements. As a base to the proposed analyses, there is also in this research the historical context of Charles Dickens´s trajectory parallel to the presentation of his works, his style and a panoramic board with the translation of his main works in Portuguese.
7

O livro siríaco de Daniel : texto, tradução e comentário

Ramos, Marcus Vinicius 22 August 2014 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Programa de Pós-Graduação em História, 2014. / Submitted by Ana Cristina Barbosa da Silva (annabds@hotmail.com) on 2015-03-02T15:40:32Z No. of bitstreams: 1 2014_MarcusViniciusRamos.pdf: 9932656 bytes, checksum: 06902d593142aac49e73ef79e3f4989b (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana(raquelviana@bce.unb.br) on 2015-03-04T16:56:08Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2014_MarcusViniciusRamos.pdf: 9932656 bytes, checksum: 06902d593142aac49e73ef79e3f4989b (MD5) / Made available in DSpace on 2015-03-04T16:56:08Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2014_MarcusViniciusRamos.pdf: 9932656 bytes, checksum: 06902d593142aac49e73ef79e3f4989b (MD5) / Tradicionalmente associados a uma “literatura de resistência”, os apocalipses vêm sendo tratados nas últimas décadas como um gênero exclusivamente literário e sob essa óptica têm sido predominantemente colocadas as questões textuais e exegéticas, isolados os modos de pensamento e identificados os contextos sociais desses textos. Tal enquadramento nem sempre se ajusta, no entanto, aos apocalipses escritos nos primeiros séculos da era comum, especialmente no caso daqueles atribuídos a Daniel. Compostos em diversas línguas e em sua maioria, sem sinais de dependência mútua, muitos desses textos recorrem a tradições diferentes, como a vinda do Anticristo e a revolta dos “povos do norte” ao final dos tempos, liderada por Gog e Magog. O Apocalipse Siríaco de Daniel, virtualmente desconhecido até o início deste século, corresponde a um desses exemplos: seu texto é utilizada nesta tese como uma ferramenta de pesquisa para um melhor entendimento da história da cristandade siríaca do século VII. Os seguintes aspectos são aqui considerados: (1) – A recepção do texto canônico de Daniel na cristandade dos primeiros séculos; (2) – As origens e associações de Gog, Magog e o Anticristo; (3) – O texto original do Apocalipse Siríaco de Daniel e sua tradução para o português; e (4) – Considerações críticas sobre o Apocalipse Siríaco de Daniel. Os achados indicam que o Apocalipse Siríaco de Daniel, focado no fim iminente da História, não oferecia a esperança necessária, definida em termos políticos, para a sobrevivência do Império Bizantino. _____________________________________________________________________________________ ABSTRACT / Traditionally considered a “literature of resistance”, the apocalypses have been treated over the past decades as a purely literary genre. Under this understanding, those studying these texts foregrounded textual and exegetical issues, isolated the modes of thought, and identified their social contexts. This framework does not always suit, however, many apocalypses written in the early centuries of the Common Era, especially those assigned to Daniel. Composed in various languages and mostly without signs of mutual dependence, many of these texts are supported by different traditions, such as the coming of Antichrist or the “revolt of the peoples of the north” at the end of times, led by Gog and Magog. The Syriac Apocalypse of Daniel, virtually unknown until early this century, seems to be one of them: its text is used in this thesis as a research tool for better understanding the history of the Syriac Christianity in the seventh century. The following issues are considered here: (1) The reception of the Book of Daniel in the early church; (2) The origins and associations of Gog, Magog and Antichrist; (3) The original text of the Syriac Apocalypse of Daniel and its translation into Portuguese; and (4) A critical commentary on the Syriac Apocalypse of Daniel. The findings indicate that the Syriac Apocalypse of Daniel, focused on the imminent end of history, did not provide the necessary hope, defined in political terms, for the survival of the Byzantine Empire.
8

Investigando jerônimos : a representação do tradutor como personagem em narrativas contemporâneas

Querido, Alessandra Matias 29 August 2011 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Teoria Literária e Literaturas, 2011. / Submitted by Jaqueline Ferreira de Souza (jaquefs.braz@gmail.com) on 2012-09-05T11:07:59Z No. of bitstreams: 1 2011_AlessandraMatiasQuerido.pdf: 2074034 bytes, checksum: 96fd70d6b8657edc3123268f577ac8ae (MD5) / Approved for entry into archive by Jaqueline Ferreira de Souza(jaquefs.braz@gmail.com) on 2012-09-05T11:08:33Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2011_AlessandraMatiasQuerido.pdf: 2074034 bytes, checksum: 96fd70d6b8657edc3123268f577ac8ae (MD5) / Made available in DSpace on 2012-09-05T11:08:33Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2011_AlessandraMatiasQuerido.pdf: 2074034 bytes, checksum: 96fd70d6b8657edc3123268f577ac8ae (MD5) / O objetivo desta tese é traçar um panorama da representação do tradutor como personagem em narrativas contemporâneas, tendo por base os Estudos de Tradução e a Teoria Literária. O tradutor atua como mediador em diversos campos do conhecimento e em todas as épocas, contudo, poucas parecem ser as reflexões acerca da representação do tradutor como personagem e que implicações ela pode ter sobre a percepção que ele tem de si mesmo e o valor que é dado à profissão em termos sociais. Neste sentido, por meio dos textos literários, discutimos acerca da identidade híbrida ou líquida do tradutor, seu poder simbólico e a maneira como ele é visto na sociedade. O presente estudo aborda narrativas que tratam desde questões relativas às considerações subjetivas do tradutor até a forma como ele exerce seu papel e se torna visível. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The aim of this study is to provide an outlook at the representation of translators as fictional characters in contemporary narratives, based on Translation Studies discussions and on Literary Theory. The translator has always been a mediator in different fields of knowledge through time, however there are few studies about the way he/she is represented as a fictional character and what this representation can bring in terms of theoretical discussion about the profession. It is important to observe if it affects the way translators see themselves and how their image and professional value are perceived in society. We can discuss these topics through literary texts, paying attention to translator‘s hybrid or liquid identity, his/her symbolic power and visibility. This research presents analysis of narratives that show translators thinking about their personal issues and also those that bring about questions on the profession and how it is seen in social terms.
9

Direito adquirido: da interpretação constitucionala uma interpretação política pelo Supremo TribunalFederal na taxação dos inativos

ROCHA, Sabrina Araújo Feitoza Fernandes January 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T17:21:48Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo5917_1.pdf: 550930 bytes, checksum: 68de52fc4d882fb97755cab209bcd691 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2006 / O instituto do direito adquirido me despertou interesse desde muito cedo, ainda como estudante de graduação da Faculdade de Direito do Recife. Tornou-se ainda mais instigante quando o cenário jurídico e político sinalizavam para uma mudança revolucionária no seu tratamento. Neste contexto, as pretensões nesta pesquisa científica não se exaurem na defesa dos direitos adquiridos como valores históricos consolidados, o que nos interessa é comprovar a possibilidade de proteção dos mesmos às gerações futuras, mesmo diante da frenética necessidade de adequar valores e interesses, compatibilizando regras e comportamentos à nova realidade social, sem atingir bens juridicamente tutelados e conquistados a base de muita luta e sangue derramados. O tratamento da matéria não é pacífico. Mesmo tendo o nosso Tribunal de Cúpula decidido de forma contrária a nossa tese, tentaremos neste breve estudo demonstrar que, como cidadãos, temos a obrigação de não calar diante de irregularidades ou arbitrariedades cometidas pelos detentores do poder estatal. A nossa inquietação a respeito do tema proposto inova ao trazer para os debates jurídicos a proteção destes direitos sob um enfoque sociológico, por envolver interesses relevantes e antagônicos, materializando-se como realidade que não pode ser ignorada ou contestada
10

A busca da ordem em The mimic men

Rabelo, Ana Maria Castelo Branco 08 October 2010 (has links)
No description available.

Page generated in 0.1014 seconds