• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 12
  • 1
  • Tagged with
  • 13
  • 10
  • 6
  • 6
  • 5
  • 5
  • 4
  • 4
  • 4
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Espacialidades em configurações de dança: possibilidades e considerações

Guzman, Thulio Jorge Silva January 2015 (has links)
Submitted by Diana Alves (ppgdancaufba.adm@gmail.com) on 2016-08-12T12:10:41Z No. of bitstreams: 1 Dissertação Thulio Guzman.pdf: 1054810 bytes, checksum: 022e8b995281e81a2a477c302a87157f (MD5) / Approved for entry into archive by Alda Lima da Silva (sivalda@ufba.br) on 2016-08-12T18:09:53Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Dissertação Thulio Guzman.pdf: 1054810 bytes, checksum: 022e8b995281e81a2a477c302a87157f (MD5) / Made available in DSpace on 2016-08-12T18:09:53Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Dissertação Thulio Guzman.pdf: 1054810 bytes, checksum: 022e8b995281e81a2a477c302a87157f (MD5) / O estudo apresentado nesta dissertação tem por objetivo auxiliar a observação de espacialidades em configurações de dança, a partir de revisões teóricas via proposição/experimentação de parâmetros que contribuam para atualizações acerca do entendimento do espaço na dança. A ideia de espacialidades que orienta a pesquisa dialoga com autores da comunicação e da dança, que nos possibilitam compreender o espaço nas suas configurações, enquanto processo dinâmico de representações das relações entre corpo e ambiente. Dessa maneira, pretende-se questionar o espaço entendido como local de apresentação, fixo, neutro ou dado a priori, para percebê-lo na maneira em que se constrói e comunica enquanto processo dinâmico de interações, considerando corpo e espaço como codeterminantes nas suas feituras. Para realizar o diálogo entre configurações e as ideias trabalhadas, exercitamos a observação de algumas obras de dança contemporânea, na tentativa de reconhecer as espacialidades nas maneiras de observar e compor o espaço. Os parâmetros propostos, mais do que definidos ou tomados como modelo a seguir, esboçam certa atenção cognitiva que possibilita acompanhar as maneiras como o espaço vem sendo experimentado em formulações contemporâneas de dança e que problematizam os convencionais entendimentos do espaço nas configurações.
2

Estratégias de reprodução do capital e as novas espacialidades urbanas: o comércio de auto-serviço em Uberlândia (MG)

Cleps, Geisa Daise Gumiero [UNESP] 05 May 2005 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:33:18Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2005-05-05Bitstream added on 2014-06-13T19:07:03Z : No. of bitstreams: 1 cleps_gdg_dr_rcla.pdf: 3504919 bytes, checksum: c42d8bc1e644ca7b9b8b536f7fab4cc1 (MD5) / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Estudando a história do comércio vemos que a localização sempre foi considerada como um pré-requisito para a sua instalação. Por isso, o comércio sempre ocupou um lugar estratégico no espaço das cidades. Atualmente, em função das importantes transformações que têm ocorrido com o sistema produtivo mundial, têm-se novas modalidades comerciais que necessitam de grandes áreas para se instalarem. Na busca de novos espaços, antes considerados periféricos, as grandes redes de comércio criam novas espacialidades urbanas, novas centralidades ligadas à natureza das trocas de mercadorias, valorizam áreas no seu entorno. Como manifestação das necessidades de diferentes sociedades e em diferentes momentos, o desenvolvimento do comércio varejista deu-se de forma espontânea. De uma função social a uma função econômica, o comércio foi inventando e adotando novas técnicas, expandindo, incorporando e promovendo mudanças nas relações de troca e, principalmente, no espaço onde elas ocorrem. Nesse sentido, este trabalho propõe-se a analisar as novas espacialidades urbanas criadas a partir da instalação de grandes superfícies comerciais, em especial dos hipermercados, no Brasil e na cidade de Uberlândia, Minas Gerais. Considerada como uma cidade média, com mais de 578 mil habitantes, no início de 2005, após a instalação do Hipermercado Carrefour e do Shopping Center, a cidade passou a apresentar um novo centro comercial, de consumo, de serviços, de idéias, de lazer, de valores sociais e culturais. / Studying the history of commerce, we note that the localization has invariably been a prerequisite for its installation. Because of this, commerce has always occupied a strategic place in city space. Nowadays, due to important changes that have taken place in the global production system, new commercial concepts have arisen that requires large areas for their installation. In search of new areas, previously considered as outlying, large commercial networks create new urban spaces, increase the value of surrounding land and new centers that are appropriate for the nature of the enterprise. Demonstrating the needs of different societies and on different occasions, the developments of retail commerce came about spontaneously. From social to economic functions, commerce invented and adopted new commercial techniques, expanding, incorporating and promoting changes in exchange relationship and principally, in the areas where these changes occur. Within this aspect, this study proposes to analyze the new urban spaces that have been created as a result of large commercial areas, especially the hypermarkets in Brazil and in the city of Uberlândia, Minas Gerais. Classified as a medium-sized town having more than 578.000 inhabitants. At the beginning of the year 2005, after the establishment of the Hypermarket Carrefour and the Shopping Center, the town has presented a new commercial center for consumption, technical assistance, ideas, recreation and social and cultural values.
3

A m?stica do catimb?-jurema representada na palavra, no tempo e no espa?o

Souza, Andr? Lu?s Nascimento de 20 September 2016 (has links)
Submitted by Automa??o e Estat?stica (sst@bczm.ufrn.br) on 2017-02-20T23:56:40Z No. of bitstreams: 1 AndreLuisNascimentoDeSouza_DISSERT.pdf: 2584534 bytes, checksum: 4d8c506b303b1d27f835c24a5ebe1d64 (MD5) / Approved for entry into archive by Arlan Eloi Leite Silva (eloihistoriador@yahoo.com.br) on 2017-03-03T00:24:35Z (GMT) No. of bitstreams: 1 AndreLuisNascimentoDeSouza_DISSERT.pdf: 2584534 bytes, checksum: 4d8c506b303b1d27f835c24a5ebe1d64 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-03-03T00:24:35Z (GMT). No. of bitstreams: 1 AndreLuisNascimentoDeSouza_DISSERT.pdf: 2584534 bytes, checksum: 4d8c506b303b1d27f835c24a5ebe1d64 (MD5) Previous issue date: 2016-09-20 / O catimb?-jurema ? uma manifesta??o religiosa, cujas origens estariam relacionadas inicialmente a antigos grupos ind?genas que um dia habitaram Nordeste brasileiro. Esta pesquisa trata de uma an?lise sobre a constru??o imagin?ria e imaginada dos espa?os, ou da ?geografia sobrenatural? presentes no sistema m?stico-religioso do catimb?-jurema. Em se tratando da an?lise, s?o abordados m?ltiplos aspectos espaciais utilizados nesta religi?o: terreiro, o peji ou altar, o corpo, as cidades espirituais, os reinos e aldeias presentes na cosmogonia juremeira. Destacamos tamb?m as met?foras espaciais ou no??es espacializantes contidas na liturgia do catimb?. Este trabalho revisita as literaturas pioneiras das d?cadas de 1920/30, escritas por M?rio de Andrade, Roger Bastide e C?mara Cascudo, com objetivo de perceber os processos hist?ricos, sociais e culturais que moldaram o catimb?-jurema dando-lhe seu formato atual. A revis?o bibliogr?fica tamb?m vistoria as produ??es recentes, com objetivo principal de apresentar ao leitor o que est? sendo elaborado por pesquisadores desta religi?o na contemporaneidade. O corpus documental deste trabalho conta com entrevistas, an?lise de pontos cantados e de blogs para tecer nossas considera??es acerca da pr?tica juremeira observada em alguns terreiros do Rio Grande do Norte. Guiados pelos preceitos te?rico-metodol?gicos da Hist?ria Oral, tra?amos uma an?lise sobre a constru??o imag?tico-discursiva das ?cidades espirituais? da jurema, tendo como fonte os relatos dos adeptos, nosso objetivo ? apresentar uma ?geografia do sobrenatural? das espacialidades do catimb?, catalogando as nomenclaturas das paragens m?ticas enunciadas pelos juremeiros. Estas e outras express?es analisadas no decorrer da pesquisa atuam de maneira prof?cua no sentido de auxiliarem na produ??o de dizibilidades e visibilidades dos espa?os materiais e imateriais do catimb?-jurema. / Catimb?-Jurema is a religious manifestation, whose origins initially relate to indigenous groups, which once inhabited the Brazilian northeastern region. This study can be defined as an analysis on the imaginary and imagined construction of spaces, i.e. construction of the ?supernatural geography? present in the Catimb?-Jurema mystic-religious system. As far as the analysis is concerned, we address multiple spatial aspects used in this religion: terreiros, the peji or altar, the body, the spiritual cities, the kingdoms and villages present in Jurema?s cosmogony. We additionally point out the spatial metaphors or spatializing notions present in Catimb??s liturgy. In order to perceive the historical, social and cultural processes that shaped Catimb?-Jurema, resulting in its current format, this work revisits the pioneering literatures of the 1920s and 1930s, written by M?rio de Andrade, Roger Bastide and C?mara Cascudo. This bibliographic review also searches on recent productions, with the main objective of presenting to the reader with productions issued by researchers of this religion in the contemporaneity. The documentary corpus of this work uses resources, such as interviews, analysis of ritual songs (pontos cantados) and textual material found in blogs, as underlying means to develop considerations about Jurema?s practice as observed in some terreiros in Rio Grande do Norte. Guided by the theoretical and methodological precepts of Oral History, we outline an analysis of the imaging-discursive construction of Jurema?s ?spiritual cities?, based on the accounts of Juremeiros (adherents to the said religion). Our objective is to present a ?supernatural geography? of Catimb??s spatiality, cataloging the nomenclatures of the mythical sites enunciated by the Juremeiros. Such expressions, among others analyzed in the course of the research, work in a profitable way to contribute towards the production of descriptibility and visibility of material and immaterial spaces of the Catimb?-Jurema.
4

« The World is touristic and large». Theoretical and methodological notes on tourism geography in current times / «El mundo es ancho y turístico». Apuntes teórico-metodológicos para una geografía del turismo en la actualidad

Hernández, Facundo Martín 10 April 2018 (has links)
The current stage of tourism development reaches global scale, playing a «tourist village» in places that, through various qualities, have optimal conditions for entering the market of tourist destinations. In each component of the «World’s Geography» part, lurks the possibility that a museum, architectural, coral reefs, waterfalls, through deserts, abandoned nuclear plants or cemeteries, are transformed into tourist resources. This article aims to account for the powers presents the geographical discipline to intervene in the study of the tourism phenomenon. To this end, the convenience of combining the theoretical and methodological approach to enrich a geographic perspective on tourism that is not limited to mere description. / El estadio actual del desarrollo turístico alcanza la escala global, reproduciendo una «aldea turística » en aquellos lugares que, por diversas cualidades, presentan condiciones óptimas para insertarse en el mercado de destinos turísticos. En cada espacio componente de la «geografía del mundo» está latente la posibilidad de que un museo, conjunto arquitectónico, arrecifes de coral, cataratas, pasando por desiertos, centrales nucleares abandonadas o cementerios, se transformen en recursos turísticos. El presente artículo tiene como objetivo dar cuenta de las facultades que presenta la disciplina geográfica para intervenir en el estudio del fenómeno turístico. Para tal fin, se postula la conveniencia de combinar enfoques teóricos y metodológicos para enriquecer una perspectiva geográfica sobre el turismo que no se limite a la mera descripción.
5

Foz do Iguaçu intercultural: cotidiano e narrativas da alteridade. / Intercultural Foz do Iguaçu: quotidian and narratives of the otherness

Oliveira, Nara Regina Olmedo de 30 March 2012 (has links)
Made available in DSpace on 2017-07-10T19:07:36Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Nara Oliveira.pdf: 6559378 bytes, checksum: 4279236944c1700dffbdde3cb6721ad8 (MD5) Previous issue date: 2012-03-30 / Este texto aborda as vivências cotidianas de imigrantes residentes em Foz do Iguaçu, município brasileiro que integra a Tríplice Fronteira, em conjunto com Puerto Iguazú, na Argentina e Ciudad del Este, no Paraguai. Compreender melhor a cidade de Foz do Iguaçu, imergir na atmosfera de alteridade narrada por essas pessoas comuns, sujeitos praticantes do cotidiano, e traçar de forma mais nítida contornos das relações interculturais ambientadas nos espaços de fronteira é o interesse central deste estudo. Identidades, memórias, pertencimentos, vínculos de parentesco, amizade e conterraneidade, espacialidades, redes de sociabilidade, estratégias e jogos relacionais são temáticas desenvolvidas no texto a partir dos relatos dos imigrantes participantes da pesquisa argentinos, paraguaios, chilenos, libaneses e taiwaneses e das contribuições teóricas de Michel de Certeau, Michel Maffesoli, Cliffort Geertz, Zigmunt Bauman, Ulf Hannerz, Jacques Derrida e Fredrik Barth, dentre outros autores. A história de vida tópica é a perspectiva metodológica eleita para abordar o episódio da imigração nos contextos específicos das histórias de vida dos sujeitos. A partir das pistas dadas a conhecer nas interações com os saberes-fazeres dos imigrantes, é possível inferir que na experiência de imigração, identidades, sentidos, afetos e práticas culturais transbordam os limites dos territórios de origem. Novos arranjos criam e recriam significados e formas, confrontando ordenamentos inscritos nos imperativos estatutos vigentes no país de destino. São saberes-fazeres que no cotidiano perseguem liberdades intersticiais para nelas cultivar outras racionalidades e sociabilidades.
6

TERRITÓRIO DA PROSTITUIÇÃO E INSTITUIÇÃO DO SER TRAVESTI EM PONTA GROSSA – PR

Ornat, Marcio Jose 28 January 2008 (has links)
Made available in DSpace on 2017-07-21T18:13:31Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Marcio Ornat.pdf: 3712962 bytes, checksum: 1f82e572b2b4bbf69b69dea9d2e9f612 (MD5) Previous issue date: 2008-01-28 / The objective of this work is to understand the co-relation between the territory of travesti prostitution and the institution of the subject travesti in the city of Ponta Grossa, Parana. The linearity between sex, gender, sexual practices and sexual desire is a common feature of contemporary western society that seeks at all costs to keep explanations of the order based on the heterosexual nature of the bodies and behaviour. From this perspective the subjects that do not correspond to the standards established are considered deviant, patients and many qualitative created to classify the society and maintain their alleged natural order. The focus group elected to this search is precisely that which defies simplistic explanations and complexifica the established order, the travesti. We use this term to appoint people that they identified and that, in their majority, were involved with the activity of prostitution. The spatiality developed by travestis are elements of fundamental importance in the existence of the group, even if marginal. The space determines the positions of subjects, composed relations of forces, and guides the choices and their understanding of the reality. After the analysis of all interviews conducted with the focus group of travestis, found a set of 906 evocations for relations established in the family, relations of conjugality, and the relationship between this group and travestis with residents and police. The spatiality that comprise the memoirs travestis simultaneously create the bonds of affection the group of belonging and differentiation among other groups. It’s constitute of experience travesti and identity travestis, heteronormativity related to reproduction, as well as their transgression. The main spatiality mentioned in the speeches of the travestis were related to the house, the urban space, and the territory. The experiences which are experienced by travestis, related to home and the urban space, are shared in the group by promoting processes of identification, a process that flow for space that becomes territory. It is the experience of the area, established by rules and behaviors oriented to the bodies, which produce the identities travestis, achieving locate these people to other social groups. However, the positions of subjects are mobile in central and margin, as the territory of travestis prostitution is relational, involving configurations of power between the subjects that shape relations. The territory consists of multiple dimensions, as the transvestite in each of them is in center and margin of power relations. This is possible various location of travestis that can subvert the order of forces between me and other, because they are both separate and connected. The territory is a place to get gains from the marketing of sexual practices, but also an important element in the constitution of being travestis, as a place of learning to be travestis. Territory that is made and constituent, as well as body, sex, gender, desire and life. / O objetivo deste trabalho é compreender a co-relação existente entre o território da prostituição travesti e a instituição do sujeito travesti na cidade de Ponta Grossa, Paraná. A linearidade entre sexo, gênero, prática sexual e desejo sexual é uma característica comum da sociedade ocidental contemporânea que procura a todo custo manter explicações da ordem heterossexual baseadas na natureza dos corpos e comportamentos. Sob esta perspectiva os sujeitos que não correspondem aos padrões estabelecidos são considerados desviantes, doentes e outros tantos qualificativos criados para classificar a sociedade e manter sua pretensa ordem natural. O grupo focal eleito para esta pesquisa é justamente aquele que desafia as explicações simplistas e complexifica a ordem estabelecida, as travestis. Utilizamos este termo para nomear as pessoas que assim se identificavam e que, em sua maioria, estavam envolvidas com a atividade da prostituição. As espacialidades desenvolvidas pelas travestis são elementos de fundamental importância na existência do grupo, mesmo que marginal. O espaço condiciona as posições de sujeitos, compõe relações de forças, e orienta as escolhas e sua apreensão da realidade. Assim, após a análise de todas as entrevistas realizadas com o grupo focal das travestis, detectamos um conjunto de 906 evocações referentes às relações estabelecidas na família, relações de conjugalidade, e relação entre as travestis e deste grupo com moradores e policiais. As espacialidades que compõem as memórias travestis simultaneamente criam os laços de afetividade do grupo de pertença e a diferenciação entre outros grupos. São constituidoras da experiência travesti e da identidade travesti, relacionadas a reprodução da heteronormatividade, bem como de sua transgressão. As principais espacialidades evocadas nas falas das travestis estavam relacionadas a casa, ao espaço urbano, e ao território. As experiências que são vividas pelas travestis, relacionadas a casa e ao espaço urbano, são compartilhadas no grupo, promovendo processos de identificação, processo que conflui para o espaço que se torna território. É a vivência do território, instituído por normas e comportamentos orientados aos corpos, que produzem as identidades travestis, conseguindo localizar estas pessoas perante outros grupos sociais. Porém, as posições de sujeitos são móveis, em centro e margem, pois o território da prostituição travesti é relacional, envolvendo configurações de poder entre os sujeitos que configuram as relações. O território é constituído por múltiplas dimensões, podendo a travesti em cada uma delas se encontrar em centro e margem de relações de poder. É esta possível plurilocalização das travestis que pode subverter a ordem de forças entre eu e outro, pois estes são simultaneamente separados e conectados. O território é um local de obtenção de ganhos da comercialização das práticas sexuais, mas também um elemento importante na constituição do ser travesti, como um local de aprendizado do ser travesti. Território que é constituído e constituínte, assim como corpo, o sexo, o gênero, o desejo e a vida.
7

'Na minha época as meninas estavam no comando': a constituição de feminilidades na Escola de Guardas Mirins 'Tenente Antônio João', na cidade de Ponta Grossa, Paraná

Almeida, João Paulo Leandro de 06 June 2017 (has links)
Submitted by Eunice Novais (enovais@uepg.br) on 2017-09-13T22:06:13Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) Joao Paulo Landro Almeida.pdf: 9237458 bytes, checksum: f58c4f8b17aa4f39f8dcad44552bd8bf (MD5) / Made available in DSpace on 2017-09-13T22:06:13Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) Joao Paulo Landro Almeida.pdf: 9237458 bytes, checksum: f58c4f8b17aa4f39f8dcad44552bd8bf (MD5) Previous issue date: 2017-06-06 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / A pesquisa compreende como se articulam os significados de feminilidades e as espacialidades nas memórias das alunas egressas da Escola de Guardas Mirins 'Tenente Antônio João', na Cidade de Ponta Grossa, Paraná. Esta instituição foi criada na década de sessenta pelo senhor Epaminondas Xavier de Barros, com o propósito de possibilitar a acensão social de meninos, contando com o apoio de diversas pessoas e organizações da sociedade. A escola incorporou em sua organização elementos do espiritismo kardecista, militarismo e da maçonaria, as quais se colocaram dentre colaboradores para a fundação e manutenção da mesma. Ideias e ideais advindas destes grupos, fazem parte da composição do aparato metodológico institucional, que defende os elementos estudar, trabalhar e progredir como trinômio base para a formação e convívio em sociedade das pessoas assistidas. Esta ideia linear acendente, pelas espacialidades da instituição conectase a formação moral, baseada no trinômio disciplina, hierarquia e evangelização Crista e por elementos conectados ao ideal de liberdade, igualdade e fraternidade. No decorrer da história deste espaço, diversas foram as alterações para manter e ampliar o caráter assistencial de apoio a crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, dentre elas está a inclusão de meninas como discentes, onze anos posteriores a sua criação. As espacialidades desta instituição em seu funcionamento como contraturno social, evidenciou no início deste século, meninas ocuparem o comando da hierarquia militarizada organizacional de discentes. Assim, estas espacialidades criadas para meninos, possibilitam a constituição de feminilidades específicas, arreigadas por regras de controle que se respeitadas com performances condizentes com o de guarda mirim, possibilitam ocupar a centralidade nas relações de poder que constituem este espaço. Apresenta-se pelas lembranças guardadas nas memórias das alunas egressas como espaço complexo, performático e paradoxal, uma conjuntura aberta para a constituição de múltiplas feminilidades, onde a emoção toma conta da ressignificação conflitando, passado, presente e futuro destas guardas mirins. / The research includes how to articulate the meanings of Femininities and espacialidades in the memories of the young egressas from School of Guards Guards 'Tenente Antônio João', in the city of Ponta Grossa, Paraná. This institution was created in the 1960s by Mr Epaminondas Xavier de Barros, with the purpose to enable the social acensão of boys, with the support of various people and organizations in society. The school has incorporated into its organization elements of the Spiritism Kardecist, militarism and of freemasonry, which arose among employees for the foundation and maintenance of same. Ideas and ideals that come from these groups, are part of the composition of the methodological apparatus, which advocates the study, work and progress as a trinomial base for training and socialising in the company of people assisted. This idea acendente linear, by espacialidades the institution connects the moral formation, based on the trinomial discipline, hierarchy and evangelization Crest and by elements connected to the ideal of liberty, equality and fraternity. In the course of history in this space, several changes have been to maintain and expand the character of support for children and adolescents in situation of social vulnerability, among them is the inclusion of girls as learners, eleven years after its creation. The espacialidades of this institution in its operation as contraturno, revealed at the beginning of this century, girls occupy the command of the hierarchy militarised organizational learners. Thus, these espacialidades created for boys, enable the constitution of femininities specific, established by rules of control that if met with performances consistent with the corps mirim, allow occupy the central place in power relations that constitute this space. It is presented by the memories stored in the memories of the young egressas as space complex, performing and paradoxical, an environment open to the establishment of multiple femininities, where emotion takes care of resignification conflitando, past, present and future of these young guards.
8

Do veneno à instiga, da dependência à recuperação: a espacialidade de tratamento de dependência química e a elaboração de identidades dos meninos em tratamento na Comunidade Terapêutica Marcos Fernandes Pinheiro, Ponta Grossa – PR / From venom to instigation, from dependence to recovery: The spatiality of chemical dependency treatment and the elaboration of identities of the boys in treatment in the Marcos Fernandes Pinheiro Therapeutic Community, Ponta Grossa – PR

Morais, André de 06 April 2017 (has links)
Submitted by Eunice Novais (enovais@uepg.br) on 2017-08-17T16:41:52Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) MORAIS, André de.pdf: 2012044 bytes, checksum: 1335c3711c49338730046fba62a7347b (MD5) / Made available in DSpace on 2017-08-17T16:41:52Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) MORAIS, André de.pdf: 2012044 bytes, checksum: 1335c3711c49338730046fba62a7347b (MD5) Previous issue date: 2017-04-06 / Esta dissertação tem como fio condutor o seguinte questionamento: Como as identidades dos meninos que constituem a espacialidade da Comunidade Terapêutica Marcos Fernandes Pinheiro em Ponta Grossa – PR são elaboradas a partir da experiência de tratamento de dependência química? Com o objetivo de responder ao presente questionamento, foram realizadas oito entrevistas com os meninos em tratamento na Comunidade Terapêutica Marcos Fernandes Pinheiro no município de Ponta Grossa, PR, no período de abril e maio de 2016. Para a sistematização e análise dos dados resultantes das entrevistas, a metodologia utilizada apoia-se em Bardin (1977), com a proposta de Análise de Conteúdo do Discurso. Desta análise, destacam-se os eixos semânticos significados por espacialidades discursivas relacionadas às temporalidades as quais os meninos se referem em seus relatos de vivências que, não obstante, são singulares e específicos a cada um. O uso de substâncias psicoativas (SPAs) está relacionado à intensificação da condição de marginalidade socioespacial dos meninos que colaboram com essa pesquisa enquanto sujeitos pesquisados, bem como enquanto prática de resistência a essa marginalidade. O tratamento de dependência química, deste modo, coloca-se enquanto um elemento fundamental na alteração desta dinâmica, de modo a relacionar-se diretamente à elaboração identitária dos meninos, ou seja, às suas vivências espaciais que ocorrem cotidianamente. Assim, este trabalho estabelece um elo entre o empírico, através dos relatos dos meninos em tratamento, com a Ciência Geográfica, no sentido de explorar o intangível, o invisível e o efêmero, como propõe Nogué e Roméro (2006). / This dissertation is based on the following question: How are the identities of the boys that constitute the spatiality of the Marcos Fernandes Pinheiro Therapeutic Community in Ponta Grossa - PR elaborated from the experience of chemical dependency treatment? In order to respond to the present questioning, eight interviews were performed with the boys under treatment in the Marcos Fernandes Pinheiro Therapeutic Community in the city of Ponta Grossa, PR, in the period of April and May of 2016. For the systematization and analysis of the data resultant from the interviews, the methodology used is based on Bardin (1977), with the Discourse Content Analysis proposal. From this analysis, we highlight the semantic axis signified by discursive spatiality related to the temporalities which the boys refer to in their reports of experiences that, notwithstanding, are singular and specific to each one. The use of psychoactive substances (PAS) is related to the intensification of the condition of social and spatial marginalization of the boys who collaborate with this research as subjects researched, as well as a practice of resistance to this marginalization. The chemical dependency treatment thus becomes a fundamental element in the change of this dynamic, in order to relate directly to the identity development of the boys, that is to say, to their spatial experiences that occur daily. Therefore, this work establishes a link between the empirical, through the reports of the boys in treatment, and Geographic Science, in the sense of exploring the intangible, the invisible and the ephemeral, as proposed by Nogué and Roméro (2006).
9

Os territórios dos Maracatus do povoado Brejão - Brejo Grande/SE

Oliveira, Edivaldo Alves de 15 May 2017 (has links)
This work had the purpose of analyzing, in the context of Cultural Geography, the territories of the Maracatus that manifest themselves in Brejão village, belonging to the municipality of Brejo Grande and located near the mouth of the São Francisco River in Sergipe. As cultural and symbolic manifestations we tried to analyze which elements contribute to the construction and formation of merrymakings in the village. For comprehension and analysis of the popular manifestations under study, the categories space and territory were adopted for the apprehension of territorialities and, methodologically, the qualitative approach, developed by a set of procedures: documentary research in academic texts, reports, websites and censuses; interviews with the Maracatu players and with the population; workshop with students from 10 to 29 years old of the village State School, and participant research with the Maracatu Nação Puerto Rico (MNPR) in Recife city before and after the carnival of 2016. To understand the origins of the Maracatus, we used historical texts on the African Diaspora and the work, religious and festive daily life of Africans, in order to understand the syncretism between the candomblé and the catholic religion, but especially today, the links between catholic festivities and the manifestation of Maracatu groups. The realization of the workshop made possible the identification of the cultural expressions existing in the village, among them, those that give identity support, emphasizing the Maracatu as one of the place references. From the interviews with the players, it can be seen that the Maracatus of Brejão manifest themselves in the moments of 'time off'; they have the same family origin and play with the formation of relatives and aggregates. The history of Maracatu as a popular manifestation of blacks is confused with the history of the village that, although formed in the XIX century, is inserted in a region which since the XVIII century has recorded the formation of quilombos. Through orality, until 2006 there was only the Maracatu Patrocínio do Brejão (MPB) in the village, originated from Mestre Plácido formation and led by his niece Mestre Lila since 1940. With the insertion of Brejão village in the Quilombola Brejão dos Negros, created by the Federal government, there was a schism in the merrymaking and Mestre Adalto, a MPB player creates the Maracatu Raízes do Quilombo (MRQ), distinguishing, in origin, as a formation that supports the movement to incorporate the village as a quilombo. Both are manifested as the MNPR because they are already disassociated from the popular processions of the Christmas cycle, for keeping elements of the court and the drums in the sense of joke, but they are distinct because they do not associate the formation with candomblé rituals. It was observed singular elements in the sense of play, in the formation of the territories and in the practices of the studied Maracatus, both, cultural reference of the village, being it Brejão or Brejão dos Negros. / Este trabalho se propôs a analisar, no contexto da Geografia Cultural, os territórios dos Maracatus que se manifestam no povoado Brejão, pertencente ao município de Brejo Grande e situado próximo à foz do Rio São Francisco, em Sergipe. Como manifestações culturais e simbólicas buscou-se analisar quais elementos contribuem para a construção e formação dos folguedos no povoado. Para compreensão e análise das manifestações populares em estudo foram adotadas as categorias espaço e território para a apreensão das territorialidades e, metodologicamente, a abordagem qualitativa, desenvolvida por um conjunto de procedimentos: pesquisa documental em textos acadêmicos, relatórios, sites e censos; entrevistas com os brincantes dos Maracatus e com a população; oficina com estudantes de 10 a 29 anos da Escola Estadual do povoado e, pesquisa participante junto ao Maracatu Nação Porto Rico (MNPR) na cidade do Recife antes e durante o carnaval de 2016. Para entender as origens dos Maracatus, recorreu-se a textos históricos sobre a diáspora africana e o cotidiano laboral, religioso e festivo dos africanos de forma a compreender a interface entre o candomblé e a religião católica, mas, sobretudo, na atualidade, os vínculos entre as festividades católicas e a manifestação dos grupos de Maracatu. A realização da oficina possibilitou a identificação das expressões culturais existentes no povoado, dentre elas, as que dão sustentação identitária, ressaltando o Maracatu como uma das referências do lugar. Das entrevistas com os brincantes, pode-se apreender que os Maracatus do Brejão se manifestam, nos momentos de 'folga' do trabalho; têm a mesma origem familiar e brincam com formação de parentes e agregados. A história do Maracatu como manifestação popular de negros se confunde com a história do povoado que, embora formado no século XIX, se insere numa região que desde o século XVIII registra a formação de quilombos. Pela oralidade, até o ano de 2006 existia no povoado apenas o Maracatu Patrocínio do Brejão (MPB), originário da formação do Mestre Plácido e conduzido por sua sobrinha Mestre Lila desde 1940. Com a inserção do povoado Brejão no Território Quilombola Brejão dos Negros criado pelo governo Federal ocorreu um cisma no folguedo e o Mestre Adalto, brincante do MPB, cria o Maracatu Raízes do Quilombo (MRQ), distinguindo, na origem, por ser uma formação que apoia o movimento de incorporação do povoado como quilombo. Ambos se manifestam como o MNPR por já estarem dissociados dos cortejos populares do ciclo natalino, por manterem elementos da corte e os tambores no sentido da brincadeira, porém, são distintos por não associarem a formação aos rituais do candomblé. Foram observados elementos singulares no sentido de brincar, na formação dos territórios e nas práticas dos Maracatus estudados, ambos, referência cultural do povoado, seja ele Brejão ou Brejão dos Negros. / São Cristóvão, SE
10

As sócio-espacialidades e ressignificações das cavalgadas – Itaporanga d’Ajuda/SE

Santos, Daniele Luciano 02 April 2018 (has links)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES / The variation that occurred since the 1990s in the composition and structure of the cavalcade in Itaporanga d'Ajuda / SE led us to question its manifestation as a traditional and contemporary festive practice. In this context, we had the objective of analyzing the territories of the cavalcade riding in the city by the socio-spatial practices that maintain and propel them. And, as specific objectives we had: i) trace the time line of the cavalcade and their corteje; ii) apprehend the subjects and the relations undertaken for the accomplishment of the yous routes; iii) understand the socio-spatial practices of horseback riders and yours produces; iv) and ascertain the material and symbolic bases of the territories of the cavalcade. To this end, we base the territory on both power in the concrete sense and in the symbolic sense, because we are interested in ascertaining the production and maintenance of cavalcade by power relations and the interests of local political groups. The socio-spatialities of cavalcade were seized and discussed with the help of authors who emphasize the construction of social space and cultural space by organization, significance of production and appreciation of symbolic aspects. We discuss the multidimensionality of the territory by political practices, cultural and economic factors that conduct the cavalcade as a re-signification tradition and determine their territories in Itaporanga d'Ajuda. The research is of qualitative nature when electing the cavalgada phenomenon as object of study, in seeking to understand it through the socio-spatial practices that maintain it and that unfold in the territory. In addition to the bibliographic review, we adopted as methodology the documentary research in websites and newspapers and the field research using observation, conducting interviews, applying questionnaires and photographic records. We discuss and expose the representations and territories of the cavalcade as a popular feast and as a political event. The feast is apprehended as a traditional manifestation that gives meaning and value to the symbolic aspects of the villages. As a political event, although an old practice, was resignified as market practice, as "currency of exchange of political favors.". The feast and the event that takes place in the cavalcades is still distinguished, respectively, by the sense of appropriate patrimony as popular know-how and by the patrimony instituted by legal norms. / A variação ocorrida desde a década de 1990 na composição e na estrutura da cavalgada em Itaporanga d’Ajuda/SE levou-nos a questionar sua manifestação como prática festiva tradicional e contemporânea. Nesse contexto, tivemos por objetivo analisar os territórios das cavalgadas no município pelas práticas sócio-espaciais mantenedoras e propulsoras de sua realização. E, como objetivos específicos: i) traçar a linha do tempo das cavalgadas e seus cortejos; ii) apreender os sujeitos e as relações empreendidas para a realização das cavalgadas; iii) compreender as práticas sócio-espaciais dos produtores e dos participantes das cavalgadas; iv) e averiguar as bases materiais e simbólicas dos territórios da cavalgada. Para tal, fundamentamos o território tanto ao poder no sentido concreto quanto no sentido simbólico, pois interessa-nos averiguar a produção e manutenção das cavalgadas pelas relações de poder e pelos interesses de grupos políticos locais. As sócio-espacialidades das cavalgadas foram apreendidas e discutidas com auxílio de autores que destacam a construção do espaço social e do espaço cultural pela organização, significação da produção e valorização dos aspectos simbólicos. Discutimos a multidimensionalidade do território pelas práticas políticas, culturais e econômicas que reconduzem a cavalgada como tradição ressignificada e determinam seus territórios em Itaporanga d’Ajuda. A pesquisa é de natureza qualitativa ao eleger o fenômeno cavalgada como objeto de estudo e ao buscar compreendê-la por meio das práticas sócio-espaciais que a mantém e que se desenrolam no território. Além da revisão bibliográfica, adotamos como metodologia a pesquisa documental em sites e jornais e a pesquisa de campo com uso da observação, realização de entrevistas, aplicação de questionários e registro fotográfico. Discutimos e expomos as representações e os territórios das cavalgadas como festa popular e como evento político. A festa é apreendida como manifestação tradicional ressignificada que dá sentido e valoriza os aspectos simbólicos dos povoados. Enquanto evento político, embora prática antiga, ressignificou-se como prática mercadológica, como “moeda de troca de favores políticos”. A festa e o evento que se produzem nas cavalgadas se distingue ainda, respectivamente, pelo sentido de patrimônio apropriado pelo saber fazer popular e pelo patrimônio instituído por normas legais. / São Cristóvão, SE

Page generated in 0.074 seconds