• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 68
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 69
  • 24
  • 24
  • 11
  • 10
  • 9
  • 9
  • 9
  • 8
  • 8
  • 8
  • 8
  • 7
  • 7
  • 6
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
31

Delirio e delito : estudo caso-controle de homens delirantes que cometeram atos criminosos com violência comparados com delirantes que não cometeram atos criminosos / Desulion and crime : case-control study of delusional men who have committed criminal acts with violence compared to delusional men who have not committed criminal acts

Teixeira, Eduardo Henrique, 1969- 15 February 2007 (has links)
Orientador: Paulo Dalgalarrondo / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Medicas / Made available in DSpace on 2018-08-08T11:26:57Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Teixeira_EduardoHenrique_M.pdf: 2378711 bytes, checksum: 73d59583c19a26a22f8da5b55f2524c8 (MD5) Previous issue date: 2007 / Resumo: Introdução: Aspectos da psicopatologia do delírio e do perfil dos pacientes delirantes parecem relacionados à ocorrência de crime violento. Objetivo: Descrever o perfil sócio-demográfico e psicopatológico de sujeitos delirantes que cometeram crimes violentos. Métodos: Estudo retrospectivo do tipo caso-controle, comparando dois grupos de trinta pacientes delirantes. Todos pacientes apresentaram transtorno psicótico com atividade delirante definida. Os pacientes do grupo caso cometeram crimes violentos e foram selecionados da Casa de Custódia do município de Franco da Rocha-SP, nos anos de 2004 a 2006. Os pacientes do grupo controle foram selecionados de enfermaria psiquiátrica do Hospital das Clínicas da Unicamp, do Hospital e Maternidade Celso Pierro (Puc-Campinas) e do Instituto Américo Bairral do município de Itapira-SP. Foram utilizadas as escalas PANSS (Escala das Síndromes Positiva e Negativa), MINI (Entrevista Neuropsiquiátrica Mini-Internacional) e MMDAS (Escala de Avaliação de Delírio Macarthur-Maudsley). Resultados: Os dois grupos foram muito parecidos em relação ao perfil sócio-demográfico, história da doença, comorbidade de substâncias psicoativas e conteúdo do delírio. Os pacientes do grupo caso apresentaram mais antecedentes criminais, embora tenham cometido menos freqüentemente agressões leves. As vítimas dos crimes foram com mais frequência parentes ou conhecidos. Em relação às dimensões do delírio, o grupo caso teve menor pontuação em â?¿inibição de açãoâ?? e â?¿afeto negativoâ??. Conclusões: Fatores intrínsecos do delírio parecem ser mais relevantes do que o perfil sócio-demográfico nos sujeitos delirantes que cometem crimes. Delírios que induzem a inibição de ações aparentemente também reduzem o potencial de ações violentas. Ao contrário do que se afirma correntemente, pacientes delirantes assustados e com outros afetos negativos associados ao delírio parecem cometer menos atos violentos / Abstract: Introduction: Some aspects of the psychopathology of delusion and the profile of the delirious patients seem to be related to the occurrence of violent crime. Objective: To describe the social-demographic and psychopathologic profile of delirious patients who have committed violent crimes. Methods: Retrospective case-control study, comparing two groups of thirty delusional patients. All patients had presented psychotic disorders with definite delusion activity. The patients of the case group had committed violent crimes and have been selected out of the criminal-psychiatric ward Franco da Rocha-SP, from 2004 to 2006. The patients of the control group have been selected out of psychiatric ward of the Hospital das Clínicas da Unicamp, of the Hospital e Maternidade Celso Pierro (PUC-Campinas) and of the Instituto Américo Bairral of the city of Itapira-SP. Scales PANSS (Positive and Negative Syndrome Scale), MINI (Mini International Neuropsychiatric Interview) and MMDAS (Macarthur-Maudsley Delusion Assessment Scale) have been used. Results: The two groups were very similar as far as social-demographic profile, history of the illnesses, substance abuse and content of the delusion. The patients of the case group had greater criminal records, although a smaller frequency of light aggressions. The victims of the crimes had been more often acquaintances or relatives. In relation to the dimensions of the delusion, the patients in the study group scored less in "action inhibition" and "negative affection". Conclusions: Intrinsic factors of the delusion seem to be more relevant than social-demographic profile in the delusional patients who commit crimes. Delusions that induce action inhibition apparently also reduce the potential for violent actions. In contrast to what is commonly said, delusional patients with fear and other negative affection associated to the delusion seem to commit less violent acts / Mestrado / Saude Mental / Mestre em Ciências Médicas
32

Acolhimento e cuidado : a gestalt-terapia diante do sofrimento psíquico

Ramos, Thaís Carneiro Costa 03 August 2018 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Programa de Pós-graduação em Psicologia Clínica e Cultura, 2018. / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). / São grandes e promissores os avanços no tratamento em saúde mental, visando à humanização do acolhimento e tratamento do sofrimento psíquico. No Brasil e no mundo, os profissionais da saúde que se dedicam a essa intervenção se vêem impelidos a inserirem o respeito e o amor pelo humano em sua prática profissional cotidiana. No entanto, ainda que direcionassem esforços nessa direção, a de acompanhamento do sofrimento humano, historicamente subjazia a imprecisão sobre qual seria, de fato, a ‘doença’ que estava sendo tratada a partir do diagnóstico de ‘psicose’. Milhares de pessoas com sofrimentos psíquicos diversos, além do estigma, foram internadas ou excluídas, quando não submetidas a tratamentos desumanizantes e alienantes. A fim de tentar minimizar o impacto dos “pré-conceitos” instaurados pela psiquiatria clássica, o termo a ser utilizado neste estudo, ‘sofrimento psíquico grave’, é um constructo que nos dará liberdade para discutir crises intensas de cunho ‘normal’ ou ‘psicótico’, tratando daquilo que é inerente ao humano: a crise. Tradicionalmente, a Gestalt-terapia está associada à prática terapêutica alicerçada na ética do cuidado, que inclui a entrega sem reservas do terapeuta na relação com o paciente. Tendo se inspirado originalmente nas filosofias do Humanismo, Existencialismo, Existencialismo Dialógico e na Fenomenologia, essa prática clínica tomou corpo com os estudos realizados pela Psicologia da Gestalt, Teoria de Campo, Teoria Organísmica e Holismo. Desde a origem até os tempos atuais, a Gestalt-terapia tem se mostrado dinâmica e ativa na compreensão e no atendimento do humano em seus diversos ângulos mostrando-se, assim, capaz de realizar em si ajustamentos criativos saudáveis e expansivos na direção evolutiva ascendente. Ainda que a prática clínica pautada na Gestalt-terapia esteja difundida amplamente, necessitamos de maior produção acadêmica e teórica que assegure contribuições à comunidade científica, sendo possível maior acesso ao conhecimento da parte de gestalt-terapeutas e pacientes. Eis a pertinência de um estudo que traz em seu bojo os constructos teóricos e práticos da Gestalt-terapia – como imaginada por seus primeiros autores e desenvolvida por seus precursores – associada ao acolhimento e cuidado requeridos quando ocorre a manifestação do fenômeno do sofrimento psíquico grave. Compreendendo também como a Gestalt-terapia elabora o fenômeno da psicose em seu contexto teórico e prático. Assim, este trabalho teórico-clínico – predominantemente teórico – tem como objetivo a aproximação dos conceitos de acolhimento e cuidado com o sofrimento psíquico grave, ao analisar os sintomas de maneira crítica tanto quanto possível, potencializando o estudo do percurso e progressos desta área do conhecimento, além de ilustrar com vinhetas de casos clínicos, intervenções e atuações terapêuticas realizadas dentro do contexto de pesquisa do Grupo de Intervenção Precoce nas Primeiras Crises do tipo psicótica (GIPSI). / The advances in the treatment in mental health are great and promising, aiming at the humanization of the reception and treatment of the psychic suffering. In Brazil and in the world, health professionals who dedicate themselves to this intervention are forced to insert respect and love for the human in their daily professional practice. However, even though they directed efforts in this direction, that of accompanying human suffering, historically underlay the imprecision about what would, in fact, be the 'disease' that was being treated from the diagnosis of 'psychosis'. Thousands of people with various psychic sufferings, in addition to stigma, were hospitalized or excluded, if not subjected to dehumanizing and alienating treatments. In order to try to minimize the impact of the "preconceptions" introduced by classical psychiatry, the term to be used in this study, "severe psychic distress", is a construct that will give us the freedom to discuss intense crises of "normal" or " psychotic ', dealing with what is inherent in the human: the crisis. Traditionally, Gestalt therapy is associated with therapeutic practice grounded in the ethics of care, which includes unreserved delivery of the therapist in relation to the patient. Having been originally inspired by the philosophies of Humanism, Existentialism, Dialogical Existentialism and Phenomenology, this clinical practice has taken shape with studies carried out by Gestalt Psychology, Field Theory, Organismic Theory and Holism. From the origin to the present, Gestalt therapy has shown itself to be dynamic and active in the understanding and care of the human from its various angles, thus showing itself capable of realizing healthy and expansive creative adjustments in the ascending evolutionary direction. Although the clinical practice based on Gestalt therapy is widespread, we need greater academic and theoretical production that assures contributions to the scientific community, allowing greater access to knowledge on the part of gestalt therapists and patients. This is the pertinence of a study that brings to the fore the theoretical and practical constructs of Gestalt therapy - as imagined by its early authors and developed by its precursors - associated with the reception and care required when the manifestation of the phenomenon of severe psychic suffering occurs. Understanding also how Gestalt-therapy elaborates the phenomenon of psychosis in its theoretical and practical context. Thus, this theoretical-clinical work - predominantly theoretical - has the objective of approaching the concepts of acceptance and care with severe psychic suffering, analyzing the symptoms in a critical way as much as possible, potentializing the study of the course and progress of this area of knowledge , besides illustrating with vignettes of clinical cases, interventions and therapeutic actions performed within the context of research of the Early Intervention Group in the First Crises of Psychotic Type (GIPSI).
33

Sobre um tratamento psicanalítico da psicose na clínica institucional / Sur un traitement psychanalytique de la psychose dans la clinique institutionnelle

Fernanda Mara da Silva Lima 27 April 2009 (has links)
Cette dissertation part de la lecture de Sigmund Freud et de lenseignement de Jacques Lacan pour situer la position du sujet psychotique en tant que réponse à son Autre fou. Ensuite, on présentera la thèse selon laquelle le travail avec lalangue peut orienter un traitement psychanalytique avec ces sujets. Enfin, on abordera quelques formulations à propos de la pratique orientée par la psychanalyse dans le cadre institutionnel, développée dans un Centre dAttention Psychosociale pour des Enfants et Adolescents. / Esta dissertação parte da leitura de Sigmund Freud e do ensino de Jacques Lacan para situar a posição do sujeito psicótico enquanto resposta ao seu Outro louco. Em seguida, apresentaremos a tese de que o trabalho com alíngua pode orientar um tratamento psicanalítico com esses sujeitos. Por fim, abordaremos algumas formulações acerca da prática orientada pela psicanálise em âmbito institucional, desenvolvida em um Centro de Atenção Psicossocial Infanto-juvenil.
34

Autismo, psicose e musicalidade: o faz(s)er do sujeito e sua legitimação no laço social / Autism, psychosis and musicality: the d(t)o be of the subject and its legitimation in the social bond

Santos, Bruno Gonçalves dos [UNESP] 24 February 2017 (has links)
Submitted by BRUNO GONÇALVES DOS SANTOS null (hotmail_do_bruno@hotmail.com) on 2017-03-29T17:18:27Z No. of bitstreams: 1 TRABALHO REPOSITÓRIO.pdf: 1463686 bytes, checksum: dcab96ecc1f947c3a842b62290f469cc (MD5) / Approved for entry into archive by Luiz Galeffi (luizgaleffi@gmail.com) on 2017-03-30T17:57:35Z (GMT) No. of bitstreams: 1 santos_bg_me_assis.pdf: 1463686 bytes, checksum: dcab96ecc1f947c3a842b62290f469cc (MD5) / Made available in DSpace on 2017-03-30T17:57:35Z (GMT). No. of bitstreams: 1 santos_bg_me_assis.pdf: 1463686 bytes, checksum: dcab96ecc1f947c3a842b62290f469cc (MD5) Previous issue date: 2017-02-24 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Seguindo a perspectiva da teoria psicanalítica de Freud e Lacan, este trabalho discorre sobre a musicalidade e suas implicações na constituição psíquica do sujeito, considerando as peculiaridades acerca da dinâmica psíquica que ocorre no autismo e na psicose, demonstrando a possibilidade de fazer laço social. Segundo nossos desdobramentos, a musicalidade mantém em si a relação primordial do significante que não foraclui o Real, evidenciando um processo de encadeamento significante ainda anterior à produção de significação imaginária. Neste sentido, Lalangue e Sinthoma, sendo produções de relação significante do sujeito que mantêm em si a elementaridade do Real, demonstram uma via de intervenção pela via da musicalidade para a produção de um discurso sonoro, mesmo que sem significação, mas que faça mediação ao laço social. Nos sujeitos que não foracluem o Real, a via de evanescência do sujeito não está entre os significantes, e sim na dimensão do ato, do non sens que traz a marca do corpo Real através da enunciação, mesmo que sem fala. A essa condição de o sujeito evanescer no ato que evidencia o Real do significante, denominamos faz(s)er, como alternativa ao falasser do sujeito falante. Nossas discussões apontam que por meio da intervenção da musicalidade sobre Lalangue e Sinthoma é possível a constituição de um faz(s)er do sujeito como produção de significantes no Real que atuam como discurso de enunciação, não só fazendo laço social mas também legitimando o sujeito na condição autista e de estrutura psicótica em seu modo de existência psíquica. / Following the perspective of Freud and Lacan's psychoanalytic theory, this work discusses musicality and its implications in the psychic constitution of the subject, considering the peculiarities on the psychic dynamics that occur in autism and psychosis, demonstrating the possibility of social bonding. According to our findings, one could say that musicality maintains, in itself, the primordial relation of the signifier that does not denies (Verwerfung) the Real, evidencing a process of significant chaining even before the production of imaginary signification. In this sense, Lalangue and Sinthome, productions of significant relation of the subject that maintain in themselves the elementarity of the Real, demonstrate a way of intervention through musicality for the production of a sound discourse, even if without meaning but with mediation to the social bond. At this subjects who do not deny (Verwerfung) the Real, the way of their “evanescence” is not between the signifiers, but on the dimension of the act, the non-sens that brings the mark of the Real body through enunciation, even without speech. For this condition, we should call “faz(s)er” (“d(t)o be”), as an alternative to the parlêtre of the speaking subject. Our discussion tries to show that through the intervention of musicality on Lalangue and Sinthome it is possible to constitute a d(t)o be of the subject as a production of signifiers that acts as a discourse of enunciation, not only making a social link but also legitimating the subject in the autistic condition and of psychotic structure in their own mode of psychic existence.
35

Autismo, psicose e musicalidade : o faz(s)er do sujeito e sua legitimação no laço social /

Santos, Bruno Gonçalves dos. January 2017 (has links)
Orientador: Gustavo Henrique Dionisio / Banca: Abílio da Costa Rosa / Banca: Ivans Ramos Estevão / Resumo: Seguindo a perspectiva da teoria psicanalítica de Freud e Lacan, este trabalho discorre sobre a musicalidade e suas implicações na constituição psíquica do sujeito, considerando as peculiaridades acerca da dinâmica psíquica que ocorre no autismo e na psicose, demonstrando a possibilidade de fazer laço social. Segundo nossos desdobramentos, a musicalidade mantém em si a relação primordial do significante que não foraclui o Real, evidenciando um processo de encadeamento significante ainda anterior à produção de significação imaginária. Neste sentido, Lalangue e Sinthoma, sendo produções de relação significante do sujeito que mantêm em si a elementaridade do Real, demonstram uma via de intervenção pela via da musicalidade para a produção de um discurso sonoro, mesmo que sem significação, mas que faça mediação ao laço social. Nos sujeitos que não foracluem o Real, a via de evanescência do sujeito não está entre os significantes, e sim na dimensão do ato, do non sens que traz a marca do corpo Real através da enunciação, mesmo que sem fala. A essa condição de o sujeito evanescer no ato que evidencia o Real do significante, denominamos faz(s)er, como alternativa ao falasser do sujeito falante. Nossas discussões apontam que por meio da intervenção da musicalidade sobre Lalangue e Sinthoma é possível a constituição de um faz(s)er do sujeito como produção de significantes no Real que atuam como discurso de enunciação, não só fazendo laço social mas também legitimando ... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Following the perspective of Freud and Lacan's psychoanalytic theory, this work discusses musicality and its implications in the psychic constitution of the subject, considering the peculiarities on the psychic dynamics that occur in autism and psychosis, demonstrating the possibility of social bonding. According to our findings, one could say that musicality maintains, in itself, the primordial relation of the signifier that does not denies (Verwerfung) the Real, evidencing a process of significant chaining even before the production of imaginary signification. In this sense, Lalangue and Sinthome, productions of significant relation of the subject that maintain in themselves the elementarity of the Real, demonstrate a way of intervention through musicality for the production of a sound discourse, even if without meaning but with mediation to the social bond. At this subjects who do not deny (Verwerfung) the Real, the way of their "evanescence" is not between the signifiers, but on the dimension of the act, the non-sens that brings the mark of the Real body through enunciation, even without speech. For this condition, we should call "faz(s)er" ("d(t)o be"), as an alternative to the parlêtre of the speaking subject. Our discussion tries to show that through the intervention of musicality on Lalangue and Sinthome it is possible to constitute a d(t)o be of the subject as a production of signifiers that acts as a discourse of enunciation, not only making a social link but also l... (Complete abstract click electronic access below) / Mestre
36

Schreber e a clínica contemporânea : contribuições de Freud para a clínica das psicoses

Peixoto, Thiago Mesquita January 2007 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, 2007. / Submitted by Priscilla Brito Oliveira (priscilla.b.oliveira@gmail.com) on 2009-10-20T18:24:30Z No. of bitstreams: 1 2007_ThiagoFranciscoMendoncaDuarteMaequitaPeixoto.pdf: 494353 bytes, checksum: f5ae2127586ee25150ff967cd4be99da (MD5) / Approved for entry into archive by Luanna Maia(luanna@bce.unb.br) on 2009-11-10T12:34:42Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2007_ThiagoFranciscoMendoncaDuarteMaequitaPeixoto.pdf: 494353 bytes, checksum: f5ae2127586ee25150ff967cd4be99da (MD5) / Made available in DSpace on 2009-11-10T12:34:42Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2007_ThiagoFranciscoMendoncaDuarteMaequitaPeixoto.pdf: 494353 bytes, checksum: f5ae2127586ee25150ff967cd4be99da (MD5) Previous issue date: 2007 / O presente trabalho trata de um estudo sobre a formação da teoria freudiana das psicoses e da possibilidade de este entendimento ser utilizado em casos clínicos. Para isso, faz um percurso pela obra freudiana e, em sua segunda parte, faz dois estudos de caso. Durante seu desenvolvimento, questiona a sexualidade psicótica, a passagem do psicótico pelo Édipo assim como seus mecanismos de defesa. Para o entendimento da possível clínica das psicoses, pesquisa também a transferência psicótica. ________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / This work concerns a study about de development of Freud´s theory on psychosis and the possibility of using these understandings for our daily clinic. In order to achieve that, it goes along Freud´s work and, after that, studies two clinic cases. Along its pages, questions the psychotic sexuality, the psychotic Oedipus complex so as their mechanisms of defense. In order to get an understanding of the clinic whith the psychotic, it also concerns the psychotic transference.
37

O gozo do corpo : articulações entre feminilidade e psicose

Ferreira, Renata Wirthmann Gonçalves 10 September 2010 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Departamento de Psicologia Clínica, Programa de Pós-graduação em Psicologia Clínica e Cultura, 2010. / Submitted by Fernanda Percia França (fernandafranca@bce.unb.br) on 2016-01-05T16:18:01Z No. of bitstreams: 1 2010_RenataWirthmannGonçalvesFerreira.pdf: 2192705 bytes, checksum: 055b44df9368ae32e626f233d5aca1bc (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2016-01-06T14:39:39Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2010_RenataWirthmannGonçalvesFerreira.pdf: 2192705 bytes, checksum: 055b44df9368ae32e626f233d5aca1bc (MD5) / Made available in DSpace on 2016-01-06T14:39:39Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2010_RenataWirthmannGonçalvesFerreira.pdf: 2192705 bytes, checksum: 055b44df9368ae32e626f233d5aca1bc (MD5) / O presente trabalho tem como objetivo propor elementos para uma clínica das psicoses a partir das articulações entre psicose e feminilidade nas obras de Freud e Lacan. No percurso da tese a questão do corpo e suas conseqüências vão se tomando essenciais como fatores determinantes na estruturação tanto do sujeito neurótico quanto psicótico ou perverso. A diferença fundamental está na resposta do sujeito frente às exigências da castração. Existem três possibilidades de resposta, a foraclusão, o recalque e o desmentido. Enquanto a castração inaugura o corpo do sujeito enquanto tal, feminino ou masculino, será a castração ou a foraclusão ou o desmentido que constituirá o corpo como objeto ou não frente ao Outro Gozo. ______________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The present work presents as propose some elements for a clinic of psychosis from the considerations between psychosis and femininity in the works of Freud and Lacan. In the course of this thesis the body issue and its consequences are becoming essencial as determining factors in shaping both the subject psychotic, neurotic or perverse. The priority difference is the response of the subject to the demands of castration. There are three possible answers for the castration: the foreclosure, the repression and the denial. While castration inaugurates the subject's body as such, male or female, is the castration or foreclosure or denial that will constitute the body as object or not towards enjoyment of the Other.
38

A loucura pelo corpo : incursões corporais com sujeitos em sofrimento psíquico grave

Queiroz, Ana Glaucia de 02 March 2010 (has links)
Dissertação (mestrado)-Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Departamento de Psicologia Clínica, 2010. / Submitted by Shayane Marques Zica (marquacizh@uol.com.br) on 2011-03-10T20:24:46Z No. of bitstreams: 1 2010_AnaGlauciadeQueiroz.pdf: 1954412 bytes, checksum: 1d0ec4e764320128cff16024f0b7203f (MD5) / Approved for entry into archive by Luanna Maia(luanna@bce.unb.br) on 2011-03-15T12:48:36Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2010_AnaGlauciadeQueiroz.pdf: 1954412 bytes, checksum: 1d0ec4e764320128cff16024f0b7203f (MD5) / Made available in DSpace on 2011-03-15T12:48:36Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2010_AnaGlauciadeQueiroz.pdf: 1954412 bytes, checksum: 1d0ec4e764320128cff16024f0b7203f (MD5) / Neste trabalho buscou-se investigar as repercussões clínicas apresentadas por sujeitos em sofrimento psíquico grave em face a intervenções corporais. Estabeleceu-se, como critério de inclusão, que os sujeitos estivessem em processo psicoterapêutico individual e sistêmico junto ao Grupo de Intervenção em Primeiras Crises do Tipo Psicótica – GIPSI, da Universidade de Brasília. Foi realizada uma pesquisa de campo, na qual este grupo participou de sessões corporais, estruturadas com base em uma técnica de dança contemporânea, denominada Contato Improvisação. Também foram utilizados elementos da arte, como a música e a dança espontânea. Procedeu-se, ainda, a uma revisão teórica sobre o percurso do tema corporal na história da Psicologia, encontrando-se seus primórdios, principalmente, na teoria psicanalítica. Os resultados mostraram que o grupo reagiu positivamente, manifestando prazer e bem-estar psíquico às experiências corporais envolvendo o toque no corpo próprio, a regressão aos primeiros movimentos desenvolvidos quando bebês, como o rastejar e o engatinhar, e, fundamentalmente, ao contato com outros corpos. Assim, conclui-se pelo potencial psicoterapêutico de práticas corporais com este tipo de clientela, questionando-se o paradigma vigente a cerca das restrições relativas ao contato corporal com indivíduos estigmatizados como psicóticos, relativizando-se o quadro estrutural que lhes é atribuído. Ressalta-se a relevância da suspensão diagnóstica em suas primeiras crises, privilegiando-se a dimensão fenomenológica de momentos existenciais marcados pelo sofrimento psíquico grave, além da importância da inclusão da família no processo clínico. Por fim, qualifica-se a Terapia do Contato como uma abordagem psicorporal diferenciada, em termos de sua potencialidade de promoção da integração corporal por meio da técnica do Contato Improvisação. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT / This work attempted to investigate the clinical repercussions presented by severe psychic suffering subjects through body interventions. The inclusion criteria was that the subjects were in individual and systemic psycotherapeutic process in the Group of Intervention in First Crisis of the Psychotic Type – from the University of Brasília. A field research was made, in which this group participated of structured body sessions based in a contemporary dance technique named Contact Improvisation. Music and spontaneous dance were also used. It was also carried out a review of the theme of the body in the history of psychology, leading to its origins in Psychoanalitical theory. The results showed that the group reacted positively, manifesting pleasure and psychic welfare to body experiences, such as touching their own body, regression to the first movements achieved as babies, like crawling, among others, and, mainly, to the contact with other subjects bodies. In this way, conclude to the potential psychotherapeutic of body practices with this kind of clientele, questioning the current paradigm about the restrictions related to the body contact in individuals stigmatized as psychotics, through the relativization of the structural square attributed to they. Sticked out the relevance of the diagnostic suspension, in their first crises, privileging the fenomenological dimension of existential moments marked by severe psychical suffering, over there the importance of the family inclusion, in the clinical process. At the end, is qualifyed the now denominated Contact Therapy, as one distincted psycho-body approach, in terms of her potential in promoving corporeal integration, by the Contact Improvisation technic.
39

Rorschach e psicose : avaliação psicodinâmica do sofrimento psíquico grave

Costa, Elisa Walleska Krüger Alves da 16 May 2011 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Pscologia, Departamento de Psicologia Clinica, Pós-Graduação em Psicologia Clínica e Cultura, 2011. / Submitted by Gabriela Ribeiro (gaby_ribeiro87@hotmail.com) on 2011-09-13T17:35:04Z No. of bitstreams: 1 2011_ElisaWalleskaKrugerAlvesdaCosta.pdf: 2492492 bytes, checksum: 452c2cbbe1fe545513a89973ab2354c6 (MD5) / Approved for entry into archive by Repositorio Gerência(repositorio@bce.unb.br) on 2011-09-27T15:25:34Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2011_ElisaWalleskaKrugerAlvesdaCosta.pdf: 2492492 bytes, checksum: 452c2cbbe1fe545513a89973ab2354c6 (MD5) / Made available in DSpace on 2011-09-27T15:25:34Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2011_ElisaWalleskaKrugerAlvesdaCosta.pdf: 2492492 bytes, checksum: 452c2cbbe1fe545513a89973ab2354c6 (MD5) / Objetivamos verificar a existência de um padrão de variáveis em sujeitos com sofrimento psíquico grave, por meio de avaliação com o Método de Rorschach. Os sujeitos haviam sido previamente diagnosticados como possíveis psicóticos e foram encaminhados ao Grupo de Intervenção Precoce nas Primeiras Crises do Tipo Psicótica - GIPSI / CAEP / IP / UnB. As variáveis encontradas foram comparadas aos dados normativos mais recentes do Método de Rorschach (Sistema Compreensivo, Exner - dados nacionais e internacionais); e com o questionário de pródromos utilizado pelo grupo. Foi observado um conjunto de variáveis que compuseram uma constelação prodrômica - ou seja, preditiva de sofrimento psíquico grave. Também foi observada a discrepância entre os dados individuais dos Sumários Estruturais com os dados de comparação, que indicaram que os sujeitos analisados não apresentavam quadros psicóticos e sim de sofrimento psíquico grave. Foi possível, ainda, traçar um perfil específico dos sujeitos do GIPSI. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT / We aim to search about the possibility of a “standard variables” in subjects with severe psychic suffering through psychological assessment with Rorschach Method. Such subjects had been diagnosed as being probably psychotic patients who were undergoing psychotherapy within the Group for Early Intervention in First Crisis of Psychotic Type – GIPSI / CAEP / IP / UNB. Variables were compared to recent normative data of Rorschach Method (in Exner´s Comprehensive System, national and international data); with the prodrome questionnaire used by the Group. A group of variables that might have predictive features for psychotic-type crisis have been identified. Such variables compose a prodromal constellation for Rorschach Method. Discrepancies between individual data of Structural Summaries and normative data have been found, what seems to indicate that the analyzed subjects had not presented psychotic features, but severe psychic suffering. A specific profile about GIPSI’s clients has been developed.
40

Nos contornos do Eu: um estudo sobre a religiosidade nas neuroses e psicoses / On the contours of the Ego: a study of religiosity in the neurosis and psychosis

TORRES, Caroline Gonzaga January 2013 (has links)
TORRES, Caroline Gonzaga. Nos contornos do Eu: um estudo sobre a religiosidade nas neuroses e psicoses. 2013. 189f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Psicologia, Fortaleza (CE), 2013. / Submitted by Márcia Araújo (marcia_m_bezerra@yahoo.com.br) on 2013-11-27T13:34:21Z No. of bitstreams: 1 2013-DIS-CGTORRES.pdf: 1127121 bytes, checksum: 64fd266d721fb9597a1861751338a489 (MD5) / Approved for entry into archive by Márcia Araújo(marcia_m_bezerra@yahoo.com.br) on 2013-11-27T13:55:40Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2013-DIS-CGTORRES.pdf: 1127121 bytes, checksum: 64fd266d721fb9597a1861751338a489 (MD5) / Made available in DSpace on 2013-11-27T13:55:40Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2013-DIS-CGTORRES.pdf: 1127121 bytes, checksum: 64fd266d721fb9597a1861751338a489 (MD5) Previous issue date: 2013 / There is, in this dissertation, the purpose of discussing whether there is, from the point of view of the Ego structure in subjects, elements by which to discern what supports the way neurotics and psychotics demarcate distinct positioning in the face of religious experiences, establishing different relationships with divinity. Therefore, methodologically, to undertake a bibliographical study based on the work of Freud and Lacan, in the first teaching, in their productions concerning religion, constitution of Ego, neurosis and psychosis, beyond a discussion of two Freudian cases: Schreber and the Rats Man. So, take place joints between religion and father complex in psychoanalysis, addressing the elements present in the traumatic origin of monotheistic religions and the way they are updated in the subject, and set up approaches between religious formations, production delusional and fantasy. Makes up a theoretical framework on the mode ego structure, on the neuroses and psychoses, in stressing the concept of narcissism to establish the imaginary and symbolic dimensions that participate in this process as well as for the subsequent theoretical modifications. Finally, it is an investigation regarding the way in which the Ego is constituted in neuroses and psychoses, mechanisms peculiar to each of these structures and the presence of religious speech as well as of divine figures, by analysis of clinical cases. Among the main findings of the research highlight: a) intelligibility in Freudian formulations about religion, placing it sometimes beside the neuroses, sometimes beside the psychoses, giving her a double logic; b) the peculiarities in the constitution of the Ego, this is, fixing the paranoid in the mirror stage and the crossing of the obsessive at Oedipus, as well as their distinct attitudes towards Other and conflicts of these psychic structures instances, result a way in which the experiences of religion and deities appear in symptoms and elementary formations; c) the structural belief notion in neurosis and the dimension of certainty in psychosis allow in the perception of differences in the way these individuals understand the divine figures, which appear consistently associated with paternal figure in psychoanalytic theorizing. / Tem-se, nesta dissertação, o propósito de discutir se há, do ponto de vista da estruturação do Eu nos sujeitos, elementos pelos quais se possa discernir o que respalda a maneira como os neuróticos e psicóticos demarcam um posicionamento distinto frente às experiências de religiosidade, estabelecendo relacionamentos diferentes com a divindade. Para tanto, metodologicamente, empreende-se um estudo bibliográfico fundamentado na obra de Freud e no primeiro ensino de Lacan em suas produções referentes à religião, constituição do Eu, neurose e psicose, além da discussão de dois casos clínicos freudianos: Schreber e o Homem dos Ratos. Sendo assim, realizam-se articulações entre a religião e o complexo paterno em psicanálise, abordando os elementos traumáticos presentes na origem das religiões monoteístas e a maneira pela qual eles se atualizam nos sujeitos, além de estabelecerem-se aproximações entre as formações religiosas, as produções delirantes e a fantasia. Efetua-se um recorte sobre o modo de estruturação do Eu, nas neuroses e nas psicoses, salientando o conceito de narcisismo para o estabelecimento das dimensões imaginárias e simbólicas que participam desse processo, bem como para as modificações teóricas subsequentes. Por fim, faz-se uma investigação sobre o modo pelo qual o Eu se constitui nas neuroses e psicoses, os mecanismos peculiares a cada uma destas estruturas e a presença do discurso religioso, assim como das figuras divinas, através da análise dos casos clínicos. Dentre os principais achados da pesquisa destaca-se: a) a inteligibilidade nas formulações freudianas sobre a religião, situando-a ora ao lado das neuroses, ora ao lado das psicoses, fornecendo a ela uma dupla lógica; b) as peculiaridades na constituição do Eu, isto é, a fixação do paranoico no estádio do espelho e o atravessamento do Édipo no obsessivo, bem como seus posicionamentos distintos frente ao Outro e o conflito das instâncias psíquicas nestas estruturas, implicam na maneira pela qual as experiências de religiosidade e as divindades aparecem nos sintomas e nas formações elementares; c) a noção de crença estrutural na neurose e a dimensão de certeza na psicose permitem a percepção das diferenças no modo como estes indivíduos compreendem as figuras divinas, que aparecerem constantemente associadas à figura paterna nas teorizações psicanalíticas.

Page generated in 0.0299 seconds