• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 183
  • 5
  • 3
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 199
  • 199
  • 98
  • 95
  • 72
  • 53
  • 42
  • 35
  • 32
  • 31
  • 28
  • 26
  • 24
  • 23
  • 22
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
21

O método direto na demonstração do fluxo de caixa nas grandes indústrias têxteis do Vale do Itajaí/SC /

Vasconcelos, Emerson Hochsteiner de, Silveira, Amélia, Universidade Regional de Blumenau. Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis. January 2006 (has links) (PDF)
Orientadora: Amélia Silveira. / Dissertação (mestrado) - Universidade Regional de Blumenau, Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis.
22

Risco de mercado, lucro e fluxo de caixa :um estudo de empresas componentes do IBOVESPA em 2008 /

Souza, Rony Petson Santana de, 1982-, Fernandes, Francisco Carlos, 1966-, Universidade Regional de Blumenau. Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis. January 2011 (has links) (PDF)
Orientador: Francisco Carlos Fernandes. / Dissertação (mestrado) - Universidade Regional de Blumenau, Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis.
23

Anomalia dos accruals no mercado brasileiro de capitais

Cupertino, César Medeiros 25 October 2012 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção, Florianópolis, 2010 / Made available in DSpace on 2012-10-25T05:58:54Z (GMT). No. of bitstreams: 1 280960.pdf: 546216 bytes, checksum: a16b119abc609c1b1ea855158bbd36f3 (MD5) / Esta tese analisa a ocorrência do fenômeno conhecido como "anomalia dos accruals" no mercado brasileiro de capitais. A anomalia dos accruals refere-se à obtenção de ganhos anormais com a exploração de uma estratégia de investimento baseada no diferencial de persistência dos componentes do lucro e na associação entre accruals e retornos. O presente estudo é conduzido por três hipóteses: (i) os componentes do lucro têm um diferencial de persistência, sendo que essa persistência é maior para o componente fluxo de caixa em relação ao componente accruals do lucro, (ii) a expectativa de lucros embutida no preço de ações falha em refletir a diferença de persistência dos componentes dos lucros (accruals e fluxo de caixa), (iii) a construção de uma carteira de hedge, tomando uma posição comprada (vendida) em ativos com baixos (altos) accruals gera retornos anormais consistentes. Os dados necessários para a realização do estudo foram obtidos na Economatica e são relativos aos anos de 1990 a 2008 e incluíram os ativos listados na Bolsa de Valores de São Paulo (com exceção das empresas financeiras). Os testes empíricos demandaram a realização de regressões com dados em painel para identificar a persistência do lucro e dos seus componentes; a execução do teste de Mishkin, com o intuito de verificar se o mercado apreça racionalmente o lucro; e a composição da carteira de investimento zero, para analisar se a estratégia de negociação baseada nos accruals proporciona retornos anormais positivos e consistentes. Os resultados indicaram que a persistência dos accruals é menor que a persistência do fluxo de caixa, que o componente accrual não é mal apreçado pelo mercado e que a estratégia de negociação baseada nos accruals não proporciona retornos positivos e consistentes. Apesar das evidências não serem animadoras para o intuito de arbitragem, os resultados demonstraram ser relevantes em diversas perspectivas. A metodologia aplicada permitiu identificar, entre outros aspectos, a qualidade dos lucros e dos seus componentes, a associação entre os componentes do lucro e retornos e a influência da discricionariedade gerencial na rentabilidade futura dos ativos. Portanto, o trabalho abre novas frentes para estudos relacionados à anomalia dos accruals, como a assimetria informacional, a avaliação de ativos e o gerenciamento de resultados. / This thesis examines the occurrence of the phenomenon known as "accruals anomaly" in the Brazilian capital market. The accruals anomaly refers to abnormal gains with the operation of an investment strategy based on the differential persistence of earnings components, and the association between accruals and returns. The study is driven by three hypotheses: (i) earnings components have a differential persistence, and the financial component (cash flow) has a persistence greater than the economic component (accruals) (ii) the expectation of earnings built into the stock price fails to reflect the difference in the persistence of earnings components (accruals and cash flow), (iii) the construction of a hedge portfolio, taking a long position in assets with low accruals and short position in assets with high accruals generates consistent abnormal returns. Data were obtained from the provider Economatica for the years 1990 to 2008. All listed assets in Bolsa de Valores de Sao Paulo (apart from financial firms) were included. The empirical tests demanded the execution of regressions with panel data to identify the persistence of earnings, its components and components of accruals; the Mishkin test, in order to check whether the market rationally pricing earnings; and the formation of the zero-investment portfolio to examine whether the trading strategy based on accruals provide positive and consistent abnormal returns. The results indicated that the persistence of accruals is lower than the persistence of cash flow, that the accrual component is not mispriced by the market, and that the trading strategy based on accruals do not provide consistent and positive returns, confirming the third hypothesis. Despite the evidence are not encouraging for the purpose of arbitrage, the results proved to be relevant in different perspectives. The methodology has identified, among other things, the quality of earnings and its components, the association between the components of earnings and returns and the influence of managerial discretion in the future profitability of assets. Therefore, the work opens new horizons for studies related to the accruals anomaly, such as information asymmetry, valuation and earnings management.
24

Contribuição à formação de um modelo de avaliação de empresas que considere as abordagens contábeis, econômicas e financeiras

Alaniz, Paulo Ricardo Pinto January 2003 (has links)
O objetivo geral desse estudo é analisar a aplicação da metodologia do fluxo de caixa descontado, comparando os resultados realizados em dois períodos (exercícios) com os resultados projetados. Nessa análise verifica-se que considerando a taxa do WACC de 14,5% e da perpetuidade de 2,5% como premissas para adoção da metodologia do fluxo de caixa descontado com a contabilidade a valores históricos, incluindo o ativo imobilizado acrescido de reavaliação e o registro de créditos tributários sobre prejuízos fiscais, as diferenças apuradas pelos dois critérios não são relevantes. A pesquisa sobre a utilidade do custo histórico como base de valor demonstrou que a principal vantagem na sua utilização está na sua objetividade de apuração dos valores e a principal desvantagem consiste em não considerar os efeitos da variação da moeda no tempo, na contabilidade. A utilização dos princípios de custo histórico corrigido e de valores de reposição (custo corrente) possibilita a identificação de informações gerenciais de alta qualidade, eliminando os efeitos da inflação, contudo a sua elaboração contém certo grau de complexidade e subjetividade que impõe cuidados adicionais e necessita de maiores recursos para manter-se atualizada. O tratamento quanto aos valores de saída/realização possui como principal restrição a subjetividade quanto a forma de sua apuração. O acompanhamento gerencial fornece um enriquecimento das informações, contudo a exemplo dos valores de custo corrente existem restrições quanto ao grau de complexidade necessária para sua apuração. Em empresas que tenham como principal ativo, os valores intangíveis, Iudícibus recomenda que sejam procedidas, pelo menos avaliações anuais dos intangíveis gerados. Os juros sobre o capital próprio deveriam ser tratados de maneira consistente, bem como correspondentes ao custo do capital próprio como forma de resolver a questão da falta de reconhecimento contábil do custo de oportunidade. As conclusões finais que podemos obter são de que o método do fluxo de caixa descontado representa uma tentativa de antecipar os resultados futuros a serem apurados de acordo com o princípio de custo histórico. Portanto, sua adoção não elimina a necessidade de manter-se a contabilidade que utiliza o custo como base de valor, bem como representa amelhor alternativa em termos de metodologia para apuração do valor da empresa, considerando uma empresa que pretende manter a continuidade de suas operações. Outra consideração é de que a empresa vale o seu valor líquido de realização na hipótese de uma venda ordenada ou o valor de seu fluxo de caixa futuro, dos dois o maior.
25

Análise de investimentos para abertura de pontos de venda no setor supermercadista : o caso de uma pequena empresa familiar

Kappel, Rodrigo da Silveira January 2003 (has links)
O grande objetivo em finanças para os gestores das empresas é o de proporcionar aumento de valor aos acionistas. Para que isso possa ser efetivamente implementado, é necessário que o investimento proporcione para o acionista um retorno superior ao custo de oportunidade do seu capital, contemplando o risco do investimento, mensurado através de um modelo de avaliação. Este trabalho apresenta os principais conceitos de avaliação de ativos, destacando a criação de valor como a medida mais importante do desempenho da empresa. O fluxo de caixa descontado é abordado como o método que melhor resume o conceito de criação de valor, destacando-se o fluxo de caixa do acionista e o fluxo de caixa da empresa. Também são apresentados a forma de apuração dos fluxos de caixa, a estimativa das taxas de crescimento, algumas situações especiais onde o fluxo de caixa descontado necessita de adaptações e outros métodos alternativos de análise de investimentos, sendo que nenhum deles é capaz de superar a técnica do valor presente líquido – VPL, pois o método do VPL utiliza todos os fluxos de caixa de um projeto, descontando-os corretamente de acordo com o custo de oportunidade do capital O estudo mostra, ainda, uma rápida explanação das principais técnicas de mensuração do risco e do retorno exigido pelos investidores ou proprietários segundo a teoria de valor, como o CAPM (Capital Asset Price Model), o APM (Arbitrage Pricing Model) e o Multifatorial, destacando-se entre eles a dificuldade de mensuração do custo do capital próprio em empresas de capital fechado no Brasil, para a devida apuração da taxa de desconto. A metodologia proposta é aplicada na avaliação do investimento, em um novo ponto de venda, realizado por uma pequena empresa familiar do setor supermercadista. Dessa forma, ao final do estudo, propõe-se a utilização de uma ferramenta gerencial, baseada no fluxo de caixa descontado, para avaliação de futuros investimentos da empresa, buscando-se assim a maximização de valor para o acionista ou proprietário.
26

Aplicação do modelo de fluxo de caixa para definição do valor de mercado da empresa Linck Agroindustrial Ltda.

Mielczarski, José Airton de Souza January 2003 (has links)
A globalização eliminou, ao longo dos tempos, as fronteiras territoriais para os capitais financeiros e intelectuais e, conseqüentemente, tem exigido dos governos, empresas, administradores e investidores uma enorme variedade de informações para nortear investimentos potencialmente eficientes e geradores de riquezas capazes de atrair e mobilizar esses recursos. Empreendedores modernos, coadunados com essa nova realidade mundial, têm buscado nas teorias da administração financeira elementos importantes na análise de seus planos estratégicos e dos projetos de investimentos, buscando minimizar os riscos e maximizar os recursos financeiros disponíveis e suas estruturas físicas e materiais, além de conhecer e prever os desdobramentos de suas decisões sobre a perpetuidade de suas empresas. Esses novos visionários agregam valor econômico à empresa e aos investidores, pois suas decisões empresariais e de investimentos são tabuladas de forma a projetar seus empreendimentos no longo prazo, afastando, desde já, a insolvência das empresas como suporte sócio-econômico da dinâmica das nações. Os variados modelos desenvolvidos nos campos acadêmicos para as áreas de administração financeira, quer por desconhecimento, descaso dos administradores ou pela complexidade de alguns destes, ainda não foram disseminados para um grande contingente de empresas ao redor do planeta. Certos modelos possuem especificidades restritas ou se prestam a situações especiais. Alguns empreendedores ainda se utilizam dos resultados extraídos da contabilidade tradicional na definição de valor econômico de seus investimentos, de uma maneira geral, dando ênfase aos dados financeiros tradicionais originados na contabilidade Para corrigir está deficiência estrutural, os acadêmicos desenvolveram modelos que, acompanhados dos dados relatados pela contabilidade, da forma como se apresenta na atualidade, complementam e dão suporte aos envolvidos, objetivando a mensuração do valor econômico de seus empreendimentos e a eficiência de suas decisões. Dentre esses variados modelos, pode-se destacar o modelo de fluxo de caixa descontado (DFC), considerado uma ferramenta eficiente para a avaliação de investimentos ao capturar a agregação de valor do projeto no longo prazo e os riscos inseridos no mesmo, muitas vezes negligenciado pelos administradores. O modelo em questão, e os outros mais, serão, sumariamente, conceituados ao longo do presente estudo, buscando identificar as potencialidades de cada um e em que tipo de avaliação pode, ou deve, ser aplicado. Conclusivamente, serão aplicadas todas as premissas abstraídas do modelo DFC, recomendado por COPELAND, KOLLER e MURRIN (2002), ajustado às características da empresa, para conhecer o valor de mercado da Linck Agroindustrial Ltda.
27

O fluxo de caixa pelo método indireto como um instrumento gerencial para a avaliação qualitativa da capacidade de geração de caixa

Guimarães, José de Oliveira January 2002 (has links)
Made available in DSpace on 2009-11-18T19:01:19Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2003 / This dissertation is a study ofthe efficacy ofthe Indirect Cash Flow Method compared to the Direct Cash Flow and to the Uses and Sources Demonstration, as the most recommended tool to evaluate and measure the cash generation as compared to a specific time period. The theoretical framework, is based on Matarazzo (1998), Brigham and Houston (1999), Brasil and Brasil (1992), Sanvicente (1993), Assaf Neto (1991), Falcini (1992), Ross, Westerfield and Jaffe (1995), Hoji (2001), Brigham, Gapenski e Ehrhardt (2001), Campos (1999) e Gitman (2001). The main question was confirmed through an analysis of the financiaI reports of Petrobrás SI A, fiscal years 2001 and 2000. The results of the Indirect Cash Flow ofPetrobrás was compared to its Uses and Sources Demonstration. The study concludes that the indirect cash flow is a useful tool to qualitatively evaluate the capacity of cash generation, but limited to large companies, due to the necessity to have an integrated management information system in order to plan and analyze, which is not always observed in small companies. / O estudo em questão tem por objetivo atestar a eficácia do modelo do Fluxo de Caixa pelo Método Indireto em comparação ao Fluxo de Caixa Direto e à Demonstração de Origens e aplicações de Recursos, como sendo o instrumento mais recomendado para avaliar e mensurar a capacidade de geração de caixa em relação a um determinado período de tempo. O fundamento teórico foi baseado nos seguintes autores: Matarazzo (1998), Brigham e Houston (1999), Vinagre Brasil e Guimarães Brasil (1992); Sanvicente (1993), Assaf Neto (1991), Falcini (1992), Ross, Westerfild e Jaffe (1995), Hoji (2001), Brigham, Gapenski e Ehrhardt (2001), Campos (1999) e Gitman (2001). Para validar a questão central, foi elaborada uma análise dos dados relativos aos demonstrativos da Petrobrás SI A referentes aos anos de 2001 e 2000, comparando-se os resultados observados no Fluxo de Caixa Indireto com os da Demonstração de Origens e Aplicações de Recursos. A pesquisa conclui que o fluxo de caixa pelo método indireto é um instrumento útil para se avaliar qualitativamente a capacidade de geração de caixa, porém limitado às organizações de maior porte, em função da necessidade de um sistema integrado de planejamento e análise de informações gerenciais, que nem sempre é observado no universo das empresas de menor dimensão.
28

Liquidez e fluxo de caixa: um estudo teórico sobre alguns elementos que atuam no processo de formação do caixa e na determinação do nível de liquidez de empresas privadas não financeiras

Sá, Carlos Alexandre 13 August 2004 (has links)
Made available in DSpace on 2008-05-13T13:47:52Z (GMT). No. of bitstreams: 1 1716.pdf: 223836 bytes, checksum: 88440c3410f6f4baa5d577121aaa3e0e (MD5) Previous issue date: 2004-08-13 / There are many works addressing cash flow as an instrument of investment and project analysis. However, especially in Brazil, the literature addressing cash flow as an instrument of liquidity administration is relatively scarce. This issue is particularly relevant for, right now, among the amendments to Law 6.404/76 being considered, is the replacement of the Source and Application of Funds Statement by the Cash Flow Statement, similarly to what has happened in many other countries. This work tries to put together some of the available information concerning this issue, to deepen the existing knowledge about the mechanics of cash generation, to exploit some assumptions which have not yet been considered and to suggest a method for cash flow analysis and interpretation that will allow the managers a better knowledge of their business in order to improve their decision making processes based on cash flow. / O trabalho procura mapear e interpretar o processo de formação de caixa decompondo e analisando as atividades que contribuem para liberar ou retirar recursos do fluxo de caixa. Procura também avançar no problema da determinação do nível ótimo de liquidez que deve ser mantido pelas empresas.
29

EBITDA: 'uma visão critica'

Diaz, Fabio Paniza 26 September 2002 (has links)
Made available in DSpace on 2010-04-20T20:20:34Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2002-09-26T00:00:00Z / Trata-se de uma análise crítica do EBITDA avaliando suas vantagens e desvantagens em relação à outros indicadores, tanto no caso de seu uso como aproximação para o fluxo de caixa, quanto como indicador da capacidade de uma empresa de atender ao serviço de sua dívida. Aborda seu uso como covenant e aponta indicadores alternativos ao uso do EBITDA para dar cobertura a contratos financeiros
30

Sensibilidade do investimento ao fluxo de caixa: evidência de empresas brasileiras

Claudio, Alexandre Kogake 15 October 2010 (has links)
Submitted by Cristiane Oliveira (cristiane.oliveira@fgv.br) on 2011-05-27T19:46:31Z No. of bitstreams: 1 68070200639.pdf: 163620 bytes, checksum: db0dcdfac755cf2d78320acc550992c6 (MD5) / Approved for entry into archive by Gisele Isaura Hannickel(gisele.hannickel@fgv.br) on 2011-05-30T11:34:05Z (GMT) No. of bitstreams: 1 68070200639.pdf: 163620 bytes, checksum: db0dcdfac755cf2d78320acc550992c6 (MD5) / Approved for entry into archive by Gisele Isaura Hannickel(gisele.hannickel@fgv.br) on 2011-05-30T11:40:17Z (GMT) No. of bitstreams: 1 68070200639.pdf: 163620 bytes, checksum: db0dcdfac755cf2d78320acc550992c6 (MD5) / Made available in DSpace on 2011-05-30T15:35:14Z (GMT). No. of bitstreams: 1 68070200639.pdf: 163620 bytes, checksum: db0dcdfac755cf2d78320acc550992c6 (MD5) Previous issue date: 2010-10-15 / A relação entre investimentos e fluxo de caixa tem sido utilizada como evidência do efeito da restrição financeira sobre as firmas. Neste caso, a decisão de investimento dependeria, além da expectativa de retorno e do custo de capital, da diferença entre o custo de financiamento externo e o financiamento interno, o que resulta em um modelo diferente do convencional de mercados perfeitos. Os estudos empíricos neste campo têm demonstrado que o nível de investimento é mais sensível à disponibilidade de recursos internos do que às oportunidades de investimento. No entanto, os resultados dos testes têm apresentado divergência quanto ao efeito do grau de restrição financeira sobre a sensibilidade investimento- fluxo de caixa. Alguns estudos apresentaram uma maior sensibilidade para grupos identificados a priori como financeiramente restritos, enquanto outros encontraram a relação inversa. A dificuldade de se medir diretamente o grau de restrição financeira de uma firma resulta na necessidade dos pesquisadores de encontrar variáveis que possam ser utilizadas para classificar indiretamente as firmas em grupos com diferentes níveis de restrição financeira. Exemplos destas variáveis são o tamanho da firma, o nível de distribuição de dividendos e o índice de restrição financeira. A hipótese de que a inter-relação entre estas variáveis possa ser a causa para os resultados divergentes é testada nesta dissertação com dados de empresas brasileiras. O teste empírico se baseou em regressões dentro dos subgrupos de restrição financeira para verificar se as variáveis indicativas mantinham o seu poder de explicação. O resultado do teste foi negativo, ou seja, indica que a inter-relação entre as variáveis pode ser a causa para os resultados divergentes e, mais do que isso, aponta para a necessidade de identificação de uma nova variável para ser utilizada na classificação de firmas com diferentes graus de restrição financeira.

Page generated in 0.056 seconds