• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 27
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 28
  • 28
  • 28
  • 10
  • 10
  • 7
  • 6
  • 6
  • 5
  • 5
  • 5
  • 5
  • 5
  • 5
  • 5
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Caminhos do desejo : uma abordagem antropologica das relações homoeroticas femininas em Belo Horizonte

Carvalho, Tamara Teixeira de 22 September 1995 (has links)
Orientador: Maria Suely Kofes / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas / Made available in DSpace on 2018-07-20T16:23:06Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Carvalho_TamaraTeixeirade_M.pdf: 3934117 bytes, checksum: 527ece03a410366591c29d6d31337099 (MD5) Previous issue date: 1995 / Resumo: Esta Dissertação de Mestrado tem como objetivo compreender uma face da sexualidade feminina: a trajetória afetivo sexual de mulheres que privilegiaram, em um período significativo de suas vidas, os contatos masculinos, e hoje se encontram envolvidas em relacionamentos com outras mulheres. A partir de uma pesquisa de campo e do material teórico disponível, busca-se compreeender essas relações e situá-Ias no contexto social dos anos 80 e início dos anos 90 / Abstract: Not informed / Mestrado / Mestre em Antropologia Social
2

Reprodução assistida entre mulheres homossexuais

Silva, Jaylla Maruza Rodrigues de Souza e January 2011 (has links)
128 f. / Submitted by Ana Valéria de Jesus Moura (anavaleria_131@hotmail.com) on 2013-04-01T15:29:47Z No. of bitstreams: 1 JAYLLA MARUZA RODRIGUES DE SOUZA E SILVA.pdf: 622756 bytes, checksum: f5b2a7f8a048cd543819c0797d487daa (MD5) / Approved for entry into archive by Ana Valéria de Jesus Moura(anavaleria_131@hotmail.com) on 2013-04-01T15:32:13Z (GMT) No. of bitstreams: 1 JAYLLA MARUZA RODRIGUES DE SOUZA E SILVA.pdf: 622756 bytes, checksum: f5b2a7f8a048cd543819c0797d487daa (MD5) / Made available in DSpace on 2013-04-01T15:32:13Z (GMT). No. of bitstreams: 1 JAYLLA MARUZA RODRIGUES DE SOUZA E SILVA.pdf: 622756 bytes, checksum: f5b2a7f8a048cd543819c0797d487daa (MD5) Previous issue date: 2011 / Esta dissertação tem como objetivo examinar a possibilidade de casais homossexuais femininos procriarem sem ferir sua orientação sexual. Isto seria possível, por meio das técnicas de reprodução humana assistida. No cenário legislativo atual, não há uma lei que enfrente do tema de forma específica. O Conselho Federal de Medicina editou recentemente, ato normativo (Res. 1957/2010) que legitima os homossexuais a fazerem uso da reprodução assistida. Tal resolução revogou a antiga de nº 1.358/92. Ainda, existem 05 (cinco) projetos de lei, todos apensados ao de nº 1.184/2003 (substitutivo do PL nº 90/99), que se encontra no plenário, sujeito a aprovação. Diante da falta de tutela legal, os casais homossexuais recorrem ao judiciário para alcançarem a proteção pleiteada. Três são os casos trazidos neste trabalho. Todos os casais utilizaram ações judiciais diferentes, e todas foram julgadas procedentes, resultando na autorização para o registro da criança em nome de duas mães. O trabalho está dividido em 04 partes principais, assim distribuídas: a primeira analisa as técnicas de reprodução humana assistida e a possibilidade de casais homossexuais femininos utilizá-las mediante o critério de infertilidade por orientação sexual. A seguinte examina o tratamento desigual imposto às mulheres e homossexuais ao longo de anos e os princípios constitucionais que garantem proteção a todos os cidadãos, inclusive aos casais homossexuais. A terceira traz o cenário normativo do País e de alguns países estrangeiros. A última parte trata dos casos brasileiros, trazidos como amostras da possibilidade fática da reprodução assistida entre mulheres homossexuais, inclusive com suas ações judiciais, posicionamento e fundamentação utilizadas pelos juízes para julgar procedentes as referidas ações. / Salvador
3

O branco e o vermelho : estudo sobre a sexualidade feminina

Vieira, Wilson de Campos 09 December 1994 (has links)
Orientador: Luiz Roberto Monzani / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas / Made available in DSpace on 2018-07-20T09:12:54Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Vieira_WilsondeCampos_D.pdf: 3624761 bytes, checksum: 04c8bc58c8539d376b09a32743168965 (MD5) Previous issue date: 1994 / Doutorado / Doutor em Filosofia
4

Problematizando articulações entre gênero, sexualidade e envelhecimento : um estudo com mulheres frequentadoras de bailes na cidade de Fortaleza / DISCUSSING JOINTS BETWEEN GENDER , SEXUALITY AND AGING : A study of women frequenters balls in Fortaleza (Inglês)

Barroso, Karoline Sampaio Nunes 30 March 2015 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-29T23:54:06Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2015-03-30 / This paper examines elements of discursive production on aging and analyzes implications of gender and sexuality from social representations of old age using the space of dance dances. The justification of this research is supported in diffuse social representations and practices that protect the elderly subjects, marking them as subjects unable, asexual, weak and decadent. Another important element in this context refers to the increasing life expectancy of the population, along with advancement of aesthetic medicine, greater accessibility to health care services and technologies related to sexual performance. These advances have occasioned people to maintain good physical and cognitive conditions for longer. Therefore, this research aims to analyze the discourses on aging, gender and sexuality from the social representations of aging and its effects on sexuality trial in older women. It consists of a theoretical and methodological walked from the Cultural Studies, Gender Studies and Feminist Studies. The results were produced from approaches to the ethnographic and dialogues approaches with participants older women dancing balls in the form of "contract" or "record" (they pay for men dancers services). Spaces driven research are traditional clubs in the city of Fortaleza - CE - that weekly promote the modalities of the above dances. The survey data were treated from the Discourse Analysis - inspired by Foucault's theories. Older women occupy these spaces of sociability dancing with freedom and autonomy, without fear, without regulatory looks of society, a place with an opportunity of experiencing pleasure, happiness, opportunity to enjoy new emotions. The results produced enabled production categories with evidence of linkage of the aging process between gender and sexuality, as important elements in the construction of old age and production of ways of life and social and cultural experiences of older women. Keyword: Aging; Gender; Sexuality; Women's. / Este trabalho analisa elementos da produção discursiva sobre envelhecimento e analisa implicações de gênero e sexualidade a partir de representações sociais da velhice utilizando o espaço dos bailes de dança. A justificativa desta pesquisa encontra respaldo nas difusas representações e práticas sociais que tutelam os sujeitos idosos, marcando-os como sujeitos incapazes, assexuados, frágeis e decadentes. Outros elementos importantes nesta contextualização referem-se ao crescente aumento da expectativa de vida da população brasileira, juntamente com o avanço da medicina estética, à maior acessibilidade aos cuidados em saúde e às tecnologias voltadas ao desempenho sexual. Esses avanços têm ensejado que as pessoas mantenham boas condições físicas e cognitivas por maior tempo. Portanto, esta pesquisa tem o objetivo de compreender os discursos sobre envelhecimento, através da intersecção com gênero e sexualidade a partir das representações sociais da velhice entre frequentadoras dos bailes. Consiste em um estudo teórico e metodologicamente orientado a partir dos Estudos Culturais, Estudos de Gênero e Estudos Feministas. Os resultados apresentados foram produzidos a partir de aproximações com as abordagens etnográficas e interlocuções com mulheres idosas participantes dos bailes dançantes na modalidade por contrato ou ficha (que pagam pelos serviços de homens dançarinos). Os espaços acionados na pesquisa foram clubes tradicionais na cidade de Fortaleza CE que promovem semanalmente as modalidades de bailes supracitados. Os dados da pesquisa foram tratados a partir da Análise de Discurso inspirada nas teorizações foucaultianas. As mulheres idosas ocupam estes espaços de sociabilidades dançantes com liberdade e autonomia, sem medo, sem olhares regulatórios da sociedade, locais com possibilidade de vivenciar o prazer e a felicidade e que proporcionará oportunidades de desfrutar novas emoções. Os resultados produzidos possibilitaram produção de categorias que apresentam evidências da articulação do processo de envelhecimento entre gênero e sexualidade como elementos importantes na construção da velhice e na produção dos modos de vida e experiências sociais e culturais das mulheres idosas. Palavra-chave: Envelhecimento; Gênero; Sexualidade; Mulheres.
5

A AIDS e as mulheres jovens: uma questao de vulnerabilidade

Sanches, Katia Regina de Barros. January 1999 (has links)
Doutor -- Escola Nacional de Saude Publica, Rio de Janeiro, 1999.
6

Um estudo intergeracional sobre autonomia e iniciação sexual de universitárias e suas mães

Donati, Fabiana Augusta [UNESP] 17 March 2015 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-06-17T19:34:16Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2015-03-17. Added 1 bitstream(s) on 2015-06-18T12:49:10Z : No. of bitstreams: 1 000831981.pdf: 588267 bytes, checksum: db599b505e55269133f16172907f67cf (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / A autonomia sobre as próprias decisões e especialmente em relação à sexualidade e à iniciação sexual são temas que preocupam educadores, familiares e a sociedade em geral, especificamente quando é abordado o agrupamento jovens mulheres. Procurando compreender a dinâmica intergeracional, existente entre mães e filhas, nesse contexto, este estudo fez parte de uma pesquisa que investigou a educação intergeracional sobre a autonomia e a iniciação sexual de universitárias e suas mães de uma escola privada do interior de São Paulo. Foi realizado um levantamento inicial com o objetivo de identificar o padrão comportamental das estudantes, e o instrumento utilizado foi um questionário fechado quantitativo, que pesquisou, além do comportamento sexual, também nível sócio-econômico, estado civil, religião e uso do preservativo. Foi aplicado em 218 alunas, de seis cursos nas áreas de humanas e saúde. Com relação às categorizações para a situação afetiva das alunas, 43,5% delas estavam na categoria relacionamento estável - namoro, 29,9% na categoria só ou ficando e 26,6% eram alunas casadas. A maioria das estudantes intituladas jovens, condizentes com a categorização do estatuto da juventude (idade entre 15 e 29 anos), compunha 75,0% das participantes na pesquisa. Do total de alunas que apresentaram vida sexual, 187 participantes, a idade média da iniciação sexual destas universitárias foi 17 anos, e em relação ao uso de preservativo na primeira relação sexual, 66,7% destas mulheres jovens declararam ter usado e na última relação esta porcentagem caiu para 35,3% de uso. Em relação à religião 47,2% se declararam católicas, 13,7% espíritas e 33,5% evangélicas. Os resultados mostraram um grande número de universitárias com vida sexual, independente do nível sócio-econômico e da área de conhecimento. Na dinâmica intergeracional observou-se maior interação mãe-filha nas participantes... / The autonomy over their own decisions and especially in relation to sexuality and sexual initiation are issues of concern to educators, families and society in general, specifically when dealing with young women. Trying to understand the intergenerational dynamics, that exist between mothers and daughters, in this context, this study was part of a larger study that investigated the intergenerational education on autonomy and sexual initiation among university students from a private institution in the interior of São Paulo. We conducted a baseline survey in order to identify the behavioral patterns of students and the instrument used was a quantitative closed questionnaire that surveyed the sexual behavior, socioeconomic status, marital status, religion and condom use. The questionnaire was applied to 218 students from six courses in the humanities and health. Regarding the affective situation of the students, 43.5% were in stable relationships - dating, 29.9% were single or with someone and 26.6% were married students. Most students were classified as young according to the categorization of Statute of Youth (aged 15 to 29 years), comprised 75.0% of the research participants. Of the students who reported sexual life, 187 participants, the average age of sexual initiation of these university students was 17, and in relation to condom use at first sexual intercourse, 66.7% of young women reported using and about last relationship this percentage dropped to 35.3%. With regard to religion 47.2% declared themselves catholic, 13.7% spiritualists and 33.5% evangelical. The results showed a large number of students with active sexual life, regardless of socioeconomic level and area of expertise. A greater mother-daughter interaction was observed in the intergenerational dynamics in more autonomous participants, but this data was not considered unique for autonomy. The assumption that sexual initiation occurred in an autonomous way is...
7

Um estudo intergeracional sobre autonomia e iniciação sexual de universitárias e suas mães /

Donati, Fabiana Augusta. January 2015 (has links)
Orientador: Raul Aragão Martins / Banca: Ana Cláudia Bortolozzi Maia / Banca: Tânia Suely Antonelli Marcelino Brabo / Banca: Angela Mara de Barros Lara / Banca: Leonardo Lemos de Souza / Resumo: A autonomia sobre as próprias decisões e especialmente em relação à sexualidade e à iniciação sexual são temas que preocupam educadores, familiares e a sociedade em geral, especificamente quando é abordado o agrupamento "jovens mulheres". Procurando compreender a dinâmica intergeracional, existente entre mães e filhas, nesse contexto, este estudo fez parte de uma pesquisa que investigou a educação intergeracional sobre a autonomia e a iniciação sexual de universitárias e suas mães de uma escola privada do interior de São Paulo. Foi realizado um levantamento inicial com o objetivo de identificar o padrão comportamental das estudantes, e o instrumento utilizado foi um questionário fechado quantitativo, que pesquisou, além do comportamento sexual, também nível sócio-econômico, estado civil, religião e uso do preservativo. Foi aplicado em 218 alunas, de seis cursos nas áreas de humanas e saúde. Com relação às categorizações para a situação afetiva das alunas, 43,5% delas estavam na categoria relacionamento estável - namoro, 29,9% na categoria só ou ficando e 26,6% eram alunas casadas. A maioria das estudantes intituladas jovens, condizentes com a categorização do estatuto da juventude (idade entre 15 e 29 anos), compunha 75,0% das participantes na pesquisa. Do total de alunas que apresentaram vida sexual, 187 participantes, a idade média da iniciação sexual destas universitárias foi 17 anos, e em relação ao uso de preservativo na primeira relação sexual, 66,7% destas mulheres jovens declararam ter usado e na última relação esta porcentagem caiu para 35,3% de uso. Em relação à religião 47,2% se declararam católicas, 13,7% espíritas e 33,5% evangélicas. Os resultados mostraram um grande número de universitárias com vida sexual, independente do nível sócio-econômico e da área de ... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: The autonomy over their own decisions and especially in relation to sexuality and sexual initiation are issues of concern to educators, families and society in general, specifically when dealing with young women. Trying to understand the intergenerational dynamics, that exist between mothers and daughters, in this context, this study was part of a larger study that investigated the intergenerational education on autonomy and sexual initiation among university students from a private institution in the interior of São Paulo. We conducted a baseline survey in order to identify the behavioral patterns of students and the instrument used was a quantitative closed questionnaire that surveyed the sexual behavior, socioeconomic status, marital status, religion and condom use. The questionnaire was applied to 218 students from six courses in the humanities and health. Regarding the affective situation of the students, 43.5% were in stable relationships - dating, 29.9% were single or with someone and 26.6% were married students. Most students were classified as young according to the categorization of Statute of Youth (aged 15 to 29 years), comprised 75.0% of the research participants. Of the students who reported sexual life, 187 participants, the average age of sexual initiation of these university students was 17, and in relation to condom use at first sexual intercourse, 66.7% of young women reported using and about last relationship this percentage dropped to 35.3%. With regard to religion 47.2% declared themselves catholic, 13.7% spiritualists and 33.5% evangelical. The results showed a large number of students with active sexual life, regardless of socioeconomic level and area of expertise. A greater mother-daughter interaction was observed in the intergenerational dynamics in more autonomous participants, but ... (Complete abstract click electronic access below) / Doutor
8

Envelhecer com HIV/AIDS : um estudo sobre a proliferação de HIV/AIDS em mulheres na cidade de Goiânia

Nascimento, Ana Júlia Rodrigues do 31 January 2014 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Intituto de Ciências Sociais, Departamento de Sociologia, 2015. / Submitted by Fernanda Percia França (fernandafranca@bce.unb.br) on 2016-09-15T22:03:42Z No. of bitstreams: 1 2016_AnaJúliaRodriguesdoNascimento.pdf: 4215982 bytes, checksum: 78658c43e9a2a66f8160c9dd18b935cd (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana(raquelviana@bce.unb.br) on 2017-01-05T18:47:01Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_AnaJúliaRodriguesdoNascimento.pdf: 4215982 bytes, checksum: 78658c43e9a2a66f8160c9dd18b935cd (MD5) / Made available in DSpace on 2017-01-05T18:47:01Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_AnaJúliaRodriguesdoNascimento.pdf: 4215982 bytes, checksum: 78658c43e9a2a66f8160c9dd18b935cd (MD5) / A partir de observações empíricas e dados estatísticos divulgados pelo Ministério da Saúde, pela mídia e trabalhos acadêmicos na área da saúde e das ciências sociais, sabe-se que o número de mulheres infectadas pelo vírus HIV e doentes de AIDS aumentou consideravelmente no Brasil nos últimos anos. As causas do aumento são instigantes e motivaram o desenvolvimento dessa tese, que investiga o aumento dos índices de contaminação de mulheres na faixa etária a partir dos 35 anos, na cidade de Goiânia (Goiás). Esta tese sustenta a hipótese de que as mudanças na sexualidade feminina - a desvinculação do sexo do fator reprodutivo, as conquistas feministas, a liberdade sexual das mulheres – e, em contrapartida, a falta significativa de informação desse segmento sobre a necessidade do uso de métodos preservativos, principalmente porque mulher não era considerada população de risco e não fez parte de sua cultura. A utilização de métodos preservativos veio a ocorrer mais tarde, uma vez que a elas cabia apenas o sexo para reprodução, sobretudo com um parceiro fixo, o marido ou o companheiro. A invisibilidade das doenças sexualmente transmissíveis - situações causais paradoxais que culminaram no aumento da contaminação do grupo de mulheres na faixa etária a partir dos 35 anos não era considerada prioridade. Além desses fatores, evidenciaram-se outros, tais como o machismo, a ampliação do uso de medicamentos para manter a ereção masculina e a falta de negociação das mulheres com seus parceiros, cônjuges, maridos, namorados e companheiros sobre o uso de preservativos, visto que a mulher não tem pleno controle sobre seu corpo. Consequentemente, não parece caber a ela o poder de decidir ou de afirmar sua vontade de usar o preservativo, principalmente quando de relações mais longas e duradouras. Esses argumentos reforçam que o feminismo e a liberdade sexual conscientes não ocorreu de forma equivalente em todos os segmentos de mulheres. É nesse contexto que a pesquisa empírica se realiza. _________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / From empirical observations and statistical data from the Ministry of Health, the media and academic works in health and social sciences, it is known that the number of HIV-infected and AIDS patient’s women has increased considerably in Brazil in the past years. The causes of the increase are thought-provoking and motivators to the development of this thesis, which investigates the increase in contamination rates of women aged from 35 years in Goiânia (Goiás). This thesis supports the hypothesis that changes in female sexuality - the disassociation of sex from reproduction factor, feminist achievements, sexual freedom of women, in contrast of a significant lack of information of this segment on the need to use condoms methods, mainly because women were not considered at-risk population and so the condom use was not part of their culture. Condom use methods came later for them, since it was up to them just sex for reproduction, especially with a steady partner, husband or companion. The invisibility of sexually transmitted diseases - paradoxical causal situations that resulted in increased contamination of the group of women aged from 35 years was not considered a priority. In addition to these factors others came out - such as male chauvinism, increased use of drugs to keep the male erection and lack of women negotiation with their partners, spouses , husbands , boyfriends and partners about using condoms, since women do not have full control over their body. Thus, the power to decide or to affirm her willingness to use condoms does not seem to fit her, especially when she is involved in a longer lasting relationship. These arguments reinforce that the conscious feminism and sexual freedom did not occur equivalently in all women segments. It is in this context that empirical research is done. _________________________________________________________________________________________________ RESUMEN / A partir de observaciones empíricas y de datos estadísticos del Ministerio de Salud, de los medios de comunicación y del trabajo académico en las ciencias sociales y de la salud, se sabe que el número de mujeres infectadas por el VIH y los enfermos de SIDA, aumentaron considerablemente en Brasil en los últimos años. Las causas del aumento son instigadoras y motivan el desarrollo de esta tesis, que investiga el aumento de las tasas de contaminación de las mujeres con edades comprendidas entre 35 años en Goiânia (Goiás). Esta tesis se apoya en la hipótesis de que los cambios en la sexualidad femenina - la disociación del sexo del factor de reproducción, los logros feministas, la libertad sexual de las mujeres, en contraparte, una importante falta de información de este segmento sobre la necesidad de utilizar métodos de condones, principalmente porque las mujeres no eran consideradas en situación de riesgo de la población, no hicieron parte de su cultura. Métodos de uso del preservativo llegaron más tarde, ya que a ellas cabía sólo el sexo para la reproducción, sobre todo con un par estable, esposo o pareja. La invisibilidad de las enfermedades de transmisión sexual - situaciones paradójicas causales que dieron como resultado el aumento de la contaminación del grupo de mujeres con edades a partir de 35 años, no se consideró una prioridad. Además de estos factores, se demostró que otros factores - como el machismo, el mayor uso de medicamentos para mantener la erección masculina y la falta de negociación das mujeres con sus parejas, esposos, novios y socios sobre el uso de condones, ya que las mujeres no tienen un control total sobre su cuerpo. Por lo tanto, no parece caber a ella el poder de decidir o de afirmar su voluntad de utilizar los preservativos, especialmente cuando las relaciones son más largas y perdurables. Estos argumentos refuerzan que el feminismo consciente y la libertad sexual no se producen de forma equivalente en todos los segmentos de las mujeres. Es en este contexto que la investigación empírica se hace. _________________________________________________________________________________________________ RESUMÉ / A partir des observations empiriques et statistiques diffusées par le Ministère de la Santé, par le médias et les recherche scientifiques des études de la santé et des sciences sociales, on sait que le numero des femmes contaminées par le vírus HIV et les malades du SIDA, ont agrandi considerablement au Brésil dans les dernières anées. Les motifs de l’agrandissement sont curieux et encouragent le dévélopment de cette thèse, qui propose à investiguer le croissance des indices de contamination des femmes dans l’agê a partir de 35 ans, dans la ville de Goiânia (Goiás). Cette thèse est construite selon l’hypothèse que les changements dans la sexualité feminine – la dissociation entre sexe et le facteur de reproduction, les réalisations feministes, la liberté sexuelle des femmes, par contre, le manque significatif d’information de c'est segment sur la necessité d’usage des méthodes de prevention, principalement parce que les femmes n’ont été consideré comme population de risque, donc la prevention n'ai fait pas parti de leur culture. L’utilisation des méthodes de prévéntion ont commencé quelques annés plus tard, car la fonction des femmes était de faire sexe pour reproduire, avec une unique personne, quelle soit un mari ou un copain. L’invisibilité des maladies sexuellement transmissibles – situations paradoxales qu’ont culminé dans le croissance de la contamination du groupe de femmes dans l’age a partir de 35 ans, n’ont été pas consideré comme priorité. Autres facteurs que peut être souligné sont le machisme, l’ampliation d’usage des médicaments pour maintenir l’erection des hommes et le manque de negociation des femmes avec ses partenaires, copains, maris, petits-amis, sur l’usage Du préservatif, alors que les femmes n’ont pas le controle sur ses propres corps. Selon ses déclarations, la decision de pouvoir decider sur l’usage du preservatif ne semble pas un droit des femmes, surtout dans les relations qui durent plus longtemps. Ces arguments renforcent que le feminisme et la liberté sexuelle n’ont pas occur de la meme façon dans tous les segments des femmes. C’est dans ce contexte que la recherche scientifique se realise.
9

Freud e a sexualidade da mulher : vida pessoal, clínica, teoria e contemporaneidade

Vieth, Giovana Duailibe de Abreu 12 July 2013 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Programa de Pós-Graduação em Psicologia Clínica e Cultura, 2013. / Submitted by Albânia Cézar de Melo (albania@bce.unb.br) on 2013-09-16T15:12:56Z No. of bitstreams: 1 2013_GiovanaDuailibeAbreuVieth.pdf: 1311835 bytes, checksum: 8ce377f3898edd6c6ca113f706f77f17 (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2013-09-17T11:44:49Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2013_GiovanaDuailibeAbreuVieth.pdf: 1311835 bytes, checksum: 8ce377f3898edd6c6ca113f706f77f17 (MD5) / Made available in DSpace on 2013-09-17T11:44:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2013_GiovanaDuailibeAbreuVieth.pdf: 1311835 bytes, checksum: 8ce377f3898edd6c6ca113f706f77f17 (MD5) / O presente trabalho possui como objetivo apresentar a relação de Freud com a sexualidade da mulher, primeiramente, em três âmbitos: relações pessoais, clínico e teórico. No primeiro âmbito, a relação entre Freud e a sexualidade da mulher é discutida pela sua relação com sua filha Anna Freud. No segundo âmbito, apresenta-se a escrita do caso clínico de Anna Freud, também sua paciente. Já no terceiro âmbito, faz-se um mapeamento de ideias que versam sobre a sexualidade da mulher na obra de Freud, no sentido de apresentar a evolução teórica pela qual a obra passa ao longo do tempo. Esse percurso, em seus três primeiros âmbitos, é feito como um retorno à Freud, indispensável para se chegar ao último âmbito desse estudo, que é a psicanálise contemporânea. Nesse sentido, serão apresentadas as ideias de autores da psicanálise contemporânea sobre a crise que está na teoria e no trabalho de tratamento frente às demandas atuais. Só após essa abordagem geral da crise é que se passará para a crítica das concepções atuais acerca da sexualidade da mulher, sob o viés psicanalítico. O trabalho é concluído com a construção de diretrizes que podem servir ao trabalho de psicanálise na atualidade, afirmando seu status de clínica da sexualidade da mulher. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT / This work aims to present Freud`s relation with women s sexuality, primarily in three areas: personal relations, clinical and theoretical. In the first area, the relationship between Freud and women s sexuality is discussed through his relationship with his daughter Anna Freud. In the second part, we present the written clinical case of Anna Freud, also his patient. In the third part, ideas that deal with women's sexuality in Freud's work are mapped out in order to present the theoretical evolution of this construct in his work over time. This course, with its first three areas, is important as a return to Freud, essential to reach the last area of this study, which is contemporary psychoanalysis. In this sense, we present ideas from contemporary psychoanalysis authors about the crisis that is faced by theory and treatment work regarding current demands. Only after this general approach about the crisis, will be presented the critique of the current conceptions about women's sexuality under the psychoanalytical theory. This work is completed with the construction of guidelines that can serve the work of psychoanalysis today, claiming its status of women's sexuality clinic.
10

Amores exilados: revelações sobre a sexualidade enclausurada / Amores exiles: revelations about sexuality cloistered

ZARANZA, Janaina Sampaio January 2004 (has links)
ZARANZA, Janaina Sampaio. Amores exilados: revelações sobre a sexualidade enclausurada. 2004. 181f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Sociologia, Fortaleza (CE), 2004. / Submitted by Márcia Araújo (marcia_m_bezerra@yahoo.com.br) on 2014-01-21T15:43:06Z No. of bitstreams: 1 2004-DIS-JSZARANZA.pdf: 946008 bytes, checksum: 9fe4a9453bba8061465143e70948d9db (MD5) / Approved for entry into archive by Márcia Araújo(marcia_m_bezerra@yahoo.com.br) on 2014-01-21T16:12:39Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2004-DIS-JSZARANZA.pdf: 946008 bytes, checksum: 9fe4a9453bba8061465143e70948d9db (MD5) / Made available in DSpace on 2014-01-21T16:12:39Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2004-DIS-JSZARANZA.pdf: 946008 bytes, checksum: 9fe4a9453bba8061465143e70948d9db (MD5) Previous issue date: 2004 / This dissertation aims at understanding affective relations that women develop within a space in which they are denied liberty; having as its dominant theme the intimate visit (a benefit conferred the inmate to receive someone on an affective or sexual visit). It is explained how the game of sexual interests is developed within prison’s daily activities involving women with their male and female partners (dealing as well with homoaffective and bisexual relations), people which live not only within but outside the jail, compounding in this way the concept of “Intimate Visit” and demonstrating how this practice is constructed in order to help female inmates lead a sexual life, relating with a male or female partner and maintaining bonds with their families. Besides affective and familiar relations, other types of relations are considered in this work in respect to the complexity of life within prison walls including relations with social agents and policemen. Therefore, it is also considered the role of those social agents as characters who populated as a whole the prison’s universe and whose postures, decisions and actions investigated during the field research are important to the analysis. / Esta dissertação tem o intuito de compreender as relações afetivas que as mulheres constroem em um espaço de privação de liberdade, tendo como fio condutor o benefício da Visita Íntima (Benefício que garante direito de encontro tanto afetivo como sexual para mulheres encarceradas). Elucido como se dá o jogo de interesses sexuais dentro do cotidiano do cárcere, o envolvimento das mulheres com seus companheiros e companheiras (investigando também relações homoafetivas e bissexuais), que estão no mundo externo e interno do cárcere, percebendo assim a “Visita Íntima”, demonstrando como se dá a construção deste percurso, o qual as mulheres detentas perpassam para vivenciarem sua sexualidade e se relacionarem com o companheiro, a companheira, filhos e a família. Além das relações afetivas e familiares, considero outros tipos de relações que as mulheres constroem dentro da complexidade do cotidiano do presídio, como a relação social com outros agentes prisionais e policiais. Portanto, também levo em consideração a participação dos agentes sociais citados acima, como figuras que percorrem todo universo prisional, através de posturas, decisões, ações e reações no interior do espaço do cárcere que através da pesquisa de campo, mostraram-se significativos para a análise.

Page generated in 0.1009 seconds