• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 157
  • 1
  • Tagged with
  • 159
  • 112
  • 69
  • 30
  • 25
  • 23
  • 20
  • 17
  • 15
  • 15
  • 13
  • 13
  • 13
  • 13
  • 12
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
31

Efeitos do treinamento de força associado à oclusão vascular na dor, força, hipertrofia, funcionalidade e qualidade de vida em pacientes com osteoartrose de joelho / Effects of strength training associated with vascular occlusion in pain, strength, hypertrophy, functionality and quality of life in patients with osteoarthritis of the knee

Rodrigo Branco de Araújo Silveira Ferraz 14 November 2014 (has links)
A osteoartrose (OA) de joelho é uma das doenças osteomioarticulares mais comuns no mundo, afetando 2693 em cada 100.000 mulheres e 1770 em cada 100.000 homens. Embora o treinamento de força (TF) seja amplamente recomendado para a melhoria das debilidades físicas encontradas em pacientes com OA, o uso de cargas entre 70-85% da força dinâmica máxima (FDM) pode ser limitado não somente pela dor, mas também pela própria etiologia da doença, representando uma limitação para esta prática. O treinamento de força associado à oclusão vascular (TFOV) baseia-se na execução do TF em intensidades entre 20 e 50% da FDM, combinado à oclusão do fluxo sanguíneo através do uso de torniquetes. Estudos têm mostrado que a magnitude das mudanças na força e massa musculares após um período de treinamento com esta técnica é similar as causadas pelo TF de alta intensidade (70-85% FDM) sem adição da oclusão vascular. O objetivo do presente trabalho foi investigar a eficácia da associação da oclusão vascular ao TF como modelo de intervenção não farmacológica para melhoria da dor, força muscular, funcionalidade e qualidade de vida em pacientes diagnosticadas com OA de joelho. Diante disso, 48 participantes mulheres foram randomicamente distribuídas em três grupos: treinamento de força de baixa intensidade (TFB), treinamento de força de alta intensidade (TFA) ou treinamento de força de baixa intensidade associado à oclusão vascular (TFOV) e receberam treinamento duas vezes por semana durante doze semanas. No período basal e após a intervenção, as pacientes passaram por avaliações físicas (testes de funcionalidade e força), responderam questionários de qualidade de vida e de dor (índice WOMAC \"Western Ontario and McMaster Universities Osteoarthritis Index\" e SF-36 \"The Short Form 36 Health Survey\") e exame de imagem da área da secção transversa (AST) do músculo quadríceps por meio de tomografia computadorizada. Durante o período de treinamento, quatro pacientes do grupo TFA foram excluídas do protocolo por dor no joelho. Após a intervenção, no WOMAC, apenas os grupos TFOV e TFB apresentaram diminuições significativas na dor (p=0,0358 e p=0,0044, respectivamente), nos demais domínios, o único grupo que apresentou diminuições significativas de escore foi o TFOV (rigidez: p=0,0167 e funcionalidade p=0,0358). Nos testes de funcionalidade, os grupos TFOV e TFA apresentaram aumentos significativos no desempenho do \"Timed-stands test\" (p=0,0251 e p=0,003), no \"Timed-up-and-go\" não foram encontradas melhoras significantes nos grupos. Com relação a força, apenas os grupos TFOV e TFA aumentaram significativamente os valores no leg-press (p<0,0001) e na extensão de joelhos (p<0,0001). Comportamento similar foi encontrado no aumento da AST, grupos TFOV e TFA apresentaram aumentos significativos (p<0,0001). A melhora de qualidade de vida foi significante nos três grupos quando analisamos a somatória dos domínios do WOMAC (TFOV: p=0,0173; TFA: p=0,0438; TFB: p=0,0301), porém o SF-36 não foi capaz encontrar melhoras significativas nos grupos. Dessa forma, concluímos que o TFOV apresenta-se como uma estratégia relevante e segura de intervenção não farmacológica para mulheres acometidas por OA sintomática de joelhos, constituindo um modelo de tratamento capaz de induzir adaptações funcionais e morfológicas de grande interesse para esta população / Osteoarthritis (OA) of the knee is one of the most common articular disease worldwide, affecting 100,000 women in 2693 and 1770 in every 100,000 men. Although strength training (ST) is widely recommended for improving the physical weaknesses found in patients with OA, using loads between 70-85% of maximal dynamic strength (MDS) can be limited not only by pain, but also by the own etiology of the disease, representing a limitation of this practice. Strength training associated with vascular occlusion (STVO) is based on the execution of the ST at intensities between 20 and 50% of MDS, combined with the occlusion of blood flow through the use of tourniquets. Studies have shown that the magnitude of changes in strength and muscle mass after a period of training this technique is similar to those caused by high-intensity ST (MDS 70-85%) without the addition of the vascular occlusion. The objective of this study was to investigate the efficacy of the combination of vascular occlusion to the ST as non pharmacologic intervention model for improving pain, muscle strength, functionality and quality of life in patients diagnosed with knee OA. Thus, 48 women participants were randomly divided into three groups: strength training low intensity (STL), strength training, high intensity (STH) or low-intensity strength training associated with vascular occlusion (STVO) and trained two times per week for twelve weeks. At baseline and after the intervention, the patients underwent physical assessments (tests of functionality and strength), answered questionnaires on quality of life and pain (WOMAC index \"Western Ontario and McMaster Universities Osteoarthritis Index\" and SF-36 \"The Short form 36 Health Survey \") and the cross section area (CSA) of the quadriceps muscle was assessed using computed tomography. During the training period the STH group, four patients were excluded from the protocol due to knee pain. After the intervention, the WOMAC, only the STVO and STL groups showed significant decreases in pain (p=0.0358 and p=0.0044, respectively), in other domains, the only group that showed significant decreases in score was the STVO (stiffness: p= 0.0167 and p = 0.0358 functionality). In functionality testing, the STVO and STH groups showed significant increases in performance \"Timed-stands test\" (p=0.0251 and p=0.003), the \"Timed-up-and-go\" were not significant improvements found in groups. Regarding strength, only the STVO and STH groups significantly increased values in leg press (p<0.0001) and knee extension (p<0.0001). Similar behavior was found in increased AST and STH STVO groups showed significant increases (p<0.0001). The improvement of quality of life was significant in all three groups when analyzing the sum of the domains of WOMAC (STVO: p=0.0173; STH: p=0.0438; STL: p=0.0301), but the SF-36 was not able to find significant improvements in groups. Thus, we conclude that the STVO presents itself as a relevant and safe strategy of non-pharmacological intervention for women suffering from symptomatic knee OA, constituting a model of treatment capable of inducing functional and morphological adaptations of great interest to this population
32

Células-tronco mesenquimais autólogas no tratamento da osteoartrite induzida da articulação coxofemoral em coelhos (Oryctolagus cuniculus) /

Coelho, Lívia de Paula. January 2017 (has links)
Orientador: Bruno Watanabe Minto / Banca: Luis Gustavo Gosuen Gonçalves Dias / Banca: Paulo César Jark / Resumo: A cartilagem articular possui capacidade de reparação limitada, aumentado a predisposição ao desenvolvimento de alterações degenerativas, muitas vezes irreversíveis. Diversas formas de tratamento, cirúrgicas ou conservativas, são descritas, entretanto a terapêutica da osteoartrite continua sendo grande desafio ao médico veterinário. Neste contexto, a pesquisa envolvendo células-tronco mesenquimais destaca-se na busca de melhorias e avanços na reparação da cartilagem articular. Objetivou-se, no presente projeto, comparar a regeneração cartilaginosa da articulação coxofemoral de coelhos, com e sem o transplante de células-tronco mesenquimais autólogas, por meio de exames radiográficos e histopatológicos. Dois grupos, com 15 animais da espécie leporina cada, foram submetidos à indução química de osteoartrite com solução de colagenase 2% na articulação coxofemoral direita. No Grupo 1 (Células-tronco) realizou-se a aplicação intra-articular de células-tronco mesenquimais autólogas, enquanto que, o Grupo 2 (Controle) foi constituído por animais submetidos à aplicação intra-articular de solução salina estéril. Foram realizadas avaliações radiográficas e histopatológicas aos 30, 60 e 90 dias após a aplicação. Os resultados histológicos deste ensaio indicam que células-tronco mesenquimais (Grupo 1) melhoraram discretamente a qualidade do tecido de reparo, de acordo com os critérios da escala semi-quantitativa ICRS 1 ("International Cartilage Repair Society"). O Grupo 1 (Células-Tronco... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: The articular cartilage has limited repair capacity, leading to an increased risk for degenerative changes, potentially irreversible. Several treatments, surgical or not, are described, however osteoarthritis remains a major challenge for the veterinarian. In this context, research involving mesenchymal stem cells stands out. The aim of this study was to compare cartilage regeneration of the hip in rabbits, with and without the transplantation of autologous mesenchymal stem cells. Radiographic and histopathological evaluation were used. Thirty rabbits were submitted to chemical induction of osteoarthritis with a 2% colagenase in the right hip. They were divided into 2 groups of 15 animals each: Group 1 (intra-articular application of autologous mesenchymal stem cells) and Group 2 (control - intra-articular application of sterile saline solution). Radiographic and histopathological evaluations were performed at 30, 60 and 90 days after application. The mesenchymal stem cells group (Group 1) showed slight improvement of the quality of the repair tissue, according to the semi-quantitative scale criteria ICRS 1 (International Cartilage Repair Society). The Group 1 (Stem Cells) showed superiority in relation to Group 2, specially in the parameters joint surface, extracellular matrix and cellular distribution. / Mestre
33

Efeitos do exercício de ultra-endurance sobre a cartilagem articular de ratos / Effects of the ultra-endurance exercise in the articular cartilage of trainned rats

Franciozi, Carlos Eduardo da Silveira [UNIFESP] January 2011 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-12-06T23:44:55Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2011 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Introdução: O exercício físico é um hábito difundido com comprovados benefícios à saúde. Quando praticado em intensidade leve e moderada, acarreta alterações benéficas na cartilagem, sendo até mesmo preconizado no tratamento da artrose. Porém, a relação entre o exercício excessivo e a osteoartrose ainda é controversa. Objetivo: Avaliar se o exercício excessivo pode acarretar osteoartrose utilizando um novo protocolo denominado treinamento de ultra-endurance em ratos. Métodos: Ratos Wistar foram divididos em dois grupos: grupo controle (GC) com 12 animais e grupo treinado (GT) com 12 animais. Os animais do GT foram submetidos a um treinamento de corrida em esteira com melhora progressiva do condicionamento físico durante 12 semanas realizando um exercício final de corrida até exaustão, tendo percorrido pelo menos 55 km nessas 12 semanas. Ao término desse período, todos os animais foram sacrificados e seus joelhos removidos para estudo hitomorfométrico, histomorfológico, histoquímico, eletroforético e fluorimétrico. Resultados: Houve diferenças significativas entre os dois grupos. O GT apresentou maior número de condrócitos, um importante aumento no número de pares de clones de condrócitos, uma quantidade de condrócitos em processo de morte celular expressivamente maior, alcançando graus mais elevados da classificação histológica de osteoartrose e uma marcante diminuição dos glicosaminoglicanos sulfatados e do ácido hialurônico. Conclusões: A cartilagem articular dos ratos treinados submetidos ao exercício de ultra-endurance demonstrou alterações predisponentes do processo osteoartrósico através de modificações celulares patológicas como aumento dos pares de clones de condrócitos e aumento da quantidade de condrócitos com características de morte celular, além da diminuição expressiva de componentes da matriz extracelular como os glicosaminoglicanos sulfatados e o ácido hialurônico. / Introduction: Exercise is an increasingly widespread habit with proven health benefits. Mild and moderate exercise causes beneficial changes in cartilage and are advocated for the treatment of osteoarthritis, however, the relationship between excessive or strenuous exercise and osteoarthritis remains a matter of controversy. Objective: Investigate whether osteoarthritic changes could be obtained in a new protocol named ultra-endurance training of rats. Methods: Wistar rats were divided into two groups: control group (GC) with 12 animals and trained group (GT) with 12 animals. The GT animals undergone a training run on a treadmill with progressive improvement in fitness for 12 weeks doing a final running exercise to exhaustion. They ran at least 55 km in 12 weeks. After this period, both groups were sacrificed and their knees were removed for histomorphometrical, histomorphological, histochemical, electrophoretic and fluorimetric analyses. Results: There were significant differences between the two groups. The GT had a higher number of chondrocytes, a significant increase in the number of chondrocytes clusters, more chondrocyte cell death, higher grades of osteoarthritis histological classification and a marked decrease in suphated glycosaminoglycans and hyaluronic acid concentrations. Conclusions: The articular cartilage of the trained rats submitted to ultraendurance exercise showed predisposing osteoarthritic changes such as pathological cellular alterations like increased clusters of chondrocytes and increased chondrocytes with features of cell death in addition to the significant reduction of extracellular matrix components such as hyaluronic acid and sulfated glycosaminoglycans. / BV UNIFESP: Teses e dissertações
34

Densidade de células metabolicamente ativas nos discos intervertebrais lombares de humanos e sua relação com a vascularização da placa terminal / Density of viable cells in humans lumbar intervertebral discs and their relationship with the vascularization of the endplate

Martins, Délio Eulálio [UNIFESP] January 2014 (has links) (PDF)
Submitted by Diogo Misoguti (diogo.misoguti@gmail.com) on 2016-06-23T19:28:01Z No. of bitstreams: 1 2014-08-doutorado-delio-eulalio-martins-filho.pdf: 3477411 bytes, checksum: 6c3352a2689d802e6fe89d918f39869e (MD5) / Approved for entry into archive by Diogo Misoguti (diogo.misoguti@gmail.com) on 2016-06-23T19:28:38Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2014-08-doutorado-delio-eulalio-martins-filho.pdf: 3477411 bytes, checksum: 6c3352a2689d802e6fe89d918f39869e (MD5) / Made available in DSpace on 2016-06-23T19:28:38Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2014-08-doutorado-delio-eulalio-martins-filho.pdf: 3477411 bytes, checksum: 6c3352a2689d802e6fe89d918f39869e (MD5) Previous issue date: 2014 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) / Introdução: O disco intervertebral é avascular e não se sabe se apresenta capacidade de manter células ativas no seu interior ao longo dos anos. A vascularização da placa terminal tem influência direta no aporte de nutrientes para essas células. Objetivo: Analisar a vascularização da placa terminal e sua relação com a densidade de células metabolicamente ativas nos discos intervertebrais lombares de humanos adultos jovens e senis. Métodos: Foram utilizados 28 discos intervertebrais lombares de humanos divididos em dois grupos: Grupo 1 (n=15; menos de 50 anos de idade; ≤ grau 3 de Pfirrmann) e Grupo 2 (n=13; maior ou igual a 80 anos, ≥ grau 4 de Pfirrmann). A vascularização das placas terminais foi analisada utilizando Stereo Microscope Discovery® V.8. A viabilidade celular foi avaliada pelo método de MTT. A densidade celular total foi quantificada por técnica de PicoGreen® utilizando a quantidade de DNA como estimativa do número total de células. Resultados: As células mantiveramse estáveis em percentual de viabilidade celular em relação ao seu número total. A placa terminal inferior apresentou maior quantidade de orifícios (p < 0,05). A maior quantidade de células foi encontrada nas regiões do ânulo fibroso (p < 0,05). Houve correlação positiva (p < 0,05) entre a densidade de células metabolicamente ativas e a quantidade de orifícios vasculares da placa terminal inferior. Conclusão: A placa terminal inferior é a principal região de aporte de vasos sanguíneos para a nutrição do disco intervertebral e tem relação direta no número de células metabolicamente ativas. / Introduction: The intervertebral disc is avascular and remains unknown if it has the capacity to maintain viable cells inside over the years. The vascularization of the endplate has a direct influence on the nutrition to the disc cells. Objective: To analyse the vascularization of the end plate and its relation to the density of viable cells in lumbar intervertebral discs of young and old adult humans. Methods: Twenty-eight lumbar intervertebral discs were used and separated in two groups: Group 1 (n = 15; less than 50- year-old; Pfirrmann ≤ 3) and Group 2 (n = 13; greater or equal to 80-yearold, Pfirrmann ≥ 4). Vascularization of the endplates was analysed using Stereo Microscope Discover® V.8. Cell viability was assessed by MTT method. The cell density was measured by PicoGreen® technique using amount of DNA as an estimate of total cell number. Results: The viable cells remained steady in relation to the total cell density. The inferior endplate presented the biggest number of holes (p < 0.05). The greater number of cells was found in the annulus fibrosus (p < 0.05). There was a positive correlation (p < 0.05) between the density of viable cells and vascular openings in the inferior endplate. Conclusion: The inferior endplate has the main supply of blood vessels to nourish the intervertebral disc and has direct bearing on the number of viable cells.
35

Produção de cartilagem articular porcina e cultura de condrócitos humanos

Godoy, Camila Schiavinatto January 2014 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Química, Florianópolis, 2014 / Made available in DSpace on 2015-02-05T21:05:08Z (GMT). No. of bitstreams: 1 330226.pdf: 1644101 bytes, checksum: 190777e8fbb974fe70662898f0ff7c34 (MD5) Previous issue date: 2014 / Cartilagem articular danificada ou doente frequentemente leva à degeneração progressiva que resulta em uma diminuição acentuada na qualidade de vida. Engenharia de tecidos, um campo em expansão dentro das modernas ciências biomédicas, promete a criação de substitutos viáveis para falência total ou parcial de órgãos ou tecidos. Atuais abordagens da engenharia de tecidos baseiam-se, essencialmente, na restauração da estrutura de tecidos patologicamente alterados com base no transplante de células em combinação com matrizes de suporte e biomoléculas. A capacidade de manipular a estrutura do tecido e reconstituir a função in vitro tem tremendas implicações clínicas e é provável que tenha um papel chave em terapias celulares e genéticas nos próximos anos. O presente estudo é focado na geração de implantes condrais para a reparação de cartilagem articular, que consistem em substitutos da cartilagem in vivo pela cartilagem produzida in vitro. Culturas de condrócitos humanos foram realizadas com o intuito de avaliar a eficácia dos soros fetais bovinos, bem como dos fatores de crescimento. A combinação mais eficaz para a cultura tridimensional de condrócitos humanos foi atingida pela suplementação com soro FBS Superior e pelo enriquecimento com IGF-1. Rediferenciação de células porcinas foi realizada, expandidas em gel de alginato, seguida de formação de cartilagem tridimensional em culturas de alta densidade celular. Neste trabalho, diferentes fatores de crescimento para a estimulação da re-diferenciação e formação de cartilagem foram utilizados para melhorar a qualidade dos implantes condrais. Foi demonstrado que a suplementação do meio com fatores de crescimento tem efeitos significativos sobre as propriedades da matriz. Nas amostras porcinas cultivadas com a adição dos fatores de crescimento IGF-1 e TGF-ß1 durante a cultura de alginato, os cortes histológicos mostraram a formação de tecido homogêneo e coloração intensa de colágeno tipo II.<br> / Abstract: Damaged or diseased articular cartilage often leads to progressive debilitation which results in a marked decrease in quality of life. Tissue Engineering, a growing field within the modern biomedical sciences, promises the creation of viable substitutes for total or partial failure of organs or tissues. This represents the fusion of a fast developing of cellular and molecular biology, supported, on the one hand, by the chemical materials, and the other by the biomechanical engineering. Current approaches to tissue engineering are based mainly in the restoration of pathologically altered tissue structure based on cell transplantation in combination with support matrices and biomolecules. The ability to manipulate the tissue structure and reconstitute the function in vitro has tremendous clinical implications and is likely to have a key role in gene and cell therapies in the coming years. The present study focuses on the generation of chondral implants for articular cartilage repair, which consist of cartilage substitutes in vivo, by the in vitro cartilage produced. Cultured human chondrocytes were performed in order to evaluate the effectiveness of fetal bovine serum and growth factors. The most effective combination for the three-dimensional culture of human chondrocytes was achieved by supplementation with whey Superior FBS and the enrichment with IGF-1. Re-differentiation of porcine cells was performed, expanded in alginate gel, then the formation of three-dimensional cartilage cultures at high cell density. In this work, different growth factors for the stimulation the re-differentiation and cartilage formation were used to improve the quality of chondral implants. Was shown that supplementation of the medium with growth factors has significant effects on the properties of the matrix. In the samples cultured with the addition of growth factors IGF-1 and TGF-ß1 during the culture alginate, histological sections showed the formation of homogeneous tissue and intense staining of type II collagen.
36

Avaliação do laser de baixa intensidade na regeneração de cartilagem articular do joelho de coelhos submetidos à trocleoplastia

Meirelles, Vanessa Morales [UNESP] 25 April 2011 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:31:09Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2011-04-25Bitstream added on 2014-06-13T19:47:15Z : No. of bitstreams: 1 meirelles_vm_dr_jabo.pdf: 1134100 bytes, checksum: b4602b4a9ef93b3deb00fc8b50e5af14 (MD5) / A osteoartrose (OA) do joelho é uma doença de caráter inflamatório e degenerativo que provoca a destruição da cartilagem articular e leva à deformidade da articulação. A luxação patelar é um problema ortopédico comum na clínica de pequenos animais. A cirurgia não impede a progressão da OA. O laser de baixa intensidade (LBI) tem sido utilizado para acelerar processos de reparação tecidual, por aumentar o fluxo sangüíneo, possuir ação antiinflamatória, antiedematosa, analgésica e estimular o metabolismo celular. Este trabalho estudou a influência da laserterapia em dois espectros eletromagnéticos, vermelho e infravermelho, na reparação cartilagínea, diferenciando histologicamente o tipo de cartilagem formada durante a reparação articular. Foram utilizados 36 coelhos machos raça Norfolk divididos em 3 grupos com 12 animais cada: G1 (controle, trocleoplastia sem tratamento pós-operatório), G2 (trocleoplastia + irradiação laser 670 nm) e G3 (trocleoplastia + irradiação laser 904 nm). Os animais dos grupos G2 e G3 foram irradiados diariamente, com intervalo de 24 horas, durante 10 dias utilizando um laser In-Ga-Al com comprimento de onda (λ) de 670 e um laser de As-Ga com λ de 904 nm respectivamente, na dose de 2 J por ponto totalizando 4 pontos. Os grupos G2 e G3 apresentaram recuperação funcional mais rápida que G1. Histologicamente, G3 apresentou um aspecto osteocondral mais regular, com formação de cartilagem hialina enquanto em G1 e G2 formou-se fibrocartilagem / Stifle osteoarthrosis is an inflammatory and degenerative disease that causes destruction of the articular cartilage and leads to deformity in the articulation. Patellar luxation is a common orthopedic problem in the clinic of small animals. The surgery does not avoid the progression of the osteoarthrosis. Low intensity laser has been used to improve degenerated processes for it increases blood flow, it has antiinflammatory, antiedematous, analgesic effects and stimulates cellular metabolism. This work studied the influence of laser therapy of two electromagnetic spectra, red and infrared, for repairing cartilage, histologically telling apart the kind of cartilage formed during articular regeneration. We use 36 male rabbits bred Norfolk divided into 3 groups with 12 animals each: G1 (control, trochleoplasty without treatment post-operatory), G2 (trochleoplasty + laser therapy 670 nm) and G3 (trochleoplasty + laser therapy 904 nm). The animals from G2 and G3 were irradiated daily with an interval of 24 hours over 10 days using a laser Ga-Al-In with wavelength (λ) of 670 and a Ga-As laser with λ 904 nm respectively. At a dose of 2 J per point total of 4 points. The groups G2 and G3 showed faster functional recovery that G1. Histologically, G3 had a most regular osteochondral aspect, with hyaline cartilage formation while in G1 and G2 formed fibrocartilage
37

Estudo comparativo da análise macroscópica e histológica dos defeitos osteocondrais produzidos em côndilos femorais de coelhos preenchidos com gel de biopolímero da cana-de-açúcar

Cézar Vidal Carneiro de Albuquerque, Paulo 31 January 2011 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T16:29:19Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo6675_1.pdf: 3749514 bytes, checksum: 2da4a3fc5cb1b439e20653d3ca2bce04 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2011 / Objetivo: Estudar a cicatrização, superfície, coloração, consistência e continuidade do tecido de reparação após produção de defeitos osteocondrais em côndilos femorais de coelhos preenchidos com o gel de biopolímero da cana-de-açúcar, nos períodos de 90, 120 e 180 dias, e comparar com o grupo controle, sem o gel de bipolímero. Métodos: Foram estudados 16 coelhos brancos da linhagem Nova Zelândia, adultos jovens com 6 e 7 meses de idade e peso entre 2 e 2,5 kg, sem alterações no aparelho locomotor. Após anestesia geral, foi produzido com trefina um defeito de 3,2mm de diâmetro por 4mm de profundidade em cada côndilo femoral. Os animais foram divididos em dois grupo Estudo: joelho direito, côndilos medial e lateral, preenchimento com gel de biopolímero de cana-de-açucar; Controle: joelho esquerdo, côndilos medial e lateral, submetidos à cicatrização natural e analisados nos períodos de 90, 120 e 180 dias da cirurgia. Após o sacrifício, procedeu-se à ressecção das peças anatômicas, seguindo-se a imersão em solução de Bouin e fotografia com câmara Nikon Coopix 5400®, acoplada à lupa estereoscópica Nikon SM2800®, para estudo da superfície, coloração, consistência, continuidade e cicatrização. Resultados: Foram analisados pelo teste do qui-quadrado. Não houve diferenças significativas na avaliação dos parâmetros estudados entre os grupos estudo e controle. Conclusão: O aspecto macroscópico da superfície articular, coloração, consistência, continuidade e cicatrização do tecido encontrado sobre os defeitos osteocondrais preenchidos com o gel de biopolímero da cana-de-açúcar no grupo estudo se mostrou semelhante ao tecido encontrado no processo de reparação natural ocorrido no grupo controle.
38

Efeitos da fotoestimulação com laser no processo inflamatorio cronico da cartilagem articular

Guerino, Marcelo Renato 19 June 2001 (has links)
Orientador : Vitor Baranauskas / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Eletrica e de Computação / Made available in DSpace on 2018-07-29T02:00:52Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Guerino_MarceloRenato_D.pdf: 16707408 bytes, checksum: f510ea4730bed4c37a782d27bb313981 (MD5) Previous issue date: 2001 / Resumo: Este trabalho apresenta os efeitos da radiação 1aserno processo de cura da inflamação induzida por injeção intra-articular de adjuvante de Freund incompleto na cartilagem articular do joelho de cobaias. A radiação dos animais foi feita a partir do quinto dia da indução, com doses de 0,5, 7,0 e 50 J/cm2 (laser de HeNe) e de 1,0, 5,0 e 25,0 J/cm2 (1aser de GaAs). As cartilagens foram analisadas 7, 14 e 21 dias após a indução, através da Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV), Microscopia de Força Atômica (MFA), teor de hidroxiprolina e Testes Mecânicos (rigidez). A MEV mostrou evidências de melhor organização na reparação da cartilagem articular dos animais tratados com o 1asers de HeNe e GaAs em relação aos animais inflamados sem tratamento. As doses mais eficientes foram: 7,0 J/cm2(ReNe) e: 1,0 J/cm2 (GaAs). O tratamento de HeNe, na MFA pôde identificaruma melhor organização das moléculas de colágeno, formação de feixes mais espessos, melhor direcionalidadee maior agrupamento das fibrilas que indicamuma atuação positiva do laser sobre o colágeno. Em relação ao teor de hidroxiprolina, o 1aserde HeNe pareceu ter efeito excitatório nas doses maiores e inibitório nas doses menores. Os maiores aumentos no teor de hidroxiprolina foram encontrados com a dose de 50,0 J/cm2 (HeNe). Entretanto o laser de GaAs produziu efeito inibidor no processo de sintese de colágeno em quase todas etapas. O teste de indentação mecânica demonstrou uma tendência a aumento da rigidez pelos lasers quando comparados aos animais inflamados sem tratamento. A dose mais adequada foi de 7,0 J/cm2com o laser de HeNe / Abstract: This work presents the effects of 1aserirradiationon the curing process of inf1ammationinduced in the articular cartilage of Gufuea Pigs's knee. The int1ammationwas induced by intra-articular injection of incomplete Freund's Adjuvant. Irradiation of the animaIswas undertaken irom the fifth day of induction, with doses of 0.5, 7.0 and 50 J/crrl-(HeNe) and of 1.0, 5.0 and 25.0 J/cm2 (GaAs). The cartilages were analysed at 7, 14 and 21 days after induction, Scanning Electron Microscopy (SEM), Atomic Force Microscopy (AFM), concentration of Hidroxyprolyne and Mechanical Tests (rigidity). SEM showed evidence of better organization in the repair of the articular cartilage ofthe animals treated with the HeNe and GaAs 1asersin relation to the untreated animals. The most efficient doses were: 7.0 J/cm2 (HeNe) and 1.0 J/cm2 (GaAs). Following the laser treatment of ReNe, AFM better organization of the molecules of collagen, fonnation of thicker bunches, better direction and larger grouping ofthe fibrils,which indicate the positive effect of the 1aser on the collagen. In relation to the hidroxyprolyne concentration, the HeNe laser seemed to have a stirnulating effect great doses and an inlu'bitory effect in smaller doses. The largest increases in the hydroxiprolyne concentration were found with the dose of 50.0 J/crrl- (HeNe). However, the laser of GaAs produced an inhibitory effect the process of synthesis of collagen in almost alI of stages. The mechanical indentation test, showed a tendency of increasing rigidity of the treated tissue, compared with the animaIs inflamed without treatment. The most effective dose was of 7.0 J/crrl- (HeNe) / Doutorado / Engenharia Eletrica / Doutor em Engenharia Elétrica
39

Expressão do fator de transcrição HIF - 1'alfa' em condrocitos humanos cultivados em condições normais de oxigenio / Expression of hypoxia inducion factor 1 'alfa' in human chondrocytes cultivated in normoxia

Andrade, Andre Luis Lugnani de 31 August 2006 (has links)
Orientador: Ibsen Bellini Coimbra / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas / Made available in DSpace on 2018-08-07T22:55:15Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Andrade_AndreLuisLugnanide_M.pdf: 2450375 bytes, checksum: f33edb219ba25e56f663f1256a99bbeb (MD5) Previous issue date: 2006 / Resumo: Introdução: Os condrócitos da cartilagem articular vivem em um ambiente com baixa concentração de oxigênio. Nestas condições, a proteína do fator induzido por hipóxia (HIF-1a) mantém-se estável e ativa genes que são fundamentais na homeostase do oxigênio. A expressão do HIF-1a aumenta, em joelhos com osteoartrite (OA), principalmente nas áreas mais afetadas pela degeneração. Os condrócitos são capazes de produzir mediadores inflamatórios, como a interleucina-1 (IL-1) e o fator de necrose tumoral a (TNF-a), que estimulam a produção de prostaglandinas, metaloproteinases e óxido nítrico e relacionam-se com o início e com a progressão da osteoartrite. Os antiinflamatórios são drogas freqüentemente utilizadas no tratamento sintomático da OA. Material e Método: condrócitos humanos de joelhos osteoartríticos cultivados em suspensão e em condições normais de oxigênio foram divididos em quatro grupos: 1) controle, 2) estimulados com IL-1 ou TNF-a, 3) estimulados com meloxicam ou parecoxibe e 4) estimulados com meloxicam ou parecoxibe associados a IL-1 ou TNF-a. Os grupos foram submetidos à extração de RNA (ácido ribonucléico) e de proteína nuclear. O RNA foi convertido em cDNA, sendo então realizada a reação de PCR em tempo real para verificar a expressão do HIF-1a. As proteínas nucleares foram extraídas, quantificadas e analisadas pela técnica de Western Blotting. Resultados: Foi detectada a expressão de HIF-1a e cDNA de HIF-1a em todos os grupos de condrócitos cultivados em suspensão em tensões normais de oxigênio, não havendo diferenças significativas entre os grupos. Discussão: a meia-vida do HIF-1a é extremamente curta em normóxia e marcadamente prolongada em hipóxia, por isso muitos pesquisadores acreditam não ser possível a detecção da proteína do HIF-1a em condrócitos cultivados em condições normais de oxigênio. Neste estudo foi possível constatar a expressão do HIF-1a em normóxia, possivelmente devido ao modelo de cultura utilizado. O estímulo com IL-1, TNF-a e inibidores da COX-2 não alterou a expressão de HIF-1a. Condrócitos oriundos de articulações osteoartríticas avançadas poderiam apresentar resistência à ação das citocinas / Abstract: Introduction: The chondrocytes of joint surface live in low concentration of oxygen environment. In this condition, the hypoxia inducible factor 1 a (HIF-1a) becomes stable and regulates the expression of genes that are important for oxygen homeostasis. The expression of HIF-1a mRNA is augmented in chondrocytes from osteoarthritic knees, especially in more degenerated areas. Chondrocytes are capable of producing inflammatory mediators, such as interleukin 1 (IL-1) and tumoral necrosis factor a (TNF-a), that stimulate the production of prostaglandin, metalloproteinases and nitric oxide, correlated with the onset and progression of osteoarthritis. Antiinflammatory drugs are frequently used in the treatment of symptoms of osteoarthritis. Material e Methods: human chondrocytes from osteoarthritic knees were cultivated in suspension and in normal tension of oxygen. The cells were divided in 4 groups: control, stimulated with IL-1 or TNF-a, stimulated with meloxicam or parecoxib and the last one stimulated with meloxicam or parecoxib and IL-1 or TNF-a. Nuclear protein and RNA were extracted from these cells. cDNA was synthesized from RNA and real time PCR was performed with this product in order to determine HIF-1a expression. Nuclear protein was analyzed using the Western-Blotting method. Results: HIF-1a and HIF-1a mRNA was detectable in all cell groups, and there was not a statistic significant difference between them. Discussion: As half live of HIF-1a is extremely short when in normoxic and greater in hypoxic conditions, many researchers believe it is not possible to detect this protein in chondrocytes cultivated in normoxic environment. Our results presented expression of HIF-1a in normal oxygen tensions, probably due to the fact that chondrocytes were cultivated in suspension. As chondrocytes were obtained from advanced osteoarthritic knees and in such conditions the cells can be more resistant to the action of cytokines, this could explain why IL-1, TNF-a and antiinflamatory did not result in modification of HIF-1a / Mestrado / Clinica Medica / Mestre em Clinica Medica
40

Influência de alterações oclusais na articulação temporomandibular e crescimento mandibular = estudo em modelo animal / Influence of occlusal alterations on temporomandibular joint and mandibular growth : an animal model study

Farias Neto, Arcelino, 1983- 07 January 2011 (has links)
Orientador: Célia Marisa Rizzatti Barbosa / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba / Made available in DSpace on 2018-08-18T16:04:07Z (GMT). No. of bitstreams: 1 FariasNeto_Arcelino_D.pdf: 1895628 bytes, checksum: 3d9e789620307fdbeaffe939bf75437e (MD5) Previous issue date: 2011 / Resumo: A cartilagem articular do côndilo mandibular é responsável pelo crescimento ósseo endocondral durante o desenvolvimento mandibular. Ela depende do funcionamento adequado da articulação temporomandibular (ATM) para sua diferenciação e maturação. Trabalhos demonstram que a manipulação funcional da mandíbula foi capaz de alterar a dinâmica fisiológica dessa cartilagem. Nesse sentido, a protrusão diminuiria a ação de cargas sobre o côndilo mandibular, estimulando o crescimento endocondral, e de forma inversa, a retrusão aumentaria a pressão sobre a cartilagem, inibindo o crescimento. Essas técnicas têm sido utilizadas com relativo sucesso na ortopedia facial com o intuito de corrigir discrepâncias maxilo-mandibulares. Entretanto, alguns quadros patológicos presentes nas ATMs podem alterar o seu desenvolvimento normal. Um dos fatores etiológicos que pode ser associado à presença de alterações no côndilo mandibular é a oclusão dental. A hipótese formulada é de que a presença de instabilidade ortopédica causada por um fator oclusal durante a fase de desenvolvimento pode levar à deficiência do crescimento mandibular e alterações intra-articulares. Assim, este trabalho teve por objetivo avaliar, em modelo animal, alterações da oclusão dental sobre o crescimento mandibular e tecidos intra-articulares. O estudo foi randomizado e cego. Foram utilizadas 40 ratas Wistar com 5 semanas de idade divididas aleatoriamente em 4 grupos com o mesmo número de animais: controle, com interferência oclusal, com ausência dos molares inferiores unilateral e com ausência dos molares inferiores bilateral. Os animais foram acompanhados por 8 semanas, período que correspondeu a sua fase de maturação óssea. Após esse período, os animais foram sacrificados e realizou-se tomografia computadorizada de feixe cônico (Cone beam) de suas cabeças para construção de protótipos de biomodelos, sobre os quais foram mensurados o comprimento da mandíbula, a altura do ramo mandibular e distância intercondilar. Em seguida, as articulações temporomandibulares foram cuidadosamente preparadas para análise imunohistoquímica dos níveis de colágeno tipo II, Fator de Crescimento Endotelial Vascular, e Interleucina 1? na cartilagem condilar. Os dados foram submetidos a análise estatística através do Software SPSS versão 17.0. As médias entre os grupos foram comparadas através do One-way Anova, enquanto as diferenças entre os lados da mandíbula foram avaliadas através do teste t de Student (?=0.05). A partir da análise dos resultados, observou-se que alterações oclusais podem afetar o desenvolvimento do osso mandibular, bem como alterar a expressão de Colágeno tipo II, Fator de Crescimento Endotelial Vascular e Interleucina 1? na cartilagem condilar. Diante do exposto, conclui-se que a oclusão dentária é capaz de interferir na dinâmica dos tecidos intra-articulares, sendo um fator importante durante o desenvolvimento craniofacial / Abstract: The condylar cartilage regulates the endochondral ossification during mandibular development. Mechanical stimulus in the temporomandibular joint (TMJ) plays an important role in cell proliferation and differentiation of mandibular condyle. Studies have shown that functional mandibular displacement can affect TMJ cartilage dynamics. Mandibular advancement induces profound metabolic changes in the condyle and enhances growth. In contrast, mandibular retraction reduces growth. The overall picture emerging from the data is that unloading of the condyle increases growth, while loading reduces it. Therefore, dental occlusion could be one of the factors associated with the alteration of the TMJ growth. The hypothesis is that orthopedic instability caused by occlusal factors present during TMJ development can affect mandibular growth and intra-articular tissue. Thus, the purpose of this study was to evaluate the influence of dental occlusion on mandibular growth and intra-articular tissue in Wistar rats. The study was randomized and blinded. Forty 5 weeks old female Wistar rats composed the sample. The animals were randomly allocated to four groups with the same number of rats: (1) control, (2) occlusal appliance for functional posterior displacement of the mandible, (3) unilateral mandibular tooth extraction, (4) bilateral mandibular tooth extraction. The rats were sacrificed after 8 weeks, when they had achieved skeletal maturity. Immediately after death, the heads were fixed in 10% paraformaldehyde, and cone beam CT scan images were taken using the Classic I-CAT (Imaging Sciences International, Hatfield, PA, USA). The 3-dimensional images of rats' skulls were exported in multifile Digital Imaging and Communications in Medicine (DICOM) format, and acrylic rapid-prototyped templates of the mandibles were constructed for measurement of mandibular growth. Immunostaining was used for the detection of type II collagen, vascular endothelial growth factor (VEGF) and interleukin-1?. The data were processed with SPSS software (V 17.0 for Windows, SPSS Inc, Chicago, IL, USA). Differences among the groups were analyzed by one-way ANOVA (Tukey test as post-hoc test), while differences between sides were analyzed by non-paired Student's t test. Shapiro-Wilk and Levene tests were used to observe normality and variance homogeneity, respectively. Confidence level was set at 5%. The results of this study showed that dental occlusion is an important factor for the integrity of intra-articular tissues and to the healthy craniofacial development, emphasizing the importance of early treatment to normalize occlusion and create appropriate conditions for normal craniofacial development / Doutorado / Protese Dental / Doutor em Clínica Odontológica

Page generated in 0.0422 seconds