• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 147
  • 22
  • 8
  • 8
  • 8
  • 8
  • 8
  • 2
  • 2
  • 1
  • Tagged with
  • 171
  • 171
  • 54
  • 53
  • 35
  • 33
  • 33
  • 26
  • 26
  • 25
  • 25
  • 21
  • 21
  • 20
  • 17
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
31

Canções cinematográficas : análise dialógica do filme musical Les Misérables /

Serni, Nicole Mioni. January 2018 (has links)
Orientador: Luciane de Paula / Banca: Maria da Penha Casado Alves / Banca: Marco Antonio Villarta-Neder / Banca: Odilon Helou Fleury Curado / Banca: Marina Célia Mendonça / Resumo: Esta pesquisa se propôs a analisar o filme musical Les Misérables (2012), de Tom Hooper, sob a ótica dos estudos do Círculo Bakhtin, Medviédev, Volochinov, tendo como objetivo refletir, por meio de uma análise dialógica, acerca da constituição da arquitetônica do filme musical como gênero discursivo, em sua forma, conteúdo, estilo, produção e circulação, conforme as ideias do Círculo. A partir de Les Misérables este trabalho buscou investigar a especificidade do gênero filme musical assim como analisar os diálogos entre o filme escolhido e outras obras musicais produzidas no cinema norte-americano. A canção, aqui também considerada como um gênero, é elemento constitutivo do filme escolhido e sua presença é de extrema importância na formação do musical, configurando-o como intergenérico. O filme musical norte-americano é marcado por elementos de canto e dança que se consolidam especialmente na era de ouro (anos 50 e 60). Les Miserables apresenta características diferentes de outros filmes musicais, como, por exemplo, a temática (a partir da obra de Victor Hugo), a fala cantada constante (e não apenas canto em momentos performáticos), e a ausência de dança (ainda que as movimentações sejam ritmadas). Estas especificidades do gênero discursivo filme musical foram discutidas ao longo desta pesquisa a partir da trajetória do filme musical, sendo possível, deste modo, analisar como a obra cinematográfica em questão dialoga com outras produções, de diferentes períodos; assim como as... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: This research aims to analyze the musical film Les Misérables (2012), by Tom Hooper, within the perspective of the Circle Bakhtin, Medviédev, Volochinov studies, having as objective to reflect, by a dialogic analysis, about the constitution of the architectonic of the musical film, as a discursive genre in its form, content, style, production and circulation, based on the ideas of the Circle. With the study of Les Misérables this work focuses on the investigation of the specificity of the musical film genre as much as analyze the dialogs between the musical film, and other musicals produced in the North American cinema. The song, here as well considered as a genre, is an element that constitutes de movie chosen and its presence is of extreme importance in the formulation of the musical, which is built with intergenres. The North American musical film is marked by elements of singing and dancing that are consolidated in the golden era (the 50's and 60's). Les Misérables presents characteristics which are different from other musical films, such as, for example, the thematic (based on the novel by Victor Hugo), the constant singing (and not just singing in performatic contexts), and the absence of dance (even though every move is punctuated). These specificities of the musical film as a discursive genre were discussed along this research from the trajectory of the musical film, making it possible to analyze how the cinematographic work in focus dialogs with other productions, f... (Complete abstract click electronic access below) / Doutor
32

Gender and the politics of the gaze in Bronte's Wuthering Heights

Tulio, Mariza 24 October 2012 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Letras/Inglês e Literatura Correspondente, Florianópolis, 2009. / Made available in DSpace on 2012-10-24T13:40:33Z (GMT). No. of bitstreams: 1 275862.pdf: 608321 bytes, checksum: 66ae3bfcb733e93a1dcf9e3554b875be (MD5) / O objetivo deste estudo é apresentar uma análise de como a imagem de Catherine é moldada pelo olhar masculino, como ela enfrenta os três tipos de olhar - o olhar dos personagens, o olhar do leitor, e o olhar do autor - e finalmente, se o olhar masculino é interrompido. O parâmetro teórico desta análise, o conceito do olhar masculino, é teorizado por Laura Mulvey no artigo "Prazer Visual e Cinema Narrativo" (1975) o qual critica a relação entre o olhar masculino e a imagem feminina do prazer visual moldado pela sociedade patriarcal. Através da crítica de Mulvey do prazer visual generizado em filmes, que pertence ao contexto do cinema clássico de Hollywood, articulo sua teoria em relação ao romance Wuthering Heights de Emily Brontë para examinar a dinâmica do olhar masculino em relação à personagem feminina Catherine. Este estudo teve também por objetivo analisar o quanto o paradigma teórico de Mulvey produzido para cinema poderia ser aplicado especificamente em um texto literário escrito no século XIX. / The objective of this thesis is to present an analysis of whether Catherine's image has been shaped by the male gaze, how she contends with the three looks of the male gaze - the look of the characters, the look of the reader, and the look of the author - and finally, how the male gaze is broken. The theoretical parameter of this analysis, the concept of the male gaze, is theorized by Laura Mulvey in the article "Visual Pleasure and Narrative Cinema" (1975) which critiques the relation between the male gaze and the female image within the patriarchal molding of visual pleasure. Borrowing Mulvey's critique of the gendering of visual pleasure in films, which pertains to the context of classical Hollywood cinema, I have articulated her theory in relation to Emily Brontë's Wuthering Heights, to examine the dynamics of the male gaze regarding the female character, Catherine. This study also aimed at examing the extent to which Mulvey's theoretical paradigm produced for cinema could be articulated specifically in relation to a literary text written in the nineteenth century.
33

As (arqueo)genealogias perversas no cinema de Pedro Almodóvar

Felippe, Renata Farias de 24 October 2012 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-graduação em Literatura, Florianópolis. 2009 / Made available in DSpace on 2012-10-24T22:16:13Z (GMT). No. of bitstreams: 1 267261.pdf: 1070666 bytes, checksum: ab75cf01e866eb24c0c8db8d0b942da8 (MD5) / Os conceitos de arqueologia e de genealogia desenvolvidos por Michel Foucault são referenciais e elementos dinamizadores da análise em questão, voltada às possíveis articulações entre o cinema de Pedro Almodóvar e as suas textualidades fundadoras # o melodrama cinematográfico, o cinema clássico hollywoodiano, a filmografia de Luís Buñuel, a trilogia materna de Garcia Lorca #, ligações permeadas pela subversão e pela perversidade. Na filmografia do diretor/autor, o caráter transgressivo vai além da inversão e do deslocamento, fazendo-se presente também através de ausências inquietantes. O silenciamento das vozes que representam o poder patriarcal, em Almodóvar, revela uma perturbadora ausência. No entanto, sob a superfície de suas conhecidas #cores#, sob a efusividade de suas personagens, sob o complexo emaranhado de suas tramas, podemos entrever os #fantasmas#, as #sombras# que permeiam a história e a cultura espanholas. A ênfase na temática do desejo, do hedonismo, da maternidade; a insistente representação dos laços de solidariedade estabelecidos entre mulheres, entre mães e filhos/as, podem ser vistas como estratégias discursivas que abafam as vozes pretéritas opressoras e as suas ruínas.
34

As Filhas do vento e o Céu de Suely

Lima, Sumaya Machado 25 October 2012 (has links)
Tese - (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Literatura, Florianópolis, 2010 / Made available in DSpace on 2012-10-25T03:49:56Z (GMT). No. of bitstreams: 1 292436.pdf: 2902826 bytes, checksum: 1c14b7f73c8e4d8268f8b953cee7886a (MD5) / O objeto de estudo desta pesquisa são os filmes As filhas do vento (2005) de Joel Zito Araújo e O Céu de Suely (2006) de Karim Aïnouz. O ponto forte desta investigação está em ver/ler nas entrelinhas do texto visual, como se dá a representação do sujeito feminino em condição de exclusão social e como ocorrem as estratégias de (micro)poder relacionadas a esses sujeitos. Tendo o gênero como categoria de análise, teorias feministas estão no embasamento teórico da pesquisa. A partir das concepções sobre o sujeito feminino, isto é, o sujeito do feminismo e a conceituação de Tecnologia de Gênero de Teresa de Lauretis, analisam-se a representação de mulheres, assim como de lugares, de estratégias e formas de poder nas suas relações, na ideologia do gênero, nesses filmes brasileiros. Concentra-se a análise nas ações e nos discursos das protagonistas, mas também, no discurso sobre elas e as suas relações intersubjetivas. Para se delimitar o tema, a fim de estudálo de maneira mais profunda, optou-se por identificar a exclusão social, através do conceito de interseccionalidade de Kimberlé Crenshaw # também conhecida como #discriminação composta# e verificar como acontecem as discriminações cruzadas de gênero, de raça, profissional e cultural na diegese fílmica e no discurso de algumas personagens. A análise sobre exclusão social que, neste texto, está diretamente ligada às questões de discriminação e de poder, parte de conceitos de subalternidade, de Gayatari Spivak, e diáspora, de Stuart Hall, para terminar as considerações sobre as formas que as protagonistas enfrentam a subalternidade. Finalmente, o estudo apresenta entrevistas, feitas aos diretores dos filmes e às atrizes, cujos papéis eram centrais nas narrativas. As entrevistas ilustram ao mesmo tempo em que complementam as análises fílmicas. / The objects of this research are the films Daughters of the Wind (2005) by Joel Zito Araújo and Suely in The Sky (2006) by Karim Aïnouz. The aim of this research is to analyze, through the visual texts, how socially excluded females are represented and how the strategies of (micro) power unfold between them and society. The analysis is based on feminist theories. Among them, the concept of the subject of feminism and the technology of gender by Teresa de Lauretis guides the analysis proposed on the female subject. This research analyzes the representation of women, as well as their position. It also analyzes the strategies and the forms of power within their relationships in the ideology of gender, proposed by these Brazilian films. In order to limit the theme and to study it intensively, this work intends to identify forms of social exclusion, considering the concept of intersectionality by Kimberlé Crenshaw. The research verifies how intersectionalities of gender, race, work and culture are crossed into the narrative film and among the discourses of some characters. The analysis about social exclusion, which is directly linked to questions about intersectionalities and power in this text, starts from the conception of subalternity by Gayatari Spivak and the conceptions about exile by Stuart Hall to think subalternities in the narrative films and ways that protagonists face it. Finally, this study presents interviews with directors and key actresses. The interviews illustrate and add to the analysis of the films.
35

Estômago

Canan, Adriane January 2011 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Literatura, Florianópolis, 2011 / Made available in DSpace on 2012-10-25T15:44:40Z (GMT). No. of bitstreams: 1 297737.pdf: 653367 bytes, checksum: 16758dc9e87c2c0d98e2089e16341f6d (MD5) / Esta dissertação faz um percurso pelo debate sobre a chamada "adaptação" literária para o cinema, ressaltando o papel do roteiro, do roteirista e de seus caminhos e escolhas neste processo. Trata-se de pensar a adaptação como criação e diálogo, deixando para trás o pensamento de que a fidelidade ao "original" seja um parâmetro incontestável. A proposta é ver o texto literário como um mote, como ponto de partida da criação. O roteiro figurando como momento crucial deste processo, e não apenas como instrumento transitório. O roteiro do filme Estômago, adaptado do conto Presos pelo Estômago, é o corpus de pesquisa. / This dissertation is a journey through the debate on the socalled "adaptation" of literature to film, emphasizing the role of the script, the writer and his ways and choices in this process. It is thinking the adaptation as the creation and the dialogue, leaving behind the thought that the loyalty to the "original" is an incontestable parameter. The proposal is to start to see the literary text as crucial starting point of creation. The script figuring in the crucial moment of this process, not only as a transitory tool. The screenplay of the movie Stomach, adapted from the tale Prisoners of the Stomach, is the research corpus.
36

From Albania to Brazil

Piaia, Claudia Ines January 2007 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Letras/Inglês e Literatura Correspondente, Florianópolis, 2007 / Made available in DSpace on 2012-10-23T07:10:11Z (GMT). No. of bitstreams: 1 266111.pdf: 911797 bytes, checksum: 372be07ef86ea2e8152f8425bf273ac8 (MD5) / The aim of the present study is to analyse how issues of Albanian national identity are portrayed in Ismail Kadaré's novel Broken April (Prilli i Thyer), and how such features have been appropriated and translated onto the screen into a Northeastern Brazilian context. I depart from the premise that, even though Brazilian elements are indeed shown in the film, the non existence of the Kanun in Brazil, and the use of narrative techniques different from the ones employed in the novel render the story of the blood feuds in the film more universal than the genuinely Albanian reality depicted in the novel. In sum, the appropriation transcends the Albanian reality into a universal context, showing, at the same time, elements which are typical of the Brazilian culture. / O objetivo do presente estudo é analisar como questões sobre a identidade nacional Albanesa são retratadas no romance Abril Despedaçado (Prilli i Thyer), de Ismail Kadaré, e como tais questões foram apropriadas e traduzidas para a tela num contexto Nordestino-Brasileiro. O estudo parte do princípio que, embora elementos tipicamente Brasileiros sejam mostrados no filme, a não existência do Kanun no Brasil, e o uso de técnicas narrativas diferentes das empregadas no romance ajudam a deixar a história das brigas de família no filme com um aspecto mais universal do que a realidade genuinamente Albanesa representada na romance. Em suma, a apropriação transcende a realidade Albanesa para um contexto mais universal, sem deixar de mostrar também elementos típicos da cultura Brasileira.
37

O dentro/fora deleuziano em TEN de Abbas Kiarostami

Vieira, Grazielli January 2008 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão. Programa de Pós-Graduação em Literatura / Made available in DSpace on 2012-10-23T17:32:54Z (GMT). No. of bitstreams: 1 259867.pdf: 364172 bytes, checksum: 8291f45cfe19d9d1de44fbbd28d450e5 (MD5) / Este trabalho teve como proposta abordar a questão do dentro e fora deleuziano, por meio da análise do filme Ten (2002) de Abbas Kiarostami. Procurou-se também ressaltar formas poéticas que dialogam com o cinema de Píer Paolo Pasolini, Luis Buñuel, Krzysztof Kieslowski, discutindo assim a possibilidade de um olhar renovado acerca da poesia fílmica. This work focuses in Deleuze's question of inside/outside, through the analysis of the film by Abbas Kiarostami, Ten (2002). It also emphasizes poetic forms which dialogue with the cinema of Pier Paolo Pasolini, Luis Buñuel, Krzysztof Kieslowski, discussing thus, the possibility of a renewed look at poetry about the film.
38

As várias faces de ripley: entre a literatura e as adaptações cinematográficas

Santana, Sergio Rivardo Lima de Santana 21 February 2013 (has links)
255 f. / Submitted by Cynthia Nascimento (cyngabe@ufba.br) on 2013-02-21T16:25:57Z No. of bitstreams: 1 Sergio Ricardo Lima de Santana.pdf: 3409546 bytes, checksum: 756c244a97ea4cd9d56fff15d6bd3864 (MD5) / Approved for entry into archive by Alda Lima da Silva(sivalda@ufba.br) on 2013-02-21T17:29:57Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Sergio Ricardo Lima de Santana.pdf: 3409546 bytes, checksum: 756c244a97ea4cd9d56fff15d6bd3864 (MD5) / Made available in DSpace on 2013-02-21T17:29:57Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Sergio Ricardo Lima de Santana.pdf: 3409546 bytes, checksum: 756c244a97ea4cd9d56fff15d6bd3864 (MD5) / Esta tese discute a temática da adaptação cinematográfica de obras literárias, a partir da perspectiva das teorias da tradução e, em especial, da semiótica de Charles Sanders Peirce. Inicialmente, é feita uma revisão da literatura principal sobre o tema, buscandose historicizar a relação entre literatura e cinema. Em seguida, apresenta-se o construto teórico que servirá como base para a análise da adaptação. Para isso, utilizam-se conceitos de teoria da tradução e da semiótica peirciana, em especial as noções de ícone, índice e símbolo, na sua relação com as noções de tradução icônica, tradução indexical e tradução simbólica; bem como conceitos pertinentes relacionados a cada um dos sistemas de signo em questão – literatura e cinema. São analisadas as adaptações dos romances O talentoso Ripley (1955) e O jogo de Ripley (1972), da escritora norteamericana Patricia Highsmith. A partir da análise dos filmes O sol por testemunha (1959), do francês René Clément; O talentoso Ripley (1999), do inglês Anthony Minghella; O amigo americano (1977), do alemão Wim Wenders; e, finalmente, O retorno do talentoso Ripley (2002), da italiana Liliana Cavani, a temática da tradução entre romance e filme é debatida e atualizada. Os resultados comprovam que os três níveis de análise estabelecidos – a tradução icônica, a tradução indexical e a tradução simbólica – são interdependentes e devem ser observados para que se possa compreender as relações entre romance adaptado e filme. Além disso, percebe-se que existe uma imbricação entre o conteúdo dos romances e as escolhas feitas pelos realizadores, por um lado, e as relações entre literatura e cinema, por outro. / Universidade Federal da Bahia. Instituto de Letras. Salvador-Ba, 2010.
39

Subtitling of collocational patterns in children's animated movies

Moraes, Isadora Teixeira January 2015 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Inglês: Estudos Linguísticos e Literários, Florianópolis, 2015. / Made available in DSpace on 2015-11-03T03:09:06Z (GMT). No. of bitstreams: 1 335756.pdf: 1527881 bytes, checksum: 0f0e255fab0f2d3d25a76eed052aaa7f (MD5) Previous issue date: 2015 / Abstract : Due to technological innovations and to globalization, the translation of movies, or more specifically, audiovisual translation, has become an ever more common type of translation. However, most of the studies in the area focus on the technicalities involved in the activity, not taking into account the linguistic aspects of translation (Díaz Cintas & Remael, 2007). For that reason, little is known about the challenges and limitations of subtitling, and this area is constantly a target of criticism on its so called ?quality? (Carvalho, 2007). Following a descriptive approach (Toury, 2012), this research aims at uncovering the translation strategies (as defined by Chesterman, 1997; Pedersen, 2005; and Costa, 2014) used by subtitlers while rendering certain language patterns, namely collocations, from American English into Brazilian Portuguese. It takes on the methodological apparatus of corpus-based studies as they enable the processing of large quantities of data quickly and automatically. The corpus is made up of three children?s animated movies (Ice Age, Shrek and Toy Story), the subtitles of which were inserted in COPA-TRAD (Fernandes & Silva, 2013) ? a translation parallel corpus ? and analyzed following Pedersen?s (2005) classification of translation strategies for cultural expressions in subtitles. It was found that, most of the time, subtitlers will attempt to maintain the cultural expression in the translation or, at least, maintain its meaning, despite facing difficulties when dealing with puns and wordplay. In this sense, it can be attested that subtitlers were overall creative and innovative, possibly because of the movie genre they were working on ? animation. These results also show the unfounded nature of the criticism usually aimed this type of audiovisual translation.<br> / Graças aos avanços tecnológicos e à globalização, a tradução de filmes, ou mais especificamente, a tradução audiovisual, se tornou um tipo de tradução cada vez mais comum. No entanto, a maior parte das pesquisas feitas na área foca nas tecnicalidades envolvidas nessa atividade, sem levar em conta os aspectos linguísticos da tradução (Díaz Cintas e Remael, 2007). Por esse motivo, não se sabe muito sobre os desafios e as limitações da legendagem, e não raro esta área é alvo constante de críticas relacionadas à sua  qualidade (Carvalho, 2007). Seguindo uma abordagem descritivista (Toury, 1995), espera-se descobrir as estratégias de tradução (como definidas por Chesterman, 1997; Pedersen, 2005; e Costa, 2014) utilizadas por legendadores na tradução de determinados padrões linguísticos, ou colocações, do inglês americano para o português brasileiro. A metodologia aplicada é a dos estudos com base em corpus, já que estes permitem o processamento de grandes quantidades de dados de maneira rápida e automática. O corpus é composto por três filmes infantis de animação (A Era do Gelo, Shrek e Toy Story), cujas legendas foram inseridas no COPA-TRAD (Fernandes e Silva, 2013)  um corpus paralelo de tradução  e analisadas seguindo a classificação de estratégias de tradução de expressões culturais em legendas de Pedersen (2005). Descobriu-se que, na maioria das vezes, os legendadores tentam manter a expressão cultural na tradução ou, ao menos, manter seu significado, apesar de enfrentarem dificuldades ao lidarem com trocadilhos e jogos de palavras. Nesse sentido, pode-se afirmar que os legendadores foram em geral criativos e inovadores, possivelmente devido ao gênero dos filmes em que trabalharam  animação. Esses resultados mostram também a natureza infundada das críticas que são geralmente direcionadas a esse tipo de tradução audiovisual.
40

Iracemas do cinema: um estudo de adaptações / Iracemas of the cinema: a study of adaptations

Soares, Aline Rebouças Azevedo January 2017 (has links)
SOARES, Aline Rebouças Azevedo. Iracemas do cinema: um estudo de adaptações. 2017. 146f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-Graduação em Comunicação, Fortaleza (CE), 2017. / Submitted by Gustavo Daher (gdaherufc@hotmail.com) on 2017-07-04T16:53:59Z No. of bitstreams: 1 2017_dis_arasoares.pdf: 2549288 bytes, checksum: 0db7586f91ba61283e85ae7ef247f62e (MD5) / Approved for entry into archive by Márcia Araújo (marcia_m_bezerra@yahoo.com.br) on 2017-07-25T14:19:40Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2017_dis_arasoares.pdf: 2549288 bytes, checksum: 0db7586f91ba61283e85ae7ef247f62e (MD5) / Made available in DSpace on 2017-07-25T14:19:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2017_dis_arasoares.pdf: 2549288 bytes, checksum: 0db7586f91ba61283e85ae7ef247f62e (MD5) Previous issue date: 2017 / The character Iracema, of the novel of Jose de Alencar was conceived to become the mythical mother of Brazil. A little more than a hundred years later, Carlos Coimbra canonically adapts to the cinema the beautiful and courageous India in Iracema, a virgem dos lábios de mel (1979). However, four years earlier, Jorge Bodanzky and Orlando Senna had conceived in Iracema, uma transa amazônica (1974) a mundane Iracema, with traits that the virgin of the lips of honey could never have, since she was created to be close to the divine and the chastity. This work approximates these motion pictures from the reinvention of its Iracemas and the foundation project of Alencar. We raise a theoretical discussion about the cinematographic adaptation and certain aspects that relate to it, such as the concepts of translation and transcription, the paradigm of fidelity, bereavement in translation and the question of authorship. We investigated the characterization of Iracema de Alencar from his mythical heroine traits and established some parallels between characteristics of classic heroines, such as Pocahontas, whose biography gained contours of myth; Atala, character of the novel of François-René de Chateaubriand; and Dido, Camilla and Lavinia, three characters from the Roman epic "Aeneid", by Publius Virgilio Maro. We then traced the profiles of Iracema of Coimbra and Iracema of Bodanzky and Senna, from some techniques of film analysis, such as study of plans and sequences and analysis of the film as narrative. We approach the characters from their counterpoints and elaborate a reflection on a trait identified in both: the erotization process. From the bibliography that guided the elaboration of this work we can highlight the studies of Linda Hutcheon, Marcel Silva, Julio Plaza, Paul Ricoeur, Jacques Aumont and Laura Mulvey. We conclude with a reflection on the importance of the history of Brazilian cinematographic productions and the large amount of material we have available for studies in academic research. / A personagem Iracema, do romance indigenista de José de Alencar foi concebida para tornar-se a mãe mítica do Brasil. Pouco mais de cem anos depois, Carlos Coimbra adapta canonicamente para o cinema a bela e corajosa índia em Iracema, a virgem dos lábios de mel (1979). Todavia, cinco anos antes, Jorge Bodanzky e Orlando Senna haviam concebido em Iracema, uma transa amazônica (1974) uma Iracema mundana, com traços que a virgem dos lábios de mel jamais poderia ter, já que foi criada para estar próxima ao divino e à castidade. Este trabalho aproxima esses filmes a partir da recriação de suas Iracemas e do projeto de fundação alencarino do Brasil. Levantamos uma discussão teórica acerca da adaptação cinematográfica e determinados aspectos que a ela se relacionam, como os conceitos de tradução e transcriação, o paradigma da fidelidade, o luto na tradução e a questão da autoria. Investigamos a caracterização da Iracema de Alencar a partir de seus traços de heroína mítica e estabelecemos alguns paralelos entre características das heroínas clássicas Pocahontas, cuja biografia ganhou contornos de mito; Atala, personagem do romance de François-René de Chateaubriand; e Dido, Camila e Lavínia, três personagens da epopeia romana “Eneida”, de Públio Virgílio Maro. Traçamos, então, os perfis da Iracema de Coimbra e da Iracema de Bodanzky e Senna a partir de algumas técnicas de análise fílmica, como estudo de planos e sequências e análise do filme como narrativa. Aproximamos as personagens a partir de seus contrapontos e elaboramos uma reflexão sobre um traço identificado em ambas: o processo de erotização. Da bibliografia que norteou a elaboração deste trabalho podemos destacar os estudos de Linda Hutcheon, Marcel Silva, Julio Plaza, Paul Ricoeur, Jacques Aumont e Laura Mulvey. Encerramos com uma reflexão acerca da importância histórica das produções cinematográficas brasileiras e da numerosa quantidade de material de que dispomos para estudos em pesquisas acadêmicas.

Page generated in 0.0858 seconds