• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 142
  • 6
  • 5
  • 4
  • 3
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 165
  • 86
  • 52
  • 52
  • 52
  • 51
  • 46
  • 42
  • 39
  • 25
  • 23
  • 23
  • 23
  • 20
  • 19
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
41

Existe correlação entre o ângulo de báscula pélvica, a força e a função dos músculos do assoalho pélvico?

ANDRADE, Marília Fernandes 31 January 2017 (has links)
Introdução: A mulher durante a vida sofre modificações em seu corpo devido a fatores externos e internos que podem alterar a estrutura da coluna vertebral, atingindo assim, a posição pélvica. Objetivo: Investigar a relação entre o ângulo de báscula pélvica, a força e a função dos músculos do assoalho pélvico, em nulíparas em fase reprodutiva e primíparas ou multíparas na pós-menopausa. Metodologia: Estudo observacional e transversal. Participaram do estudo 134 mulheres, divididas em dois grupos: 64 mulheres em pós-menopausa e 70 mulheres em fase reprodutiva. A avaliação da posição pélvica foi realizada por fotogrametria. A participante foi posicionada em plano sagital direito, em local adequado, com pontos anatômicos pré-determinados demarcados na pelve, sendo: espinha ilíaca ântero-superior e espinha ilíaca póstero-inferior. A avaliação dos músculos do assoalho pélvico (MAP) foi realizada por meio do exame da palpação digital vaginal (Escala Modificada de Oxford, 0-5 grau de contração) e com o uso do dinamômetro vaginal (EMG System do Brasil). Foram avaliados os sintomas uroginecológicos (miccionais e sexuais) através dos questionários ICIQ Urinary Incontinence - Short Form (ICIQ UI-SF), ICIQ – Overactive Bladder (ICIQ-OAB) e Índice de Função Sexual Feminina (IFSF). Resultados: Nenhuma das variáveis: grau de contração (rs=-0,11; p=0,19), dinamometria máxima (rs=0,01; p=0,92), média (rs=-0,10; p=0,23) e endurance (rs=-0,01; p=0,86) se correlacionam com o ângulo de báscula pélvica (BP). Os grupos foram diferentes entre si na palpação digital vaginal (p<0,01), no valor médio da dinamometria (p<0,01) e endurance (p<0,01). Todos os três questionários (ICIQ-SF, ICIQOAB e IFSF) apresentaram diferença significativa entre os grupos (p<0,01). Conclusão: Os resultados do presente estudo indicam não existir correlação entre o ângulo de báscula pélvica, o / Introduction: Woman during its lifetime undergoes with changes in your body due to external and internal factors that can alter the spine structure, reaching pelvic posture. Objective: to investigate the relationship between pelvic tilt angle, strength and function of pelvic floor muscles in nulliparous women in reproductive phase and primiparous or multiparous women in postmenopausal phase. Methods: Observational and cross-sectional study. Participated in the study 134 women, divided in two groups: 64 postmenopausal women and 70 women in reproductive phase. The pelvic position evaluation was performed by photogrammetry. The participant was positioned at right sagittal plane, in an appropriate place, with predetermined anatomical points marked on the pelvis, the points were: anterior superior iliac spine and posterior inferior iliac spine. The evaluation of Pelvic floor muscles (PFM) was carried out by vaginal digital palpation (Oxford Modified Scale, 0-5 contraction degree) and using a vaginal dynamometer (EMG System Brazil). Urogynecological symptoms (Urinary and sexual) were evaluated through ICIQ Urinary Incontinence - Short Form (ICIQ-UI SF), ICIQ - Overactive Bladder (ICIQ-OAB) and Female Sexual Function Index (FSFI). Results: None of the variables: contraction degree (rs=-0.11, p=0.19), maximum dynamometry (rs=0.01, p=0.92), mean (rs=-0.10, p=0.23) and endurance (rs=-0.01, p=0.86) correlated with pelvic tilt angle. The groups showed different from each other in vaginal digital palpation (p<0,01), on average of dynamometry (p<0,01) and endurance (p<0,01). All three questionnaires (ICIQ-SF, ICIQ-OAB and FSFI) showed a significant difference between groups (p<0.01). Conclusion: The present study results indicate that there is no correlation between pelvic tilt angle, contraction degree and pelvic floor muscles strength in the studied population. / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES
42

Efeitos da dinâmica da pressão abdominal na modulação do retorno venoso de membros inferiores e em parâmetros hemodinâmicos centrais em indivíduos saudáveis e pacientes com insuficiência cardíaca

Balzan, Fernanda Machado January 2013 (has links)
Resumo não disponível
43

Síndrome da bexiga hiperativa e sua correlação com a função dos músculos do assoalho pélvico em idosas

Lorena, Dayanne Cristina Ramos January 2018 (has links)
Submitted by Gisely Teixeira (gisely.teixeira@uniceub.br) on 2018-06-12T18:04:04Z No. of bitstreams: 1 51500742.pdf: 663694 bytes, checksum: 11906e0bfaa672c3d0571d969ded99d2 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-06-12T18:04:04Z (GMT). No. of bitstreams: 1 51500742.pdf: 663694 bytes, checksum: 11906e0bfaa672c3d0571d969ded99d2 (MD5) Previous issue date: 2018 / Introdução. Os idosos são mais suscetíveis a desenvolverem Síndrome da bexiga hiperativa (SBH) devido às alterações estruturais e funcionais do processo de envelhecimento. Entretanto, ainda não se sabe ao certo a correlação entre a função dos músculos do assoalho pélvico (MAP) e os sintomas da SBH. Objetivos. Avaliar a relação entre os sintomas da SBH e a função dos MAP em idosas. Método. Estudo transversal analítico realizado com 71 idosas. A avaliação dos sintomas da SBH foi realizada pelo ICIQ-OAB (International Consultation on Incontinence Questionnaire Overactive Bladder). Para avaliação da função dos MAP utilizou-se a escala de Oxford modificada e a análise de contração dos MAP foi feita com a eletromiografia de superfície com eletrodos posicionados no centro tendíneo do períneo e referência em espinha ilíaca ântero-superior. Resultados. As pacientes apresentaram média dos sintomas do ICIQ-OAB de 8,57(±3,07); a maioria das mulheres apresentam Oxford grau 2 (37,1%) e a média da atividade elétrica dos MAP foi de 4,24 (± 2,44) μV. Ao correlacionar os sintomas da bexiga hiperativa com a função dos MAP, o resultado não foi significativo (r=-0,122; p=0,31), o resultado também não foi significativo entre o ICIQ-OAB e a eletromiografia dos MAP (r=0,069; p=0,569). Discussão/Conclusão. Não foi observada correlação significativa entre a presença dos sintomas da SBH e a função dos MAP. Mulheres com maior ou menor força dos MAP e/ou maior ou menor atividade elétrica dos MPA têm as mesmas chances de desenvolver SBH.
44

Influ?ncia da paridade, do tipo de parto e do n?vel de atividade f?sica sobre a musculatura do assoalho p?lvico em mulheres na p?s-menopausa

Varella, Larissa Ramalho Dantas 10 November 2015 (has links)
Submitted by Automa??o e Estat?stica (sst@bczm.ufrn.br) on 2016-06-15T00:26:28Z No. of bitstreams: 1 LarissaRamalhoDantasVarella_DISSERT.pdf: 1496447 bytes, checksum: c1f5334b98e1624c6e60c07fcccffa3e (MD5) / Approved for entry into archive by Arlan Eloi Leite Silva (eloihistoriador@yahoo.com.br) on 2016-06-20T17:37:01Z (GMT) No. of bitstreams: 1 LarissaRamalhoDantasVarella_DISSERT.pdf: 1496447 bytes, checksum: c1f5334b98e1624c6e60c07fcccffa3e (MD5) / Made available in DSpace on 2016-06-20T17:37:01Z (GMT). No. of bitstreams: 1 LarissaRamalhoDantasVarella_DISSERT.pdf: 1496447 bytes, checksum: c1f5334b98e1624c6e60c07fcccffa3e (MD5) Previous issue date: 2015-11-10 / A p?s-menopausa caracteriza-se por altera??es hormonais e org?nicas decorrentes da fal?ncia ovariana, destacando-se as altera??es na musculatura do assoalho p?lvico (MAP). Tem-se na literatura atual que, em mulheres jovens, fatores gineco-obst?tricos e h?bitos de vida influenciam nessa perda de fun??o, no entanto, ainda h? incertezas sobre a influ?ncia dessas vari?veis no funcionamento da MAP de mulheres na p?s-menopausa. Assim, o presente estudo visou avaliar se h? influ?ncia da paridade, tipo de parto e n?vel de atividade f?sica sobre a MAP em mulheres na p?s-menopausa. Objetivou-se ainda comparar a for?a da MAP em mulheres na p?s-menopausa submetidas a parto normal e ces?rea, com diferentes n?veis de atividade f?sica, e com menopausa artificial e natural nas fases inicial e tardia, al?m de correlacionar o teste de for?a muscular e perineometria e analisar a confiabilidade inter-examinador da perineometria. Atrav?s de um estudo observacional, anal?tico e transversal foram estudadas 100 mulheres no per?odo da p?s-menopausa, com idades entre 45 e 65 anos, divididas, de acordo com o estado menopausal, em tr?s grupos: histerectomizadas, p?s-menopausa inicial e tardia. As pacientes foram questionadas sobre fatores sociodemogr?ficos e hist?ria gineco-obst?trica. Todas as volunt?rias foram submetidas ao exame f?sico, no qual foi mensurado o peso e altura para c?lculo do ?ndice de massa corporal e a circunfer?ncia cintura. A avalia??o do assoalho p?lvico foi realizada investigando a for?a e a press?o da MAP por meio do teste de for?a muscular e da perineometria. Para an?lise dos resultados foram utilizados a estat?stica descritiva, os testes de compara??o como ANOVA e a regress?o m?ltipla, al?m do teste Kolmogorov-Smirnov aplicado para testar a normalidade das vari?veis. Nos resultados, observou-se que em rela??o ?s caracter?sticas sociodemogr?ficas e antropom?tricas na amostra final (n = 85). Sendo observado que a maioria das mulheres nos tr?s grupos eram casadas (p=0.51) e cat?licas (p=0.13). A renda per capta variou de R$ 585,47 ? 466,67 a R$1.271,83 ? 1.748,97, sendo sem signific?ncia a diferen?a entre os grupos (p=0.05). O G>6apresentou uma m?dia de idade de 58,95 ?3,96 significativamente maior que o G<6 (53,21? 3,88) (p=0.000). Quanto as caracter?sticas antropom?tricas, n?o houve diferen?a entre os grupos em rela??o ao peso (p=0.32), altura (p=0.72), IMC (p=0.34) e circunfer?ncia de cintura (p=0.33). Obteve-se que o tipo de parto, paridade e n?vel de atividade f?sica n?o apresentaram influ?ncia sobre a fun??o da musculatura do assoalho p?lvico nas mulheres estudadas (p= 0.794). N?o foram vistas diferen?as na fun??o da MAP de mulheres submetidas a partos normais, cesarianos e normais + cesarianos (TFM p= 0.897; perineometria p = 0.502), de mulheres com 1 parto, 2-3 partos ou 4 partos ou mais (TFM p=0.28; perineometria p=0.13), e entre aquelas com diferentes n?veis de atividade f?sica (TFM p= 0.663; perineometria p=0.741) Acredita-se que o decl?nio da fun??o muscular em mulheres na p?s-menopausa esteja relacionado, fundamentalmente, ao processo de envelhecimento feminino. / The post-menopause stage is characterized by hormonal and organic alterations of ovarian failure. One of the most important of these is muscles alterations of the pelvic floor (MPF). According to current literature, in young women gynecological and obstetric factors, as well as lifestyles and habits influence that loss of function. However, there is still uncertainty about the influence of those variables in the MPF functions in post-menopause women. Thus, this study aimed at seeing if there is an influence from number of births, the type of birth and the level of physical activity on the MPF of post-menopause women. Another objective of this study was to compare MPF force in women who had had vaginal births with those who had been subjected to cesarean sections, those with different levels of physical activity and those with artificial and natural menopause in the initial and latter stages. Furthermore, the test of muscular force was compared to perineometry. Using observational, analytical and transversal observations, 100 women in the post-menopausal stage of life, between the ages of 45 and 65, were examined. They were divided according to the menopausal stage into three groups: women who had undergone hysterectomies, those in the initial stages of postmenopause and those in the late stage of postmenpause. The patients were questioned about social, demographic, gynecological and obstetric factors. All the volunteers were submitted to a physical examination where their height and weight were measured to arrive at the corporal mass index and their waist measurements were taken. The evaluation of the pelvic floor was conducted with muscular force tests and perineometry. These results were analyzed with statistical description and ANOVA statistical tests, multiple regression and Kolmogorov-Smirnov evaluations. The results showed homogeneity with regard to social demographic and anthropometric characteristics among the women in the final test sample (n=85). It was also seen that most of the women in all three groups were married (p=0.51) and catholic (p=0.13). The average per capital income varied between $R585.47 (+/-466.67) and $R1,271.83 (+/-1,748.95), with no significant difference between the groups (p=0.05). The G>6 group presented an average age between 58.95 (+/-3.96) which was significantly greater that the G<6 group?s average age (53.21+/- 3.88) (p=0.000). There was no difference between the groups? anthropometric characteristics of weight (p=0.32), height (p=0.72) and corporal mass index (p=0.34), nor in the waist measurements (p=0.33). Furthermore, no significant difference was noted in the MPF function of women who had had normal births, cesarean sections or a combination of the two (TFM p=0.897; perineum measurement p=0.502). Likewise, no differences were seen in the MPF function of women who had one, two to three or four or more births (TFM p=0.28, perineum measurement p=0.13). Finally, no difference was perceived among those with different levels of physical activity (TFM p=0.663; perineum measurement p=0.741). Therefore, we found that the type of delivery, number of births and physical activity had no influence on the muscular function of the pelvic floor among the women studied. It is believed that decline in muscular function in post-menopause women is fundamentally related to the process of aging.
45

Estudo de sonoridade em saxofone : mapeamento e aprimoramento de técnicas /

Pompeo, Samuel André, 1972- January 2016 (has links)
Orientador: Sonia Regina Albano de Lima / Banca: Carlos Afonso Sulpício / Banca: Flávio Apro / Resumo: Esta pesquisa tem o objetivo de identificar a importância e os benefícios do estudo dirigido para a sonoridade nos instrumentos de sopro. O intuito desse tipo de estudo é obter melhor desempenho performático, podendo ser aplicado tanto por saxofonistas quanto por outros instrumentistas de sopro. A investigação também apurou a origem das técnicas relacionadas à sonoridade, notadamente à respiração. Os procedimentos metodológicos concentraram-se em descrever a apostila pedagógica elaborada pelo pesquisador, voltada para o estudo da sonoridade; realizar um levantamento bibliográfico dos métodos e livros destinados aos instrumentistas de sopro, principalmente aos saxofonistas; encontrar subsídios teóricos envolvendo as questões ligadas à respiração e à emissão de ar; realizar uma pesquisa-ação com alunos da Escola Municipal de Música; e entrevistar músicos profissionais ligados ao mundo popular e erudito para checagem do conhecimento relativo aos estudos e informações sobre respiração e emissão sonora. Isso possibilitou traçar um panorama do entendimento da sonoridade que músicos e professores possuem e da abordagem dada por autores de livros e métodos ao estudo da sonoridade - cabe ressaltar que os músicos e professores participantes deste estudo são, particularmente, da cidade de São Paulo. Os resultados mostram que as técnicas de respiração usadas pelos instrumentistas de sopro possuem sua origem nas técnicas do canto. Além disso, constatou-se que a adoção da prática específic... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: This research aims to identify the importance and benefits of a study routine focused on sonority in wind instruments. The objective of that kind of study is to obtain better performance development and could be adopted by saxophonists and other wind players as well. The investigation also found out the origins of sonority techniques, notably the ones related to the breathing process. The research method concentrates on describing the pedagogical sonority workbook developed by this researcher; reviewing workbooks and handbooks that target wind musicians, especially saxophonists; finding theoretical basis encompassing questions related to breathing process and air emission; conducting an action research with students from Escola Municipal de Música; and interviewing professional musicians, both popular and classical, to verify their knowledge regarding study practices, breathing information and sound emission. That allowed me to delineate a general perspective regarding the comprehension by musicians and instructors and the approach given by book authors to sonority studies-it is worth mentioning that musicians and instructors participants in this study are mainly from São Paulo. The results show that breathing techniques used by wind performers originate from singing techniques. Additionally, results demonstrate that the adoption of the practice dedicated to sonority development offers benefits to the practioner, as volume enhancement and timbre uniformity through all instrum... (Complete abstract click electronic access below) / Mestre
46

Avaliação comparativa da força muscular do assoalho pélvico em mulheres nulíparas e primigestas /

Sousa, Vanessa de Oliveira. January 2009 (has links)
Resumo: O objetivo desse estudo foi avaliar a força dos músculos do assoalho pélvico (AP) em nulíparas e primigestas utilizando a avaliação subjetiva e objetiva. 100 mulheres com idade entre 20 e 30 anos foram estudadas prospectivamente. As participantes foram distribuídas em dois grupos: Grupo G1 (n=50) composto por mulheres nulíparas voluntárias saudáveis sem disfunções urinárias, Grupo G2 (n=50) por primigestas. Dados demográficos, como atividade física, foram obtidos utilizando questionário clinico. Avaliação subjetiva dos músculos do AP foi feita por palpação digital vaginal em duas porções (anterior e posterior). A avaliação objetiva da força dos músculos do AP foi realizada utilizando um perineômetro portátil (Dynamed DM-01) em três diferentes posições: em decúbito dorsal com membros inferiores estendidos (P1), decúbito dorsal com membros inferiores fletidos (P2) e sentada (P3). Esses parâmetros foram avaliados em um só momento no grupo G1 e na 20ª, 36ª semana de gestação e após 45 dias do parto em G2. Em G2, 14 mulheres foram excluídas por perda de seguimento. A média de idade foi de 23 anos em G1 e 22 em G2 (p>0,05). 84% das mulheres em G1 e 80% em G2, relataram orgasmo (p>0,05). Em G1, 54% apresentaram constipação intestinal e 50% em G2 (p>0,05). A atividade sexual foi significativamente maior em G2 (97%) quando comparado a G1 (84%). Na porção anterior, a avaliação feita por palpação digital vaginal da contração dos músculos do AP foi considerada normal em 52% das nulíparas (G1), em 39%, 22% e 25% na 20ª, 36ª semana de gestação e 45 dias após o parto, respectivamente em G2. Na porção posterior, a palpação digital vaginal foi normal em 76% de G1, em 67%, 36% e 44%, na 20ª, 36ª semana de gestação e 45 dias após o parto, respectivamente, em G2. Houve diferença... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: The aim of this study was to assess pelvic floor muscle (PFM) strength in nulliparous and primiparous using subjective and objective evaluation. 100 women with age between 20 and 30 years were prospectively studied . Participants were distributed into 2 groups: Group G1 (n = 50) composed by voluntary healthy nulliparous women without urinary complaints; Group G2 (n = 50) by primiparous females. Demographic data, such as physical activity, was obtained using clinical questionnaire. Subjective evaluation of pelvic floor muscle (PFM) was performed using transvaginal digital palpation (TDP) into 2 positions (anterior and posterior). Objective evaluation of PFM strength was assessed using a portable perineometer (DM 01 Dynamed) in three different positions: in lying position with straight limbs (P1), with bent limbs (P2) and sitting (P3). These parameters were recorded at one moment in group G1 and in 20th and 36th weeks during pregnancy and after 45 days of the delivery in G2.Results: In G2, 14 women were excluded due to the lost follow-up. The median of age was 23 years in G1 and 22, in G2 (p> 0.05). 84% of women in G1 and 80% in G2, reported orgasm (p> 0.05). In G1, 54% presented intestinal constipation and 50% in G2 (p>0.05). The sexual activity was significantly higher in G2 (97%) as compared to G1 (84%). In anterior position, the TDP evaluation of PFM contraction was considered normal in 52% of nuliparous (G1),and in 39%, 22% and 25%, at 20th and 36th week of pregnancy and 45 days afer delivery, respectively in G2. In posterior position, the TDP was normal in 76% of G1, and in 67%, 36% and 44%, at 20th and 36th week of pregnancy and 45 days afer delivery, respectively, in G2. There was a significant statical difference between all periods of evaluation as anterior as posterior position in G2 as compared to G1, except when ...(Complete abstract click electronic access below) / Orientador: João Luiz Amaro / Coorientador: Mônica de Oliveira Orsi Gameiro / Banca: Carlos Trindade Filho / Banca: Carla Adelino Suaid / Mestre
47

A importância da avaliação do assoalho pélvico após a prostatectomia radical e seu impacto na disfunção erétil /

Jabur, Fernanda. January 2014 (has links)
Orientador: Hamilto Akihissa Yamamoto / Banca: Paulo Roberto Kawano / Banca: Eliney Ferreira Faria / Resumo: A prostatectomia radical é uma das opções de tratamento para câncer de próstata sendo realizada por várias técnicas, mas com taxa de disfunção erétil muito elevada no pós-operatório, piorando a qualidade de vida. Os exercícios para o assoalho pélvico podem promover a recuperação da ereção após a prostatectomia radical. Trata-se de um ensaio clínico prospectivo e randomizado em oitenta pacientes com diagnóstico clínico de adenocarcinoma de próstata localizado, randomizados em três grupos: grupo controle (n=26) onde os pacientes não receberam tratamento específico, grupo orientação (n=30) onde os pacientes foram orientados a fazer exercícios diariamente em suas residências e o grupo de eletroestimulação (n=24), onde os pacientes foram submetidos à eletroestimulação anal e exercícios para o assoalho pélvico diariamente em suas residências. Os grupos foram comparados quanto à idade, escolaridade, radioterapia no pós-operatório, estadiamento patológico, escore de Gleason, comorbidades e IMC, somente apresentando diferenças entre os grupos a cardiopatia. Quando realizada a evolução da variável IIEF-5, força e tempo de contração no músculo do assoalho pélvico ao longo dos doze meses, nenhuma das variáveis apresentaram p-valor significativo referente à interação, ou seja, os grupos possuem a mesma performance. Verificamos a correlação entre os valores obtidos do questionário IIEF-5 com a força de contração do assoalho pélvico a cada medida do tempo analisada, estas medidas não apresentaram correlação. Os resultados demonstraram que a reabilitação do assoalho pélvico não interferiu na recuperação da função erétil dos pacientes ao longo de doze meses após da prostatectomia radical / Abstract: Radical prostatectomy is one of the treatment options for prostate cancer being carried out by various techniques, but with very high rate of postoperative erectile dysfunction, worsening the quality of life. The exercises for the pelvic floor may promote recovery of erections after radical prostatectomy. This prospective, randomized clinical trial was performed in 80 patients with clinical diagnosis of localized prostate adenocarcinoma who were randomized into three groups: the control group (n = 26) where patients received no specific treatment, the exposure group (n = 30) where patients were instructed to exercise daily in their homes, and the electrical stimulation group (n = 24), where patients underwent anal electrical stimulation and exercises for the pelvic floor daily in their homes. The groups were compared for age, education, postoperative radiotherapy, pathological staging, Gleason score, comorbidities, and BMI, and the only difference among them was heart disease. When carried out the evolution of the IIEF-5 variable strength and timing of contraction in the muscle of the pelvic floor over the twelve months, none of the variables showed significant p-value related to the interaction, that is, the groups have the same performance. We verified the correlation between the values of the IIEF-5 questionnaire and the force of contraction of the pelvic floor, to every analyzed timing measurement, these measures were not correlated. The results showed that rehabilitation of the pelvic floor did not affect the recovery of erectile function in patients over twelve months following radical prostatectomy / Mestre
48

Desenvolvimento de diafragmas poliméricos aplicáveis na produção eletrolítica de cloro-soda.

CUNHA, Carlos Thiago Cândido. 06 July 2018 (has links)
Submitted by Maria Medeiros (maria.dilva1@ufcg.edu.br) on 2018-07-06T13:50:36Z No. of bitstreams: 1 CARLOS THIAGO CÂNDIDO CUNHA - TESE (PPGCEMat) 2015.pdf: 3145702 bytes, checksum: bad9f1c620f682b0e77a37c797d9bc37 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-07-06T13:50:36Z (GMT). No. of bitstreams: 1 CARLOS THIAGO CÂNDIDO CUNHA - TESE (PPGCEMat) 2015.pdf: 3145702 bytes, checksum: bad9f1c620f682b0e77a37c797d9bc37 (MD5) Previous issue date: 2015-06-22 / Capes / O hidróxido de sódio (NaOH) e o cloro estão entres os produtos químicos mais importantes na indústria e são produzidos simultaneamente pela eletrólise da salmoura. As células eletrolíticas são compostas de uma câmara catódica e uma anódica, separadas por um diafragma que permite a passagem dos íons por migração iônica. A maioria dos diafragmas se utilizam de amianto e as leis ambientais vigentes direcionam para extinção ou substituição deste material. Assim, foi realizado um estudo sobre o desenvolvimento de diafragmas alternativos à base de materiais poliméricos e aditivos que pudessem substituir o amianto e possibilitassem sua aplicação na indústria de cloro-soda. Para tanto, empregou-se fibras poliméricas, a exemplo do Polietileno de Ultra Alto Peso Molecular (PEUAPM), que resiste as condições severas do processo eletrolítico. Também se fez necessário o emprego da dopagem com carga inorgânica (argilas) para conferir menor permeabilidade aos diafragmas. Diante disso, foram desenvolvidos sistemas para deposição e caracterização dos diafragmas que possibilitam a reprodutividade e análises adequadas comparadas ao âmbito industrial. Partindo de um planejamento experimental de misturas com 5 diferentes fibras pode-se avaliar qual composição de diafragma favoreceu melhores resultados nos parâmetros da eletrólise. Os resultados se mostraram promissores, tendo em vista que dentre as 15 formulações testadas conseguiu-se chegar a uma composição cujas propriedades eletroquímicas atendem todas as especificações podendo inclusive ser aplicado em escala industrial. / Sodium hydroxide (NaOH) and chlorine are among the most important chemicals in industry and are produced simultaneously by the electrolysis of brine. Electrolyte cells are consisted by a cathodic and anodic chamber, separated by a diaphragm that allows the passage of ions by ion migration. Most diaphragms using asbestos and environmental laws in use direct to extinction or replacement of this material. In this way, it was done a study on the development of alternative diaphragm based on polymeric materials and additives that could replace the asbestos and could allow its application in chlorine-soda industry. So, polymeric fibres was used, such as, Ultra High Molecular Weight polyethylene (UHMWPE), resisting the harsh conditions of the electrolytic process. Also it was studied the use of doping with inorganic fillers (clays) to provide less permeability to the diaphragms. For this, systems were developed for deposition and characterization of diaphragms that make it possible the reproducibility and suitable analysis compared to the industrial scope. Starting from experimental planning of mixtures with 5 different fibers, it was evaluated which composition of diaphragm given best results in the electrolysis parameters. The results were promising, considering that among the 15 formulations, it was reached a composition whose electrochemical properties meet all specifications and can even be applied on an industrial scale.
49

Avaliação de diafragma piezelétrico no monitoramento das condições da superfície da peça em processo de retificação plana tangencial / Evaluation of the piezoelectric patch in the monitoring of the surface conditions of the workpiece in the tangential flat grinding process

Fabiano, Luiz Felipe Gilli [UNESP] 09 December 2016 (has links)
Submitted by LUIZ FELIPE GILLI FABIANO null (luiz_gilli@hotmail.com) on 2017-01-28T11:38:47Z No. of bitstreams: 1 Dissertação Luiz Felipe Gilli Fabiano.pdf: 4348153 bytes, checksum: dec59fbb55fc39d0a5d03e18877ac8c2 (MD5) / Approved for entry into archive by LUIZA DE MENEZES ROMANETTO (luizamenezes@reitoria.unesp.br) on 2017-01-31T17:24:36Z (GMT) No. of bitstreams: 1 fabiano_lfg_me_bauru.pdf: 4348153 bytes, checksum: dec59fbb55fc39d0a5d03e18877ac8c2 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-01-31T17:24:36Z (GMT). No. of bitstreams: 1 fabiano_lfg_me_bauru.pdf: 4348153 bytes, checksum: dec59fbb55fc39d0a5d03e18877ac8c2 (MD5) Previous issue date: 2016-12-09 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) / Os processos de usinagem são de extrema importância para a fabricação de peças mecânicas, as peças exigem alta precisão dimensional e geométrica e qualidade no acabamento ao serem manufaturadas. Dentre os processos de usinagem, a retificação se destaca por ser um dos processos mais usado, por sua precisão e bom acabamento. É essencial que se conheça bem este processo, já que o mesmo se encontra na última etapa da manufatura. Assim, problemas durante o processo de retificação compromete-se a peça e pode-se perder o trabalho realizado em todas as etapas anteriores, acarretando alto custo na produção e perda de matéria-prima. O presente trabalho tem como objetivo avaliar um método de monitoramento das condições da superfície das peças, realizando um estudo comparativo da integridade superficial de peças retificadas com os sinais captados por um diafragma piezelétrico de baixo custo composto por Titanato Zirconato de Chumbo (PZT), bem como por um sensor de emissão acústica (EA). Os ensaios experimentais foram realizados em uma máquina retificadora plana, onde um banco de ensaios foi desenvolvido empregando-se um rebolo de CBN com ligante resinóide e corpos de prova de aço ABNT 1045 e VC131. Posteriormente, para caracterizar a superfície das peças, foi realizada a inspeção visual, medidas de rugosidade (Ra), medidas de microdureza Vickers e uma análise metalográfica. Os sinais EA e PZT foram aquisitados através de um osciloscópio de alta amostragem e, posteriormente, tratados com filtros digitais. Na sequência, esses sinais, foram comparados com a queima e a rugosidade de cada peça em suas respectivas condições, através de técnicas de processamento de sinais. Notou-se que o aumento da rugosidade, bem como a ocorrência da queima da peça, possui um relacionamento com aumento do sinal RMS do PZT e da EA, bem como com o índice RMSD. Já o índice CCDM não possuiu correlação com as condições do processo. Verificou-se por meio deste estudo um bom desempenho do diafragma PZT com potencial para concorrer com o sensor de EA visando monitorar a integridade superficial das peças retificadas, de acordo com a análise espectral e o estudo do sinal nas devidas bandas de frequência identificadas. / The machining processes are of utmost importance for the manufacture of mechanical parts, the parts require high dimensional and geometric precision and quality in the finishing of the surfaces when being manufactured. Among the machining processes, grinding stands out as one of the most used processes, due to its precision and superior finishing. It is essential that this process is well known, since it is in the last stage of manufacturing. Thus, problems during the grinding process are committed to the part and can be lost the work carried out in all previous stages, resulting in high production costs and loss of raw material. The present work aims to evaluate a method of monitoring the surface conditions of the parts, performing a comparative study of the surface integrity of rectified parts with the signals captured by a low-cost piezoelectric patch composed of Lead Titanium Zirconate (LZT) and as by an acoustic emission sensor (EA). Experimental tests were performed in a flat grinding machine, where a test bench was developed using a CBN grinding wheel with resinoid binder and ABNT 1045 and VC131 steel test bodies. Later, to characterize the surface of the parts, visual inspection, surface roughness (Ra), Vickers microhardness measurements and a metallographic analysis were performed. The signals EA and PZT were acquired through a high sampling oscilloscope and later treated with digital filters. These signals were then compared to the firing and roughness of each part under their respective conditions, through signal processing techniques. It was observed that the increase of the roughness, as well as the occurrence of the burning of the parts, has a relationship with increase of the RMS signal of the PZT and the EA, as well as with the RMSD index. The CCDM index had no correlation with the process conditions. A good performance of the PZT patch with potential to compete with the EA sensor was verified in order to monitor the surface integrity of the rectified parts, according to the spectral analysis and the study of the signal in the appropriate frequency bands identified.
50

Influência dos distúrbios hiperglicêmicos na função do assoalho pélvico na gestação

Sousa, Vanessa de Oliveira [UNESP] 01 March 2013 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:35:39Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2013-03-01Bitstream added on 2014-06-13T18:46:59Z : No. of bitstreams: 1 sousa_vo_dr_botfm.pdf: 737356 bytes, checksum: 79622de2491618fe3155f09b866c8346 (MD5) / O assoalho pélvico (AP) pode sofrer alterações nas diferentes fases da vida da mulher que podem predispor à ocorrência de Incontinência Urinária (IU). Apesar das evidências que associam a ocorrência de IU ao diabete, pouco se sabe dos mecanismos pelos quais o diabete leva à IU. Objetivo: verificar a associação entre a ocorrência de IU e função muscular do AP com os distúrbios hiperglicêmicos gestacionais. Materiais e Métodos: As gestantes foram avaliadas em dois momentos. O primeiro momento (M1) entre a 24a e 32a, e o segundo (M2) entre a 34ª e 38a semanas gestacionais. A análise estatística foi realizada com nível de significância de 5%. Resultados: As hiperglicêmicas apresentaram idade cronológica e gestacional mais avançadas, além de menor estatura. Houve diferença significativa na distribuição peso-altura entre os grupos no M1. Não houve diferença entre os grupos, no M2 quanto à ocorrência de IU. Na análise intergrupos da palpação vaginal, observamos redução da força muscular, enquanto que algumas mantiveram ou aumentaram. Na comparação das avaliações com perineômetro e eletromiógrafo, entre e intragrupos, nos grupos, não houve diferenças significativas. Conclusão: Devido às limitações do estudo, principalmente a dificuldade de conscientização e aprendizado da contração do AP, ressaltamos a importância de estudos nessa área, e padronização dos métodos de avaliação, para possivel comparação com diferentes estudos, tendo em vista à qualidade de vida da gestante / The pelvic floor (PF) can suffer alterations in the different stages of women life that may predispose to the Urinary Incontinence (UI). Despite the evidences which associate the UI to the diabetes, there is little information about the mechanisms which take diabetes to the UI. Objective: to analyze the association between the UI occurrence and the PF muscle function with the gestational hyperglycemic disorders. Material and Methods: the pregnant women were evaluated in two moments. The first moment (M1) was between the 24th and 32nd, and the second one (M2) was between the 34th and 38th gestational week. The statistical analysis was realized considering 5% relevance. Results: The hyperglycemic ones presented more advanced chronological and gestational ages, besides they were shorter. There was relevant difference in the weight-height distribution between the groups in the M1. There was no difference between the groups in the M2 considering the UI occurrence. In the intergroup analysis of digital palpation, muscle strength reduction was observed, although for some there was an increase and some kept the same. In the comparison of the evaluations with perineometer and electromyographer, inter and intra groups, there were no relevant differences. Conclusion: Due to the limitations of the study, mainly the awareness and learning of the PF contraction difficulty, we emphasize the importance of developing studies in this area and standardization of the evaluation methods to enable the comparisons with different studies aiming the pregnant women life quality

Page generated in 0.0469 seconds