• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 2261
  • 44
  • 44
  • 41
  • 35
  • 30
  • 17
  • 17
  • 12
  • 10
  • 9
  • 8
  • 7
  • 5
  • 5
  • Tagged with
  • 2307
  • 1293
  • 781
  • 701
  • 659
  • 636
  • 271
  • 252
  • 230
  • 229
  • 229
  • 225
  • 224
  • 209
  • 180
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
11

A hora de Deus : um estudo antropologico do imaginario religioso na baixada fluminense

Santos, Carlos James dos 04 December 1992 (has links)
Orientador : Alba Zaluar / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas / Made available in DSpace on 2018-07-14T05:29:54Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Santos_CarlosJamesdos_M.pdf: 8214558 bytes, checksum: 34333fc4d3b02446299629ac9a390905 (MD5) Previous issue date: 1991 / Resumo: Não informado / Abstract: Not informed / Mestrado / Mestre em Antropologia Social
12

O budismo leigo da Soka Gakkai no Brasil : da revolução humana a utopia mundial

Pereira, Ronan Alves 08 February 2001 (has links)
Orientador : Guillermo Raul Ruben / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas / Made available in DSpace on 2018-07-28T08:18:32Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Pereira_RonanAlves_D.pdf: 39675084 bytes, checksum: 4c7b38c832e0c16f5dbc8d516901a2f8 (MD5) Previous issue date: 2001 / Resumo: Esta tese de doutoramento aborda o movimento budista leigo Sôka Gakkai, enfocando sua transplantação para o Brasil. O movimento foi fundado no Japão, na década de 30, por um professor de escola primária, Tsunesaburô Makiguchi (1871-1944), sob o formato inicial de um grupo de estudo ligado à Nichiren Shôshfi ("Seita Ortodoxa do Budismo Nichiren"). Excomungada em 1991 por esta seita, a Gakkai mantém sua base doutrinária no Budismo do monge Nichiren (1222-1282) enquanto enfatiza sua face moderna e pragmática, e sua atuação com vistas a solucionar os problemas da humanidade através da conversão do maior número possível de pessoas a seu ensinamento e da educação para a paz. Essa variante do Budismo Mahayana, detentora de uma doutrina sui generis e heterodoxa em relação à tradição budista, chegou ao Brasil no final dos anos 50 com os imigrantes japoneses. Em 1960, seu presidente Daisaku Ikeda esteve em São Paulo para fundar o primeiro "distrito" da organização no exterior. Desde então, a Sôka Gakkai vem se expandindo por todos os estados brasileiros. Atualmente, dos seus aproximadamente 104 mil membros, estima-se que noventa porcento são brasileiros sem ascendência Japonesa. Em função do formato híbrido (estrutura e prática de uma instituição religiosa e militância de organização não-governamental) e mutante desse movimento religioso em processo de cristalização de influências diversas, sua análise e sua imagem poderão modificar-se radicalmente, dependendo da época da bibliografia que se tem em mãos: pode-se encontrar, assim, a descrição de um movimento de budistas fanáticos ou de revolucionários na área de educação; de fundamentalistas religiosos ou de uma vanguarda pacifista. Frente à extensa bibliografia já existente sobre esta organização budista, buscou-se, nesta tese, aplicar instrumental teórico distinto. O autor sustenta que, embora apresente elementos messiânicos e milenaristas, a Gakkai não constitui nem um messianismo nem um milenarismo típicos. A discussão deste aspecto levou o autor a sugerir o conceito de "complexo da renovação do mundo", que abrange, principalmente, o messianismo, o milenarismo e a utopia. O modelo de transplantação religiosa de Martin Baumann serviu de orientação para o caso da Associação Brasil Soka Gakkai Internacional (BSGI). Para explicar a difusão bemsucedida da BSGI, destacou-se a "plurifatorialidade" da explicação, com interdependência e complementariedade entre fatores extrínsecos e instrínsecos. Constatou-se, primeiramente, a reprodução do modelo básico da Soka Gakkai Internacional (SGI) no Brasil: organização estrutural com divisões e departamentos que separam as pessoas por sexo, idade e interesse profissional; ritual centrado nas orações (daimoku) diante do objeto sagrado (gohonzon); primazia das "reuniões de palestra" (zadankai) como espaço privilegiado para atrair novos membros; crescente fortalecimento da liderança de Ikeda, tido internamente como o "mestre espiritual" para os dias de hoje e um líder pacifista da humanidade; etc. Encontrou-se na BSGI, também, um abrandamento do Budismo Nichiren e uma estratégia de discurso dual (enfatizando internamente sua prática e sua missão religiosas; enfocando externamente sua atuação secular ou "religiosa secularizada"). A retórica dessa organização budista tamb ém está centrada no cultivo de um senso de missão entre seus membros. Por um lado, o Brasil seria visto na organização como "a nascente do kôsen-rufu (difusão mundial do Budismo Nichiren)", por isso a SGr se voltaria para sua filial brasileira como um modelo inspirador. Por outro lado, enquanto o foco da BSGI ainda era a comunidade nipobrasileira, a imigração japonesa foi reinterpretada, uma vez que os imigrantes seriam "bodhisattvas da terra" que cruzaram os mares para "salvar" o Brasil. Na medida em que o foco do movimento mudou para a sociedade nacional, os membros da BSGI, independentemente da origem étnica ou social, seriam os responsáveis por ajudar a melhorar o país e deveriam assumir coletivamente a função de "modelos" para o kôsenrufu mundial / Abstract: This dissertation analyzes the lay Buddhist movement Sôka Gakkai and its transplantation to Brazil. This movement wasfounded in the 1930s in Japan by a primary school teacher, Tsunesaburô Makiguchi (1871-1944), initially as a study group connected with Nichiren Shôshú ("Orthodox Sect of Nichiren Buddhism "). Excommunicated by this sect in 1991, Gakkai maintains its doctrinal base in Nichiren's Buddhism (1222-1282) while emphasizing its modern and pragmatic facet by actively attempting to solve humanity's problems through the conversion of the largest possible number of people to its teachings and education for peace. This variant of Mahayana Buddhism, which teaches a sui generis and heterodox doctrine if compared to Buddhist tradition, arrived in Brazil at the end of the 1950s diffused by Japanese immigrants. ln 1960, its president Daisaku lkeda went to São Paulo to establish the first chapter of the organization overseas. Since its arrival in Brazil, Soka Gakkai has been expanding its membership throughout Brazil. Currently, out of its approximately 104.000 members, 90 percent are Brazilian of non-Japanese origin. Due to its hybridity and mutantformat, Soka Gakkai carries the structures and practices of a religious institution while displaying the dynamic of a Non-Government Organization. As a result, its analysis and representation were radically altered from time to time. According to the moment scholarly studies were carried on, one can describe it as a movement of fanatic Buddhists, of revolutionaries in the area of education, of religious fundamentalists, or even of a pacifist vanguard Taking into consideration the extensive scholarly studies on this Buddhist organization, a different methodologicalframework has been applied in this dissertation. Although Gakkai incorporates messianic and millennial elements, it is argued here, it does not constitute either a typical messianic or a millennial movement. Such fact has made the author coin the concept of "complex of world renewal", which embraces primarily messianism, millennialism, and utopia. Martin Baumann's model of religious transplantation was used as a theoretical support for the analysis of the Associação Brasil Soka lnternational Gakkai (BSGI)'s case study. ln order to explain the successful diffusion of BSGL it was ojJered as a "multifactor" explanation, in which extrinsic and intrinsic factors are interdependent and complementary. Thefirst conclusion is that Soka Gakkai lnternational (SGI)'s basic model has been reproduction in Brazil. There is a structural organization with divisions and departments that separate adherents by sex, age and/or professional interest; there are rituais centered in prayers (daimoku) before the sacred object (f!ohonzon); there is a primacy of "discussion meetings" (zadankai) as a privileged locus to attract new members; there is also a growing invigoration of lkeda 's leadership, who is internally regarded as the current "spiritual master" and a pacifist leader of humanity; etc. lt also verified, whithin BSGL a process of "softening" some of Nichiren Buddhism's tenets and a strategy of dual speech, internally emphasizing its practice and its religious mission while externallyfocusing on its secular or "secularized religious" performance. The rhetoric of such Buddhist organization is also centered in the cultivation of a sense of mission amongst its members. On the one hand, Brazil is seen in the organization as "the spring of kôsen-rufu" (world dijfusion of the Nichiren Buddhism), which would impel SGI to regard the Brazilian branch as an inspiring model. On the other hand, while BSGI's focus was still the Japanese-Brazilian community, the Japanese immigration was reinterpreted, and the immigrants were regarded as "the Bodhisattvas of the Earth" who had gone overseas fItosave" Brazil. As the focus of the movement moved to the society at large, BSGI's members, disregarding their ethnic or social origin, would be responsible for improving the country as they should collectively assume the function of "models" for the world kôsen-rufu / Doutorado / Doutor em Antropologia
13

Religião, poder e desenvolvimento :uma leitura a partir de um movimento pentecostal histórico no estado de Santa Catarina, Brasil - IEAD /

Souza, Josué de, 1978-, Oliveira, Lílian Blanck de, 1956-, Florit, Luciano Félix, 1964-, Universidade Regional de Blumenau. Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional. January 2013 (has links) (PDF)
Orientador: Lilian Blanck de Oliveira. / Coorientador: Luciano Felix Florit. / Dissertação (mestrado) - Universidade Regional de Blumenau, Centro de Ciências Humanas e da Comunicação, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional.
14

A religião, a magia e o canto de Orfeu na Argonáutica de Apolônio de Rodes /

Diniz, Fábio Gerônimo Mota. January 2014 (has links)
Orientador: Maria Celeste Consolin Dezotti / Banca: André Malta Campos / Banca: Luiz Carlos André Mangia Silva / Banca: Antônio Donizeti Pires / Banca: Edvanda Bonavina da Rosa / Resumo: Esse trabalho analisa os aspectos significativos do personagem Orfeu dentro da obra Argonáutica, de Apolônio de Rodes, verificando três características principais de sua composição: (i) a função de Orfeu como líder religioso da expedição, (ii) o papel de Orfeu como figura mágica dentro do poema e, por fim, (iii) o seu papel como aedo e alter ego do próprio narrador, tendo em vista como essas características do personagem se relacionam entre si, para a construção da figura de Orfeu. Analisar-se-ão também todas as passagens que envolvam religião, magia e canto, levando em conta os contextos que circundam cada uma das situações, de maneira a compreender como esses elementos se relacionam na Argonáutica. Pretende-se, ainda, realizar a análise e tradução, acompanhadas das notas e comentários, de cada uma das passagens onde o personagem Orfeu aparece na Argonáutica, que irão compor uma antologia de Orfeu dentro do poema. O levantamento e a análise de todas essas passagens, mais a investigação das ocorrências de certas estruturas-chave e a análise do vocabulário relacionado ao personagem Orfeu, permitirão aprofundar o exame de sua participação na organização da Argonáutica, tendo sempre por base os contextos que envolvam religião, magia e música e poesia / Abstract: This work investigates the significative aspects of the character Orpheus in the Argonautica of Apollonius Rhodius, verifying three main characteristics of his composition: (i) the function of Orpheus as a religious leader on the expedition, (ii) the role of Orpheus as a magic figure in the poem and (iii) his role as an aoidos and alter ego of the narrator himself, considering how these characteristics of this character are related in themselves to his construction. All the passages that involve religion, magic and singing will be analyzed taking in account the contexts that sorround each one of the situations, as a way to comprehend how this elements are related in the Argonautica. It is also intended to translate and analyze each one of the passages where the character Orpheus is present in Argonautica, with the proper notes and commentary to it, establishing an antology of Orpheus in the poem. The selection and analisis of all these sections, plus the investigation of the ocurrence of certain key structures and the analyzes of the vocabulary related to the character Orpheus, will allow to make the examination deeper of his involvement on the organization of the Argonautica, always based on the contexts that cover religion, magic, music and poetry / Doutor
15

Comida de santo na cozinha dos homens

Nadalini, Ana Paula 30 June 2009 (has links)
No description available.
16

"Entre cruzes e anéis"

Dal Molin, Débora Cristina, 1979- 30 March 2011 (has links)
Resumo: A presente pesquisa estuda as edições da Revista Eclesiástica Brasileira (REB) no período de 1941, início da publicação da revista, a 1965, ano do término do Concílio Vaticano II, e analisa as construções e representações de família por ela divulgadas e as estratégias da instituição católica em manter seus princípios ou adaptá-los conforme as circunstâncias. O estudo traz temas relevantes sobre o sacramento do matrimônio na construção histórica da Igreja, bem como análises acerca da assistência religiosa por suas diferentes Pastorais no objetivo de manter o ideal de família e seus desafios em garantir sua permanência junto a ela, na intenção da construção de uma sociedade harmoniosa e ideal a seus olhos.
17

Ritual do maçambique : religiosidade e atualização da identidade étnica na comunidade negra do Morro Alto/RS

Fernandes, Mariana Balen January 2005 (has links)
A questão étnica é freqüentemente alvo de inúmeras interpretações e discussões e traz consigo aspectos ligados ao modo de como somos percebidos por nós mesmos e pelo “outro”. A construção de uma identidade étnica afro-brasileira pode se dar a partir de algo externamente visível que opera no dia-a-dia de nossas relações sociais, a “cor”, mas este processo pode ser pensado para além desta “visibilidade”. O caráter étnico será aqui evidenciado no sentido de resgatar aspectos valorativos, tais como crenças e tradições, referentes a forma de vida de um grupo específico – os maçambiqueiros - e o modo como são atualizados tais elementos constitutivos desta identidade. Nesse sentido, o trabalho apresentado pretende enfatizar elementos significativos na elaboração e afirmação de uma identidade socialmente construída em termos étnicos, através da prática religiosa do “maçambique”, e verificar de que modo ele é expresso no contexto de uma comunidade negra cuja característica principal é pertencer ao grupo dos “rermanescentes de quilombo” da região de Morro Alto/RS .
18

Para uma crítica da religião em Marx (1843-1844)

Souza, Paulo Eduardo de January 2017 (has links)
SOUZA, Paulo Eduardo de. Para uma crítica da religião em Marx (1843-1844). 2017. 138 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia)- Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017 / Submitted by sebastiao barroso (jrwizard2209@hotmail.com) on 2017-07-07T13:17:18Z No. of bitstreams: 1 2017_dis_pesouza.pdf: 1402415 bytes, checksum: 7f1426c6618839141e8fdf80521f1339 (MD5) / Approved for entry into archive by Jairo Viana (jairo@ufc.br) on 2017-07-11T18:11:03Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2017_dis_pesouza.pdf: 1402415 bytes, checksum: 7f1426c6618839141e8fdf80521f1339 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-07-11T18:11:03Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2017_dis_pesouza.pdf: 1402415 bytes, checksum: 7f1426c6618839141e8fdf80521f1339 (MD5) Previous issue date: 2017 / There is a deliberate, but not systematized, criticism of Marx (1818-1883) about religion. This dissertation is therefore an attempt to trace, explain and analyze the Marxian theoretical elements that compose this critique, from the immanent analysis of works selected from Marx between the years 1843 and 1844, a period in which this philosopher lived a theoretical reversal In the search for a "radical", materialist, concrete philosophy, aiming at overcoming its philosophical bases linked to idealism. Because it was not a criticism external to religion (of the type that does not seek the essence of religion, but to discuss doctrinal incoherences), "reformist", "anticlerical" or "atheist" vulgar, Marx sought to overcome all these partial types of "critical To religion, "assuming the ultimate foundation of Ludwig Feuerbach's (1804-1872) criticism of religion, that humans subjectively produce religion, the world of religion, contributing to Feuerbach, to whom the essence of religion was in the act of Express "selfconsciousness" and "self-understanding" of humans. Therefore, our dissertation has as its starting point an analysis of Feuerbach's critique of religion. In the second and third moments, we explain the elements of Marx's critique of religion, expressed in some of his writings, namely, On the Jewish Question (1843), Critique of Philosophy of Right of Hegel-Introduction (1843-44) and Glosas Criticism of the article "'The king of Prussia and social reform'. Of a Prussian "(1844), texts in which Marx criticizes the limits of modern politics and state. Marx assumes religion with double and dialectical determination: On the one hand, it is the result of unmet needs in the world and, on the other, a possibility of overcoming these needs, even as illusory liberation. Overcoming religious "illusion" in Marx has as a presupposition to overcome the real human-social conditions that make religion necessary, especially in modernity, when religion has been displaced into the dimension of private life, into the field of abstract law, into And by which the political state "divinized" to everything regulates, makes concessions and class agreements / Existe uma crítica deliberada, mas não sistematizada, de Marx (1818-1883) à religião. Esta dissertação é, pois, um esforço em rastrear, explicitar e analisar os elementos teóricos marxianos que compõem esta crítica, a partir da análise imanente de obras selecionadas de Marx entre os anos de 1843 e 1844, período no qual este filósofo vivia uma reviravolta teórica na busca por uma filosofia “radical”, materialista, concreta, visando a superação de suas bases filosóficas ligadas ao idealismo. Por não se tratar de uma crítica externa à religião (do tipo que não busca pela essência da religião, mas discutir incoerências doutrinárias), “reformista”, “anticlerical” ou “ateia” vulgar, Marx procurou superar todos esses tipos parciais de “crítica à religião”, assumindo o fundamento último da crítica de Ludwig Feuerbach (1804-1872) à religião, o de que os humanos produzem subjetivamente a religião, o mundo da religião, contribuindo com Feuerbach, para quem a essência da religião estava no ato de expressar a “autoconsciência” e o “autossentimento” dos humanos. Por isso, nossa dissertação tem como ponto de partida uma análise da crítica de Feuerbach à religião. Nos segundo e terceiro momentos, explicitamos os elementos da crítica de Marx à religião, expressos em alguns dos seus textos, a saber, Sobre a questão judaica (1843), Crítica da filosofia do direito de Hegel-Introdução (1843-44) e Glosas críticas ao artigo “‘O rei da Prússia e a reforma social’. De um prussiano” (1844), textos em que Marx critica os limites da política e do Estado modernos. Marx assume a religião com dupla e dialética determinação: Por um lado, é resultado das necessidades humanas não supridas no mundo e, por outro, uma possibilidade de superação destas necessidades, mesmo como libertação ilusória. Superar a “ilusão” religiosa, em Marx, tem como pressuposto superar as condições reais, humano-sociais, que tornam a religião necessária, especialmente na modernidade, quando a religião foi deslocada à dimensão da vida privada, ao campo do direito abstrato, no e pelo qual o Estado político “divinizado” a tudo regula, faz concessões e acordos classistas.
19

Tradução comentada de Magistro Liber VNVS de Sancti Avrelii Avgvstini

Minghetti, Antonio Auresnedi January 2009 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e expressão. Programa de Pós-graduação em Estudos da Tradução / Made available in DSpace on 2012-10-24T10:01:01Z (GMT). No. of bitstreams: 1 267097.pdf: 805715 bytes, checksum: c9fb81819375713d7276509c40fd4daf (MD5) / Este trabalho pretende oferecer novo enfoque às traduções de obras de Santo Agostinho a partir da tradução comentada de De Magistro, uma obra eminentemente hermenêutica, típica dos discursos exegéticos no prae-medioevo, caracterizada pela retórica simbólico-alegórica da Sagrada Escritura. É um tratado semiótico que permeia interfaces entre fé e razão, no qual Santo Agostinho utiliza, como argumento fundamental, a teoria platônica da reminiscência para fundamentar sua tese de uma pedagogia inatista. À tradução que empreendi, encontrei ressonâncias nas concepções teóricas dos lingüistas e teóricos da tradução Friedrich Schleiermacher e George Steiner, e nos filósofos Ortega y Gasset, Paul Ricoeur e Jean Ladrière. Estes têm em comum a visão do tradutor a constituir-se como um mediador entre dois mundos e, a tradução que não se limita a uma mera transposição de palavras em línguas diferentes, mas implica em uma comunicação balizada por signos lingüísticos vinculados a polissistemas culturais. O interrelacionar análise literária com questões culturais envolveu, em De Magistro, o estudo de um mundo muito singular, que torna imperativo em sua tradução recorrer a intertextualidade com a Sagrada Escritura e com outras obras do autor, inicialmente, a partir de uma tradução intralingual, para, posteriormente, processar a interlingual. The present research intends to offer a new focus on the translation of Santo Agostinho#s productions from the commented translation of his work De Magistro, an eminently hermeneutic work, typical of the exegetic discourses in pre-medioevo, characterized by symbolic-allegorical rhetoric of the Sacred Scripture. It is a semiotic treaty that permeates the interface between faith and reason, in which Santo Agostinho uses as a fundamental argument the theory of Plato#s reminiscence in order to fundament his thesis of an inborn pedagogy. To the translation engaged, I found resonances in theoretic conceptions of translation linguists and theorists, such as Friedrich Schleiermacher and George Steiner, and also in philosophers Ortega y Gasset, Paul Ricoeur and Jean Ladrière. They all have in common the translator#s view being a mediator between two worlds and the translation not limiting to a simple transposition of words in different languages, but implying a communication indicated by linguistic signs connected to cultural polisystems. Interrelating literary analysis and cultural issues, involved in De Magistro, the study of a very unique world, becoming imperative its translation, appealing to intertextuality with the Sacred Scripture and with other works by the author, starting from an intralingual translation to, subsequently, process to interlingual.
20

Os ''políticos de Cristo'' : uma análise retórica do ethos fundador da Frente Parlamentar Evangélica.

Santos, Juliana Couto January 2015 (has links)
Programa de Pós-Graduação em Letras. Departamento de Letras, Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Federal de Ouro Preto. / Submitted by giuliana silveira (giulianagphoto@gmail.com) on 2015-12-15T18:27:22Z No. of bitstreams: 1 DISSERTAÇÃO_PolíticosCristoAnálise.pdf: 1394569 bytes, checksum: df82c513c0cb1290ee60ee9e5f4c1a28 (MD5) / Approved for entry into archive by Oliveira Flávia (flavia@sisbin.ufop.br) on 2015-12-17T16:41:04Z (GMT) No. of bitstreams: 1 DISSERTAÇÃO_PolíticosCristoAnálise.pdf: 1394569 bytes, checksum: df82c513c0cb1290ee60ee9e5f4c1a28 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-01-13T15:54:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 DISSERTAÇÃO_PolíticosCristoAnálise.pdf: 1394569 bytes, checksum: df82c513c0cb1290ee60ee9e5f4c1a28 (MD5) Previous issue date: 2015 / Esta dissertação tem por objetivo analisar o funcionamento do ethos da Frente Parlamentar Evangélica (FPE) no momento de sua fundação (2003), por meio do número 1 da sua revista, que foi lançada em 2004, averiguando como ele, o ethos, apresentou-se discursivamente à sociedade brasileira como um todo. Para tanto, este trabalho irá estabelecer uma interface entre a Análise do Discurso, a Retórica e as Ciências da Religião. Neste trabalho, a perspectiva de discurso utilizada por nós baseia-se na retórica sofística de Protágoras e Górgias, assim como os estudos retóricos de Aristóteles, que se constituem como importantes referenciais. Os estudos desses antigos filósofos da linguagem nos ajudarão a apreender uma das três provas retóricas mais estudadas no campo da persuasão: o ethos. Os estudos retóricos contribuem eficazmente tanto para o estudo da imagem construída pela FPE, ou seja, do seu caráter moral construído discursivamente (ou das formas pelas quais ela se mostraria “digna de fé”), quanto das teses e visões de mundo erigidas pelo logos (suas visões políticas da realidade). Para a apreensão do ethos, utilizaremos alguns mecanismos de linguagem, como os dêiticos, os modalizadores e a polifonia, ou seja, elementos que funcionarão como ponto de partida para a apreensão linguístico-discursiva da imagem criada pela FPE. Também nos reportamos e embasamos nossa dissertação nos trabalhos realizados pelos estudiosos das ciências da religião, os quais nos ajudaram a compreender as condições de produção do nosso objeto. Como conclusão, acredito que a imagem encontrada por nós na Revista da Frente foi a de um ethos que se estilhaça em inúmeros pedaços, mas que, no entanto, são fragmentos de uma mesma imagem. Além disso, há uma relativização desses ethos, pois como vimos no referencial teórico, a verdade seria relativa, dependendo de fatores como auditório, valores compartilhados (doxa), momento oportuno (kairós) e o contexto social (nomos) em que o discurso é proferido. _________________________________________________________________ / ABSTRACT : This thesis aims to analyze the functioning of the ethos of the Evangelical Parliamentary Front (EPF) at the time of its foundation (2003), using the number 1 of its magazine, which was launched in 2004, checking how it, the ethos, was introduced discursively to Brazilian society as a whole. Therefore, this work will establish an interface between Discourse Analysis, Rhetoric and Religion Sciences. In this work, the discourse perspective used by us is based on the sophistic rhetoric of Protagoras and Gorgias, as well as the rhetorical studies of Aristotle, that act as important references. Studies of these ancient philosophers of language will help us to apprehend one of the three rhetorical evidences most studied in the field of persuasion: the ethos. The rhetorical studies effectively contribute both to the image study built by EPF, that is, its moral character discursively constructed (or the ways in which it would prove “worthy of faith”), and to the theses and worldviews erected by logos (its political views of reality). For the apprehension of ethos, we will use some language mechanisms such as deictics, the modalizers and the polyphony, i.e., elements that work as a starting point for the linguistic-discursive apprehension of the image created by the EPF. We also reported to and based our thesis upon the work done by scholars of religion studies, which helped us understand the production conditions of our object. In conclusion, I believe the image found by us in front of the magazine has an Ethos that shatters into many pieces, but which, however, are fragments of the same image. In addition, there is a relativity of these ethos, because as we have seen in the theoretical framework, the truth was relative, depending on factors such as auditorium, shared values (doxa), the appropriate time (kairós) and the social context (nomos) in which the speech is delivered.

Page generated in 0.2079 seconds