• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 766
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 771
  • 281
  • 266
  • 197
  • 117
  • 79
  • 75
  • 74
  • 72
  • 65
  • 62
  • 58
  • 57
  • 56
  • 55
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
41

Parasitismo por Echinostoma SP (Trematoda: Digenea: Echinostomatidae) em populações pré-colombianas: um estudo de caso / Parasitism by Echinostoma SP (Trematoda: Digenea: Echinostomatidae) in pre-Colombian populations: a study of case

Martins, Luciana de Fátima Sianto January 2004 (has links)
Made available in DSpace on 2012-09-06T01:11:16Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) 716.pdf: 8713655 bytes, checksum: 5028b7239e2adb512cbc75555e0e904f (MD5) Previous issue date: 2004 / Os estudos de paleoparasitologia, somados a outros de diversas áreas, podem ajudar no conhecimento sobre origem e evolução de doenças e das relações evolutivas entre parasitos e hospedeiros. Graças a esses estudos sabemos que as zoonoses conhecidas hoje já eram freqüentes em tempos remotos. Neste trabalho foram analisados coprólitos retirados de um corpo naturalmente mumificado encontrado na Lapa do Boquete, Minas Gerais, Brasil, datado entre 600-1200 anos A.P. Encontraram-se ovos de duas espécies de helmintos. O primeiro foi identificado como Necator americanus ou Ancylostoma duodenale.Tal achado soma elementos ao debate sobre a distribuição de infecções por Ancylostomidae na América pré-colombiana. A segunda espécie de ovo foi identificada como Echinostoma sp. Este é provavelmente o primeiro registro de equinostomíase no Brasil. Falso parasitismo foi descartado pela quantificação dos ovos. Esta zoonose, endêmica na região asiática, é vinculada pelos hábitos alimentares. Assim, o encontro de Echinostoma sp. em habitante pré-colombiano no Brasil levanta dúvidas sobre sua presença não só em grupos humanos nativos atuais, que mantiveram maioria de seus hábitos alimentares, como em habitantes das grandes cidades que têm experimentado mudanças de hábitos alimentares e, portanto, adquirido novas infecções parasitárias.
42

Dipteros simbovinos : colonização e sucessão em placas isoladas de fezes bovinas

Amaral, Monica de Moraes Galvão 14 February 1996 (has links)
Orientador: Angelo Pires do Prado / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-21T02:17:17Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Amaral_MonicadeMoraesGalvao_M.pdf: 6036859 bytes, checksum: 4f598aa7615da96b061db0a047ef1c03 (MD5) Previous issue date: 1996 / Resumo: Este trabalho foi realizado em duas etapas. Inicialmente extraíu-se em laboratório, dípteros simbovinos de placas de fezes provenientes de Bragança Paulista (SP) e Campinas (SP) e coletou-se sepsídeos (Diptera: Sepsidae) diretamente sobre as fezes com auxílio de rede entomológica. A maior parte das famílias de dípteros que emergiu em laboratório foi comum para as duas localidades. As famílias mais abundantes foram: Sepsidae, Sphaeroceridae, Sciaridae, Muscidae Psychodidae, Scatopsidae. Foram feitos índices de similaridade de Jaccard e Simpson, de diversidade de Shanon-Weaver entre os dois locais, indicando maior similaridade quantitativa do que qualitativa.Foram identificadas espécies de Sepsidae presentes em altas densidades, quando elaborou-se uma chave pictórica de identificação. I Polimorfismo foi detectado e documentado em Archisepsis scabra (Loew). Na segunda etapa, em Campinas, mensalmente extraíu-se dípteros imaturos de fezes bovinas que foram colocadas artificialmente em campo aberto. As idades conhecidas das placas expostas foi de 24, 48, 72, 144 e 216 horas de exposição. Os indivíduos foram contados e separados ao nível de famílias. As famílias que estiveram presentes até 216 horas foram: Sepsidae, com a mais alta abundância, Sphaeroceridae, Calliphoridae, Muscidae, Sarcophagidae, Stratiomyidae, Psychodidae. A observação da distribuição diferencial das famílias em diferentes horários de .coletas, parece indicar que Sepsidae e Muscidae são os primeiros a colonizar as placas, sendo que Sphaeroceridae e Psychodidae são encontrados em fezes mais velhas. Comparações entre os picos populacionais de Diptera e Coleoptera, indicam uma possível interação negativa entre estas duas ordem de insetos / Abstract: This work carried out in two stages. Initialy, in the laboratory, we removed symbovine flies from cow pats collected in Bragança Pta. and Campinas, and extracted Sepsidae flies (Diptera:Sepsidae) directly over the pats. Most fly families that emerged in the laboratory were common to both 10calities.The most abundant families were: Sepsidae, Sphaeroceridae, SCiaridae, Muscidae Psychodidae, Scatopsidae. Comparative analysis between both places were based on the Similarity Index of Jaccard and Simpson, and Shannon-Weaver's Diversity Index, indicating a larger quantitative rather than qualitative similarity between the two places. Hight densities of species of Sepsidae were identified to elaborate a key to Symbovine Sepsidae. Polymorphism was detected and documented in Archisepsis scabra (Loew) .At the second stage, in Campinas, we monthly removed immature flies from artificial cow pats that were placed in open pasture. The known ages of the exposed pats were: 24, 48, 72, 144 and 216 hours of exposition. The individuals were counted and separated into families. The families that were present for up to 216 hours were: Sepsidae, with the highest abundance, Sphaeroceridae, Calliphoridae, Muscidae, Sarcophagidae, Stratiomyidae, Psychodidae. The observation of the differencial distribution of the families at different time of extraction seems to indicate that Sepsidae and Muscidae are the first to colonize cow pats, while Sphaeroceridae and Psychodidae colonize older pats. Comparisons between peaks of the populations of Diptera and Coleoptera indicate a possible negative interaction between these two orders of insects / Mestrado / Parasitologia / Mestre em Ciências Biológicas
43

Verificação de alguns aspectos imunologicos e parasitologicos em Biomphalaria Tenagophila (D'Orbigny, 1835) infectada por trematodeos digeneticos

Balan, Doralice de Souza Luro 18 June 1990 (has links)
Orientador : Luiz Augusto Magalhães / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-13T22:59:23Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Balan_DoralicedeSouzaLuro_M.pdf: 9129131 bytes, checksum: df8a0d70d1712db4bba9e643f3bc8bdb (MD5) Previous issue date: 1990 / Resumo: Considerando-se os resultados que obtivemos na Investigação de alguns aspectos Imunológicos e parasitológicos em BIomphalaria tenagophila infectadas por trematódeos digenéticos.,admitimos que: B. tenagophila capturados no campo, em tanques de piscicultura, foram encontradas parasitadas, sempre em infecção única, por furcocercárias Iongifurcadas sem ocelo, furcocercárias Iongifurcadas com ocelo, equinostomocercárias ou xifidiocercárias. Nos moluscos superinfectados com S. mansoni, não foram encontradas reações amebocitárias em torno dos esporocistos degenerados de Schistosoma mansoni. Sugerimos que isso pode indicar que não houve participação direta dos amebócitos na destruição da .larva do S. mansoni e que possivelmente fatôres da hemolinfa (excluindo-se as células), estariam envolvidos na destruição ao parasita. Os valores de proteína total da hemolinfa, mostraram-se maiores nos moluscos B. tenagophila sem infecção mantidos em laboratório, quando comparados com os capturados no campo livres de infecção por trematódeos. Esses valores não estão aumentados nos caramujos de campo naturalmente parasitados, ou mesmo aos caranguejos experimentalmente infectados com S. mansoni. O número de amebócitos da hemolinfa estava elevado em todos os grupos de moluscos infectados em comparação com 0s moluscos do grupo controle sem Infecção. Obtivemos maior atividade fagocitária dos amebócitos dos caramuJos parasitados principalmente naqueles parasitados por xifidiocercárias. Admitimos que o parasitismos poderiam funcionar ativando as células fagocíticas. - Na emolinfa dos vários grupos estudados demonstramos que houve Identidade antigênica total. As imunodifusões mostraram sempre ao menos 3 linhas de precipitação no gel formando 3 sistemas precipitantes diferentes. Os resultados obtidos na imunoeletroforese permitiram-nos afirmar que,existem diferenças qualitativas e quantitativas na hemolinfa dos moluscos parasitados e não parasitados. As diferenças parecem ter características específicas dependente do tipo de Infecção apresentada / Mestrado / Mestre em Ciências Biológicas
44

Patogenicidade de Bacillus thuringiensis Var. tenebrionis a coleopteros de produtos e subprodutos armazenados

Waib, Claudia Maria 07 April 1992 (has links)
Orientador : Mohamed E. M. Habib / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-14T02:18:26Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Waib_ClaudiaMaria_M.pdf: 4807680 bytes, checksum: ccef75da69ca8c83c6e7fac986ca404d (MD5) Previous issue date: 1992 / Resumo: A bactéria entomopatogênica Bacillus thuringiensis var. tenebrionis (H:82-8b), isolada em 1982 na Alemanha, tem sido considerada um agente promissor para o controle de coleópteros prejudiciais. O presente trabalho teve como objetivo avaliar a patogenicidade de dois preparados experimentais à base desta bactéria (ABG-6256/ABBOTT e BSF) a espécies de coleópteros pragas de grãos e subprodutos armazenados. O estágio de desenvolvimento mais susceptível para cada espécie, assim como observações da sintomatologia externa da patogenia e dinâmica da germinação dos esporos em meio artificial são aspectos abordados. As espécies estudadas foram: Sitophillus zeamais (Curculionidae), Cryptolestes ferrugineus (Cucujidae), Lasioderma serricorne (Anobiidae), Carpophilus sp. (Nitidulidae), Tribolium sp. E Tenebrio molitor (Tenebrionidae). Estes coleópteros foram mantidos em criação de laboratório sob condições controladas de temperatura, umidade relativa e fotoperíodo, em suas dietas naturais. A susceptibilidade de cada espécie estudada foi avaliada através de bioensaios utilizando-se o critério de Tempo Letal Mediano (TL50), o qual foi calculado pelo método de regressão log-próbite. O plaqueamento dos preparados experimentais foi feito em meio nutriente completo e as contagens das colônias foram realizadas 8, 12 e 15 h após a inoculação do patógeno. Nenhum sintoma pré-mortal da doença foi constatado além de alterações comportamentais como lentidão de movimentos e ausência de respostas a estímulos mecânicos e físicos tanto nas larvas como nos adultos tratados. Sintomas externos pós-mortais da bacteriose, como a flacidez do corpo e escurecimento total de tegumento, foram observados nas larvas das espécies avaliadas. Já nos adultos, não foi possível a observação de tais sintomas. O preparado ABG-6256 mostrou-se mais eficiente que o da BASF para larvas de L. serricorne e larvas e adultos de T. molitor. Já para as larvas de Carpophilus sp., o preparado da BASF demonstrou uma maior eficiência. Para os adultos desta espécie não houve diferença significativa entre a eficiência dos dois preparados. Observação: O resumo, na íntegra, poderá ser visualizado no texto completo da tese digital / Mestrado / Parasitologia / Mestre em Ciências Biológicas
45

Dinamica de equilibrio em populações experimentais de Cochliomyia macellaria (Diptera: Calliphoridae)

Ribeiro, Odair Benedito, 1952- 14 July 2018 (has links)
Orientador : Sergio Furtado dos Reis / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-14T05:15:18Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Ribeiro_OdairBenedito_D.pdf: 2996857 bytes, checksum: 25bd34820f2474df60495071cfd64c21 (MD5) Previous issue date: 1992 / Resumo: Cochliomyz"a macellaria (Diptera: Calliphoridae) é um componente im­ portante da entomofauna necrófila da América do Sul. Esta espécie tem im­portância médico-veterinária por seus hábitos hemissinantrópicos, podendo veicular enteropatógenos, além de determinar miíase secundária nos animais e no homem. Cochliomyia macellarz"a era aparentemente abundante entre os dípteros califorídeos, embora esta espécie tenha diminuído notadamente em freqüência na última década, fenômeno este associado à introdução de moscas varejeiras do gênero Chrysomya, originariamente ocorrendo no Velho Mundo. O objetivo deste estudo foi analisar a dinâmica de populações expe­ rimentais de Co. macellaria aplicando o formalismo teórico desenvolvido por Prout & McChesney (1985), que modela o crescimento populacional depen­ dente da densidade. Este modelo incorpora dois componentes importantes de aptidão, fertilidade e sobrevivência, na dedução da dinâmica populacional. Foram estabelecidas 30 densidades, variando de 100 a 3000 ovos para uma quantidade fixa de meio artificial (1O0g). Larvas e adultos foram mantidos em sala com fotoperíodo de 12 horas, temperatura de 25° C e umidade relativa de 60%. A dependência da fertilidade e sobrevivência sobre o número de ovos foi descrita por regressões linear, exponencial e hiperbólica. Os parâmetros obtidos por estas regressões foram incorporados à equação de diferenças fini­tas nt+l = !F(ndS(ndnt. Os resultados obtidos por esta equação para Comacellarz"a foram comparados aos de Chrysomya megacephala e C. putorz"a, bem como discutidas as implicações da dinâmica populacional de espécies de califorídeos nativas e introduzidas / Abstract: Cochliomyia macellaria (Diptera: Calliphoridae) is an important com­ponent species in the community of necrophagous diptera. This blowfly is known to produce myiasis in humans and other animaIs, and has also been shown to be a mechanical carrier of enteropathogens. Cochliomyia macellaria is thought to have been a common species among calliphorid flies, although its numbers have sharply decreased in the last decade, apparently due to the introduction of other blowfly species of the genus Chrysomya, previously restricted in distribution to the Old World. The objective of this study was to analyse the dynamics of experimental populations of Co. macellaria with a model developed by Prout & McChesney (1985), which describes density­dependent population growth. This model incorporates two important com­ ponents of fitness, fertility and survival, in a finite difference equation that al­ lows the deduction of the population dynamics. Thirty egg densities, varying from 100 to 3000 eggs, were established on a fixed amount of food (1O0g). Larvae and adults were kept in constant photoperiod (12L:12D), temperature of 25 DC, and relative humidity of 60%. Linear, exponencial, and hyperbolic regressions were fitted to describe the dependence of fertility and survival on egg density. The parameters obtained from the regressions were incorpora­ted into the equation nt+1 = !F(ndS(nt)nt. The results obtained with the application with this equation for Co. macellaria were compared to those for Chrysomya megacephala and C. putoria. The implications of these findings for the dynamics of native and introduced blowflies are discussed. / Doutorado / Parasitologia / Doutor em Ciências Biológicas
46

Dinamica populacional de Chrysomya putoria (Wiedemann) (Diptera: Calliphoridae)

Godoy, Wesley Augusto Conde 14 July 2018 (has links)
Orientador: Sergio Furtado dos Reis / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-14T05:16:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Godoy_WesleyAugustoConde_M.pdf: 942271 bytes, checksum: d9df696a8d436eb3b6491e0a61e0a7ed (MD5) Previous issue date: 1992 / Resumo: Foi analisado neste estudo o efeito da densidade larval sobre a fertilidade e sobrevivência em Chrysomya putoria, com objetivo de caracte­rizar a dinâmica populacional desta espécie. Os parâmetros de fertilidade e sobrevivência obtidos de populações experimentais foram incorporados a uma equação de diferença finita de primeira ordem, escrita como ntH = _F(nt)S(ndnt, empregada para determinar a natureza da dinâmica popula­ cional de C. putorzoa / Abstract: The effect of larval density on fertility and survival of Chrysomya putoria was analyzed in this study in order to characterize the dynamics of experimental populations of this species. Estimates of fertility and survi­ vaI were incorporated into a first-order finite difference equation, written as ntH = _F(ndS(ndnt. The dynamic behavior of this equation was assessed to deduce the nature of the population dynamics of C. putoria / Mestrado / Parasitologia / Mestre em Ciências Biológicas
47

Desenvolvimento dos esporocitos de Schistosoma mansoni (Sambon, 1907) em Biomphalaria glabrata (Say, 1818) e Biomphalaria tenagophila (D'Orbigny, 1835)

Guaraldo, Ana Maria Aparecida, 1951-2015 14 July 2018 (has links)
Orientador : Luiz Augusto Magalhães / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-14T19:31:35Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Guaraldo_AnaMariaAparecida_M.pdf: 3066816 bytes, checksum: 37221e4d884f18f401c32c0063fa09ac (MD5) Previous issue date: 1979 / Resumo: Conhecendo-se as diferenças de suscebilidade entre B. glabrata de Belo Horizonte (MG) e B. tenagophila da região o Vale do Rio Paraíba do Sul (SP), com relação às linhagens simpátricas (BH eSJ) de S. mansoni, entendemos ser oportuno o estudo do desenvolvimento dos esporocistos nos tecidos de moluscos. A evolução dos esporocitos primários e secundários foi avaliada mediante observações de cortes histológicos de moluscos sacrificados em diferentes estágios da infecção. Desta maneira as preparações, examinadas em microscopia óptica comum foram obtidas a intervalos semanais até a oitava semana após o contato de cada planorbídeo com 100 miracídios. Os resultados referentes á primeira semana de infecção revelam que: B. glabrata foi portadora de maior número de esporocistos primários viáveis. Em B. tenagophila predominaram esporocistos primários degenerados, envolvidos por infiltrados amebocitários. No 39 dia de infecção, B galbata apresentou 70,5% dos esporócitos primários íntegros, enquanto que em B. tenagophila apenas 1,6% dos esporocistos primários presentes nos tecidos apresentaram-se em condições de pregredir no processo evolutivo no hospedeiro intermediário. Os miracídios da linhagem BH apresentam maior capacidade de penetração que os da linhagem SJ. Não hove diferença entre as linhagens, quanto a distribuição dos esporocistos primários nos tecidos. A região podal mostrou maior número de esporocistos primários, seguindo-se cabeça, tentáculos, colar do manto, manto e outros órgãos ...Observação: O resumo, na íntegra, poderá ser visualizado no texto completo da tese digital / Abstract: Not informed. / Mestrado / Mestre em Ciências Biológicas
48

Metodo para o estudo quantitativo do fenomeno parasitario : sobre o comportamento de duas linhagens de Schistosoma mansoni

Magalhães, Luiz Augusto, 1932-2017 15 July 2018 (has links)
Tese (livre-docencia) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-15T11:41:06Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Magalhaes_LuizAugusto_LD.pdf: 1922904 bytes, checksum: 73cdfd4a7f76f64d04dc5041f9d769b2 (MD5) Previous issue date: 1970 / Resumo: Não informado / Abstract: Not informed. / Tese (livre-docencia) - Univer / Livre-Docente
49

Observações sobre a capacidade de infecção do molusco vetor e a patogenicidade do Schistosoma Mansoni sambon, 1907 no hospedeiro vertebrado

Zanotti-Magalhães, Eliana Maria, 1953- 23 November 1987 (has links)
Orientador: Luiz Augusto Magalhães / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-18T01:07:40Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Zanotti-Magalhaes_ElianaMaria_D.pdf: 6279599 bytes, checksum: 9f66fc2424f5dffcad1bdd5afb8cd0ac (MD5) Previous issue date: 1987 / Resumo: O experimento teve por objetivo verificar a relação entre a susceptibilidade do molusco à infecção por S. mansoni e a patogenicidade desenvolvida pelo parasita no hospedeiro definitivo. Foram selecionadas para o carácter susceptibilidade progenies de B. glabrata e B. tenagophila obtidas por auto fecundação dos moluscos que, após a exposição aos miracídios, respectivamente, das linhagens BH e SJ do trematódeo, apresentaram eliminação de cercárias. Desse modo foram obtidas cinco gerações de B. glabrata (parental, Fl' F2' F3 e F4) e seis gerações de B. tenagophila (parental, Fl' F2' F3' F4 e F5). Camundongos Swiss, albinos, foram expostos a 100 cercárias originadas das respectivas gerações de moluscos, constituindo-se dois grupos de animais: camundongos infectados com a linhagem BH e camundongos infectados com a linhagem SJ. Um terceiro grupo de camundongos não infectados serviu para controle. Os roedores sobreviventes, foram sacrificados após a 8ª semana de infecção. No decorrer do experimento foram anotados os seguintes dados: 1) Taxa de infecção dos moluscos. 2) Taxa de mortalidade dos camundongos. 3) Peso corporal dos roedores ao fim da 8ª semana infecção. 4) Pesos do fígado e do baço 5) Número de cercárias penetrantes. 6) Número de esquistossomos recolhidos do sistema dos camundongos. 7) Número de ovos eliminados pelas fezes na 8ª semana de infecção. 8) Número de reações granulomatosas no fígado, baço, pâncreas, intestino e pulmões. 9) Tamanho das reações granulomatosas no fígado, pâncreas, intestino e pulmões. ...Observação: O resumo, na íntegra, poderá ser visualizado no texto completo da tese digital / Abstract: Not informed. / Doutorado / Doutor em Ciências Biológicas
50

A malaria experimental por Plasmodium chabaudi chabaudi em camundongo SCID

Motta, Fabiana Martins Batista 12 November 2003 (has links)
Orientador: Ana Maria Aparecida Guaraldo / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-08-03T22:32:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Motta_FabianaMartinsBatista_M.pdf: 841034 bytes, checksum: 844c8cf19758150073cedaf1561d9483 (MD5) Previous issue date: 2003 / Resumo: As células NK secretam as citoquinas INF-gama e TNF-alfa ¿ moléculas associadas com a resposta imune mediada por células do tipo Th1 ¿ em resposta a infecção por Plasmodium e ainda respondem à indução pela IL-12, conseguindo enfim, diminuir a mortalidade por P. chabaudi. Apesar de estudos comprovarem que as células NK e suas citoquinas têm papel importante no controle imunológico da malária, sabe-se que fatores genéticos representam um dos maiores determinantes de resistência do hospedeiro para infecção da malária. Para testar o papel das células NK na resposta imune contra malária, foram adotados dois modelos animais: a linhagem C.B-17 SCID/SCID, devido à ausência de células T e B, e camundongos C57BL/6 KO para interferon gama , que apresentam o gene para interferon gama bloqueado. Nesse trabalho, a capacidade dos animais SCID e KO para interferon gama controlarem a infecção foi avaliada comparando-se a parasitemia entre eles; Foram adotadas , como controle, as linhagens imunocompetentes BALB/c/Uni e C57BL/6/Uni. Esses animais foram infectados intraperitonealmente com 106 eritrócitos parasitados com P. chabaudi da linhagem CR e tiveram sua parasitemia medida em intervalos pré-determinados por várias semanas. Tanto os animais SCID quanto os animais KO, mantiveram altos picos de parasitemia, mesmo durante a fase crônica da infecção. Os camundongos imunocompetentes controlaram a infecção. Os resultados indicam que as células NK colaboram no controle da infecção, diminuindo a parasitemia, porém a imunidade ao P. chabaudi não depende somente da produção de interferon gama, podendo estar relacionada também a fatores genéticos. A malária compromete o rim, não só pela deposição de imunocomplexos, pois os mundongos C.B17 SCID/SCID/Uni desprovidos de imunoglobulinas também desenvolveram patologias renais: descamação das células tubulares, trombose e necrose glomerular, observadas também em camundongos C57BL/6 KO. As alterações renais em C57BL/6 foram mínimas, possivelmente em função do genótipo resistente desta linhagem / Abstract: The NK cells secrete the citoquinas INF-gamma and TNF-alpha - molecules associated with the immune protective mediated by cells of the type Th1 - in response to infection for Plasmodium. Instead the induction of these cells with IL- 12 helps to reduce the mortality by P. chabaudi. Although studies was related the NK cells and its citoquinas play a important role in the control of the malaria, it is known that the genetic factors represent one of the largest determinant of resistance by host infected by Plasmodium sp. For testing the malaria immunity by NK cells, we have used two animal models: the C.B-17 SCID/SCID because their absence of T and B cells and the C57BL/6 animals which are deprived for interferon-gamma gene. In this research, the capacity of both to control the infection was evaluated comparing the parasitaemia among them, using the immunocompetent BALB/c/Uni like a control animal. They were infected intraperitoneally with a dose of 106 parasited red blood cells and the parasitaemia was determined in established intervals for several weeks. So the animals SCID as the animals KO have maintained high parasitemia during chronic phase of the infection. The immunocompetents mice have decreased the parasitemia level , controlling the infection. It could be concluded that the NK cells collaborate to the malaria immunity reducing the parasitaemia; however the data indicating they don't act alone and the resistance against the P. chabaudi could be also a genetic factor. The malaria affects the kidney, not only for the immunocomplex deposition, because the mice C.B17 SCID/SCID/Uni unprovided immunoglobulins also developed renal pathologies: tubular cells exfoliation, thrombosis and necrosis in the glomerulus, also observed in C57BL/6 KO Interferon-gamma animals. It was not observed kidney alterations in C57BL/6 probably because resistant genotype / Mestrado / Parasitologia / Mestre em Parasitologia

Page generated in 0.0849 seconds