• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 14
  • Tagged with
  • 14
  • 14
  • 14
  • 14
  • 12
  • 11
  • 7
  • 5
  • 5
  • 5
  • 4
  • 4
  • 4
  • 4
  • 3
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

O ensino do conceito de funções em um ambiente tecnológico : uma investigação qualitativa baseada na teoria fundamentada sobre a utilização de dispositivos móveis em sala de aula como instrumentos mediáticos da aprendizagem.

Ladeira, Vanessa Pinheiro January 2015 (has links)
Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática. Departamento de Matemática, Instituto de Ciências Exatas e Biológicas, Universidade Federal de Ouro Preto. / Submitted by Oliveira Flávia (flavia@sisbin.ufop.br) on 2015-11-17T18:00:31Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 22190 bytes, checksum: 19e8a2b57ef43c09f4d7071d2153c97d (MD5) DISSERTAÇÃO_EnsinoConceitoFunções.pdf: 3355663 bytes, checksum: b638eed3545f168fb5e754e6b0d3cd95 (MD5) / Approved for entry into archive by Gracilene Carvalho (gracilene@sisbin.ufop.br) on 2015-11-18T12:01:10Z (GMT) No. of bitstreams: 2 license_rdf: 22190 bytes, checksum: 19e8a2b57ef43c09f4d7071d2153c97d (MD5) DISSERTAÇÃO_EnsinoConceitoFunções.pdf: 3355663 bytes, checksum: b638eed3545f168fb5e754e6b0d3cd95 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-11-18T12:01:10Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 22190 bytes, checksum: 19e8a2b57ef43c09f4d7071d2153c97d (MD5) DISSERTAÇÃO_EnsinoConceitoFunções.pdf: 3355663 bytes, checksum: b638eed3545f168fb5e754e6b0d3cd95 (MD5) Previous issue date: 2015 / O principal objetivo deste estudo foi verificar as contribuições que a utilização dos dispositivos móveis (telefones celulares e smartphones) como instrumentos mediáticos de aprendizagem podem oferecer para o processo de ensino do conceito de funções de primeiro grau para alunos do primeiro ano do ensino médio de uma escola pública do estado de Minas Gerais. Outro objetivo importante foi a elaboração de atividades curriculares que visam promover o desenvolvimento da aprendizagem móvel no processo de ensino de conteúdos matemáticos em uma perspectiva pedagógica que torne as aulas dinâmicas, interativas e inovadoras. Assim, para que esses objetivos fossem atingidos, a revisão de literatura buscou fundamentos no estudo da Utilização das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) nas Escolas, nas Ferramentas Cognitivas de Aprendizagem, na Aprendizagem Móvel em Sala de Aula, na Cognição Corporificada, Situada e Distribuída, nas Bases Teóricas da Mediação e na Conceituação de Funções do Primeiro Grau. Durante a condução deste estudo, os dados coletados foram analisados e interpretados com a utilização dos pressupostos da Teoria Fundamentada, que é uma metodologia analítica que visou a elaboração de uma teoria que emergiu da categoria central que foi identificada por meio das codificações aberta, axial e seletiva. Assim, com base na análise e interpretação dos dados, a questão de investigação foi respondida por meio da identificação de cinco categorias relacionadas com a utilização dos dispositivos móveis em ambientes internos e externos à sala de aula. Os resultados mostram que os participantes deste estudo trabalharam de maneira colaborativa e interativa para a realização das atividades propostas por meio da utilização dos dispositivos móveis como parceiros intelectuais no processo de aquisição do conhecimento matemático. Esses dispositivos auxiliaram os participantes a relacionarem as atividades realizadas no cotidiano com os conteúdos matemáticos estudados em sala de aula. Esses resultados também possibilitaram a elaboração de um produto educacional denominado Caderno de Sugestões que foi baseado nas atividades desenvolvidas durante a condução do trabalho de campo desta pesquisa. Espera-se que este estudo possa contribuir para o desenvolvimento de investigações que possibilitem a utilização de metodologias inovadoras que tenham por objetivo facilitar o ensino e a aprendizagem de conteúdos matemáticos por meio da utilização de ferramentas tecnológicas em sala de aula. ____________________________________________________________________________________________ / ABSTRACT: The main objective of this study was to verify contributions that the use of mobile devices (cell and smartphones) as mediatic learning tools can offer to the process of teaching the concept of first-degree functions to high school students in a public school in the state of Minas Gerais. Another important objective was the development of curricular activities that aim to promote the development of mobile learning in the process of teaching mathematical content in an educational perspective that makes dynamic, interactive, and innovative lessons. Therefore, for these goals to be achieved, the literature review sought fundamentals in the study of the Use of Information and Communication Technologies (ICT) in Schools, in the Learning Cognitive Tools, in the Mobile Learning in Classrooms, in the Embodied, Situated, and Distributed Cognition, in the Theoretical Basis of Mediation, and in the Conceptualization of First-degree Functions. During the study, data were analyzed and interpreted by using the assumptions of Grounded Theory, which is an analytical methodology aimed at crafting a theory that emerged from the central category identified through open, axial, and selective coding. Thus, based on the analysis and interpretation of data, the research question was answered through the identification of five categories related to the use of mobile devices inside and outside of the classrooms environments. The results show that participants of this study worked in a collaborative and interactive way on the achievement of the proposed activities with mobile devices as intellectual partners in the process of the acquisition of mathematical knowledge. These devices also helped participants to relate activities they perform in daily life with the mathematical contents studied in classroom. These results also enabled the development of an educational product named Suggestions Booklet, which was based on the activities developed during the conduction of the fieldwork of this research. It is hoped that this study may contribute to the development of investigations that enable the use of innovative methodologies that aim to facilitate the teaching and learning of mathematical contents with technological tools in classroom.
2

Caracterização e conceituação teórica da metáfora de débito técnico através de um estudo exploratório

Gomes de Oliveira, Rebeka 31 January 2011 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T16:00:37Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo6829_1.pdf: 1884179 bytes, checksum: 1e016f27d861e97c8023a4443fecc151 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2011 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / A metáfora de Débito Técnico é uma analogia ao conceito de débito financeiro. A metáfora afirma que ao comprometer a qualidade do sistema em detrimento a algum outro benefício, é como se estivesse contraindo uma dívida. A essa dívida são acrescidos juros na forma de custos extras para realizar futuras modificações no sistema. Se o débito não for controlado, a maior parte do tempo de desenvolvimento futuro do sistema pode ser gasto com o pagamento da dívida. A metáfora tem sido usada na comunidade técnica como uma forma de gerenciar e comunicar as consequências em longo prazo que decisões técnicas podem causar. Apesar de intuitiva, essa definição é baseada em evidencias anedótica, por isso um melhor entendimento do fenômeno e uma definição com rigor formal são necessários. Nesse contexto, esta pesquisa tem como objetivo principal caracterizar e conceituar teoricamente um caso de Débito Técnico em um contexto real de desenvolvimento de software para dispositivos móveis. Através de um estudo de caso exploratório foi realizada a caracterização em números concretos do impacto causado pela contração do débito e a identificação de categorias, subcategorias e propriedades que definem o fenômeno de Débito Técnico, utilizando procedimentos da metodologia da Teoria Fundamentada nos Dados. Esse trabalho dá um primeiro passo na construção de uma teoria formal sobre Débito Técnico e possibilita à comunidade cientifica direcionar os esforços futuros para caracterização e gerenciamento de Débito Técnico, de acordo com os conceitos aqui identificados. O trabalho também contribui para o projeto investigado com proposições para o gerenciamento do projeto no futuro
3

O EXERCÍCIO GERENCIAL DO ENFERMEIRO NA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA / THE PRACTICE IN NURSING MANAGEMENT IN FAMILY HEALTH STRATEGY

Paes, Lucilene Gama 29 April 2013 (has links)
The current context of health in Brazil has experienced important transformations in the last years and therefore new and innovator possibilities of work must emerge. The Family Health Strategy inserts itself in this context as an important tool of rearrangement of the services in the primary care. The nurse stay before this challenge once she assumes the management of the processes of work, as well the coordination and organization of the health services. This research had as general objective: to present the meanings attributed to the interaction process by nurses in their management at the Family Health Strategy, as well as their articulation with the elaboration of a theoretical matrix in their experiences of management in the Family Health Strategy. This is a Descriptive Field Research, with qualitative approach, guided by the methodological referential respectively of the Symbolic Interactionismo and Grounded Theory. The data collection occurred during the months of March, April and May of 2012 through semi structured interviews, departing from an intensive proposal. The subjects were seven nurses, who manage the Family Health Strategy in the countryside of Rio Grande do Sul, Brazil. To analyze the data the steps of grounded theory were used: open coding, axial code and selective coding. The research obeys the ethical principles of the Res.196/96 and was approved by the Ethics Committee of the Federal University of Santa Maria. After the codification, the following categories were achieved: revealing itself as professional, living together with adversities, engaging with the organization of care, establishing the teamwork, and focusing the work on the user. The categories were organized around a central explanatory concept, with the purpose of giving the comprehension of the central phenomenon in which they are constituted: Experiencing the management of the nurse in the Family Health Strategy act: significants from the interface with the care. This phenomenon was presented through the Paradigmatic Model in order to demonstrate that the manager nurse realizes his function in the Family Health Strategy and tries to play his function putting the user as central focus of his work. / O atual contexto de saúde no Brasil tem vivenciado transformações importantes nos últimos anos, emerge a necessidade de desenvolver novas e inovadoras possibilidades de trabalho. A Estratégia Saúde da Família (ESF) insere-se nesse cenário como importante ferramenta de reorganização dos serviços na atenção primária. O enfermeiro coloca-se diante desse desafio, na medida em que assume atividades relacionadas ao gerenciamento dos processos de trabalho, bem como a coordenação e organização dos serviços de saúde. Este trabalho teve como objetivo geral apresentar os significados atribuídos pelos enfermeiros ao processo interacional no exercício gerencial das ESFs e como objetivos específicos discutir a gerência realizada pelo enfermeiro na ESF, bem como sua articulação com a assistência de enfermagem e ainda elaborar uma matriz teórica representativa da vivência do enfermeiro na gerência das ESFs. Trata-se de uma pesquisa de campo descritiva com abordagem qualitativa, guiada pelo referencial teórico-metodológico do Interacionismo Simbólico e Teoria Fundamentada nos Dados (TFD), respectivamente. A coleta de dados ocorreu nos meses de março, abril e maio de 2012 e realizou-se por meio de entrevistas semiestruturadas a partir de uma proposta intensiva, os sujeitos foram sete enfermeiros gerentes das ESFs de um município do interior do Rio Grande do Sul. Para análise seguiram-se os passos propostos pela TFD: codificação aberta, axial e seletiva. A pesquisa seguiu os princípios éticos propostos pela Resolução 196/96 e foi aprovada pelo Comitê de Ética da Universidade Federal de Santa Maria. Após a codificação obteve-se as seguintes categorias: revelando-se profissional, convivendo com adversidades, envolvendo-se com a organização do cuidado, estabelecendo o trabalho em equipe e centrando o trabalho no usuário. Estas foram organizadas em torno de um conceito explanatório central, com o objetivo de proporcionar a compreensão do fenômeno central que se constitui: Vivenciando o agir gerencial do enfermeiro na estratégia saúde da família: significados a partir da interface com o cuidado. Este foi apresentado junto ao Modelo Paradigmático. Assim, foi possível vislumbrar que o enfermeiro gerente reconhece a importância da sua atuação na ESF e procura desempenhar a sua função considerando o usuário foco central do seu trabalho.
4

Definindo o projeto de vida familiar: a família na transição para o cuidado domiciliar da criança com necessidades especiais / Defining Family Life Project: family in transition to home care of child with special needs

Silveira, Aline Oliveira 13 September 2010 (has links)
A transição para o cuidado domiciliar de uma criança com necessidades especiais de saúde é um aspecto desejado e ao mesmo tempo desafiador por gerar mudanças definitivas na vida familiar. A presente pesquisa teve por objetivos compreender a experiência da família na transição para o cuidado domiciliar da criança com necessidades especiais de saúde e desenvolver um modelo teórico representativo dos padrões de interação familiar na transição para o domicílio. Trata-se de uma pesquisa qualitativa orientada pelo Interacionismo Simbólico, enquanto referencial teórico e pela Teoria Fundamentada nos Dados, como abordagem metodológica. A coleta de dados foi realizada através de entrevista em profundidade com onze famílias que estavam cuidando de suas crianças com necessidades especiais de saúde, em seu próprio domicílio. A compreensão teórica resultante da análise interpretativa permitiu a construção do modelo teórico DEFININDO O PROJETO DE VIDA FAMILIAR que integra os fenômenos PRESERVANDO A VIDA DA CRIANÇA e RESERVANDO A VIDA FAMILIAR representativos das decisões e das ações familiares que conduzem a diferentes padrões interacionais que refletem o modo de organização do sistema familiar na experiência de transição para o cuidado domiciliar da criança com necessidades especiais de saúde. O modelo teórico apresentado estaca as forças e as fragilidades que determinam os padrões de enfrentamento no sistema familiar. / Transition to home care of children with special health needs is a anted situation at the same time is a challenging for generating nquestionable changes in family life. This research aimed at nderstanding family\'s experience in the transition to home care of children with special health needs, and developing a theoretical model of family interaction patterns in the transition to home. It is about a ualitative research guided by ymbolic Interactionism, as theoretical framework, and by Grounded Theory, as methodological approach. Data collection was conducted through in-depth interviews with eleven families who were caring their hildren with special health care needs in their own home. Resulting theoretical nderstanding of interpretative analysis allowed the construction of theoretical model DEFINING FAMILY LIFE PROJECT integrating phenomena PRESERVING CHILDS LIFE and PRESERVING FAMILYS LIFE reflecting decisions and actions that lead to different family interaction patterns reflecting the organizing way of family system in transition experience to home are of children with special health needs. Theoretical model highlights strengths and weaknesses that determine patterns of coping in family system.
5

O LUGAR DE VALORES RELIGIOSOS E A ESPIRITUALIDADE NA TERAPIA COMPORTAMENTAL

Prado, Fabrícia Costa 31 August 2010 (has links)
Made available in DSpace on 2016-07-27T14:21:50Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Fabricia Costra Prado.pdf: 471573 bytes, checksum: 29e656b5e0921b2c2c0d3a183017c76f (MD5) Previous issue date: 2010-08-31 / The third wave of behavioral therapies drew the attention to the clients values, and how they give meaning to their life, as well as to the importance of the therapist as a person and to his or her subjectivity. The present research follows through on the same path and goes on investigating how the behavioral therapist deals with his own religious/spirituals values in psycotherapy. A theory is built based on data from interviews with nine behavioral therapists. Four major categories were identified forming the theory that in therapy, (1) the therapist must accept the values of the client, and (2) should not teach his or her own values, even though (3) the therapist must always be aware that his or her own values are implicitly present, (4) and can, in particular circumstances, be essencial to explicitly guide the actions of the therapists. Thus, in the behavioral therapists' experience it is clear that the therapist must be confortably present with his or her values in the therapeutic process, being prepared to explore the way in which the client gives meaning to the experience of the therapy and its spiritual/religious dimension when this is advantageous to its progress, without imposing his or her own values. The client's values must determine the goals and guide the therapeutic process while the therapist s values only must become explicit given specific therapeutic intentions or ethical considerations. In conclusion, the interviewed behavioral therapists believed that they must be clearly aware of their values without making them explicit. At the same time, they consider it to be important that the therapeutic process is conducted according to the clients values. / A terceira onda das terapias comportamentais chamou a atenção para a importância dos valores do cliente e como este dá sentido a sua vivência bem como para a pessoa do terapeuta com sua subjetividade. A presente pesquisa segue essa mesma direção e avança investigando como o terapeuta comportamental lida com seus valores religiosos/espirituais em psicoterapia. Construiu-se uma teoria fundamentada nos dados de entrevista com nove terapeutas comportamentais. Quatro grandes categorias foram identificadas formando a teoria de que na terapia, (1) o terapeuta deve aceitar os valores do cliente, e (2) não ensinar os seus próprios valores, embora (3) o terapeuta deva estar consciente de que seus valores estão implicitamente presentes, (4) podendo estes, em algumas circunstâncias, ser essênciais para nortear explicitamente as ações dos terapeutas. Desse modo, na realidade vivida pelos terapeutas comportamentais, está claro que o terapeuta deve estar seguramente presente com seus valores no processo terapeutico, podendo explorar a maneira com a qual o cliente dá sentido à vivência da terapia e a sua dimensao religiosa/espiritual caso seja vantajoso para o progresso do mesmo, porém, sem impor os seus valores. Os valores do cliente devem nortear os alvos e o processo terapeutico, enquanto os valores do terapeuta só devem se tornar explícitos em situações com intenções terapeuticas e éticas específicas. Conclui-se, portanto, que as terapeutas comportamentais entrevistadas acreditam que devem estar continuamente conscientes dos seus valores sem que estes sejam necessariamente explicitados. Paralelamente, elas consideram importante que o processo seja conduzido de acordo com os valores do cliente.
6

Ressignificando-se como mulher na experiência do parto: experiência de participantes de movimentos sociais pela humanização do parto / Reframing herself as a woman in childbirth experience: experience of participants in social movements for the humanization of birth

Castro, Miriam Rêgo de 21 March 2014 (has links)
Introdução: A medicalização do parto é uma transformação cultural que influenciou a capacidade de enfrentamento autônomo da experiência de parir. As redes e movimentos sociais pela humanização do parto são apontados como promotores da autonomia no exercício do direito à saúde, na medida em que possibilitam apoio mútuo, compartilhamento de experiências e mobilização coletiva das mulheres para reivindicarem seus direitos no parto. Objetivos: 1) Compreender o significado para a mulher de sua participação nos movimentos sociais pela humanização do parto, a trajetória de gestação e parto dessa mulher e como essa participação influencia sua experiência de gestação e parto; 2) Elaborar um modelo teórico explicativo da experiência de gestação e parto da mulher que participa de movimentos sociais pela humanização do parto. Método: Pesquisa qualitativa, conduzida pelo referencial teórico do Interacionismo Simbólico e referencial metodológico da Teoria Fundamentada nos Dados. O cenário do estudo foi constituído por grupos de usuárias do movimento pela humanização do parto, em Belo Horizonte (MG). Os sujeitos foram 15 mulheres e os dados foram obtidos por meio de observação participante, entrevistas intensivas e análise textual de relatos de parto. Resultados: Foram construídas as categorias Rompendo barreiras em busca de uma experiência de parto normal, Conquistando o protagonismo no processo do parto e Ressignificando a experiência vivida, que permitiram compreender a trajetória de gestação e parto da mulher que integra os movimentos sociais pela humanização do parto. A análise e o modo como estas categorias interagem possibilitaram identificar a categoria central Ressignificando-se como mulher na experiência do parto. O modelo teórico explicita o movimento da mulher de ressignificar-se na experiência do parto, participando de uma engrenagem capaz de ressignificar culturalmente o parto, na medida em que cada mulher compartilha sua experiência e convida outras mulheres para participarem dos movimentos sociais pela humanização do parto. Deste modo, contribui para uma ressignificação cultural do parto como experiência fortalecedora para a mulher e com significado de superação e prazer. Ao ressignificar-se como mulher, ela se considera uma pessoa mais forte, capaz de cuidar de si e dos filhos, capaz de tudo o que desejar e transformada por sua experiência de parto. Mesmo quando não consegue parir, considera que a mulher tem direito de viver o parto como um evento que fortalece sua feminilidade e deseja lutar por esse direito, para que outras mulheres se superem e experimentem o prazer de parir. Conclusão: De modo consensual, as mulheres que participam de movimentos sociais pela humanização do parto compartilham entre si o significado do parto como experiência de superação e prazer. Esse processo contínuo, ao longo do tempo, é capaz de modificar a estrutura social que sustenta o significado do parto como sofrimento e risco e de ressignificar culturalmente o parto, sendo de grande relevância para países como o Brasil, com elevadas taxas de intervenções no parto, em especial, de cesarianas desnecessárias e indesejadas. / Introduction: The medicalization of childbirth is a cultural change that has affected womens empowerment to face their childbirth experience. Social networks and consumer movements for childbirth humanization are seen as promoters of womens autonomy on health right performance as they provide mutual support, the sharing of experiences and social mobilization of women to claim their rights in childbirth. Aims: 1) To understand the meaning according to womans perspectives on her involvement in social movements for the humanization of childbirth, her pathway during pregnancy and childbirth and how her own participation in the social movement have influenced pregnancy and birth experiences; 2) To develop a theoretical model in order to explain the experience of pregnancy and childbirth of woman participating in social movements for the humanization of childbirth. Method: Qualitative research carried out using the theoretical framework of Symbolic Interactionism and the methodological framework of Grounded Theory. The study setting consisted of consumer health groups connected to the childbirth humanization movement in Belo Horizonte (MG), Brazil. Data were collected through participant observation of the social movements groups as well as intensive face to face interviews and textual birth reports with fifteen women. Results: Analysis of the data elicited a number of themes. These included \"Breaking barriers searching for an experience of normal childbirth\", \"Conquering to place herself at the centre of her process of childbirth\" and \"Reframing the experience\" which allowed us to understand the pregnancy and childbirth stories of the woman who engaged in the movement for the humanization of childbirth. Further analysis of the interaction of these categories identified a core category: \"Reframing herself as a woman in the experience of childbirth\". The theoretical model explains how woman reframed herself in the experience of childbirth as each woman shares her experience and invites other women to join the movement to humanize childbirth. The movement therefore contributed to a cultural redefinition of childbirth as an empowering experience for woman and a source of resilience and pleasure. By reframing herself as a woman she considered herself a stronger person, able to care for herself and her children, able to make whatever she wants, and transformed by her experience of childbirth. Even when she can\'t give birth, believes that women have a right to live childbirth as an event that strengthens their femininity and want to fight for this right, in order that other women might also experience the pleasure of giving birth. Conclusion: Women who participate in social movements for the humanization of childbirth share among themselves the meaning of the childbirth as an experience of overcoming and pleasure. Over time, this process is able to change the dominant notion of childbirth as suffering and risky and to culturally reframe childbirth. This process is of great relevance in countries like Brazil, with high rates of intervention in childbirth, specially, unnecessary and unwanted caesarean section.
7

Educação no sistema prisional: desafios, expectativas e perspectivas

Vidolin, Lucimara Aparecida de Moura 18 April 2017 (has links)
Submitted by maria oliveira (maria.oliveira@utp.br) on 2018-05-08T14:22:26Z No. of bitstreams: 1 EDUCACAO NO SISTEMA PRISIONAL.pdf: 2438729 bytes, checksum: 18b36ef3109681c6059d0ef324b21fc1 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-05-08T14:22:26Z (GMT). No. of bitstreams: 1 EDUCACAO NO SISTEMA PRISIONAL.pdf: 2438729 bytes, checksum: 18b36ef3109681c6059d0ef324b21fc1 (MD5) Previous issue date: 2017-04-18 / Outlines a panorama about the Brazilian prisional system and comes with analyses of people deprived of their liberty in Brazil and mostly in the Paraná state. Seeks to understand the vicissitudes between the legislation and how occurs the public politics implementation. It is a research of documentary nature. The analysis of how the public education politics for people deprived of their liberty is expressed on the legislation, figure as the general objective of this research. And, as the specifics objectives: Proposes a list the relevant legislation to the education in the prisional system, analyze the data contained in the Brazilian National Penitentiary Department report of 2014 and analyse the prisional education trajectory in the Paraná state projects and programs developed created for this specific public. It was used as theorical referential the authors Adorno, (1991), Leme, (2007), Onofre, (2007), Mirabete, (2007) and Julião, (2011), who dedicate themselves to studying the possibility of the education development process in prisons. Among others who have contributed to a better understanding of the study of the objects in question, as methodological resource if opted for theory based on data that has enabled, through the analysis of the data available publicly, a better understanding of the panorama of education and public policies for educational persons deprived of liberty, as are planned and if they are really effective. he results of this research brings an important warning about the need for consolidation of education within the prison system that passes by the necessity of recognition of the dignity of the human person, respect for the rights acquired by the people deprived of their liberty to exercise citizenship and the need of public policies that guarantee the development of the education of youth and adults in the Brazilian prison system. / Traça um panorama sobre o sistema prisional brasileiro e traz análises das políticas públicas educacionais para pessoas privadas de liberdade no Brasil e, principalmente, no estado do Paraná. O problema reside em compreender as vicissitudes entre a legislação e a implementação das políticas públicas educacionais para pessoas privadas de liberdade. Trata-se de uma pesquisa de natureza documental. A análise de como as políticas públicas educacionais para pessoas privadas de liberdade expressam-se na legislação figura como objetivo geral desta pesquisa. Como objetivos específicos, propõe-se investigar a legislação pertinente à educação no sistema prisional, analisar os dados constantes no relatório do Departamento Penitenciário Nacional do ano de 2014 e analisar a trajetória da educação prisional no estado do Paraná nos projetos e programas desenvolvidos para o público em questão. Utilizaram-se, como referencial teórico, os autores Adorno (1991), Leme (2007), Onofre (2007), Mirabete (2007) e Julião (2011), que se dedicam a estudar a possibilidade do desenvolvimento de processos educacionais em prisões, entre outros que contribuíram para melhor compreensão do objeto de estudo. Como recurso metodológico, optou-se pela teoria fundamentada nos dados, que possibilitou, mediante a análise dos dados disponibilizados publicamente, a melhor compreensão do panorama da educação e das políticas públicas educacionais para pessoas privadas de liberdade, como são planejadas e se são realmente efetivadas. Os resultados desta pesquisa trazem um importante alerta sobre a necessidade da consolidação da educação no sistema prisional, que passa pela urgência do reconhecimento da dignidade da pessoa humana, pelo respeito aos direitos adquiridos pelas pessoas privadas de liberdade a exercer a cidadania e pela necessidade da efetivação de políticas públicas que garantam o desenvolvimento da educação de jovens e adultos no sistema prisional brasileiro.
8

Cuidando para manter o mundo da família amparado: a experiência da família rural frente ao câncer / Taking care to keep familys world supported: agricultural familys experience face to cancer

Girardon-Perlini, Nara Marilene Oliveira 27 February 2009 (has links)
O presente estudo teve como objetivos compreender os medos do câncer presentes na experiência das famílias; compreender os significados atribuídos pelas famílias aos medos do câncer; compreender como os significados influenciam na dinâmica familiar e elaborar um modelo teórico representativo da dinâmica familiar diante dos medos do câncer. Trata-se de um estudo qualitativo orientado pelo Interacionismo Simbólico, como referencial teórico e a Teoria Fundamentada nos Dados, como referencial metodológico. Os dados foram coletados, mediante entrevista com seis famílias rurais que estavam vivendo a experiência de ter um familiar com câncer. A análise comparativa constante desses dados permitiu a elaboração de um modelo teórico explicativo da experiência da família rural, definido pela categoria central CUIDANDO PARA MANTER O MUNDO DA FAMÍLIA AMPARADO que representa as ações e estratégias simbólicas da família visando a conciliar o cuidado do familiar doente e o cuidado da vida familiar e, dessa maneira, preservar os elementos que conectados constituem o mundo da família rural. O modelo teórico evidencia o persistente movimento de cuidado da família ao longo da experiência para preservar os elementos simbólicos que constituem o amparo do mundo da família: a unidade familiar, a terra, o trabalho e o cuidado / The present study had as objective to understand cancer fears present in families experience; to realize the meanings attributed by families to cancer fears; to understand how that meanings influence in family dynamics, and to elaborate a representative theoretical model of family dynamics face to cancer fears. It is about a qualitative study guided by Symbolic Interacionism as theoretical referential, and Grounded Theory as methodological referential. Data had been collected by means of interview with six rural families who were living family cancer experience. Comparative data analysis allowed the elaboration of a theoretical model to explain agricultural familys experience, defined by TAKING CARE TO KEEP FAMILYS WORLD SUPPORTED central category, which represents familys actions and symbolic strategies aiming at conciliating the care of sick person as well as the care of familiar life, and, therefore, to preserve elements, which connected, constitute rural familys world. Theoretical model evidences the persistent movement of family care throughout the experience to preserve symbolic elements that constitute familys world support: family unit, land, work, and care
9

Cuidando para manter o mundo da família amparado: a experiência da família rural frente ao câncer / Taking care to keep familys world supported: agricultural familys experience face to cancer

Nara Marilene Oliveira Girardon-Perlini 27 February 2009 (has links)
O presente estudo teve como objetivos compreender os medos do câncer presentes na experiência das famílias; compreender os significados atribuídos pelas famílias aos medos do câncer; compreender como os significados influenciam na dinâmica familiar e elaborar um modelo teórico representativo da dinâmica familiar diante dos medos do câncer. Trata-se de um estudo qualitativo orientado pelo Interacionismo Simbólico, como referencial teórico e a Teoria Fundamentada nos Dados, como referencial metodológico. Os dados foram coletados, mediante entrevista com seis famílias rurais que estavam vivendo a experiência de ter um familiar com câncer. A análise comparativa constante desses dados permitiu a elaboração de um modelo teórico explicativo da experiência da família rural, definido pela categoria central CUIDANDO PARA MANTER O MUNDO DA FAMÍLIA AMPARADO que representa as ações e estratégias simbólicas da família visando a conciliar o cuidado do familiar doente e o cuidado da vida familiar e, dessa maneira, preservar os elementos que conectados constituem o mundo da família rural. O modelo teórico evidencia o persistente movimento de cuidado da família ao longo da experiência para preservar os elementos simbólicos que constituem o amparo do mundo da família: a unidade familiar, a terra, o trabalho e o cuidado / The present study had as objective to understand cancer fears present in families experience; to realize the meanings attributed by families to cancer fears; to understand how that meanings influence in family dynamics, and to elaborate a representative theoretical model of family dynamics face to cancer fears. It is about a qualitative study guided by Symbolic Interacionism as theoretical referential, and Grounded Theory as methodological referential. Data had been collected by means of interview with six rural families who were living family cancer experience. Comparative data analysis allowed the elaboration of a theoretical model to explain agricultural familys experience, defined by TAKING CARE TO KEEP FAMILYS WORLD SUPPORTED central category, which represents familys actions and symbolic strategies aiming at conciliating the care of sick person as well as the care of familiar life, and, therefore, to preserve elements, which connected, constitute rural familys world. Theoretical model evidences the persistent movement of family care throughout the experience to preserve symbolic elements that constitute familys world support: family unit, land, work, and care
10

Ressignificando-se como mulher na experiência do parto: experiência de participantes de movimentos sociais pela humanização do parto / Reframing herself as a woman in childbirth experience: experience of participants in social movements for the humanization of birth

Miriam Rêgo de Castro 21 March 2014 (has links)
Introdução: A medicalização do parto é uma transformação cultural que influenciou a capacidade de enfrentamento autônomo da experiência de parir. As redes e movimentos sociais pela humanização do parto são apontados como promotores da autonomia no exercício do direito à saúde, na medida em que possibilitam apoio mútuo, compartilhamento de experiências e mobilização coletiva das mulheres para reivindicarem seus direitos no parto. Objetivos: 1) Compreender o significado para a mulher de sua participação nos movimentos sociais pela humanização do parto, a trajetória de gestação e parto dessa mulher e como essa participação influencia sua experiência de gestação e parto; 2) Elaborar um modelo teórico explicativo da experiência de gestação e parto da mulher que participa de movimentos sociais pela humanização do parto. Método: Pesquisa qualitativa, conduzida pelo referencial teórico do Interacionismo Simbólico e referencial metodológico da Teoria Fundamentada nos Dados. O cenário do estudo foi constituído por grupos de usuárias do movimento pela humanização do parto, em Belo Horizonte (MG). Os sujeitos foram 15 mulheres e os dados foram obtidos por meio de observação participante, entrevistas intensivas e análise textual de relatos de parto. Resultados: Foram construídas as categorias Rompendo barreiras em busca de uma experiência de parto normal, Conquistando o protagonismo no processo do parto e Ressignificando a experiência vivida, que permitiram compreender a trajetória de gestação e parto da mulher que integra os movimentos sociais pela humanização do parto. A análise e o modo como estas categorias interagem possibilitaram identificar a categoria central Ressignificando-se como mulher na experiência do parto. O modelo teórico explicita o movimento da mulher de ressignificar-se na experiência do parto, participando de uma engrenagem capaz de ressignificar culturalmente o parto, na medida em que cada mulher compartilha sua experiência e convida outras mulheres para participarem dos movimentos sociais pela humanização do parto. Deste modo, contribui para uma ressignificação cultural do parto como experiência fortalecedora para a mulher e com significado de superação e prazer. Ao ressignificar-se como mulher, ela se considera uma pessoa mais forte, capaz de cuidar de si e dos filhos, capaz de tudo o que desejar e transformada por sua experiência de parto. Mesmo quando não consegue parir, considera que a mulher tem direito de viver o parto como um evento que fortalece sua feminilidade e deseja lutar por esse direito, para que outras mulheres se superem e experimentem o prazer de parir. Conclusão: De modo consensual, as mulheres que participam de movimentos sociais pela humanização do parto compartilham entre si o significado do parto como experiência de superação e prazer. Esse processo contínuo, ao longo do tempo, é capaz de modificar a estrutura social que sustenta o significado do parto como sofrimento e risco e de ressignificar culturalmente o parto, sendo de grande relevância para países como o Brasil, com elevadas taxas de intervenções no parto, em especial, de cesarianas desnecessárias e indesejadas. / Introduction: The medicalization of childbirth is a cultural change that has affected womens empowerment to face their childbirth experience. Social networks and consumer movements for childbirth humanization are seen as promoters of womens autonomy on health right performance as they provide mutual support, the sharing of experiences and social mobilization of women to claim their rights in childbirth. Aims: 1) To understand the meaning according to womans perspectives on her involvement in social movements for the humanization of childbirth, her pathway during pregnancy and childbirth and how her own participation in the social movement have influenced pregnancy and birth experiences; 2) To develop a theoretical model in order to explain the experience of pregnancy and childbirth of woman participating in social movements for the humanization of childbirth. Method: Qualitative research carried out using the theoretical framework of Symbolic Interactionism and the methodological framework of Grounded Theory. The study setting consisted of consumer health groups connected to the childbirth humanization movement in Belo Horizonte (MG), Brazil. Data were collected through participant observation of the social movements groups as well as intensive face to face interviews and textual birth reports with fifteen women. Results: Analysis of the data elicited a number of themes. These included \"Breaking barriers searching for an experience of normal childbirth\", \"Conquering to place herself at the centre of her process of childbirth\" and \"Reframing the experience\" which allowed us to understand the pregnancy and childbirth stories of the woman who engaged in the movement for the humanization of childbirth. Further analysis of the interaction of these categories identified a core category: \"Reframing herself as a woman in the experience of childbirth\". The theoretical model explains how woman reframed herself in the experience of childbirth as each woman shares her experience and invites other women to join the movement to humanize childbirth. The movement therefore contributed to a cultural redefinition of childbirth as an empowering experience for woman and a source of resilience and pleasure. By reframing herself as a woman she considered herself a stronger person, able to care for herself and her children, able to make whatever she wants, and transformed by her experience of childbirth. Even when she can\'t give birth, believes that women have a right to live childbirth as an event that strengthens their femininity and want to fight for this right, in order that other women might also experience the pleasure of giving birth. Conclusion: Women who participate in social movements for the humanization of childbirth share among themselves the meaning of the childbirth as an experience of overcoming and pleasure. Over time, this process is able to change the dominant notion of childbirth as suffering and risky and to culturally reframe childbirth. This process is of great relevance in countries like Brazil, with high rates of intervention in childbirth, specially, unnecessary and unwanted caesarean section.

Page generated in 0.1576 seconds