• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 371
  • 20
  • 20
  • 18
  • 17
  • 16
  • 5
  • 5
  • 4
  • 3
  • 2
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 379
  • 379
  • 183
  • 101
  • 97
  • 93
  • 79
  • 77
  • 65
  • 53
  • 43
  • 35
  • 34
  • 34
  • 34
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
21

Modelagem de articulações para humanos virtuais baseada em anatomia

Maciel, Anderson January 2001 (has links)
Técnicas de Processamento de Imagens e de Computação Gráfica vêm sendo empregadas há bastante tempo para o diagnóstico por imagens em Medicina. Mais recentemente, aplicações baseadas em modelos anatômicos, tanto extraídos de volumes de imagens como criados com base em estudos de anatomia, despontam com força. Tais modelos visam suportar simulação de movimento e de fisiologia. Porém, para que isso se torne realidade, modelos anatômicos do corpo humano precisam ser construídos e aperfeiçoados. Entre outras funcionalidades, esses modelos devem ser capazes de representar o movimento articulado do corpo humano. O problema de modelagem das articulações já foi considerado em diversos trabalhos, principalmente em Robótica e Animação. Entretanto, esses trabalhos não levaram em conta fidelidade anatômica com profundidade suficiente para que pudessem ser utilizados em aplicações de Medicina. O principal objetivo deste trabalho, portanto, é a criação de uma estratégia de representação de articulações embasada em características anatômicas para modelagem de esqueletos humanos virtuais. Um estudo da anatomia do esqueleto humano é apresentado, destacando os tipos de articulações humanas e aspectos do seu movimento. Também é apresentado um estudo dos modelos de articulações encontrados na literatura de Computação Gráfica, e são comentados alguns sistemas de software comercial que implementam corpos articulados. Com base nesses dois estudos, procurou-se identificar as deficiências dos modelos existentes em termos de fidelidade anatômica e, a partir disso, propor uma estratégia de representação para articulações humanas que permitisse a construção de corpos humanos virtuais anatomicamente realísticos. O modelo de articulações proposto foi projetado com o auxílio de técnicas de projeto orientado a objetos e implementado no âmbito do projeto Virtual Patients. Usando as classes do modelo, foi construído um simulador de movimentos, que recebe a descrição de um corpo articulado através de um arquivo em formato XML e apresenta uma animação desse corpo. A descrição do movimento também é especificada no mesmo arquivo. Esse simulador foi utilizado para gerar resultados para verificar a correção e fidelidade do modelo articular. Para isso, um joelho virtual foi construído, seus movimentos foram simulados e comparados com outros joelhos: o modelo de outro simulador, um modelo plástico anatômico e o joelho real.
22

Modelagem de articulações para humanos virtuais baseada em anatomia

Maciel, Anderson January 2001 (has links)
Técnicas de Processamento de Imagens e de Computação Gráfica vêm sendo empregadas há bastante tempo para o diagnóstico por imagens em Medicina. Mais recentemente, aplicações baseadas em modelos anatômicos, tanto extraídos de volumes de imagens como criados com base em estudos de anatomia, despontam com força. Tais modelos visam suportar simulação de movimento e de fisiologia. Porém, para que isso se torne realidade, modelos anatômicos do corpo humano precisam ser construídos e aperfeiçoados. Entre outras funcionalidades, esses modelos devem ser capazes de representar o movimento articulado do corpo humano. O problema de modelagem das articulações já foi considerado em diversos trabalhos, principalmente em Robótica e Animação. Entretanto, esses trabalhos não levaram em conta fidelidade anatômica com profundidade suficiente para que pudessem ser utilizados em aplicações de Medicina. O principal objetivo deste trabalho, portanto, é a criação de uma estratégia de representação de articulações embasada em características anatômicas para modelagem de esqueletos humanos virtuais. Um estudo da anatomia do esqueleto humano é apresentado, destacando os tipos de articulações humanas e aspectos do seu movimento. Também é apresentado um estudo dos modelos de articulações encontrados na literatura de Computação Gráfica, e são comentados alguns sistemas de software comercial que implementam corpos articulados. Com base nesses dois estudos, procurou-se identificar as deficiências dos modelos existentes em termos de fidelidade anatômica e, a partir disso, propor uma estratégia de representação para articulações humanas que permitisse a construção de corpos humanos virtuais anatomicamente realísticos. O modelo de articulações proposto foi projetado com o auxílio de técnicas de projeto orientado a objetos e implementado no âmbito do projeto Virtual Patients. Usando as classes do modelo, foi construído um simulador de movimentos, que recebe a descrição de um corpo articulado através de um arquivo em formato XML e apresenta uma animação desse corpo. A descrição do movimento também é especificada no mesmo arquivo. Esse simulador foi utilizado para gerar resultados para verificar a correção e fidelidade do modelo articular. Para isso, um joelho virtual foi construído, seus movimentos foram simulados e comparados com outros joelhos: o modelo de outro simulador, um modelo plástico anatômico e o joelho real.
23

"Porque a gente tem um corpo né... mas a gente só lembra do corpo quando ele dói"

Sabbag, Samantha January 2017 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, Florianópolis, 2017. / Made available in DSpace on 2018-01-23T03:16:06Z (GMT). No. of bitstreams: 1 349692.pdf: 1801190 bytes, checksum: a800f53787d474778d35875eb6b1d9b8 (MD5) Previous issue date: 2017 / A presente pesquisa, em nível de doutorado, teve como problemática investigar: de que forma o corpo constitui a docência na Educação Infantil e como é constituído pelas relações educativas com crianças pequenas?Intencionando a aproximação da problemática definiu-se como objetivo geral: conhecer a centralidade do corpo na constituição da docência na Educação Infantil. A partir de uma perspectiva interpretativa os dados foram obtidos por meio de questionários e entrevistas. Os questionários foram respondidos por 45 docentes de 12 municípios da região metropolitana de Florianópolis e as entrevistas foram realizadas com 13 dessas professoras de 4 municípios da mesma região, todas elas atuavam em creches e pré-escolas municipais. Os dados qualitativos foram categorizados por meio da Técnica de Análise de Conteúdo e os quantitativos serviram para dar suporte às discussões. Por meio do agrupamento das unidades de sentido emergiram duas categorias principais: As especificidades da docência na Educação Infantil e a centralidade do corpo; O corpo como constituído e constituidor da docência na Educação Infantil. Como referencial teórico para as análises partiu-se de uma concepção de docência como uma atitude relacional (Tardif, 2002; Teixeira, 2007; Tardif, Lessard, 2009) e consideraram-se as especificidades da Educação Infantil (Rocha, 1999; Schmitt, 2008; 2014). Destacando a centralidade do corpo nas relações docentes refletimos sobre o corpo como simultaneamente físico e simbólico, produto da natureza e cultura, ancorado por um momento histórico e político (Hughes, Lock, 1987; Vigarello, 2003; Le Breton, 2003; 2006; 2009; Buss-Simão, 2012). As análises revelam que, embora o corpo seja um elemento central nas relações docentes nesta etapa educativa, as professoras pouco direcionam sua atenção a ele. O corpo das professoras é afetado pelas demandas profissionais e como reflexo, afeta as relações estabelecidas com as crianças. Dentre os principais fatores que contribuem para o desgaste corporal identificaram-se a inadequação dos espaços e das materialidades para o corpo dos adultos nos contextos de Educação Infantil e uma lacuna nas formações iniciais e continuadas de professores no tocante ao corpo. / Abstract : The present research, at doctoral level, had as problematic to discover: in what way the body constitutes the teaching in the early childhood education and how it is constituted by the educative relations with small children? Intending to approach the problem defined for the present research was defined as a general objective: to know the centrality of the body in the constitution of teaching in early childhood education. From an interpretative perspective the data were obtained through questionnaires and interviews. The questionnaires were answered by 45 teachers from 12 municipalities in the metropolitan region of Florianópolis and the interviews were conducted with 13 of these teachers from 4 municipalities in the same region, all of them working in kindergartens and public kindergarten. Qualitative data were categorized using the Content Analysis Technique and the quantitative data served to support the discussions. From the process of emersion the two main categories were: The specificities of teaching in early childhood education and the centrality of the body; The body as constituted and constituent of teaching in early childhood education. As a theoretical reference for the analyzes, a conception of teaching as a relational attitude (Tardif, 2002; Teixeira, 2007; Tardif, Lessard, 2009) was considered and the specificities of early childhood education were considered (Rocha, 1999; Schmitt, 2008, 2014). Highlighting the centrality of the body in teacher relations we reflect on the body as simultaneously physical and symbolic, product of nature and culture, anchored by a historical and political moment (Hughes, Lock, 1987; Le Breton, 2003; 2006; 2009; Buss-Simão, 2012) The analyzes reveal that, although the body is a central element in teacher relations at this stage of education, the teachers do not direct their attention to it. The teachers' body is affected by professional demands and, as a reflex, affects the relations established with the children. Among the main factors that contributed to the corporal exhaustion were identified the inadequacy of the spaces and materialities for the adult bodies in the contexts of early childhood education and a gap in the initial and continued formations of teachers regarding the body.
24

Conselheiros modernos

Gomes, Ivan Marcelo January 2008 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas. / Made available in DSpace on 2012-10-24T05:59:19Z (GMT). No. of bitstreams: 1 249846.pdf: 1441680 bytes, checksum: 4a43c9cb35bb8b8d53adc209332c45c4 (MD5) / O objetivo deste estudo foi analisar o desenvolvimento de propostas midiáticas e acadêmicas para a educação do indivíduo saudável. A abordagem teve como foco a busca pelo corpo saudável na modernidade. A pesquisa se desenvolveu a partir de dois registros dos "conselhos" presentes na sociedade contemporânea: o conselho midiático - levado a cabo por meio do suplemento semanal Equilíbrio da Folha de São Paulo - e o conselho acadêmico - realizado pelo NuPAF (Núcleo de Pesquisa em Atividade Física & Saúde), vinculado à Universidade Federal de Santa Catarina. Para isso, foram analisadas as propostas para a constituição do indivíduo saudável, contidas nos textos publicados por tais conselheiros. O diálogo teórico do trabalho privilegiou a abordagem sociológica de Zygmunt Bauman e sua interlocução com o conceito de biopoder elaborado por Michel Foucault. Entre as considerações apontadas na tese, verificamos um entrecruzamento destes conselhos. O saber científico subsidia ambas as propostas que enfatizam as soluções individuais - principalmente, por meio da prática de atividades físicas e cuidados nutricionais - para obtenção de uma vida saudável. Tais conselhos apresentam discursos que almejam informar o modo correto de viver bem, embora estejam inseridos na liquidez moderna na qual proliferam os mais diversos conselheiros. O ideal de felicidade que une os conselheiros analisados não impossibilitou que percebêssemos algumas distinções entre as duas propostas, sobretudo a de que há maior pluralidade e debate entre os conselheiros midiáticos do que entre os acadêmicos.
25

Corpo e imaginário social

Lunge, Anelise Ferreira Pieniz January 2002 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Desportos. Programa de Pós-Graduação em Educação Física. / Made available in DSpace on 2012-10-20T04:30:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 224702.pdf: 2968679 bytes, checksum: df610061dca6e69498287fcea9b1e10e (MD5) / Organizar-se em pequenos grupos é uma das características dos seres humanos desde os princípio de sua existência. Através da convivência com outras pessoas e outros grupos, ele carrega consigo heranças e significados representados através de símbolos. As significações e relações de interdependências simbólicas se estabelecem em cada ordem social sendo influenciadas por vários fatores tais como o imaginário, as representações, a fachada, o cenário, os grupos, entre outros. A escola, assim como outros ambientes é sugestionada por diversos fatores determinados ideologicamente. Nele, os alunos, especialmente os jovens, descrevem sua história de vida, sua individualidade, sua ideologia. Por estar constantemente recebendo intervenções sócio-históricas, o corpo humano no ambiente escolar, muitas vezes torna-se insignificante, podendo prejudicar as representações corporais que seus alunos possam querer manifestar. A eles devem ser dadas oportunidades para construírem sua sensibilidade, suas expressões, sua comunicação corporal, criando e re-significando suas próprias ações. Partindo do princípio que uma sociedade só pode ser formada através da sua trajetória social-histórica e que a escola e os jovens são parte desta sociedade, o principal objetivo desta investigação foi identificar as representações corporais de jovens do sexo feminino de um ambiente escolar, relacionando-as com os cenários, fachadas, estigmas, grupo, corporalidade, as culturas juvenis (determinadas pelos simbolismos) e o imaginário social. Esta pesquisa baseou-se nos pressupostos etnometodológicos os quais objetivam o estudo e a análise das atividades cotidianas de um determinado grupo social procurando descobrir a forma como elas tornam-se visíveis, racionais e reportáveis. Foram investigadas um grupo de jovens do sexo feminino com idade entre 14 e 16 anos, estudantes da Escola de Educação Básica Professor Olavo Cecco Rigon no município de Concórdia, Santa Catarina. Verificou-se que a escola constitui um dos ambientes sociais mais importantes na vida das jovens, pois suas representações corporais estão ligadas a vários simbolismos determinados pelo imaginário social. Pode-se citar a mídia, representada por revistas que elas mais gostam de ler, as quais há uma grande identificação com as representações das jovens, na criação de estigmas e estereótipos. Percebeu-se que para cada um dos ambientes que uma escola possui, as jovens manifestam comportamentos e atitudes diferenciadas, ou seja para cada ambiente e para cada grupo que participam apresentam-se com fachadas diferenciadas. Todos os aspectos observados nesta investigação, reforçam o argumento inicial de que o imaginário social exerce influência nas representações corporais no ambiente escolar, significando a importância de sua identificação como uma forma de modificar, aprimorar e adequar os elementos pedagógicos referentes ao trato com o corpo das jovens nos ambientes escolares.
26

Corpo e imaginário social

Lunge, Anelise Ferreira Pieniz January 2002 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Desportos. Programa de Pós-Graduação em Educação Física. / Made available in DSpace on 2012-10-20T07:00:22Z (GMT). No. of bitstreams: 1 188891.pdf: 2968679 bytes, checksum: df610061dca6e69498287fcea9b1e10e (MD5) / Organizar-se em pequenos grupos é uma das características dos seres humanos desde os princípio de sua existência. Através da convivência com outras pessoas e outros grupos, ele carrega consigo heranças e significados representados através de símbolos. As significações e relações de interdependências simbólicas se estabelecem em cada ordem social sendo influenciadas por vários fatores tais como o imaginário, as representações, a fachada, o cenário, os grupos, entre outros. A escola, assim como outros ambientes é sugestionada por diversos fatores determinados ideologicamente. Nele, os alunos, especialmente os jovens, descrevem sua história de vida, sua individualidade, sua ideologia. Por estar constantemente recebendo intervenções sócio-históricas, o corpo humano no ambiente escolar, muitas vezes torna-se insignificante, podendo prejudicar as representações corporais que seus alunos possam querer manifestar. A eles devem ser dadas oportunidades para construírem sua sensibilidade, suas expressões, sua comunicação corporal, criando e re-significando suas próprias ações. Partindo do princípio que uma sociedade só pode ser formada através da sua trajetória social-histórica e que a escola e os jovens são parte desta sociedade, o principal objetivo desta investigação foi identificar as representações corporais de jovens do sexo feminino de um ambiente escolar, relacionando-as com os cenários, fachadas, estigmas, grupo, corporalidade, as culturas juvenis (determinadas pelos simbolismos) e o imaginário social. Esta pesquisa baseou-se nos pressupostos etnometodológicos os quais objetivam o estudo e a análise das atividades cotidianas de um determinado grupo social procurando descobrir a forma como elas tornam-se visíveis, racionais e reportáveis. Foram investigadas um grupo de jovens do sexo feminino com idade entre 14 e 16 anos, estudantes da Escola de Educação Básica Professor Olavo Cecco Rigon no município de Concórdia, Santa Catarina. Verificou-se que a escola constitui um dos ambientes sociais mais importantes na vida das jovens, pois suas representações corporais estão ligadas a vários simbolismos determinados pelo imaginário social. Pode-se citar a mídia, representada por revistas que elas mais gostam de ler, as quais há uma grande identificação com as representações das jovens, na criação de estigmas e estereótipos. Percebeu-se que para cada um dos ambientes que uma escola possui, as jovens manifestam comportamentos e atitudes diferenciadas, ou seja para cada ambiente e para cada grupo que participam apresentam-se com fachadas diferenciadas. Todos os aspectos observados nesta investigação, reforçam o argumento inicial de que o imaginário social exerce influência nas representações corporais no ambiente escolar, significando a importância de sua identificação como uma forma de modificar, aprimorar e adequar os elementos pedagógicos referentes ao trato com o corpo das jovens nos ambientes escolares.
27

Corpos modificados ao extremo : o eu, o outro e a sociedade / Body modifications to the extreme : self, the other and society / Corps modifié à l'extrême : le moi-même, les autres et la société

Gonçalves, Andréia Santos 25 March 2014 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Sociologia, 2014. / Submitted by Larissa Stefane Vieira Rodrigues (larissarodrigues@bce.unb.br) on 2014-12-02T18:48:23Z No. of bitstreams: 1 2014_AndréiaSantosGonçalves.pdf: 2061586 bytes, checksum: 57cea3cfe64d77f743fa2a485604a6a8 (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana(raquelviana@bce.unb.br) on 2014-12-02T19:40:41Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2014_AndréiaSantosGonçalves.pdf: 2061586 bytes, checksum: 57cea3cfe64d77f743fa2a485604a6a8 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-12-02T19:40:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2014_AndréiaSantosGonçalves.pdf: 2061586 bytes, checksum: 57cea3cfe64d77f743fa2a485604a6a8 (MD5) / Esta tese de doutorado, de um modo geral, centrou esforços para apresentar reflexões acerca dos efeitos das interações sociais estabelecidas entre as pessoas adeptas às modificações corporais extremas e os demais sujeitos sociais, mediante o estereótipo de corpo ideal construído e disseminado socialmente e que vem provocando alterações nas práticas sociais e culturais contemporâneas. De modo específico, identificaram-se os significados atribuídos ao corpo ao longo da história, analisou-se a individuação do eu por meio da compreensão da construção das identidades, das normatizações e dos desvios corporais, bem como a caracterização do que vem a ser modificação corporal extrema, exemplificando-a e correlacionando-a com as entrevistas e observações feitas in loco em Belo Horizonte, São Paulo e Brasília. Como delineamento teórico, recorri às contribuições de alguns estudiosos do corpo, em especial Le Breton e Vítor Sérgio Ferreira; a autores como Durkheim, Giddens, Bauman, Goffman, Becker e Foucault; a antropólogos como Marcel Mauss, dentre outros. As visões de mundo desses autores foram elucidativas, permitindo discutir e compreender o corpo como fenômeno social, cultural e simbólico, objeto de representações em constante transformação e relação com o eu, o outro e a sociedade. A metodologia da pesquisa empregada na coleta de informações foi dividida em duas fases: exploratória e de pesquisa de campo, que ocorreram no período de 2012 a 2013. A construção social e histórica do corpo, no contexto da prática das modificações corporais extremas, se depara com um modelo contemporâneo de corpo fundado na valoração da imagem dos indivíduos, interferindo sobremaneira nas interações sociais entre adeptos e não adeptos. O discurso proposto nesta tese, portanto, não teve a pretensão de esgotar um tema que, historicamente, sempre esteve na ordem do dia da vida social, mas contribuir para o debate, na perspectiva acadêmica contemporânea, com um tema em evidência na contemporaneidade. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT / This doctorate thesis focused effort to present reflections on the effects of social interactions established between devotees of extreme body modifications and other social subjects, against the stereotype of an ideally constructed and socially pervasive body and that has led to changes in social practices and contemporary cultural. Specifically, we identified the meanings attributed to the body throughout history, we analyzed the individuation of the self through an understanding of the construction of identities, norms and deviations of body as well as the characterization of what has become extreme body modification, and exemplifying the correlation with the interviews and observations made on site in Belo Horizonte, São Paulo and Brasília. As delineated theoretically, I turned to the contributions of some scholars of the body, in particular, Le Breton and Vítor Sérgio Ferreira; authors like Durkheim, Giddens, Bauman, Goffman, Foucault and Becker; and anthropologists like Marcel Mauss, among others. The world views of these authors were illuminating, enabling a discourse and understanding of the body as a social, cultural and symbolic phenomenon, an object of representations in constant transformation and relationship with self, others and society. The research methodology used in the collection was divided into two phases: exploration and field research, and was carried out from 2012-2013. The social and historical construction of the body in the context of the practice of extreme body modifications is faced with a contemporary model of body image based on the valuation of individuals, excessively interfering in social interactions between enthusiasts and non-enthusiasts. The proposed discourse in this thesis, therefore, did not intend to exhaust a subject that, historically, has always been on the agenda of social life, but contribute to the debate in contemporary academic perspective, with a theme evident in contemporary times. _________________________________________________________________________________ RESUMÉ / Cette thèse de Doctorat, d’une forme général, à centrer ses efforts à présenter des réflexions sur les effets des interactions sociales établies entre les adeptes des modifications corporelles extrêmes des autres sujets sociales, par rapport au stéréotype du corps idéal construits et propagées socialement provoquant des changement des coutumes sociales et culturelles contemporaines. Spécifiquement, ils sont étéidentifier les sens attribués corporellement pendent toute l’histoire, l’individuation du moi-même par la compréhension de la construction des identités, des standardisations et des écarts corporelles ainsi que la caractérisation de ce qui est la modification extrême du corps, illustrant la corrélant avec les interviews et les observations faites sur place à BeloHorizonte, São Paulo et Brasilia.Comme conception théorique, en faisant recours de quelques étudiants du corps, spécialement; Le Breton et Sergio Ferreira; des auteurs comme Durkheim, Giddens, Bauman, Goffeman, Becker et Foucault; aux anthropologues comme Marcel Mauss, entre autres. Les visions du monde de ces auteurs ont été éclairantes permettant la discussion et la compréhension du corps comme phénomène social, culturel et symbolique, objet de représentations en constante transformation en relation avec le moi-même, les autres et la société. La méthodologie de recherche employer ver la collecte d’informations a été divisé en deux phases : exploration et de recherche sur le terrain et elles sontétés produites pendant la période de 2012 à 2013. La construction sociale et historique du corps, dans le cadre de la pratique des modifications corporelles extrêmes, est confrontée par un modèle contemporain du corps fondé sur la valorisation de l’image des Personnes, interférant considérablement sur les interactions sociales entre les adeptes et les non adeptes. Le discours proposé dans cette thèse, par conséquent, n'a jamais eu l'intention de l’épuisement d’un sujet qui,historiquement, a toujours été à l’ordre du jour de la vie sociale,mais de contribuer pour le débat en perspective académique contemporaine, avec un thème en contemporanéité.
28

Entre moda e sujeito : trânsitos da subjetivação

Cantarelli, Ana Cândida Cardoso January 2013 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Programa de Pós-graduação em Psicologia Clínica e Cultura, 2013. / Submitted by Alaíde Gonçalves dos Santos (alaide@unb.br) on 2014-03-27T13:15:15Z No. of bitstreams: 1 2013_AnaCandidaCardosoCantarelli.pdf: 5952094 bytes, checksum: 178e8ee1a3c445fe52de8ffdb2e3b44a (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2014-03-27T14:22:10Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2013_AnaCandidaCardosoCantarelli.pdf: 5952094 bytes, checksum: 178e8ee1a3c445fe52de8ffdb2e3b44a (MD5) / Made available in DSpace on 2014-03-27T14:22:10Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2013_AnaCandidaCardosoCantarelli.pdf: 5952094 bytes, checksum: 178e8ee1a3c445fe52de8ffdb2e3b44a (MD5) / Esta dissertação tem na relação da moda com a subjetividade seu fio condutor. Seu objetivo principal é verificar quais são as possíveis relações da moda como fenômeno cultural com a formação da subjetividade, especialmente na Modernidade e na Contemporaneidade. Neste trabalho teórico, o levantamento de fatores fundamentais do desenvolvimento da subjetividade humana e da cultura são abordados na medida em que caracterizam a moda como uma produção cultural perpassada pela subjetividade. Assim, a dissertação divide-se em três partes. Na primeira, a questão da formação do sujeito é contextualizada historicamente e trabalhada a partir da perspectiva moderna, na qual surgem prerrogativas humanas relacionadas à individualidade, à liberdade e à autonomia fundamentais para o surgimento das formas culturais do capital e da moda. Esta análise do sujeito é tributária das novas maneiras de viver a sociabilidade em um mundo em que cada vez mais se atribui ao próprio sujeito a responsabilidade pelo sucesso da empreitada moderna. O outro lado da descoberta desta autonomia também é discutido considerando o legado da Psicanálise Freudiana que, ao atribuir à dinâmica psíquica e seus determinantes culturais a chave da subjetividade, questiona as possibilidades de satisfação do homem na civilização. Na segunda parte, a temática da moda é revisitada a partir das nuances da história, de seu estatuto moderno, de seus componentes lúdicos e de sua estruturação capitalista. Ao analisar a moda como um fenômeno múltiplo, busca-se refletir como seu dispositivo de funcionamento atua nos níveis individual e social, alcançando o status de modelo universal e de objeto vendável da indústria cultural. Na terceira parte propõe-se compreender, a partir dos fenômenos do consumismo e do culto ao corpo, como tais modalidades representam caminhos possíveis dos (des)encontros da subjetividade com a moda. Abordando o consumismo como o mecanismo compulsivo da moda e a corpolatria como sua massa de modelar, acredita-se aproximar da atuação da moda na construção da subjetividade, qual seja, a de prestar ao mundo simbólico dos signos e objetos a validade de transformações objetivas e de investimentos psicológicos obstacularizados na realidade. ______________________________________________________________________________________ ABSTRACT / This dissertation has its way in the relation of fashion with subjectivity. Its major objective is to verify which are the possible relations of fashion as a cultural phenomenon with the formation of subjectivity, especially at Modernity and Contemporaneity. In this theorical paper, the survey of culture and subjectivity fundamental factors developments are approached in the measure in they characterize fashion as a cultural production full off subjectivity. Thus, the dissertation divides itself in three parts. In the first one, the point of subject’s constitution is historically contextualized and worked through by the modern perspective, in which appear human prerogatives related to individuality, freedom and autonomy fundamental to the emergency of capital and fashion cultural forms. This subject’s analysis is a tribute to the new manners of living sociability in a world which the responsibility for the success of modern endeavor is more and more given to the subject himself. The other side of the discover of this autonomy is also discussed considering the legacy of Freudian Psychoanalysis that, by giving the key of subjectivity to psychic dynamic and its cultural determinants, questions the satisfaction possibilities of man in the civilization. In the second part, the theme of fashion is revisited from its history nuances, its modern statute, its fantasists components and its capitalist structure. By analyzing fashion as a multiple phenomenon, is intended to reflect upon how its operation acts on individual and social levels, reaching the status of universal model and of saleable cultural industry object. In the third part, is aimed to understand, from the consumerism and body cult phenomenons, how these modalities represent possible ways of the hits and misses of subjectivity with fashion. Approaching consumerism as the compulsive mechanism of fashion and the body worship as its modeling clay, it is believed that fashion’s act is neared to subjectivity’s construction, which is, the giving service to the symbolic signs and objects world the validity of objective transformations and of psychological investments hindered at reality.
29

Conscientização e expressividade corporal com base na Educação Somática : reflexões, diretrizes e repertório de temas para estudo do movimento

Souza, Elisa Teixeira de 09 July 2016 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Artes, Programa de Pós-Graduação em Artes, 2016. / Submitted by Albânia Cézar de Melo (albania@bce.unb.br) on 2016-10-19T12:53:21Z No. of bitstreams: 1 2016_ElisaTeixeiradeSouza.pdf: 8420521 bytes, checksum: 75452f461afc951c22ad7716a7470056 (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana(raquelviana@bce.unb.br) on 2016-12-19T12:30:44Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_ElisaTeixeiradeSouza.pdf: 8420521 bytes, checksum: 75452f461afc951c22ad7716a7470056 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-12-19T12:30:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_ElisaTeixeiradeSouza.pdf: 8420521 bytes, checksum: 75452f461afc951c22ad7716a7470056 (MD5) / Esta tese discute conceitos, questões e experiências referentes ao universo da conscientização e expressividade corporal tendo como base investigativa aspectos conceituais e empíricos da Educação Somática. O movimento somático é o foco da pesquisa, no que concerne à sua peculiaridade circunstancial e expressividade latente de poética corporal. Ao longo da tese: é feita uma discussão que aborda aspectos epistemológicos e históricos do campo da Educação Somática; são apresentadas questões referentes a processos corporais vitais relacionados com o movimento somático; são expostos fundamentos e princípios norteadores do trabalho de desenvolvimento da expressividade somática, assim como modos de trabalho e linhas de investigação; é apresentada uma proposta conceitual para o movimento expressivo somático, a qual envolve, dentre outros, os conceitos 'fluxos da somatização', 'poética do soma' e 'movimento somatopoético'; e é realizada uma exposição e problematização de temas para estudo reflexivo e experimental do movimento. _________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / This thesis discusses concepts, questions and experiences related to the universe of body awareness and body expressiveness from a research base consists of conceptual and empirical aspects of Somatic Education or Somatics. The circumstantial specificity and potentially poetic expressiveness of the somatic movement is the focus of research. Throughout the thesis: it is made a discussion that addresses epistemological and historical aspects of the field of Somatics; questions are tabled on the vital bodily processes related somatic movement; grounds and guiding principles for a somatic expressiveness development work are exposed, as well as working methods and research lines; a conceptual proposal is presented to the somatic expressive movement, which involves, among others, the concepts 'flows of somatization', 'poetics of soma' and 'somatopoético movement'; and it is made an exhibition and problematization of themes for reflective and experimental study in body movement.
30

Influência do corpo humano sobre terminais de comunicação móvel e análise do erro da modelagem de canais de Kronecker

Santos Júnior, Marcos Patricio dos 27 February 2013 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Tecnologia, 2013. / Submitted by Alaíde Gonçalves dos Santos (alaide@unb.br) on 2013-07-05T14:39:42Z No. of bitstreams: 1 2013_MarcosPatriciodosSantosJunior.pdf: 16873337 bytes, checksum: 164a319508cb75750abe38e251241f2b (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2013-07-08T12:57:55Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2013_MarcosPatriciodosSantosJunior.pdf: 16873337 bytes, checksum: 164a319508cb75750abe38e251241f2b (MD5) / Made available in DSpace on 2013-07-08T12:57:55Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2013_MarcosPatriciodosSantosJunior.pdf: 16873337 bytes, checksum: 164a319508cb75750abe38e251241f2b (MD5) / Este trabalho foi dividido em duas partes. A primeira apresenta uma caracterização estatística do canal de comunicação sob a influência do corpo humano no terminal móvel, utilizando o conceito de super antena e modelos baseados em geometria estocástica. A influência dos perturbadores sobre o canal é percebida pela modificação dos diagramas de irradiação das antenas. Elementos PIFA, muito usados em terminais móveis por serem multi-bandas, são usados na montagem do terminal multi-antena, e a grande variação de posições e formas de segurar o terminal pelo modelo humano simulado possibilitou o estudo estatístico proposto. Concluímos neste trabalho que o corpo humano muda o canal de comunicação de uma distribuição Nakagami a uma Weibull para os cenários estudados. Além disso, a presença do corpo humano no campo próximo da antena resulta em uma pior taxa de cruzamento de nível, proporcional à distância entre o terminal e perturbadores. A segunda parte apresenta uma análise do desempenho do modelo de Kronecker. Este é comumente utilizado no projeto e análise esquemas de transmissão para sistemas MIMO. Este modelo é importante para se obter soluções matematicamente tratáveis, porém é criticado por ser irrealista. Neste trabalho é apresentada uma solução matemática para se determinar canais cujas estatísticas sejam tão longe de Kronecker quanto possível. O objetivo disto é mensurar o preço a ser pago por se utilizar um modelo tão simples e popular na literatura. Foram feitos estudos de casos utilizando algoritmos desenvolvidos a partir do modelo de Kronecker, a fim de avaliar a sua robustez. Os resultados obtidos indicam que, para os casos onde se busca obter uma alocação ótima de potência no transmissor e no projeto de sinais pilotos a suposição de Kronecker pode ser usada no desenvolvimento do algoritmo e proporciona um desempenho que é próximo ao ideal também para canais nos quais Kronecker não possui bom ajuste. Já para o terminal na presença do corpo humano, verifica-se que o modelo de Kronecker possui pior ajuste quando comparado com o cenário em que o terminal se encontra isolado. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT / This study was divided in two parts. The first part presents a statistical characterization of communication channel under influence of the human body on mobile terminal using the concept of super antenna and geometry-based stochastic models. The disturbances are inserted into the channel through modified radiation patterns. Multi-band PIFA elements are used in the assembly of the multi-antenna terminal. Many terminal positions are set resulting in different interactions between body, terminal and propagation channel. This large variety of positions enables the statistical study. We have concluded in this work that the human body changes the communication channel from a Nakagami to a Weibull distribution for the studied scenarios. Furthermore, its presence in antenna near field results in worse level cross rating proportional to the distance between the terminal and disturbers. The second part presents a performance analysis of the Kronecker model. This is commonly used in the analysis and design transmission schemes for MIMO systems. This model’s advantage is that mathematically tractable solutions can be obtained, but it is criticized for being unrealistic. This work presents a mathematical solution for determining channel parameters whose are as far as possible from Kronecker. The goal of this is to quantify the price to be paid for using a simple and popular model as Kronecker. Case studies are carried-out using algorithms based on the Kronecker model in order to assess their robustness. The results indicate that the Kronecker assumption can be used for obtaining a closed solution for cases where it seeks to obtain an optimal power allocation at the transmitter. Besides, this solution provides a close to ideal performance also for channels that could not be modeled by Kronecker model. Similar results are observed for a pilot signal design for channel estimation using the same assumption. Nevertheless, for the terminal in the presence of the human body, the results indicate an inefficient channel representation when the Kronecker model is used.

Page generated in 0.1023 seconds