• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 840
  • 11
  • 10
  • 8
  • 4
  • 4
  • 4
  • 3
  • 1
  • Tagged with
  • 179
  • 159
  • 149
  • 128
  • 121
  • 94
  • 79
  • 73
  • 69
  • 69
  • 66
  • 65
  • 63
  • 62
  • 59
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
51

A invenção do Padre: genealogia da subjetivação clerial em seminários católicos The invention of the Father: genealogy clerial subjectivity in Catholic seminaries

Marcio José de Araujo Costa 18 July 2008 (has links)
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro A presente pesquisa investiga a produção de subjetividade em seminários católicos. Por meio de diversos teóricos, girando em torno do eixo conceitual da Análise Institucional (em sua vertente socioanalítica e, principalmente, esquizoanalítica), pesquisou-se um importante seminário católico diocesano na região Sudeste, um dos primeiros fundados no Brasil. Um seminário é a instituição de internato em que muitos homens vivem, estudam e trabalham, durante oito anos em média, para se tornarem padres. Nossa pesquisa de campo utilizou-se da observação participante, oriunda da antropologia e sociologia, em diversas visitas ao estabelecimento, durante as quais fomos autorizados a participar de todas as atividades dos 110 seminaristas internos. Em seguida, alguns seminaristas, de todas as etapas da formação, e todos os 5 padres formadores foram entrevistados. Recorremos a entrevistas abertas de história de vida, segundo os procedimentos da História Oral italiana. Guiados pela distinção da filosofia de Spinoza de três gêneros de conhecimento, buscamos dramatizar a formação clerical em três níveis de compreensão: os Signos ou afectos, as Noções ou conceitos, as Essências ou perceptos. Por meio dessa trajetória, constatamos o predomínio da dimensão do instituído e de uma modelização homogeneizadora de tipo romana, resultando em que os clérigos ali formados se fechem em uma identidade sacerdotal claramente identificável e encapsulada na obediência aos centros de poder eclesiais: a Cúria romana, a Mitra diocesana e a Paróquia. Busca-se, na formação, reproduzir a subjetividade serializada segundo um Modelo sacerdotal institucionalizado, no qual as dimensões litúrgica e disciplinar são ressaltadas, em detrimento das dimensões místico-políticas sendo a perseguição à Teologia da Libertação um importante analisador dessa característica. A constante vigilância da pureza doutrinal, litúrgica, organizacional e teológica indicou-nos a pressão em reprimir a dimensão místico-profética, que range, querendo se expressar. Em vista disso, bem como de inúmeros outros analisadores, conceitos e personagens produzidos ao longo da pesquisa, pudemos constatar que o desejo clerical, modulado na formação seminarística, oscila entre dois pólos: um pólo sacerdotal-romano-paranóico e um pólo profético-libertador-esquizo. No primeiro, há redução à identidade hegemônica nascida nos centros de poder eclesiais, fechando-se à diferença, na busca de um projeto de imortalidade frente às intempéries da vida e transformações da História, produzindo práticas hierárquicas a partir de um pensamento de caráter transcendente, representativo. No segundo pólo, há busca de singularização, nascida do seguimento a Jesus, o conseqüente compromisso com os menores e excluídos dentro e fora da Igreja e o processo inerente a esta produção de sentido, criando-se, em conseqüência, uma radical imanentização da vida cristã e de seus pólos e transcendências: material/espiritual, fé/vida, Igreja/Mundo, mística/política. O seminário pesquisado, indicador das transformações micropolíticas da Igreja contemporânea, produz hegemonicamente um desejo sacerdotal-romano-paranóico, forjando funcionários do poder da Igreja, burocratas do aparelho de Estado romano, aplicadores de suas rubricas litúrgicas e normas doutrinais e morais, e não profetas do Reino de Deus, máquinas de guerra libertadoras quanto a tudo o que oprime a potência da vida e suas inauditas expressões singulares. The present search investigates the production of subjectivity at catholic seminaries. Through several theorics, turning around the Institutional Analysis concept axis (in its socianalytical source and, mainly, schizoanalytical), a important diocesan catholic seminary at Southeastern region, one of the first founded in Brazil, was explored. A seminary is a boarding institution where many men live, study and work, during eight years on average, to become priests. Our field research used participant observation, from anthropology and sociology, in sundries visits to the establishment, during which we were allowed to participate in all seminarians activities. Afterwards, some seminarians, all training stages, and all trainers priests were interviewed. By the life history open interviews recourse, according to the italian Oral History procedures. Guided by the Spinozas philosophys distinction of three knowledge genders, we look for dramatize the clerical training in three understanding levels: the Signs or affects, the Notions or concepts, the Essences or percepts. Through this path, we caught the predominance of the instituted dimension and of the roman type homogenization standart, resulting that the clegyrmen who take degree there get close in to a clearly identifiable priesthood identity and encapsulated in obedience to the ecclesiastic power centers: the roman Curia, the diocesan Mitra and the Parish. The purpose, during the training, is to play the serialized subjectivity according to a established priesthood Model, in wich the liturgical and disciplinary dimensions are highlighted, over mystical-politics damaged dimensions the persecution to the Liberation Theology is an important analyser of this feature. The constant surveillance of doctrinal, liturgical, theological and organizational purity indicated us the pression on repress the mystical-prophetic dimension, and its creaks, wishing for express itself. In view of that, as well as numberless others analysers, concepts and characters produced along the survey, we could see that the clerical desire, modulated in the seminaristic training, oscillates between two poles: a priesthood-roman-paranoid pole and a prophetic-liberating-schizo pole. In the first, there is the reduction to the hegemonic identity borned in the ecclesiastics power centers, shutting off the difference, in the search way for a immortality project in face of the lifes storms and Historys changes, producing hierarchical practices from a thought of trancendent, representative kind. In the second pole, there is the search for singling, derived from the Jesus following, the concomitant commitment to the minors and excluded from within and outside the church and the inherent process in this sense production, creating, as consequence, a radical magnetization of Christian life and also of its poles and transcendencies: material/spiritual, faith/life, Church/World, mystical/ politics. The examineted seminary, a contemporary church micropolitical changes indicator, produces in a hegemony way a priesthood-roman-paranoid wish, forging Church power officials, roman state apparatus bureaucrats, its liturgical rubrics applicants and doctrinal and moral rules, and not Gods Kingdom prophets, wars machines setting life power and its unheard singular expression free from everything that oppress them.
52

Estratégias terapêuticas no tratamento da dor crônica: uma genealogia da Clínica da Dor Therapeutic strategies in the treatment of chronic pain: A genealogical study of the Pain Clinic

Raquel Alcides dos Santos 8 May 2009 (has links)
O objetivo desse trabalho é analisar a singularidade das estratégias terapêuticas introduzidas pelo modelo das Clínicas da Dor, através de um estudo genealógico desse projeto terapêutico e sua contextualização no âmbito da racionalidade científica moderna. Mais especificamente, pretende-se analisar as transformações na racionalidade médica que permitiram, sucessivamente, a apreensão da dor pelo discurso médico, a concepção da dor como uma doença e a construção e a consolidação do modelo terapêutico das Clínicas da Dor. Para tal, inicialmente, analisamos o modelo terapêutico desenvolvido pelo médico anestesista John Bonica, idealizador do modelo das Clínicas da Dor, destacando as ferramentas conceituais que possibilitaram a compreensão da dor crônica como doença e como fenômeno biopsicossocial. Num segundo momento, realizamos uma descrição e análise dos principais eventos que permitiram a consolidação da medicina da dor como uma prática específica e multidisciplinar, dando destaque à inserção deste modelo no contexto do Sistema Único de Saúde Brasileiro. Finalmente, a partir de uma experiência clínico-institucional buscamos refletir sobre os limites e possibilidades da aplicação prática deste modelo, lançando luz sobre os impasses da clínica e tensões oriundas da problematização, do dualismo mente e corpo e das práticas terapêuticas interdisciplinares. The aim of this work is to analyze therapeutic strategies singularities that have begun by the Pain Clinics, through a genealogical study of this therapeutic project and its place on the modern scientific rationality. More specifically, we intend to analyze changes in medical rationality that allow the comprehension of pain by the medical thinking, the understanding of Pain as a disease and the building and consolidation of Pain Clinics therapeutic models. In this way, it was analyzed the therapeutic thinking developed by Bonica, anesthesiologist, that idealized the new model of pain Clinics, detaching the new conceptual instruments that enabled the understanding of pain as a disease and a biopsychosocial phenomenon. Forth with we described and analyzed the main events that allowed the pain medicine as specifical practice, emphasizing the insertion of Pain Clinics in SUS (Brazilian Unified Health System). At last, based on an institutional experience, we tried to think about the bounds and possibilities in the feasibility of this model, enlighten the tensions and stalemates about the mindbody dualism problems and the diversity of different therapeutic practices.
53

Genealogia do atomismo Genealogy of atomism

Fernando dos Santos Modelli 28 November 2013 (has links)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Esta dissertação propõe-se a trabalhar com a questão da individualidade no ocidente. Sendo este problema muito amplo, busca-se restringir a questão a duas conceituações: o atomismo concebido de forma geral por Charles Taylor e a genealogia segundo Michel Foucault. Ambos os conceitos são formas de dar um melhor entendimento ao movimento utilitarista dos séculos XVIII e XIX, principalmente tendo um enfoque nas obras de Jeremy Bentham e John Stuart Mill. O atomismo é um problema teórico que busca integrar, de forma relativamente polêmica, até mesmo confundindo, a moral social à moral individual. O utilitarismo resolve tal dilema de duas formas: pela economia e pela política dizendo que a última está em função da primeira e que ambas direcionam-se à busca da felicidade e/ou do prazer. A genealogia é uma metodologia que permite pensar a história como ruptura e descontinuidade, ou seja, um aprofundamento histórico sobre as relações de poder que formam as conceituações. A interpretação da fuga política e econômica do utilitarismo será vista na teoria do poder formulada por Foucault. Espera-se que, assim, o trabalho consiga ter uma visão crítica da individualidade, a partir das ideias de um movimento moderno que foi essencial para a teoria política. De um lado, a preocupação histórica com um movimento dos séculos XVIII e XIX. Do outro lado, uma discussão de poder, histórica, sobre estes períodos na obra de Foucault. Trata-se, portanto, de uma dissertação que busca construir uma genealogia do atomismo a partir das obras de Charles Taylor e Michel Foucault. This dissertation proposes to work with the issue of individuality in modern European culture. This problem is too broad; the dissertation seeks to restrict this question to two concepts: Atomism as proposed by Charles Taylor and genealogy as proposed by Michel Foucault. Both concepts are ways to get a better understanding of the Utilitarian movement in the eighteenth and nineteenth century. Atomism is a theoretical problem of integrating, or even confusing, social morality to individual morality. Utilitarianism solves this dilemma with two solutions: economy and politics, in which the last is directed by the former and guarantees the pursuit of happiness, at least ideally. Genealogy is a way of thinking about history as rupture and discontinuity; a deeper history on relations of power that shape our concepts. The political and economic escape of utilitarianism will be put in terms of a theory of power developed by Michel Foucault. The expected result is a critical work about individualistic viewpoints, derived from the ideas of a modern movement that was essential for political theory. On one hand, there is a historical concern with a movement of the eighteenth and nineteenth centuries. On the other hand, we have a discussion of power and history about these periods as presented in the works of Foucault. Therefore, we have a genealogy of atomism based on Charles Taylor and Michel Foucault.
54

Uma genealogia das politicas para creche no Brasil : Estado e infancia de 1899-1920 A genealogy of public policies for the day-care-centers in Brazil : State and childres (1899-1920)

Mello, Debora Teixeira de 2008 (has links)
Orientador: Maria Evelyna Pompeu do Nascimento Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação Made available in DSpace on 2018-08-11T05:41:40Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Mello_DeboraTeixeirade_D.pdf: 5431354 bytes, checksum: 585a8d5eed3a6d2b1d945e85f10d7630 (MD5) Previous issue date: 2008 Resumo: Com este estudo, buscamos investigar a constituição de uma política nacional no Brasil para a criança pequena, a partir da criação da instituição creche. O estudo abrange o final do século XIX ¿ do ano de 1899, com a criação do Instituto de Proteção à Infância (IPAI) no Rio de Janeiro ¿ até o início do século XX, quando ações do Estado são direcionadas na busca da preservação da infância brasileira, passando a ter uma legislação específica para esse fim. A propagação dos saberes científicos como a Puericultura, a Pediatria e a Pedagogia elegeu a criança como objeto de estudo e intervenção. Celebrar a infância passou a ser o ideal de uma nação civilizada, e a creche passa a ser difundida como instituição de preservação da pequena infância. Nesse contexto, analisa-se, em primeiro lugar, a campanha em favor da assistência à infância, que se converteu em pauta para os diversos atores sociais (médicos, juristas, filantropos, representantes da Igreja e políticos) reunidos em torno da mesma causa quando o crescente interesse pela criança colocou em debate a capacidade do Estado em responder efetivamente ao problema da infância; em segundo lugar, analisam-se os modelos assistenciais de natureza diversa implementados no país para responder à causa da infância; e, em terceiro lugar, analisam-se as políticas públicas direcionadas à pequena infância a partir da origem da instituição creche no Brasil, com ênfase no discurso médico-higienista e sua influência na consolidação dessas políticas Abstract: With this study, we tried to investigate the formation of a national policy in Brazil for small child after the creation of the Day-Care-Center Institution. The study comprehends the end of the nineteenth century ¿ from 1899, with the creation of the Child Protection Institute (IPAI) in Rio de Janeiro ¿ to the beginning of the twentieth century, when State actions are aimed at the protection of Brazilian children, and start having a specific legislation for that. The propagation of scientific knowledge, such as the Child Development Studies, the Pediatrics and the Pedagogy, has selected the child as object of study and intervention. Celebrating the Children has become the target of a civilized nation, and the Day-Care-Center begins to be considered as the institution for the protection of the small children. In this context, we analyze first the campaign for the assistance to children, which became the subject for several social activists (doctors, jurists, philanthropists, Church representatives and politicians), gathered for the same cause when the increasing interest for the children has put into discussion the competence of the State in effectively dealing with the problem of children. Secondly, we analyze the different kinds of assistance used in the country to serve the children¿s cause. Finally, we analyzed the public policies aimed at the small children after the origin of the Day-Care-Center Institution in Brazil, emphasizing the sanitary-doctor discourse and its influence in the effectiveness of these policies Doutorado Politicas de Educação e Sistemas Educativos Doutor em Educação
55

Para uma genealogia da corrupção

Silva, Fabio Luiz Lopes da 1992 (has links)
Orientador: Kanavillil Rajagopalan Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Estudos da Linguagem Made available in DSpace on 2018-07-18T04:09:32Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Silva_FabioLuizLopesda_M.pdf: 3283080 bytes, checksum: d115bc27cb677d4cb07e8099f8d242ce (MD5) Previous issue date: 1992 Resumo: A recente multiplicação dos enunciados acerca da corrupção no interior do aparelho estatal brasileiro constitui um fenômeno regularmente pontuado por um elenco de deslocamentos lexicológicos logicamente redutível à metáfora da doença. A medicina é certamente um conjunto de conhecimentos e procedimentos dotado de um vocabulário próprio; mas é também uma tecnologia de poder, conforme mostram sobejamente as genealogias foucauldianas. Segundo a nossa hipótese - linguisticamente fundada nas idéias de Lakoff e Johnson - a gigantesca cruzada contra a corrupção que se opera atualmente no Brasil, ao tomar seu objeto como se fosse doença, transporia toda essa tecnologia de poder em favor de uma estratégia surpreendente: é precisamente o Estado tido, em geral, como a instância central e exclusiva de poder - o alvo da minuciosa revista que rastreia os sintomas, persegue a etiologia e recomenda os tratamentos para o mal insidioso representado pela corrupção Abstract: The recent proliferation of statements concerning corruption within the apparatus of the Brazilian Governments may be seen as phenomenon marked, with an astonishingly high degree of regularity, by arrange of lexical deflections, all of which turn to be the single metaphor of illness. Reduzible to Medical science is, for sure, a body of knowledge and procedures with its own specific vocabulary; however, it is also a technology of power, as amply demonstrated in Foucault's genealogies. Our hipothesis -" linguistically based upon the ideas of Lakoff and Johnson is that, in viewing its object as if it were a disease, the gigantic crusade against corruption currently in cause this tecnology of power in favour of a intriguing strategy: Channels it is precisely the State commonly looked upon as nervecenter and seat exclusive of power that is the ultimate target of this punctilious examinations that purports to diagnose the symptoms, to trackdown the etiology and to precribe remedial treatments for this insidious evil represented by corruption Mestrado Linguistica Mestre em Linguística
56

Nietzsche e a genealogia da verdade Nietzsche and the genealogy of truth

Monteiro, Átila Brandão 2016 (has links)
MONTEIRO, Átila Brandão. Nietzsche e a genealogia da verdade. 2016. 132f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Filosofia, Fortaleza (CE), 2016. Submitted by Márcia Araújo (marcia_m_bezerra@yahoo.com.br) on 2016-06-15T12:16:06Z No. of bitstreams: 1 2016_dis_abmonteiro.pdf: 1015767 bytes, checksum: 4f0b6b0d247f7209cd4c286f0b665803 (MD5) Approved for entry into archive by Márcia Araújo (marcia_m_bezerra@yahoo.com.br) on 2016-06-15T13:13:47Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_dis_abmonteiro.pdf: 1015767 bytes, checksum: 4f0b6b0d247f7209cd4c286f0b665803 (MD5) Made available in DSpace on 2016-06-15T13:13:47Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_dis_abmonteiro.pdf: 1015767 bytes, checksum: 4f0b6b0d247f7209cd4c286f0b665803 (MD5) Previous issue date: 2016 This dissertation aims to provide an interpretation about the set of reflections developed by the German philosopher Friedrich Nietzsche around the notion of truth. Such reflection is carried out from different points of view present in his work, trying to observe how articulate the ideas of truth and life, with the thread of the notion of "will to truth". I seek, on the one hand, articulate the moments in which the philosopher undertakes criticism of the notion of truth, first directed to the metaphysical truths, but pointing and investigating at the same time, to the notion of veracity, as it passes the it is understood as the likely source of that. Then attempt to understand, in the wake of reflection on the veracity, how Nietzsche develops this critical and gives it a new direction with an existential and normative sense (since elects a criterion from which to assess the value of moral values), from the preparation of its genealogical procedure. The result of such reflections are essential to understanding the “will to truth” idea and also a possible sense of the truth to the philosopher. A presente dissertação objetiva fornecer uma interpretação acerca do conjunto de reflexões desenvolvidas pelo filósofo alemão Friedrich Nietzsche em torno da noção de verdade. Tal reflexão é realizada a partir dos diferentes pontos de vista presentes em sua obra, procurando observar como se articulam as ideias de verdade e de vida, tendo como fio condutor a noção de “vontade de verdade”. Procuro, por um lado, articular os momentos em que o filósofo empreende críticas à noção de verdade, direcionadas primeiramente às verdades da metafísica, mas que apontam e investigam, ao mesmo tempo, para a noção de veracidade, na medida em que esta passa a ser entendida como a provável origem daquela. Em seguida, intento entender, na esteira da reflexão sobre a veracidade, como Nietzsche desenvolve esta crítica e dá a ela um novo direcionamento com um sentido existencial e normativo (uma vez que elege um critério a partir do qual é possível avaliar o valor dos valores morais), a partir da elaboração do seu procedimento genealógico. O resultado de tais reflexões são essenciais para a compreensão da ideia de vontade de verdade e, igualmente, de um sentido possível da noção verdade para o filósofo.
57

Arqueologia, genealogia e ética em formações discursivas de organização profissional docente Arqueology, genealogy and ethics in discursive formations of teacher professional organization

Alcione Gonçalves Campos 21 September 2017 (has links)
Esta pesquisa está inserida na área da Linguística Aplicada, no campo de Identidade Profissional Docente, com foco de investigação na constituição histórica da Associação dos Professores de Língua Inglesa do Estado do Paraná – APLIEPAR e na (re)construção identitária do professor de Língua Inglesa. O objetivo geral é problematizar a (re)construção identitária profissional docente, a partir de práticas discursivas e não discursivas da APLIEPAR. Os objetivos específicos são: 1. Inventariar e catalogar documentos-monumentos relativos à organização; 2. Recompor o percurso existencial da organização, desde seu nascimento (surgimento) aos dias atuais, enfocando fenômenos de continuidade, ruptura, dissipação e transformação; 3. Descrever e interpretar enunciados (re)produzidos no âmbito da APLIEPAR. Os dados são compostos de documentos históricos da Associação e entrevistas conduzidas com as ex-presidentes da APLIEPAR. A unidade de análise é o Discurso, especificamente Formações Discursivas, sob perspectiva teórico-metodológica da Análise de Discurso Foucaultiana, na qual os enunciados são entendidos como um modo de constituir a si e a outros e de produzir verdades. A pesquisa caracteriza-se, assim, como um estudo de caso de perspectiva histórico-discursiva e de natureza qualitativa alinhada aos pressupostos do paradigma crítico. Adota-se a postura epistemológica do construcionismo social, segundo a qual a linguagem é uma forma de poder, e o mundo, a realidade e os objetos são fruto de construção que se dá em práticas de interação social historicamente situadas e mediadas pela linguagem. A concepção de identidade que embasa o estudo está em consonância com uma perspectiva não essencialista e discursivamente orientada, na qual se enfatiza o aspecto relacional, ou seja, a construção de identidades se dá em relação ao contexto social, histórico e cultural. A partir das descrições e interpretações dos dados feitas com base nesse desenho metodológico, defende-se a tese de que a APLIEPAR se constituiu historicamente em um dispositivo no qual micro relações de poder autorizadas pelo saber institucional exerceram uma forma de governamentalidade sobre os professores, estabelecendo normas de conduta profissional, ao mesmo tempo em que se constituiu como um dispositivo ético de cuidado de si e do outro. This research is set in the area of Applied Linguistics, in the field of Teacher Professional Identity, and it focuses on the historical constitution of the English Language Teacher Association of the State of Paraná (APLIEPAR) and the identity construction of the English Language Teacher. The general objective of this investigation is to problematize teacher professional identity (re)constitution based on discursive and non-discursive practices by APLIEPAR. The specific objectives are: 1. To amass and catalog documents-monuments related to the organization; 2. To compose the existential course of the organization, from its birth (emergence) to the present day, focusing on phenomena of continuity, rupture, dissipation and transformation; 3. To describe and interpret statements (re)produced within APLIEPAR. Data consist of the association’s historical documents and interviews conducted with each president. The unit of analysis is the Discourse, specifically Discursive Formations, in the theoretical and methodological perspective of the Foucauldian Discourse Analysis, in which statements are understood as a way to constitute the self and others and to produce truths. The research is thus characterized as a case study of historical-discursive perspective, of qualitative nature aligned with the assumptions of the critical paradigm. The epistemological posture adopted is the social constructionism, according to which language is a form of power and the world, reality and objects are the result of a construction that occurs in social interactive practices historically situated and mediated by language. The concept of identity espoused is non-essentialist and discursively oriented, in which the relational aspect is emphasized, that is, the construction of identity is understood in relation to the social, historical and cultural context. Based on the methodological design described above, the descriptions and interpretations afforded by the research work led to the thesis that APLIEPAR was historically constituted as a dispositif in which micro relations of power authorized by the institutional knowledge exerted a form of governmentality on teachers, establishing norms of professional conduct, at the same time that it was constituted as an ethical dispositif of care of the self and the other. of historical-discursive perspective, of qualitative nature aligned with the assumptions of the critical paradigm. The epistemological posture adopted is the social constructionism, according to which language is a form of power and the world, reality and objects are the result of a construction that occurs in social interactive practices historically situated and mediated by language. The concept of identity espoused is non-essentialist and discursively oriented, in which the relational aspect is emphasized, that is, the construction of identity is understood in relation to the social, historical and cultural context. Based on the methodological design described above, the descriptions and interpretations afforded by the research work led to the thesis that APLIEPAR was historically constituted as a dispositif in which micro relations of power authorized by the institutional knowledge exerted a form of governmentality on teachers, establishing norms of professional conduct, at the same time that it was constituted as an ethical dispositif of care of the self and the other.
58

O urbanismo dos arquitetos : genealogia de uma experiência de ensino

Mello, Bruno César Euphrasio de 2016 (has links)
Este é um trabalho historiográfico. Realiza uma genealogia do ensino de urbanismo na Faculdade de Arquitetura da UFRGS (FA-UFRGS). Busca, com isso, compreendê-lo e identificar seus sentidos subjacentes. Para tanto, recupera a trajetória do ensino da arquitetura e do urbanismo nas instituições que a deram origem – a Escola de Engenharia e o Instituto de Belas Artes – e percorre suas três primeiras décadas de existência. O recorte temporal se encerra nos anos 1970, momento em que ocorrem fatos que se revelariam capitais para o programa de ensino até hoje oferecido pela instituição: a extinção do curso de urbanismo, existente desde os anos 1940, a criação do Programa de Pós-Graduação em Planejamento Urbano e Regional (PROPUR) e a “migração” dos conteúdos do curso desaparecido ao PROPUR e à graduação em arquitetura. A tese sustenta que, na FA-UFRGS – desde o início, e até hoje – o ensino do urbanismo é tributário de saberes e práticas análogos aos do ensino da arquitetura, voltados essencialmente para o projeto de edificações. Sendo assim, a instrução em urbanismo buscou desenvolver a aptidão para elaborar projetos, entendidos como momento de síntese dos conhecimentos-diretores da produção de artefatos, em ponto grande ou pequeno (Alberti). Este seria o eixo central, o tronco ou a espinha dorsal do ensino de urbanismo naquela instituição, abordado finalmente como uma extensão (marginal) da arquitetura. O trabalho dialoga teórico e metodologicamente com a pesquisa historiográfica. De um lado, com a história dos conceitos, que articula seus sentidos a um tempo. Mas também com aquela que trata da constituição do urbanismo como domínio de saberes e práticas. Todavia, o faz a partir de corpo documental pouco usual, relativo ao ensino. This is a historiographical study on the genealogy of urban planning teaching at the School of Architecture of the Federal University of Rio Grande do Sul, Brazil (FA-UFRGS), aiming at understanding and identifying its underlying directions. It retraces the first three decades of the history of architecture and urban planning from its origins - the School of Engineering and the Institute of Fine Arts. The last period studied is the 1970s, when landmarks of the current trajectory were established: the extinction of urban planning course that existed since the 1940s, the creation of the Graduate Program in Urban and Regional Planning (PROPUR) and the "migration" of the contents of the extinct course to PROPUR and to the undergraduate course in architecture. The thesis argues that at FA-UFRGS, since the beginning and until today, urban planning teaching is secondary to knowledge and practices applied in the teaching of architecture, essentially focused on building design. Therefore, urban planning education has sought to develop skills to develop projects, understood as the synthesis between guiding knowledge and the production of artifacts, according to Alberti. This is be the central axis, the trunk or the backbone of urban planning teaching, which has been essentially approached as an (marginal) extension of architecture. This thesis establishes a theoretical and methodological dialogue with historiographical research. On one hand, the history of concepts that links their meanings to a determined period, and on the other hand, it also discusses urban planning as a domain of knowledge and practices. However, this discussion is made from an unusual perspective – that of teaching.
59

A genealogia das relações de gênero no Brasil através dos discursos das colunas de Clarice Lispector em 1959 e em 1960 The genealogy of gender relations in Brazil through the speeches of Clarice Lispector speakers in 1959 and 1960.

Sopelsa, Kaoana 3 March 2017 (has links)
Submitted by Neusa Fagundes (neusa.fagundes@unioeste.br) on 2018-02-20T20:03:08Z No. of bitstreams: 2 Kaoana_Sopelsa2017.pdf: 1362261 bytes, checksum: 141a880dd8e52fdaa162d2f90c23d5a0 (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Made available in DSpace on 2018-02-20T20:03:08Z (GMT). No. of bitstreams: 2 Kaoana_Sopelsa2017.pdf: 1362261 bytes, checksum: 141a880dd8e52fdaa162d2f90c23d5a0 (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Previous issue date: 2017-03-03 CLARICE LISPECTOR ACTED AS A COLUMN OF NEWSPAPERS IN THE MIDDLE CENTURY, ADVISING WOMEN ABOUT CONDUCTS, FORMULATING A POSSIBLE STEREOTYPE OF WOMAN. THROUGH THE BOOK FEMALE COURIER WE CONTACT THE AUTHOR'S SPEECH, WHERE THE ANALYSIS OF THE SPEECH ALLOWED US TO IDENTIFY THE DISCURSIVE OPERATION THAT GENEALOGICALLY PERCORNED FROM THE HIGH TO THE DOWN, PERPASSING BY THE DEVICES OF THE NORMATIVE SPEECH THE AUTHOR LIVES. THE FUNDAMENTAL ISSUE TO BE ANSWERED IS HOW THE AUTHOR IS POSITIONED ABOUT THE SOCIAL ROLES OF GENDER IN THE PERIOD REFERRED TO, CONSIDERING THE IMPACT THAT THEY PROVIDED IN FORMAL AND INFORMAL EDUCATION, AS A REFLECTION OF THE INFLUENCES AND DISCURSIVE INTERFERENCES. THE MAJOR PART OF THE EFFECTIVE SPEECH KEEPS THE FEMININE STAND, OF WOMAN WHO IS MOTHER AND WIFE, AND WELL SUCCESSFUL WHEN PRETTY. THERE ARE MOMENTS IN WHICH THE AUTHOR SEEMS TO TRANSGRESS THIS NORMATIVE SPEECH, BUT RETURN TO THE ARCHETYPE, BUT THEIR TRANSGRESSIONS BRING SIGNIFICANT REFLECTIONS ON THE NORMATIVITY.KEY WORDS: GENDER PAPERS, INFORMAL EDUCATION, CLARICE LISPECTOR JOURNALIST, FEMALE COLUMNS. CLARICE LISPECTOR ATUOU COMO COLUNISTA DE JORNAIS EM MEADOS DO SÉCULO XX, ACONSELHANDO MULHERES ACERCA DE CONDUTAS, FORMULANDO UM POSSÍVEL ESTEREÓTIPO DE MULHER. ATRAVÉS DO LIVRO CORREIO FEMININO ENTRAMOS EM CONTATO COM O DISCURSO DA AUTORA, ONDE A ANÁLISE DO DISCURSO NOS PERMITIU IDENTIFICAR O FUNCIONAMENTO DISCURSIVO QUE GENEALOGICAMENTE PERCORREU DO ALTO AO BAIXO, PERPASSANDO PELOS DISPOSITIVOS DO DISCURSO NORMATIVO QUE A AUTORA VIVENCIA. A QUESTÃO FUNDAMENTAL A SER RESPONDIDA É COMO A AUTORA SE POSICIONA ACERCA DOS PAPÉIS SOCIAIS DE GÊNERO NO PERÍODO REFERIDO, CONSIDERANDO O IMPACTO QUE ELES PROPORCIONARAM NA EDUCAÇÃO FORMAL E INFORMAL, COMO REFLEXO DAS INFLUÊNCIAS E DAS INTERFERÊNCIAS DISCURSIVAS. A MAIOR PARTE DO DISCURSO EFETIVADO MANTÉM O PADRAO FEMININO, DE MULHER QUE É MÃE E ESPOSA, E BEM-SUCEDIDA QUANDO BONITA. HÁ MOMENTOS EM QUE A AUTORA PARECE TRANSGREDIR ESSE DISCURSO NORMATIVO, PORÉM RETORNANDO AO ARQUÉTIPO, MAS SUAS TRANSGRESSÕES TRAZEM SIGNIFICATIVAS REFLEXÕES SOBRE A NORMATIVIDADE.
60

Straight edge: uma genealogia das condutas na encruzilhada do punk

Fernandes, Walisson Pereira 9 March 2015 (has links)
Made available in DSpace on 2016-04-25T20:21:19Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Walisson Pereira Fernandes.pdf: 3336996 bytes, checksum: 5e0932a05bfd9f262378354964e1b59b (MD5) Previous issue date: 2015-03-09 Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico Straight edge is the word used to describe persons who, in their everyday lives, are allied to the punk to not use substances considered addictive as alcohol, tobacco and psychoactive. Its beginnings derive from the late 1970s and early 1980s in the United States. However, the genealogical analysis of their practices through the centuries, going back to abstainers movements of the United States and England between the nineteenth and twentieth centuries and its ballast in the formation of moral, instilling in policy that determine behavior. With the emergence of punk in the 1970s as criticism of moralism, society and the state, the straight edge emerges in this context bringing a punk hygiene and, over the years, has become more violent and reductionist, emancipating itself from protoform and pouring a new ways to build and to solidify. The straight edge approached the environmental movements, looking to list anarchist aspects in their practice, but only reiterated other political forms that are linked more to progressivism that, in fact, to anarchism. In this purpose, several straight edgers who sought anarchism as a way of life, broke with the straight edge to proceed their libertarian path, and kept at the same time, the practical abstainers without the use of the nomenclature that identified previously. In Brazil, similar to what happened in the United States and Europe, the intensification of the straight edge scene brought also the anarchist cells of eruption for the construction of a group of vegan orientation appropriating an anarchist nomenclature for its consolidation among young libertarians causing not only the bedlam among their peers, but catches of anarchism and punk Straight edge é a palavra utilizada para descrever os sujeitos que, em suas vidas cotidianas, aliam-se ao punk de modo a não utilizarem substâncias consideradas viciantes, como álcool, tabaco e psicoativos. Seus começos derivam do final da década de 1970 e começo da década de 1980 nos Estados Unidos. No entanto, a análise genealógica de suas práticas atravessa os séculos, remontando aos movimentos abstêmios dos Estados Unidos e da Inglaterra entre os séculos XIX e XX e seu lastro na formação da moral, infundindo na elaboração de políticas que determinariam condutas. Com o surgimento do punk na década de 1970 como crítica aos moralismos, à sociedade e ao Estado, o straight edge emerge neste contexto trazendo uma higienização do punk e, com o passar dos anos, se tornou mais violento e reducionista, desvinculando-se de sua protoforma e vertendo novos meios para se construir e se solidificar. O straight edge aproximou-se dos movimentos ambientalistas, procurando elencar aspectos anarquistas em sua prática, mas reiterou apenas outras formas políticas que vinculam-se mais a progressismos que, de fato, aos anarquismos. Neste intento, vários straight edgers que procuraram os anarquismos como forma de vida, romperam com o straight edge para dar prosseguimento a sua trajetória libertária, e mantiveram, ao mesmo tempo, as práticas abstêmias sem o uso da nomenclatura que os identificava anteriormente. No Brasil, semelhantemente ao ocorrido nos Estados Unidos e na Europa, a intensificação da cena straight edge trouxe, ainda, o irrompimento de células anarquistas para a construção de um grupo de orientação vegana apropriando-se de uma nomenclatura anarquista para sua consolidação entre jovens libertários, causando não apenas a balbúrdia entre seus pares, mas capturas dos anarquismos e do punk

Page generated in 0.081 seconds