• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 8
  • Tagged with
  • 8
  • 8
  • 7
  • 6
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

A mídia e a infância: da exposição aos reflexos na escola no tocante à sexualidade / Media and childhood: from the exposure to the consequences in school regarding to sexuality

Pongeluppe, Maria Angélica Brizolari [UNESP] 14 September 2016 (has links)
Submitted by Maria Angelica Brizolari Pongeluppe null (angelicabrizolari@gmail.com) on 2016-10-05T18:07:44Z No. of bitstreams: 1 Maria A B Pongeluppe - Dissertação Mestrado.pdf: 1909580 bytes, checksum: e4b77b9300dc18fb42a7359decf84bd5 (MD5) / Approved for entry into archive by Juliano Benedito Ferreira (julianoferreira@reitoria.unesp.br) on 2016-10-05T18:29:17Z (GMT) No. of bitstreams: 1 pongeluppe_mab_me_arafcl.pdf: 1909580 bytes, checksum: e4b77b9300dc18fb42a7359decf84bd5 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-10-05T18:29:17Z (GMT). No. of bitstreams: 1 pongeluppe_mab_me_arafcl.pdf: 1909580 bytes, checksum: e4b77b9300dc18fb42a7359decf84bd5 (MD5) Previous issue date: 2016-09-14 / As crianças, cada vez mais precocemente, são apresentadas aos diferentes recursos midiáticos e, através deles, vão adentrando num atraente mundo que lhes oferece um sem número de possibilidades de entretenimento. Realizada numa escola pública de educação infantil de um bairro periférico da cidade de Araraquara – SP, a presente pesquisa objetivou levantar a exposição das crianças de cinco/seis anos a tais recursos, quais reflexos esta exposição pode gerar no tocante à sexualidade desvelando as percepções da docente acerca dessas manifestações. Com âncora nas discussões provenientes dos Estudos Feministas e dos Estudos Culturais, numa perspectiva pós-estruturalista de análise, foi possível compreender, de forma mais ampla, o quanto as crianças dessa faixa etária estão submersas em tecnologias, como aparelhos de televisão e celulares com acesso à Internet, em detrimento de outros tipos de atividades, com a anuência dos pais. A partir da compreensão de que a linguagem é o centro para a significação do mundo, consideramos a perspectiva foucaultiana para a análise do trabalho. Para tanto, fizemos usos de elementos da etnografia para a coleta de dados – etnografia de tela, observação, entrevista e análise documental - e assim, foi possível constatar que os diferentes artefatos culturais, destinados ao público estudado, veiculados pela mídia, apesar de aparentemente inocentes, não são neutros em suas mensagens. São, de fato, cuidadosamente preparados de modo a imprimir nos/as pequenos/as comportamentos, falas e atitudes que os/as ensinam, de forma eficaz, a como serem homens e mulheres. Mensagens de cunho sexista, como estratégias de governamento, reforçam estereótipos de masculinidades e feminilidades que são incorporadas e foram externadas pela voz das crianças em diferentes momentos da presente pesquisa. Ficou evidente, no depoimento da professora, ao final deste trabalho, sua preocupação maior em observar as mensagens veiculadas pela mídia, antes não notadas por ela em suas particularidades, e sua mudança de concepção sobre o conceito de sexualidade e de educação sexual após participar da pesquisa. As análises da entrevista com citada profissional permitiram averiguar que, embora os/as educadores tenham dificuldades em tratar de questões ligadas à sexualidade dos/as alunos/as, as discussões sobre a temática ocorrem apenas em momentos de conversas informais entre eles/as, e não nos horários destinados à formação continuada. / Children increasingly earlier, are being presented to different media resources and, through them, they are entering into an attractive world that offers a multitude of entertainment possibilities. This study was held in a public kindergarten school in the city of Araraquara - Brazil. It aimed to check the level of exposure to such resources and what consequences these exposures can generate in relation to sexuality in children from five to six years. Based in discussions of feminist studies and cultural studies, in a post-structuralist analysis perspective, it was possible to understand, more broadly, how children of this age are immersed in technology, such as television and mobile phones with access to Internet, with the consent of the parents, instead of being doing other types of activities. From the understanding that language is central to the world, we considered Foucault's perspective for the analysis of this work. Therefore, we made use of ethnography elements for data collection - screen ethnography, observation, interviews and document analysis - and so, it was found that the different cultural artifacts directed to the studied public, conveyed by the media, although apparently innocent, are not neutral in their messages. They are, in fact, carefully prepared in order to show kids behavior, words and attitudes that teach them, effectively, how is to be men and women. The sexist nature of messages, with posture management strategies, reinforce stereotypes of masculinity and femininity which are incorporated and were expressed by the children at different moments in this study. It was evident in the teacher's testimony at the end of this work, her concern in observing the messages given by the media, thing that was not previously noted by her, and her changed view about the concept of sexuality and sexual education after participating in the research. The analysis of the interview with this tutor allowed to ascertain that while educators have difficulties in dealing with sexuality issues of the students, discussions about this matter occur only during informal conversations between them, and not during schooling time.
2

Identidades infantis de gênero na publicidade: o que ensinam as propagandas da TV

Dantas, Jéssica Jaciana Silva 22 July 2016 (has links)
Submitted by Automação e Estatística (sst@bczm.ufrn.br) on 2018-08-01T22:19:46Z No. of bitstreams: 1 JessicaJacianaSilvaDantas_DISSERT.pdf: 2737844 bytes, checksum: 61078a1de97f0d75b55ffa17603f02a1 (MD5) / Approved for entry into archive by Arlan Eloi Leite Silva (eloihistoriador@yahoo.com.br) on 2018-08-03T21:51:12Z (GMT) No. of bitstreams: 1 JessicaJacianaSilvaDantas_DISSERT.pdf: 2737844 bytes, checksum: 61078a1de97f0d75b55ffa17603f02a1 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-08-03T21:51:12Z (GMT). No. of bitstreams: 1 JessicaJacianaSilvaDantas_DISSERT.pdf: 2737844 bytes, checksum: 61078a1de97f0d75b55ffa17603f02a1 (MD5) Previous issue date: 2016-07-22 / Ao nascerem e crescerem nos dias atuais, as crianças já ingressam no mundo sob configurações culturais de uma sociedade marcada pela combinação entre tecnologia, mídia e consumo. São cercadas por uma infinidade de investimentos mercadológicos na produção de artefatos culturais midiáticos diversos destinados ao público infantil-lucrativo – entre eles, as propagandas – que subjetivam e fazem emergir sujeitos coerentes com novas condições socioculturais e, portanto, novas formas de ser criança e viver a infância. Nessa esteira de pensamento, esta dissertação tem como objeto de estudo as representações de identidades infantis de gênero nas propagandas da TV aberta brasileira e suas possíveis implicações para a produção de determinados sentidos de gênero na vida das crianças de um Centro Municipal de Educação Infantil em Natal–RN. Com o estudo empreendido, objetivou-se evidenciar, analisar e problematizar como os discursos e representações de masculinidade e feminilidade veiculados nas propagandas operam para a produção de identidades infantis de gênero, no contexto desse CMEI. As análises incidiram sobre um conjunto de oito propagandas – exibidas na TV aberta e inventariadas à época da pesquisa empírica, no período de março a junho de 2015 – e sobre os atravessamentos dos discursos de gêneros nas propagandas e nos entendimentos, falas e comportamentos das crianças e dos envolvidos com a sua educação (equipe gestora, docentes e responsáveis). Para tanto, foram tomados como referenciais teórico-metodológicos as lentes dos Estudos Culturais em Educação, em sua vertente Pós-Estruturalista, e algumas aproximações dos Estudos de Gênero de mesma vertente – em especial aqueles em que se articulam questões de gênero, mídia, consumo e educação – assim como ferramentas conceituais cunhadas por Michel Foucault. Além disso, lançou-se mão de uma bricolagem de estratégias metodológicas provenientes da articulação entre abordagens de inspiração etnográfica – fazendo uso das ferramentas de observação, registro em diário de campo, fotografias e videogravações no cotidiano das crianças; de grupo focal, orientando as leituras das propagandas junto a elas – e da análise do discurso de inspiração foucaultiana. Das análises empreendidas, os resultados apontam, entre outros achados, para a compreensão de que, acionando a ideia de consumo para a felicidade, o mercado publicitário televisivo brasileiro veicula normarregulamentações estereotipadas acerca dos lugares a serem des/ocupados e dos papéis e funções a serem exercidos por homens/meninos e mulheres/meninas em detrimento do seu sexo, de maneira hierarquizada. As representações, nessas propagandas, também instituem e operam na construção de entendimentos das crianças acerca de práticas de embelezamento do corpo e da alma, forjadas por técnicas de si que também reforçam estereotipias e pautam a dissolução de fronteiras entre gerações, formatando uma infância feminina cada vez mais adulta e erotizada. Evidenciaram-se, ainda, a partir das análises, como a infância no nordeste tem tido os seus desejos de consumo colonizados pelas propagandas, privilegiando representações bem específicas das regiões sudeste e sul que, permeadas por relações de poder, fazem circular no Brasil não somente representações unívocas e predestinadas de gênero, mas também representam e con/formam modos de ser menino e menina bastante específicos dessas regiões do país, sobrepostas a outras, situando as crianças nordestinas em um processo o qual chamouse aqui de sudestinação publicitária da infância no nordeste. / We live today under cultural settings of a society marked by technology, media and consumption. Those settings - made possible mainly by the combination of media and consumption - emerge consistent subjects with the new socio-cultural conditions and, therefore, there are new ways of being a child and living childhood, since childhood is a social construction and children are cultural, social and historical subjects. Therefore, as they are born and grow today, children, at least the vast majority, already enter the contemporary world surrounded by a range of marketing investments and by the production of an infinity cultural media articles destined to profit from child public. Among them, television advertisements that inquires the consumption and act as cultural pedagogies, operating as representation mechanisms, subjectifying and forming children gender identities. On this track of thought, this dissertation has as object of study the representations of children's gender identities in Brazilian broadcast television advertisements and its possible implications for the production of certain kinds of meaning in the lives of children from a Municipal Center of Children Education in Natal-RN. This study aimed to highlight, analyze and discuss how discourses and representations of masculinity and femininity conveyed in these advertisements operate for the production of children's gender identities in the context of a Municipal Center of Children Education in Natal / RN. The analysis focused on a set of eight advertisements - shown on broadcast TV and inventoried at empirical research, from March to June 2015 - and on children´s understanding in regard to the ways of being a boy and girl represented in them, transmitted in their speeches and in their practices, observed and recorded during the research in the school context of a Municipal Center of Children Education in the city of Natal/RN. Therefore, were taken as theoretical and methodological reference, the lenses of Cultural Studies in Education, in its post- structuralist side, as well as some approaches of Gender Studies - especially those about gender issues, media, consumption and education - such as conceptual tools highlighted by Michel Foucault and inspired in Foucault's speech analysis. In addition, was used a bricolage of methodological strategies from the relationship between ethnographic based approaches, making use of observation tools, record in field diary, photographs and video recordings of children's daily lives; focus group , guiding them through the advertisements readings and the Foucault-inspired speech analysis to understand the implications of gender discourse in advertisements, and on children and those involved with their education (management team, teachers and responsible) statements and behavior. From the current analysis, the results indicate, among other findings, the understanding that with the idea of consumption for happiness, the Brazilian television advertising market conveys strongly different representations and, therefore, stereotypical regulation about places to occupied or not, and the roles and functions to be exercised by men/boys and women/girls instead of their gender, in a hierarchical manner. These representations also establish and operate in the construction of children´s understanding about embellishment practices of body and soul, forged by techniques that also reinforce stereotypes and guide the dissolution of boundaries between generations, creating a female childhood increasingly adult and eroticized. They also showed up from the analyzes, how childhood in the northeast has had its consumption desires influenced by advertisements, emphasizing very specific representations of southeastern and southern regions, which spreads in Brazil, not only specific and selected representations of gender, but also represent and form (conform) ways of being boy and girl very specific of these regions, above the others, placing the northeastern children in a process called childhood “sudestinação” (impose southeastern aspects). All this, of course, between sets of power relations and market interests.
3

Corpos transparentes, exames e outras tecnologias médicas: a produção de saberes sobre os sujeitos homossexuais

Magalhães, Joanalira Corpes January 2012 (has links)
Submitted by William Paiva (williampaiva17@hotmail.com) on 2015-05-05T17:12:18Z No. of bitstreams: 1 Joanalira Corpes Magalhães.pdf: 2020825 bytes, checksum: 0b8cf8d7d49849e2cfd3d7d1d0d66a6a (MD5) / Approved for entry into archive by Vitor de Carvalho (vitor_carvalho_im@hotmail.com) on 2015-05-08T15:36:15Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Joanalira Corpes Magalhães.pdf: 2020825 bytes, checksum: 0b8cf8d7d49849e2cfd3d7d1d0d66a6a (MD5) / Made available in DSpace on 2015-05-08T15:36:16Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Joanalira Corpes Magalhães.pdf: 2020825 bytes, checksum: 0b8cf8d7d49849e2cfd3d7d1d0d66a6a (MD5) Previous issue date: 2012 / Esta tese foi produzida no Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde, na linha de pesquisa "Educação científica: implicações das práticas científicas na constituição dos sujeitos", com o objetivo de analisar a rede de enunciados que vem produzindo e instituindo “verdades” sobre a homossexualidade. A pesquisa fundamenta- se a partir dos pressupostos teóricos de autores/as como Michel Foucault, Francisco Ortega, Bruno Latour, entre outros/as e ancora-se nos Estudos Culturais, nas suas vertentes pós- estruturalistas. Estamos entendendo a ciência, a produção de saberes, as identidades sexuais e a mídia como construções históricas, sociais e discursivas, permeadas de valores, significados e representações, engendradas a relações de poder-saber. Para produção dos dados que compõem o corpus de análise – artigos científicos e reportagens – utilizamos algumas ferramentas da revisão bibliográfica. Utilizamos, como fontes de pesquisa, a base de dados Science Direct, disponível na plataforma de Periódicos CAPES, e os sites das revistas nacionais Veja, Época, Superinteressante e Galileu. Na análise e discussão dos dados, utilizamos algumas ferramentas foucaultianas. Analisar os artigos científicos e as reportagens possibilitou-nos perceber a emergência de dois enunciados: métodos examinadores do sujeito homossexual; e a matriz biológica como origem da homossexualidade. Nas análises, verificamos o quanto os corpos dos sujeitos homossexuais tornam-se objetos em que atuam diferentes técnicas e tecnologias de investigação. Ao examinarmos essas formas de investigação dos corpos e vidas dos sujeitos, observamos a atuação de duas tecnologias: uma relacionada às técnicas de visualização médicas dos corpos; e a outra, relacionada às técnicas de exame, as quais tratam o/a homossexual como um objeto descritível, analisável e classificavél, reduze-o/a a traços específicos. Ao discutirmos a rede de enunciações, verificamos que o objetivo desses estudos científicos sobre a homossexualidade era o de conhecer, examinar e visibilizar os corpos dos/as homossexuais na sua minúcia genética, anatômica, hormonal, fisiológica e cerebral, para assim produzir, organizar e documentar uma série de saberes das possíveis causas ou “origens” da homossexualidade. Esses estudos, ao pautar a construção de saberes no exame do corpo em sua minúcia, ao compará-lo a outros corpos e ao buscar “descobrir” nele uma origem biológica da homossexualidade, acabam por instituir e determinar o sujeito homossexual como aquele que foge ao desenvolvimento considerado normal na população. Esses saberes estão pautados na legitimidade do discurso científico e na autoridade dada às vozes autorizadas para sua produção: os/as cientistas. Esse processo de construção de conhecimentos científicos sobre a homossexualidade está engendrado a um sistema de registro, acumulação de dados e documentação. Os dados produzidos passam a compor relatórios, são publicados em periódicos de destaque na área científica e em outros meios de informar e comunicar, ou seja, a mídia, nesse caso, as revistas analisadas. Ao investigar os dados produzidos nesta tese, constatamos que os saberes construídos e divulgados sobre a sexualidade dos sujeitos homossexuais passam a constituir o discurso biológico acerca da homossexualidade, como uma estratégia de controle da população. / This thesis was produced in the Post-Graduate Program in Science Education (Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde), in the research line " Science education: implications of scientific practices in the constitution of subjects", aiming to analyze the network of statements that have been producing and founding "truths" over homosexuality. The research is based on theoretical assumptions from authors like Michel Foucault, Francisco Ortega, Bruno Latour, among others and it is anchored in the Cultural Studies, in its poststructuralist strands. We understand science, the production of knowledge, sexual identities and the media as historical, social and discursive constructions, permeated by values, meanings and representations, engendered to power-knowledge relations. In order to produce the data that constitutes the corpus of analysis - scientific articles and reports - we used some tools from the literature review. As research sources, we used the Science Direct database, available on CAPES Periodical platform, and websites of national magazines - Veja, Época, Superinteressante and Galileu. In data analysis and discussion we used some Foucauldian tools. Analyzing scientific articles and reports allowed us to notice the emergence of two statements: examining methods of the homosexual subject, and the biological matrix as the origin of homosexuality. In the analyzes we found how much the bodies of the homosexual subjects become objects in which different research techniques and technologies act. In examining such forms of investigation of the bodies and lives of the subjects, we observe the action of two technologies: one related to the techniques of medical imaging of bodies, and the other related to the examination techniques which treat the homosexual as a describable, analyzable and sortable object, reducing him/her into specific traits. When discussing the network of statements, we found that the goal of these scientific studies on homosexuality was to learn, examine and visualize the bodies of homosexuals in its genetic, anatomical, hormonal, physiological and brain detail, thus producing, organizing and documenting a series of knowledge of the possible causes or "origin" of homosexuality. These studies, by guiding the construction of knowledge in the examination of the body in its detail, by comparing it to other bodies and by seeking to "discover" in it a biological origin of homosexuality, eventually end up instituting and determining the homosexual subject as the one who escapes from the development considered normal by society. Such knowledge is guided by the authenticity of the scientific discourse and by the authority given to authoritative voices for their production: the scientists. This process of building scientific knowledge about homosexuality is engendered to a system of registration, collection of data and documentation. The data produced become to build reports and they are published in prominent scientific journals and in other means of informing and communicating, i.e. the media, in this case, the analyzed magazines. By investigating the data produced in this thesis, we found that the knowledge built and published about the sexuality of the homosexual subjects now constitute the biological discourse concerning homosexuality as a strategy of population control.
4

Quem precisa do feminismo? Pedagogias e narrativas feministas no Tumblr

Carmo, Quesia Silva do 03 April 2017 (has links)
Submitted by Quesia do Carmo Silva (quesia.carmo@hotmail.com) on 2017-10-24T12:26:26Z No. of bitstreams: 1 dissertação-quesiafinal_cd.pdf: 3145915 bytes, checksum: e01cb1afc4208a02ca6ba9c52de33bf1 (MD5) / Rejected by Maria Auxiliadora da Silva Lopes (silopes@ufba.br), reason: Prezada Quesia, Favor inserir seu trabalho na Coleção de Dissertações. Você inseriu na Coleção de Teses. Saudações, Maria Auxiliadora Biblioteca Anísio Teixeira/Faced on 2017-10-25T11:18:57Z (GMT) / Submitted by Quesia do Carmo Silva (quesia.carmo@hotmail.com) on 2017-12-17T21:49:05Z No. of bitstreams: 1 dissertação-quesiafinal_cd.pdf: 3145915 bytes, checksum: e01cb1afc4208a02ca6ba9c52de33bf1 (MD5) / Rejected by Maria Auxiliadora da Silva Lopes (silopes@ufba.br), reason: Prezada Quesia, Você inseriu seu trabalho na Coleção de Teses da PPGE. Favor alterar e inserir na Coleção de Dissertação do PPGE. on 2017-12-19T17:03:38Z (GMT) / Submitted by Quesia do Carmo Silva (quesia.carmo@hotmail.com) on 2017-12-20T11:41:16Z No. of bitstreams: 1 dissertação-quesiafinal_cd.pdf: 3145915 bytes, checksum: e01cb1afc4208a02ca6ba9c52de33bf1 (MD5) / Approved for entry into archive by Maria Auxiliadora da Silva Lopes (silopes@ufba.br) on 2017-12-22T16:18:48Z (GMT) No. of bitstreams: 1 dissertação-quesiafinal_cd.pdf: 3145915 bytes, checksum: e01cb1afc4208a02ca6ba9c52de33bf1 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-12-22T16:18:48Z (GMT). No. of bitstreams: 1 dissertação-quesiafinal_cd.pdf: 3145915 bytes, checksum: e01cb1afc4208a02ca6ba9c52de33bf1 (MD5) / CNPq / Houve nos últimos anos um incremento do ativismo nas redes sociais na internet. Cada vez mais pessoas utilizam desses espaços virtuais para aprender, divulgar e discutir diversos temas relacionados à política, injustiças, preconceitos e opressões. As redes têm sido também locais de formação para movimentos sociais, sendo o movimento feminista um dos que mais vem se destacando no ciberespaço ultimamente. As feministas em rede tem utilizado diversas estratégias de visibilidade, sendo uma delas o compartilhamento de narrativas pessoais. Essa visibilidade tem permitido o crescimento do número de mulheres autodeclaradas feministas e que publicam diariamente narrativas feministas na rede. Um dos sites de redes sociais mais populares, principalmente entre os jovens, e que possui um grande número de conteúdo feminista, é o Tumblr e, por isso, ele foi escolhido como campo empírico de análise. Tendo isso em vista, o problema da pesquisa foi: como o feminismo tem sido disseminado no Tumblr e que pedagogias ele cria? A dissertação teve como objetivo discutir como o feminismo tem sido disseminado em rede e que tipos de pedagogias ele cria a partir da análise de narrativas de blogs autodeclarados feministas no Tumblr. O método utilizado foi o da pesquisa qualitativa, de cunho descritivo e analítico e o formato da dissertação seguiu o modelo multipaper. Dentre outros aspectos a pesquisa verificou que as redes sociais tem sido um espaço de prática de uma pedagogia crítica feminista, onde seus membros consomem produtos da indústria cultural de massa mas, ao mesmo tempo, os criticam, denunciam e reivindicam melhores representações para as minorias. / ABSTRACT In recent years there has been an increase in online activism. More and more people have been using those virtual spaces to learn, propagate and discuss plenty of themes concerning politics, injustice, prejudice and oppression. Social networks have also been used as learning environments for social movements, feminism being one of the most prominent nowadays in cyberspace. Feminists online have been using numerous visibility strategies, and personal narrative is one of them. Such visibility enables the increasing number of self-identified feminist women who share their feminist narratives online every day. Up to the end of the research period, Tumblr was one of the most popular social networks platforms, specially among young people. The website has a massive amount of feminist narratives and that‘s the reason why it was chosen as the empirical field of analysis. Considering this, the problem was: how has feminism been spread on Tumblr and which pedagogies does it create? The research aims at understanding how feminism is spread online and which pedagogies it creates by analyzing the narratives of self-identified feminist blogs on Tumblr. The methodology used was qualitative, descriptive and analytical and the thesis followed the multipaper format. Among other aspects, the research revealed that social networks have been spaces of critic feminist pedagogy practice, in which its members consume mass cultural industry products while criticizing, denouncing and fighting for better representation for minorities.
5

Sexualidade, gênero e pedagogias culturais: representações e problematizações em contexto escolar

Rabello, Sylvia Helena dos Santos 26 November 2012 (has links)
Submitted by Geandra Rodrigues (geandrar@gmail.com) on 2018-04-03T12:38:28Z No. of bitstreams: 1 sylviahelenadossantosrabello.pdf: 11599427 bytes, checksum: 147a15e6adb27d69377ddebf2851d9c4 (MD5) / Approved for entry into archive by Adriana Oliveira (adriana.oliveira@ufjf.edu.br) on 2018-04-03T19:38:57Z (GMT) No. of bitstreams: 1 sylviahelenadossantosrabello.pdf: 11599427 bytes, checksum: 147a15e6adb27d69377ddebf2851d9c4 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-04-03T19:38:57Z (GMT). No. of bitstreams: 1 sylviahelenadossantosrabello.pdf: 11599427 bytes, checksum: 147a15e6adb27d69377ddebf2851d9c4 (MD5) Previous issue date: 2012-11-26 / PROQUALI (UFJF) / A presente pesquisa foi empreendida a partir de um curso de Educação em Sexualidade, componente da parte diversificada do currículo escolar do 9º ano do ensino fundamental de uma escola pública do município de Juiz de Fora – MG, Brasil. Sexualidade e gênero são tomados em seu conceito amplo, entendidos como construções históricas, sociais e culturais. Os objetivos específicos visaram identificar e analisar representações de sexualidade e gênero sustentadas pelos/as alunos/as bem como analisar o conteúdo de sexualidade e gênero presente em pedagogias culturais e sua utilização em contextos de ensino. A metodologia adotada para a coleta dos dados foi de natureza qualitativa, do tipo observação participante, em que a pesquisadora atuou também como professora do curso. A análise dos dados apoiouse na análise de conteúdo das manifestações dos/as alunos/as obtidas a partir das transcrições das aulas, que foram gravadas em áudio. Também foram analisadas produções escritas dos/as alunos/as e artefatos de mídia que abordam temas de sexualidade e gênero. Os resultados indicaram que os/as alunos/as sustentam representações de sexualidade associadas, sobretudo, às práticas sexuais. As relações de gênero foram reconhecidas como desiguais e naturalizadas, mesmo quando as diferenças e desigualdades foram atribuídas a fatores sociais. As discussões em classe, porém, oportunizaram a reflexão a respeito do conceito de sexualidade bem como sobre as relações de gênero, favorecendo a incorporação de novos elementos para sua consideração. As pedagogias culturais, de modo geral, veiculam noções essencialistas e biologizantes a respeito da sexualidade e do gênero, veiculando representações estereotipadas que merecem a problematização em contextos de ensino. As implicações da pesquisa referemse à contribuição para a produção do conhecimento na área, favorecendo o planejamento de estratégias didáticas com vistas a ampliar a noção de sexualidade e gênero dos/as estudantes, abrangendo os aspectos sociais e culturais. / This research was undertaken from a course of Sexuality Education, part of the diversified component of the school curriculum in the 9th grade of elementary school at a public school in the city of Juiz de Fora - MG, Brazil. Sexuality and gender are taken in its broadest dimension, understood as historical, social and cultural constructions. The specific objectives aimed at identifying and analyzing sexuality and gender representations held by students as well as analyzing the content of sexuality and gender in this cultural pedagogies and their use in educational contexts. The qualitative methodology was taken for data collection, like participant observation, in which the researcher also served as a teacher of the course. Data analysis relied on content analysis of the students speech that were obtained from transcripts of classes activities, which were audio-recorded. Students written productions and media artifacts were also analyzed. The results indicated that the students maintain representations of sexuality as sexual practices. Gender relations were recognized as unequal and naturalized, even when differences and inequalities were attributed to social factors. The class discussions, however, allowed the reflection about the concept of sexuality as well as gender relations, promoting the incorporation of new elements for consideration. The cultural pedagogies, in general, present biologizing and essentialist notions about sexuality and gender, conveying stereotypical representations that deserve questioning in teaching contexts. The implications of the research refer to the contribution to the knowledge in the area, favoring the planning of teaching strategies in order to broaden the notion of sexuality and gender of the students, covering social and cultural aspects.
6

Deslocamentos à Zona Sul de Porto Alegre (RS): experiências em turismo agroecológico

Rodrigues, Maria Claudia 17 October 2017 (has links)
Submitted by JOSIANE SANTOS DE OLIVEIRA (josianeso) on 2017-12-14T13:53:21Z No. of bitstreams: 1 Maria Claudia Rodrigues_.pdf: 6459197 bytes, checksum: b9507f7dffd8b378de456136a666721f (MD5) / Made available in DSpace on 2017-12-14T13:53:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Maria Claudia Rodrigues_.pdf: 6459197 bytes, checksum: b9507f7dffd8b378de456136a666721f (MD5) Previous issue date: 2017-10-17 / Nenhuma / A tese investiga os processos de atribuição de significados e sentidos às propriedades, à natureza e aos produtos vinculadas ao turismo rural de Porto Alegre, capital do estado do Rio Grande do Sul – Brazil, na trajetória de transformação desses bens para uso do turismo. O corpus de análise compõe-se de quatro empreendimentos ligados a projetos de turismo agroecológico na zona sul do município de Porto Alegre: “Sítio Tio Juca”, “Sítio Herdeiros”, “Sítio Capororoca”, “Granja Santantonio”. O critério de escolha desses empreendimentos decorre das relações sociais de vizinhança e parentesco e por que iniciaram o projeto Caminhos Rurais de Porto Alegre como sócios fundadores da associação POARURAL. Trata-se de uma abordagem que se desenvolve na perspectiva metodológica da Análise Situacional, de Van Velsen (1987), e da perspectiva fenomenológica de Alfred Schutz (1979), em que se busca transitar de forma interdisciplinar por diversas áreas do conhecimento articulando diálogos, em particular: Turismo Rural, Patrimônio Cultural, Cidadania. Os resultados se direcionam a ideia de que o processo de produção do projeto Caminhos Rurais gera simultaneidades que produzem referentes de novos projetos e correspondências. Ao se organizarem em grupo na constituição de um produto turístico para Porto Alegre, esses atores acabam negociando identidades e promovendo novas ações de cidadania e passam a assumir diversas identidades. Observou-se a produção de uma “cultura agroecológica”, devido aos sentidos e intercâmbio de significados que ali são produzidos sobre a natureza, a paisagem, a agroecologia, os modos de vida. Na medida em que amplia o conceito de pedagogia pode-se intuir que os sítios produzem “agroecopedagogias”. Ao se posicionarem em uma “cultura agroecológica”, as lideranças avançam e problematizam o espaço em que estão inseridas propondo lógicas coletivas de ação que tratam de outras formas de fazer econômico, político, social e ambiental e possibilitam uma gestão participativa que estimula o debate horizontal fortalecendo a autonomia, a cooperação e os laços de sociabilidade entre associados e colaboradores do projeto. Esses atores se articulam a outros coletivos que empreendem propostas semelhantes e que buscam salvaguardar a paisagem, a natureza, a história e cultura locais em uma tentativa de minimizar os impactos que os programas de políticas públicas habitacionais trazem para a zona sul de Porto Alegre. / The thesis investigate the processes of attribution to the properties, nature and products associated to the rural tourism of Porto Alegre city, capital of Rio Grande do Sul State – Brazil, in the transformation journey of these assets into public patrimony and heritage for tourism purposes. The analysis corpus consists of four initiatives linked to agro-ecological tourism projects in the far south of the city: “Sítio Tio Juca”, “Sítio Herdeiros”, “Sítio Capororoca” and “Granja Santantonio”. The selection criteria of these sites derive from two main aspects: the neighborhood and kinship social relationships and the fact they started the project named Rural Paths of Porto Alegre (“Caminhos Rurais de Porto Alegre”) as founding members of the POARURAL association. It is an approach developed in the methodological perspective of Van Velsen´s Situational Analysis (1987) and in the phenomenological perspective of Alfred Schutz (1979), in which the purpose is to transit through and understand various areas of knowledge in a n interdisciplinary way, coordinating and strengthening dialogues, especially the Rural Tourism, Cultural Heritage and Citizenship. The results point to the idea that the product process of the Rural Paths project generate simultaneities that produce references for new projects and correspondences. By organizing themselves as a group in the constitution of a tourism product for Porto Alegre, these players end up negotiating identities and promoting new citizenship actions and turn to assume several identities. It was observed the formation of a agro-ecological culture due to the meanings and the exchange of these meanings about nature, landscape, agro-ecology and ways of life that are produced there. Extending the concept of pedagogy it is possible to intuit that these sites produce “agro-eco-pedagogies”. By positioning themselves in an "agro-ecological culture", the leaders advance and problematize, enquire the space in which they are inserted proposing collective logics of action that deal with other forms of economic, political, social and environmental making and allow a participative management that stimulates the horizontal debate strengthening the autonomy, cooperation and the bonds of sociability among associates and collaborators of the project. These players or actors articulate themselves with other groups that have similar proposals and seek to preserve the landscape, nature, history and local culture in an attempt to minimize the impacts that public housing programs bring to the southern area of Porto Alegre city.
7

APRENDER E ENSINAR A SER GAÚCHO DENTRO DO GRUPO DE DANÇAS BIRIVA TROPEIROS DE DOIS MUNDOS / LEARNING AND TEACHING TO BE GAÚCHO INSIDE BIRIVA DANCING GROUP

Borba, Daniela Farias Garcia de 04 April 2013 (has links)
This dissertation is part of the Master Degree research of the Post-Graduation Program in Education of Federal University of Santa Maria/ RS, bound into the Education and Arts line and into the Research Group Difference, Education and Culture (DEC-UFSM). The investigation, of ethnographic perspective, has as object the study the dancing group Agrupando Biriva Tropeiro de Dois Mundos , from Encantado city / RS, and it searches for evidence in the meanings of the dance for the participants of this group, in order to take it as more one culture once it generates an own universe of meanings, it produces identities and it deals ways of teaching and learning to be gaúcho. This Master Degree essay is a possible version of comprehension of the process of learning and production of meanings about the gaúcha traditionalist culture inside biriva dancing group. It enrolls as an ethnographic, a narrative text, in which there is the intention of the author‟s impressions, ways and misleading let their footprints for the reader knows the insertion and comprehension process of reality in that this research is submerged, as in the reality of the researched field as the theoretical reality and the author‟s subjectivity. / Esta dissertação é parte de uma pesquisa de mestrado do Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Federal de Santa Maria/RS, vinculada à Linha Educação e Artes e ao Grupo de Pesquisa Diferença, Educação e Cultura (DEC-UFSM). A investigaçãotem como objeto de estudos o grupo de danças Agrupamento Biriva Tropeiro de Dois Mundos , da cidade de Encantado/RS, analisados a partir da perspectiva dos Estudos Culturais, utilizando de autores como Costa (2003), Hall (1997), Silva (1995), Veiga-Neto (2000). Analisaram-se narrativas presentes nas leituras do cotidiano de ensaios e apresentações públicas do grupo e nos artefatos simbólicos, os quais compõem a identificação deste grupo de danças, e problematizou-se a produção de identidades sob o viés das pedagogias culturais. A abordagem da pesquisa é qualitativa, através de um estudo realizado com participantes do Agrupamento BirivaTropeiros de Dois Mundos. Foram utilizados a observação participante, a entrevista e o diário de campo como instrumentos de coleta de dados. Como resultado da investigação, notou-se, na análise de cunho cultural deste grupo de danças, os modos de ser entre os sujeitos deste grupo dão um tom de busca de uma maneira mais autêntica de ser gaúcho, de produzir a dança gaúcha, onde o dançarino possa expressar a sua interpretação para a dança, além do desenvolvimento de certa criticidade em relação ao consumo e à competitividade implicadas nas danças tradicionais. Nesse sentido, vê-se a importância da construção de uma aproximação da educação, nas diversas instâncias culturais, e sobre o produto cultural como o grupo de danças biriva inseridos na abordagem dos Estudos Culturais.
8

Mochila existenciais e insurgências curriculares: etnocurrículos instituindo interações em cenários das pedagogias culturais do tempo presente

Teixeira Neto, José 14 December 2014 (has links)
Submitted by Jose Teixeira Neto (zelosmegatrend@uol.com.br) on 2015-11-04T02:48:49Z No. of bitstreams: 1 tese_JTN_PDF Final_para publ.pdf: 2106191 bytes, checksum: 9790c137a6b1b0bd5dd02863abc60a36 (MD5) / Approved for entry into archive by Maria Auxiliadora da Silva Lopes (silopes@ufba.br) on 2015-11-04T15:12:48Z (GMT) No. of bitstreams: 1 tese_JTN_PDF Final_para publ.pdf: 2106191 bytes, checksum: 9790c137a6b1b0bd5dd02863abc60a36 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-11-04T15:12:48Z (GMT). No. of bitstreams: 1 tese_JTN_PDF Final_para publ.pdf: 2106191 bytes, checksum: 9790c137a6b1b0bd5dd02863abc60a36 (MD5) / A ação movente desta pesquisa é a conceituação de mochilas existenciais e insurgências curriculares como um etnocurrículo instituinte nas tramas existenciais, em formação na heterogênese e com mediações de diferentes campos da existência nos seus espaço/tempo de pertencimento. Num esforço de compreensão do contemporâneo definido como existência líquida, tensionei as interpelações das pedagogias culturais do tempo presente, que operam um tipo de formação para o consumismo de significados culturais e epistemologias que incluem e excluem, tentando modelar aquilo que temos sido nas contingências. Como rotas de fuga e desgoverno das totalizações da sociedade de controle, o currículo aqui forjado é articulado na produção teórica pós-crítica com a potência dos etnométodos dos atores curriculantes que interagiram neste processo de pesquisa com suas narrativas, instituindo epistemologia multicentrada em saberes experienciais e conhecimento. Fiz opção pela abordagem qualitativa e servi-me da etnopesquisa crítica, multirreferencial e implicada, produzindo, portanto, uma ciência implicada no social e nas novas racionalidades em multiplicidade de saberes. A pesquisa responde a como educadores refletem sobre mochilas existenciais e insurgências curriculares para interações com as pedagogias culturais do tempo presente como vibrações instituintes de etnocurrículo, por atribuírem políticas de sentido aos seus etnométodos como práticas de não-aderência e escape do consumismo de significados hegemônicos da existência líquida. Este estudo intencionou compreender/explicitar como tais educadores, implicados no segmento do Ensino Médio e da Educação de Jovens e Adultos, plasmam/forjam essa forma de currículo-vivo, (des)arrumando a escola nas contingências do espaço/tempo. Problematizou subjetivações produtoras de sujeitos e efeitos de verdades forjadas nos engendramentos dessas pedagogias culturais, criando possibilidades da escola tornar-se campo de profusão de etnocurrículo. Por fim, esta pesquisa configurou as mochilas existenciais e insurgências curriculares como empoderamento de práticas significativas que provocam rizoma formativo compósito, ampliando a noção de currículo/formação. / ABSTRACT The action that drives this research is the concept of the experienced knowledge amount and the curricular insurgencies as an ethnocurriculum establishing in the existencial plots in heterogeneous formation and with mediations of various fields of existence in their space/time of “belonging”. As an effort of understanding of contemporary defined as liquid existence. I tensioned cultural pedagogy interpellation of present time that causes a kind of formation to the consumerism of cultural meanings and epistemologies that include and exclude trying to shape what we have been in the contingencies. As escape routes and misrule of the aggregation of the society of control, the curriculum when forged is articulated in theoretical production pos-critique with the power of ethnomethods from those who interacted in this research process with their narratives establishing multicentered epistemology in experiential knowledge and knowledge. I made a choice on the qualitative approach and I used the critical multireferential and involved ethnoresearch producing thus a social compromised science and new social rationalities in multiplicity of “knowledges”. The survey answers how the educators reflect about the experienced knowledge amount and curricular insurgencies for interactions with the cultural pedagogies of the present time as ethnocurriculum former vibrations because they assign sense policies to their ethnomethods as practices of non – adherence and consumerism escape of hegemonic meanings of liquid existence. This study intended to understand/make clear as such educators involved with high school segment and education for youth and adults are forging this form of “live curriculum” disarranging education in contingencies of space/time. It rendered problematic subject producing subjectification and forged truth in engendering these cultural pedagogies creating possibilities of school becomes the ethnocurriculum profusion. Finally, this research has configured the experienced knowledge amount and curricular insurgencies as empowerment of significant practices that cause formative “composite” rhizome extending the notion of curriculum/formation

Page generated in 0.0773 seconds