• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 41
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 43
  • 43
  • 32
  • 30
  • 18
  • 17
  • 11
  • 11
  • 10
  • 9
  • 6
  • 6
  • 5
  • 5
  • 5
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
21

Desempenho acadêmico: uma explicação pautada nos valores humanos, atitudes e engajamento escolar / Academic performance: an explanatory model based on human values, attitudes and schooling engagement

Sousa, Deliane Macedo Farias de 25 April 2013 (has links)
Submitted by Viviane Lima da Cunha (viviane@biblioteca.ufpb.br) on 2016-05-06T14:02:05Z No. of bitstreams: 1 arquivototal.pdf: 2136573 bytes, checksum: 23f3ce09f217a50276bb840680efc4c4 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-05-06T14:02:05Z (GMT). No. of bitstreams: 1 arquivototal.pdf: 2136573 bytes, checksum: 23f3ce09f217a50276bb840680efc4c4 (MD5) Previous issue date: 2013-04-25 / This thesis aimed to know in what extent values, attitudes toward schooling context and learning, and school engagement predict academic performance. Moreover, we intended to develop two psychological measures [Self-Evaluation of Academic Performance Scale (SEAAS) and Attitudes toward Schooling Context Scale (ASCS)], adapt the Attitudes toward Learning Scale (ATLS) to Brazilian context and verify their psychometric parameters. The Study 1 refers to elaboration process of measures and counted with 481 students from 6th to 9th grades of public and private schools from João Pessoa (PB), with average age of 12,9 years-old (sd = 1,59), equally distributed by sex. Participants answered a questionnaire with opened questions regarding academic performance and school context. The answers were examined by an automatic content analysis (ALCESTE) and items were formulated from them to compose both SEAAS and ASCS. The Study 2, presents the psychometric parameters of referred measures, and also of ATLS. Participated 200 students from High School, mostly females (53,5%), with average age of 12,6 years-old (sd = 1,50). The exploratory analysis of SEAAS, distinguished two components: satisfaction (α = 0,92, rm.i. = 0,39) and dissatisfaction with academic performance (α = 0,80, rm.i. = 0,25). Regarding the ASCS, were extracted three components from its items: attitudes toward teachers (α = 0,90, rm.i. = 0,45), school (α = 0,85, rm.i. = 0,43) and classmates (α = 0,85, rm.i.). Lastly, the original four-factor structure of ATLS were confirmed in this context: openness (α = 0,86, rm.i = 0,40), negative disposition (α = 0,77, rm.i = 0,40), expectative (α = 0,76, rm.i = 0,35) and anxiety (α = 0,73, rm.i = 0,31) related to learning. Since the measures reached suitable patterns of validity and precision, we performed the Study 3. With a sample of 210 students, basically with same characteristics of samples from previous studies, this study aimed to confirm the factorial structure of these three measures. The results showed that all of them presented satisfactory fit indexes, although they also have showed that for SEASS it is more adequate consider only one factor. In the Study 4, we looked for knowing in what extent academic performance is related to variables aforementioned. To reach this goal we counted with 200 students who answered to Basic Values Survey (BVS), School Engagement Scale (SES) and socio-demographic questions, besides the three measures from study 3. Academic performance was correlated with all variables considered, except with excitement values and expectations from learning. In this sense, we performed multiple linear regressions to know the predictive relations between these variables, resulting in an explanatory model of academic performance. The study 5, describes the testing of hierarchical model: values (normative, interactive and suprapersonal) → educational attitudes (toward school context and learning) → school engagement → academic performance. With a sample of 425 students from High School, this model has shown promising, with satisfactory fit indexes [²/gl = 1,99, GFI = 0,96, AGFI = 0,92, CFI = 0,94 e RMSEA = 0,07 (IC90% = 0,03-0,10)]. The goals of this thesis were reached, emphasizing the functional theory of human values. We hope that the results presented here might be useful to ground future researches and interventions to promote improvement in students’ academic performance. / Objetivou-se conhecer em que medida os valores, as atitudes em relação ao contexto escolar e à aprendizagem, e o engajamento escolar explicam o desempenho acadêmico. Buscou-se ainda elaborar duas medidas psicológicas e conhecer seus aspectos psicométricos: Escala de Autoavaliação de Desempenho Acadêmico (EADA) e a Escala de Atitudes Frente ao Contexto Escolar (EACE), além de adaptar uma terceira: a Escala de Atitudes Frente à Aprendizagem (EAFA). Para lograr tais objetivos, realizaram-se cinco estudos empíricos. O Estudo 1 diz respeito à elaboração das medidas (EADA e EACE) e contou com 481 estudantes da segunda fase do ensino fundamental de escolas públicas e privadas da cidade de João Pessoa (PB), com idade média de 12,9 anos (dp = 1,59, amplitude de 11 a 17 anos), divididos igualmente quanto ao sexo. Os participantes responderam um questionário com perguntas abertas sobre o desempenho acadêmico e o contexto escolar. As respostas foram avaliadas por meio de uma técnica informatizada de análise de conteúdo (ALCESTE), e a partir delas foram elaborados itens tanto para a EADA, quanto EACE. O Estudo 2 apresenta os parâmetros psicométricos das medidas elaboradas nesta tese (EADA e EACE), além da EAFA. Participaram 200 estudantes do ensino fundamental, sendo a maioria do sexo feminino (53,5%), com idade média de 12,6 anos (dp = 1,50). A leitura do conteúdo dos itens da EADA permitiu nomear seus componentes de satisfação (α = 0,92, rm.i. = 0,39) e insatisfação com o desempenho acadêmico (α = 0,80, rm.i. = 0,25). No que diz respeito à EACE, três componentes foram extraídos: atitudes frente a professores (α = 0,90, rm.i. = 0,45), à escola (α = 0,85, rm.i. = 0,43) e aos colegas de classe (α = 0,85, rm.i. = 0,53). Já a EAFA teve sua estrutura tetrafatorial confirmada no presente contexto: abertura (α = 0,86, rm.i. = 0,40), disposição negativa (α = 0,77, rm.i. = 0,40), expectativa (α = 0,76, rm.i. = 0,35) e ansiedade (α = 0,73, rm.i. = 0,31) em relação à aprendizagem. Tendo as três medidas alcançado padrões de validade e precisão adequados, procedeu-se o Estudo 3, com o objetivo de comprovar a estrutura fatorial das mesmas. Para tanto, contou-se com a participação de 210 estudantes, com as mesmas características dos estudos anteriores. As três medidas apresentaram indicadores de ajuste satisfatórios, cabendo ressaltar que a EADA mostrou-se mais eficiente quando composta por apenas um fator. No Estudo 4 verificaram-se as relações entre as variáveis centrais desta tese, a saber: desempenho acadêmico, engajamento escolar, atitudes educacionais e valores humanos. Participaram deste estudo 200 estudantes, que responderam além das medidas anteriormente mencionadas, ao Questionário de Valores Básico (QVG), Escala de Engajamento Escolar (EEE) e questões sócio-demográficas. Verificou-se que o desempenho está relacionado a todas as variáveis, com exceção dos valores de experimentação e expectativa frente à aprendizagem. Nesse sentido, verificou-se por meio de regressões lineares, as relações preditivas entre as variáveis em questão, resultando num modelo explicativo do desempenho acadêmico. O Estudo 5 descreve o teste do modelo hierárquico: valores (normativa, interativa e suprapessoal) → atitudes educacionais (em relação ao contexto escolar e à aprendizagem) → engajamento escolar → desempenho acadêmico. Contou-se com uma amostra de 425 estudantes do ensino fundamental e verificou-se que o modelo em questão apresentou índices de ajustes satisfatórios [²/gl = 1,99, GFI = 0,96, AGFI = 0,92, CFI = 0,94 e RMSEA = 0,07 (IC90% = 0,03-0,10)]. Confia-se que os objetivos da presente tese foram alcançados, dando ênfase à teoria funcionalista dos valores humanos. Espera-se que os resultados aqui apresentados possam servir de base para estudos e intervenções futuros que visem a contribuir para esta área de interesse.
22

Educação ambiental no contexto escolar público: desafios e possibilidades

Guimarães, Silvana de Oliveira 02 August 2016 (has links)
Submitted by Marcio Emanuel Paixão Santos (marcio.santos@ucsal.br) on 2017-02-21T23:20:26Z No. of bitstreams: 1 ACAO_ Silvana GuimarAes_VERSAO FINAL_06.08.2016.pdf: 2888790 bytes, checksum: d2701f718c8263661296b3631a18dd27 (MD5) / Approved for entry into archive by Maria Emília Carvalho Ribeiro (maria.ribeiro@ucsal.br) on 2017-03-02T18:59:36Z (GMT) No. of bitstreams: 1 DISSERTACAO_ Silvana Guimaraes_VERSAO FINAL_06.08.2016.pdf: 2888790 bytes, checksum: d2701f718c8263661296b3631a18dd27 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-03-02T18:59:36Z (GMT). No. of bitstreams: 1 DISSERTACAO_ Silvana Guimaraes_VERSAO FINAL_06.08.2016.pdf: 2888790 bytes, checksum: d2701f718c8263661296b3631a18dd27 (MD5) Previous issue date: 2016-08-02 / A problemática da degradação ambiental crescente em nosso planeta é, sem dúvida, tema central de discussões nos diferentes setores da sociedade contemporânea, desencadeando, portanto, uma série de iniciativas que visam minimizar tais questões presentes no cenário atual. O objetivo geral desse trabalho dissertativo foi compreender a concepção dos profissionais de uma Unidade Escolar acerca da Educação Ambiental (EA), assim como os principais desafios e possibilidades, tendo como objetivos específicos: identificar as contribuições da Educação Ambiental (EA) para o desenvolvimento da comunidade escolar; relacionar as ações pedagógicas que caracterizam as concepções sobre Educação Ambiental (EA) e sustentabilidade; e apresentar uma proposta de intervenção para a formulação de uma unidade didática com ênfase na Educação Ambiental (EA). Para tanto, metodologicamente, a pesquisa baseou-se em uma combinação de pesquisa bibliográfica e um estudo de caso, tendo como instrumento de coleta o questionário estruturado que foi aplicado a profissionais de educação pertencentes a uma unidade escolar pública “X”. A análise consistiu em uma abordagem qualitativa sobre a temática Educação Ambiental. Os resultados obtidos demonstram que a EA não estava sendo abordada com preceitua a lei, uma vez que ainda existe uma abordagem isolada dessa temática pelas disciplinas, decorrente do excesso de carga-horária semanal dos profissionais de educação que impactam na falta de tempo para pesquisa e elaboração de novas propostas interdisciplinares, bem como pela cultura segmentada do saber, modelo de formação inicial. Dessa forma é possível considerar que a formação continuada pode ser uma estratégia de ressignificação de conceitos, como também de novas concepções e abordagens metodológicas interdisciplinares, porém muitos são os desafios e possibilidades que se apresentam para a efetivação da Educação Ambiental no contexto escolar. / The problems of the increased of environmental degradation in our planet is the central theme of discussions in different sectors of the contemporary society, unleashing a series of initiatives which aimed at the minimization of such issues present in the current scenario. The general objective of this study was to understand the argument of professionals in designing a School Unit on environmental education, as well as its key challenges and possibilities having as specific points: identify the contributions of environmental education (EA) for the development of the school community; describe the pedagogical actions that characterize the conceptions of environmental education (EA) and sustainability; and to submit a proposal for the formulation of a didactic unit with an emphasis on environmental education (EA). Methodologically it consists on a combination of bibliographical research and a case study, a questionnaire was used to collect the data and it was applied to education professionals that taught in a public unit school "X". The analysis consisted of a qualitative approach on environmental education. The results obtained show that EA was not being addressed with requires the law, since there is still an isolated approach this theme by disciplines, resulting from the excessive load-time weekly education professionals that impact on lack of time for research and development of new interdisciplinary proposals, as well as the targeted culture, initial training model. In this way it is possible to consider that the continuing education can be a strategy of ressignification of concepts, new concepts and methodological approaches to interdisciplinary. However, there are still many challenges and possibilities that present themselves to the completion of the environmental education in the school context.
23

Lili inventa o mundo onde não falta poesia: a mediação da leitura literária nas séries iniciais do ensino fundamental / Lili invents the world where there is no absence of poetry: the mediation of literary reading in the initial grades of elementary school

Souza, Andréa Alves da Silva 07 October 2015 (has links)
Submitted by Cláudia Bueno (claudiamoura18@gmail.com) on 2016-04-25T21:17:05Z No. of bitstreams: 2 Dissertação - Andréa Alves da Silva Souza - 2015.pdf: 968555 bytes, checksum: 68b3e598b26c6da4740fe01da900ef20 (MD5) license_rdf: 23148 bytes, checksum: 9da0b6dfac957114c6a7714714b86306 (MD5) / Approved for entry into archive by Luciana Ferreira (lucgeral@gmail.com) on 2016-04-26T10:34:55Z (GMT) No. of bitstreams: 2 Dissertação - Andréa Alves da Silva Souza - 2015.pdf: 968555 bytes, checksum: 68b3e598b26c6da4740fe01da900ef20 (MD5) license_rdf: 23148 bytes, checksum: 9da0b6dfac957114c6a7714714b86306 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-04-26T10:34:56Z (GMT). No. of bitstreams: 2 Dissertação - Andréa Alves da Silva Souza - 2015.pdf: 968555 bytes, checksum: 68b3e598b26c6da4740fe01da900ef20 (MD5) license_rdf: 23148 bytes, checksum: 9da0b6dfac957114c6a7714714b86306 (MD5) Previous issue date: 2015-10-07 / This dissertation aims to analyze and discuss the mediation process of literary reading, with an emphasis on poetry reading, within the family context and at school. It is intended to be investigated whether children who enter the first grade of elementary school, whit more systematic practices of literary reading with and within family, are able to have better reading skills at school. Based on authors like Azevedo (2004 e 2005), Bakhtin (2003 e 2006), Candido (2004), Cosson (2014), Faria (2004), Souza (2004), Spiegel (2001), Vygotsky (1987), Zilberman (1986 e 1987), Huizinga (2012) and others, this research initially presents a reflection on the formation of literary readers and the reading mediation to demonstrate how literary reading favors the child’s transit through the world of invention and fantasy. This process not only results in creative, cognitive, social, and cultural development but also contributes to a more humanized education. In sequence, it is discussed the role of poetry in the construction of the children’s universe of play. Therefore, the books Lili inventa o mundo, Sapato furado and O sapo amarelo, written by Mario Quintana, but these last two used as supplements, were selected as the corpus of analysis of this dissertation. The main goal is to demonstrate how the world of play, fantasy and imagination presented by the poems, effectively contributes to the formation of the child as a reader. Associated with this, some research tools, such as the questionnaire and the interview, were applied. In addition to these, some actions were performed, as part of a field research, as a way to debate how family and school’s mediation (in the early grades) contributes to the child’s education as a reader. The results indicate the importance of the family as the first mediator in the reader’s education process and the continuity of this mediation in the early stages of schooling. However, it is also evident that the school environment is the main guide of the education process of the literary reader, especially the poetry reader. It is believed that the work with this text genre with the student inside classroom can overcome the stage of schooling and allow the adult to keep reading. After all, the teacher is also provocative, conductor of paths for reading, so that the child can, in another phase, venture out alone. / Esta dissertação tem por objetivo analisar e discutir como se dá, na família e na escola, a mediação de leitura literária, com ênfase na leitura de poesia. Pretende-se investigar se as crianças que ingressam no primeiro ano do Ensino Fundamental com práticas mais sistemáticas de leitura literária com e na família conseguem ter mais habilidade de leitura na escola. Tomando-se por fundamento estudos de autores como Azevedo (2004 e 2005), Bakhtin (2003 e 2006), Candido (2004), Cosson (2014), Faria (2004), Souza (2004), Spiegel (2001), Vygotsky (1987 e 1991), Zilberman (1986 e 1987), Huizinga (2012) e outros, apresenta-se, inicialmente, uma reflexão sobre a formação do leitor literário e a mediação da leitura para evidenciar como a leitura literária favorece o trânsito da criança pelo mundo da invenção e da fantasia. Esse processo resulta em um conseqüente desenvolvimento nos campos criativo, cognitivo, social, cultural, bem como contribuir para uma formação mais humanizada. Em seguida, discute-se como a poesia figura na construção do universo lúdico da criança. Para tal, escolheu-se como corpus de análise principal a obra Lili inventa o mundo, de Mario Quintana. Como complemento foram adotadas as obras Sapato furado e Sapo amarelo, do mesmo autor. Tem-se por objetivo principal mostrar como o mundo da ludicidade, fantasia e imaginação apresentado nos poemas contribui de forma eficaz para a formação da criança leitora. Associado a isso, utilizaram-se alguns instrumentos de pesquisa como questionário e entrevista. Desenvolveram-se, em campo, algumas ações para se discutir como a mediação da família e da escola (nas séries iniciais) contribui para a formação da criança leitora. Os resultados indicam a importância da família como primeira mediadora do processo de formação do leitor e sua continuidade na fase inicial de escolarização. Porém, evidencia-se que o contexto escolar é o principal condutor do processo de formação do leitor literário, especialmente, o de poesia. Acredita-se que a exploração desse gênero em sala de aula possa transpor a fase de formação escolar e permitir que o adulto continue a ler. Afinal, o professor é também provocador, condutor de caminhos para a leitura, a fim de que a criança possa, em outra fase, aventurar-se sozinha.
24

Competências socioemocionais: efeitos do contexto escolar da religiosidade e mediação sobre o desempenho acadêmico / Socioemotional skills: effects of the school context of religiosity and mediation on academic performance

Beatriz Willemsens 20 May 2016 (has links)
No mundo atual, é crescente a convicção de que a educação precisa ser reformulada de forma a priorizar, não somente o aprendizado acadêmico, mas também o desenvolvimento das competências socioemocionais. Tais competências são tão necessárias quanto as cognitivas para a promoção do bem estar individual e o progresso social: podem ampliar a capacidade de relacionamento interpessoal, a inteligência emocional e promover o atingimento de objetivos, entre outros, constituindo uma ferramenta importante a ser considerada pelos governos com vistas à diminuição das lacunas entre resultados educacionais, econômicos e sociais. O presente trabalho busca contribuir para a evolução do conhecimento científico sobre as competências não cognitivas e das práticas educacionais que contribuem para sua formação por meio da análise do contexto escolar da religiosidade, cuja influência positiva sobre o desenvolvimento juvenil tem atraído a atenção crescente de pesquisadores (YONKER et al., 2012). O estudo é dividido em duas partes: a primeira investiga as associações entre a religiosidade na escola e o desenvolvimento socioemocional, sobretudo de acordo com a vulnerabilidade de alunos em termos socioeconômicos e familiares, e a segunda verifica se os atributos socioemocionais exercem papel de mediação nos efeitos deste contexto escolar sobre o desempenho acadêmico. Foram utilizados dados de uma pesquisa com 23.133 alunos da rede pública do Rio de Janeiro, da Prova Brasil, Censo Escolar e SAERJINHO. Mediante estimações de mínimos quadrados ordinários, foram encontrados efeitos positivos da religiosidade, sobretudo sobre o lócus de controle interno, abertura a experiências, autoconfiança e reflexão. Alunos com baixa escolaridade materna apresentam maiores benefícios: aumentos na conscienciosidade, extroversão e autoestima, além dos demais atributos citados. Por outro lado, análises realizadas por meio do Sobel Test e Bootstraping apontam para uma mediação exercida por parte de algumas habilidades sobre as notas de português e matemática, concretamente a abertura a experiências, lócus de controle, autoconfiança, autoestima e curiosidade. / There is a growing conviction today that education must be reformulated to prioritize not only academic learning but also the development of socioemotional skills. These competencies are as necessary as cognitive skills to promote individual well-being and social progress: they can intensify the ability to develop interpersonal relationships and emotional intelligence, and help people achieve their goals. These skills therefore represent a powerful tool to be considered by governments aiming to reduce the divide between educational, economic and social results. This study seeks to contribute to the advancement of scientific knowledge on non-cognitive skills and to educational practices that contribute to their development, based on an analysis of the school context of religiosity, whose positive influence on youth development has attracted increasing attention of researchers (YONKER et al., 2012). The study is divided into two parts: the first investigates the associations between religiosity in school and socioemotional development, above all from the standpoint of the vulnerability of students in socioeconomic and family terms, while the second part examines whether socioemotional attributes play a mediating role in the effects of this school context on academic performance. Data from a survey involving 23,133 students of the public school system in Rio de Janeiro were used, taken from the Prova Brasil, Censo Escolar and SAERJINHO. Based on ordinary least squares estimates, religiosity was found to have positive effects, particularly on the internal locus of control, openness to experience, selfconfidence and reflection. Students with low maternal education presented greater benefits: increases in conscientiousness, extroversion and self-esteem, in addition to the other cited attributes. On the other hand, Sobel Test and Bootstrapping analyses point to mediation exercised by some skills on academic grades in Portuguese and mathematics, namely openness to experience, locus of control, self-confidence, self-esteem and curiosity.
25

O coordenador pedagógico como formador de professores em grupos heterogêneos na escola: as ações de formação e suas implicações / The pedagogical coordinator a teacher trainer in heterogeneous groups at school: the training actions and their implications

Bonafé, Elisa Moreira 11 September 2015 (has links)
Made available in DSpace on 2016-04-27T14:48:45Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Elisa Moreira Bonafe.pdf: 1111029 bytes, checksum: 539d7c3363c0f35ab884151039c94637 (MD5) Previous issue date: 2015-09-11 / This study aims to identify the strategies used in teacher training in schools that make teachers improve their classroom practices with students. From interviews with four pedagogical coordinators of public schools from São Paulo city, it was possible to observe the diversity of challenges that are reflected in the planning and the implementing of continuous learning of teachers. It was also identified that there is a lack of clarity for coordinators about the potential actions they can perform with teachers at school and how these actions can be performed, especially regarding to the conduction of the actions of training and their strategies. Using as reference the studies of Imbernón, it was produced some reflections in favor of training in the work context due to the fact that it considers the real situations that arise in the school routine. Placco, Almeida and Souza collaborated with studies and contributions to the routine of the pedagogical coordinators, the needs and the possibilities of change in their formative function. At the end, it is presented a proposal for pedagogical coordinators that suggest the theoretical study in the continuing training of teachers and, moreover, it is suggested practical experience that can also motivate change in professional performance of the pedagogical coordinators themselves. It is expected that, with continuous teacher training, the pedagogical coordinators professionalize their activities in the schools concerning the learning and the observation of teachers and consequently, they can propose consistent and efficient solutions for the school difficulties and develop actions to encourage change in the pedagogical practices of teachers / O presente estudo objetiva identificar as estratégias utilizadas na formação de professores em contexto escolar, que mobilizam os docentes a melhorarem suas práticas pedagógicas com os alunos. A partir de entrevistas com quatro coordenadoras pedagógicas de escola pública da Cidade de São Paulo, foi possível observar a diversidade de desafios que se refletem no planejamento e na execução da formação continuada de docentes. Foi também identificado que falta clareza aos coordenadores sobre as ações com potencial formativo na escola e como realizá-las, principalmente no que diz respeito à condução das ações de formação e às estratégias formativas. Utilizando como base os escritos de Imbernón, foram produzidas algumas reflexões na defesa da formação em contexto de trabalho, por considerar as situações reais que se colocam na rotina escolar. Placco, Almeida e Souza colaboraram com estudos e contribuições sobre a rotina dos coordenadores pedagógicos (CPs), as necessidades e as possibilidades de mudança para atender à função formadora. Ao final é apresentada uma proposta de formação para coordenadores pedagógicos com o objetivo de favorecer o aprofundamento teórico nas questões de formação continuada de professores e, conjuntamente, proporcionar experiências práticas que possam significar mudança na atuação profissional dos próprios CPs. Espera-se que, a partir da formação continuada, os CPs profissionalizem sua atuação nas escolas no que diz respeito à formação e acompanhamento docente e, consequentemente, elaborem propostas coerentes com a realidade escolar e desenvolvam ações que favoreçam a mudança nas práticas pedagógicas dos professores
26

A AFETIVIDADE NO ENSINO FUNDAMENTAL: O ESTADO DO CONHECIMENTO E AS CONTRIBUIÇÕES DE PIAGET E WALLON.

Ribeiro, Rosa dos Santos 24 February 2017 (has links)
Submitted by admin tede (tede@pucgoias.edu.br) on 2018-04-19T18:14:24Z No. of bitstreams: 1 ROSA DOS SANTOS RIBEIRO.pdf: 2046252 bytes, checksum: 1af2c676c027800b94a447116d3f3715 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-04-19T18:14:24Z (GMT). No. of bitstreams: 1 ROSA DOS SANTOS RIBEIRO.pdf: 2046252 bytes, checksum: 1af2c676c027800b94a447116d3f3715 (MD5) Previous issue date: 2017-02-24 / The present research is theoretical-bibliographical and aimed to map the published researches in the Digital Library of Theses and Dissertations (BDTD) that approached the affectivity in the educational context. The theoretical basis is based on two theorists of great importance for education and for the development of teaching-learning, Piaget (1993, 1986) and Wallon (2010, 2008). Both were based on the affective and cognitive aspects of the individual, and sought to demonstrate step by step how the development of the human being. Thus, the present work aims to find, in the educational and pedagogical works of these theorists, concepts about affectivity in the process of cognitive development of the individual, listing positive contributions of the affective relationship between teacher and student for the school learning process. It also sought to answer the question: what is the view of the researchers in the contemporary scenario about affectivity and learning in the school context, in relation to the teacher and elementary school student? Thus, we seek to respond to this questioning based on the results of the researches that were published in the BDTD, from 2009 to 2014, and that addressed this theme. Therefore, to carry out this research, we used the virtual environment, that is, the digital library of the thesis and dissertation bank, where the following descriptive words were chosen: affectivity and education; affectivity and teaching-learning; affectivity and school context; and affectivity and fundamental education, to better guide our search and, consequently, our work. It is important to highlight that we have been able to prove that the affective and cognitive aspects are seen as a pedagogical practice that promote teachinglearning in the school. We come to this understanding by working according to the following categories of analysis: affective dimension in pedagogical practices; affectivity in the process teaching learning; teacher conception on affective and cognitive aspects; and teacher-student relationship in elementary school. These categories, especially for their pertinence, were valuable for the analysis of five researches that contemplated the theme under study, namely: The teacher of the 6th grade and his conceptions about affectivity: effects on teaching practice and learning (SILVA, 2011); The affective dimension in the pedagogical practices of literacy teachers in the initial years of Elementary Education (ANDRADE, 2014); Affectivity and literacy in the early years of elementary school (PINHO, 2014); The affective relationship in the teaching and learning processes between teachers and students in literacy classes (CERCE, 2013); And A small child in a large school: feelings and emotions at the entrance of the Elementary School of 09 years (GARCIA, 2012). / A presente pesquisa é teórico-bibliográfica e teve como objetivo mapear as pesquisas publicadas na Biblioteca Digital de Teses e Dissertações (BDTD) que abordaram a afetividade no contexto educacional. A fundamentação teórica baseia-se em dois teóricos de grande importância para a educação e para o desenvolvimento do ensino-aprendizagem, Piaget (1993; 1986) e Wallon (2010; 2008). Ambos se pautaram nos aspectos afetivo e cognitivo do indivíduo, e buscaram demonstrar passo a passo como acontece o desenvolvimento do ser humano. Sendo assim, o presente trabalho objetiva encontrar, nas obras educacionais e pedagógicas desses teóricos, conceitos sobre a afetividade no processo de desenvolvimento cognitivo do indivíduo, elencando contribuições positivas da relação afetiva entre professor e aluno para o processo de aprendizagem escolar. Buscou também encontrar resposta para a questão: qual a visão dos pesquisadores no cenário contemporâneo sobre a afetividade e a aprendizagem no contexto escolar, em relação ao professor e aluno do ensino fundamental? Assim, buscamos responder a esse questionamento com base nos resultados das pesquisas que foram publicadas na BDTD, no período de 2009 a 2014, e que abordaram essa temática. Portanto, para a realização desta pesquisa, usamos o ambiente virtual, ou seja, a biblioteca digital do banco de teses e dissertações, onde foram eleitas as seguintes palavras descritoras: afetividade e educação; afetividade e ensino-aprendizagem; afetividade e contexto escolar; e afetividade e ensino fundamental, para melhor nortear nossa busca e, consequentemente, nosso trabalho. É importante destacar que pudemos comprovar que os aspectos afetivos e cognitivos são vistos como uma prática pedagógica que promovem o ensino-aprendizagem na escola. Chegamos a essa compreensão ao trabalharmos de acordo com as seguintes categorias de análises: dimensão afetiva nas práticas pedagógicas; afetividade no processo ensino-aprendizagem; concepção docente sobre os aspectos afetivos e cognitivos; e relação professor-aluno no ensino fundamental. Essas categorias, sobretudo por sua pertinência, foram valiosas para a análise de cinco pesquisas que contemplaram a temática em estudo, a saber: O professor do 6º ano e suas concepções sobre afetividade: efeitos na prática docente e na aprendizagem (SILVA, 2011); A dimensão afetiva nas práticas pedagógicas de professoras alfabetizadoras dos anos iniciais do Ensino Fundamental (ANDRADE, 2014); A afetividade e alfabetização nos anos iniciais do Ensino Fundamental (PINHO, 2014); A relação afetiva nos processos de ensino e aprendizagem entre professores e alunos das classes de alfabetização (CERCE, 2013); e Uma criança pequena em uma escola de grandes: sentimentos e emoções no ingresso do Ensino Fundamental de 09 anos (GARCIA, 2012).
27

Traços da língua materna vernácula no contexto escolar

Doebber, Ana Paula 09 February 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2017-07-10T18:56:37Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Ana Paula Doebber.pdf: 1939210 bytes, checksum: 224a0181d07a1672cabbad7d7a87733f (MD5) Previous issue date: 2006-02-09 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / The study of linguistic transference phenomena in oral and written narratives, from one s vernacular in use, has frequently brought critics to the literacy process. This critic is also present on the teaching and learning in multilingual speech communities. Therefore, this research is being carried out through school ethnography activities in two classrooms: one in the first grade and the other in the sixth grade, both of primary education in a school located in Pato Bragado, Paraná. On the contrary to what the common sense tells us, bilingualism and bidialectalism are quite common in Brazil. The community speech of Pato Bragado constitutes a complex sociolinguistic context since there communicative interactions among locals, in a social and familiar context, people communicate using more than one language and in more than one variety in each of these languages. The use of more than one language is more restricted to the family environment, but its consequences appear in school, generating certain linguistic traits in the orality and writing of the students who come from these families. It was observed that there are Italian, Polish, German and Paraguayan descendents in the county who speak dialects derived from the language of their ancestors. Phonological traits of their vernacular which are transferred to orality do not usually impose greater stigmatization within their community, however its users report they have difficulties interacting in other communities, in other counties, creating a feeling of ridicule and the need to monitor and change into standard Portuguese. Therefore, the school should have pedagogical practices turned to this linguistic fact. In this research, the main aims are to identify and describe oral and written events of literacy from a school ethnography and narrative perspective. To do that it was checked how student-teacher and student-student interact in practical classroom situations through effective use of linguistic variations as well as how this process happens in the natural transference from the dialectal traits of their mother tongue into Portuguese. Data gathered in this survey made it possible to suggest pedagogical practices which would guide teachers in their didactic practice in bi(multi)lingual communities. It is believed that the result of this study can offer important contributions not only for the student, but also for teachers from bi(multi)lingual communities. It could also be used as information on how to work with the phonological traits of other linguistic systems in the literacy process favoring the students performance in several linguistic contexts. / O estudo de fenômenos de transferências lingüísticas, da língua materna vernácula de uso, em narrativas orais e escritas, tem, com alguma freqüência, destacado críticas no processo de letramento. Essa crítica também se detém sobre o ensino-aprendizagem em comunidades de fala multilíngües. Neste sentido, esta pesquisa está sendo realizada em atividade etnográfica escolar, em duas salas de aula, uma na primeira série e, a outra, em uma sexta série, ambas do Ensino Fundamental, localizadas em Pato Bragado, Paraná. Ao contrário do que o senso comum nos informa, no Brasil o bilingüismo e o bidialetalismo, é bastante comum. A comunidade de fala de Pato Bragado constitui um contexto sociolingüisticamente complexo, pois nas interações comunicativas entre os usuários no contexto social e familiar, as pessoas se comunicam interagindo em mais de uma língua e mais de uma variedade destas línguas. Este uso de mais de uma língua é mais restrito ao ambiente familiar, no entanto seus reflexos estão presentes também na escola, gerando traços lingüísticos na oralidade e na escrita dos alunos provenientes destas famílias. Foi verificado que existem descendentes de italianos, poloneses, alemães e paraguaios no município, os quais falam dialetos da língua de seus ascendentes. Os traços fonológicos da língua materna vernácula transferidos para a oralidade não costumam sofrer grande estigmatização dentro da comunidade, porém seus usuários relatam dificuldades nas interações em outras comunidades, em outros municípios, gerando o sentimento de ridículo e a necessidade de monitoração e mudança em direção ao português normativo. Sendo assim, é preciso que a escola tenha práticas pedagógicas voltadas para este fato lingüístico. Nesta pesquisa, os objetivos são identificar e descrever eventos de letramento oral e escrito, a partir da etnografia escolar e de narrativas, verificando como se dá a interação aluno/professor e aluno/aluno em situações de práticas de sala de aula pelas condições efetivas de variações lingüísticas e como isso ocorre no processo de transferências de traços dialetais da língua materna para o português. A partir deste levantamento, foi possível proporcionar práticas pedagógicas que orientam os professores na prática didática em comunidades bi (multi)língües. Acredita-se que o resultado deste estudo pode oferecer importantes contribuições não só para o aluno como também para o docente de comunidades de fala bi (multi)língües, podendo também servir de subsídio sobre como trabalhar com os traços fonológicos de outros sistemas lingüísticos no processo de alfabetização, favorecendo o desempenho dos alunos em diversos contextos lingüísticos.
28

Competências socioemocionais: efeitos do contexto escolar da religiosidade e mediação sobre o desempenho acadêmico / Socioemotional skills: effects of the school context of religiosity and mediation on academic performance

Willemsens, Beatriz 20 May 2016 (has links)
No mundo atual, é crescente a convicção de que a educação precisa ser reformulada de forma a priorizar, não somente o aprendizado acadêmico, mas também o desenvolvimento das competências socioemocionais. Tais competências são tão necessárias quanto as cognitivas para a promoção do bem estar individual e o progresso social: podem ampliar a capacidade de relacionamento interpessoal, a inteligência emocional e promover o atingimento de objetivos, entre outros, constituindo uma ferramenta importante a ser considerada pelos governos com vistas à diminuição das lacunas entre resultados educacionais, econômicos e sociais. O presente trabalho busca contribuir para a evolução do conhecimento científico sobre as competências não cognitivas e das práticas educacionais que contribuem para sua formação por meio da análise do contexto escolar da religiosidade, cuja influência positiva sobre o desenvolvimento juvenil tem atraído a atenção crescente de pesquisadores (YONKER et al., 2012). O estudo é dividido em duas partes: a primeira investiga as associações entre a religiosidade na escola e o desenvolvimento socioemocional, sobretudo de acordo com a vulnerabilidade de alunos em termos socioeconômicos e familiares, e a segunda verifica se os atributos socioemocionais exercem papel de mediação nos efeitos deste contexto escolar sobre o desempenho acadêmico. Foram utilizados dados de uma pesquisa com 23.133 alunos da rede pública do Rio de Janeiro, da Prova Brasil, Censo Escolar e SAERJINHO. Mediante estimações de mínimos quadrados ordinários, foram encontrados efeitos positivos da religiosidade, sobretudo sobre o lócus de controle interno, abertura a experiências, autoconfiança e reflexão. Alunos com baixa escolaridade materna apresentam maiores benefícios: aumentos na conscienciosidade, extroversão e autoestima, além dos demais atributos citados. Por outro lado, análises realizadas por meio do Sobel Test e Bootstraping apontam para uma mediação exercida por parte de algumas habilidades sobre as notas de português e matemática, concretamente a abertura a experiências, lócus de controle, autoconfiança, autoestima e curiosidade. / There is a growing conviction today that education must be reformulated to prioritize not only academic learning but also the development of socioemotional skills. These competencies are as necessary as cognitive skills to promote individual well-being and social progress: they can intensify the ability to develop interpersonal relationships and emotional intelligence, and help people achieve their goals. These skills therefore represent a powerful tool to be considered by governments aiming to reduce the divide between educational, economic and social results. This study seeks to contribute to the advancement of scientific knowledge on non-cognitive skills and to educational practices that contribute to their development, based on an analysis of the school context of religiosity, whose positive influence on youth development has attracted increasing attention of researchers (YONKER et al., 2012). The study is divided into two parts: the first investigates the associations between religiosity in school and socioemotional development, above all from the standpoint of the vulnerability of students in socioeconomic and family terms, while the second part examines whether socioemotional attributes play a mediating role in the effects of this school context on academic performance. Data from a survey involving 23,133 students of the public school system in Rio de Janeiro were used, taken from the Prova Brasil, Censo Escolar and SAERJINHO. Based on ordinary least squares estimates, religiosity was found to have positive effects, particularly on the internal locus of control, openness to experience, selfconfidence and reflection. Students with low maternal education presented greater benefits: increases in conscientiousness, extroversion and self-esteem, in addition to the other cited attributes. On the other hand, Sobel Test and Bootstrapping analyses point to mediation exercised by some skills on academic grades in Portuguese and mathematics, namely openness to experience, locus of control, self-confidence, self-esteem and curiosity.
29

O mal-estar docente no contexto escolar a partir das percepções dos professores / The process of ill be teaching in the school context from the teacher's perceptions

Sanches, Ana Paula Rodrigues 02 December 2015 (has links)
Submitted by Maria de Lourdes Mariano (lmariano@ufscar.br) on 2017-01-17T19:09:13Z No. of bitstreams: 1 SANCHES_Ana Paula_2015.pdf: 47261109 bytes, checksum: db203a2e92b7dafc022876ef129ea70b (MD5) / Approved for entry into archive by Maria de Lourdes Mariano (lmariano@ufscar.br) on 2017-01-17T19:09:22Z (GMT) No. of bitstreams: 1 SANCHES_Ana Paula_2015.pdf: 47261109 bytes, checksum: db203a2e92b7dafc022876ef129ea70b (MD5) / Approved for entry into archive by Maria de Lourdes Mariano (lmariano@ufscar.br) on 2017-01-17T19:09:29Z (GMT) No. of bitstreams: 1 SANCHES_Ana Paula_2015.pdf: 47261109 bytes, checksum: db203a2e92b7dafc022876ef129ea70b (MD5) / Made available in DSpace on 2017-01-17T19:09:36Z (GMT). No. of bitstreams: 1 SANCHES_Ana Paula_2015.pdf: 47261109 bytes, checksum: db203a2e92b7dafc022876ef129ea70b (MD5) Previous issue date: 2015-12-02 / Não recebi financiamento / The presented research would like to understand the process of ill be teaching in the school context from the teacher’s perceptions. For this work context, we make explicit some of the tensions of post-modernity and related issues to the teaching profession, seeking relationships with professional malaise. It is a qualitative research, from the inseparable link between objectivity and subjectivity, considering that the subject cannot be quantified in their feelings and actions. For this research, we selected two primary state education schools in Sorocaba. They hold opposing positions, in other words satisfactory or unsatisfactory results, in the education human development index of São Paulo State Education (IDESP) 2014. Using fifteen semi-structured questionnaires and interviews, we have checked and organized some possible indicators of ill-being between the employees in the school context, composing a general overview of the subject. From the categorization and analysis, a data triangulation, between them and the specific literature, we realized explicit perceptions of teachers about the ill-being feature in the school context and their possible implications for the current demands, class organization and working conditions. Some issues related to the ill-be can stand out, such as the lack of motivation and student’s indiscipline, school violence, long working hours and the pressure caused by external evaluations. About experiences on uncomfortable situations, the teaches emphasize the abuse of students with the professionals and also point the class attribution in the beginning of the school year and school administration impositions as main cause of this malaise. Thus, according the categories: the teacher malaise in the classroom and the teacher discomfort with working conditions and school training, we underline these teacher’s feelings in the teaching and learning process management, the way how it reach them in their school attribution and their prospects facing the problem the continuing education at school. / A pesquisa apresentada objetiva compreender o processo do mal-estar docente no contexto escolar a partir das percepções dos professores. Para o contexto deste trabalho, explicitamos algumas das tensões da pós-modernidade e questões referentes à profissionalidade docente, buscando relações com o mal-estar profissional. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, a partir do vínculo indissociável entre objetividade e subjetividade, considerando-se que o sujeito não pode ser quantificado em seus sentimentos e ações. Para a investigação, selecionamos duasescolas estaduais de ensino fundamental de Sorocaba, sendo que uma apresenta resultados satisfatórios e outra apresenta resultados insatisfatórios quanto ao Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo (IDESP) 2014. Por meio de quinze questionários e duas entrevistas, ambos semi-estruturados, diagnosticamos e problematizamos possíveis indicadores de mal-estar entre os docentes no contexto escolar, compondo um panorama geral da temática. A partir da categorização e análise, numa triangulação de dados com a literatura específica, explicitamos percepções dos professores sobre as características de mal-estar no contexto escolar e suas possíveis implicações com as demandas atuais, a gestão de aula e as condições de trabalho e formação. Alguns temas relacionados ao malestar no contexto escolar se sobressaíram, como a desmotivação e indisciplina dos alunos, a violência escolar, a extensa jornada de trabalho e a pressão provocada pelas avaliações externas. Nas vivências escolares em situações de mal-estar, os professores enfatizaram o desrespeito dos alunos com o profissional e as imposições da direção escolar. Assim, a partir das categorias: o mal-estar docente em sala de aula e o mal-estar docente diante das condições de trabalho e formação na escola, analisamos esses sentimentos dos professores na gestão do processo de ensino e aprendizagem, a forma como os atingem em suas atribuições escolares e as suas perspectivas de enfrentamento da problemática a partir da formação continuada na escola.
30

Comportamento motor da criança com deficiência múltipla nos contextos vivenciais: um estudo de caso / Motor behavior of children with multiple disabilities in vivencial contexts: a case study

Prestes, Daniela Bosquerolli 31 July 2013 (has links)
Made available in DSpace on 2016-12-06T17:06:59Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Daniela B Prestes.pdf: 5940422 bytes, checksum: efbd27d7ed1b157341a9fb48050ac197 (MD5) Previous issue date: 2013-07-31 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / Diversos estudos sobre a inclusão de crianças com deficiência na escola já foram realizados. Diante das questões estudas e das especificidades características da deficiência múltipla, constatou-se que existem poucas pesquisas que abordam a questão do desenvolvimento motor destas crianças no contexto escolar. Desta forma, o presente estudo procura avaliar a quantidade e a qualidade das oportunidades de estimulação motora presentes nos contextos vivenciais (familiar e escolar) e sua relação com o comportamento motor da criança com deficiência múltipla inserida na rede pública de ensino regular de Florianópolis. Foi realizado um estudo de caso, com uma criança do sexo feminino de 11 anos de idade, com diagnóstico de deficiência múltipla apresentando baixa visão, que frequentava o ensino fundamental da rede municipal de ensino de Florianópolis. Para avaliar as características biopsicossociais, clínicas e escolares do indivíduo do estudo foi utilizada uma ficha cadastral e avaliação multiprofissional disponibilizada pela escola. Para avaliar a funcionalidade do indivíduo do estudo, foi utilizado o protocolo Avaliação Pediátrica de Incapacidade (PEDI). A verificação das oportunidades de estimulação motora presentes no contexto familiar se deu pelo instrumento Affordances in the Home Environment Motor Development (AHEMD) e a verificação das oportunidades de estimulação motora presentes no contexto escolar, pelo instrumento Affordances in the School Environment Motor Development (ASEMD). As vivências motoras do indivíduo do estudo foram registradas a partir da gravação de vídeo, utilizando o protocolo de observação naturalística proposto por Ramalho (1996). Os resultados do estudo apontam que o indivíduo apresentava diagnóstico de deficiência múltipla, com sinais de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH), estereotipias provavelmente secundárias à toxoplasmose congênita e afacia após catarata infantil. Verificou-se que o indivíduo do estudo era capaz de executar um pouco mais da metade das habilidades relacionadas ao autocuidado e à função social e todas as habilidades funcionais de mobilidade. Os resultados do questionário AHEMD apontaram que a classificação total para a casa do indivíduo do estudo foi média. Os itens espaço interior e variedade de estimulação foram avaliados como muito bons. Entretanto, o espaço exterior da casa foi avaliado como fraco e a provisão de materiais de motricidade fina e de materiais de motricidade ampla foram classificadas como muito fracas. A escola do indivíduo do estudo foi considerada ampla, oferecendo espaço externo e interno suficientes para estimulação motora. Contudo, a variedade de estimulação e a provisão de materiais de motricidade fina e materiais de motricidade grossa foi fraca. Com relação às vivências motoras no contexto escolar, ficou evidente o predomínio de atividades orientadas. Os movimentos realizados pelo indivíduo do estudo foram predominantemente segmentares, prevalecendo os movimentos manipulativos. As posturas sentado e em pé foram as mais adotadas pelo indivíduo do estudo. As interações do indivíduo do estudo se deram na maior parte do tempo com o professor e a disponibilidade de materiais e equipamentos foi bastante variada no contexto escolar. Diante dos resultados, foi possível contatar que tão importante quanto a quantidade de materiais e equipamentos, estão a variedade e a qualidade destes como fatores que influenciam o desenvolvimento motor do indivíduo. Além da disponibilidade de mais materiais e equipamentos, é necessário que haja tempo suficiente para que a criança explore os recursos existentes, sobretudo, é necessário que existam recursos humanos que favoreçam esta vivência.

Page generated in 0.0974 seconds