• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 9
  • Tagged with
  • 9
  • 9
  • 9
  • 4
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

AutoexposiÃÃo e imagens: uma anÃlise do fenÃmeno selfie na sociedade de consumo / Self-exhibition and images: a selfie phenomenon analysis in Consumer Society

Fernanda Carvalho de Almeida 14 July 2016 (has links)
CoordenaÃÃo de AperfeiÃoamento de Pessoal de NÃvel Superior / No contexto tecnocultural da sociedade de consumo contemporÃnea, observamos uma crescente virtualizaÃÃo das relaÃÃes humanas. Os indivÃduos transformam-se em potenciais terminais receptores e transmissores de dados via web, sendo grande parte destes, alusivos a imagens. Neste cenÃrio, destacam-se os selfies, autorretratos capturados via smartphone ou webcam para o compartilhamento em redes sociais. Esta prÃtica tem crescido e abarcado diferentes aspectos da vida: a hora de dormir (bedtimeselfie), de dirigir automÃveis (drivingselfie) e, atà mesmo, do sexo (aftersexselfie). HÃ, ainda, selfies como o braggie, que busca gerar inveja atravÃs da ostentaÃÃo de objetos e vivÃncias socialmente desejÃveis. Logo, os selfies tornaram-se um importante veÃculo de difusÃo de ideais e estilos de vida contemporÃneos. Este trabalho se propÃs a analisar o fenÃmeno selfie, considerando o culto à autoexposiÃÃo estetizada e modelada por ideais de consumo, bem como refletir sobre as repercussÃes deste fenÃmeno na subjetividade e sociabilidade dos indivÃduos. Para este fim, utilizamos a Teoria CrÃtica da Escola de Frankfurt, bem como de crÃticos da cultura contemporÃnea que tematizam acerca de conceitos como Sociedade de Consumo, Tecnocultura, IndÃstria Cultural e Sociedade do EspetÃculo. Metodologicamente, nos valemos da abordagem microlÃgica da Teoria CrÃtica, que concebe o particular como um valioso Ãndice que remete ao todo. Logo, alÃm de compreender o fenÃmeno selfie como um Ãndice capaz de desvelar a totalidade de ideais culturais contemporÃneos, tambÃm foi utilizada esta abordagem durante a coleta de dados: selfies, reportagens, hashtags, comentÃrios de cibernautas, documentÃrios, tutoriais e vÃdeos. Portanto, no decorrer deste trabalho, realizamos uma anÃlise teÃrico-crÃtica, articulando prÃtica e teoria, findando por erigir trÃs categorias-chaves a partir da recorrÃncia de certos temas: Dolce Vita, Telerrealidade e Corpo Ideal. A primeira refere-se a certo estilo de vida encontrado nas imagens, ao passo que a segunda alude à ambiÃncia, que compÃe este estilo de vida. Quanto à terceira, relaciona-se ao corpo nestas imagens. Nossas reflexÃes finais apontam para o selfie como um fenÃmeno de consumo do eu e do outro, de modo que observamos o espelhamento de aspectos da sociedade de consumo em suas diversas facetas - tipos, finalidade, busca por selfies perfeitos e por curtidas. Busca-se, pois, capturar o olhar do outro atravÃs do que lhe à familiar: a linguagem publicitÃria, espÃcie de idioma da indÃstria cultural. Almeja-se, enfim, o espetÃculo, porque este se tornou um modo de existir total, concernente tanto a produtos quanto a pessoas: ele engloba a cena social. Daà a relevÃncia deste estudo para a contemporaneidade, especialmente para a psicologia social crÃtica. Ainda, nesta investigaÃÃo desvelam-se indivÃduos imersos no clima homogeneizante de bens culturais produzidos por uma indÃstria cultural exacerbada pela tecnocultura. Logo, a produÃÃo deste indivÃduo, isto Ã, a maneira que ele escolhe para autorretratar-se, espelha esta âpedagogia do existirâ ou âpedagogia da visÃoâ, na qual visibilidade e existÃncia encontram-se, muitas vezes, sobrepostos. / In contemporary consumer societyâs tecnocultural context, weâve watched a growing virtualization of humanâs relations .The individuals become potential web terminals of dataâs reception and transmittion, being images a great part of that data. In this scenario, a certain type of image detaches: the selfies. At those, individuals self-portrait themselves on smartphones or webcams to share their images on social medias. This practice has increased broadly and has enclosed many lifeâs aspects. For example, we highlight moments in bed (bedtimeselfie), while driving (drivingselfie) and even after sex time (aftersexselfie) . Also, there is a certain kind of selfie called braggie that seeks to cause envy through desirable objects or social experiences. Therefore, the selfies have become an important vehicle of contemporary ideals and lifestyles. The aim of this study proposes a selfie phenomenon analysis, considering the cult of self-exposition through consumption ideals and a reflection about the repercussion of this phenomenon on individualâs subjectivity and sociability. In order to do this, we approach the phenomenon, in a qualitative perspective, using the Critical Theory from Frankfurtsâs School as a theoretical and methodological referential, in addition to contemporary critical authors that thematizes about aspects involving the object of the research. Methodologically, it was made a use of Critical Theory proposal, whose micro logical approach conceives the particular as a revealing index that remits to social whole. By this mean, we elected selfie phenomenon as an index able to uncover the totality of contemporary significant consumption ideals. Therefore, objectifying this phenomenonâs comprehension, we first percussed a documental stage, being oriented by details, marginal data, vestiges and evidences connected to the presented phenomenon. The documents considered were: selfies, reportings, hashtags, cybernautsâ comments, documentary, tutorials and videos. Afterwards, the collected material was organized on three key-categories by certain themes: Dolce Vita, Telerrealidade and Ideal Body. The first one refers to a certain lifestyle found in the analyzed images, while the second one specifies the ambience that compounds this lifestyle. The third category is related to the body that appears in those images. Finally, we proceeded to our final considerations, which involved a dialectical articulation between the adopted theory referential and the documental stage that pointed selfies as consumption phenomenon of the self and the other. In fact, on selfies many sides â its finality, its types, the search for the perfect selfie and for likes â we observe the mirroring of consumption societyâs aspects. The perfect selfie, synonym of maximum visibility and likes, shows itself as the âperfectâ integration of consumption ideals through new shapes. The search to capture the otherness eyes through what is familiar: the publicity language, part of Culture Industryâs speech. In the end, the spectacle is craved because became a total existing manner to people and to objects: it has included the social scene. By this mean, we point the relevance of this study to our contemporaneity, especially, to critical social psychology. Still, at this research, itâs uncovered an individual immersed in an homogenizing clime produced by a culture industry exacerbated by Tecnocultura. Therefore, this individualâs output, in other words, the way he chooses to portrait himself, shows this âexistence pedagogyâ or âvision pedagogyâ , on which visibility and existence are, at many times, overlapped.
2

Construindo meninas com capricho: anÃlise dos modelos de feminilidades da marca Capricho na seÃÃo Instagram da leitora

SHAMARA PAIVA MENDES 00 June 2018 (has links)
nÃo hà / Esta pesquisa intenta analisar, sob o viÃs teÃrico frankfutiano, as construÃÃes de modelos de feminilidades produzidas e divulgadas atravÃs dos conteÃdos de Ca pricho, no site da Editora Abril, a partir da seÃÃo Instagram da Leitora, afim de entender de que modo se delineiam as [des][re]construÃÃes de feminilidades forjadas nesses espaÃos. Capricho, como marca, produzirà novas significaÃÃes e delinearà a imagem d e cumplicidade entre consumidora e marca, criando um processo de identificaÃÃo das consumidoras aos modelos de feminilidades que por ela sÃo apregoados. Foram analisadas 187 fotografias da seÃÃo Instagram da Leitora entre os meses de maio de 2015 e maio de 2016, alÃm da anÃlise dos prints da seÃÃo no site da editora Abril. Problematizou - se os posicionamentos e recortes feitos por Capricho a partir do material disponibilizado pelas jovens e utilizados na seÃÃo. A partir da anÃlise foi possÃvel identificar mo delos de feminilidades e corpo com um padrÃo acerca do que se esperava das publicaÃÃes das jovens. Inicialmente, optamos por agrupar as publicaÃÃes a partir dos tipos de fotografias em uma ficha de catalogaÃÃo que permitisse conhecer a quantidade de fotogr afias selecionadas por tipo, tais como selfies , fotos acompanhadas, fotos de paisagens, comidas, animais, etc. A partir da ficha de catalogaÃÃo foi possÃvel apontar quais imagens e textos da seÃÃo se adequavam aos objetivos da pesquisa. ApÃs a sistematizaà Ão e anÃlise do material, identificamos que os perfis das jovens sÃo catalogados e expostos a partir da prerrogativa de adequaÃÃo aos ideias da marca e que os critÃrios de publicaÃÃo fazem referÃncia direta a um corpo magro e bonito. Hà ainda a imagem de q ue Capricho legitima o empoderamento feminino e que os discursos, de boa parte desses perfis, diz de uma busca por aceitaÃÃo do prÃprio corpo e autonomia, todavia esse discurso de empoderamento se perde em meio aos ditames de ter um corpo âsaudÃvelâ e magr o, aceito pela jovem como o âÃâ, mas lapidado por exercÃcios, dietas e filtros que ressaltem as partes do corpo que nÃo precisariam de ajustes, como olhos, cabelos, pernas. As fragmentaÃÃes do corpo estÃo presentes em muitas fotografias selecionadas e most ram o corpo e as feminilidades marcados pelo servilismo e dependÃncia aos modelos ali propagados em um esforÃo constante para adequaÃÃo. Por fim, observamos, que apesar de haver uma tentativa de resistÃncia pelas jovens, os discursos e fotografias sÃo coop tados e utilizados para novos assujeitamentos.
3

Playground virtual e indÃstria cultural: um estudo frankfurtiano acerca do consumo das novas tecnologias na infÃncia / Virtual playground and cultural industry: a Frankfurtian study on the consumption in childhood of new technologies.

DÃbora Cavalcante de Figueiredo 29 June 2017 (has links)
FundaÃÃo Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Cientifico e TecnolÃgico / Na sociedade contemporÃnea, constantemente sÃo lanÃados pelo mercado aparelhos eletrÃnicos informatizados direcionados ao pÃblico infantil, que passa a ter um contato cada vez mais crescente e precoce com toda a mÃdia publicitÃria virtual, via indÃstria cultural Assim, suportes eletrÃnicos sofisticados, a exemplo dos tablets e smartphones, proliferam-se rapidamente no universo infantil sob a forma de entretenimento. Diante disso, buscamos, com o presente trabalho, analisar as estratÃgias utilizadas pela indÃstria cultural para estimular o uso das novas tecnologias na infÃncia, bem como refletir acerca das implicaÃÃes psicossociais decorrentes do contato precoce com esses aparatos tecnolÃgicos, no contexto da sociedade de consumo contemporÃnea, tendo como preocupaÃÃo especial o modo como a experiÃncia na infÃncia à afetada. Para tanto, utilizamos como eixo teÃrico-metodolÃgico os pensadores da Escola de Frankfurt. Ao proporem uma anÃlise teÃrico-crÃtica da cultura, a partir de uma metodologia que privilegia uma abordagem microlÃgica de aspectos representativos da sociedade, deram-nos subsÃdios para (re)pensar a influÃncia da mÃdia informatizada no universo infantil. Em termos de estratÃgias metodolÃgicas, analisamos os filmes Angry Birds e Hotel TransilvÃnia 2, considerados exemplos paradigmÃticos que apontam para o interesse da indÃstria cultural em manter as crianÃas cada vez mais conectadas e desejosas de seus produtos. Foram tambÃm analisadas algumas peÃas publicitÃrias, promoÃÃes mercadolÃgicas, jogos e produtos direcionados ao pÃblico infante, considerando a intensidade dos estÃmulos mercadolÃgicos e o modo de dirigir-se ao pÃblico infantil. A partir desse material procuramos identificar as possÃveis implicaÃÃes psicossociais na vida das crianÃas que, cada vez mais cedo, tÃm utilizado dispositivos eletrÃnicos portÃteis em diversas situaÃÃes em seu cotidiano, em especial em seus momentos de lazer â locus de observaÃÃo privilegiada desta pesquisa. As reflexÃes finais apontaram para trÃs elementos relevantes na relaÃÃo da crianÃa com a mÃdia informatizada: a inserÃÃo da crianÃa no mercado atravÃs da tecnocultura - versÃo atualizada da indÃstria cultural - tornando-a alvo privilegiado dos interesses mercantis; a escassez de tempo, em face das inÃmeras atividades extra-curriculares em que os artefatos tecnolÃgicos se fazem onipresentes e o consequente excesso de estÃmulos virtuais, daà advindos. Em face desses elementos, o tempo da crianÃa tende a ser preenchido por telas em detrimento da relaÃÃo com o outro, com os pais, com os amigos e da prÃpria experiÃncia consigo mesma, gerando um enfraquecimento da experiÃncia com sentido e uma pauperizaÃÃo dos vÃnculos afetivos.
4

DialÃtica Negativa: formaÃÃo e resistÃncia em Theodor Adorno / Negative Dialectics: resistance and education in Theodor Adorno

Solon Sales Lemos 29 July 2013 (has links)
nÃo hà / O trabalho que ora desenvolvemos reflete sobre o processo de formaÃÃo em Theodor Adorno a partir da sua proposta de reformulaÃÃo do mÃtodo dialÃtico clÃssico transformando-o em uma DialÃtica Negativa Partindo do pressuposto de que jamais em momento algum da histÃria o homem pÃde contar com tantas realizaÃÃes tecnolÃgicas e cientÃficas e nunca se soube tanto sobre os astros celestes ou o domÃnio da natureza e que paralelo a todas essas realizaÃÃes nunca houve tanta misÃria em todas as suas dimensÃes violÃncia e exploraÃÃo do homem pelo homem refletir-se-à juntamente com Adorno sobre o verdadeiro papel da razÃo no presente contexto histÃrico se como instrumento a serviÃo do capitalismo tardio ou como finalidade do agir humano que busca libertar-se dos grilhÃes de uma âsociedade administradaâ Na esteira destas reflexÃes faz-se necessÃrio buscar o lugar que deve hoje ocupar a filosofia no entendimento real do que venha a ser o esclarecimento humano como meio para a formaÃÃo de indivÃduos autÃnomos O caminho percorrido pela ciÃncia nos trilhos da ârazÃo instrumentalizadaâ do capitalismo industrial tardio tem reduzido os homens a coisas de tal forma que a barbÃrie dos campos de concentraÃÃo nazista atesta o horror a que se destina uma sociedade semi-formada, uma vez que os mecanismos psicolÃgicos e economicamente estruturados que levaram a Aushiwitz nÃo ficaram para trÃs mas resistem hoje sobre outras formas de perseguiÃÃo e violÃncia como o racismo reificaÃÃo da classe operÃria e discriminaÃÃo de minorias etÃrias socioeconÃmicas e religiosas sà para citar algumas Na busca de superaÃÃo dessa condiÃÃo mecanizada e impessoal das sociedades capitalistas atuais Adorno apresenta como mÃtodo e contraponto a toda essa estrutura burguesa do capitalismo tardio sua DialÃtica Negativa na qual por meio de uma razÃo crÃtica se reformularà a trajetÃria da filosofia ocidental retomando o instante em que esta se perdeu em conceitos metafÃsicos e absolutizantes e que agora deve retomar seu curso enquanto conhecimento capaz de possibilitar ao homem a passagem de uma condiÃÃo heterÃnoma a uma condiÃÃo autÃnoma atravÃs da resistÃncia da nÃo-identificaÃÃo ao sistema capitalista tardio / The work we now have developed reflects on the process of education in Theodor Adorno from its proposed revision of the classic dialectic method transforming it into a Negative Dialectics Assuming that never at any time in history a man could tell so many achievements scientific and technological and never knew much about the heavenly bodies or the domain of nature and that parallel to these achievements has never been so much poverty in all its dimensions violence and exploitation of man by man will reflect along with Adorno on true role of reason in this historical context as an instrument in the service of late capitalism or the purpose of human action that seeks to free itself from the shackles of an " administered society " in the wake of these reflections it is necessary to seek the place it should occupy today philosophy on real understanding of what will be the human enlightenment as a means for the formation of autonomous individuals the path taken by science in the tracks of " instrumental reason " late industrial capitalism has reduced men to things such that the barbarity of Nazi concentration camps attest to the horror that is meant a society semi - formed , since the psychological mechanisms and economically structured that led to Aushiwitz not left behind but endures today on other forms of harassment and violence as racism reification class workers and discrimination against religious minorities and socioeconomic groups to name a few in seeking to overcome this condition mechanized and impersonal capitalist societies current method presents as Adorno and counterpoint to all this bourgeois structure of late capitalism in which his Negative Dialectics by reason critical if reshape the trajectory of Western philosophy resuming the moment this is lost on metaphysical concepts and absolutizantes and now must resume its course while knowledge to enable man to pass a condition heteronomous to an autonomous status through the resistance of non- -identification system late capitalist
5

Filosofia, tÃcnica e indÃstria cultural: implicaÃÃes à educaÃÃo em Theodor Adorno / Philosophy, technique and cultural industry: implications to education in Theodor W. Adorno

Pedro RogÃrio Sousa da Silva 25 April 2012 (has links)
Conselho Nacional de Desenvolvimento CientÃfico e TecnolÃgico / CoordenaÃÃo de AperfeÃoamento de Pessoal de NÃvel Superior / Em linhas gerais, o presente trabalho tece primeiramente algumas consideraÃÃes em torno da formaÃÃo cultural, educacional, filosÃfica e artÃstica de Theodor Adorno. Aborda a Filosofia da DialÃtica negativa (Negative dialektik) e a afluÃncia de conceitos psicanalÃticos no mesmo autor. Outro ponto de investigaÃÃo diz respeito à tÃcnica e ao seu enquadramento pela razÃo instrumental, ou seja, trata-se de uma forma de racionalidade que apareceu como um dos instrumentos de dominaÃÃo utilizados no contexto do capitalismo tardio administrado. Ademais, procura-se aqui detectar e descrever algumas de suas consequÃncias para o campo esportivo e educacional dos indivÃduos. Visa-se ainda investigar um dos mais importantes conceitos da obra de Adorno, a âindÃstria culturalâ (Kulturindustrie). Neste sentido, localizamos esta indÃstria em sua obra, mais especificamente nos seus trabalhos de natureza sociocultural, como, por exemplo, a DialÃtica do Esclarecimento (Dialektik der AufklÃrung) e a Teoria EstÃtica (Ãsthetische Theorie). Por fim, analisamos a relaÃÃo entre indÃstria cultural, ideologia e fetichismo e suas consequÃncias para a arte e a educaÃÃo. / In general terms, this paper presents, firstly, some considerations about the cultural, educational, philosophical and artistic formation of Theodor Adorno. It approaches the philosophy of Negative Dialectics (Negative dialektik) and the affluence of psychoanalytic concepts in the same author. Another area of research concerns the technique and its environment by instrumental reason, i.e. it is a form of rationality that appeared as an instrument of domination used in the context of late administered capitalism. Furthermore, we seek to detect and describe here some of its consequences for the field of sports and educational subjects of individuals. We also aim to investigate one of the most important concepts in Adornoâs work, the "cultural industry" (Kulturindustrie). In this sense, we find such industry in his work, more specifically in his sociocultural studies, such as, the Dialectic of Enlightenment (Dialektik der AufklÃrung) and Aesthetic Theory (Ãsthetische Theorie). Finally, we analyze the relationship between cultural industry, ideology and fetishism and their consequences for art and education.
6

RazÃo instrumental e consumo na internet - um estudo sobre a publicidade na web 2.0 / Instrumental reason and consumption on the internet - a study on advertising on web 2.0

Thassio Queiroz de Araujo 12 July 2016 (has links)
CoordenaÃÃo de AperfeÃoamento de Pessoal de NÃvel Superior / O surgimento da Web 2.0 demarcou uma transformaÃÃo radical no uso da web, na medida em que permitiu aos usuÃrios passarem de meros consumidores a tambÃm produtores de conteÃdo, assim como lhes concedeu um maior controle sobre os conteÃdos que acessam. Com isso, diversas plataformas de conteÃdo livre surgiram e conquistaram rÃpida adesÃo em todo o mundo. Estas plataformas (como redes sociais, sites de compartilhamento de vÃdeo e blogs) logo passaram a ser buscadas por publicitÃrios como soluÃÃo para o franco declÃnio em que se encontravam suas tÃcnicas tradicionais de anÃncio na internet devido ao seu carÃter aversivo para os usuÃrios. Todavia, a fim de conquistar a atenÃÃo dos internautas sem que os anÃncios fossem percebidos enquanto tais, os publicitÃrios passaram a buscar tÃcnicas nÃo-intrusivas de marketing, como o marketing invisÃvel, o marketing de guerrilha e a publicidade nativa. A publicidade passa, assim, a invadir e se confundir com o prÃprio conteÃdo veiculado nessas plataformas, a partir de contratos comerciais com os autores desses conteÃdos, que nem sempre sÃo revelados ao pÃblico. Em face disso, este estudo procurou investigar a transformaÃÃo de um tipo dessas plataformas â os blogs â de livres para comerciais. Mais especificamente, consistiu em uma pesquisa qualitativa, de natureza teÃrico-empÃrica e que adotou como referencial teÃrico a Escola de Frankfurt, a fim de investigar manifestaÃÃes da racionalidade instrumental em blogs patrocinados. Utilizando como tÃcnica a pesquisa documental e partindo principalmente da contribuiÃÃo de autores como Adorno, Horkheimer e Marcuse, foi estudada a atualidade de alguns conceitos como razÃo instrumental, indÃstria cultural e homem unidimensional, tendo como horizonte as formas contemporÃneas de dominaÃÃo, que cada vez mais se apresentam como gratificaÃÃo, sendo, desse modo, imperceptÃveis e mesmo desejadas pelos indivÃduos. Os blogs patrocinados, ao enganarem seus seguidores omitindo a natureza comercial de algumas de suas publicaÃÃes, reproduzem esse processo mistificador, que vai de encontro ao propÃsito do esclarecimento, que à o de emancipar os homens de qualquer forma de dominaÃÃo. Esta pesquisa constatou que a razÃo instrumental se manifesta de diversas maneiras nos blogs patrocinados, desde a âvendaâ da audiÃncia para os patrocinadores e da reformulaÃÃo estÃtica dos blogs e das publicaÃÃes atà a utilizaÃÃo de tÃcnicas sutis de persuasÃo para induzir os visitantes dos blogs ao consumo dos produtos escolhidos pelos anunciantes. Essa persuasÃo, todavia, se dà mantendo-se a impressÃo de autonomia da escolha do usuÃrio, que ignora o estratagema arquitetado para o seu convencimento, de modo que a subjetividade continua a ser utilizada como um instrumento para a consecuÃÃo dos fins da publicidade. / The outbreak of Web 2.0 delimited a radical transformation in the use of the web, as it enabled the usersâ passage from mere consumers of content to also producers, as well as granted them greater control over the contents they accessed. That was followed by the birth of several free content platforms, which quickly gained acceptance by users all over the world. Those platforms (such as social networks, video sharing websites and blogs) soon started to be sought by advertisers as an answer to the declining trend in which their traditional promotion techniques found themselves due to their unwantedness by users. However, in their purpose to get internet usersâ attention without their ads being spotted as such, advertisers started to seek nonintrusive marketing techniques, such as invisible marketing, guerrilla marketing and native advertising. Advertising then starts to invade and blend itself with the very content displayed in those platforms, by means of commercial contracts with the authors of that content, which is not always disclosed to their audience. This study aimed to investigate the transformation of one kind of those platforms â namely, blogs â from âfreeâ into commercial platforms. More specifically, it consisted in a qualitative research, both theoretical and empirical, whose theoretical framework of reference was the School of Frankfurt, and sought to investigate manifestations of the instrumental rationality in sponsored blogs. Using documentary research as technique and building on the contribution of authors such as Adorno, Horkheimer and Marcuse, this research studied the presentness of some concepts such as instrumental rationality, culture industry and one-dimensional man, considering contemporary forms of domination, which increasingly present themselves as gratification, thus being imperceptible or even desired by individuals. Sponsored blogs, when deceiving their followers by omitting the commercial nature of some of their posts, reproduce this mystificatory process, which is opposed to the purpose of enlightenment, that is, of emancipation of men from any form of domination. This research verified that instrumental rationality manifested itself in several ways in sponsored blogs, since the âsellingâ of the audience to sponsors and the aesthetic reformulation of blogs and posts to the usage of subtle persuasion techniques to induce the visitors of blogs to consume wares which were chosen by the advertisers. This persuasion, however, takes place while keeping the impression of autonomy of choice by the users, who ignores the stratagem plotted to convince them, so that subjectivity is still used as an instrument by advertising to accomplish its goals.
7

O currÃculo cultural da sÃrie malhaÃÃo: desvelando aspectos pedagÃgicos endereÃados à juventude. / The cultural curriculum of tv series MalhaÃÃo : revealing those pedagogic aspects addressed to the youth.

Ana Carmita Bezerra de Souza 26 January 2007 (has links)
Conselho Nacional de Desenvolvimento CientÃfico e TecnolÃgico / O estudo do currÃculo cultural evidencia que a formaÃÃo humana nÃo acontece apenas nas tradicionais instituiÃÃes de educaÃÃo. Desde meados do sÃculo XX a indÃstria cultural participa efetivamente na elaboraÃÃo das identidades e subjetividades, e, assim, soma-se a outras instÃncias sociais (famÃlia, igreja, e escola). TelevisÃo, rÃdio, imprensa, indÃstria fonogrÃfica, publicidade e Internet oferecem artefatos culturais que atuam de maneira incisiva na educaÃÃo dos sujeitos contemporÃneos. Nesta pesquisa objetivei analisar a sÃrie MalhaÃÃo, exibida pela Rede Globo de TelevisÃo hà quase 12 anos, considerando-a operadora de um currÃculo cultural, com temÃticas e prÃticas pedagÃgicas que colaboram na constituiÃÃo do habitus juvenil. Verifiquei apresentaÃÃes de sexualidade e gÃnero; demonstraÃÃo de um conceito de beleza humana; caracterizaÃÃo das relaÃÃes Ãtnicas; uso da puniÃÃo como estratÃgia pedagÃgica; e a inserÃÃo do enredo na estrutura social e econÃmica. Adotei um mÃtodo do tipo etnogrÃfico virtual e tomei a praxiologia de Bourdieu como principal referencial â o que implicou fazer emergir da prÃtica dos sujeitos as categorias analÃticas e conceituais. Devido à amplitude das temÃticas, adotei uma postura teÃrica multirreferenciada. Para as anÃlises foram utilizadas imagens, falas e fatos da narrativa que colaborassem no esclarecimento dos temas selecionados. Em sÃntese, a MalhaÃÃo, exibe um projeto pedagÃgico velado, que objetiva a formaÃÃo do jovem consumidor, heterossexual, domesticado e que para ser belo necessita ser branco, novo e esbelto â fatos que caracterizam o currÃculo cultural como um caso tÃpico da semiformaÃÃo, que, para Adorno consiste na alienaÃÃo das consciÃncias, provocada pelas mercadorias da indÃstria cultural.
8

Habitus e formaÃÃo musical de adolescentes: um estudo com estudantes da escola pÃblica

Yure Pereira de Abreu 00 September 2018 (has links)
nÃo hà / Esse trabalho à o resultado de uma pesquisa de natureza qualitativa que teve como objetivo geral compreender as influÃncias do Habitus Musical, constituÃdo e incorporado, na formaÃÃo musical de adolescentes estudantes do primeiro ano do ensino mÃdio de uma escola em Fortaleza/CE. Apesar da mÃsica ser conteÃdo curricular obrigatÃrio do componente curricular Artes, de acordo com a Lei 13.278/2016, na prÃtica muitos adolescentes ainda nÃo tem acesso ao conhecimento musical de maneira formal, atravÃs do currÃculo escolar, visto que a lei ainda nÃo à adequadamente cumprida. Assim, à necessÃrio analisar as trajetÃrias de vida e formaÃÃo musical desses jovens, uma vez que entender esse processo formativo implica, de certa maneira, em compreender a cultura musical deles. Como aporte teÃrico, empregaram-se nesse trabalho os conceitos de Habitus, Campos e Capitais da Praxiologia de Pierre Bourdieu (2011), a teoria da ReproduÃÃo do Sistema Escolar de Bourdieu e Passeron (2014), da Cultura de Massas de Edgar Morin (2011) e da IndÃstria Cultural de Adorno e Horkheimer (1985) na busca de compreender as influÃncias do Habitus Musical, constituÃdo e incorporado, na formaÃÃo musical de adolescentes estudantes do primeiro ano do ensino mÃdio de uma escola em Fortaleza/CE; de caracterizar o Habitus Musical, constituÃdo e incorporado, desses adolescentes; de compreender as influÃncias da FamÃlia, da Escola e da IndÃstria Cultural nas escolhas e nos acÃmulos dos capitais sociais e culturais para a formaÃÃo do gosto musical; e, por fim, compreender como o Habitus Musical influencia na formaÃÃo musical destes adolescentes. Essa investigaÃÃo possui carÃter descritivo e utilizou como estratÃgia de pesquisa o Estudo de Casos MÃltiplos, tendo como instrumento de coleta de dados a observaÃÃo do cotidiano de uma turma de estudantes de uma escola pÃblica em Fortaleza-CE, a aplicaÃÃo de questionÃrios e a realizaÃÃo de entrevistas semi-estruturadas. Como resultado, foi possÃvel perceber que as poucas vivÃncias em mÃsica, atravÃs do currÃculo formal, dentro da escola foi um fator preponderante para que as mÃdias, projetos sociais, ONG, igrejas e as famÃlias ganhassem uma maior importÃncia nesse processo de formaÃÃo. Desta maneira, essas instÃncias assumem o papel de agÃncias de cÃmbio de capitais, influenciando de forma decisiva a formaÃÃo musical desses adolescentes.
9

Pessoal do CearÃ: formaÃÃo de um habitus e de um campo musical na dÃcada de 1970. / Pessoal do CearÃ: formation of a musical field and habitus in the 70âs

Pedro RogÃrio 19 December 2006 (has links)
FundaÃÃo Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Cientifico e TecnolÃgico / FundaÃÃo de Amparo à Pesquisa do Estado do Cearà / A presente dissertaÃÃo analisa as trajetÃrias dos membros de um grupo de intelectuais e artistas para compreender a formaÃÃo do seu gosto musical. Na dÃcada de 70, esse grupo ficou conhecido como âPessoal do CearÃâ. O trabalho evidenciou que as opÃÃes estÃticas foram definidas por idÃias transmitidas pela escola, famÃlia, indÃstria cultural e se diversificaram na multirreferencialidade da educaÃÃo dos integrantes. A investigaÃÃo empregou os conceitos de habitus, capital e campo social para identificar as coincidÃncias na formaÃÃo dos sujeitos, suas convergÃncias para espaÃos comuns, a partilha de projetos, idÃias e a formaÃÃo de parcerias. Este trabalho estudou a origem familiar dos sujeitos, seus processos de formaÃÃo escolar e extra-escolar, suas reuniÃes nos ambientes da Universidade Federal do CearÃ, suas aÃÃes nos festivais e programas de televisÃo e concluiu com os primeiros registros fonogrÃficos nas grandes gravadoras do Rio de Janeiro e SÃo Paulo; verificou a formaÃÃo de um habitus musical forjado na diversidade e constituidor de um sub-campo musical conhecido como âPessoal do CearÃâ. / The dissertation analyzed the paths of the members of a group of intellectuals and artists (known in the decade of 70 as "Pessoal do CearÃ") to understand the formation of his musical taste. The work studied the family origin of the subjects, their processes of school and extra-school formation, their meetings in the atmospheres of the Federal University of CearÃ, their actions in the festivals and television programs, and their first musical registrations at the big recording companies of Rio de Janeiro and SÃo Paulo. The investigation used the concepts of habitus, capital and social field to identify the coincidences in the formation of the subjects, his convergence for common spaces, the sharing of projects and ideas, and the formation of partnerships. Concluded verifying the formation of a musical habitus, wrought out in the diversity of living experiences, and creator of the musical sub-field known as "Pessoal do CearÃ".

Page generated in 0.1165 seconds