• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 10
  • Tagged with
  • 10
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Nós já somos uma família, só faltam os filhos

Amorim, Anna Carolina Horstmann January 2013 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social, Florianópolis, 2013 / Made available in DSpace on 2013-12-05T22:43:26Z (GMT). No. of bitstreams: 1 317908.pdf: 1048102 bytes, checksum: 0be6e4d7c31839aba386348f6902d04c (MD5) Previous issue date: 2013 / Esta etnografia busca apresentar reflexões preocupadas com a parentalidade homossexual e com as relações de parentesco forjadas e remodeladas através da reprodução assistida. Neste sentido, problematizo o modo como a conjugalidade homossexual, a homoparentalidade e as novas configurações familiares complexificam o debate que tange a reprodução assistida e o corrente entendimento do que seja natural na reprodução humana, nos obrigando, assim, a repensar as categorias básicas do nosso parentesco. Em sintonia, o interesse central desta pesquisa é a maneira como lésbicas que procuram por novas tecnologias reprodutivas estão construindo, remodelando, classificando e pensando o modelo estabelecido de parentesco, parentalidade e família. O esforço deste trabalho foi o de atar diferentes lados e ambigüidades a respeito da temática presente nas trajetórias de vida, discursos, notícias, blogs e comunidades de redes sociais. A possibilidade de não ver as relações sociais como uma via de mão única animaram este caminho. Destaco que a família homoparental não é apenas uma tentativa de assemelhar-se a um modelo vigente. É antes outra coisa, um processo complexo que necessita investigação já que as práticas parentais são mais que simples conseqüências dos valores do casal, estando sujeitas às pressões da rede familiar mais ampla, de colegas de trabalho e amigos. Tais desejos por filiação também são exemplares de uma estratégia coerente que visa dar à conjugalidade homossexual legitimidade perante a sociedade que continua materializando este arranjo familiar em um recorte stigmatizado. As interlocutoras deste trabalho são casais formados por mulheres lésbicas que procuram ou que já realizaram o procedimento de reprodução assistida <br>
2

Relatos imaginários :

Dias, Edmilson Antonio January 1998 (has links)
Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. / Made available in DSpace on 2012-10-17T05:48:07Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T23:35:49Z : No. of bitstreams: 1 151630.pdf: 3542114 bytes, checksum: c7cd41fb20a49a4bfe746962d727b229 (MD5)
3

Letramento e tradução no espelho de Oxum

Santos, Tatiana Nascimento dos January 2014 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, Florianópolis, 2014. / Made available in DSpace on 2015-02-05T20:22:56Z (GMT). No. of bitstreams: 1 331961.pdf: 1356928 bytes, checksum: 3584cff030a916a5468858dcc64f602c (MD5) Previous issue date: 2014 / A baixa tradução de feministas lésbicas negras no Brasil me leva a traduzir Audre Lorde, Uses of the erotic: the erotic as power e Poetry is not a luxury; Cheryl Clarke, Intimacy no luxury e We are everywhere; e Doris Davenport, Black lesbians in academia: visible invisibility. Primeiro discuto a importância desses textos para a formação ativista, intelectual e subjetiva de ativistas negras lésbicas em formação acadêmica. Penso tradução como política de letramento lésbico negro feminista. Daí, analiso as traduções com Barbara Godard e Sonia Alvarez, que pensam escrita e tradução feminista como transformação crítica do falogocentrismo e tráfico epistêmico na diáspora afro-latino-americana. Logo, miro a poesia como episteme cara à diáspora afro-americana; e me volto à mito-metáfora do caso entre Oxum e Iansã para pensar esses textos como pedagogias textuais/sexuais ancestrais da lesbiandade negra diaspórica. Por fim, vejo Oxum e seu espelho, o abebé, como modelo de autoconhecimento que chama uma mirada para dentro, para si. Junto à genealogia matrilinear de Pilar Godayol, o abebé surge como metáfora de teorias lésbicas negras e suas traduções compartilhadas pela palavra na diáspora afro-americana, em que o texto de uma outra permite o mergulho em mim mesma para mais sentir minha própria lesbiandade negra.<br> / Abstract : The lack of translation projects regarding Black lesbian feminist theories in Brazil inspired me to translate to Brazilian Portuguese the following titles: Audre Lorde's Uses of the erotic: The erotic as power, and Poetry is not a luxury; Cheryl Clarke's Intimacy no luxury, and We are everywhere; and Doris Davenport's Black lesbians in academia: visible invisibility. First of all I address the importance of these contributions considering the political, intellectual and subjective upbringings of black lesbian activists, for my translation motivations are intertwined with black lesbian feminist literacy. Later on I analyze my translations approaching Barbara Godard and Sonia Alvarez's theories concerning the critical transformation of the phalogocentrism on feminist writings and translations (Godard), as well as the thoughts on epistemic traffic within Afro-Latin-American diaspora (Alvarez). I then discuss poetry as an epistemology to which the Afro-American diaspora is fond of, which later leads me towards the mythical metaphor of the sexual affair between the Orishas Oxum and Yansã within which I analyze the texts as ancient textual/sexual pedagogies of Black lesbian diaspora. I finally suggest that Oxum and her mirror abebé can be referred to as a model for self acknowledgement, one that invites a person to look inside herself. Once combined with the matrilineal genealogy proposed by Pilar Godayol, abebé rises as a metaphor for Black lesbian theories and their translations, which are wordily shared in the Afro-American diaspora. These entanglements between feminist theories and the metaphorical approaches to the Orisha's myths within my translations allow me to dive deep within myself in order to tactilely and sensibly experience to my own black lesbianism.
4

Lésbicas, família de origem e família escolhida: um estudo de caso / Lesbians, family of origin and family of choise: a case study

Cancissu, Cynthia Regina Pemberton 23 April 2007 (has links)
Made available in DSpace on 2016-04-28T20:39:29Z (GMT). No. of bitstreams: 1 cynthia.pdf: 217553 bytes, checksum: 7357c857d509e3bf631937c16f600b37 (MD5) Previous issue date: 2007-04-23 / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico / This study discusses the lesbian relational net, the presence of a family of choice and how these relationships are built. To better understand this phenomenon a qualitative research was made with a case study and a semi-structured interview. The person whose case was used was a homosexual woman, out of the closet, older than 30 and who had lived more than one important homosexual romantic relationship. The study also discusses matters as the construction of the homosexual identity, the process of coming out, especially for the family of origin, the relationship between the homosexual and his family of origin and the construction of new relationships, specially the ones within the lesbian community. This study demonstrated the difficulties the individual lives when facing its own homosexuality and the distress she has when coming out for her family of origin. The family s reactions leads the participant in a search for a supporting net, found in the lesbian community. Since than, she starts the construction of a new set of relationships, friendships, romantic and ex-lovers relations that together will form her family of choice. At the same time, the relationship with her family of origin passes through several changes until full acceptance of her homosexuality. Finally, these relational net and the family of origin are blended to form her family of choice that reflects the complexity of these relationships / O presente estudo discute a rede de relacionamento lésbico, a presença de uma família escolhida e como se constrói esta rede de relacionamentos. Para chegar a uma possível compreensão deste fenômeno, realizou-se uma pesquisa qualitativa com delineamento de estudo de caso e entrevista semi-estruturada. O caso escolhido para o estudo foi o de uma mulher homossexual assumida, com mais de 30 anos de idade e com a vivência de mais de um relacionamento amoroso homossexual significativo. No estudo, foram abordados elementos vinculados à aceitação da própria homossexualidade, processo do assumir-se, especialmente para a família de origem, a relação com esta e a construção de novos relacionamentos, destacando-se o relacionamento com a comunidade lésbica. A pesquisa evidenciou a dificuldade vivida para se aceitar como homossexual, bem como assumir-se para a família de origem. Diante da reação desta, a participante sai em busca de uma rede que a apóie, e a encontra na comunidade lésbica; Desde então, passa a construir novos relacionamentos, amizades, relacionamentos amorosos e relacionamentos com ex-parceiras, que vão compor sua nova família. Ao mesmo tempo, a relação com sua família de origem passa por diversas mudanças até a aceitação total de sua homossexualidade. Finalmente, rede de relacionamentos e família de origem unem-se para formar uma família escolhida que reflete uma rede complexa de relacionamentos
5

Amor sem vergonha trajetórias pessoais e vida conjugal entre gays e lésbicas na comunidade do Ratones, Ilha de Santa Catarina

Córdova, Luiz Fernando Neves January 2000 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. / Made available in DSpace on 2012-10-17T19:43:46Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2014-09-25T16:54:28Z : No. of bitstreams: 1 170644.pdf: 5114786 bytes, checksum: e89006b5a0c541c69cff91ac48bc3f24 (MD5) / Este trabalho é fruto de um estudo de caso com casais de gays e lésbicas, moradores de uma antiga freguesia do município de Florianópolis. Para tanto, realizou-se uma etnografia do lugar, bem como entrevistas em profundidade com oito sujeitos, com o objetivo de analisar os modos de vida e estratégias de conjugalidade que constituíram para si ao longo de suas trajetórias. Trata-se de sujeitos que norteiam suas relações sociais e amorosas a partir de modelos e valores tradicionais, baseados no ideal do amor romântico, apoiado em padrões acentuados de fidelidade, honestidade e lealdade dos parceiros na união conjugal. As relações sociais que estabelecem com os moradores nativos do local onde vivem são pautadas em vínculos de trocas solidárias e discrição quanto à orientação sexual. A preservação da intimidade no limite da moradia e das relações com o grupo de pares mantém estes sujeitos 'protegidos'dos preconceitos que usualmente os atingem quando sua orientação sexual é "revelada".
6

Encontros prazerosos

Godoy, Rosane Maria de January 2001 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas / Made available in DSpace on 2012-10-19T06:14:18Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2014-09-25T22:26:00Z : No. of bitstreams: 1 179121.pdf: 24056607 bytes, checksum: 624d834fba03b9e828e16b4ecccf81f4 (MD5) / Esta dissertação pretendeu discutir modos e estilos de vida de mulheres lésbicas em Florianópolis, na tentativa de explicitar algumas de suas práticas, inserções e relacionamentos sociais, tendo como objetivo contribuir para a desconstrução da representação dos modelos heterossexuais como expressão de normalidade. Baseado nos pressupostos do método etnográfico, através de entrevistas gravadas, obteve depoimentos e histórias de vida de dez mulheres homossexuais, moradoras da Grande Florianópolis, com idades entre 22 e 52 anos. A maioria das informantes pertencia às camadas médias, sendo entrevistadas também mulheres oriundas de camadas populares. Algumas destas mulheres tinham concedido entrevistas para estudo desenvolvido anteriormente, o que facilitou a formação de uma rede de informantes e uma convivência estreita entre elas e a pesquisadora, na realização do trabalho empírico. Procurando "escutar as vozes" destas mulheres e problematizar seus relatos, este estudo demonstrou a diversidade de modos e estilos de vida das mulheres entrevistadas
7

O armário na escola

Novo, Arthur Leonardo Costa January 2015 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social, Florianópolis, 2015. / Made available in DSpace on 2016-05-24T17:50:18Z (GMT). No. of bitstreams: 1 338995.pdf: 1400181 bytes, checksum: 3a9941a61a546ae69f122d943e2ad8d1 (MD5) Previous issue date: 2015 / Esta dissertação discute as condições de visibilidade de professoras lésbicas e professores gays nas escolas da rede de educação básica e a forma como essas pessoas negociam a sua posição de desviantes da heterossexualidade nas relações que estabelecem com colegas docentes e estudantes. As reflexões aqui desenvolvidas nos alicerces da Antropologia Social são fruto de uma articulação entre observações de campo etnográfico multisituado e análises das narrativas elaboradas pelas/os interlocutoras/es da pesquisa para significar suas experiências. O texto se estruturou em cinco eixos que buscam descrever a forma como essas/es professoras/es articularam sua homossexualidade com os campos de possibilidades do sistema escolar, destacando a importância de outros marcadores sociais da diferença, como gênero, classe e raça/etnia, na configuração de seus projetos de carreira docente. Aborda o contexto político e social que circunscreve essas experiências enquanto situadas historicamente e o modo como as questões LGBT têm sido tratadas na escola; os processos de socialização dessas pessoas enquanto estudantes e a importância das vivências no espaço universitário na ressignificação da homossexualidade; os processos de empoderamento pela militância LGBT e pela formação teórica em gênero e sexualidades, culminando em uma discussão sobre as dinâmicas de "armário na escola" enquanto mecanismo que institui "regimes de visibilidade" para a homossexualidade dessas/es sujeitas/os. A pesquisa de campo demonstrou que as diferentes possibilidades de ação dessas/es professoras/es nas escolas estão relacionadas com a formação teórica no campo dos estudos de gênero e sexualidades, o engajamento militante e, paradoxalmente, com a habilidade de negociar com elementos da masculinidade e da heterossexualidade.<br> / Abstract : This work discusses the visibility conditions of gay and lesbian teaches who work in schools of middle and high education. To understand how these people negotiate their deviant position from heterosexuality in the relationships they establish with fellow teachers and students was the aim of my research. The reflections developed here, based on the foundations of Social Anthropology, are the result of an articulation between multisited ethnographic field observations and the narrative analysis of interviews with my interlocutors, allowing me to signify their experiences. In the five chapters that follow I describe how these people articulate their homosexuality with their jobs, attempting to how other social markers of difference, such as gender and class, affect their field of possibilities and carrer projects. My work concerns the political and social context that circumscribes these experiences as historically situated and how LGBT issues have been handled at school; socialization processes of these people as students and the importance of experiences within university space to redefine homosexuality; the empowerment processes for LGBT activism and the theoretical training in Gender and Sexuality, culminating in a discussion about the dynamics of "the closet" as a mechanism that establishes visibility regimes to their homosexuality at school. Field research has shown that the different possibilities of action of these teachers in schools are related to the theoretical training in the field of Gender and Sexuality Studies, militant engagement and, paradoxically, with the ability to negotiate with masculinity elements and heterosexuality.
8

[en] SAPATÃO, BOFINHO, BOFE, MACHO, MACHINHO, CAMINHÃO, CAMINHONEIRA: A STUDY ON THE RELATIONSHIP BETWEEN THE NON-FEMME BLACK LESBIAN CONDITION AND INFORMAL EMPLOYMENT / [pt] SAPATÃO, BOFINHO, BOFE, MACHO, MACHINHO, CAMINHÃO, CAMINHONEIRA: UM ESTUDO SOBRE A RELAÇÃO ENTRE CONDIÇÃO LÉSBICA NEGRA DES/INFEMINILIZADA E TRABALHO INFORMAL

DANDARA PINHEIRO HONORATO 11 October 2023 (has links)
[pt] A presente dissertação tem como tema o trabalho informal precarizado utilizado como meio de sobrevivência por trabalhadoras lésbicas negras des/infeminilizadas, cujos efeitos desdobram-se na precarização das suas condições de vida manifesta na falta de acesso à renda e ao trabalho, à saúde pública de qualidade, à assistência social, no histórico de trabalho infantil, no abandono familiar, na situação de privação de liberdade, no racismo estrutural e na atuação do heteropatriarcado. Este trabalho tem por objetivos analisar como as lésbicas negras infeminilizadas, no espaço urbano do Rio de Janeiro, resistem desempenhando atividades precarizadas no âmbito do trabalho informal, compreender suas condições de vida e de trabalho, verificar fatores de desproteção social que precedem a atuação das trabalhadoras lésbicas negras des/infeminilizadas no mercado informal de trabalho e analisar como a lesbofobia, o racismo e a misoginia, enquanto formas de manifestação da violência inerente à sociedade capitalista, racista e heteropatriarcal, estão presentes no cotidiano das trabalhadoras lésbicas negras des/infeminilizadas. Para tanto, foram realizadas entrevistas semiestruturadas para que as trabalhadoras expusessem como lidam com o trabalho informal e abordassem temas sobre suas condições de vida considerando os elementos precarizantes desse tipo de trabalho. A análise dos dados obtidos tem como referenciais teóricos os estudos sobre precarização no mundo do trabalho, teóricas do feminismo negro e as teóricas lésbicas materialistas e francófonas. Desta forma, a relevância desse estudo se evidencia no olhar para as particularidades dessas trabalhadoras compreendendo suas condições de vida, a partir do trabalho informal precarizado, nas quais foram verificadas vulnerabilidades e desproteções sociais que atingem essas mulheres que não expressam a feminilidade hegemônica, onde também cabe o desejo de construir um futuro com trabalho decente e seguro. / [en] This dissertation focuses on precarious informal employment used as a means of survival by non-femme black lesbian workers, whose effects unfold in the precariousness of their living conditions, manifested in the lack of access to income and work, to high-quality public health, to social assistance, and in a history of child labor, family abandonment, a situation of liberty deprivation, structural racism and the effects of heteropatriarchy in their lives. This study aims to analyze how non-femme black lesbians resist in the urban space of Rio de Janeiro by performing precarious activities in informal employment, as well as to understand their living and working conditions, verify factors of social lack of protection that precede the performance of non-femme black lesbian workers in the informal labor market and analyze how lesbophobia, racism, and misogyny, as forms of manifestation of the violence inherent in a capitalist, racist and heteropatriarchal society, are present in their daily lives. For this purpose, semi-structured interviews were conducted so that the workers could explain how they deal with informal employment and address issues about their living conditions considering the precarious elements of this type of work. The analysis of the data obtained has as theoretical references the studies on precariousness in the world of labor, black feminism, and lesbian materialist and francophone theorists. Thus, the relevance of this study is evident in the focus on the particularities of these workers, understanding their living conditions, from precarious informal employment, in which vulnerabilities and social unprotections that affect these women who do not express hegemonic femininity were verified, which also includes the desire to build a future with decent and safe employment.
9

Homossexualidade, religião e gênero: a influência do catolicismo na construção da auto-imagem de gays e lésbicas

Busin, Valéria Melki 04 November 2008 (has links)
Made available in DSpace on 2016-04-25T19:20:56Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Valeria Melki Busin.pdf: 1089710 bytes, checksum: 34f9009d54f88af6bb218361fc140780 (MD5) Previous issue date: 2008-11-04 / Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de São Paulo / The homosexuality, as well as the inequality between genders, was biologized and naturalized at the end of the eighteenth century, inscribing in the social imaginary the idea, still current, that the "homosexual being " is an essence to which conforms a fixed identity. Considering that religions shape subjectivities, this work investigates how the Catholic religion, predominant in Brazil, contributes to building the self-image of gays and lesbians. Since Catholicism is patriarchal, we inquire into the kind of relationship between the gender inequality present in Catholicism and the formation of the social identity of the homosexuals. For that, we focused on the concepts of identity, gender and religion in their various interconnections, beginning from a foucaultian point of view, also approaching to the social constructionism. The data of the empiric field were collected from two focal groups: one group composed of men, and the other composed of women that declare themselves gays and lesbians respectively. By the conducted theoretical discussions and analysis of focal groups, we found out that Catholicism contributes significantly to the negative perception that gays and lesbians have of themselves by labeling homosexuality as morally illegitimate and by inculcating on the homosexual people, very early in their lives, the concepts of sin, shame and guilt that strongly influence them. We could also conclude that the marks of gender used by the Catholicism to condemn the homosexuality influences in different ways the building up of the gay and of the lesbian identities / A homossexualidade, como a desigualdade de gênero, foi biologizada e naturalizada desde o final do século XVIII, inscrevendo no imaginário social a idéia, ainda hoje vigente, de que o ser homossexual é uma essência a que corresponde uma identidade fixa. Dado que as religiões são modeladoras de subjetividades, o presente trabalho investiga como a religião católica, majoritária no Brasil, contribui para a construção da auto-imagem de gays e lésbicas. Como o catolicismo é patriarcal, buscamos compreender qual é a relação entre a desigualdade de gênero presente na religião católica e a construção da identidade social de homossexuais. Para isso, trabalhamos identidade, gênero e religião em diversas interconexões, partindo de uma perspectiva foucaultiana e aproximando-nos do construcionismo social. Os dados do campo empírico foram obtidos por meio da realização de dois grupos focais, um com homens que se declaram gays e outro com mulheres que se declaram lésbicas. Pelas discussões teóricas e pela análise dos grupos focais, constatamos que o catolicismo contribui de forma significativa para uma percepção negativa que gays e lésbicas têm de si mesmos/as, por inscrever a homossexualidade em um campo de ilegitimidade moral e pela internalização muito precoce das idéias de pecado, vergonha e culpa que marcam fortemente as pessoas homossexuais. Foi possível constatar também que as marcas de gênero presentes na condenação católica da homossexualidade incidem de forma diferenciada sobre a construção da identidade gay e sobre a construção da identidade lésbica
10

[en] BEYOND REPRESENTATION: A SEMIOTIC ANALYSIS OF SAPPHIC REPRESENTATIVENESS IN TV GLOBO SOAP OPERAS / [pt] PARA ALÉM DA REPRESENTAÇÃO: UMA ANÁLISE SEMIÓTICA DA REPRESENTATIVIDADE SÁFICA NAS TELENOVELAS DA TV GLOBO

BEATRIZ GLORIA HOSSMANN 18 April 2023 (has links)
[pt] O estudo da Semiótica é amplamente reconhecido no que tange à compreensão dos símbolos, signos e processos de significação. Apesar disso, ainda existem muitas lacunas na área de Consumer Culture Theory com relação à exploração desse viés teórico-metodológico. O presente estudo tem como objetivo analisar os significados associados às mulheres sáficas em três telenovelas brasileiras da TV Globo de períodos bastante distintos: Torre de Babel (de 1998), Em Família (de 2014) e Um Lugar ao Sol (de 2021). Por meio do embasamento na teoria queer e no diálogo com Judith Butler, torna-se possível compreender e analisar a representatividade das personagens Leila e Rafaela, na primeira telenovela, das personagens Clara e Marina, na segunda telenovela, bem como das personagens Ilana e Gabriela, da mais atual. A presente pesquisa analisa se, ao longo dos anos, vem ou não acontecendo uma transformação dessa representatividade. Também analisa a presença de representações estereotipadas e estigmatizadas que estiveram presentes durante esse percurso histórico. Foi possível concluir que de fato houve um aumento da representatividade. No entanto, ainda existem muitas questões que podem ser modificadas para chegar a uma maior naturalização social e equidade de personagens lésbicas e bissexuais em relação aos que seguem um percurso heteronormativo. Isso porque percebe-se a existência de alguns estereótipos quanto às vivências sáficas, bem como uma não exploração de algumas realidades, mesmo depois de grandes intervalos de tempo entre uma novela e outra. / [en] The study of Semiotics is widely recognized in terms of understanding symbols, signs and signification processes. Despite this, there are still many gaps in the area of Consumer Culture Theory regarding the exploration of this theoretical-methodological bias. In this context, the present study aims to analyze the meanings associated with sapphic women in three Brazilian soap operas of TV Globo from quite different periods: Torre de Babel (from 1998), Em família (from 2014) and Um lugar ao sol (from 2021). Through the foundation in queer theory and dialogue with Judith Butler, it becomes possible to understand and analyze the representativeness of the characters Leila and Rafaela, in the first soap opera, the characters Clara and Marina, in the second soap opera, as well as the characters Ilana and Gabriela, of the most current. This research analyzes whether, over the years, a transformation of this representativeness has been happening, while also analyzing the presence of stereotyped and stigmatized representations that were present during this historical path. It was possible to conclude that there was indeed an increase in representativeness. However, there are still many issues which could be modified in order to achieve greater social naturalization and equity of lesbian and bisexual characters towards others who follow a heteronormative path. This is because one perceives the existence of some stereotypes regarding sapphic experiences, as well as a non-exploration of some realities, even after long intervals of time between one novel and another.

Page generated in 0.049 seconds